6 escatologia em isaías

3.264 visualizações

Publicada em

...

Publicada em: Espiritual
1 comentário
9 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.264
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.003
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

6 escatologia em isaías

  1. 1. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  2. 2. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS INTRODUÇÃO
  3. 3. Alegramo-nos quando abrimos a Bíblia em Isaías cap. 65 e nos deparamos com a nossa grande esperança de ver novos céus e Nova Terra. O profeta evangélico trouxe-nos esta promessa de Deus: "Pois eis que Eu crio novos céus e Nova Terra; e não haverá lembrança das coisas passadas, jamais haverá memória delas." (Isa. 65:17). ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  4. 4. Quando lemos esta mensagem, lembramos das coisas maravilhosas que nós conhecemos e que nos são prometidas na Palavra de Deus. Mas quando chegamos ao v. 20, nós ficamos um pouco perplexos: "Não haverá mais nela criança para viver poucos dias, nem velho que não cumpra os seus; porque morrer aos 100 anos é morrer ainda jovem, e quem pecar só aos 100 anos será amaldiçoado." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  5. 5. DESENVOLVIMENTO ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  6. 6. REGRAS DE INTERPRETAÇÃO Há três regras simples mas importantes – três simples regras de interpretação que devem ser consideradas, para nortear a nossa direção: ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  7. 7. Primeiro é o CONTEXTO. O que é que diz o contexto acerca da passagem? E para atentarmos e para estudarmos esse aspecto – o contexto – aplicarmos esta regra, devemos estar perguntando: ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  8. 8. Em 1.º lugar, quem é que escreveu? Aqui nesse caso, o profeta Isaías, o profeta evangélico. Para quem é que ele escreveu? O profeta escreveu para o povo de Deus, para Judá. Para que lugar ele escreveu e para que circunstâncias? ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  9. 9. É preciso estabelecer o sentido étnico e geográfico, porque o profeta Isaías se dirigiu ao povo de Israel localizado em Judá, e profetizou acerca de Jerusalém. O profeta está falando para o povo de Israel. V. 9: "Farei sair de Jacó descendência, e de Judá um herdeiro que possua os Meus montes." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  10. 10. Em 2.º lugar, nós temos a CONDICIONABILIDADE Devemos lembrar que todas as profecias, todas as promessas e todas as ameaças da Bíblia são condicionais (Jer. 18: 7-10; Ev. 615). ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  11. 11. Assim, deveríamos estar atentos para verificar se as condições foram preenchidas para que a profecia fosse ou não cumprida. Portanto, se as condições não foram preenchidas, estas condições, estas promessas, estas profecias não serão cumpridas. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  12. 12. A 3a simples regra de interpretação é a APLICAÇÃO. Só podemos aplicar um texto e uma profecia quando nós temos "permissão" através de um outro profeta. Se não tivermos o apoio de um outro profeta, aplicando os detalhes de uma profecia qualquer do Antigo Testamento ao Novo para algum outro tempo, estaremos dando uma interpretação não autorizada por um "Assim diz o Senhor". ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  13. 13. ESCATOLOGIA NO ANTIGO TESTAMENTO O que mais elucida a nossa compreensão para entendermos Isa. 65:20, é a Cronologia da Escatologia do Antigo Testamento. E deveríamos entender algumas palavras teológicas, porque elas nos ajudam a compreender grandes ideias. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  14. 14. ESCATOLOGIA é uma palavra simples, que é conhecida de muitos, e significa o estudo das últimas coisas, o estudo dos últimos acontecimentos. Isto é escatologia. Mas existe na escatologia uma CRONOLOGIA, que é o estudo da ordem dos acontecimentos, tanto passados quanto futuros. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  15. 15. Notemos como Isaías estabelece a escatologia, os últimos acontecimentos em uma ordem lógica, e haveremos de chegar a uma cronologia, ou seja, a ordem destes acontecimentos dos últimos dias. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  16. 16. Em 1.º lugar, nesta ordem dos acontecimentos estaria: A VOLTA DO CATIVEIRO BABILÔNICO. Este seria o primeiro e grande acontecimento. Vamos ler Isaías 44:28 – "Digo de Ciro: Ele é Meu pastor e cumprirá tudo o que Me apraz; que digo também de Jerusalém: Será edificada; e do templo: Será fundado." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  17. 17. O 2.º acontecimento: RECONSTRUÇÃO DE JERUSALÉM. E era lógico. Logo que eles chegassem à terra, à sua terra querida, à sua cidade querida, eles deveriam reconstruir a cidade; deveriam reconstruir as suas casas derrubadas em monturo, era evidente. E o templo também foi reconstruído até 516 a.C. (Esd.6:15). Esta passagem (Isa. 44:28) indica que o templo seria reconstruído, seria fundado novamente, e Jerusalém também seria edificada novamente. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  18. 18. Mas depois de reconstruída Jerusalém, depois de o templo ser construído, depois de o templo estar bem preparado, então daria lugar ao 3.º acontecimento: A VINDA DO MESSIAS. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  19. 19. O Messias penetraria no templo, o Messias que era o próprio Deus Encarnado, haveria de chegar e [com Ele] a glória diz outro profeta, a glória deste templo, do 2.º templo, chamado depois o Templo de Herodes. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  20. 20. O 1.º, o Templo de Salomão. Agora, o Templo de Herodes – porque Herodes embelezou o 2º templo. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  21. 