Diversidade cultural apresentação

1.090 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.090
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diversidade cultural apresentação

  1. 1. Educação e Diversidade • Objetivo: sensibilizar os profissionais da educação para o rompimento do silêncio em torno da questão da diversidade escolar e da garantia do direito à igualdade, dentro da diversidade e a adoção de uma postura fundamentada no pensamento complexo
  2. 2. Para começo de conversa • O artigo 1º da LDB – ‘’A educação abrange os processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nas instituições de ensino e pesquisa, nos movimentos sociais e organização da sociedade civil e das manifestações culturais.‘’ • Art. 2º da LDB- “A educação, dever da família e do Estado, inspirada nos princípios de liberdade e nos ideais de solidariedade humana, tem por finalidade o pleno desenvolvimento do educando
  3. 3. O preconceito e a discriminação como violação do direito de igualdade [...]preconceito é uma atitude cultural positiva ou negativa dirigida a um grupo ou categoria social. Como atitude, combina crenças e juízos de valor com predisposições emocionais positivas ou negativas. Exemplo: o racismo que brancos dirigem a negros e outras pessoas de cor; Características: >crenças estereotipadas sobre diferenças raciais em áreas como: inteligência, motivação, caráter moral e habilidades diversas. >Elementos emocionais: (hostilidade, desprezo e temor)
  4. 4. DIREITO A IGUALDADE E A DIVERSIDADE • ...’’ o mais importante e bonito desse mundo é: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foram terminadas ... Mas que estão sempre mudando. Afinam e desafinam.’’(Guimarães Rosa) • O que é igualdade? • Segundo Schafer (2001, p. 67 e 75) o princípio da igualdade ou da isonomia constitui a ‘’fonte primária legitimadora das restrições aos direitos fundamentais, embasada não em um paradigma de exclusão, mas, sim, em um processo inclusivo de direitos.’’
  5. 5. DIVERSIDADE CULTURALE DIREITOÀ DIFERENÇA Definição de Cultura segundo a Unesco (2001): ‘’O conjunto dos traços culturais, distintivos espirituais e materiais, intelectuais e afetivos que caracterizam uma sociedade ou um grupo social e que abrange além de letras e das artes, os modos de vida, as maneiras de viver juntos, os sistemas de valores, as tradições e as crenças.’’ Em 1978, a UNESCO proclama a Declaração sobre Raça e Racismo, na qual assevera que: ‘’todos os indivíduos têm o direito a serem diferentes, a considerar-se diferentes e a serem vistos como tal. Entretanto, as diferenças de modo de vida e o direito de ser diferente, não deve, em nenhuma circunstância, servir de pretexto para o racismo.’’
  6. 6. O PAPEL DA ESCOLA • um trabalho complexo e sutil de engenharia humana, pois é o início de um processo(ensino – aprendizagem) que busca desenvolver e formar o caráter, a inteligência e a personalidade das novas gerações de modo a integrá-las na conjuntura da vida social como fator positivo de bem estar, de produtividade e de melhoria no progresso humano.
  7. 7. • A escola deve, nesse sentido, desenvolver ações pedagógicas voltadas para o conhecimento e respeito as diferentes culturas, religiões, linguagens. • O professor tem importância fundamental como mediador desses valores, que podem ser trabalhados dentro e fora de sala de aula. Respeito ao próximo, suas diferenças, gostos , cor e credo.
  8. 8. IGUALDADE!

×