Manual Inteligência Emocional

1.359 visualizações

Publicada em

Manual de Inteligência Emocional - Curso de Coaching ECIT

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Manual Inteligência Emocional

  1. 1. -Característicasdopensamentohumano -AInteligênciaEmocionaleIntelectual -Pensamentoeemoção -Estilosdepensamentoepercepção -Autoconceitoeautoimagem -Perspectivaesignificado -Perspectivaecomportamento -Perspectivaepercepção -Propósitodevidaedeescolhas -Crenças,atitudeselimites -Areciclagemdememórias -Ressignificarperspectivas -ARodadosValoresPessoais -ARodadaSatisfaçãoPessoal -Pontodealavancagempessoal -Comunicaçãoclaraeeficaz -Gestãoecriaçãodepossibilidadeseescolhas Índice - Módulo de Inteligência Emocional .Fundamentos do Comportamento Humano 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt O que sabe um peixe sobre a água onde nada a vida inteira? Albert Einstein Conteúdos do Curso Básico de Coaching 2 Curso de Coaching com Certificação Internacional
  2. 2. - Qual a minha expectativa relativamente a este curso? _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ _________________________________________________________________ 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt O Primeiro Passo ... Auto Descoberta - Quais os objectivos que quero alcançar com este curso? _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ 3 Curso de Coaching com Certificação Internacional
  3. 3. Tudo o que pensamos surge na mente em pares de opostos. A oposição inerente a todos os conceitos fornece a dinâmica da percepção e dos comportamentos. A oposição é mantida e alimentada através dos conceitos experiências que deles resultam, em níveis de tensão maior ou menor. O ponto do equilíbrio é o ponto de encontro entre os opostos, onde se diluem um no outro, dissolvendo-se a oposição. O ponto de acesso ao Poder Pessoal está no chamado Ponto Zero da Consciência. Pensamos em Opostos 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Características do Pensamento Humano 4 Curso de Coaching com Certificação Internacional 1º Passo Enumera as principais características da tua personalidade, tal como te vês, e distribui-as pelos quadros dos aspectos positivos e do aspectos negativos. 2ª Passo Numa escala de 1 a 10 em que intensidade os colocas, neste momento. (o mais intenso é 10 e o menos é 1) 3º Passo Identifica os teus valores fundamentais 4º Passo Numa escala de 1 a 10 que intensidade lhes atribuis por ordem de importância. (o mais importante é 10 e o menos é 1) 5º Passo Estabelece um paralelo entre os traços da tua personalidade e os teus valores e reflecte sobre isso. . Exercício 1- Quegrau(intensidade)deoposiçãotensencontradoàs característicasdatuapersonalidademaisintensas(maiornível deintensidade).Apontaesseníveldeoposiçãoaoladoda intensidaderegistadanacaracterísticadatuapersonalidade. 2- Dequeformaestãoosteusvaloresemconsonânciacomostraços depersonalidadequeacabastedeidentificar? 3- Existem traços de personalidade que não associaste a nenhum valor? 4- Existem valores para os quais não encontraste num traço de personalidade?
