Empatia: “A competência que gera valor para o negócio”

1.242 visualizações

Publicada em

Você tem empatia com seu cliente? E com sua equipe? Saber lidar com essa questão é vital em relacionamentos no ambiente corporativo. “A Empatia é uma das competências chave para a vida do século 21. Está no coração da inteligência emocional e é uma habilidade essencial para liderar, trabalhar em equipe e atender o cliente.” Saiba como esta competência pode ser a principal responsável por gerar valor para o negócio da sua empresa.

Publicada em: Negócios
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.242
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
62
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Livro escrito em 1995/96
  • Simpatia: Comportamento agradável que Encanta/ Cativa/
    Empatia:A capacidade de se colocar no lugar do outro- (Sintonia emocional)
    Soliedadriedade: Praticar ato de bondade mediante ao sofrimento do outro
  • deve ser praticada e aprimorada
    .

  • em todos os conceitos giram em torno da gerar valor através de novas ideias


  • antes de olhar para a cultura, vamos ver o que causa o fim da inovação e percebemos se não fazemos isso
    10 Signs that you’ve got an innovation dysfunction
    No one can remember the last time anyone did anything really cool
    People think innovation is about R&D
    People have convinced themselves that competing on price is normal
    The organization is focused more on process than success
    There are lots of baby boomers about, and few people younger than 25
    After any type of surprise — product, market, industry or organizational change — everyone sits back and asks, “wow, where did that come from?”
  • Livro escrito em 1995/96
  • Dudi Part….
  • Quais são suas aspirações? valores? Cotextosw
  • Design Thinking é um conceito que foi polularizado pelo CEI da IDEO é jeito de pensar e abordar problemas centrado nas pessoas
    Algumas pessoas afirmam que o Design Thinking é uma metodologia mas o autor prefere se referir como “Novo modelo Mental” na qual as observações e experimentações viram insights para melhorar a vida das pessoas:
  • Design Thinking é um conceito que foi polularizado pelo CEI da IDEO é jeito de pensar e abordar problemas centrado nas pessoas
    Algumas pessoas afirmam que o Design Thinking é uma metodologia mas o autor prefere se referir como “Novo modelo Mental” na qual as observações e experimentações viram insights para melhorar a vida das pessoas:
  • Design Thinking é um conceito que foi polularizado pelo CEI da IDEO é jeito de pensar e abordar problemas centrado nas pessoas
    Algumas pessoas afirmam que o Design Thinking é uma metodologia mas o autor prefere se referir como “Novo modelo Mental” na qual as observações e experimentações viram insights para melhorar a vida das pessoas:
  • SENTIDO EMOCIONAL DAS COISAS BEM COMO SEU DESEMPENHO FUNCIONAL e detectam as necessidades não declaradas! # Necessita
    Este carrinho foi resultado de um desafio que eles tiveram do programa ABC pegar algo familiar como um carrinho de supermercado e redesenha-lo em 5 dias.
    TECNICAMENTE POSSIVEL, RENTAVEl PARA O NEGÒCIO E DeSeJAVeL PELAS PESSOAS-
  • Sinergia; Indentificar padrões
  • a afetiva, expressa por um interesse genuíno em atender às necessidades da pessoa-alvo; a cognitiva, como tomada de perspectiva, autoconsciência, reconhecimento e compreensão de estados mentais das outras pessoas; e a comportamental, que funciona de forma integrada, direcionada com o intuito de oferecer apoio, conforto e consolo a alguém.
  • a direção da empresa tem que agir pensando em inovação, garantindo que os mecanimos que permitam que a inovação floreça sejam garantidos na empresa
    e devem agir conforme essa cultura e dar o exemplo, não adianta desejar a inovação e todas as ideias serem barradas , qualquer falha ser repreendida
  • onde há discussão , pessoas conversando, discutindo, se questionando, aceitando as ideitas
  • e agindo como um time! colaborando com o próximo
  • Observar- Comunicação verbal e n verbal, ações, agenda, momentos..
  • Observar- Comunicação verbal e n verbal, ações, agenda, momentos..
  • Escuta Ativa- Sem preconceitos, preocupações e ressentimentos.
  • Deixar o silêncio- Dar oportunidade ao outro
  • Demonstrar interesse- Abrir espaço e canais para a participação do “outro” no negócio


  • “We’ve always done it this way” (3 bonus points):
    “It won’t work”
    “That’s the dumbest thing I ever heard”
    “That’s not my problem”
    “You can’t do that”
    “I don’t know how”
    “I don’t think I can”
    I didn’t know that”
    “The boss won’t go for it” (5 bonus points)
    “Why should I care?” (10 bonus points)

  • antes de olhar para a cultura, vamos ver o que causa o fim da inovação e percebemos se não fazemos isso

    “We’ve always done it this way” (3 bonus points):
    “It won’t work”
    “That’s the dumbest thing I ever heard”
    “That’s not my problem”
    “You can’t do that”
    “I don’t know how”
    “I don’t think I can”
    I didn’t know that”
    “The boss won’t go for it” (5 bonus points)
    “Why should I care?” (10 bonus points)

  • A empatia está diretamente relacionada ao processo de inovação, que é primordial em nosso setor… precisamos estar sempre um paço a frente!
  • Bill´s part
  • - Ganhava muito dinheiro vendendo filme e com revelação, mercado ameaçado pelas japonesas
    - Inventou a câmera digital
    - Seus clientes queriam câmeras melhores, e a qualidade das digitais não chegava nem perto das câmeras tradicionais
    - Investiu milhões para entrar no mercado digital de alta qualidade ("photo is king!")
    - Tentou se reinventar com kiosks de impressão digital
    - Entre a invenção e a falência, foram 37 anos!


