Social Media Day 2011 #SMDayJlle
Social Media Day 2011 #SMDayJlle                           61
Redes sociais no ecossistema denegócios: Além do Marketing e muitomais que ROI
O Ecossistema de Plataformas deRedes e Ferramentas Sociais de internet The Conversation Prism  v3.0 - Agrupadas por  fina...
Facebook | THE CONNECTOR   “Conectar e compartilhar”   Filme “The Social Network”   Person of the Year da TIME   Janta...
Facebook | Alguns NÚMEROS Aportes totalizam US$ 2,34 bilhões (até 03/2011) Quase 700M de usuários ativos, 50% faz login ...
Muito mais tempo no Facebook | Menos na WebComScore / Business Insider – 06/2011
Projeto Google+: “Compartilhamento da vidareal repensado para a web” +Círculos:  compartilhe o que é  importante com quem...
O Cenário das PlataformasCorporativas de Software Social
Plataformas Sociais, os 6 Cegos e o Elefante História presente  em diversas  culturas Percepção própria  de como seria o...
Geração Y: Conselhos e lições para uma novasociedade de nativos digitais Don Tapscott (Globo News, 06/2011)    …, Digita...
Geração Y: Conselhos e lições para uma novasociedade de nativos digitais 1ª. geração a atingir a maioridade na era digita...
CIRS2 Conferência Internacional de RedesSociais, 05/2011 | Empresa Rede Augusto de Franco, Cacau Guarnieri, Diego Reuber,...
CIRS2 Conferência Internacional de RedesSociais, 05/2011 | Empresa Rede Estamos em plena transição de uma sociedade  hier...
Commodities Funcionais das Redessociais corporativas
Gartner - Trends in Social Software andExternally Facing Social Software              Redes abertas X Corporativas
Commodities Funcionais das Redes sociaiscorporativas Autenticação de Usuários | Identidade digital/Social  Sign-In (SSI)...
Commodities Funcionais das Redes sociaiscorporativas   Operações FRIEND/FOLLOW - Relacionamentos   Central de Mensagens...
O Cenário das PlataformasCorporativas de Software Social
Muitos Produtos; Muitos Produtos Diferentes                Ecossistema de Plataformas                      Corporativas de...
As diversidade de Perspectivas doSoftware “Social”
O verdadeiro “Conhecimento” Social Como se parecem as  empresas que utilizam,  de forma ampla, uma  plataforma de rede so...
Área de Vendas Identificação de  especialistas; criar grupos  para tratar oportunidades  complexas Coordenar a interação...
Área de Marketing Gerenciar lançamentos Gerenciar crises com  equipes dispersas Coordenar campanhas  independente da ge...
Área de P&D – Pesquisa e Desenvolvimento Acelerar a inovação Discutir e aperfeiçoar idéias  com colegas globalmente Dis...
Área de Suporte e Atendimento ao Cliente Identificar especialistas em  toda a empresa Compartilhar a base de  solução de...
Área de Comunicação Corporativa Unificar a mensagem e  engajar os funcionários Insights das conversas de  negócio dos fu...
Área de Recursos Humanos Comunicar e coordenar  recrutamento aberto, global Compartilhar e cultivar a  cultura da organi...
Área de TI – Tecnologia da Informação Controlar e aprovar  aplicativos sociais Fornecer recursos sociais  com segurança ...
Área de Treinamento Corporativo Criar ativos de treinamento  colaborativamente Gerenciar eventos Obter feedback sobre o...
Os Filmes de Hollywood e asMarcas nas Mídias Sociais
CANNES LIONS 2011 | As agências brasileirasperderam o bonde da história digital
As plataformas e ferramentas digitais evoluíram“The future begins.”“O futuro se inicia.”
Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“The Game Has Changed.”“O jogo mudou.”
Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“Nothing will be the same.”“Nada será o mesmo.”
Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“The clues are right in front of your eyes.”"As pi...
Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“You know the name. You know the number.”Você sabe...
Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“It Will Cost You Everything.”“Vai custar-l...
Estratégia de Sustentabilidade da sua Marca?“Survival is no game.”“Sobrevivência não é um jogo.”
Estratégia de Sustentabilidade da sua Marca?“Lose who you are to save what you love.”“Abandone quem você é para salvar o...
Estratégia de Sustentabilidade da sua Marca?“The truth hurts.”“A verdade dói.”
Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“Theyre already here.”“Eles já estão aqui.”
Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“The courage to face fear.”A coragem para e...
Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“Enter the World.”“Entre neste mundo.”
Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“Join the Evolution.”“Participe da Evolução.”
Decidimos: estaremos oficialmente nas redes!“With great power comes great responsibility.”“Com grande poder vem grande r...
Mídias sociais são apenas mais uma opção nacaixa de ferramentas do Marketing Corporativo“A lot can happen on the road to ...
Quem está respondendo por sua Marca nasmídias sociais? Equipe? Processo?“Theres No Substitute for Experience.”“Não exist...
Quem está respondendo por sua Marca nasmídias sociais? Equipe? Processo?“If you want a job done well hire a professional....
Presença nas redes não é projeto. É PROCESSO!“The Silence Will Be Broken.”“O silêncio será quebrado.”
Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Even the smallest person can change the ...
Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Shes back...And shes bringing a few of h...
Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Secrets will be revealed.”“Segredos ser...
Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Nothing Escapes Him.”“Nada escapa dele.”
Sua Marca está mapeando os interesses de seusclientes e consumidores?“Are You Watching Closely?”“Você está acompanhando ...
Sua Marca está mapeando os interesses de seusclientes e consumidores?“Everyones after something.”“Todo mundo está atrás ...
Sua marca anda usando a estratégia“Shoptime” Compre! Compre! nas redes?“You are not welcome here.”“Você não é bem vindo ...
Faltaram argumentos? Ainda continua indeciso?“Join the party!”“Junte-se à festa!”
E as novas carreiras que estão surgindo,derivadas desta mudança na comunicação?“Its The Coolest Job Ever.”“É o trabalho ...
Geração Y? Ambientes de trabalho com um bomequilíbrio entre a vida e o trabalho“We Give Our Lives To Our Jobs. Its Time T...
As perspectivas da nova sociedade em rede“We were supposed to make the world a better place.”“Nós devemos fazer do mundo...
Dilema da obsessão exclusiva pelo ROI?Marca nas redes = “RELACIONAMENTO”“Life isnt measured in minutes, but in moments.”...
Querem conversar com a sua Marca nas redes“An offer you cant refuse.”“Uma oferta que você não pode recusar.”
Obrigado! #SMDayJlle 2011                   Ricardo Francisco Prochnow                   estratégia e inovação em novas ...
http://facebook.com/vocimo  http://twitter.com/vocimo          http://vocimo.com
O Cenário das Soluções Corporativasde Software Social
Magic Quadrant for Social Software in theWorkplace (10/2010)                            Open Text       Microsoft       ...
Plataformas Corporativas deSoftware SocialMade in Brazil, JVLLE
NOUS | Por que Colaboração? Porque COLABORAÇÃO é a principal ferramenta de  promoção de aprendizagem nas organizações
NOUS | Proposta Conectar pessoas diretamente aos propósitos da  organização num ambiente colaborativo capaz de  organizar...
NOUS | Execução Colaborativa
Artia | Social network for your projects
Artia | Social network for your projects   Gestão de tempo individual   Colaboração   Gestão de projetos   Gestão de p...
Artia | Social network for your projects “O Artia ajuda na definição e  execução da sua estratégia,  dos seus projetos e ...
Plano básico e simples de Ativação da Marcanas Redes Sociais   1) Definir metas e objetivos estratégicos   2) Mapear “on...
“Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa Premissas    Patrocínio executivo para seu proj...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa Perguntas para usuários de negócios      Contri...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa Perguntas para TI (que precisa avaliar se a solu...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 2. Priorizar os objetivos e definir o escopo   ...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 3. Definir critérios de sucesso para o piloto   ...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 4. Determinar o cronograma do projeto-piloto   ...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 5. Definir papéis e responsabilidades    Os doi...
6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 6. Definir a data da decisão Go/No-Go  e próximo...
A Vocimo | Fator [VOC]
A Vocimo | Fator [VOC] Voz e o Valor dos C´s    Coletivo Conectado, Clientes, Consumidores, Colaboradores,     Comunidad...
http://facebook.com/vocimo  http://twitter.com/vocimo          http://vocimo.com
Redes Sociais no ecossistema de Negocios: alem do Marketing e muito mais que ROI
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Redes Sociais no ecossistema de Negocios: alem do Marketing e muito mais que ROI

3.557 visualizações

Publicada em

Nossa apresentação no encontro Social Media Day 2011 Joinville #SMDAYJLLE (30/06/2011) com alguns insights sobre as Plataformas Corporativas de Software Social, As tendências da Sociedade em rede e um paralelo entre a Estratégia de presença das Marcas nas Mídias Sociais e os Filmes de Hollywood.

