EDUARDO PAES
PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO
CLAUDIA COSTIN
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO
REGINA HELENA DINIZ BO...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 1.º, 2.º E 3.º ANOS
ETAPA DOS MATERIAIS SONOROS: Sensibilidade desenvol...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 1.º, 2.º E 3.º ANOS
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 4.º ANO
ETAPA DE EXPRESSÃO GESTOS EXPRESSIVOS: Capacidade de relacionar...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 4.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 4.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 5.º ANO
ETAPA DE EXPRESSÃO (GESTOS EXPRESSIVOS) : Capacidade de relacio...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 5.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 5.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO
ETAPA DA EXPRESSÃO (GESTOS EXPRESSIVOS): Capacidade de relacion...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO
ETAPA DA EXPRESSÃO (GESTOS EXPRESSIVOS): Capacidade de relacion...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 8.º ANO
ETAPA DA FORMA - Mais do que reconhecer e nomear formas pré-est...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 8.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 8.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO
TAPA DA FORMA - Mais do que reconhecer e nomear formas pré-esta...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO
OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES
1.º 2.º 3.º...
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nac...
Orientações curriculares de música SME RJ
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Orientações curriculares de música SME RJ

4.115 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.115
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
466
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
275
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Orientações curriculares de música SME RJ

  1. 1. EDUARDO PAES PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO CLAUDIA COSTIN SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO REGINA HELENA DINIZ BOMENY SUBSECRETARIA DE ENSINO MARIA DE NAZARETH MACHADO DE BARROS VASCONCELLOS COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO REGINA MÁRCIA SIMÃO SANTOS – UNIRIO CONSULTORIA ELISABETE GOMES BARBOSA ALVES MARIA DE FÁTIMA CUNHA COORDENADORIA TÉCNICA LUCIANO CINTRA SILVEIRA SONIA MARIA ALMADA NEIMI REDAÇÃO FINAL MÁRCIA MANDARINO GUAPYASSU DA SILVA SIMPSON BAUMAN VIRGÍNIA ROSA FERREIRA PROFESSORES COLABORADORES RIO DE JANEIRO. Secretaria Municipal de Educação. Orientações Curriculares: Música. Rio de Janeiro, 2013. www.weheartit.com
  2. 2. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 1.º, 2.º E 3.º ANOS ETAPA DOS MATERIAIS SONOROS: Sensibilidade desenvolvida p or materiais sonoros - estar impactado pela sonoridade (o sensorial e o manipulativo). TRANSIÇÃO PARA A ETAPA DE EXPRESSÃO: Expressão pessoal e o vernáculo. OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver atitude de atenção e de escuta do mundo sonoro no cotidiano do meio - ambiente. SONORIDADES: Qualidades dos materiais sonoros: altura, duração, intensidade e timbre. Movimentos sonoros: direção do som, inflexões de altura e saltos. Medidas do tempo musical: ritmo, pulso, tempo e velocidades. Melodias. Criar hábitos de escuta das sonoridades. Escutar/reconhecer sonoridades – as qualidades do material sonoro. Exercitar a escuta nômade, sendo afetada pelas qualidades do material sonoro. X X X X Promover contato com toda a variedade de sons do cotidiano, sendo afetado e afetando com suas escutas (sons da natureza, sons produzidos por meio eletrônico, por pessoas com a voz, com o corpo ou com outros materiais disponíveis). Realizar jogos de reproduzir/ imitar, de adivinhar, de localização. Ex.: jogo da estátua. Movimentar-se segundo um código sonoro convencionado em aula. Vivenciar a diversidade sonora e expressiva na contação de histórias, nas quais o professor poderá ressaltar as partes por meio de entonação, usando a voz mais grave ou mais aguda, dependendo da situação, com maior ou menor intensidade e variando a velocidade da narrativa. Perceber sentidos do som, convencionados no seu meio social. X X X X Perceber sentidos dos sons em sociedade. Ex.: o sinal da escola, o do pipoqueiro, o apito do guarda, o chamado do telefone etc.
