Trabalho e potencia Fisica

714 visualizações

Publicada em

Slides para explicar de maneira fácil sobre trabalho e potencia.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
714
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho e potencia Fisica

  1. 1. Trabalho de Física Trabalho e potencia
  2. 2. Trabalho motor, trabalho resistente e trabalho nulo  Trabalho motor podemos falar onde a força favorece o deslocamento; esse tipo de trabalho é positivo.  Em uma figura onde o ângulo é de 180º e é obtuso, o vetor “F” desfavorece o deslocamento. Nesse caso o vetor realiza trabalho resistente, sendo resultado o trabalho resistente é negativo.  A força “F” em um ângulo de 90º é perpendicular ao vetor deslocamento, o trabalho é nulo.
  3. 3. Unidade de Trabalho  A unidade de medida para o trabalho pelo SI (Sistema Internacional) é joule e seu símbolo é “J”.  1 Joule é equivalente á uma força constante de 1 Newton que desloca seu ponto de aplicação na direção e no sentido da força ,de um comprimento de 1 metro.  Sua Equação é : 1J = 1N . M
  4. 4. Um caso particular: o trabalho do peso  Um ponto de massa desloca para uma posição em uma aceleração da gravidade constante. Nessas condições, o peso “P”= mg é constante.  Mesmo mudando a trajetória, o vetor deslocamento não muda o trabalho do peso. Isso significa que o trabalho do peso independe da trajetória entre dois pontos.  O trabalho do peso independe da trajetória; ele depende do peso “mg” e do desnível “h” entre as posições iniciais e finais, assim se for positivo quando o ponto de massa descer, negativo quando o material sobe e nulo se o vetor deslocamento estiver na horizontal.
  5. 5. Força elástica – trabalho da força elástica  Quando há uma deformação de uma mola, chamamos essa ação de elástica, cessando a ação dessa força, a mola volta da forma inicial que ela estava.  A intensidade da força elástica é proporcional a Lei de Hooke: F= k.x .  No sistema de medidas a constante elástica é denominada em N/m.  /T/= k. x²/2  Quando ela é resistente o T (trabalho) é negativo, ou seja quando ela é comprimida ou alongada  Quando ela é “motor”, T é positivo, quando a mola volta a situação inicial de equilíbrio.
  6. 6. Potência de uma força  Para medirmos a rapidez que o trabalho é realizado, define – se uma grandeza chamada potência.  Para sabermos a potencia média de um período devemos usar a formula : Pm = t/ T.  A potência e velocidade usamos a mesma fórmula: Pm= F . Vm.  Se desclassificarmos os limites obtemos: P= F .V dessa forma transformamos os valores médios em instantâneos.
  7. 7. Unidades  A unidade usada para falar de potência no Sistema Internacional denomina – se watt e seu símbolo é “W”.  Watt é uma potência constante onde a força realiza um trabalho de 1 joule em cada segundo.  1watt: 1joule/1 segundo
  8. 8.  Alunos:  Guilherme de A. Borges 1º Ano Ens. Médio  Isaque Marques  Estevam Valério  Carlos Henrique  Leonardo Gonçalves  Prof.: Eduardo Bomfim  Trabalho de Física

×