  4. 4. 1-Semprequenosdefinimoscriamoscontraste 2-Somos o Espaço, a Presença, o Campo Infinito, o Grande Observador dentrodoqualesobreoqualasexperiênciasocorrem 3-Conceitos,imagens,sonsepensamentossãomerasexperiências 4-Todaaexperiênciatemumprincípio,meioeumfim. 5-Todaaexperiênciarespondeaumapropósitodaconsciência 6-Asexperiênciasnascemdocontraste 7-Nãoháerros,háexperiências 8-Opropósitocria,acrençajustificaerealidadetestemunha Pilares da Inteligência aplicada ao Coaching 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ ? Questões ? Inteligência Emocional e Intelectual 5 Isto significa que a infância e a adolescência são como janelas de oportunidades críticas para definir os hábitos emocionais essenciais que hão-de governar as nossas vidas. Curso de Coaching com Certificação Internacional
  5. 5. A Inteligência Emocional representa a maior ou menor capacidade de cadaumdenósparalidaregerirassuasemoções. É hoje reconhecido que as competências emocionais têm um papel fundamentalnoêxitopessoaleprofissional. As emoções tóxicas constituem um risco enorme para a saúde, tal como oequilíbrioemocionalpodeajudaraprotegeronossobem-estar. As lições emocionais que aprendemos quando crianças, moldam os circuitos emocionais, tornando-nos mais aptos ou inaptos nos aspectos básicosdaInteligênciaEmocional. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ Palavras Chave Inteligência Emocional e Intelectual 6 Feed-Back Pessoal: _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ _______________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  6. 6. O sequestro emocional resulta de um outro sequestro - o sequestro das memóriasdeexperiênciasvividasnopassado. Diz-se que temos duas mentes: uma que pensa, outra que sente, mas, na verdade, uma faz parte da outra. Se não pensarmos, não despoletamos sensação. O pensamento parece ser o interruptor das memórias que tendo ficado soterradas nos arquivos inconscientes, recebemosinaleapermissãoparaseactivarem. As memórias são arquivos de experiências que contêm dois componentesessenciais: - a informação (imagens, conceitos e associações) - a energia da experiência vivida que se agrega e cimenta a informação. De uma maneira geral aprendemos a viver (pensar e sentir) de forma automatizada, rotinando ideias, perspectivas e experiências, permitindo que a energia utilizada nas experiências fique cristalizada, porrepressãoeresistênciaaabrirmãodoseuaparentevalor. A grande maioria das vezes não conseguimos agir de forma livre por estarmos condicionados pelas emoções vividas e retidas num determinadomomentodavida. A maior parte da nossa experiência está, então, dominada pelo sequestro emocional do passado. O Sequestro Emocional 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Quando falamos de liberdade queremos dizer, capacidade ou disponibilidade para viver o presente sem as cargas emocionais vividas no passado, de tal forma que uma nova experiência pode ser vivida sem que seja subordinada à reciclagem camuflada do passado. ?????? O Sequestro Emocional O Sequestro das Memórias 7 Notas: __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  7. 7. Todo aquele que trabalha com os outros, precisa de desenvolver a Inteligência Interpessoal que é a capacidade de compreender as outras pessoas, isto é, de perceber o que as para o motiva, como é que funcionam,comotrabalharcooperativamentecomelas. Esta competência é, seguramente, uma das mais valias de um coach, cujo objectivo é ajudar o outro a descobrir-se e a abrir o seu próprio caminhoparaodestinoaoqualdesejachegar. Contudo, a maneira mais eficaz para interagir sabiamente com os outros, é desenvolver aquilo a que chamamos de Inteligência Intrapessoal que desenvolve as competências pessoais para lidar connoscopróprios,voltando-nosparadentro. É a capacidade de criarmos um modelo correcto e verídico de nós mesmos e de o utilizarmos para funcionarmos eficazmente na vida.. A Inteligência Interpessoal e Intrapessoal 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt A vida é aquilo que nos acontece enquanto fazemos planos. JohnLennon O Sequestro Emocional O Sequestro das Memórias - continuação 8 Notas: _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ _________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  8. 8. 1 - Auto consciência – Conhecer as próprias emoções. Reconhecer um sentimento/sensação quando ele está a acontecer. Ser capaz de se manter em controlo, momento a momento, na presença das emoções, é apedrabasilardainteligênciaemocional. Aincapacidadedefazerestereconhecimentoedenosauto-observarmos duranteoprocesso,deixa-nosàmercêdasemoções. 