Aula do dia 26-03-2015
Tecnologias digitais e educação (TDE)
Continuação da aula anterior com os tipos de software educati...
Outro software educativo é o tutorial, os programas constituem uma versão
computacional da instrução programada. Esse soft...
São precisas e não ambíguas; Podem ser vistas como linguagem matemática; A
representação da solução do problema pode ser a...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula do dia 26 de março de 2015 de tecnologia digital e educação

89 visualizações

Publicada em

Aula do dia 26 ministrada pelo professor Carlos França onde vimos e discutimos todos os tipos de softwares educativos que podem ser utilzados na sala de aula e fora dela também. Sendo assim começamos a utiliza-los a partir da aula de hoje.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
89
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula do dia 26 de março de 2015 de tecnologia digital e educação

  1. 1. Aula do dia 26-03-2015 Tecnologias digitais e educação (TDE) Continuação da aula anterior com os tipos de software educativos Na aula de hoje demos continuidade vendo todos os tipos de software educativos, na aula anterior havíamos falado do jogo e hoje falamos dos demais que são os softwares educativos Simulação, tutorial, linguagem e programação e aplicativos. A simulação então é um programa de computador que envolve a criação de modelos dinâmicos e simplificados do mundo real. Esse modelo também permite a exploração de situações fictícias de situação com risco e manipulação de substancias ou objetos perigosos ou de outros materiais caros, ou ainda de situações impossíveis como um desastre ecológico. As simulações podem ser classificadas em estáticas, onde não há participação do aluno, são demonstrações a que o aluno assiste, como um filme, um vídeo, já a simulação interativa o aluno tem oportunidade de estabelecer hipóteses como, realizar experimentos verificando suas suposições. Uma simulação pode permitir, além do uso de laboratórios, operar um reator nuclear, controlar uma rede de hospitais, lojas, hotéis, controlando a poluição ambiental. Esse software tem como característica: Desperta muito interesse no aluno; Fazem observações sistemáticas de aspectos qualitativos e quantitativos do ponto de vista do conhecimento que estabelecem entre eles; Além disso, oferecem segurança, experiência realística, vantagens econômicas; Oferece oportunidade ao aluno de explorar suas próprias respostas, não somente se limitar a resposta do professor; Fornece instruções claras para a participação do aluno como, regras e diretrizes antes que a simulação comece, controlando também sua ansiedade. Muitas pessoas acreditam que o único uso da simulação é sua capacidade de substituir experimentos reais que não são possíveis ser feitos na sala de aula e sim em laboratórios acham que a simulação deve ser evitada quando for possível, já outras acreditam que a simulação é um modo errado de ensinar isso varia de cada indivíduo dependendo para que irá usá-la. A simulação tem algumas desvantagem como todos os software, por si só ela não cria a melhor situação de aprendizado. Vale ressaltar que todo e qualquer software educativo só pode ser trabalhado como se fosse um fixador do conteúdo.
  2. 2. Outro software educativo é o tutorial, os programas constituem uma versão computacional da instrução programada. Esse software desse tipo pode apresentar habilidades, informações ou conceitos novos aos alunos, substituindo aulas, livros e filmes. Podendo apresentar o material com outras características sendo elas: som, animação podendo ser um apoio e reforço nas aulas, tanto para o professor como para o aluno. O software tutorial tem como característica, Possui recursos motivacionais, afim de garantir a atenção do aluno; Oferece liberdade de tempo e resposta, permitindo que o aluno aprenda em seu próprio ritmo; Fornece orientação incluindo para facilitar a aprendizagem; Apresenta facilidade de leitura na tela do computador, estimulando a comunicação aluno computador; fornece feedback, analisando as respostas incorretas e encaminhando para a resposta certa; Avalia o desempenho do aluno para determinar se ele alcançou os objetivos que são esperados. O mesmo também tem a capacidade de ensinar e controlar o progresso da aprendizagem dos alunos, outra vantagem é o fato de o computador poder apresentar o material com outras características que não são permitidas no papel como animação e som. Porém tem suas desvantagens, apesar da capacidade do computador de sons, imagens, cores, esses tipos de programas nada mais fazem do que reproduzir a sala de aula convencional. Tornando assim o aluno pouco crítico. Vemos também novas tendências que são os tutoriais inteligentes o mesmo vem para quebrar esse pensamento, pois é uma forma inteligente que tem a capacidade de avaliar e analisar padrões de erro do aluno avaliando o estilo e a capacidade de aprendizagem do aluno. Outro software é a linguagem e programação que tem como objetivo a exploração das linguagens de programação e propiciar um ambiente de aprendizado baseado na resolução de problemas. A linguagem LOGO é a mais conhecida e utilizada nos processos educativos. O LOGO foi desenvolvido na década de 60 o mesmo é uma linguagem denominada como estruturada e que se assemelha muito a linguagem executada no nosso dia a dia. O aspecto pedagógico do LOGO está fundamentado no construtivismo Piagetiano. A linguagem de programação tem como principais características:
  3. 3. São precisas e não ambíguas; Podem ser vistas como linguagem matemática; A representação da solução do problema pode ser acompanhada passo a passo. Por que usar a linguagem de programação, pois quando o aluno representa a resolução do problema, matemático segundo um programa de computador ele tem uma descrição formal, com isto o aluno pode verificar suas ideias e conceitos. Se existe algo errado o aluno pode analisar o programa e identificar o erro. O aplicativo que é o ultimo software que vimos os processadores de texto e as planilhas eletrônicas são os tipos mais conhecidos de aplicativos que podem ser explorados em uma abordagem educacional mais aberta. Estas atividades estarão associadas à criatividade do professor, que é o responsável por propor trabalhos e desafios que possam exigir mais do aluno. O aplicativo tem como característica: Estimular a realização de trabalhos de forma colaborativa; Desenvolve a criatividade, apresenta varias opções de interação oferecem amplas possibilidades permitindo a troca de arquivos entre as pessoas. Para finalizar vimos também que temos a avaliação de todos esses aplicativos que podem ser feitas também pelos professores na mesma conata a avaliação da documentação, pertinência ao programa curricular, aspectos didáticos, características de interface, adaptabilidade, gestão de erros todos esses tópicos podem e devem ser avaliados quando usamos um software educativo.

×