  3. 3. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 1.º, 2.º E 3.º ANOS OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a sensibilidade estética, a percepção musical e a experiência corporal do movimento musical por meio das práticas tradicionais lúdicas orais e coletivas da infância. SONORIDADES: Qualidades dos materiais sonoros: altura, duração, intensidade e timbre. Movimentos sonoros: direção do som, inflexões de altura e saltos. Medidas do tempo musical: ritmo, pulso, tempo e velocidades. Melodias. Perceber/ explorar as possibilidades de produção de sons com o corpo. Realizar jogos, brincadeiras musicais e canções, integrando movimentos e sons com o corpo. Realizar jogos declamados, ritmados, de movimento, parlendas, trava- línguas, acalantos, adivinhas etc. Experimentar a linguagem musical rítmica e melódica em brinquedos de roda e brinquedos cantados da cultura popular. Desenvolver a apreciação estética/ leitura interpretativa de diferentes produções musicais, produzindo respostas emocionais à música. Explicitar reações sensoriais e emocionais em atividades de apreciação. X X X X Ouvir repertório variado para interpretação da música, produzindo associações espontâneas e pertinentes com imagens, movimentos, representações corporais ou gráficas. Escutar músicas, associando a sensações e ideias que evocam tensão e relaxamento, movimento e paralisação, rapidez e lentidão, excitação e calma (relações entre formas de sentimento e formas sonoras).
  4. 4. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 4.º ANO ETAPA DE EXPRESSÃO GESTOS EXPRESSIVOS: Capacidade de relacionar mudanças no manuseio do material sonoro com mudanças no nível expressivo (a expressão pessoal e o vernáculo). OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver atitude de escuta das manifestações do mundo sonoro e musical. SONORIDADES: Percepção sonora e musical. Centrar audição em diferentes fontes sonoras e tipos de música. X X X X Pesquisar, vivenciar (dentro e fora do espaço escolar) e explorar as diversas possibilidades de sons: da rua, da voz, do corpo, de instrumentos musicais e da produção musical das culturas humanas. Estimular a escuta de obras musicais diversas, chamando a atenção para questões específicas da construção musical, tais como: instrumentação, elementos expressivos, variações, formas e fraseologia.
  5. 5. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 4.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver atitude de atenção e de escuta dos gestos expressivos dos materiais sonoros. SONORIDADES: Gestos expressivos do material sonoro: Repetição, variação e contraste; Qualidades rítmicas e melódicas; Sobreposições/ concomitâncias/ blocos sonoros; Medidas do tempo musical / andamentos musicais; Fraseologia: perguntas e respostas/ ostinatos. Perceber gestos expressivos constitutivos de combinações sonoras e sua expressividade em paisagens sonoras. Perceber gestos expressivos em sequências musicais (repetições, contrastes, variações, concomitâncias, superposições). X X X X Explorar atividades que possibilitem a compreensão da combinação de materiais sonoros, gerando gestos expressivos. Desenvolver o espírito decuriosidade em relação à experimentação das sonoridades, produzindopráticas musicais coletivas. Expressar-se musicalmente relacionando mudanças no material sonoro com mudanças no nível expressivo. X X X X Sonorizar histórias ou textos criados coletivamente, fazendo uso de gestos musicais. Cantar/ experimentar a linguagem musical rítmica e melódica em brinquedos cantados, vivenciando variações de tempo musical rápido/ lento e da fraseologia repetição e variação das frases musicais. Cantar/ experimentar a linguagem musical em realizações rítmicas e melódicas em brinquedos cantados, vivenciando variações de tempo musical (rápido/ lento) e de fraseologia (repetição e variação das frases e musicais). Cantar, em grupo, repertório variado, priorizando a musica popular brasileira.
  6. 6. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 4.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a apreciação estética/ leitura interpretativa de diferentes produções musicais, produzindo respostas emocionais à música. Gestos expressivos em produções musicais. Explicitar reações sensoriais e emocionais em atividades de apreciação e reconhecer gestos expressivos presentes nas produções musicais. X X X X Vivenciar a dança com o seu potencial de expressão e movimento musical. Confeccionar instrumentos musicais, acompanhando canções com gestos rítmico-timbrísticos. Tomar decisões em produções coletivas com relação às ideias musicais e às sonoridades. Valorizar o patrimônio musical (bem imaterial) local com seus saberes e práticas singulares. Música como produto cultural e histórico. Identificar manifestações culturais populares de sua própria localidade, com suas práticas de resistência e hibridismo. Identificar manifestações da cultura musical de tradição oral. X X X Ouvir gravações com repertório variado, vivenciando o processo de expressão individual e reconhecendo gestos expressivos de produções musicais específicas (um gesto musical que remete ao Samba, ao Rap, Baião etc.). Pesquisar músicas regionais presentes na comunidade, convivendo lado a lado com músicas da mídia. Conversar sobre as manifestações regionais e os sujeitos que as praticam. Conhecer manifestações locais e singulares da tradição oral, que envolvam a música, a dança ou os aspectos cênicos. Ex.: Coco, Ciranda, Maracatu, Maculelê, Bumba-Meu-Boi, Capoeira, Jongo etc.