21. Mas imediatamente quando o Messias chegasse, quando o povo estava preparado para receber o Messias, quando recebessem o Messias, aconteceria o 4.º evento: A PREGAÇÃO MUNDIAL DO EVANGELHO. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  22. 22. Isso você pode ler também em Isaías no capítulo 52. Observem como esses capítulos se relacionam, especialmente os finais e os do centro de Isaías que contêm o Apocalíptico de Isaías. Observe o que é que diz em: Isaías 52: 7: "Que formosos são sobre os montes os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, que anuncia coisas boas, que faz ouvir a salvação, que diz a Sião: O teu Deus reina!" ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  23. 23. Observem aqui o resultado desta pregação mundial, em que muitos estariam empenhados a mostrar Quem é o verdadeiro Deus, o Criador dos céus e da Terra, observem agora o 5.º acontecimento: A CONVERSÃO DO MUNDO. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  24. 24. Isaías 54, versos 2-4: "Alarga o espaço da tua tenda; estenda-se o toldo da tua habitação, e não os impeças; alonga as tuas cordas e firma bem as tuas estacas. Porque transbordarás para a direita e para a esquerda; a tua posteridade possuirá as nações e fará que se povoem as cidades assoladas." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  25. 25. E finalmente haveriam de levantar em 6.º lugar: UMA CONSPIRAÇÃO E UMA TRAIÇÃO. Observem que isto também está implícito aqui no versículo 15. Isaías 54:15: "Eis que poderão suscitar contendas, mas não procederá de mim; quem conspira contra ti cairá diante de ti." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  26. 26. E então, é evidente, é lógico que o 7.º acontecimento seria: UMA GRANDE GUERRA MUNDIAL. Esta guerra está implícita no versículo 17, nestes termos: "Toda arma forjada contra ti não prosperará; toda língua que ousar contra ti em juízo, tu a condenarás; esta é a herança dos servos do SENHOR e o seu direito que de mim procede, diz o SENHOR." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  27. 27. A MORTE DO MESSIAS seria o próximo acontecimento. Isso está claro e explícito em Isaías 53: 7; vamos ler este verso. Você pode ler todo o capítulo que descreve a morte do Messias. "Ele foi oprimido e humilhado, mas não abriu a boca; como cordeiro foi levado ao matadouro; e, como ovelha muda perante os seus tosquiadores, ele não abriu a boca." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  28. 28. O 9.º acontecimento era justamente aquilo que os judeus mais esperavam: A SEGUNDA VINDA DO MESSIAS. E isso nós lemos em Isa. 40: 10: "Eis que o SENHOR Deus virá com poder, e o Seu braço dominará; eis que o Seu galardão está com Ele, e diante dEle, a Sua recompensa." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  29. 29. Mas agora, então, aconteceria algo extraordinário, algo muito importante, e isto seria: A RESSURREIÇÃO DOS JUSTOS – o undécimo acontecimento. Isa. 26:19 – "Os vossos mortos e também o meu cadáver viverão e ressuscitarão; despertai e exultai, os que habitais no pó, porque o teu orvalho, ó Deus, será como o orvalho da vida, e a terra dará à luz os seus mortos." ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  30. 30. Bem, aqui termina a Cronologia da Escatologia do Antigo Testamento. Aqui nós finalizamos, e aqui teria iniciado a Eternidade. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  31. 31. O SEGREDO DA INTERPRETAÇÃO Nós voltamos a perguntar: Será que estas coisas se cumpriram com o povo de Israel? A guerra de Gogue e Magogue foi cumprida? De modo nenhum. Aquele capítulo está lá apenas para dizer como teria sido. Mas quando você lê a profecia de Ezequiel 38 e 39, você não encontra na História do Povo Judeu algo semelhante. Isso não aconteceu. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  32. 32. Precisamos compreender a condicionabilidade das profecias. O profeta Jeremias deixou claro, escrevendo as palavras divinas. Ele disse: "No momento em que Eu falar acerca de uma nação ou de um reino para o arrancar, derribar e destruir, se a tal nação se converter da maldade contra a qual Eu falei, também Eu me arrependerei do mal que pensava fazer-lhe... ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  33. 33. E, no momento em que Eu falar acerca de uma nação ou de um reino, para o edificar e plantar, se ele fizer o que é mal perante mim e não der ouvidos à minha voz, então, me arrependerei do bem que houvera dito lhe faria." (Jer. 18:7-10). ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  34. 34. APLICAÇÕES DAS PROFECIAS Agora, o que é que nós devemos fazer? A profecia dos novos céus e da Nova Terra (Isa. 65:17) é transportada para o NT, e agora sim chegamos a Apocalipse capítulo 21, para lembrar que os aspectos essenciais são preservados e transferidos para o Novo Testamento. (2Ped. 3:13; Apo. 21). ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  35. 35. Novos céus e Nova Terra serão uma realidade. Mas alguns aspectos foram deixados para a Escatologia Antiga, e abandonados, enquanto que agora nós temos um plano diferente, um pouco diferente em alguns pequenos detalhes, mas os aspectos essenciais são mantidos. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  36. 36. Finalmente depois do Milênio, nós teremos novos céus e Nova Terra, nós não teremos mais morte, não teremos mais os resultados do pecado, porque o próprio pecado será erradicado completamente. "Nunca mais haverá qualquer maldição". (Apo. 22:3). Se no plano antigo havia a possibilidade de morte, pecado e maldição, esses aspectos foram abolidos. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  37. 37. CONCLUSÃO ESCATOLOGIA EM ISAÍAS
  38. 38. Que coisas maravilhosas que nós esperamos! E, ao nós lermos essas mensagens, verificamos como Deus é maravilhoso, ao ter esperado por nós, ao ter permitido um processo longo e demorado para que nós pudéssemos entender seus propósitos. ESCATOLOGIA EM ISAÍAS

×