SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
Baixar para ler offline
13/05/2012




                    Universidade Federal da Paraíba
                 Centro de Ciências Exatas e da Natureza
                       Departamento de Química
                                                                   Pesos Atômicos ou massas atômicas
                          Disciplina: Química Geral
                                                                Os átomos tem massa extremamente pequenas. A massa do
                                                                átomo mais pesado conhecido é da ordem de 4 x 10-22g.

                                                                Ao invés de grama (massas muito pequenas) usa-se a unidade
           Conceitos Importantes                                de massa atômica (u)

Curso: QGFQI                                                    Uma u é igual a 1,66054 x 10-24 g.
Professora: Liliana Lira Pontes
                                                                Próton = 1,0073 u

                                                                Nêutron =1,0087 u
                     Semestre 2012.1
                                                                Elétron= 5,486 x 10 -4 u




   Pesos Atômicos ou massas atômicas                               Pesos Atômicos ou massas atômicas

Cientistas do Século XIX já tinham consciência que os átomos   Hoje é possível determinar com alta precisão as massas
de diferentes elementos tinham diferentes massas.               individuais dos átomos.

Ex: 100,0g de água contém 11,1g de hidrogênio e 88,9g de
oxigênio.                                                       Átomo de 1H tem massa 1,6735x10-24 g e o átomo de 16O tem
                                                                massa 2,6560 x 10-23g.
Logo, H2O 88,9/11,1 = 8 vezes mais oxigênio por massa que
hidrogênio.                                                     1 u = 1,66054 x 10-24 g e      1g = 6,02214 x 1023 u

Se a água tem 2 átomos de hidrogênio para cada átomo de
oxigênio, então um átomo de oxigênio deve ter 2x 8 = 16 vezes     1H   = 1,0078 u e   16O   = 15,9949u
mais massa que o hidrogênio ( massa atômica 16).




                                                                                                                               1
13/05/2012




Massa atômica média                                           Massa atômica média
Elementos encontrados na natureza como mistura de
isótopos.                                                     (0,9893) (12u) + (0,0107) (13,00335u) = 12,01u para o
                                                              Carbono
Massa atômica média      = massa dos     isótopos e suas
abundâncias relativas.                                        A massa atômica média é também chamada de Peso
                                                              Atômico.

EX: O carbono, encontrado na natureza, por exemplo, é
composto de 98,93% de 12C e 1,07% de 13C. As massas desses
núcleos 12 u e 13,00335 u, respectivamente.

Calculamos a massa atômica média a partir da abundancia de
cada isótopo e a massa daquele isótopo.




                                                             Molécula
                                                             Reunião de dois ou mais átomos ligados firmemente entre si.

                                                             Muitos elementos na natureza são encontrados na forma de
                                                             molécula (mais de dois átomos do mesmo tipo estão ligados entre
            Moléculas e compostos                            si).

                moleculares                                  Ex: o Oxigênio, encontrado normalmente no ar, é composto de
                                                             moléculas que contém dois átomos de oxigênio O2 (outra forma
                                                             molecular)

                                                             A molécula constituída de dois átomos é chamada molécula
                                                             diatômica (H2, F2, Cl2)

                                                             Compostos constituídos de moléculas são chamados compostos
                                                             moleculares e contém mais de um tipo de átomo.




                                                                                                                               2
13/05/2012




                                                                   Íons e Compostos Iônicos

                                                                   Íons são formados quando um ou mais elétrons se transferem de
                                                                   um átomo neutro para o outro.




 A composição de cada molécula é dada por sua fórmula química .




Compostos Iônicos                                                  Nomenclatura de Compostos Inorgânicos
São em geral combinações de metais e não-metais. Ex: NaCl          O ato de dar nome as substâncias é chamado nomenclatura
                                                                    química ( nomem - nomes e calare - chamar).

                                                                    A regra para nomenclatura baseiam-se na divisão das
                                                                    substâncias em diferentes categorias (orgânicos e Inorgânicos).


                                                                                                                        Os demais



                                                                                         Carbono + H, O, N, S

Compostos moleculares são quase sempre
  constituídos somente de não-metais.




                                                                                                                                      3
13/05/2012




Nomenclatura de Compostos Inorgânicos
                                                                               (b) Cátions formados por átomos não metálicos têm nomes
                                                                               terminados e - ônio
 Íons positivos (cátions)
                                                                                 NH4+ íon amônio                  H3O+ íon hidrônio
 Íon + nome do metal              Na   +   Zn   2+   Al 3+

                                                                                  1+
 (a) Metal forma cátions com cargas diferentes, a carga positiva
 indicada pelo número romano
                                  Fe2+ íon ferro (II)/ Fe3+ íon ferro (III)
                                                                                  2+

                                            Metais de
                                            transição

                            Íon ferroso                      Íon férrico
                                                                                  3+
                                 Íons monoatômicos




                                                                              Os prefixos são usados quando uma série de oxiânions de um
Nomenclatura de Compostos Inorgânicos                                         elemento se amplia para quatro membros, como os halogênios.
Íons Negativos (ânions)
                                                                              O prefixo per – indica um átomo de O a mais que o oxiânion
(a)Ânions monoatômicos (um átomo) têm nomes formados pela                     terminado em -ato.
   substituição da terminação do nome do elemento por – eto.
                                                                              O prefixo hipo – indica um átomo de O a menos que o oxiânion
H- íon hidreto     O2- íon óxido*(OH- íon hidróxido) N3- íon nitreto          terminado em - ito.

