Lasswell e a teoria da bala mágica: a propaganda pode tudo? Opinião Pública e Propaganda Professor mestre Artur Araujo (ar...
Lembretes para a classe <ul><li>Estamos a uma semana da da entrega dos relatórios dos seminários (15/9) </li></ul><ul><li>...
Recapitulando... Bernard Manin Walter Lippman  (1889-1974)
O paradigma de  Lasswell <ul><li>Paradigma é uma palavra de origem grega. Quer dizer  “exemplo”.  </li></ul><ul><li>Defini...
A teoria hipodérmica de Lasswell <ul><li>A comunicação, portanto, vai  além da pura e simples troca  de signos.  Quais os ...
No que consiste a teoria hipodérmica? <ul><li>Lasswell, no livro “Técnicas de Propaganda na Guerra  Mundial”, sobre a 1ª G...
Conclusão do livro <ul><li>O livro identificou sucessos e fracassos dos grandes  protagonistas da guerra, e conclui que um...
Por que ‘hipodérmica’? <ul><li>Porque para ele, as técnicas de propaganda funcionariam  como uma injeção ou ainda um “bala...
Hitler: a confirmação da teoria hipodérmica? Harold Dwight Lasswell  (1902 — 1978)
Lasswell e a teoria dos 5 Qs <ul><li>Quem  diz  o quê  por  que  canal  para  quem  e com  que efeito ?  </li></ul><ul><li...
As 3 funções do  processo comunicativo <ul><li>a) a vigilância do meio,  revelando tudo o que poderia  ameaçar ou afetar o...
A vigilância do meio <ul><li>A mídia para Lasswell cumpre a missão de vigiar o meio, ou  seja, no contexto da obra do auto...
A vigilância do meio Harold Dwight Lasswell  (1902 — 1978)
Estabelecendo relações <ul><li>O processo comunicativo tem  também a função de criar elos entre os indivíduos na avaliação...
Estabelecendo relações Harold Dwight Lasswell  (1902 — 1978)
Transmissão da herança social <ul><li>A herança social é o conjunto de características que marca uma determinada sociedade...
Transmissão da herança social Harold Dwight Lasswell  (1902 — 1978)
Críticas a Lasswell <ul><li>Os paradigmas estabelecidos  por Lasswell, porém, deixavam  questões em aberto, tanto no  que ...
Duas objeções  fundamentais <ul><li>Para explicar estas conclusões  que contradiziam o paradigma  dominante, Lazarfeld e o...
Quem foi Lazarsfeld? <ul><li>Paul Felix Lazarsfeld (1901 -  1976) foi um cientista social austríaco. Até a década de 1930,...
Um pioneiro na pesquisa de mercado <ul><li>Lazarsfeld é um dos autores  de um método que ainda hoje  é aplicado nas pesqui...
Quem foi Merton? <ul><li>Robert King Merton  (1910-2003) foi um sociólogo norte-americano e, desde 1941, estabeleceu com L...
Relembrando Lasswell <ul><li>Segundo Lasswell, as três funções do processo comunicativo: </li></ul><ul><ul><ul><li>a) a vi...
A função “entretenimento” <ul><li>Lazarsfeld e Merton acrescentam a essas  três funções identificadas  por Lasswell uma qu...
Fazendo funcionar <ul><li>Lazarsfeld e Merton  situam as  funções como conseqüências que  contribuem para a adaptação ou o...
A disfunção narcotizante <ul><li>Além das funções, às quais os  autores atribuem o poder de  manter a sociedade  funcionan...
Disfunção narcotizante: batatas cozidas... Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
A disfunção narcotizante Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
A importância da comunicação interpessoal <ul><li>Ao estudar os processos  de decisão individuais de  uma população femini...
Two-step flow (fluxo de dois degraus)  Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
Two-step flow (fluxo de dois degraus) <ul><li>Para Lazarsfeld, e Merton, que não participou  diretamente da  investigação ...
Two-step flow (fluxo de dois degraus)  Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
Tema da próxima aula: <ul><li>Conhecendo um pouco melhor a teoria do agendamento </li></ul><ul><li>Começamos, na semana qu...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

01 Aula5 Op Manha Lasswell

6.040 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.040
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
47
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
146
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

