Apostila vm simulados

817 visualizações

Publicada em

simulados para concurso públicos.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
817
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apostila vm simulados

  1. 1. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 1
  2. 2. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 2 PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL SEMED - SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE MANAUS/AM 01. Uma sessão de psicomotricidade relacional é dividida em: (A) parte inicial e volta à calma. (B) parte principal e relaxamento. (C) ritual de entrada e saída. (D) ritual de entrada e sessão propriamente dita. (E) ritual de entrada, sessão propriamente dita e ritual de saída. 02. São atividades que auxiliam o desenvolvimento da coordenação motora global: (A) brincar com fitas coloridas, jogar bolas de ar para o alto, fazer circuitos. (B) brincar de bola de gude, videogame e dominós. (C) fazer maquetes com sucatas, recorte, colagem e enfiagem. (D) colar grãos em fileiras, fazer pintura soprando a tinta com um canudo, confeccionar brinquedos com sucata. (E) colecionar figurinhas, pintar formas usando a técnica de pontilhismo com o dedo e desenhar com giz no chão. 03. A linguagem é organizadora e reguladora da conduta e, nesse sentido, tudo pode ser falado, desenhado, escrito e representado. A linguagem perpassa todas as áreas do conhecimento. Entre as áreas do conhecimento de uma proposta curricular para Educação Infantil , pode-se descartar o conhecimento: (A) social. (B) lógico-matemático. (C) natural. (D) linguístico. (E) econômico. 04. Segundo Chomsky, “todo homem nasce com a capacidade da linguagem”. Registram-se três tendências nos estudos de aquisição da linguagem, são elas: (A) behaviorista, inatista e interacionista. (B) behaviorista, inatista e genuína. (C) behaviorista, interacionista e fonológica. (D) inatista, fonológica e genuína.
  3. 3. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 3 (E) inatista, interacionista e fonológica. 05. A partir da interdisciplinaridade e da contextualização, os componentes curriculares são: (A) valorizados em suas especificidades. (B) dispensados em favor de uma proposta unificadora de currículo. (C) redefinidos como algo transitório. (D) reaproveitados somente naquilo que é essencial para o aluno. (E) reconsiderados em sua origem epistemológica. 06. Antes de iniciar o trabalho com um conteúdo, o professor deverá (A) Fazer um diagnóstico para obter informações sobre o que os alunos já sabem. (B) Dizer aos alunos que eles são bem-vindos na sala de aula. (C) Exigir que os alunos copiem do quadro tudo que o professor escrever. (D) Dizer aos alunos quais as dificuldades que eles irão ter nesse novo conteúdo. (E) Informar aos alunos se esse conteúdo é fácil ou difícil. 07. Para Sacristán (2000), o planejamento do ensino abarca três dimensões respectivamente: o plano curricular, no âmbito de determinação política e macroorganizativo; o plano curricular da escola e o planejamento no âmbito dos professores, ou seja, da sala de aula. O plano curricular da escola também pode ser compreendido como o seu (A) plano de ação. (B) currículo em ação. (C) projeto educativo. (D) regimento escolar. (E) plano de curso. 08. Sonia Kramer (2003) apresenta possíveis caminhos para a elaboração de um planejamento curricular centrado na criança. Sua proposta consiste no trabalho de temas geradores que possibilitem articular o trabalho pedagógico à realidade sociocultural das crianças. A seleção desses temas deve privilegiar: (A) as datas comemorativas nacionais. (B) as ideias sugeridas pela direção e pela coordenação da escola. (C) as manifestações feitas pelas crianças (e suas famílias). (D) os conteúdos a serem ensinados na Educação Infantil.
  4. 4. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 4 (E) a necessidade do professor. 09. Segundo Kramer, a proposta pedagógica define a identidade da escola e busca uma ação organizada e transformadora. A responsabilidade pela elaboração da proposta pedagógica é: (A) do departamento de projetos da Secretaria de Educação. (B) da Secretaria Municipal de Educação. (C) do Conselho Estadual de Educação. (D) do estabelecimento de ensino. (E) da Secretaria Estadual de Educação. 10. Educar e cuidar são atribuições da prática pedagógica. Segundo Kramer (2003), se durante as atividades a criança descumpre as regras estabelecidas anteriormente junto com o grupo, como por exemplo, rabiscar mesas e cadeiras, o professor deverá: (A) colocar a criança de castigo. (B) dar uma palmadinha na mão direita e dizer: não pode, é feio! (C) propor à criança que troque de atividade, explicando para ela o motivo de tê- lo feito. (D) ameaçar a criança de não mais poder brincar com as canetinhas. (E) chamar a família para comunicar a falta de disciplina da criança e o seu afastamento da escola. 11. As leituras compartilhadas são aquelas que se dirigem à criança, fazendo-a participar como destinatária do ato da leitura. As características qualitativas implicadas na participação ativa da leitura em voz alta com crianças pequenas são: (A) interação de perguntas e respostas, preparação para a leitura, e participação ativa por parte das crianças. (B) interação de perguntas e respostas, participação ativa por parte das crianças e familiarização com a estrutura e a função da linguagem escrita. (C) familiarização com a estrutura e a função da linguagem escrita, participação ativa por parte das crianças e preparação para leitura. (D) estimulação do sono, participação ativa por parte das crianças e familiarização com a estrutura e a função da linguagem escrita. (E) interação de perguntas e respostas, estimulação do sono, familiarização com a estrutura e a função da linguagem escrita.
  5. 5. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 5 12. Libâneo, no livro organização e gestão da Escola, apresenta algumas concepções mais conhecidas de organização curricular que expressam formas de concretização das intenções pedagógicas. Relacione, nas colunas a seguir, os conceitos e categorias enfatizadas. (1) Currículo tradicional. (2) Currículo Tecnicista. (3) Currículo Escolanovista (ou progressivista). (4) Currículo Sociocrítico. ( ) centrado no aluno e no provimento de experiências de aprendizagem como forma de ligar a escola com a vida e adaptar os alunos ao meio. ( ) organização do conhecimento por disciplinas com por compartimentalizadas, caráter livresco e verbalista. ( ) considera especialmente os efeitos do currículo oculto e do contexto da ação educativa nos processos de ensino e aprendizagem, inclusive para submeter os conteúdos a uma análise ideológica e política. ( ) proposto para transmissão de conteúdos e desenvolvimento de habilidades a serviço do sistema de produção. A sequência correta é: (A) 4, 1, 3, 2 (B) 3, 1, 4, 2 (C) 2, 3, 2, 4 (D) 3, 1, 2, 4 (E) 1, 3, 4, 2 13. A pedagogia crítico-social dos conteúdos introduz uma mudança de paradigma curricular quando propõe (A) enfatizar metodologias de ensino que possibilitem autonomia para aprender. (B) valorizar os conteúdos de ensino e sua relevância para a efetiva apropriação do saber. (C) priorizar conteúdos de cunho ideológicos que permitam uma reflexão política e visão crítica da sociedade brasileira. (D) reafirmar a importância das disciplinas das ciências exatas na formação de indivíduos capazes de acompanhar o desenvolvimento tecnológico brasileiro. (E) mudar o lugar do professor no processo de ensino aprendizagem e colocar o aluno em seu centro.
  6. 6. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 6 14. Na educação infantil um dos instrumentos de avaliação pode ser o portfólio. Em relação a este instrumento avaliativo assinale a alternativa correta. (A) É um sistema avaliativo que não promove o desenvolvimento de habilidades como a autoavaliação e a análise crítica. (B) Na construção do portfólio o professor é o agente principal deixando os alunos em um segundo plano. (C) O portfólio é uma simples compilação de trabalhos dos alunos. (D) O portfólio é um procedimento da avaliação formativa que torna explícita a articulação entre currículo, avaliação e trabalho pedagógico. (E) É um instrumento que impede o acompanhamento dos progressos e evoluções individuais. 15. Ao final de um projeto com crianças de 4 e 5 anos de idade, o professor propõe uma avaliação. Na Educação Infantil, esta prática pode ser realizada: (A) aplicando uma prova que possa quantificar o conhecimento da criança. (B) questionando individualmente cada criança, a fim de avaliar o conhecimento que ela adquiriu durante o projeto. (C) pelo coordenador pedagógico, sem a participação das crianças e do professor. (D) propondo uma conversa informal com as crianças em que elas possam expressar suas descobertas e questionamentos. Desse modo, o professor passa a dispor de informações que servirão para tomada de decisões. (E) na Educação Infantil não há necessidade de realizar avaliações, exceto nos casos de crianças com necessidades especiais. 16. Quando pensamos no planejamento das atividades de rotina na Educação Infantil, devemos levar em conta que todos os momentos são ricos em situação de aprendizagem, como essas atividades podem fazer parte do planejamento? (A) Planejando um momento que permita à criança escolher o que ela deseja fazer, descartando a necessidade da mediação do professor. (B) Colocando no planejamento atividades de desenho livre, ou seja, um momento em que a criança tem a oportunidade de expressar sua criatividade. (C) Indicando no planejamento o horário em que as crianças estão em recreação livre na parte externa da escola. (D) Elaborando atividades gráficas na qual as crianças têm a oportunidade de realizá-las livremente, sem o auxílio do professor. (E) Deixando um espaço no planejamento diário, que permita que as crianças escolham o que desejam fazer, sendo um momento importante para as interações com o outro e com o professor.