2 - Auto Gestão as emoções – A capacidade de nos tranquilizarmos, de dissolvermos a ansiedade, a tristeza, a irritabilidade ou qualquer outro estadodeinquietaçãooumauestar. A falta desta aptidão, obriga-nos a uma luta constante com as emoções e aperdadeautodomíniopessoal. 3 - Auto motivação – Mobilizar as emoções ao serviço de um objectivo é essencial para concentrar a atenção, para a competência e para a criatividade. Ser capaz de entrar em “estados de fluidez” permite desempenhosdegrandequalidade. Os “estados de fluidez” são naturais e tornam-se presentes quando reabilitamosaenergiabloqueadanasemoçõespresentes. 4 - Respeitar as emoções dos outros – A reavaliação do valor de cada emoção e a sua função na experiência pessoal é uma das “aptidões pessoais” mais importantes na relação com o outro. A fuga e a aversão às emoções que parecem ser desagradáveis apenas reforça o seu sequestro emocional. 5 - Gerir Relacionamentos – Consiste na aptidão para lidar com as emoções dos outros, criando pontos de transmutação pessoa e tranpessoall. Esta é a habilidade básica para a competência social 5 estrelas. Estas são capacidades que estão na base da popularidade, da liderança e daeficáciainterpessoal. Todas as emoções são oportunidades de reequilíbrio da personalidade. Competências básicas da Inteligência Emocional 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Não existe qualquer forma de medir com papel e lápis a Inteligência Emocional. Desenvolver a capacidade de observar, de um ponto de vista neutral, as próprias emoções é uma das grandes conquistas da consciência humana. Esta qualidade permite que a atenção não se deixe arrastar pelas emoções, exagerando e ampliando aquilo que percebe. _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ Palavras Chave O Sequestro Emocional O Sequestro das Memórias - continuação 9 Curso de Coaching com Certificação Internacional
  9. 9. O QI pouco contribui para explicar os destinos diferentes das pessoas commaisoumenosasmesmaspromessas,instruçãoeoportunidades. A inteligência académica não dá praticamente qualquer espécie de preparação para o tumulto ou para as oportunidades que as vicissitudes davidanostrazem. E o grau de aptidão que cada um tenha nessas competências determina as razões pelas quais uma pessoa progride na vida enquanto outra, de intelectoigual,falharedondamente. Tradicionalmente acredita-se que a aptidão emocional determina o modo melhor ou pior como seremos capazes de usar outras capacidades que possamos ter, inclusive o intelecto puro. Porém a verdadeira maturidade acontece quando desfazemos os motores emocionais deliberadaeconscientemente. A vida emocional pode e deve ser tratada e exige o seu próprio conjunto de competências específicas. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Inteligência Intelectual Inteligência Emocional - continuação 10 Notas: __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  10. 10. Esta qualidade é a competência emocional básica a partir da qual todas as outras, incluindo o comboio emocional, se dissolvem e a chave para a dissolução de todos os pontos de vista e perspectivas embaciadas por sequestros emocionais. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ Dúvidas : _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ _________________ Notas: A Auto Observação 11 Existem3gruposdepessoaspelamaneiracomoenfrentamelidamcomas própriasemoções: 1-Autoconscientes 2-Imersas–deixam-seavassalarpelasemoções 3-Aceitantes–Sabem,reconhecemmasnadafazemparaalterar. Uma vez que haja o reconhecimento das emoções, surge a próxima competência: Emoções que se manifestam demasiado intensamente ou durante demasiado tempo, minam a nossa capacidade de resposta às solicitações davidaeimpedemarealizaçãofácilefluidadosnossosobjectivos. As pessoas que querem desenvolver esta competência, podem dissolver os estados emocionais contrapondo nesse instante a oposição que alimentaesseestado. A arte de nos acalmarmos a nós mesmos é um trabalho a tempo inteiro. Não é sábio tentar impedir ou rejeitar o aparecimento de uma emoção, pois a rejeição irá fortalecer o seu poder de sequestro. Através da auto observação e auto consciência podemos controlar quanto tempo vamos permitiroseusequestro. Chamamos-lhea sercapazdeselibertardeumestadodeespíritolimitador. capacidadedeautoregulaçãoemocional. Curso de Coaching com Certificação Internacional
