Oficina das Ciências Sociais: 
Tribos Urbanas 
Pibidianos: Aline Dobke Eunice Morais Julio Marinho 
Bruna Berwaldt Francin...
Introdução 
• Esta oficina tem por objetivos: 
o Proporcionar aos pibidianos uma visão ampla da diversidade 
cultural que ...
Conceitos Norteadores 
• Cultura: Atualmente essa palavra possui 2 usos. 
o 1º - Cultura no sentido de educação, sabedoria...
Conceitos Norteadores 
• Identidade: é o compartilhar de várias ideias e ideais de um 
determinado grupo. 
• Identificação...
Conceitos Norteadores 
• Tribos Urbanas: Essa expressão foi criada pelo sociólogo 
francês Michel Maffesoli, segundo ele o...
Escola 
• Esta é um ambiente de socialização, no qual o aluno interpreta 
um papel de acordo com o grupo que ele integra. ...
Como aproximar os diferentes 
alunos? 
• Sabe-se que alguns alunos estão praticamente invisíveis para 
outros e a sala de ...
• Essa atividade é possível na escola? 
• Ela contribuiria, de alguma forma, com a formação cidadã do 
aluno?
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tribos Urbanas - PIBID Ciências Sociais UFPEL

509 visualizações

Publicada em

Oficina aplicada pelo PIBID das Ciências Sociais.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
509
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
227
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tribos Urbanas - PIBID Ciências Sociais UFPEL

  1. 1. Oficina das Ciências Sociais: Tribos Urbanas Pibidianos: Aline Dobke Eunice Morais Julio Marinho Bruna Berwaldt Francine Bordin Matheus Souza Carlos Willian Salgado Giliane Oliveira Marla Riemer Carmelita David Gilse Meireles Máximo Ávila Cristiano Lemos Jessica Cunha Sandra Feijó Coordenadoras: Naiara Dal Molin Vera Schwarz Supervisor: Fernando Rosário
  2. 2. Introdução • Esta oficina tem por objetivos: o Proporcionar aos pibidianos uma visão ampla da diversidade cultural que está presente na escola. o Instiga-los a pensar sobre as diferenças e sobre os preconceitos que advém delas. o Trabalhar com a noção de alteridade.
  3. 3. Conceitos Norteadores • Cultura: Atualmente essa palavra possui 2 usos. o 1º - Cultura no sentido de educação, sabedoria ou até mesmo inteligência. Ex.: "Maria não tem cultura." Neste sentido, a palavra cultura se torna classificatória, podendo discriminar as pessoas. Esta é a noção do senso comum. o 2º - Cultura é usada - por antropólogos e cientistas sociais - para a interpretar a vida social, pois é entendida como a maneira de viver total de um grupo, sociedade, país ou pessoa. • Etnocentrismo: é uma maneira de ver o mundo tendo como modelo de referência o grupo no qual se vive. Julga-se o Outro nos termos da cultura do Eu, considerando-o como inferior. Frequentemente ele está na base do racismo, da intolerância e do preconceito com aquilo que é diferente, estranho ou desconhecido.
  4. 4. Conceitos Norteadores • Identidade: é o compartilhar de várias ideias e ideais de um determinado grupo. • Identificação: processo psíquico pelo qual as pessoas tomam para si parte ou totalmente atributos e características de outras pessoas para compor sua personalidade. • Alteridade: qualidade de se colocar no lugar do outro e a partir das diferenças perceber a sua própria identidade. • Diversidade Cultural: se refere aos diferentes costumes presentes nos grupos sociais. • Relativismo: busca compreender as diferenças entre os grupos humanos a partir das logicas destes grupos, sem julga-los ou considera-los inferiores. Pois, um hábito cultural só pode ser analisado e/ou entendido a partir da sua lógica própria e não a partir de uma lógica exterior.
  5. 5. Conceitos Norteadores • Tribos Urbanas: Essa expressão foi criada pelo sociólogo francês Michel Maffesoli, segundo ele o fenômeno das tribos urbanas se constitui nas "diversas redes, grupos de afinidades e de interesse, laços de vizinhança que estruturam nossas megalópoles”. As tribos apresentam uma semelhança de pensamentos, hábitos e maneiras praticamente uniformes de se vestir. Essas culturas diversas se constituem como oposição a cultura dominante (caracterizada pelas normas sociais impostas de comportamento e vestimenta).
  6. 6. Escola • Esta é um ambiente de socialização, no qual o aluno interpreta um papel de acordo com o grupo que ele integra. Este grupo ou tribo é o refugio encontrado para suprir, de certa forma, a solidão e/ou dar significado a sua existência, assim constituindo uma identidade. Mas o aluno não está preso nesse grupo, refletindo sobre sua prática ele pode mudar e se constituir então em um novo sujeito. • As tribos constituídas – principalmente - na escola, moldam o jeito de seus integrantes entenderem a sociedade e o mundo. Ai entra a função da escola de formar a sociedade. Pois, no meio escolar, é construída uma rede simbólica de significados para esta cultura gerada nas tribos.
  7. 7. Como aproximar os diferentes alunos? • Sabe-se que alguns alunos estão praticamente invisíveis para outros e a sala de aula é demarcada por “territórios”. O desafio do professor é integrar todos os alunos e mostrar que as diferenças não são ao diferentes assim. Com as novas propostas para o ensino, cada vez mais a escola é tida como formadora do individuo cidadão e técnicas de interação entre alunos dispares se mostram úteis para isto. Tais como: trabalhos de grupos, seminários, etc. em que os alunos não possam escolher seus parceiros.
  8. 8. • Essa atividade é possível na escola? • Ela contribuiria, de alguma forma, com a formação cidadã do aluno?

×