A ação dos acs nos cuidados de saúde

186 visualizações

Publicada em

AÇÃO DOS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE NA SAÚDE BUCAL

Publicada em: Saúde
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
186
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A ação dos acs nos cuidados de saúde

  1. 1. AAÇÃO DOSACS NOS CUIDADOS DE SAÚDE BUCALDAFAMÍLIA:A BOCAEASAÚDE NACOMUNIDADE
  2. 2. “Não existe saúde da boca, saúde do coração, saúde do pulmão, etc. isoladamente. Existe saúde, se há uma harmonia, um equilíbrio no todo que é o organismo,ou existe doença, quando ocorre um desequilíbrio nessa harmonia, qualquer que seja a parte do corpo que tenha sido afetada”.
  3. 3. Ao propor a Estratégia de Saúde da Família (ESF) como reestruturação do modelo assistencial, o Ministério da Saúde favorece a constituição de uma unidade prestadora de serviços que: • Atua numa lógica de transformação das práticas de saúde na atenção básica; • Visa integrar ações de promoção e prevenção da saúde; • Racionaliza os recursos destinados à atenção secundária e terciária ; • Define uma política de recursos humanos para atender às demandas da organização dos serviços de saúde.
  4. 4. Características essenciais da ESF • Trabalho inter e multidisciplinar da equipe; • Definição de competências e coresponsabilidades entre os membros; • Prioriza as ações de proteção e promoção da saúde, além da assistência individual; • Foco se amplia do indivíduo/família à comunidade.
  5. 5. Os ACS foram inseridos nas Equipes de Saúde da Família a partir de uma idéia central de que funcionariam como um elo entre a comunidade e o sistema de saúde.
  6. 6. Atributos • Perfil de educador perspectiva de resgatar a autonomia e a capacidade do autocuidado do indivíduo com o qual se relaciona; • Atuação intersetorial considerando a sua responsabilidade de escuta das necessidades da população; • Acolhimento trazendo para os serviços de saúde as demandas da comunidade, no sentido de traduzir as necessidades para gerar novas ações
  7. 7. NÃO ABRA A BOCA PARA QUALQUER PESSOA
  8. 8. TAREFA Morder o fruto amargo e não cuspir Mas avisar aos outros o quanto é amargo Cumprir o trato injusto e não falhar Mas avisar aos outros o quanto é injusto Sofrer o esquema falso e não ceder Mas avisar aos outros o quanto é falso Dizer também que são coisas mutáveis E quando em muitos a noção pulsar Do amargo, injusto e falso por mudar Então, confiar à gente exausta o plano De um mundo novo e muito mais humano! (Geir Campos)

×