  11. 11. As emoções embaraçam ou favorecem a capacidade de pensar e planear, de levar a cabo uma tarefa, atingir um objectivo, resolver problemas, definindo efectivamente os limites da nossa capacidade para utilizar as aptidõesinatase,portanto,determinamcomonossaímosnavida. O número e a intensidade das preocupações que uma pessoa sente, por exemplo, enquanto faz uma prova, tem uma relação directa com os fracos resultados que vai obter. O mesmo se aplica à capacidade de atingir objectivosdeformarápidaebemsucedida. Seroptimistaoupessimistaconstituiumaperspectivaemsimesmo. O optimista verdadeiro é auto consciente e não se recusa a olhar de frente para o sequestro emocional a que está sujeito num determinado momento,libertando-se. O pessimista está tão hipnotizado pela confusão emocional que não tem mais capacidade de lhe fazer frente, enquanto não se tornar auto conscienteeautoresponsávelporsimesmo. As preocupações, as crenças e as perspectivas que temos tornam-se profecias que se cumprem a si mesmas, impelindo-nos precisamente para o desastre que predizem. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt A maior parte das nossas emoções, quando deixadas em piloto automático, minam o intelecto e o discernimento sábio natural em cada ser humano. A experiência diz-nos que os ansiosos têm mais propensão a falhar, mesmo quando atingem as melhores pontuações nos testes de inteligência! Pensamento e Emoção 12 Notas: ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ ___________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  12. 12. Ser capaz de entrar em fluxo é Inteligência Emocional no seu melhor. No fluxo, a oposição diminui ou desaparece e todos os recursos ficamalinhadoscomatarefaemmãos. Éumestadoemqueaspessoasficamabsolutamenteabsortasnoque estão a fazer, dando à tarefa uma atenção indivisa, em que a consciênciasefundecomasacções. Na verdade pensar demasiado no que está a acontecer interrompe o fluxo. O simples pensamento “ isto está a correr-me tão bem” pode interromperofluxo. A concentração natural, isto é, estar totalmente presente e consciente é uma das formas de estar em fluxo. Uma vez estabelecido, a pessoa ganha uma força própria, proporcionando alívio da turbulência emocional ao mesmo tempo que faz com que o trabalhopareçarealizar-sesemesforço. Quandoaspessoasseintegramemactividadesque,semesforço,lhes captam e prendem a atenção, os seus cérebros “acalmam-se” no sentidodequeháumadiminuiçãodaexcitaçãocortical. Seria de esperar que tarefas tão exigentes requeressem mais actividadecorticalenãomenos. Porém, o que se verifica é que uma concentração tensa produz uma activação cortical acrescida. Mas a zona de fluxo e de desempenho óptimo parece ser um oásis de eficiência cortical, com um gasto mínimo de energia mental. Entrar e Estar «em Fluxo» 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt O papel do coach está em ajudar o seu cliente a eliminar a turbulência emocional de tal forma que a sua mente se aclara e os níveis de motivação e execução se expandem naturalmente. _________________________ _________________________ _________________________ _________________________ _________________________ _________________________ _________________________ Palavras Chave 13 Curso de Coaching com Certificação Internacional Pensamento e Emoção - continuação
  13. 13. A mente actua como um meio de expressão da consciência que nos permite criar experiências e com elas realizarmos propósitos ou intenções de experienciarmos vários tipos de vivências através das quaisessasintençõesoupropósitossedãovidaerealidade. O jogo da mente é constante e recebe a cada instante o roteiro para cumprir propósitos que estão, na maioria das vezes, a Na verdade a capacidade de realização da mente em si mesma é ilimitada. É a consciência que dita os propósitos a cada instante e a mente executa-os. A mente humana, tal como a usamos no dia a dia, funciona a partir do repertóriodememóriasacumuladasaolongodavida. A partir desse repertório, ela cria imagens, interpreta e projecta para fora de si mesma, o seu conteúdo, num determinado momento, a partir de um propósito de base. Com base nele selecciona os dados que vai associar a cada instante de acordo com critérios ou intenções, namaioriadasvezes,nãoconscientes. Isso acontece porque, na vasta maioria do tempo, deixamos a mente funcionar em piloto automático e a reprodução de programas automatizados é inevitável. É nisto que consiste o sequestro emocional. Uma das tarefas do subconsciente consiste em gerir, manter e preservarasuabasededados. Esta base de dados é constituída por muitas e muitas memórias de experiências e informações que foram aceites e arquivadas ao longo dotempo,desdequenascemos. actuar ao nível subconsciente. OPapeldasMemóriasnaCriaçãodaRealidadePessoal AAutoConsciênciainterrompeopilotoautomático Propósitos e Intenções da Consciência 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ __________________________ Palavras Chave Manual de Instruções do Lado Oculto da Mente 14 Todas essas experiências ficaram registadas e representam fluxos de energia instalados e organizados pelo sub consciente. As sensações que provocam são o seu efeito químico no corpo, assinalando a sua existência no momento em quer se expressam. Curso de Coaching com Certificação Internacional