(b) Ânions poliatômicos (muitos átomos) contendo oxigênio
   (oxiânions) têm seus nomes terminados em –ato ou – ito.

        NO3- íon nitrato                             SO42- íon sulfato

         NO2- íon nitrito                            SO32- íon sulfito




                                                                                                                                                 4
13/05/2012




                    Nomenclatura de Compostos Inorgânicos
 1-

                    Os nomes dos compostos iônicos consistem do nome do ânion
                    seguido a preposição ‘de’ e do nome do cátion:

                    CaCl2 – cloreto de cálcio

                    Al(NO3)3 – nitrato de alumínio
2-

                    Cu(ClO4)2 – perclorato de cobre (II)

3-    Íon fosfato




                                                                                 5
13/05/2012




     Fórmula mínima para um composto iônico                  Se as cargas no cátion e no ânion são
                                                             iguais, o índice inferior em cada um deles será
conhecer as cargas dos íons;                                1

Compostos químicos são sempre eletricamente
neutro;                                                      Se as cargas não são iguais, a carga do íon
                                                             (sem sinal) se transformará no índice inferior
Os íons em um composto iônico em geral                      do outro íon.
ocorrem em uma proporção: total de cargas
positivas = negativas;
                                                            Composto iônico formado por Mg (Mg2+) e N(N3-) =
EX: NaCl Existe um íon   Na+   para cada   Cl-   , BaCl2   Mg3N2.
um Ba2+ para dois Cl-




                                                                                                                6

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apostila de quimica_9ano
Apostila de quimica_9anoApostila de quimica_9ano
Apostila de quimica_9anojoogolombori
 
Aula 01 quimica do petróleo (orgânica)
Aula 01   quimica do petróleo (orgânica)Aula 01   quimica do petróleo (orgânica)
Aula 01 quimica do petróleo (orgânica)Amanda Gondim
 
"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e SubstânciasVania Lima "Somos Físicos"
 
"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e SubstânciasVania Lima "Somos Físicos"
 
Fundamentos da Química Orgânica
Fundamentos da Química OrgânicaFundamentos da Química Orgânica
Fundamentos da Química OrgânicaKaires Braga
 
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e SubstânciaVania Lima "Somos Físicos"
 
introducao a quimica basica
introducao a quimica basicaintroducao a quimica basica
introducao a quimica basicaNadson Barros
 
Aula teorica 09 principais caracteristicas das reacoes organicas
Aula teorica 09   principais caracteristicas das reacoes organicasAula teorica 09   principais caracteristicas das reacoes organicas
Aula teorica 09 principais caracteristicas das reacoes organicasDâmaris
 
Proteção radiológica
Proteção radiológicaProteção radiológica
Proteção radiológicaRafael Coelho
 
Introdução a química orgânica
Introdução a química orgânicaIntrodução a química orgânica
Introdução a química orgânicaAdjair Correa
 
Síntese Orgânica - Introdução
Síntese Orgânica - IntroduçãoSíntese Orgânica - Introdução
Síntese Orgânica - IntroduçãoQMCLINK
 
ppt Química orgânica
ppt Química orgânicappt Química orgânica
ppt Química orgânicaJoyce Fagundes
 
Ligações Químicas dentro da Química Orgânica
Ligações Químicas dentro da Química OrgânicaLigações Químicas dentro da Química Orgânica
Ligações Químicas dentro da Química OrgânicaRicardo Stefani
 

Mais procurados (19)

Quimica 9 ano_prof_roberto
Quimica 9 ano_prof_robertoQuimica 9 ano_prof_roberto
Quimica 9 ano_prof_roberto
 
Apostila de quimica_9ano
Apostila de quimica_9anoApostila de quimica_9ano
Apostila de quimica_9ano
 
Aula 01 quimica do petróleo (orgânica)
Aula 01   quimica do petróleo (orgânica)Aula 01   quimica do petróleo (orgânica)
Aula 01 quimica do petróleo (orgânica)
 
Aula
Aula  Aula
Aula
 
"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" ÁTomos, Moléculas e Substâncias
 
Aula 3. estrutura atômica
Aula 3. estrutura atômicaAula 3. estrutura atômica
Aula 3. estrutura atômica
 