01 Aula5 Op Manha Lasswell

  1. 1. Lasswell e a teoria da bala mágica: a propaganda pode tudo? Opinião Pública e Propaganda Professor mestre Artur Araujo (araujofamilia@gmail.com)
  2. 2. Lembretes para a classe <ul><li>Estamos a uma semana da da entrega dos relatórios dos seminários (15/9) </li></ul><ul><li>As apresentações foram divididas em 4 dias: </li></ul><ul><li>15-set grupos 5,4 e 6 </li></ul><ul><li>22-set grupos 2, 9 e 7 </li></ul><ul><li>29-set grupos 11,10 e 12 </li></ul><ul><li>6-out grupos 8,3 e 1 </li></ul>
  3. 3. Recapitulando... Bernard Manin Walter Lippman (1889-1974)
  4. 4. O paradigma de Lasswell <ul><li>Paradigma é uma palavra de origem grega. Quer dizer “exemplo”. </li></ul><ul><li>Definimos como “paradigma” em ciências toda teoria que estabelece um novo padrão de pesquisa ou de reflexão no âmbito das ciências. </li></ul><ul><li>Lasswell criou dois paradigmas na investigação das ciências da comunicação: a Teoria Hipodérmica e os 5 Qs . </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  5. 5. A teoria hipodérmica de Lasswell <ul><li>A comunicação, portanto, vai além da pura e simples troca de signos. Quais os efeitos das mensagens nos receptores? </li></ul><ul><li>Essa é a grande questão de Lasswell, um dos integrantes da famosa Escola de Chicago. A teoria hipodérmica é o 1º desdobramento dessa questão na obra teórica do autor. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  6. 6. No que consiste a teoria hipodérmica? <ul><li>Lasswell, no livro “Técnicas de Propaganda na Guerra Mundial”, sobre a 1ª Grande Guerra, de 1927, estudou de que modo os regimes políticos alemão, inglês, francês e norte- americano lidaram com a opinião pública. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  7. 7. Conclusão do livro <ul><li>O livro identificou sucessos e fracassos dos grandes protagonistas da guerra, e conclui que uma máquina de propaganda cientificamente desenvolvida poderia dominar a opinião pública de modo a garantir o esforço de guerra. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  8. 8. Por que ‘hipodérmica’? <ul><li>Porque para ele, as técnicas de propaganda funcionariam como uma injeção ou ainda um “bala mágica”, que faria o público se comportar de acordo com o que o governo – não importa qual governo– desejasse. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  9. 9. Hitler: a confirmação da teoria hipodérmica? Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  10. 10. Lasswell e a teoria dos 5 Qs <ul><li>Quem diz o quê por que canal para quem e com que efeito ? </li></ul><ul><li>Com essa fórmula, Lasswell, em 1948, dotou a sociologia funcionalista da mídia de um quadro conceitual. </li></ul><ul><li>Na prática, dois pontos desse programa foram privilegiados: a análise dos efeitos e, em estreita correlação com essa, a análise do conteúdo , que fornece ao pesquisador elementos suscetíveis de orientar sua abordagem do público. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  11. 11. As 3 funções do processo comunicativo <ul><li>a) a vigilância do meio, revelando tudo o que poderia ameaçar ou afetar o sistema de valores de uma comunidade ou das partes que a compõem; </li></ul><ul><li>b) o estabelecimento de relações entre os componentes da sociedade para produzir uma resposta ao meio; </li></ul><ul><li>c) a transmissão da herança social. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  12. 12. A vigilância do meio <ul><li>A mídia para Lasswell cumpre a missão de vigiar o meio, ou seja, no contexto da obra do autor, o grupo social. </li></ul><ul><li>Ao denunciar abusos e crimes, ao relatar protestos e críticas, o sistema cria oportunidades para retificar falhas, contemplar demandas e se aperfeiçoar... </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  13. 13. A vigilância do meio Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  14. 14. Estabelecendo relações <ul><li>O processo comunicativo tem também a função de criar elos entre os indivíduos na avaliação de Lasswell. </li></ul><ul><li>Por meio do inter-relacionamento, a sociedade civil mantém a coesão social e pode engendrar reformas no sistema político, econômico e social. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  15. 15. Estabelecendo relações Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  16. 16. Transmissão da herança social <ul><li>A herança social é o conjunto de características que marca uma determinada sociedade. </li></ul><ul><li>São os hábitos, as atitudes, as tradições, a história que fundamentam nossa herança social. </li></ul><ul><li>Essa herança social ora ultrapassa as fronteiras (legado ou humano ou ocidental ou cristão), ora remete diretamente à região que vivemos. </li></ul><ul><li>Esse processo de transmissão da herança social é realizado pela família, pelo grupo social, pela mídia e pelas instituições de ensino. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  17. 17. Transmissão da herança social Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  18. 