  7. 7. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 5.º ANO ETAPA DE EXPRESSÃO (GESTOS EXPRESSIVOS) : Capacidade de relacionar mudanças no manuseio do material sonoro com mudanças no nível expressivo (a expressão pessoal e o vernáculo). OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolveratitude de escuta e de exploração das manifestações do mundo sonoro no cotidiano do meio ambiente, entendendo- as como paisagens sonoras. SONORIDADES: Gestos expressivos do material sonoro: Repetição, variação e contraste; Qualidades rítmicas e melódicas; Sobreposições/ concomitâncias/ blocos sonoros; Medidas do tempo musical./andamentos; Fraseologia: perguntas e respostas/ostinatos. Perceber e imaginar paisagens sonoras. X X X X Observar (pesquisar) paisagens sonoras do seu tempo/ espaço. Comparar paisagens sonoras de outros tempos/espaços. E x.: zona urbana/ rural, sons da mata/ da rua, sons que meu avô ouvia quando era rapaz... Imaginar paisagens sonoras. Fazer registros de paisagens sonoras percebidas. Criar registros espontâneos para representar sonoridades. Considerar sons eletrônicos, elétricos, sons de máquinas e motores, ruídos, vozes, cantos, sons de instrumentos, sons da natureza.
  8. 8. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 5.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver atitude de atenção e escuta dos gestos expressivos dos materiais sonoros. Gestos expressivos do material sonoro. Repetição, variação e contraste. Qualidades rítmicas e melódicas. Perceber gestos expressivos constitutivos de combinações sonoras e sua expressividade em paisagens sonoras. Perceber gestos expressivos em sequências musicais (repetições, contrastes, variações, concomitâncias, superposições). X X X X Explorar atividades que possibilitem a compreensão da combinação de materiais sonoros gerando gestos expressivos. Desenvolver o espírito decuriosidade em relação à experimentação das sonoridades, produzindopráticas musicais coletivas. Sobreposições/ concomitâncias/ blocos sonoros. Medidas do tempo musical. Fraseologia: perguntas e respostas/ostinatos. Expressar-se musicalmente, relacionando mudanças no material sonoro com mudanças no nível expressivo. X X X X Sonorizar histórias ou textos criados coletivamente, fazendo uso de gestos musicais. Cantar/ experimentar a linguagem musical rítmica e melódica em brinquedos de roda, vivenciando variações de tempo musical (rápido/ lento) e da fraseologia (repetição e variação das frases musicais). Cantar/ experimentar a linguagem musical em realizações rítmicas e melódicas em brinquedos cantados, vivenciando variações de tempo musical (rápido/ lento) e de fraseologia (repetição e variação das frases e musicais). Cantar em grupo, repertório variado, priorizando a música popular brasileira.
  9. 9. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 5.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver o espírito decuriosidade em relação à experimentação das sonoridades, produzindopráticas musicais coletivas. Sobreposições/ concomitâncias/ blocos sonoros. Medidas do tempo musical. Fraseologia: perguntas e respostas/ostinatos. Expressar-se musicalmente, relacionando mudanças no material sonoro com mudanças no nível expressivo. X X X X Vivenciar a dança com o seu potencial de expressão e movimento musical. Confeccionar instrumentos musicais para tocar, acompanhando canções com gestos rítmico-timbrísticos. Tomar decisões em produções coletivas com relação às ideias musicais e às sonoridades. Desenvolver a apreciação estética/ leitura interpretativa de diferentes produções musicais, produzindo respostas emocionais à música. Gestos expressivos em produções musicais. Explicitar reações sensoriais e emocionais em atividades de apreciação e reconhecer gestos expressivos presentes nas produções musicais. X X X X Ouvir gravações com repertório variado, vivenciando um processo de expressão individual e reconhecendo gestos expressivos de produções musicais específicas. Ex.: um gesto musical que remete ao Samba, ao Rap, ao Baião etc. Valorizar o patrimônio musical (bem imaterial) local com seus saberes e práticas singulares. Música como produto cultural e histórico. Identificar manifestações culturais populares de sua própria localidade com suas práticas de resistência e hibridismo. Identificar manifestações da cultura musical de tradição oral. X X X Pesquisar músicas regionais presentes na comunidade, convivendo lado a lado com músicas da mídia. Conversar sobre as manifestações regionais e os sujeitos que as praticam. Conhecer manifestações locais e singulares da tradição oral que envolva a música, a dança ou os aspectos cênicos. Ex.: Coco, Ciranda, Maracatu, Maculelê, Bumba-Meu-Boi, Capoeira, Jongo etc.