  7. 7. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 7 17. “Se pensarmos que a criança aprende só quando é submetida a um ensino sistemático, e que sua ignorância está garantida até que receba tal tipo de ensino, nada poderemos enxergar” (Ferreiro, 2001). Este pensamento estabelece uma crítica: (A) ao modo como os professores e teóricos pensam a educação mundial atualmente. (B) ao rico processo de criação de hipóteses que as crianças fazem acerca do que aprendem. (C) ao modo como a teoria construtivista considera o processo de ensino- aprendizagem. (D) às investigações que as crianças fazem, prematuramente, acerca do que aprendem e que tanto contribuem para o desenvolvimento do trabalho coletivo em sala de aula. (E) à prática de professores que transmitem os conteúdos de forma sistemática, promovendo o modelo de educação bancária descrito por Paulo Freire. 18. Sobre as Teorias de Piaget e Vygotsky são feitas as seguintes afirmações: I. A maturação, para Piaget, constitui a base biológica do comportamento, representada pelo amadurecimento de estruturas biológicas, mediante a interação com o meio. II. Para Vygotsky, o psiquismo humano é o reflexo passivo do meio e o resultado de um espírito prévio que contata as coisas e as pessoas. III. Para a teoria Psicogenética de Piaget, as estruturas podem ser inatas, ou porque existe um conhecimento pré-formado, inato, ou o conhecimento é fruto da acumulação de experiências. IV. Segundo Vygotsky, é a partir da fala para o outro que a criança começa a falar para si própria, e somente depois é que essa fala começa a fazer parte de sua fala interna. V. Para Piaget, o egocentrismo é uma atitude espontânea da criança, na qual prevalecem os seus esquemas particulares, em que há predomínio do processo de assimilação sem um esforço de acomodação. Estão corretas, somente: (A) I e II. (B) II e III. (C) I, IV e V. (D) II, III e V. (E) II, III e IV.
  8. 8. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 8 19. Na visão deste teórico, a aprendizagem deve ser um processo ativo, por ser uma construção que vem de dentro. É de maior importância que o professor atenda às diferenças individuais nos diversos estágios de desenvolvimento. Trata-se de: (A) Piaget. (B) Bruner. (C) Skinner. (D) Freinet. (E) Carl Rogers. 20. Piaget utiliza, nas suas investigações, o “método clínico” que permite o conhecimento de como a criança pensa e de como constrói as noções sobre o mundo físico e social. Sua teoria tem relação com a tendência: (A) cognitiva. (B) romântica. (C) crítica. (D) antropológica. (E) sociointeracionista. 21. Na concepção de Piaget, o jogo infantil pode ser dividido em três tipos de estrutura: o exercício, o símbolo e a regra, caracterizando diferentes períodos do desenvolvimento infantil. Sobre o jogo simbólico, é correto afirmar: (A) A partir de 4 anos, a criança chega ao apogeu dos jogos simbólicos e seus jogos começam a revelar uma aproximação com situações reais. (B) O jogo simbólico acontece apenas no período sensório-motor, entre 0 e 2 anos de idade; após esta faixa etária inicia-se o jogo de regras. (C) Inicia-se no período de operações concretas, entre os 6 ou 7 anos e vai até 11 ou 12 anos de idade. (D) Caracteriza-se pelo declínio do simbolismo, quando fica evidente o abandono do jogo egocêntrico para a realização de brincadeiras coletivas. (E) Tem início no período operatório concreto (entre 2 anos a 6/7 anos de idade) e é marcado pela possibilidade de a criança simbolizar, ou seja, o sujeito é capaz de reproduzir o esquema sensório-motor fora do seu contexto e na ausência do objeto.
  9. 9. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 9 22. Um Professor colocou oito tampinhas alinhadas lado a lado e em outro espaço a mesma quantidade de tampinhas todas juntas. O Professor perguntou para uma criança: – Onde tem mais tampinhas? – A criança apontou para as que estão alinhadas, por ocupar o maior espaço em sua organização. Para Piaget esta criança NÃO adquiriu o conceito de: (A) Seriação. (B) Equilibração. (C) Conservação. (D) Classificação. (E) Inclusão. 23. “Quase tudo que aprendi, amanhã eu já esqueci, decorei, copiei, memorizei, mas não entendi [...]” (Estudo errado, Gabriel, O pensador). Nestas palavras do cantor percebemos questionamentos sobre o processo de ensino aprendizagem e aquisição do conhecimento. Sob as ideias de Piaget, considera-se que o: (A) objetivo da educação é potencializar, favorecer a educação com o auxílio de tutores particulares. (B) conhecimento se dá por meio de um processo de construção progressiva com base em experiências físicas com o objeto de estudo. (C) conhecimento é transmitido pelo professor por meio de atividades lúdicas que facilitam a construção de conceitos pela criança. (D) conhecimento independe da interação que se tem com o objeto. (E) conhecimento se dá com base em experiências com o objeto de estudo provocadas por situações problemas. 24. Segundo Piaget, o desenvolvimento cognitivo submete-se a um esquema que se combina e se organiza formando estágios ou períodos. Sobre o estágio operatório concreto é correto afirmar: (A) Nesse estágio a criança conhece o mundo por meio da manipulação de objetos. Não há representação do pensamento. (B) É uma fase marcada pelo egocentrismo. A criança apresenta dificuldades de interação com o meio. (C) Estende-se dos três aos cinco anos de idade. É nele que as crianças se desenvolve intelectualmente com percepções mais globais e riquezas de detalhes. (D) Estende-se dos 7 aos 11 anos aproximadamente. Início da construção lógica. Caracteriza-se pela abstração de dados da realidade. Aquisição de noções de tempo, espaço, velocidade, ordem e casualidade. (E) Capacidade de elaboração de hipóteses para a resolução de problemas. A linguagem é plenamente desenvolvida.
  10. 10. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 10 25. Para Piaget, conforme estudos realizados sobre o desenvolvimento infantil, o jogo adotado nos períodos sensório-motor e pré-operatório tem a função de: (A) divertir, passar o tempo e promover o ajustamento. (B) promover o ajustamento. (C) controlar a agressividade e valorar a auto-estima. (D) construir o conhecimento. (E) satisfazer desejos. 26. Constata-se uma grande relevância do ato de brincar na obra de Vygotsky. Segundo o autor, é por meio da brincadeira: I. simbólica que a criança cria situações imaginárias aleatórias que dão significado à vida real, porém pouco ajuda no seu desenvolvimento. II. que a criança descobre a vida social dos adultos e as regras que regem essas relações. III. que a memória, a atenção e o desenvolvimento são estimulados. IV. que a criança aprimora capacidades físicas básicas: força, resistência, velocidade e amplitude de movimentos. Assinale a alternativa que contém as afirmativas verdadeiras sobre o “brincar”. (A) Apenas I, II e III. (B) Apenas II, III e IV. (C) Apenas I, II e IV. (D) Apenas I, III e IV. (E) I, II, III e IV. 27. Vygotsky introduziu os conceitos de zona de desenvolvimento proximal e zona de desenvolvimento real, que têm relação direta com o processo educativo. A zona de desenvolvimento proximal se caracteriza: (A) pelo desenvolvimento mental retrospectivamente. (B) pelo saber que já foi construído, elaborado e apropriado pelo sujeito. (C) pela apropriação do conhecimento, o que ainda não se conhece e que, com a ajuda do interventor, desenvolve-se. (D) por algo fundamentalmente novo no desenvolvimento da criança e que ela por si só conseguirá descobrir e se apropriar do conhecimento. (E) por instintos naturais que levam o ser humano a estabelecer relações sociais.
  11. 11. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 11 28. De acordo com a Teoria Interacionista de Vygotsky versando sobre a concepção do conhecimento, é correto afirmar que: (A) É construída socialmente. (B) Subestima a capacidade cognitiva do aluno. (C) É construída através da estrutura cognitiva mais sofisticada. (D) É adquirida através de condicionamento. (E) É constituída de memorização momentânea. 29. Para Vigotsky, a aprendizagem humana é (A) a compreensão dos conteúdos formais e científicos do currículo. (B) a maturação das capacidades inatas que leva à expressão das características pessoais. (C) o desenvolvimento dos esquemas motores e cognitivos a partir da idade pré- escolar. (D) o efeito do ambiente sobre a pessoa que recebe as informações elaboradas pela humanidade. (E) a possibilidade do desenvolvimento do ser humano como sujeito de determinada cultura. 30. O jogo simbólico é considerado por Vygotsky como uma atividade típica da infância e essencial ao desenvolvimento infantil. Ele constitui-se em uma Zona de Desenvolvimento Proximal (ZDP), visto que: (A) mantém a criança no nível de desenvolvimento já consolidado. (B) promove o desenvolvimento da criança sem a mediação de companheiros ou pessoas mais experientes. (C) promove o desenvolvimento da criança para além do patamar por ela já consolidado. (D) nega o papel do/a professor/a, ou seja, parte da compreensão que o desenvolvimento é fruto de um processo maturacional. (E) parte do entendimento que a aprendizagem é resultante do desenvolvimento infantil.
