CongressoAspectos Legais e Regulatórios nosPLANOS DE SAÚDEOs Reflexos das Alterações nas Resoluções Normativas, Novo Rol d...
Quinta-feira, 27 de Janeiro de 201108h30 - Recepção dos Participantes e Entrega das Credenciais08h50 - Abertura da Conferê...
•  Como a questão da ampliação sistêmica do rol de procedimentos está afetando o      andamento dos planos de saúde e como...
•   A Lei 9656 diz respeito a contribuição dos profissionais aposentados e demitidos,       mas o que pode ser considerado...
16h05 - Coffee Break e Networking Meeting16h25 – PAINEL DE DEBATESPerspectivas Jurídicas a Respeito da Judicialização da S...
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 201108h50 - Abertura da Conferência pelo Presidente de Mesa09h00 – APRESENTAÇÃOAspectos Lega...
•   Quais os aspectos positivos da utilização da NIP e como mudar a visão das       operadoras para enxergar a questão da ...
Workshops Express Pós Conferência                  Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011Workshop Express 1Gestão do Contencio...
Workshop Express 2Discuta Sobre a Resolução Normativa Nº 227 QueDispõe Sobre os Ativos Garantidores e Altera a RN 209Objet...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

aspectos legais e regulatórios nos planos de saúde

784 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
784
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