Publicada em: Negócios, Tecnologia
1 comentário
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Minha participação no encontro Social Media Day 2011 Joinville #SMDAYJLLE (30/06/2011 19:00) com algumas considerações sobre as Plataformas de Redes Sociais Corporativas, As tendências da Sociedade em rede e um paralelo entre a Estratégia de presença das Marcas nas Mídias Sociais e as Taglines (slogans) dos Filmes de Hollywood.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.557
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
810
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
104
Comentários
1
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Redes Sociais no ecossistema de Negocios: alem do Marketing e muito mais que ROI

  1. 1. Social Media Day 2011 #SMDayJlle
  2. 2. Social Media Day 2011 #SMDayJlle 61
  3. 3. Redes sociais no ecossistema denegócios: Além do Marketing e muitomais que ROI
  4. 4. O Ecossistema de Plataformas deRedes e Ferramentas Sociais de internet The Conversation Prism v3.0 - Agrupadas por finalidade básica Diversidade/dinâmica
  5. 5. Facebook | THE CONNECTOR “Conectar e compartilhar” Filme “The Social Network” Person of the Year da TIME Jantar com Obama, Jobs, Ellison e Schmidt
  6. 6. Facebook | Alguns NÚMEROS Aportes totalizam US$ 2,34 bilhões (até 03/2011) Quase 700M de usuários ativos, 50% faz login diário Em média, usuário tem 130 amigos, é fã de 80 páginas e cria 90 itens de conteúdo/mês São gastos 700B de minutos/mês no Facebook +1B de objetos (páginas, grupos, eventos, etc.) 35B de itens de conteúdo(links, notícias, fotos, etc.) 70% dos usuários não são dos EUA 70 idiomas disponíveis; 300K usuários auxiliaram 20M de aplicativos instalados/dia 300M de interações/mês em web sites externos
  7. 7. Muito mais tempo no Facebook | Menos na WebComScore / Business Insider – 06/2011
  8. 8. Projeto Google+: “Compartilhamento da vidareal repensado para a web” +Círculos: compartilhe o que é importante com quem mais importa
  9. 9. O Cenário das PlataformasCorporativas de Software Social
  10. 10. Plataformas Sociais, os 6 Cegos e o Elefante História presente em diversas culturas Percepção própria de como seria o elefante Todos tem "certeza" da sua verdade
  11. 11. Geração Y: Conselhos e lições para uma novasociedade de nativos digitais Don Tapscott (Globo News, 06/2011)  …, Digital Capital(2000), The Naked Corporation(2003), Wikinomics(2006), Grown Up Digital(2008), Macrowikinomics: Rebooting Business and the World (2010)
  12. 12. Geração Y: Conselhos e lições para uma novasociedade de nativos digitais 1ª. geração a atingir a maioridade na era digital Batem de frente contra as antigas instituições Adolescência prolongada(8 aos 18) | 1/3 do cérebro Na ponta dos dedos têm ferramentas melhores do que as que existem nas empresas mais sofisticadas Grande cultura de inovação, colaboração, rapidez e curiosidade e batem de frente com uma empresa antiquada, “Dilbert Inc.” Empresas que trabalham em redes têm um desempenho melhor que empresas que tentam fazer tudo dentro dos limites de sua estrutura
  13. 13. CIRS2 Conferência Internacional de RedesSociais, 05/2011 | Empresa Rede Augusto de Franco, Cacau Guarnieri, Diego Reuber, Fabiano Moraes, Fernando Domingues, Luiz Bruno Vianna, Maria Thereza do Amaral, Marina Miranda, Nilton Lessa, Osvaldo Oliveira, ...