  • antes de olhar para a cultura, vamos ver o que causa o fim da inovação e percebemos se não fazemos isso
    10 Signs that you’ve got an innovation dysfunction
    No one can remember the last time anyone did anything really cool
    People think innovation is about R&D
    People have convinced themselves that competing on price is normal
    The organization is focused more on process than success
    There are lots of baby boomers about, and few people younger than 25
    After any type of surprise — product, market, industry or organizational change — everyone sits back and asks, “wow, where did that come from?”
  • trocar pela foto da dextra
  • pilar estrtégico
  • O que são essas ferramentas???
  • Empatia: “A competência que gera valor para o negócio”

    1. 1. Empatia “A competência que gera valor para o negócio” Luiza Coelho & Tamires Gomes
    2. 2. Empatia “Se relacionar com outro estabelecendo uma sintonia emocional”
    3. 3. Empatia Do Grego empátheia, “entrar no sentimento”
    4. 4. SIMPATIA X EMPATIA X SOLIDARIEDADE
    5. 5. O choro dos bebês nos primeiros dias de vida como resposta ao choro de outros bebês, indica as primeiras respostas empáticas dos seres humanos Inata
    6. 6. Apesar de ser uma habilidade natural do ser Humano, é também uma habilidade aprendida que tende a ser refinada à medida que os aspectos cognitivos e afetivos são desenvolvidos & Desenvolvida
    7. 7. A empatia tem uma resposta humana universal, comprovada fisiologicamentete. Sistema Límbico: Circuito neuronais no cortéx pré- fronta Ressonância magnética realizada com presidiários Psicopatas (Psicólogo Jean Decety)
    8. 8. Empatia no dia-dia #Comportamentos #Valores #RegrasSociais
    9. 9. E no trabalho?
    10. 10. Empatia é uma das competências-chave para a vida do século 21. Está no coração da inteligência emocional e é uma habilidade essencial para o trabalho em equipe, de liderança e no relacionamento com clientes” Roman Krznaric The School of life
    11. 11. Experimentar reações emocionais por meio da observação da experiência alheia. Afetiva Empatia Avaliar as perspectiva psicológica das outras pessoas Cognitiva
    12. 12. Oportunidade de Negócios É a empatia que possibilita ter profundidade para compreender as necessidades do cliente atendendo suas expectativas e aspirações.
    13. 13. Assertividade: Nos relacionamentos…e na entrega! Qual ganho?
    14. 14. Design Thinking Empatia Experimenta- ção Colaboração Pessoas
    15. 15. Design Thinking Empatia Experimenta- ção Colaboração Pessoas “O design surge de uma necessidade humana” Tim Brown- CEO da IDEO
    16. 16. Design Thinking NOVO MODELO MENTAL: Observações e experimentações viram insights para melhorar a experiência das pessoas
    17. 17. Necessidades não declaradas Sentido emocional+ Desempenho funcional
    18. 18. Como avançar? Livre-se disso: ● Padrões próprios ● Pré-conceitos ● Inflexibilidade ● Familiaridade com processos ● “Preguiça das pessoas”
    19. 19. Fundamentos da Empatia!
    20. 20. Comportamental AfetivaCognitiva Empatia Ter AÇÃO. Reconhecimento e compreensão do outro Estar CONECTADO. Interesse genuíno Seguir DESVIOS. Exprimentar novos caminhos
    21. 21. Comunicação / Sintonia
    22. 22. Comunicação / Sintonia Consciente / Inconsciente
    23. 23. Comunicação / Sintonia Consciente / Inconsciente Inata / Desenvolvida
    24. 24. Mas, de que forma a empatia pode ser aprimorada???
    25. 25. Autoconsciência 1
    26. 26. Motivação para interação #conhecerooutrodatrabalho 2
    27. 27. Estabelecer uma relação de igualdade 3
    28. 28. Comportamentos chaves
    29. 29. Comportamentos chaves Observar
    30. 30. Comportamentos chaves Observar Escuta Ativa
    31. 31. Comportamentos chaves Observar Escuta Ativa Deixar o silêncio
    32. 32. Comportamentos chaves Observar Escuta Ativa Deixar o silêncio Demonstrar interesse
    33. 33. “Sempre fizemos assim” Você pode estar pensando...
    34. 34. “Sempre fizemos assim” “Isso não funciona” “Como isso gera valor?” “Não é problema meu” “Qual a relevância disso?” “Não sei como fazer” “Não sabia disso” “É a coisa mais idiota que já ouvi” “Porque eu deveria me importar?” Você pode estar pensando...
    35. 35. Empatia = Inovação
    36. 36. “Inovar é um processo de alavancar a criatividade, para gerar valor de novas maneiras, através de novos produtos, serviços e negócios.” Jonasch & Sommerlatte: The Innovation Premium. Inovação... “Inovação é um processo estratégico, de reinvenção contínua, do próprio negócio e da criação de novos conceitos de negócios.” Hamel: Liderando a Revolução.
    37. 37. Case...
    38. 38. × Kodak vs Fotografia Digital
    39. 39. e na Dextra?
    40. 40. Cultura de Inovação Não foi "planejada", mas emergiu: Da necessidade de gerar o maior valor para o cliente Da necessidade de ter os melhores profissionais para gerar este valor
    41. 41. Gestão de pessoas Equipes perenes Cultura centrada no cliente Ambiente propício a inovações Capacitação e desenvolvimento de times Na Dextra nós temos...
    42. 42. Ferramentas: Scrum Design Thinking Técnicas de UX ...
    43. 43. rh@dextra.com.br Luiza Coelho luiza.coelho@dextra.com.br Tamires Gomes tamires.gomes@dextra.com.br

    ×