  12. 12. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 12 31. De acordo com o RCNEI , as brincadeiras de faz de conta, jogos que possuem regras ou jogos tradicionais favorecem, através da atividade lúdica: (A) a melhoria do comportamento da criança. (B) a ampliação dos conhecimentos infantis. (C) o entrosamento com os adultos. (D) o entrosamento com o professor. (E) a obediência infantil. 32. Uma criança de 5 e 6 anos aproximadamente, encontra-se no período pré- operatório, logo, é possível que ela relacione alguns signos numéricos com as quantidades correspondentes. Digamos que uma criança de 5 anos não tenha atingido este objetivo no período escolar em que se encontra. Qual deverá ser o posicionamento da escola perante a continuidade no processo de ensino aprendizagem dessa criança? (A) Reter a criança por apresentar dificuldade de aprendizagem. (B) Oferecer estratégias de ensino que apresentem à criança os conteúdos que preparam para o Ensino Fundamental. (C) De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação Infantil, a escola só poderá reter a criança, com o consentimento da família. (D) A orientação das Diretrizes Curriculares para Educação Infantil nos casos em que a criança apresente dificuldade de aprendizagem é retê-la e encaminhá- la para reforço escolar. (E) Garantir a continuidade no processo de aprendizagem e desenvolvimento das crianças, respeitando as especificidades etárias, sem antecipação de conteúdos que serão trabalhados no Ensino Fundamental. 33. Brinquedos como móbiles coloridos, brilhantes, que façam barulho – chocalhos, brinquedos para empilhar, martelar, puxar e empurrar, com guizos ou outros estímulos sonoros, objetos flutuantes entre outros aguçam a curiosidade e o gosto das crianças principalmente na seguinte faixa etária: (A) 0 a 3 anos. (B) 0 a 6 anos. (C) 4 a 7 anos. (D) 2 a 5 anos. (E) 3 a 6 anos.
  13. 13. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 13 34. Quando num espaço de uma creche, o educador fala sozinho, relata o que está ocorrendo na sala, coloca em palavras os sentimentos e as ações do grupo, cria um ambiente cheio de conversas, de pseudodiálogos, ele está favorecendo a: (A) aquisição da linguagem oral. (B) aquisição da linguagem corporal. (C) participação da criança nas brincadeiras. (D) participação da família no processo educativo. (E) integração da equipe escolar. 35. Um grupo de alunos chega ao primeiro dia de aula sedento por conhecimento. Os alunos querem descobrir um mundo novo, misterioso, desvelar um mundo curioso e nele se movimentar e criar novas vias de comunicação. O professor da turma chega com o planejamento semestral pronto, preocupado em desenvolver a lista de conteúdos de sua aula, como proposta fechada, uma tarefa a ser cumprida. Esta postura sustenta a ideia que o professor é: (A) responsável. (B) o mediador. (C) democrático. (D) o detentor do saber. (E) espontaneísta. 36. Todas as alternativas abaixo correspondem aos objetivos da Educação Infantil, em relação à aprendizagem da linguagem oral e escrita, EXCETO: (A) Participar de variadas situações de comunicação oral, expressando suas necessidades. (B) Interessar-se pela leitura de histórias. (C) Ter contato cotidiano com objetos portadores de texto. (D) Aprender a reconhecer todas as letras do alfabeto. (E) Reconhecer o nome escrito, sabendo identificá-lo nas diversas situações do cotidiano.
  14. 14. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 14 37. Guilherme tem 3 anos e frequenta a creche desde bebê. Sua mãe está preocupada, pois Guilherme ultimamente vem desenhando com a mão esquerda. A mãe sugeriu que a professora interviesse, durante as atividades, trocando o lápis para a mão direita, afinal, ela não gostaria de ter um filho canhoto. De acordo com os estudos sobre lateralidade, a professora respondeu: (A) Ficarei atenta, pois de fato a criança canhota apresenta dificuldades durante o processo de alfabetização. (B) O Guilherme já definiu sua lateralidade, por isso é impossível fazer esta modificação. (C) A lateralidade se manifesta por volta dos 6 aos 8 anos, é importante que o Guilherme experimente a escrita com as duas mãos. (D) A senhora poderia em casa enfaixar ou amarrar a mão esquerda dele, assim vai obrigá-lo a usar somente a mão direita. (E) É importante encaminhá-lo a uma psicomotricista para ela fazer um trabalho específico com o lado direito do seu cérebro. 38. Em uma classe com crianças de aproximadamente 4 e 5 anos de idade, o professor dispôs tampinhas em fileira alternando suas cores, azul e amarelo. Em seguida, perguntou quem era capaz de descobrir a cor da próxima tampinha que ele iria incluir na fileira. Essa atividade tem por objetivo desenvolver a capacidade de: (A) conservação. (B) medição. (C) classificação. (D) comparação. (E) seriação. 39. Quando uma criança cai e cria um galo na cabeça, é natural o professor dizer: I. Deixa eu dar um beijinho que sara. II. Eu sei que está doendo muito, mas vou dar um beijinho para ver se melhora um pouquinho. Qual dessas atitudes é mais adequada ao professor de Educação Infantil? (A) A primeira, pois conforta e ilude a criança para amenizar a dor. (B) As duas atitudes podem ser realizadas, o importante é o professor acudir imediatamente a criança e levá-la ao posto de saúde. (C) Nenhuma dessas atitudes, pois não é o momento oportuno para beijar a criança. (D) A segunda, pois reconhece que a criança está sentindo dor e dá à criança a dose de carinho de que precisa.
  15. 15. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 15 (E) A primeira, pois é mágico! Quando damos carinho a uma criança a dor passa imediatamente. 40. Sobre os objetivos e conteúdos a serem desenvolvidos com crianças de zero a três anos em instituições escolares, assinale a alternativa que NÃO está coerente. (A) Reconhecimento progressivo do próprio corpo. (B) Realização dos hábitos de higiene sem a intervenção de um adulto. (C) Expressão e manifesto de desconforto relativo à presença de urina e fezes nas fraldas. (D) Comunicação e expressão dos seus desejos e necessidades. (E) Escolha de objetos, brinquedos e espaços para brincar. 41. Ambientes lotados, horários de entrada e saída conturbados e filas imensas no refeitório, no banheiro e no parque. Em uma escola de Educação Infantil, esses são alguns dos indícios de que a organização da rotina não vai bem. Assinale a alternativa que propõe uma ideia inaceitável para solucionar esses problemas: (A) Propor atividades que ocorram simultaneamente, em espaços diferentes. (B) Escalonamento dos horários das turmas, dos funcionários e dos educadores. (C) Implantar um rodízio de horários para que as turmas não estejam no refeitório ao mesmo tempo e, com isso, seja possível dispensar a mesma atenção a todos. (D) Implantar o revezamento para o almoço dos educadores e professores, garantindo a assistência às crianças na hora da refeição. (E) Coincidir o horário de descanso dos professores e auxiliares com a brincadeira da criançada. 42. De acordo com o autor César Coll, o professor deve considerar duas condições necessárias para assegurar que a aprendizagem do aluno seja significativa, na qual o aluno construa a realidade atribuindo-lhe significados. Essas condições são: (A) os meios e as estratégias. (B) o conteúdo e a motivação. (C) as habilidades e as capacidades. (D) os procedimentos e os objetivos. (E) as atividades e as aprendizagens.
  16. 16. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 16 43. Observe a charge a seguir. A charge de Francesco Tonucci (1997) reflete sobre o pensamento do arquiteto em relação ao espaço ideal para a criança se desenvolver. Um professor sociointeracionista pensaria esse espaço (sala de atividades) de forma que: (A) o ambiente favorecesse a mobilidade e a iniciativa das crianças, promovendo a realização das atividades de forma coletiva e organizada, possibilitando a exploração e a descoberta. (B) as prateleiras fossem colocadas no alto para permitir ao professor controlar todos os jogos e materiais dispostos pelo ambiente e a criança tivesse mais liberdade de ir e vir. (C) o ambiente favorecesse a mobilidade e a iniciativa das crianças, promovendo a realização das atividades de forma individual, impossibilitando a troca de experiência. (D) a sala fosse ampla e iluminada, com o mínimo de mobiliário, favorecendo a criança a exploração do corpo, correr, saltar, imitar etc. (E) na sala de aula as crianças não tivessem acesso direto aos materiais pedagógicos, pois que estes devem estar sempre a serviço dos adultos e não das crianças.