18. Críticas a Lasswell <ul><li>Os paradigmas estabelecidos por Lasswell, porém, deixavam questões em aberto, tanto no que se refere ao excessivo poder do emissor no esquema, quanto à limitada efetividade da metodologia da análise de conteúdo proposta pelo autor para identificar intenções e sentidos ocultos no discurso. </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  19. 19. Duas objeções fundamentais <ul><li>Para explicar estas conclusões que contradiziam o paradigma dominante, Lazarfeld e outros ofereciam duas explicações: </li></ul><ul><ul><li>primeiro, se a mensagem midiática entra em conflito com as normas do grupo, a mensagem será rejeitada; </li></ul></ul><ul><ul><li>segundo, as pessoas consomem as mensagens midiáticas de forma seletiva. </li></ul></ul><ul><li>Estas conclusões iam estimular outros estudos realizados durante os anos 40 e 50 que punham em evidência os limites do poder dos mídia e o papel das relações sociais” </li></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  20. 20. Quem foi Lazarsfeld? <ul><li>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) foi um cientista social austríaco. Até a década de 1930, viveu em seu país natal e tinha ligações com o Partido Socialista. Com o crescimento do nazismo, deixou o país e rumou para os EUA. </li></ul><ul><li>Nos EUA, lecionou em várias universidades e tornou-se famoso por desenvolver pesquisas na área da comunicação social. </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976)
  21. 21. Um pioneiro na pesquisa de mercado <ul><li>Lazarsfeld é um dos autores de um método que ainda hoje é aplicado nas pesquisas de mercado. </li></ul><ul><li>É o ‘analisador de programa’ (program analyzer) ou ‘máquina de perfis’ (profile machine), encarregada de registrar as reações do ouvinte em termos de aprovação, aversão ou indiferença. O ouvinte exprime sua satisfação apertando o botão verde, que tem à sua direita, e seu descontentamento apertando o botão vermelho, à esquerda. Deixar de apertar os botões equivale à indiferença. </li></ul><ul><li>O sistema ainda existe, mas tem alterações. </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976)
  22. 22. Quem foi Merton? <ul><li>Robert King Merton (1910-2003) foi um sociólogo norte-americano e, desde 1941, estabeleceu com Lazarsfeld uma parceria na área das pesquisas científicas na área social. </li></ul><ul><li>O autor, além de pesquisas em comunicação, desenvolveu investigações na área da epistemologia. </li></ul>Robert King Merton (1910-2003)
  23. 23. Relembrando Lasswell <ul><li>Segundo Lasswell, as três funções do processo comunicativo: </li></ul><ul><ul><ul><li>a) a vigilância do meio </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>b) o estabelecimento de relações </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>c) a transmissão da herança social </li></ul></ul></ul>Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978) Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  24. 24. A função “entretenimento” <ul><li>Lazarsfeld e Merton acrescentam a essas três funções identificadas por Lasswell uma quarta, o entertainment ou diversão, e tornaram o sistema mais complexo com o discernimento da possibilidade de disfunções. </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003) Harold Dwight Lasswell (1902 — 1978)
  25. 25. Fazendo funcionar <ul><li>Lazarsfeld e Merton situam as funções como conseqüências que contribuem para a adaptação ou o ajuste de um dado sistema . </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  26. 26. A disfunção narcotizante <ul><li>Além das funções, às quais os autores atribuem o poder de manter a sociedade funcionando, Lazarsfeld e Merton identificaram também o que chamaram de ‘disfunção narcotizante’ da mídia. </li></ul><ul><li>A ‘disfunção narcotizante’ gera apatia política das grandes massas de população. As funções impedem que as disfunções precipitem a crise do sistema. </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  27. 27. Disfunção narcotizante: batatas cozidas... Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  28. 28. A disfunção narcotizante Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  29. 29. A importância da comunicação interpessoal <ul><li>Ao estudar os processos de decisão individuais de uma população feminina de oitocentas pessoas numa cidade de 60 mil habitantes nos EUA, o grupo de Merton e Lazarsfeld aponta a importância do ‘grupo primário’. </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  30. 30. Two-step flow (fluxo de dois degraus) Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  31. 31. Two-step flow (fluxo de dois degraus) <ul><li>Para Lazarsfeld, e Merton, que não participou diretamente da investigação , o poder persuasivo da mídia –lembrem-se do “nível C”, de Weaver–, só consegue mudar atitudes se o grupo primário ao qual o sujeito está vinculado apoiar as mudanças. </li></ul>Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  32. 32. Two-step flow (fluxo de dois degraus) Paul Felix Lazarsfeld (1901 - 1976) Robert King Merton (1910-2003)
  33. 33. Tema da próxima aula: <ul><li>Conhecendo um pouco melhor a teoria do agendamento </li></ul><ul><li>Começamos, na semana que vem as apresentações. </li></ul><ul><li>Todos os grupos devem apresentar seus relatórios </li></ul>

×