  14. 14. CIRS2 Conferência Internacional de RedesSociais, 05/2011 | Empresa Rede Estamos em plena transição de uma sociedade hierárquica e de massa para uma sociedade em rede “Ser uma empresa de sucesso nesse novo mundo digital.” | Não é no mundo digital: é no mundo social”  Quem está virando rede é a sociedade: o digital é apenas um aspecto dessa mudança Praça Tahrir do Cairo, no dia 11/02/2011  Sempre poderia ter acontecido só que não tão rapidamente “Grande descoberta do óbvio, é que tudo que é sustentável tem o padrão de rede”  Sustentabilidade empresarial: Sobrevivência, renovação, adaptação as mudanças
  15. 15. Commodities Funcionais das Redessociais corporativas
  16. 16. Gartner - Trends in Social Software andExternally Facing Social Software Redes abertas X Corporativas
  17. 17. Commodities Funcionais das Redes sociaiscorporativas Autenticação de Usuários | Identidade digital/Social Sign-In (SSI) Compartilhamento em outras redes Perfil do Usuário | Profile Dashboard Social do usuário (influência) Templates de documentos, processos, projetos, etc. Feed de Atividades | Activity Streams Algoritmo de Recomendações de conteúdo/usuários Atualização de Status| Micro-blogging Grupos de Contatos (privacidade, assertividade) Really Simple Syndication RSS 2.0
  18. 18. Commodities Funcionais das Redes sociaiscorporativas Operações FRIEND/FOLLOW - Relacionamentos Central de Mensagens Monitoramento Básico das Mídias Sociais abertas Pesquisa de Opinião | Enquetes Blog e Wiki (Usuários, Departamentos, Eventos, etc.) Unidade Organizacional | Diretórios Servidor de mensagens instantâneas (chat) Etc.
  19. 19. O Cenário das PlataformasCorporativas de Software Social
  20. 20. Muitos Produtos; Muitos Produtos Diferentes Ecossistema de Plataformas Corporativas de Software Social e Colaboração
  21. 21. As diversidade de Perspectivas doSoftware “Social”
  22. 22. O verdadeiro “Conhecimento” Social Como se parecem as empresas que utilizam, de forma ampla, uma plataforma de rede social corporativa  Nirvana: “todas as unidades de negócio”  Menos dependentes do e-mail, sistemas legados, processos arcaicos, frustração na busca por respostas, etc.
  23. 23. Área de Vendas Identificação de especialistas; criar grupos para tratar oportunidades complexas Coordenar a interação das áreas com grandes contas Colaborar com prospects numa extranet privada Monitorar as redes sociais
  24. 24. Área de Marketing Gerenciar lançamentos Gerenciar crises com equipes dispersas Coordenar campanhas independente da geografia Buscar engajamento autêntico com os clientes Obter novas idéias, feedback instantâneo dos clientes
  25. 25. Área de P&D – Pesquisa e Desenvolvimento Acelerar a inovação Discutir e aperfeiçoar idéias com colegas globalmente Discutir e aperfeiçoar idéias com clientes, parceiros Obter insights através de conteúdo criado pelo cliente Avaliar e discutir idéias postadas por clientes
  26. 26. Área de Suporte e Atendimento ao Cliente Identificar especialistas em toda a empresa Compartilhar a base de solução de problemas Treinar equipe de forma rápida e acessível Usar conteúdo gerado pelos usuários e clientes na base de conhecimento
  27. 27. Área de Comunicação Corporativa Unificar a mensagem e engajar os funcionários Insights das conversas de negócio dos funcionários Manter um calendário editorial com equipes dispersas Enquetes e pesquisas para medir engajamento
  28. 28. Área de Recursos Humanos Comunicar e coordenar recrutamento aberto, global Compartilhar e cultivar a cultura da organização Integrar novos funcionários à rede da empresa Melhorar o ambiente de aprendizagem organizacional
  29. 29. Área de TI – Tecnologia da Informação Controlar e aprovar aplicativos sociais Fornecer recursos sociais com segurança e controle Comunicar atualizações e interrupções planejadas Liderar grupos de discussão e suporte sobre novos aplicativos e tecnologias
  30. 30. Área de Treinamento Corporativo Criar ativos de treinamento colaborativamente Gerenciar eventos Obter feedback sobre os materiais de treinamento Explorar conteúdos de treinamento gerados pelo usuários: derivar demandas Disponiblizar treinamentos de forma virtual e assíncrona
  31. 31. Os Filmes de Hollywood e asMarcas nas Mídias Sociais
  32. 32. CANNES LIONS 2011 | As agências brasileirasperderam o bonde da história digital
  33. 33. As plataformas e ferramentas digitais evoluíram“The future begins.”“O futuro se inicia.”