  10. 10. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO ETAPA DA EXPRESSÃO (GESTOS EXPRESSIVOS): Capacidade de relacionar mudanças no manuseio do material sonoro com mudanças no nível expressivo. TRANSIÇÃO PARA A ETAPA DA FORMA: O especulativo e o idiomático. OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolvera capacidade de produção de modos de escuta de um repertório. Sucessão de alturas: linha melódica, polifonia. Superposição de alturas: harmonia, blocos sonoros. Organização de alturas: idioma modal, tonal, serial e outros. Ritmo e movimento: velocidade/ andamento, velocidade/ agógica, tempo e medida. Métrica, pulso, acento métrico, compasso. Divisão binária e ternária do tempo. Células rítmicas. Fraseologia. Intensidade: variações contínuas e descontínuas. Acentos dinâmicos. Densidade vertical e densidade horizontal. Timbre: ataque, prolongamento, corte e articulação. Exercitar modos de escuta diversificados de uma mesma peça de repertório. X X X X Praticar recortes distintos de uma mesma música ouvida, atentando para as qualidades sonoras e seus gestos musicais. Atentar para qualidades rítmicas, melódicas, timbrísticas. X X X X Praticar/ exercitar a percepção musical de ritmos, fazendo uso de sílabas rítmicas e/ou representação corporal como estratégias mediadoras da fixação destes ritmos. Identificar aspectos da organização musical: sequências, repetições, ostinatos, agrupamentos rítmicos, quadraturas etc. X X X X Praticar/ exercitar a percepção musical de sequências melódicas, fazendo uso de fonomímicas e/ou sistemas de números como estratégias mediadoras da fixação de relações tonais de tensão e de repouso dos graus da escala.
  11. 11. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver atitude de atenção e de curiosidade para a percepção da propagação da onda sonora. Som, vibração do ar, e propagação do som em diferentes formas de onda sonora. Qualidades do som: Frequências (altura); Diferentes amplitudes (intensidade) e Diferentes harmônicos (timbre). Perceber como as características dos sons são produzidas, desde a propagação das ondas sonoras. X Experimentar a vibração do som ao friccionar a borda de tigelas, copos de vidro com diferentes quantidades de água. Experimentar a vibração do som ao abanar uma folha de cartolina, papel alumínio ou radiografia. Experimentar a vibração do som nas cordas do violão ou em instrumentos de percussão.
  12. 12. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Expressar-se, integrando-se ao fazer musical coletivo. Produção de gestos musicais. Produzir gestos musicais, manipulando timbre, altura, duração, andamento, intensidade, textura, articulação e silêncio. Trabalhar um amplo espectro de sons e ruídos. X X X X Participar do mundo musical na atividade de execução e de composição. Criar/ experimentar técnicas relativas a instrumentos e ao uso da voz. Cantar coletivamente ou tocar em grupos, produzindo gestos expressivos. Cantar, a mais de uma voz, utilizando o sistema modal/ tonal. Improvisar musicalmente, respondendo a determinantes rítmicos, harmônicos, fraseológicos, melódicos, timbrísticos. Fazer uso de formas de registro sonoro, convencionais ou não, na grafia e na leitura de produções musicais próprias ou de outros. Registro de sons. Grafar e ler, fazendo uso de estratégias diversas conforme pertinência. X X X X Comunicar-se, utilizando registros sonoros na atividade de execução musical. Ex.: notação roteiro, notação precisa, de sugestão, aproximada, pauta gradativa, pauta dupla, pauta muda, leitura global-sincrética, cifras.