aspectos legais e regulatórios nos planos de saúde

  1. 1. CongressoAspectos Legais e Regulatórios nosPLANOS DE SAÚDEOs Reflexos das Alterações nas Resoluções Normativas, Novo Rol deProcedimentos, Contratos Coletivos e da Judicialização na SaúdeSuplementar_______________________________________________________________ 27 e 28 de Janeiro de 2011 – Hotel Pergamon – São Paulo – SPPrincipais Assuntos Abordados: 1. Aspectos Legais e Regulatórios na Saúde Suplementar 2. RN 211 e o Novo Rol de Procedimentos Previstos pela ANS e suas Implicações da RN 211 na Gestão 3. A obrigatoriedade de Manutenção dos Planos de Saúde para Aposentados e Demitidos Sem Justa Causa 4. Abordagens a Respeito do Cenário de Fusões e Aquisições 5. Contratos Coletivos – Dilemas, Portabilidade e Comercialização Workshops Express Pós Conferência 28 de Janeiro de 2011 1. Contencioso de Massa na Saúde Suplementar 2. RN 227 – Alterações nos Ativos Garantidores 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  2. 2. Quinta-feira, 27 de Janeiro de 201108h30 - Recepção dos Participantes e Entrega das Credenciais08h50 - Abertura da Conferência pelo Presidente de Mesa09h00 – APRESENTAÇÃOGarantindo a Sobrevivência das Operadoras de Saúde no Cenário das Fusões eAquisições no Brasil • O Brasil é o segundo maior cenário de fusões e aquisições no mundo, perdendo apenas para a China. Esta realidade nacional esta afetando a saúde suplementar? • Entenda os impactos na economia nacional e como o aspecto econômico está ditando o cenário atual das fusões e aquisições • Discuta a nova visão estratégica das fusões e aquisições na saúde como ferramenta de promoção da demanda por planos de saúde • Conheça as principais mudanças no perfil do segmento da saúde suplementar posterior aos processos de fusão e aquisição e como a entrada de novos players internacionais no cenário da saúde suplementar do Brasil está trazendo impactos para a economia nacionalClaudio Augusto Carneiro Fábio Kokay MouraGerente Jurídico – Diretoria de Relações Gerente ComercialInstitucionais SÃO FRANCISCO SISTEMAS DE SAÚDEAMIL10h20 – Coffee Break e Networking Meeting10h40 – APRESENTAÇÃONovas Coberturas e Rol de Procedimentos Previstos pela ANS: EncontreAlternativas Para Encarar a Gestão da Saúde Depois da Nova RN 211 • Discuta maneiras efetivas de encarar a ampliação sistêmica e os impactos do novo rol de procedimentos previstos pela ANS • Entenda o que a RN 211 regula sobre o novo rol de procedimentos e quais os novos fatores que os administradores dos planos de saúde devem considerar no tocante à autogestão 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  3. 3. • Como a questão da ampliação sistêmica do rol de procedimentos está afetando o andamento dos planos de saúde e como os planos de saúde devem atuar uma vez que todo ano o rol de procedimentos aumenta? • Verifique como as operadoras de saúde e os hospitais estão se preparando para ampliar a cobertura destes novos procedimentos e discuta sobre a viabilidade da ampliação do rol de procedimentos no tocante à questão dos custos e do corpo clínico?Herminio Jose Leitão MendesResponsável pela Área Jurídica e RegulatóriasAMIL ASSISTÊNCIA MÉDICA INTERNACIONAL11h25 – APRESENTAÇÃOO Dimensionamento das Redes Credenciadas Considerando a Necessidade deAdequação, Relacionamento com o Corpo Clínico, Desenvolvimento de Projetosde Qualidade e Segurança • Vislumbre a importância de dimensionar a rede credenciada e sua distribuição geográfica, padronizando os processos internos e o cumprimento de prazos • Informações em tempo real, automação de processos e o gerenciamento eletrônico de documentos vistos como saídas para manter e garantir a qualidade na gestão da rede • Estratégias para realizar um relacionamento efetivo junto ao corpo clínico e a necessidade de desenvolver projetos de qualidade e segurançaCarlos Aurelio SchiavonDiretorINSTITUTO DE MEDICINA HOSPITALAR12h10 – Almoço13h40 – TALK SHOW10 Anos da Lei 9656. Conheça os Impactos da Obrigatoriedade de Manutençãodos Planos de Saúde Para Profissionais Aposentados e Demitidos nasOperadoras de Saúde • Entenda as mudanças nos art 30 e 31 sobre a continuidade da cobertura de plano de saúde para trabalhadores demitidos sem justa causa e aposentados • Reúna subsídios para discutir a possibilidade de contagem do tempo de contribuição do empregado que trabalhou em várias empresas de um mesmo grupo econômico para fins do disposto nas alterações desta legislação • Desvende qual o entendimento sobre o pagamento da mensalidade, a faculdade de cobrança da mensalidade diretamente ao beneficiário inativo e a obrigatoriedade de inclusão de todo o grupo familiar no benefício dos artigos 30 e 31 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  4. 4. • A Lei 9656 diz respeito a contribuição dos profissionais aposentados e demitidos, mas o que pode ser considerado como contribuição para configurar a questão de participação destes profissionais?Luiz Celso Mariana DouradoSuperintendente de Relações com Órgãos Gestor Comercial - Hospitais PrivadosReguladores DASA - DIAGNÓTICO DA AMÉRICASULAMÉRICA SAÚDE14h30 – APRESENTAÇÃODesvende as Alterações na Realidade da Comercialização e Precificação dosContratos Coletivos • As novas maneiras de realizar a comercialização e precificação, as adequações necessárias e as exigências atuais da Agência Nacional de Saúde Suplementar no tocante aos contratos coletivos • Entenda quais as maiores dificuldades na comercialização dos contratos coletivos e busque solucioná-las de maneira objetiva durante as negociações • Analise quais as possibilidades de comercialização que se podem prever para os contratos coletivos e como precificar os contratos coletivos atualmente • Quais as maneiras possíveis de criar uma normatização na comercialização e negociação dos contratos coletivos e ao mesmo tempo otimizar e formalizar os processos interno?Douglas TrindadeDiretor ExecutivoINTERMÉDICA15h20 – APRESENTAÇÃOConfira os Impactos da Portablidade dos Planos de Saúde Coletivos e a Visãodos Players da Saúde Suplementar • Atente sobre as principais mudanças cenário da saúde suplementar com a possibilidade de portabilidade dos planos coletivos • Entenda a nova regulamentação a respeito da possibilidade de trocar de plano e operadora sem a necessidade de cumprir outro período de carência na nova empresa e os impactos para o setor • Obtenha conhecimentos sobre a existência de dificuldades técnicas na comparação e portabilidade dos planos de saúde e formas de levar em consideração as diferenças em relação a corpo clínico, tratamentos, procedimentos e benefícios • As perspectivas do mercado em criar um diferencial nos planos de saúde para a permanência dos planos coletivos nas operadoras atuais como uma saída para fidelizar os clienteDaniel Infante Januzzi de CarvalhoADVOGADOSTRATEGY CONSULTORIA E ASSESSORIA ATUARIAL 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  5. 