  34. 34. Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“The Game Has Changed.”“O jogo mudou.”
  35. 35. Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“Nothing will be the same.”“Nada será o mesmo.”
  36. 36. Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“The clues are right in front of your eyes.”"As pistas estão bem na frente de seus olhos."
  37. 37. Passamos atualmente por uma revolução naspossibilidades de comunicação“You know the name. You know the number.”Você sabe o nome. Você conhece o número.”
  38. 38. Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“It Will Cost You Everything.”“Vai custar-lhe tudo.”
  39. 39. Estratégia de Sustentabilidade da sua Marca?“Survival is no game.”“Sobrevivência não é um jogo.”
  40. 40. Estratégia de Sustentabilidade da sua Marca?“Lose who you are to save what you love.”“Abandone quem você é para salvar o que você ama."
  41. 41. Estratégia de Sustentabilidade da sua Marca?“The truth hurts.”“A verdade dói.”
  42. 42. Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“Theyre already here.”“Eles já estão aqui.”
  43. 43. Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“The courage to face fear.”A coragem para enfrentar o medo.”
  44. 44. Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“Enter the World.”“Entre neste mundo.”
  45. 45. Sua Marca ainda não tem presença oficial nasredes? Acha arriscado participar?“Join the Evolution.”“Participe da Evolução.”
  46. 46. Decidimos: estaremos oficialmente nas redes!“With great power comes great responsibility.”“Com grande poder vem grande responsabilidade.”
  47. 47. Mídias sociais são apenas mais uma opção nacaixa de ferramentas do Marketing Corporativo“A lot can happen on the road to nowhere.”“Muita coisa pode acontecer na estrada para lugar nenhum.”
  48. 48. Quem está respondendo por sua Marca nasmídias sociais? Equipe? Processo?“Theres No Substitute for Experience.”“Não existe substituto para a experiência.”
  49. 49. Quem está respondendo por sua Marca nasmídias sociais? Equipe? Processo?“If you want a job done well hire a professional.”“Se você quer um trabalho bem feito contrate um profissional.”
  50. 50. Presença nas redes não é projeto. É PROCESSO!“The Silence Will Be Broken.”“O silêncio será quebrado.”
  51. 51. Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Even the smallest person can change the course of the future.”“Até a menor pessoa pode mudar o curso do futuro.”
  52. 52. Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Shes back...And shes bringing a few of her friends.”“Ela está de volta ... E está trazendo alguns de seus amigos.”
  53. 53. Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Secrets will be revealed.”“Segredos serão revelados.”
  54. 54. Problemas de relacionamento com clientes econsumidores? Gerenciamento de crises?“Nothing Escapes Him.”“Nada escapa dele.”
  55. 55. Sua Marca está mapeando os interesses de seusclientes e consumidores?“Are You Watching Closely?”“Você está acompanhando de perto?”
  56. 56. Sua Marca está mapeando os interesses de seusclientes e consumidores?“Everyones after something.”“Todo mundo está atrás de algo.”
  57. 57. Sua marca anda usando a estratégia“Shoptime” Compre! Compre! nas redes?“You are not welcome here.”“Você não é bem vindo aqui.”
  58. 58. Faltaram argumentos? Ainda continua indeciso?“Join the party!”“Junte-se à festa!”
  59. 59. E as novas carreiras que estão surgindo,derivadas desta mudança na comunicação?“Its The Coolest Job Ever.”“É o trabalho mais legal que já existiu.”
  60. 60. Geração Y? Ambientes de trabalho com um bomequilíbrio entre a vida e o trabalho“We Give Our Lives To Our Jobs. Its Time To Take Them Back.”“Nós entregamos nossas vidas a nossos trabalhos. É hora de recuperá-las.”
  61. 61. As perspectivas da nova sociedade em rede“We were supposed to make the world a better place.”“Nós devemos fazer do mundo um lugar melhor.”
  62. 62. Dilema da obsessão exclusiva pelo ROI?Marca nas redes = “RELACIONAMENTO”“Life isnt measured in minutes, but in moments.”“A vida não é medida em minutos, mas em momentos.”
  63. 63. Querem conversar com a sua Marca nas redes“An offer you cant refuse.”“Uma oferta que você não pode recusar.”