  13. 13. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a apreciação estética/ leiturainterpretativa de diferentes produções musicais considerando modos de fazer próprios à identidade de um grupo social e em constante transformação. Gêneros musicais. Identificar gêneros musicais. X X Ouvir músicas, identificando formações musicais e suas características. Ex.: Choro - sopro, cavaquinho, bandolim, violão, pandeiro ou bateria; Formação de Jazz - piano, contrabaixo, bateria, etc.). Pesquisar sobre o gênero de pref erência de professores e de alunos. Ouvir músicas, identificando elementos rítmicos e melódicos (levadas e convenções) característicos de um gênero. Comparar e contrastar gêneros musicais. Desenvolver a apreciação estética/ leitura interpretativa de produções musicais, que fazem parte do conhecimento musical da humanidade, considerando interfaces com as demais modalidades artísticas. Música em interface com as demais modalidades artísticas. Estabelecer inter-relações entre música e outras modalidades artísticas. X X Conhecer exemplos de produções musicais que guardam interfaces entre as artes: danças, ópera, musicais, danças dramáticas do folclore brasileiro, trilhas sonoras etc.
  14. 14. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 6.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Valorizar as diversas culturas musicais, com destaque às brasileiras, em sua diversidade. Música como produto cultural e histórico. Reconhecer a permeabilidade e a hibridização de produções musicais. X X Conhecer exemplos de variabilidade de um gênero musical. Ex.: de moda de viola à música sertaneja, com a introdução de instrumentos como: bateria, sanfona, guitarra elétrica e gêneros misturados nas músicas de Chico Science (Maracatu, Rock e Hip- Hop).
  15. 15. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO ETAPA DA EXPRESSÃO (GESTOS EXPRESSIVOS): Capacidade de relacionar mudanças no manuseio do material sonoro com mudanças no nível expressivo. TRANSIÇÃO PARA A ETAPA DA FORMA: O especulativo e o idiomático. OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a capacidade de produção de modos de escuta de um repertório. SONORIDADES: Sucessão de alturas: linha melódica e polifonia. Superposição de alturas: harmonia e blocos sonoros. Organização de alturas: idioma modal e tonal. Ritmo e movimento: velocidade/ andamento, velocidade/ agógica, tempo e medida. Métrica, pulso. Acento métrico, compasso. Divisão binária e ternária do tempo. Células rítmicas. Exercitar modos de escuta diversificados, de uma mesma peça de repertório. Atentar para qualidades rítmicas, melódicas, timbrísticas. Identificar aspectos da organização musical: sequências, repetições, ostinatos, agrupamentos rítmicos, quadraturas. X X X X Praticar recortes distintos de uma mesma música ouvida, atentando para gestos expressivos, com aprofundamento dos conceitos. Praticar/ exercitar a percepção musical de ritmos, fazendo uso de sílabas rítmicas e/ou representação corporal como estratégias mediadoras da fixação destes ritmos.
  16. 16. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º . Fraseologia. Intensidade: variações contínuas e descontínuas. Acentos dinâmicos. Densidade vertical e densidade horizontal. Timbre: ataque, prolongamento, corte e articulação. X X X X Praticar/ exercitar a percepção musical de sequências melódicas, fazendo uso de fonomímicas e/ou sistemas de números, como estratégias mediadoras da fixação de relações tonais de tensão e de repouso dos graus da escala. Compreender os sons do meio ambiente como passíveis de um tratamento musical (trabalho realizado por sujeitos num tempo/ espaço). Música – criação, intencionalidade, significação. Reconhecer a música como experiência social, historicamente construída. X X X X Ouvir ou ver gravações de música ao vivo, considerando como os músicos trabalham com instrumentos já produzidos e materiais do meio ambiente. Ex.: Uakti, Barbatuques, Hermeto Pascoal e outros. Reconhecer o papel do músico como agente social, com uma produção datada. X X X X Conhecer práticas musicais de repentistas e movimentos musicais como: Jovem Guarda, Bossa Nova, Músicas de protesto, Tropicália e Hip Hop.
  17. 17. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Compreender a produção de instrumentos e de ferramentas musicais. Instrumentos musicais. Identificar o tipo de produção de som nos instrumentos. X X Conhecer instrumentos melódicos e harmônicos. Conhecer instrumentos de cordas (vibradas, friccionadas, dedilhadas) e de percussão. Conhecer instrumentos com vibração do ar em tubos e sopro perpendicular (uso de palheta ou por vibração com bocal); Instrumentos de lâmina, vibrando por percussão e dedilhação; Instrumentos de membrana, vibrando por percussão, baqueta ou mão. Compreender a produção de instrumentos e de ferramentas musicais decorrentes das novas tecnologias. Identificar uso de recursos contemporâneos diversos. X X X X Considerar a incorporação de variedades de recursos à criação musical contemporânea. Ex.: recursos eletrônicos, sintetizadores, samples na atividade de rappers (Hip- Hop) e compositores de correntes contemporâneas da música. Constatar a presença desses recursos na produção de clipes e jogos eletrônicos.