  17. 17. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 17 44. Ao valorizar a criança, as instituições de Educação Infantil resgatam sua função social, revitalizando as relações no espaço escolar como um espaço integrador, dinâmico, vivo, ao invés de um lugar cristalizado como transmissor de conteúdos da matéria. Com relação à organização do espaço e tempo, leia atentamente as afirmativas. I. Os espaços físicos e os ambientes devem oferecer condições para as crianças variarem as posições corporais. Para isso a escola poderá providenciar tapetes ou almofadas para o conforto das crianças. II. Estar junto é compartilhar a experiência do jogo e a troca de papéis nas relações conflituosas com o jogo. III. Repetir faz parte da elaboração para a compreensão de uma atividade, assim como está relacionado ao prazer de viver essa ou aquela situação. IV. O tempo reservado para a realização das atividades deve ter no máximo 10 minutos para evitar a dispersão da criança. Estão corretas as afirmativas: (A) I, II e III, apenas. (B) II, III e IV, apenas. (C) I, III e IV, apenas. (D) I, II e IV, apenas. (E) I, II, III e IV. 45. Em relação à interdisciplinaridade, assinale a alternativa correta: (A) A interdisciplinaridade é uma junção de dados ou fragmentos de elementos das diferentes disciplinas. (B) A interdisciplinaridade é definida como as relações significativas entre as diferentes disciplinas existentes. (C) A interdisciplinaridade acontece quando as metodologias e conhecimentos de outras disciplinas podem ser utilizados por professores de diversas áreas do conhecimento. (D) A interdisciplinaridade é um conjunto de ações individuais. (E) Nenhuma das respostas anteriores.
  18. 18. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 18 46. O espaço e a organização das instituições de Educação Infantil têm grande influência no bem-estar dos profissionais e, ainda mais, das crianças pequenas. Se o espaço não for acolhedor, provavelmente, vai gerar apatia, agressividade, nervosismo e uma sensação de incômodo nas crianças. Pensando nisso, como devem ser organizados os espaços na Educação Infantil? (A) O espaço na Educação Infantil deve ser visto como algo que instrui a criança. (B) Devem-se evitar áreas externas, gramados e areias, pois estes espaços são propícios a insetos e podem ameaçar a segurança das crianças. (C) Ao organizar ou decorar os espaços, é preciso colocar-se no lugar das crianças e tentar valorizá-los com os “olhos e medidas de crianças”. (D) O ideal é que o espaço seja decorado com materiais pedagógicos modernos que têm por objetivo manter as crianças em processo constante de desenvolvimento. (E) Independente dos recursos e materiais dispostos, é necessário que o espaço seja imutável para favorecer a autonomia das crianças. 47. Conversas durante o almoço na creche: Professor: – Come só um pouquinho! Criança: – Não, não quero, tá muito amarelo. Professor: – Come, está uma delícia! Criança: – Não, não gosto, ela é muito chata. Professor: – Quem é chata? Criança: – Essa comida. Professor: – Mas você nem experimentou! Criança: – Ah! Mas eu não quero não! Esse diálogo aconteceu em uma creche cuja alimentação é de qualidade, bem preparada e oferecida num lugar prazeroso, aconchegante, que favorece a aceitação dos alimentos pelas crianças. Estudos apontam para o fato de que as crianças entre dois e três anos costumam comer pouco. Pode-se explicar este fato porque a criança: (A) possui acúmulo de líquido que garante suas necessidades energéticas por mais tempo. (B) já apresentam nessa idade capacidade de relacionar determinados alimentos com determinados sabores, de que gosta ou desgosta. (C) está na “fase da negação”, prefere negar ao ter que se submeter ao adulto, ainda que seja para se alimentar. (D) precisa de limites e disciplina no momento da alimentação, no entanto a família se exime desta função. (E) come quando deseja e não em horários estabelecidos pela instituição.
  19. 19. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 19 48. Marcela, professora de crianças de 2 anos, adora ler histórias para seus alunos. Diariamente, lê diferentes textos. As crianças, mesmo com pouca compreensão do que está sendo lido, se envolvem pelo ritmo, pela entonação, emoção e pela cadência dada por Marcela em sua leitura. Considerando a atividade descrita, escolha a opção que melhor deslumbra a prática da professora Marcela. (A) A criança cria o hábito de escutar histórias, valorizando o livro como fonte de conhecimento e entretenimento. (B) A escuta de histórias na escola promove momentos prazerosos em grupo, enriquece o imaginário, amplia o vocabulário, além de familiarizar a criança com a leitura. (C) A prática da leitura diária de histórias é uma estratégica única e fundamental no desenvolvimento da linguagem. (D) A escuta diária de história desenvolve a postura de leitor/ouvinte. (E) A formação de futuros cidadãos críticos, reflexivos e atuantes. 49. Interações e brincadeiras são os eixos norteadores das práticas pedagógicas da Educação Infantil. A experiência acumulada por meio das brincadeiras e pelas interações com outras crianças e com adultos devem: I. Promover o conhecimento de si e do mundo por meio da ampliação de experiências sensoriais. II. Possibilitar a utilização de todos os espaços e recursos escolares para que haja um esgotamento de possíveis curiosidades ao longo do percurso. III. Favorecer a imersão das crianças nas diferentes linguagens. IV. Ampliar a confiança e a participação das crianças nas atividades individuais e coletivas. V. Promover os conflitos interpessoais a fim de encorajar o crescimento pessoal e estimular a autoconfiança. Os itens que NÃO estão de acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (Resolução CNE/CEB nº 5, de 17 de dezembro de 2009) são: (A) Apenas I, III e IV. (B) Apenas II e III. (C) Apenas I, II, III e V. (D) Apenas II e V. (E) Apenas I e II.
  20. 20. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 20 50. No livro “A ética na Educação Infantil”, as autoras dizem: “De todas as atividades da sala de aula, a hora da roda pode ser a mais importante, em termos de atmosfera sociomoral. Para muitos professores, esta também pode ser a hora mais difícil e desafiadora do dia”. Na prática do professor que realiza a roda de conversa, pode-se considerar que: (A) está favorecendo a ampliação do universo discursivo das crianças, promovendo momento de integração e socialização das crianças. (B) utiliza essa estratégia como única para desenvolver a oralidade, auxiliando- as no seu crescimento cognitivo, afetivo e social. (C) utiliza essa estratégia promovendo um momento de troca-troca entre as crianças. (D) está dando oportunidade para que os alunos aprendam a respeitar a fala de cada um do grupo. (E) está utilizando uma estratégia que levará a criança a desempenhar comportamentos espontâneos na sua vida social. 51. Os bebês e as crianças pequenas que ainda usam fraldas e que permanecem durante muitas horas na instituição educativa podem precisar de um banho. Esta prática deve ser realizada: (A) dissociada da prática pedagógica, pois se trata de uma atividade de rotina e higiene. (B) com a supervisão de um adulto até que as crianças completem 2 anos, idade em que elas já possuem autonomia para tomar banho sozinhas. (C) com atenção, inibindo as brincadeiras e explorações dos bebês ou crianças pequenas para que não se sujem novamente. (D) com rapidez, respeitando o tempo determinado pelo cronograma para não deixar as outras crianças em espera. (E) de forma que o banho sirva também para relaxar, refrescar, proporcionar conforto e prazer e preservar a integridade da pele. 52. Para as crianças até três anos, o ensino de ciências desenvolve a capacidade de: (A) estabelecer contato com pequenos animais, identificar suas classes e formular soluções para problemas. (B) reconhecer as funções básicas do corpo humano, principalmente os hábitos de higiene. (C) estabelecer relações com o meio ambiente a ponto de manifestar espontaneamente o desejo de preservação de algumas espécies, dando soluções para possíveis problemas. (D) explorar o ambiente, estabelecer contato com pequenos animais, plantas e objetos diversos, manifestando curiosidade e interesse.
  21. 21. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 21 (E) entender a relação entre o meio ambiente e as formas de vida existentes. 53. Em relação à literatura infantil assinale a alternativa correta. (A) Dentre as diversas formas de expressão artística, a literatura tem destaque, uma vez que traz em seu escopo a palavra, permeada por ideias, pensamentos imaginações. (B) A literatura impede o desenvolvimento pleno da imaginação. (C) A literatura infantil é um movimento que se distancia da arte por ter características próprias. (D) Na educação infantil não é preciso dar muita ênfase na literatura infantil pois nesta etapa de ensino o importante é brincar e jogar. (E) Nenhuma das alternativas anteriores. 54. Durante a realização de uma atividade em uma turma de crianças de 4 e 5 anos, surge uma discussão entre duas crianças: “– JOCA é com A no final”. – A criança repete enfatizando as sílabas JO-CA. A outra criança discorda: “– Não, JOCA é com K no final, aquela ali!” – apontando para a letra K exposta no alfabeto da sala. Analisando esta discussão dentro de uma perspectiva construtivista, é correto afirmar: (A) O fato de as crianças discutirem sobre a terminação da escrita da palavra relacionada ao som que ela produz, significa que estão sendo estimuladas pelo método fônico. (B) A professora deve intervir para que a criança não escreva a consoante sem a vogal no fim da palavra, para que isso não dificulte o processo de alfabetização no futuro. (C) As crianças estão construindo hipóteses, resolvendo problemas e elaborando conceituações sobe o escrito. (D) Esta é uma excelente oportunidade de decodificar a sílaba CA – CO – CU com as crianças, aproveitando o desejo de conhecimento que partiu do grupo. (E) Trata-se de uma situação digna de ser corrigida para dar lugar à aprendizagem normativa.