"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias
"Somos Físicos" Átomos, Moléculas e Substâncias
 
Fundamentos da Química Orgânica
Fundamentos da Química OrgânicaFundamentos da Química Orgânica
Fundamentos da Química Orgânica
 
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
 
introducao a quimica basica
introducao a quimica basicaintroducao a quimica basica
introducao a quimica basica
 
Aula 04 qgt_2012
Aula 04 qgt_2012Aula 04 qgt_2012
Aula 04 qgt_2012
 
Quimica geral 1
Quimica geral 1Quimica geral 1
Quimica geral 1
 
Aula teorica 09 principais caracteristicas das reacoes organicas
Aula teorica 09   principais caracteristicas das reacoes organicasAula teorica 09   principais caracteristicas das reacoes organicas
Aula teorica 09 principais caracteristicas das reacoes organicas
 
Proteção radiológica
Proteção radiológicaProteção radiológica
Proteção radiológica
 
Atomistica
Atomistica Atomistica
Atomistica
 
Introdução a química orgânica
Introdução a química orgânicaIntrodução a química orgânica
Introdução a química orgânica
 
Síntese Orgânica - Introdução
Síntese Orgânica - IntroduçãoSíntese Orgânica - Introdução
Síntese Orgânica - Introdução
 
ppt Química orgânica
ppt Química orgânicappt Química orgânica
ppt Química orgânica
 
Ligações Químicas dentro da Química Orgânica
Ligações Químicas dentro da Química OrgânicaLigações Químicas dentro da Química Orgânica
Ligações Químicas dentro da Química Orgânica
 

Destaque

A primeira linguagem que todo programador deve aprender
A primeira linguagem que todo programador deve aprenderA primeira linguagem que todo programador deve aprender
A primeira linguagem que todo programador deve aprenderLF Bittencourt
 
Aula 07 Química Geral
Aula 07 Química GeralAula 07 Química Geral
Aula 07 Química GeralTiago da Silva
 
Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07
Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07
Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07Hebertty Dantas
 
Como Obter Ideias de Conteudo
Como Obter Ideias de ConteudoComo Obter Ideias de Conteudo
Como Obter Ideias de ConteudoFabio Ricotta
 
Comunicação estética e cultura - Conceitos de estética
Comunicação estética e cultura - Conceitos de estéticaComunicação estética e cultura - Conceitos de estética
Comunicação estética e cultura - Conceitos de estéticaBruno Santos
 
Backend do Iot com rethinkdb e python
Backend do Iot com rethinkdb e pythonBackend do Iot com rethinkdb e python
Backend do Iot com rethinkdb e pythonAfonso Coutinho
 
Programador (front|back) end moderno, por Leonardo Hackin
Programador (front|back) end moderno, por Leonardo HackinProgramador (front|back) end moderno, por Leonardo Hackin
Programador (front|back) end moderno, por Leonardo HackiniMasters
 
Exercícios - hibridização
Exercícios -  hibridizaçãoExercícios -  hibridização
Exercícios - hibridizaçãoIsabella Silva
 
Hibridização de orbitais atômicos
Hibridização de orbitais atômicosHibridização de orbitais atômicos
Hibridização de orbitais atômicosKaroline Leite Cunha
 
SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010
SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010
SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010Renata Tibiriçá
 
10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog
10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog
10 Dicas de SEO para Bombar o seu BlogFabio Ricotta
 
Teoria dos orbitais moleculares
Teoria dos orbitais molecularesTeoria dos orbitais moleculares
Teoria dos orbitais molecularesAlex Junior
 
Leitura, interpretação e produção de texto
Leitura, interpretação e produção de textoLeitura, interpretação e produção de texto
Leitura, interpretação e produção de textoRaquel Pereira
 
Hist ria e_termodin_mica
Hist ria e_termodin_micaHist ria e_termodin_mica
Hist ria e_termodin_micaIsabella Silva
 
Estratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoad
Estratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoadEstratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoad
Estratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoadFabio Ricotta
 
Semiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símboloSemiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símboloBruno Santos
 
Oficina de produção de texto aula 1
Oficina de produção de texto   aula 1Oficina de produção de texto   aula 1
Oficina de produção de texto aula 1Bruno Santos
 

Destaque (18)

Portfólio
PortfólioPortfólio
Portfólio
 
A primeira linguagem que todo programador deve aprender
A primeira linguagem que todo programador deve aprenderA primeira linguagem que todo programador deve aprender
A primeira linguagem que todo programador deve aprender
 
Aula 07 Química Geral
Aula 07 Química GeralAula 07 Química Geral
Aula 07 Química Geral
 
Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07
Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07
Gabarito SAS: L2. Quí3. Aula 07
 
Como Obter Ideias de Conteudo
Como Obter Ideias de ConteudoComo Obter Ideias de Conteudo
Como Obter Ideias de Conteudo
 