  64. 64. Obrigado! #SMDayJlle 2011  Ricardo Francisco Prochnow  estratégia e inovação em novas mídias  ricardo@vocimo.com  fb.me/ricardoprochnow  twitter.com/ricardoprochnow  br.linkedin.com/in/prochnow
  65. 65. http://facebook.com/vocimo http://twitter.com/vocimo http://vocimo.com
  66. 66. O Cenário das Soluções Corporativasde Software Social
  67. 67. Magic Quadrant for Social Software in theWorkplace (10/2010)  Open Text  Microsoft  Atlassian  Jive  IBM  Saba  Telligent  Ektron  Socialtext  Novell  SucessFactors  Igloo  Drupal  Liferay  NewsGator  Traction  Huddle  Xwiki  bluekiwi  Twiki  Realcom US  EPiServer
  68. 68. Plataformas Corporativas deSoftware SocialMade in Brazil, JVLLE
  69. 69. NOUS | Por que Colaboração? Porque COLABORAÇÃO é a principal ferramenta de promoção de aprendizagem nas organizações
  70. 70. NOUS | Proposta Conectar pessoas diretamente aos propósitos da organização num ambiente colaborativo capaz de organizar, integrar e reter seus conhecimentos Apoiar a concepção e o desenvolvimento de idéias e projetos nas fases que antecedem a decisão de fazer Aumentar a produtividade em geral ao aumentar as chances de fazer as coisas certas e fazer certo as coisas “Havendo olhos suficientes todos os erros são óbvios”
  71. 71. NOUS | Execução Colaborativa
  72. 72. Artia | Social network for your projects
  73. 73. Artia | Social network for your projects Gestão de tempo individual Colaboração Gestão de projetos Gestão de processos Planejamento estratégico Planejamento de áreas – produto, TI, RH, etc. Indicadores de negócio e de gestão Planejamento individual de curto, médio e longo prazos Gestão de Metas
  74. 74. Artia | Social network for your projects “O Artia ajuda na definição e execução da sua estratégia, dos seus projetos e na administração do seu tempo. Fácil de usar, não requer treinamento ou projetos de implantação, não exige esforço de administração e pode ser acessado de qualquer lugar em qualquer momento, sem custo inicial”
  75. 75. Plano básico e simples de Ativação da Marcanas Redes Sociais 1) Definir metas e objetivos estratégicos 2) Mapear “onde” está seu público alvo 3) Identificar “influenciadores” 4) Definir equipe e responsabilidades 5) Criar os pontos de presença nas redes aplicáveis 6) Estabelecer a estratégia de “Conteúdo” 7) Definir as métricas alinhadas com objetivos 8) Customizar os pontos de presença 9) Definir o framework de engajamento (processo) 10) Definir a Política de Mídias Sociais 11) Definir calendário editorial e iniciar publicação 12) Monitorar e medir desempenho 13) Utilizar a própria equipe (e suas redes) para divulgação inicial 14) Analisar, adaptar e melhorar (processo contínuo)
  76. 76. “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa
  77. 77. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa Premissas  Patrocínio executivo para seu projeto piloto  Um bom “sponsor” garante grande parte do sucesso  Seleção dos grupos que irão gerar maior buzz sobre o sucesso do piloto em sua empresa Planejamento  1. Entrevistar usuários-chave das unidades de negócio e de TI  Levantamento de requisitos  Podem não saber “o que querem” da plataforma  Estruturar um questionário com as perguntas  Respostas irão ajudar a direcionar o planejamento, design, lançamento, políticas de uso, etc.
  78. 78. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa Perguntas para usuários de negócios  Contribuição geral para a estratégia do negócio da empresa  Quantas pessoas usarão a plataforma?  Onde eles estão localizados fisicamente? Interface que usam?  Qual é a sua percepção e preocupação com uma RSC?  Existem diferenças culturais ou de idioma no grupo?  Peça que o usuário descreva como seu grupo usará a RSC  Como se obtém as informações, hoje, sem a RSC?  O que pretendem fazer na RSC para melhorar o processo?  Indicadores da RSC serão usados para medir sucesso de adoção?  Nomear facilitadores do grupo que irão auxiliar os demais a incorporar o uso da RSC na sua rotina de trabalho
  79. 79. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa Perguntas para TI (que precisa avaliar se a solução se encaixa dentro do cenário de tecnologia da empresa)  Quais os objetivos globais para a RSC no quesito tecnologia?  Que outras componentes existentes (intranet, ferramentas de colaboração e/ou gestão de conhecimento a RSC complementa, reduz ou substitui?  Qual a regra para autenticação de usuários internos/parceiros?  Sistemas de negócio com os quais a RSC deve se integrar para validar o sucesso do piloto? São realmente “necessários”?  O piloto RSC estará sujeito a quais processos de governança?  Administração da RSC durante o piloto? Treinamento necessário?