  18. 18. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Expressar-se, integrando-se ao fazer musical. Produção de gestos musicais Participar de grupos musicais, exercitando a memória e a compreensão do texto musica. X X X X Participar do mundo musical na atividade de execução e composição. Criar/ experimentar técnicas relativas a instrumentos e ao uso da voz. Cantar coletivamente ou tocar em grupo, produzindo gestos musicais. Cantar a mais de uma voz, utilizando o sistema modal/ tonal. Integrar-se em prática instrumental de formação variada (instrumentos musicais tais como: flauta, percussão, cavaquinho, violão etc.). Experimentar, selecionar e utilizar instrumentos, materiais sonoros, equipamentos e tecnologias disponíveis em arranjos e composições. Compor/ improvisar músicas em processos de cooperação e tomada de decisões musicais. X X X X Improvisar musicalmente, respondendo a determinantes rítmicos, harmônicos, fraseológicos, melódicos, timbrísticos.
  19. 19. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 7.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Fazer uso de formas de registro sonoro, convencionais ou não, na grafia e na leitura de produções musicais próprias ou de outros. Registro e grafia de sons. Grafar e ler, fazendo uso de estratégias diversas, conforme a pertinência. X X X X Comunicar-se, utilizando registros sonoros na atividade de execução musical. Ex.: notação roteiro, notação precisa, pauta gradativa, pauta dupla, pauta muda, leitura global-sincrética, cifras. Compreender formas de registro musical em sociedade, nas culturas letradas (escrita, registro gráfico e convenções) e nas culturas orais. Formas de registro musical em sociedade. Identificar algumas transformações pelas quais passaram as grafias musicais ao longo da História. X Examinar registros históricos de partituras renascentistas. Examinar registros de músicas em culturas orais que se valem de outros tipos de convenções. Desenvolvera apreciação estética de diferentes produções musicais na interseção com outras manifestações da estética contemporânea: cinema, teatro, artes visuais, produçãoliterária, multimídiae jogos eletrônicos. Interfaces na produção estética contemporânea. Identificar interfaces na produção estética contemporânea. X Discutir sobre a pertinência no uso da música em suas combinações com outras linguagens nas produções estéticas de trilha sonora: de filmes, de novelas, de danças dramáticas, do folclore brasileiro etc. Observar a performance musical como um conjunto de componentes estéticos: gestual, expressões faciais em regentes, solistas, vestuário etc. Valorizar a diversidade da produçãomusical brasileira, reconhecendo e contextualizando suas práticas. Música como produto cultural e histórico. Compreender a música os seus modos de fazer próprios à identidade de um grupo social. X X X X Conhecer as manifestações musicais brasileiras na sua trajetória histórica. Ex.: lundu, maxixe, modinha, choro, samba. Conhecer as bases formadoras da cultura musical brasileira.
  20. 20. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 8.º ANO ETAPA DA FORMA - Mais do que reconhecer e nomear formas pré-estabelecidas, fazer classificações, conhecer rótulos de generalização da forma musical (rondó, blues etc.), significa dar atenção/ compreender os grandes esquemas organizacionais de uma peça musical nos atos de escutar, executar e compor. OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a escuta da estrutura da música, compreendendo o funcionamentodas partes e apreendendo o sentido do todo. Micro formas e M acro Formas. Frase e Membro da Frase. Motivo e I nciso. Seção e Período. Antecedente e Consequente. Formas culturalmente estruturada na tradição musical. Perceber/ distinguir estruturas Musicais:  Introdução, melodia principal, algum diálogo ou complementação;  Parte com maior densidade;  Funções de alguns instrumentos ou de recursos expressivos; exposição, desenvolvimento, reexposição e conclusão. X X X X Escutar repertório variado, reconhecendo estruturas musicais diversas. Estruturas rítmicas, melódicas, harmônicas, polifônicas e timbrísticas socialmente estabelecidas, características de manifestações musicais diversas ou nas culturas. Perceber relações estruturais: contrastes e semelhanças, as variações graduais ou súbitas presentes no fluxo musical, entendendo como gestos musicais são conectados, repetidos, transformados, contrastados. X X X X Escutar repertório variado, reconhecendo estruturas musicais diversas.