  14. 14. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ ____________________ Notas: 15 Propósito / Intenção Selecção de Informação / Memórias (Filtros de Percepção) Percepção (Pontos de atracção e aversão) Competências Emocionais Resposta / Reacção Experiência (Realidade Pessoal) Curso de Coaching com Certificação Internacional Manual de Instruções do Lado Oculto da Mente - continuação
  15. 15. Na maioria das vezes essas sensações são suprimidas ou reprimidas, em vezdeseremlibertadas. A tendência é, pois, que a energia que as constitui fique bloqueada e presa, precisando de manutenção contínua a fim de manter a sua existência. 1. Uma das maneiras como somos levados a fazer essa manutenção consiste na constante necessidade de revisitar essas memórias, trazendo-as ao presente e revivendo as sensações que se manifestam, de novo,nonossocampodeconsciência. 2. Usamos muitos outros métodos para lidar com tudo isso. Auto medicamo-nos, vendo televisão, ingerindo drogas, álcool, comida, usamososexo,comoescape,etudooqueestiveraonossoalcance,sejao quefor,paranosafastarmosdassensaçõesquenosdesagradam. Inconscientes dos processos de auto sabotagem, atribuímos a “culpa” por todas estas experiências repetitivas, à nossa pouca capacidade para viverouserperfeitos,ouaosoutrosquesofremdamesmadeficiência. Procuramos reprimir os julgamentos porque acreditamos que é mau julgar. Porém, ao decidirmos que julgar é mau, estamos já a fazer um julgamento. Écomoseacurafossepartedadoença. Lidando com o Desconhecido Julgamos, criticamos, projectamos, atacamos, defendemo-nos, limitamo-nos a nós e aos outros com o intuito de justificar ou legitimar as sensações e as experiências que se repetem, em nós, momento a momento. A Manutenção das Memórias 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ _______________________ Palavras Chave 16 Manual de Instruções do Lado Oculto da Mente - continuação Curso de Coaching com Certificação Internacional
  16. 16. Fazemos listas de proibições mentais, acreditando que suprimindo, resolvemos e eliminamos as experiências do passado que actualizamos a cada instante, através da entrada contínua de pensamentos em auto gestãoquesereforçameprocuramumaidentidade. O que acontece então? Quanto mais proibimos os “maus” pensamentos, mais difícil é afastá-los. Na maioria das vezes, mais eles nosassaltam. Uma outra maneira inútil de lidar com as emoções desagradáveis é criarumabarreirainteriorquenosdesliguedosentir,bloqueandoesse canaldecomunicaçãoessencialconnosco. Aprendemos que o pensamento positivo pode resolver este círculo contínuo de repetição compulsiva de sensações e imagens do passado, no presente. Porém, tapar a emoção com um pensamento positivo não a elimina, apenas a reforça, criando resistências inconscientes que dificultam a obtenção dos resultados desejados. O pensamento positivo funciona depois que as tensões associadas estão eliminadas. Lidando com o Desconhecido (cont.) 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Nadasecria,nadaseperde. Tudosetransforma. AntoineLavoisier 17 Notas : __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional Manual de Instruções do Lado Oculto da Mente - continuação
  17. 17. O objectivo é libertar a emoção que está a gerar compulsivamente esses pensamentoseacriarmaisdomesmonanossaexperiência. Os cientistas dizem que temos 50 a 60 mil pensamentos por dia. Poderemosnóscontrolá-los?Claroquenão. Na maior parte do tempo da nossa vida mental, o sequestro emocional está em auto gestão e isso leva a que, a cada instante, uma determinada vivênciaprocurereciclar-se,embuscadeidentidadeefeedback. Vem à consciência e activa caminhos neurológicos, previamente formatados pelas experiências anteriores, gerando, pensamentos que estãodeacordocomela. A maneira de apaziguar a mente consiste em libertar estes “motores” emocionais permitindo que a actividade frenética da mente pensante deixedesermanipuladaporeles. Embora pareça que uma outra alternativa seja deixar o tempo passar, naverdade,namaioriadasvezesissonãoésuficiente. O sequestro emocional pode ficar fortalecido pela constante repressão queéfeitae,emvezdecurar,ajudaareprimiraindamais. O combustível que alimenta esses motores são: a repressão e a expressão. Intenções e Tensões opostas que na sua luta se oposição geram energia que mantém os próprios motores vivos e fortalecidos. O equilíbrioacontecequando dissolvemosomotor. Vamos Reposicionar-nos? 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt 18 Notas: ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ___________________ ?? ?? Curso de Coaching com Certificação Internacional Manual de Instruções do Lado Oculto da Mente - continuação