  22. 22. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 22 55. Em uma creche, consideram-se educadores todas e cada uma das pessoas que tem uma responsabilidade na instituição, seja a tutela de uma turma, a alimentação, a limpeza, a administração ou a portaria. Como funções próprias da equipe de educadores podem-se destacar as seguintes: I. Convocar os pais dos alunos, a fim de lhes dar informações necessárias para o bom andamento do processo educativo dos seus filhos. II. Estabelecer critérios de convivência entre todas e cada uma das pessoas que estão na escola, tanto crianças quanto adultos. III. Fixar as linhas que orientarão o tratamento das crianças com necessidades educativas especiais. IV. Proibir a entrada de parentes na escola durante o horário da entrada/saída. São atribuições do educador de creche: (A) I e II, apenas. (B) I, II e III, apenas. (C) I, III e IV, apenas. (D) II e III, apenas. (E) III e IV, apenas. 56. Em uma das rodinhas, trabalhando com os blocos lógicos, a professora pega uma peça, mostra aos seus alunos, e então sugere que eles, um de cada vez, peguem outra peça que tenha um só atributo diferente da peça anterior, ou seja, se a professora pegar o triângulo azul, fino, grande, o aluno poderá escolher o triângulo amarelo, fino, grande. Essa atividade foi pensada pela professora para explorar as operações lógicas de: (A) classificação e repetição. (B) seriação. (C) classificação. (D) observação e seriação. (E) subtração e repetição.
  23. 23. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 23 57. A apropriação da linguagem escrita, na perspectiva das práticas sociais letradas, vem sendo estudada como uma aprendizagem conceitual de grande complexidade. O trabalho pedagógico realizado nas classes de alfabetização, em geral, não se tem mostrado suficiente para formar leitores e escritores proficientes. As crianças aprendem a decodificar letras em sons, no caso da leitura, e a codificar sons em letras no caso da escrita, sem, no entanto, produzir sentido nessas atividades. Assim, não conseguem dar conta da leitura e da produção de textos socialmente legitimados. [...] Kato (1985) destaca a grande preocupação que os educadores têm por métodos de alfabetização como um instrumento seguro para ensinar a ler e a escrever. A autora salienta que para a grande maioria dos professores o método “é definido meramente como um conjunto de materiais, técnicas e procedimentos para se atingir um fim, isto é, um conjunto programado de atividades para o professor e o aluno” (p. 3-4). A autora adverte que um método para ser eficaz deve ter a ele subjacentes hipóteses claras sobre a natureza do objeto a ser aprendido e sobre a natureza da aprendizagem desse objeto. Ressalta ainda que é necessário que o professor conheça plenamente tais hipóteses. (GOULART, Cecília Maria. Disponível em www.scielo.br.) Tendo como base o fragmento, é correto afirmar que: (A) O trabalho com a linguagem verbal na escola atende satisfatoriamente ao objetivo de formar leitores de qualidade. (B) O trabalho com a linguagem verbal na escola é ineficaz na formação de leitores e escritores capazes de produzir bons textos. (C) O foco do trabalho com a linguagem escrita visa ao conhecimento de sons e letras, fator suficiente para a formação de leitores. (D) A relevância dada aos métodos de alfabetização, suas técnicas e procedimentos, é primordial para a formação de leitores e escritores proficientes. (E) A apropriação da linguagem se dá através da decodificação de letras e sons, contribuindo para a atribuição de sentido ao que se lê. 58. De acordo com Bassedas, Huguet e Solé (1999), o jogo proporciona benefícios indiscutíveis no desenvolvimento e no crescimento da criança. Considera-se entre tais benefícios: (A) estimular a competitividade e individualidade. (B) ter como principal objetivo o conhecimento do objeto. (C) explorar o meio, as pessoas e os objetos que a rodeiam. (D) ser uma atividade meramente lúdica. (E) estimular a disputa entre as crianças.
  24. 24. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 24 59. “Letramento é, sobretudo, Um mapa do coração do homem, Um mapa de quem você é, E de tudo que você pode ser.” (Trecho retirado do poema “O QUE É LETRAMENTO?” de Kate M. Chong, disponível em: http://intervox.nce.ufrj.br/%7Eedpaes/magda.htm.) O Poema “O que é letramento?” foi escrito por uma estudante americana tendo como referência sua história pessoal de letramento. Com base no conceito de letramento NÃO está correta a afirmação: (A) Ler é colocar em ação dispositivos e estratégias para atribuir significado ao texto escrito. (B) O indivíduo letrado é aquele que não só sabe ler e escrever, mas exerce as práticas sociais de leitura e escrita que circulam na sociedade em que vive. (C) Letrar é mais que alfabetizar. (D) Ler é pronunciar os sons dos signos do alfabeto, um após o outro, estabelecendo uma correspondência entre som e grafia. (E) Ler é ir além da simples aquisição do código escrito, é preciso fazer uso da leitura e da escrita no cotidiano, apropriar-se da função social dessas duas práticas. 60. Segundo Musatti (1993), durante uma brincadeira de faz de conta, a atividade das crianças desenvolve-se em torno de significados que estão relacionados, principalmente, a um saber: (A) individual. (B) conceitual. (C) emocional. (D) social. (E) racial. 61. As crianças pequenas progressivamente vão adequando seus gestos e movimentos as suas reais intenções e necessidades. Há também o desenvolvimento dos gestos simbólicos. Assinale um exemplo de gesto simbólico ligado ao faz de contas. (A) Apontar o alimento que prefere. (B) Colocar os braços na posição de ninar e balançar a boneca. (C) Jogar um objeto no chão. (D) Pegar um objeto no chão. (E) Dar tchau e acenar para um fantoche.
  25. 25. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 25 62. Quando o professor pergunta para uma criança: – Você acha que seu nome, Gabriela, poderia ajudá-la a escrever “janela”? – esse professor está: (A) conduzindo a criança a refletir sobre a linguagem escrita por meio do diálogo, questionando-a a respeito do que ela escreve e lê do jeito dela. (B) ensinando a escrita correta da palavra janela, utilizando o nome próprio como recurso didático. (C) conduzindo a criança a escrever novas palavras, questionando-a a respeito do que ela escreve e lê do jeito dela, mas intervindo com a correção. (D) dialogando sobre a separação da palavra em sílabas, para a compreensão da escrita espontânea. (E) ensinando tradicionalmente a escrita das palavras, levando a criança a associar as sílabas finais à sonoridade da palavra falada. 63. Na Educação Infantil, indiferente do tempo de permanência das crianças na escola, todas farão refeições diárias. As atividades de alimentação e higiene das crianças devem ser vistas pelos educadores como: (A) irrelevantes para o professor, pois não têm relação com as atividades educacionais. (B) momentos importantes, que devem ser acompanhados pelo professor, tanto pelos aspectos educacionais quanto de cuidados que elas envolvem. (C) momentos de ensino, em que os conhecimentos científicos podem ser ensinados por intermédio dessas atividades. (D) mais importantes do que as atividades de sala de aula porque na idade pré- escolar as crianças necessitam mais de cuidados do que de educação. (E) E momentos relaxantes, por isso o espaço reservado para essas atividades deve ser organizado de maneira que as crianças possam assistir filmes durante a alimentação. 64. Era uma vez uma menina que gostava de caqui. Ela achava o caqui muito saboroso. O caqui achava horroroso se outra fruta ficava podre. E a fruta era muito gostosa. Quando a menina lavava o caqui ela achava que estava muito chuvoso. (Mary A. Kato (org.), A concepção da escrita pela criança, 1992) Há aspectos a revisar e reescrever no texto do aluno, em especial, (A) o uso da pontuação, da concordância e grafia das palavras. (B) a falta de coesão revelada pela repetição da palavra “caqui”. (C) o emprego inadequado de pronomes para fazer a coesão textual. (D) a incoerência entre as partes do texto e entre o texto e o mundo. (E) a ausência dos elementos constituintes do gênero lenda.
  26. 26. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 26 65. Sendo a psicomotricidade uma ciência que tem por objeto o estudo do homem por meio do seu corpo em movimento, pode-se considerar que a charge de Francesco Tonucci faz uma crítica: (A) ao trabalho psicomotor que beneficia a criança no controle de sua motricidade, utilizando de maneira privilegiada a base rítmica associada a um trabalho de controle tônico e de relaxação cautelosamente conduzido. (B) à visão de que corpo e a imaginação da criança separam- se, encontram- se de forma fragmentada. (C) ao corpo em movimento, por meio de uma trama de sensações sinestésicas, sensoriais, emocionais, neurológicas organizadas por vias receptivas e expressivas. (D) à afirmação de que por meio da ação a criança vai se descobrindo e ampliando suas potencialidades e possibilidades de estar no mundo. (E) ao fato de a psicomotricidade estar presente nos movimentos mais simples e naturais da criança e sendo trabalhada de forma consciente e ampliada permite que a criança vivencie situações de superação, de possibilidades, de autoestima, autoconhecimento, satisfação e confiança, auxiliando o seu potencial por via do movimento.