  21. 21. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 8.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a escuta do meio ambiente, entendendo a sua participação no projeto de ocupação sonora das cidades. Gestos expressivos e sua produção social. Perceber paisagens sonoras do entorno e seu papel como cidadão agente de reflexão e transformação. X X Perceber sons do cotidiano como marcas sonoras da comunidade (sons que caracterizam a comunidade, sua identidade sonora). Elaborar partituras de paisagens sonoras. Refletir sobre os efeitos causados na audição, na saúde e na qualidade de vida pelos hábitos de utilização de volume dos aparelhos de som e pela poluição sonora do mundo contemporâneo. Expressar-se, integrando-se no fazer musical coletivo. Produção de etapas musicais. Participar do mundo musical em atividades de execução e de composição. X X X X Participar do mundo musical na atividade de execução e composição. Criar/ experimentar técnicas relativas a instrumentos e ao uso da voz. Cantar coletivamente ou tocar em grupos, produzindo formas musicais. Cantar a mais de uma voz, utilizando o sistema modal/ tonal. Integrar-se em prática instrumental de formação variada. Compor/ improvisar músicas em processo de cooperação e tomada de decisões musicais. X X X X Improvisar musicalmente, respondendo a determinantes rítmicos, harmônicos, fraseológicos, melódicos, timbrísticos.
  22. 22. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 8.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Fazer uso de formas de registro sonoro, convencionais ou não na grafia e na leitura de produções musicais próprias ou de outros. Registro e grafia de sons. Grafar e ler, fazendo uso de estratégias diversas, conforme pertinência. X X X X Comunicar-se, utilizando registros sonoros na atividade de execução musical. Ex.: notação roteiro, notação exata, pauta gradativa, pauta dupla, pauta muda, leitura global-sincrética, cifras. Compreender formas de registro gráfico musical em sociedade, nas culturas letradas (escrita, registro gráfico e convenções) e nas culturas orais. Formas de registro gráfico musical em sociedade. Identificar registros gráficos musicais usados em sociedade. Realizar registros musicais. X X X X Conhecer registros históricos de partituras tradicionais e atuais. Conhecer registros de músicas em culturas orais, que se vale de outros tipos de convenções. Desenvolver a leitura do mundo por meio das marcas da produção musical contextualizada dos povos e seus grupos sonoros. Música como produto cultural e histórico. Reconhecer e contextualizar práticas da produção musical. X X X X Considerar as diferentes manifestações da produção artístico-musical brasileira e suas contextualizações (época, lugar, sujeitos). Considerar as diferentes manifestações da produção artístico-musical de outros povos e suas contextualizações (época, lugar, sujeitos). Ler/ analisar críticas musicais e comentários em encartes de discos e jornais. Valorizar as diversas culturas musicais com destaque às brasileiras em sua diversidade. Música como produto cultural e histórico. Conhecer e adotar atitude de respeito ante a diversidade de manifestações musicais, suas estéticas e valores. X X X X Ouvir/ ver gravações (DVDs, CDs) de repertório variado de manifestações musicais. Pesquisar sobre músicas de diversas procedências.
  23. 23. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO TAPA DA FORMA - Mais do que reconhecer e nomear formas pré-estabelecidas, fazer classificações, conhecer rótulos de generalização da forma musical (rondó, blues, etc.), significa dar atenção/ compreender os grandes esquemas organizacionais gerais de uma peça musical nos atos de escutar, executar e compor. TRANSIÇÃO PARA ETAPA DO VALOR - Revelar evidência de compromisso pessoal e valoração da música pelo engajamento com determinadas obras, intérpretes, compositores e área musical escolhida. Desenvolver sistematicamente ideias críticas e analíticas sobre música. OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Desenvolver a escuta da estrutura da música escuta de modo a compreender o funcionamento das partes e apreendendo o sentido do todo. Micro formas e M acro Formas. Frase e Membro da Frase. Motivo e I nciso. Seção e Período. Antecedente e Consequente. Formas culturalmente estruturada na tradição musical. Identificar elemento surpresa em um trecho musical, justificando variabilidade nas relações estruturais. X X X X Escutar repertório variado, reconhecendo elemento surpresa, variabilidade nas relações estruturais. Identificar mudanças súbitas ou graduais devidas a timbre, altura, velocidade, intensidade, ritmo que produzem variabilidade nas relações estruturais. X X X X Escutar repertório variado, reconhecendo mudanças súbitas ou graduais devidas ao timbre, a altura, a velocidade, a intensidade, ao ritmo e as suas consequências nas relações estruturais.