  18. 18. Porque acreditamos que somos as nossas histórias perdemos a capacidade de nos devolver o poder que perdemos, quando nos identificamos com a história. Todas as crenças se tornam filtros de percepção. Quando acreditamos em algo, tornamo-lo real para nós e a mente procura, de imediato, encontrar a evidência e o testemunho que lhe dê consistência e realidade, pois é esse o propósito da consciência associadaàcrença. As histórias que contamos a nós mesmos 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Quando o coach trabalha com o seu cliente é importante ajudar o cliente a criar um novo propósito consciente e a alimentá-lo, evitando a desatenção e a dispersão que o farão cair nas “garras” dos seus sequestros emocionais. Notas : _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ _____________________________________ Perspectiva e Significado. Perspectiva e Comportamento. Perspectiva e Percepção 19 Quem seríamos nós sem as crenças que temos? De que forma mudaria o contexto de vida em que vivemos? Todososcontextosdevida,aomomento,reflectem,EXACTAMENTE,o propósitodaconsciênciaqueemqueestamos. Pode parecer-nos que isso é incorrecto, mas após uma avaliação mais profunda,percebemosquenãopodeserdenenhumaoutraforma. Dê exemplos de histórias que conta a si mesmo. Curso de Coaching com Certificação Internacional . Exercício
  19. 19. Amentecriamuitasexplicaçõesparamanterasensaçãoforte. Quanto mais antiga for uma sensação, mais consistente e legítima a históriaàvoltadasensaçãosetorna. A mente é especialista a separar e a associar as coisas. Sabe perfeitamente analisar, catalogar, separar. É por isso que é difícil manteramenteemquietude. Seráqueocéusepreocupacomasnuvensquepassam? Seráqueooceanosepreocupacomasondasàsuperfície? Sair fora da história ... 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt 20 Notas: ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ Dê exemplos de situações em que analisou, catalogou, separou. Curso de Coaching com Certificação Internacional Perspectiva e Significado. Perspectiva e Comportamento. Perspectiva e Percepção - continuação . Exercício
  20. 20. Seráquecadaumdenósselimitaàssuasemoçõesepensamentos? Seassimfossecomopoderíamosobservar? O observador tem que estar fora do observado ou não o conseguiria perceber,certo? Assim sendo deve existir algo mais na nossa consciência que nos permite pôr as emoções e os pensamentos em causa! A auto observação permite-nos abrir mão das histórias como nossas e auto consciencializarmo-nos que somos “Aquilo” no qual as histórias vêm e vão como filmes que a consciência foi gerando e desfazendo, tal comoasondasdooceano,vêmevão... Quando acreditamos que somos as histórias que nos contam sobre nós ou que nos contamos a nós próprios, criamos resistência às sensações, às experiências e reprimimo-las, porque o nosso senso de “eu” está contidonahistória,precisamosdeodefenderelegitimar,sofrendo. Talvez possamos aceitar que somos mais do que a experiência que vivemos aqui e ali. Talvez possamos aceitar que somos “Aquilo” no qual a experiência parece acontecer, a cada instante. Sair fora da história ... 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt A imagem que temos de nós representa a imagem das histórias que constituem o portfolio das experiências criadas pela consciência aprisionada nas histórias. 21 Curso de Coaching com Certificação Internacional Perspectiva e Significado. Perspectiva e Comportamento. Perspectiva e Percepção - continuação Notas: __________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________