  27. 27. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 27 66. A leitura de histórias feita pelos adultos para as crianças é considerada fundamental no processo de aprendizagem, pois: (A) o adulto já sabe interpretar o que o autor quis dizer, facilitando o trabalho da criança. (B) cria-se um vínculo afetivo entre história-adulto-criança, promovendo a curiosidade pela escrita e pela exploração das letras. (C) os pais podem avaliar o quanto a criança é capaz de interpretar a história por meio da quantidade de letras que ela consegue decodificar no texto. (D) as narrações podem ser modificadas quando supervisionadas por um adulto. (E) as crianças sentem-se mais seguras quando exploram o texto junto com o adulto. 67. Em um grupo de crianças de um ano de idade, a professora pergunta: O que será que temos neste pote? Após alguns segundos de observação, a professora levanta o pote, descobrindo o objeto, e diz: Uma maçã! Ela então volta a cobrir a maçã e pergunta? Ué! Onde está a maçã? Essa experiência é um exemplo de brincadeira que: (A) auxilia a criança a elaborar, progressivamente, a construção mental da imagem de um objeto ou de uma pessoa ausente. (B) tem como objetivo desenvolver o raciocínio lógico-matemático, trabalhando a noção espacial – apareceu e desapareceu. (C) permite o confronto das opiniões características desta idade. (D) ajuda a passar o tempo com alguma atividade sem fundamentos e objetivos. (E) não deve ser feita com essa faixa etária, pois as crianças se irritam com o desaparecimento do objeto. 68. Não se deve estranhar que, quando uma criança é levada a um contexto não conhecido, possa ter diferentes manifestações. Para alcançar uma boa adaptação na creche é permitido ao educador, EXCETO: (A) dedicar um tempo mais individualizado a cada criança no momento da chegada, para poder estabelecer uma relação mais pessoal. (B) explicar com tranquilidade ao pai e à mãe os avanços da criança e as possíveis distâncias que podem ocorrer quando ela começar a adaptar-se. (C) criar um canal de comunicação de maneira que a criança possa manifestar os medos, as dificuldades e os avanços do processo de adaptação. (D) programar a rotina para um tempo menor e ir aumentando gradativamente. (E) estipular uma regra geral para determinar o tempo que a família poderá permanecer na escola, independente da necessidade da criança.
  28. 28. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 28 69. Quando o educador de creche propõe para as crianças atividades como: rolar sobre um colchão, passar por baixo de obstáculos, correr ou saltar, ele está favorecendo: (A) o equilíbrio, a locomoção e a preparação para a hora do sono. (B) o sentido de espaço, o equilíbrio e a obediência a regras e normas. (C) a locomoção, a alfabetização e a audição. (D) a locomoção, o equilíbrio e o sentido de espaço. (E) o prazer de correr e pular na sala e ainda a cordialidade. 70. A prática da observação e registro na Educação Infantil tem como principal objetivo: (A) encaminhar a criança que não atende aos critérios avaliativos para um especialista. (B) atribuir notas em relação ao conhecimento adquirido durante o ano letivo. (C) avaliar se a conduta, o comportamento e a disciplina da criança estão compatíveis com a sua faixa etária. (D) documentar o estágio de desenvolvimento em que a criança se encontra para fins de promoção para a série seguinte. (E) ajudar na avaliação e no replanejamento da ação educativa. 71. Na escola de Educação Infantil, são necessários diferentes tipos de materiais de uso coletivo e individual que permitam sua exploração pela criança. Marque a alternativa que apresenta materiais INADEQUADOS à faixa etária entre um a dois anos: (A) bolas, bonecas e mobília de cozinha em tamanho pequeno. (B) brinquedos de arrastar, triciclos e brinquedos de encaixe. (C) papéis, lápis e plásticos adesivos. (D) quebra-cabeça, dominó e tesouras. (E) brinquedos de montar, baldinhos e pás para brincar na areia. 72. Segundo Adriana Friedmann (2006), quais os enfoques que se pode analisar no ato de brincar? (A) Sociológico, folclórico e educacional. (B) Educacional, antropológico, folclórico e sociológico. (C) Sociológico, educacional , psicológico, antropológico e folclórico. (D) Psicológico, folclórico, sociológico e antropológico. (E) Psicológico, folclórico, educacional, sociológico.
  29. 29. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 29 73. As atividades que envolvem música são estimulantes. Os instrumentos musicais podem ser utilizados como recurso para essas atividades. Assinale o item que NÃO se relaciona ao fazer musical: (A) o silêncio. (B) bater palmas. (C) observar a foto de um violão. (D) produzir sons vocais. (E) bater os pés no chão. 74. Emília Ferreiro (2010) indica algumas propostas sobre o processo de alfabetização que têm como fundamento as pesquisas sobre a psicogênese da língua escrita. Assinale a alternativa que contém duas propostas que estão de acordo com tais fundamentos. (A) Restituição do caráter de objeto social à língua escrita. / Interação com a língua escrita nos mais variados contextos. (B) Aceitação da produção e livre interpretação de alguns textos escritos por todos os alunos. / Supervalorização da criança, que pode escrever de acordo com seu nível. (C) Estimulação das crianças para interagirem com a língua escrita, nos mais variados contextos. / Imediata exigência de correção gráfica. (D) Permissão do acesso o quanto antes possível à escrita do nome próprio. / Expectativa de que a criança, de imediato, compreenderá a relação entre a escrita e a linguagem. (E) Ausência de supervalorização da criança, supondo que de imediato ela compreenderá a relação entre a escrita e a linguagem. / Solicitação de imediata correção gráfica aos alunos. 75. De acordo com Emília Ferreiro (Reflexões sobre alfabetização, 2010, pág. 42), a escrita deve ser entendida como (A) um produto de natureza escolar. (B) uma construção de normas linguísticas. (C) um instrumento escolar de comunicação. (D) uma representação fidedigna da oralidade. (E) um objeto coletivo e cultural.
  30. 30. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 30 76. Para a promoção de qualidade das ações pedagógicas no que diz respeito às atividades de artes, o professor deve, EXCETO: (A) possibilitar o uso de diferentes materiais pelas crianças. (B) garantir a troca de experiências entre as crianças durante as produções coletivas. (C) valorizar as obras bem feitas e bem acabadas, criando assim um conceito de belo. (D) compreender a arte como linguagem que constrói objetos com significados. (E) estimular as diferentes leituras e pontos de vistas entre as crianças. 77. Em geral, a leitura por prazer associa-se à leitura de literatura. É natural que isso aconteça, pois os textos literários, cada um em seu nível e no nível adequado dos alunos poderão “enganchá-los” com maior probabilidade. Entretanto, também é muito frequente que a leitura de um texto literário seja associada ao trabalho sobre esses textos – questionários de comentário de textos, análise da prosa etc. – que, por outro lado, é totalmente necessário. (Isabel Solé, Estratégias de leitura, 1998) Segundo a autora, (A) os textos literários precisam ser fáceis para poderem ser lidos pelos alunos. (B) além de propiciarem o prazer de ler, textos literários também são objetos de ensino. (C) o prazer da leitura ocorre porque os textos poéticos são mais adequados às crianças. (D) é desaconselhável realizar atividades de leitura e escrita sobre textos literários. (E) somente textos literários adequados aos alunos poderão resultar em prazer estético. 78. Duas fases são reconhecidamente presentes no desenvolvimento da linguagem: a fase pré-linguística e a fase linguística. Pode-se considerar que a criança com doze meses está na fase: (A) linguística – produz choros diferenciados e sons primitivos. (B) pré-linguística – inicia o balbucio, emitindo sequências CVCVCV. Nessa sequência, a consoante não muda. (C) linguística – as primeiras palavras começam a ser ditas como: “mamá”. (D) pré-linguistica – o repertório poderá ter entre 30 a 40 palavras. (E) linguística – faz uso da linguagem telegráfica.