  24. 24. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Estruturas rítmicas, melódicas, harmônicas, polifônicas e timbrísticas socialmente estabelecidas, características de manifestações musicais diversas. Identificar, comparar, analisa músicas quanto aos elementos da linguagem musical: estilo, forma, motivo, andamento, textura, timbre, dinâmica, usando vocabulário musical adequado. X X X X Escutar repertório variado. Reconhecer, comparar, analisar os elementos da linguagem musical, usando vocabulário adequado. Compreender a música como ação de produtores,da relação de artesão à relação de trabalho no mundo contemporâneo. Funções e contextos da música em sociedade nas relações de trabalho. Perceber relações implicadas no fazer musical (do artesão às relações da música com o mercado cultural - produção, distribuição e consumo). X X Promover encontros com músicos e grupos musicais, discutindo interpretações, expressividade, técnicas e mercado de trabalho. Refletir sobre contextos socioculturais, os usos e as funções da música em épocas e sociedades distintas. X X Ouvir e conversar sobre usos e funções da música (funções de expressão emocional, função de divertimento, de prazer, de expressão corporal etc.) e reflexão à luz de pesquisas em musicologia, etnomusicologia, sociologia e antropologia.
  25. 25. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Expressar-se, integrando-se no fazer musical coletivo pela prática e experimentação da forma musical. Produção de formas musicais. Participar do mundo musical em atividades de execução e composição. X X X X Criar/ experimentar técnicas relativas a instrumentos e ao uso da voz. Cantar, a mais de uma voz, utilizando o sistema modal/ tonal. Integrar-se em prática instrumental de formação variada. Participar de arranjos e acompanhamentos de música das culturas populares brasileiras, utilizando padrões rítmicos (levadas), melódicos, formas harmônicas e demais elementos que a caracterizam. Compor/ improvisar músicas em processo de cooperação e tomada de decisões musicais. X X X X Envolver-se com a criação e interpretação de jingles, trilha sonora, arranjos, músicas do cotidiano e as referentes aos movimentos musicais atuais, com os quais os jovens se identificam. Improvisar musicalmente, respondendo a determinantes rítmicos, harmônicos, fraseológicos, melódicos, timbrísticos. Fazer uso de formas de registro sonoro, convencional ou não, na grafia e na leitura de produções musicais próprias ou dos outros. Registro e grafia de sons. Grafar e ler, fazendo uso de estratégias diversas, conforme pertinência. X X X X Comunicar-se, utilizando registros sonoros na atividade de execução musical. Ex.: notação roteiro, notação precisa, pauta gradativa, pauta dupla, pauta muda, leitura global sincrética e cifras.
  26. 26. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO DE MÚSICA – 9.º ANO OBJETIVOS CONTEÚDOS HABILIDADES BIMESTRES SUGESTÕES 1.º 2.º 3.º 4.º Compreender formas de registro gráfico musical em sociedade, nas culturas letradas (escrita, registro gráfico, convenções) e nas culturas orais. Formas de registro musical em sociedade. Identificar registros musicais usados em sociedade. Realizar registros musicais. X X X X Conhecer registros históricos renascentistas. Conhecer registros de músicas em culturas orais que se valem de outros tipos de convenções. Desenvolver o compromisso pessoal e valoração da música pelo engajamento em determinadas obras, intérpretes, compositores e área musical. Música e compromisso pessoal do sujeito ouvinte e/ou executor. Revelar evidência de compromisso pessoal e valoração da música pelo engajamento em determinadas obras, intérpretes, compositores e área musical escolhida. X X Praticar, sistematicamente, ideias críticas e analíticas sobre música, utilizando conceitos adquiridos. Participar em apresentações musicais ao vivo. Desenvolver a leitura de mundo por meio das marcas da produção musical de grupos diversos, minorias e etnias, na contemporaneidade e nas várias épocas. Música como produto cultural e histórico. Refletir sobre produções musicais de grupos diversos (minorias e etnias) e sua contextualização. X X X X Ouvir/ ver (DVDs, CDs) de manifestações variadas, valorizando minorias e etnias.
  27. 27. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Arte. Brasília, 1999. RIO DE JANEIRO. Secretaria Municipal de Educação. Multieducação: Educação Musical. Rio de Janeiro, 2008. (Série Temas em Debate). RIO DE JANEIRO. Secretaria Municipal de Educação. Multieducação: Núcleo Curricular Básico. Rio de Janeiro, 1996. SWANWICK, Keith. Ensinando música musicalmente. São Paulo. Moderna, 2003. (Trad. Alda de Oliveira e Cristina Tourinho).

×