  21. 21. Isso significa que o que valorizamos nas histórias não tem nada a ver connosco? Isso significa que não somos responsáveis pelos actos que as histórias contam? Isto significa que o valor que atribuímos não tem mais o poder de nos controlaresequestrar. Isso significa que a responsabilidade de nos livrarmos do sequestro emocional que nos força a viver mais do mesmo, a tempo inteiro, pode deixar de existir e que o que quer que tenhamos feito como heróis dessas históriaspode,agora,serdissociadodequemsomos,naverdade. Quandoamenteseaclara,assoluçõesaparecem. Aclararsignificalibertarmotoresdeenergiaconcentrada. Como observadores readquirimos o bom senso e o equilíbrio e de formas muito mais sábias oferecemos ao mundo um restabelecimento mais adequado das turbulências causadas pelo pressuposto herói. Sair fora da história ... 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Quem seremos nós, fora das histórias? Que auto imagem teremos de nós? 22 Notas: _________________________________________________________ _________________________________________________________ _________________________________________________________ _________________________________________________________ _________________________________________________________ _________________________________________________________ _________________________________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional Perspectiva e Significado. Perspectiva e Comportamento. Perspectiva e Percepção - continuação
  22. 22. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Estilos de Pensamento e Percepção 23 Amaiorpartedenósvivenumaconsciênciadeproblema. Ahumanidadepensa,ageereageemfunçãodossupostosproblemas. Um problema é a perspectiva com que olhamos para algo através do filtro de memórias que se reciclam hoje, procurando reafirmar-se e a dar a si mesmas um sentido de realidade e autenticidade e assim permanecerem vivas. O que é um problema? Aparentemente Um Problema aparece Queremos Compreendê-lo Procuramos por evidência para provar que temos Um Problema O Problema parece Tornar – se mais Real A Anatomia do Problema Curso de Coaching com Certificação Internacional
  23. 23. - Acreditamos que devemos compreender, justificar, defender e explicar osnossosproblemas. - Rejeitamo-nos por termos o problema e rejeitamos o problema em si mesmo. - Procuramos prova da evidência do problema. O que significa que queremos uma razão legítima para justificar porque é que temos que sofrer. - O problema aparenta tornar-se ainda mais real. Pensando bem, não parece muito razoável despender toda essa energia e análise numa ilusão,certo? Existem zonas de informação na mente que respondem ao problema. Existemoutraszonasdeinformaçãoquerespondemàssoluções. Aescolhatemdeserfeitaporcadaumdenós. Normalmente a mente ignora (rejeita) toda a evidência da ausência do problema, pois o objectivo da mente que “cria” o problema, é alimentar asexperiênciasdopassadoondevivedasensaçãoaprisionada. A necessidade inconsciente de vivenciar a oposição dualista faz com procuramos, sistemática e avidamente pela prova que testemunha o problema e ignoramos toda a informação em contrário. O acesso a outras áreas do cérebro permite encontrar a solução, isto é, mudar a perspectiva, abrindo novas possibilidades com naturalidade e inteligência. A Anatomia do Problema 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Os problemas são perspectivas criadas por motores emocionais e filtros interiores que procuram a evidência no mundo exterior. Estilos de Pensamento e Percepção - continuação 24 Notas : _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  24. 24. Asemoçõessãoomotordocomportamentohumano. Amentepensaeocoraçãodecide. A maior parte das nossas decisões são baseadas nas emoções, isto é, na forma como imaginamos que nos vamos sentir com determinada situação,coisaoupessoa. Nãoédeestranharqueavastamaioriadasnossasopiniões,atitudes eperspectivasprovenhamdeexperiênciaspassadas. Mesmo que forcemos uma decisão pela racionalidade, por detrás dessadecisãoestáuma“maisvalia”emocionalnãoreconhecida. Quando a razão está em oposição ao sentir, este último leva sempre a melhor. 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Quando retiramos a uma perspectiva toda a sua carga emocional, toda a tensão resultante da oposição entre si, a perspectiva, por mais racional que pareça ser, desfaz-se instantaneamente. O que sobra é o bom senso livre de sequestro emocional. Crenças, Atitudes e Limites. A Reciclagem de Memórias. Ressignificar Perspectivas 25 Notas: ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ ______________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional
  25. 25. - – Não posso, (Perda Total do Poder Pessoal) não sei como e ninguém consegue, também. É uma sensação de desistência. Vitima do mundo.Semenergiaanímicaalguma. - -Eunãoconsigo,mastalvezalguémconsiga. - – Eu quero fazer, mas tenho medo das consequências. Sensação de ameaça - –Euquero,masnãopossoter.Euquero,masnãoestácertoter.Pode ounãoagir.Aindaexistemuitaresistência. - –Aculpaédelesevoufazercomquepaguem.Controlaraspessoase forçá-las. - – Estou acima de todos os outros. Eu fi-lo, mas não tenho a certeza quepossofazê-looutravez. - - Eu posso fazê-lo e os outros podem também. 50% posso, 50% não posso. 50% egoísta, 50% altruísta. Metade da tua energia está disponível. - – Tudo é bom. A maior parte da energia diz “eu posso”. Muito maiorsentidodeexpansão. - – Eu posso totalmente. O que resulta quando a bolha das emoções rebenta.Napaztodaaenergiaestádisponível,masemquietude. Apatia Dor Medo Desejo Zanga Orgulho Coragem Aceitação Paz A Escala do Sequestro Emocional - A bolha ilusória da esperiência 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt As emoções estão associadas ao poder pessoal numa proporção própria. A seguir segue-se um pequeno quadro com a escala do sequestro energético relativo a cada estado emocional. O Sequestro Emocional 26 Curso de Coaching com Certificação Internacional
  26. 26. Existem 5 programas que enquadram o território emocional. Cada um deles é activado por uma sentinela emocional. Égraçasaestasentinelaquesofremos. Sem resistência não seria possível gerar uma experiência de limitaçãoousofrimento. Dizemos,pois,quearesistênciaéacolaquemantémosofrimento. Aresistênciaaoqueé,causaonossosensodelimitaçãoesofrimento. A resistência “parecer” ser uma mais valia pois dá-nos um falso sentidodesegurançaecontrolo. Quanto mais em controlo estivermos, mais controláveis nos tornamos.Porquê? Todo o desejo nos desempodera quando a “posse” do desejo é maior queadimensãoquedamosanósmesmos. Não temos a certeza de que conseguiremos, por isso pomos o pé no travão. Eenfraquecemo-nosporquegastamostodaaenergiaaresistiraoque é. A resistência acontece sempre quando achamos que “temos que” ou“devemos”fazeralgo. Se sentirmos que o mundo nos força a algo, resistimos e ficamos presos. Resistência é lutar contra o mundo, o que faz com o mundo pareça lutarcontranós. Cada programa tem um ponto de aversão e um ponto de atracção. Tudo o que desejamos controlar torna-nos prisioneiros dessa necessidade, o que nos coloca numa situação de nos deixarmos controlar pela satisfação dessa necessidade. ASentinelaEmocional-AResistência O Software do Sequestro Emocional 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Todos estes níveis existem em cada questão ou situação/experiência. Podem aparecer por uma ordem diferente. Ao libertarmos os motores emocionais, precisamos de destapar todas as camadas e libertá-la. A resistência é como querer andar para a frente e travar ao mesmo tempo. 27 O Sequestro Emocinal - continuação Curso de Coaching com Certificação Internacional
  27. 27. A resistência é uma que existe para proteger as outras crenças. O que faz com que as crenças se mantenham tão fixas, é a resistência a cada uma delas. Criticamo-nos, censuramo-nos, desgostamo-nos connosco próprios, punimo-nos, envergonhamo- nos por nós mesmos, etc, etc. A resistência à crença, alimenta-a. Uma das maneiras de abrir mão da resistência é aliviar a tensão nos doisladosdaresistência. sentinela emocional 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt A sensação de “eu não posso” é pura resistência. 28 Faz uma lista de todas as coisas, situações ou pessoas às quais resistes . Faz uma lista de todas as coisas, situações ou pessoas que aceitas tal como são. Procura espaços na tua vida onde já não existe resistência mas pura aceitação. Notas: ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ ______________________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional O Sequestro Emocinal - continuação A resistência e querer mudar seja o que for são sinónimos para querer controlar. . Exercício
  28. 28. Programa1-ANecessidadedeControlo Programa 2 - A Necessidade de Aprovação. Significa : Algo, sem ser eu, tem o amor Programa 3 - A Necessidade de Segurança. Programa de Sobrevivência Programa 4 e 5 - A Necessidade de Separação/União Vivemosnummarderesistênciaequerermudarsejaoquefor. Habitualmente quando queremos mudar um problema/situação, agarramo-loparao/apodermosmudar. A resistência e o querer mudar a situação são sinónimos de querer controlar. Acreditamos que existe um “eu” que quer controlar-se e a tudo o que existe para além de si mesmo. Ou entregar o seu poder a alguma “coisa”foradesi.Atracçãoeaversão. Programas básicos de Território Emocional 2009, ECIT Avenida Júlio Dinis, n.º 14, 3º A, Campo Pequeno - Lisboa Telefone: 96 612 5154 Geral: geral@ecit.pt Existe experiência sem identidade, quando nos tornamos observadores. Sempre que temos apego a um problema, existe o desejo oculto de ser controlado pela situação. 29 Sempre que queremos compreender algo bloqueamos a nossa sabedoria inata. Notas : __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ __________________________________ Curso de Coaching com Certificação Internacional O Sequestro Emocinal - continuação

×