  31. 31. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 31 79. Isabel Solé (1998) assinala que as crianças teriam condições de atingir níveis adequados de leitura, se fossem ensinadas a ler de forma apropriada. Em função disso, indica algumas estratégias para antes da leitura propriamente dita dos textos, entre elas, (A) formular um questionário para que os alunos, durante a leitura do texto, encontrem as respostas e as registrem por escrito. (B) explicar o tema do texto e posicionar-se pessoalmente sobre ele para levantar o ânimo dos alunos para sua leitura. (C) listar na lousa as palavras desconhecidas do texto a ser lido para que os alunos previamente encontrem seu sentido no dicionário. (D) incentivar os alunos a anteciparem o tema do texto a partir do título, subtítulo, imagens, entre outros elementos paratextuais. (E) distribuir fichas de avaliação de leitura aos alunos para criar neles o compromisso em relação à leitura do texto proposto. 80. No contexto educativo atual, Cuidar significa: (A) a relação entre a dimensão afetiva e os cuidados dos aspectos psicológicos das crianças. (B) a preservação da vida, promovendo a saúde e o bem-estar da criança. (C) a atuação dos profissionais como substitutos maternos. (D) a proteção, a saúde e a alimentação, atuando de forma compensatória em supostas faltas ou carências das crianças. (E) a integração de vários campos de conhecimentos do profissional atuante, a cooperação de profissionais de diferentes áreas, valorizando e ajudando a desenvolver suas capacidades. 81. “Creche não é escola nem preparação para futura escola. Creche deve ser um lugar bom de ficar, brincar, comer, dormir e de crescer.” (Rizzo, 2000). Entre as atividades abaixo, assinale a que NÃO se caracteriza como aprendizado fundamental para criança de 0 a três anos. (A) Usar o vaso sanitário. (B) Reconhecer o nome das coisas. (C) Lavar as mãos. (D) Conversar. (E) Usar o computador.
  32. 32. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 32 82. Weisz (2002) discute a questão do erro no processo educativo na perspectiva construtivista e defende que os erros devam ser (A) assinalados pelo professor com clareza e corrigidos pelo próprio aluno, não importando o momento nem os recursos utilizados. (B) corrigidos de forma informativa pelo professor, no momento certo, que nem sempre é o momento em que foram cometidos. (C) ignorados no momento em que foram cometidos, e discutidos, posteriormente, com todos os alunos da classe, sem identificar quem errou. (D) corrigidos longe da vista dos alunos, os quais deverão passar o trabalho a limpo posteriormente, submetendo-o, novamente, ao professor. (E) ignorados no processo de alfabetização para não desestimular o processo de produção dos alunos pelo medo de errar. 83. A aplicação de jogos, brincadeiras e brinquedos, em diferentes situações educacionais, pode ser um meio para: (A) registrar as ações lúdicas com base na observação, no registro e no tratamento. (B) mapear a criança em sua trajetória lúdica durante sua vivência na escola. (C) estimular, analisar e avaliar aprendizagens específicas, competências e potencialidades das crianças envolvidas. (D) diagnosticar valores interessantes e necessidades do indivíduo. (E) compreender melhor suas ações e fazer um diagnóstico mais seguro de suas aprendizagens. 84. Na rotina da creche, existe o horário do sono. O sono da tarde tem características próprias, devendo, portanto: (A) recriar um ambiente completamente escuro e silencioso. (B) apenas quebrar a luminosidade e diminuir o ritmo da creche, para que as crianças se sintam convidadas a descansar. (C) cobrir o rosto da criança com um paninho, para que elas se sintam convidadas a descansar. (D) aconchegar a criança no colo e niná-la. (E) somente colocar a criança para dormir, após saciar sua fome, oferecendo- lhe, por exemplo, uma bebida achocolatada.
  33. 33. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 33 85. Numa perspectiva construtivista, a cada nova etapa de ensino ou introdução de um novo assunto, devemos averiguar quais são os conhecimentos prévios dos alunos acerca desse determinado conteúdo. De acordo com Mariana Miras in Coll (2006), qual instrumento de avaliação deve ser privilegiado nessas situações? (A) Instrumentos abertos, com o diálogo entre professor e alunos, e proposição de problemas e situações a serem resolvidos, sem conotação de “exame”. (B) Instrumentos fechados, como testes, realizados individualmente pelos alunos que, depois de corrigidos, são discutidos em grupo. (C) Trabalhos em grupo, realizados fora da escola e apresentados em aula para o professor e os colegas. (D) Instrumentos abertos respondidos individualmente para que um aluno não interfira na produção do outro. (E) Instrumentos fechados, que serão tabulados e analisados pelo professor para auxiliá-lo no planejamento das aulas. 86. Um dos saberes necessários à prática educativa, apontados por Paulo Freire (1996), está a exigência da reflexão crítica do educador sobre a prática que ele vivencia em sala de aula. Isso significa que a prática docente envolve, segundo o autor, (A) a preparação dos conteúdos a serem transmitidos na prática. (B) a avaliação sobre o fazer pedagógico de cada dia. (C) o saber já adquirido pela prática a ser passado para os alunos. (D) a aplicação de uma teoria educacional na prática cotidiana. (E) o movimento dinâmico entre o fazer e o pensar sobre o fazer. 87. Segundo Macedo, o professor de “ontem” é muito diferente do professor de “hoje” quanto às exigências que lhe eram e são feitas. Atualmente, espera-se que o professor ensine segundo a lógica da inclusão, o que implica (A) que as competências de ensinar devem ser dissociadas das competências do aprender. (B) a necessidade de aprimorar as técnicas de ensino. (C) a necessidade de fortalecer a leitura e a escrita. (D) que ensinar e aprender são indissociáveis. (E) garantir que cada professor desenvolva integralmente o conteúdo estabelecido.
  34. 34. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 34 88. Um dos saberes necessários à prática educativa, apontados por Paulo Freire (1996), está a exigência da reflexão crítica do educador sobre a prática que ele vivencia em sala de aula. Isso significa que a prática docente envolve, segundo o autor, (A) a preparação dos conteúdos a serem transmitidos na prática. (B) a avaliação sobre o fazer pedagógico de cada dia. (C) o saber já adquirido pela prática a ser passado para os alunos. (D) a aplicação de uma teoria educacional na prática cotidiana. (E) o movimento dinâmico entre o fazer e o pensar sobre o fazer. 89. Leia as afirmações de Freire (1996) a seguir. Saber da História como possibilidade e não como determinismo. Não sou apenas objeto da História, mas seu sujeito igualmente. No mundo da História, da cultura, da política, constato não para me adaptar, mas para mudar. Com essas afirmações, o autor define que, na prática educativa, um dos saberes necessários é que ensinar exige (A) reconhecimento de ser geneticamente determinado. (B) segurança e generosidade. (C) compreensão e respeito à autonomia do ser educando. (D) bom senso. (E) convicção de que a mudança é possível. 90. São conhecidas como as principais Teorias de Aprendizagem: (A) Socialista, Expressionista, Intimista e Psicomotora. (B) Cognitiva, Linguística e Psicomotora. (C) Afetiva, Cognitiva e Avaliativa. (D) Comportamentalista, Cognitiva, Afetiva e Psicomotora. (E) Psicomotora, Psicológica, Humanizadora e Construtivista.
  35. 35. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 35 91. A filha de Fernanda ingressará em 2014 no 1º Ano do Ensino Fundamental, porém, Fernanda receia não conseguir matriculá-la nesta série, pois durante o ano de 2013, sua filha obteve baixa frequência na escola, em razão de viagens e doenças. De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil, o que Fernanda deverá fazer? (A) Matricular sua filha novamente na Educação Infantil, para que ela possa refazer o último período. (B) Matricular sua filha normalmente no 1º Ano do Ensino Fundamental, pois a frequência na Educação Infantil não é pré-requisito para a matrícula no Ensino Fundamental. (C) Matricular em uma escola particular no Ensino Fundamental, pois a escola pública exigirá frequência na Educação Infantil como pré-requisito para o Ensino Fundamental. (D) A exigência é de no mínimo 75% de frequência na Educação Infantil, logo Fernanda poderá matricular sua filha no Ensino Fundamental. (E) As Diretrizes afirmam que neste caso ela deverá matricular a filha no turno da manhã para cursar o 1º Ano do Ensino Fundamental e no turno da tarde no último período da Educação Infantil. 92. Com base na Resolução CNE/CEB nº 5, de 17/12/2009, que estabelece as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil, há três princípios que devem ser respeitados na proposta pedagógica de Educação Infantil. Marque a alternativa que define o princípio Estético. (A) Da autonomia, da responsabilidade, da solidariedade e do respeito ao bem. (B) Do direito a uma educação digna, do convívio, da conduta do agente estar orientada, significativamente, pela conduta de outro ou outros. (C) Dos direitos de cidadania, do exercício da criticidade e do respeito à ordem democrática. (D) Dos direitos de igualdade em dignidade e em espírito de fraternidade. (E) Da sensibilidade, da criatividade, da ludicidade e da liberdade de expressão nas diferentes manifestações artísticas e culturais.