5. 16h05 - Coffee Break e Networking Meeting16h25 – PAINEL DE DEBATESPerspectivas Jurídicas a Respeito da Judicialização da Saúde Suplementar • Inversão de valores – Entenda como evitar a judicialização da Saúde Suplementar e manter o equilíbrio nos planos de saúde • A visão do gerenciamento do contencioso como alternativa viável para a redução de custos e do volume de ações • Mudança de posicionamento e ideologia – Como as operadoras podem deixar de gastar apenas em contensão e tratamentos, alterando o foco para a promoção da saúde e a prevenção de doençasMilva Gois dos Santos Carlos HenningsenJurídico e Relações Institucionais Superintendente JurídicoAXISMED GESTÃO PREVENTIVA DA GOLDEN CROSS ASSISTÊNCIASAÚDE INTERNACIONAL DE SAÚDE18h00 – Encerramento do 1º dia da Conferência 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  6. 6. Sexta-feira, 28 de Janeiro de 201108h50 - Abertura da Conferência pelo Presidente de Mesa09h00 – APRESENTAÇÃOAspectos Legais e Regulatórios no Novo Cenário da Saúde SuplementarNacional • Atualize-se sobre como se organizar para evitar que as novas regras exigidas pela ANS tenham seus custos repassados para os consumidores finais e, ao mesmo tempo, manter a viabilidade dos custos e preços praticados atualmente • Mudança na RN 195/196 - Plano privado de assistência à saúde coletivo por adesão: Entenda o que muda para os planos empresariais e o que muda nos planos por adesão • Qual o entendimento que a RN 195/196 traz a respeito das carências dos planos e como adotar estas realidades no cenário real das operadoras de saúde • Em de caso de urgência, atestado por médico, o prazo de carência contratual de 180 dias previsto, em regra, nos Planos de Saúde é reduzido para 24 horas. Descubra como os planos de saúde estão se adequando à esta nova realidadeVanessa Janke de CastroDeparatamento JurídicoNOVAPLAM10h00 – Coffee Break e Networking Meeting10h20 – TALK SHOWEntenda a Nova Resolução Normativa nº 226 da ANS que Institui o NIP –Notificação de Investigação Preliminar • Entenda o que diz a Resolução 226 da ANS que instauração a Notificação de Investigação Preliminar como uma ferramenta positiva para o controle das questões controversas dos planos de saúde • A NIP vista como uma ferramenta de diálogo e conciliação, facilitando pendências e evitando desgastes futuros entre operadoras e clientes 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  7. 7. • Quais os aspectos positivos da utilização da NIP e como mudar a visão das operadoras para enxergar a questão da NIP como uma fase de conciliação e não uma fase de punição?Claudinir Carfaro dos Santos Henrique Oti ShinomataGerente Comercial Vice PresidenteSERVNET SOCIEDADE BRASILEIRA DE MEDICINA DE SEGURO12h00 - Encerramento do 2º dia da ConferênciaAlteração da Programação:O compromisso da IBC é fornecer a discussão e o estudo de temas e casos de interesse porpalestrantes habilitados. Eventuais alterações no programa serão decorrentes de caso fortuito ouforça maior. Caso algum palestrante não possa comparecer, a IBC, em cumprimento ao seucompromisso, procederá à substituição do palestrante ausente por outro apto a promover a discussãodo tema, conforme programado. 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  8. 8. Workshops Express Pós Conferência Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011Workshop Express 1Gestão do Contencioso e os Impactos das AçõesColetivas na Saúde SuplementarObjetivo: Discutir sobre possíveis soluções para a administração do contencioso de massae obter subsídios para se posicionar frente às ações coletivasPrincipais Tópicos: • Entenda os impactos do contencioso na saúde suplementar e discorra sobre possíveis formas de minimizar e reduzir estas ações • Atualize-se sobre a realidade das ações coletivas na saúde suplementar e como encarar este cenário atualmente • Encontre meios de reduzir o volume dos litígios através de uma política de gerenciamento do contencioso • Prepare uma equipe multidisciplinar especializada para tratar diretamente dos assuntos pertinentes ao contencioso de massaLiderado por:Cesar Cardim JrGerente de RegulaçãoUNIMED FEDERAÇÃO RIOAgenda do Workshop 2:13h00 – Recepção dos Participantes13h20 – Início do Workshop15h20 – Término do Workshop 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude
  9. 9. Workshop Express 2Discuta Sobre a Resolução Normativa Nº 227 QueDispõe Sobre os Ativos Garantidores e Altera a RN 209Objetivo: Com a publicação da RN nº 227 em Agosto, a ANS dispõe sobre a constituição,vinculação e custódia dos ativos garantidores. Assim, desperta a necessidade de realizaruma comparação entre o disposto em cada uma das resoluções normativas, a atual e aanterior que abordam sobre os ativos garantidores das Provisões Técnicas, especialmenteda Provisão de Eventos / Sinistros a LiquidarPrincipais Tópicos: • Debata o impacto na RN para as operadoras de saúde no tocante à obrigatoriedade de provisão de Eventos/Sinistros a Liquidar serem lastreadas por ativos garantidores • Compare a Resolução Normativa 227 e a RN 209 e discuta sobre as principais alterações frente a nova RN • Motivos e formas de constituir os ativos garantidores uma vez que as operadoras já possuem as provisões registradas no passivo como modalidade de garantia do sinistro • Entenda a possibilidade de lastrear as provisões técnicas através da aplicação dos recursos em um único tipo de ativo garantidor e quais os procedimentos para a vinculação dos ativos garantidores à ANSLiderado por:Antonio Mauricio RibeiroGerente Administrativo FinanceiroUNIMED APUCARANAAgenda do Workshop 2:15h40 – Recepção dos Participantes16h00 – Início do Workshop18h00 – Término do Workshop 4 MANEIRAS RÁPIDAS DE ENTRAR EM CONTATO CONOSCOTELEFONE: 55 11 3017-6888 E-MAIL: saude@ibcbrasil.com.brFAX TOLL FREE: 0800 11 4664 SITE: www.informagroup.com.br/saude

×