  80. 80. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 2. Priorizar os objetivos e definir o escopo  Após a obtenção dos dados, é hora de priorizar  É este um piloto de tecnologia, ou de usabilidade, utilidade para o nosso negócio?  É mais difícil fazer as duas coisas. E se não é útil para o negócio, não precisamos da prova de tecnologia, right?  Dica: prove que é útil para usuários de negócios antes de mergulhar mais profundamente nas necessidades de tecnologia  Deixe para depois a integração com outros sistemas, etc.
  81. 81. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 3. Definir critérios de sucesso para o piloto  Indicadores obtidos na Etapa 1  Depoimentos de que a comunicação está mais eficaz com menor fluxo de e-mails?  Aumento significativo nas postagens do microblog, número de colaborações na produção de documentos, etc.  Dica: o piloto não é o momento para tentar provar todo o impacto nos negócios da empresa: concentre-se em justificar a utilidade para usuários de negócios em primeiro lugar  Em um piloto de 1-2 meses fica difícil comprovar uma diminuição no ciclo de vendas da sua empresa, mas, pode obter indícios de que as pessoas estão sendo acessadas com maior rapidez, frequência e colaborando de forma mais eficaz  Encoraje o "Feedback” em todos os pontos de contato
  82. 82. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 4. Determinar o cronograma do projeto-piloto  Pré-lançamento e planejamento do desenvolvimento  Não subestime o esforço necessário para entrevistar os participantes, determinar critérios de sucesso, etc.  Ativar o piloto – qual será o tempo de duração? Quanto tempo de uso é necessário para viabilizar a coleta das métricas?  Depende também da cultura e maturidade da empresa, do desempenho dos facilitadores e do gerente da comunidade  Mais planejamento costuma derivar pilotos mais cursos  Análise Pós-piloto  Tempo para coleta e análise dos dados?  Pesquisas junto as usuários finais e usuários chave  Elaboração de relatórios para os patrocinadores executivos
  83. 83. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 5. Definir papéis e responsabilidades  Os dois principais papéis para definir são o gerente de comunidade e o administrador do sistema  As funções adicionais incluem:  Os facilitadores de cada grupo de negócios participante  Responsáveis pelo contato direto com o fornecedor para responder às perguntas da equipe de negócio e técnica  Identificar e delegar poder aos “evangelizadores” do piloto que difundem o uso e aceleram a identificação e o mapeamento de novos casos de negócio para o piloto
  84. 84. 6 Passos | “Projeto Piloto” de implantação deuma rede social corporativa 6. Definir a data da decisão Go/No-Go e próximos passos  Uma vez avaliados os indicadores de sucesso ou fracasso, o que vem a seguir?  Será necessário testar com mais grupos?  O piloto encerrou e o projeto está cancelado? (Espero que não)  Cuidado: um piloto bem sucedido pode perder o “momento” se houver muita demora nesta fase  Use a força do “patrocinador” do projeto  Se o piloto foi bem-sucedido, esteja preparado para expandir
  85. 85. A Vocimo | Fator [VOC]
  86. 86. A Vocimo | Fator [VOC] Voz e o Valor dos C´s  Coletivo Conectado, Clientes, Consumidores, Colaboradores, Comunidades, Contribuintes, Cidadãos, Conteúdo, …) Momento de transformação da comunicação  As regras mudaram: autenticidade é obrigatória  Fator [VOC] tem influência sobre o mercado  Fundamental ouvir, participar, aprender e inovar com as conversações onde elas realmente ocorrem  Reconhecer e delegar poder aos representantes [VOC] que querem ouvir a história da sua Marca direto da fonte e participar da inovação e melhoria dos seus produtos e serviços  Gerar relacionamentos de longo prazo, autênticos e baseados na confiança
  87. 87. http://facebook.com/vocimo http://twitter.com/vocimo http://vocimo.com

×