  36. 36. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 36 93. De acordo coma as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil, as propostas pedagógicas das instituições deverão prever condições para o trabalho coletivo e para a organização de materiais, espaços e tempos que assegurem: I. A educação em sua integridade, entendendo o cuidado como algo dissociável ao processo educativo. II. A indivisibilidade das dimensões expressivo motora, afetiva, cognitiva, linguística, ética e sociocultural da criança. III. A participação, o diálogo e a escuta cotidiana das famílias, o respeito e a valorização de suas formas de organização. IV. O estabelecimento de uma relação efetiva com a comunidade local e de mecanismos que garantam a gestão democrática e a consideração dos saberes da comunidade. Estão corretas apenas: (A) I, II e III (B) II, III e IV (C) I, III e IV (D) I, II e IV (E) III e IV 94. A Resolução nº 5, de 17 de dezembro de 2009, que fixa as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil em seu Art. 6º (incisos I, II e III) determina que as propostas pedagógicas de Educação Infantil devam respeitar os seguintes princípios: (A) Da sensibilidade, da criatividade e da ludicidade. (B) Políticos, democráticos e crítico. (C) Estéticos, culturais e regionais. (D) Éticos, políticos e estéticos. (E) Da autonomia, da singularidade e do respeito.
  37. 37. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 37 95. De Acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para Educação Básica (Resolução CNE/CEB n° 4, de 13 de julho de 2010), são etapas cor respondentes a diferentes momentos constitutivos do desenvolvimento educacional: (A) a Educação Infantil, que compreende: a Creche e a Pré-Escola, o Ensino Fundamental e o Ensino Médio. (B) a Educação Infantil e o Ensino Fundamental. (C) o Ensino Fundamental de 9 anos e o Ensino Médio. (D) o Ensino Fundamental. (E) a Pré-Escola, o Ensino Fundamental de 9 anos e o Ensino Médio. 96. De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para o ensino fundamental de nove anos, marque o INCORRETO. (A) Os dois anos iniciais do ensino fundamental devem assegurar somente a alfabetização, foco primordial desta etapa. (Art. 30) (B) É dever do Estado garantir a oferta do ensino fundamental público, gratuito e de qualidade, sem requisito de seleção. (Art. 4º) (C) O atendimento educacional especializado aos alunos da educação especial será promovido e expandido com o apoio dos órgãos competentes. (Art. 42) (D) A necessária integração dos conhecimentos escolares no currículo favorece a sua contextualização e aproxima o processo educativo das experiências dos alunos. (Art. 24) (E) Considera-se período integral a jornada escolar que se organiza em sete horas diárias, no mínimo, perfazendo uma carga horária anual de, pelo menos, mil e duzentas horas. (Art. 36) 97. O Ensino Fundamental de 9 (nove) anos de acordo com a LEI Nº 11.274/2006 é um movimento mundial, mesmo na América do Sul, são vários os países que o adotam, fato que chega até a colocar jovens brasileiros em uma situação delicada, uma vez que, para continuar seus estudos, é colocada a contingência de compensar a defasagem constatada. Para executá-lo se faz necessários os seguintes requisitos: Identifique a alternativa incorreta. (A) Inclusão da criança de 6 anos de idade. (B) Letramento e a alfabetização no Ensino Fundamental, repensando a prática pedagógica. (C) Organização do trabalho pedagógico desassociado da prática. (D) Avaliação, prática pedagógica como eixo de reflexão. (E) Modalidade organizativa do trabalho pedagógico.
  38. 38. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 38 98. No dia a dia da instituição, o professor pode achar mais fácil centralizar todas as decisões, definindo o que é como fazer, com quem e quando. Essa centralização pode resultar, num ambiente autoritário, em que não há espaço para o exercício da ação: (A) sistematizada. (B) autônoma. (C) cooperativa. (D) desafiadora. (E) integradora. 99. De acordo com a Lei n° 8.069 – ECA, a criança e o adolescente têm direito à educação, visando ao pleno desenvolvimento de sua pessoa, preparo para o exercício da cidadania e qualificação para o trabalho, sendo-lhes assegurado no âmbito escolar: (A) condições para o acesso e permanência na escola, exceto para aqueles que residem nas áreas rurais. (B) o direito de ser respeitado por seus educadores e autoridades civis. (C) o direito de contestar critérios avaliativos, podendo recorrer às instâncias escolares superiores. (D) o direito de organização e participação em entidades religiosas. (E) o acesso à escola pública ou particular próxima de sua residência. 100. Quanto ao Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil, pode-se afirmar que: (A) É uma proposta aberta, flexível e não obrigatória que serve para subsidiar os sistemas educacionais. (B) É uma lei que explica cada área do conhecimento a ser desenvolvida na escola. (C) É uma resolução na qual se pretende resolver os complexos problemas dos sistemas educacionais. (D) É uma proposta a ser fielmente cumprida pelas instituições educacionais. (E) É a lei orgânica e geral da educação brasileira.
  39. 39. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 39 Confira suas respostas no gabarito! PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL SEMED - SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE MANAUS/AM PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED/MANAUS/AM 01 E 21 A 41 E 61 B 81 E 02 A 22 C 42 B 62 A 82 B 03 E 23 B 43 A 63 B 83 C 04 A 24 D 44 A 64 D 84 B 05 A 25 D 45 C 65 B 85 A 06 A 26 B 46 C 66 B 86 E 07 C 27 C 47 B 67 A 87 D 08 C 28 A 48 B 68 E 88 E 09 D 29 E 49 D 69 D 89 E 10 C 30 C 50 A 70 E 90 D 11 B 31 B 51 E 71 D 91 B 12 B 32 E 52 D 72 C 92 E 13 B 33 A 53 A 73 C 93 E 14 D 34 A 54 C 74 A 94 D 15 D 35 D 55 B 75 E 95 A 16 E 36 D 56 C 76 C 96 A 17 E 37 C 57 B 77 B 97 C 18 C 38 E 58 C 78 C 98 B 19 A 39 D 59 D 79 D 99 C 20 A 40 B 60 D 80 E 100 A ACESSE O SITE: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR
  40. 40. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 40 VMSIMULADOS.COM.BR VEJA OS VÍDEOS NO YOUTUBE! 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 6,99 R$: 7,99 R$: 6,99 R$: 6,99 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 7,99 R$: 6,99 R$: 6,99 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 10 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 6,00 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.
  41. 41. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 41 VMSIMULADOS.COM.BR 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 7,99 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 150 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 7,99 R$: 14,99 R$: 7,99 50 QUESTÕES 100 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 12,99 R$: 7,99 R$: 7,99 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.
  42. 42. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 42 VMSIMULADOS.COM.BR VEJA OS VÍDEOS NO YOUTUBE! 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 7,99 R$: 6,99 R$: 6,99 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 6,99 100 QUESTÕES 100 QUESTÕES 100 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 10,99 R$: 10,99 R$: 11,99 R$: 6,99 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.
  43. 43. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 43 VMSIMULADOS.COM.BR VEJA OS VÍDEOS NO YOUTUBE! 50 QUESTÕES 100 QUESTÕES 50 QUESTÕES 60 QUESTÕES R$: 7,99 R$: 12,99 R$: 6,99 R$: 7,99 100 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 12,99 R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 6,99 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES 50 QUESTÕES R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 6,99 R$: 7,99 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS, EM FORMATO PDF. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.
  44. 44. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 44 VMSIMULADOS.COM.BR VEJA OS VÍDEOS NO YOUTUBE! 100 QUESTÕES 100 QUESTÕES 100 QUESTÕES 120 QUESTÕES R$: 10,99 R$: 10,99 R$: 10,99 R$: 12,99 120 QUESTÕES 120 QUESTÕES 100 QUESTÕES 100 QUESTÕES R$: 12,99 R$: 12,99 R$: 10,99 R$: 10,99 100 QUESTÕES 120 QUESTÕES 300 QUESTÕES 100 QUESTÕES R$: 10,99 R$: 12,99 R$: 14,99 R$: 10,99 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS, EM FORMATO PDF. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.
  45. 45. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 45 VMSIMULADOS.COM.BR VEJA OS VÍDEOS NO YOUTUBE! 120 QUESTÕES 100 QUESTÕES 120 QUESTÕES 120 QUESTÕES R$: 12,99 R$: 12,99 R$: 12,99 R$: 12,99 120 QUESTÕES 120 QUESTÕES 150 QUESTÕES 150 QUESTÕES R$: 12,99 R$: 12,99 R$: 14,99 R$: 14,99 100 QUESTÕES 120 QUESTÕES 120 QUESTÕES EM BREVE R$: 10,99 R$: 12,99 R$: 12,99 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS, EM FORMATO PDF. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.
  46. 46. VMSIMULADOS.COM.BR PROFESSOR EDUCAÇÃO INFANTIL – SEMED – MANAUS/AM WWW.VMSIMULADOS.COM.BR 46 VMSIMULADOS.COM.BR VEJA OS VÍDEOS NO YOUTUBE! 100 QUESTÕES 100 QUESTÕES EM BREVE R$: 12,99 R$: 12,99 Compre no site: WWW.VMSIMULADOS.COM.BR ATENÇÃO: IMAGENS MERAMENTE ILUSTRATIVAS. OS SIMULADOS SÃO DIGITAIS, EM FORMATO PDF. NÃO COMERCIALIZAMOS MATERIAL IMPRESSO. PORÉM OS MESMOS PODEM SER IMPRESSOS PELO CLIENTE.

×