Comunicação estética e cultura - Conceitos de estética
Comunicação estética e cultura - Conceitos de estéticaComunicação estética e cultura - Conceitos de estética
Comunicação estética e cultura - Conceitos de estética
 
Backend do Iot com rethinkdb e python
Backend do Iot com rethinkdb e pythonBackend do Iot com rethinkdb e python
Backend do Iot com rethinkdb e python
 
Programador (front|back) end moderno, por Leonardo Hackin
Programador (front|back) end moderno, por Leonardo HackinProgramador (front|back) end moderno, por Leonardo Hackin
Programador (front|back) end moderno, por Leonardo Hackin
 
Exercícios - hibridização
Exercícios -  hibridizaçãoExercícios -  hibridização
Exercícios - hibridização
 
Hibridização de orbitais atômicos
Hibridização de orbitais atômicosHibridização de orbitais atômicos
Hibridização de orbitais atômicos
 
SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010
SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010
SEO + UX: Otimizando as buscas e a experiência do usuário - FMDS SEOCamp 2010
 
10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog
10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog
10 Dicas de SEO para Bombar o seu Blog
 
Teoria dos orbitais moleculares
Teoria dos orbitais molecularesTeoria dos orbitais moleculares
Teoria dos orbitais moleculares
 
Leitura, interpretação e produção de texto
Leitura, interpretação e produção de textoLeitura, interpretação e produção de texto
Leitura, interpretação e produção de texto
 
Hist ria e_termodin_mica
Hist ria e_termodin_micaHist ria e_termodin_mica
Hist ria e_termodin_mica
 
Estratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoad
Estratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoadEstratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoad
Estratégias Digitais para 2015 - #RDonTheRoad
 
Semiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símboloSemiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símbolo
 
Oficina de produção de texto aula 1
Oficina de produção de texto   aula 1Oficina de produção de texto   aula 1
Oficina de produção de texto aula 1
 

Semelhante a Aula 12 Química Geral

Aula 06 Química Geral
Aula 06 Química GeralAula 06 Química Geral
Aula 06 Química GeralTiago da Silva
 
Aula 11 Química Geral
Aula 11 Química GeralAula 11 Química Geral
Aula 11 Química GeralTiago da Silva
 
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e SubstânciaVania Lima "Somos Físicos"
 
1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx
1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx
1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptxssuser46eea5
 
3ano 3bi química_pe1
3ano 3bi química_pe13ano 3bi química_pe1
3ano 3bi química_pe1takahico
 
CVida 2016-2017 Estrutura atomica1.pdf
CVida 2016-2017  Estrutura atomica1.pdfCVida 2016-2017  Estrutura atomica1.pdf
CVida 2016-2017 Estrutura atomica1.pdfProfYasminBlanco
 
Biomoléculas parte 1
Biomoléculas parte 1Biomoléculas parte 1
Biomoléculas parte 1Luis Ribeiro
 
www.AulasDeQuímicaApoio.com - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasDeQuímicaApoio.com  - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)www.AulasDeQuímicaApoio.com  - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasDeQuímicaApoio.com - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)Aulas de Química Apoio
 
Massa atômica, massa molecular, mol
Massa atômica, massa molecular, molMassa atômica, massa molecular, mol
Massa atômica, massa molecular, molprofaugustosergio
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (Parte 1)
www.videoaulagratisapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (Parte 1)www.videoaulagratisapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (Parte 1)
www.videoaulagratisapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (Parte 1)Video Aulas Apoio
 
www.TutoresNaWebCom.Br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.TutoresNaWebCom.Br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)www.TutoresNaWebCom.Br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.TutoresNaWebCom.Br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)Cris Santos Tutores
 
www.professoraparticularapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (pa...
www.professoraparticularapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (pa...www.professoraparticularapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (pa...
www.professoraparticularapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (pa...Patrícia Morais
 
www.AulasParticularesApoio.Com - Química - Cálculo Estequimétrico
www.AulasParticularesApoio.Com  - Química -  Cálculo Estequimétrico www.AulasParticularesApoio.Com  - Química -  Cálculo Estequimétrico
www.AulasParticularesApoio.Com - Química - Cálculo Estequimétrico ApoioAulas ParticularesCom
 
Estratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matéria
Estratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matériaEstratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matéria
Estratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matériaFlávia Vasconcelos
 
AULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptx
AULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptxAULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptx
AULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptxGabrielNeto49
 
Ficha de avaliação 1 correção
Ficha de avaliação 1 correçãoFicha de avaliação 1 correção
Ficha de avaliação 1 correçãoCarla Carvalho
 
Introducao quimica org
Introducao quimica orgIntroducao quimica org
Introducao quimica orgapoiodequimica
 

Semelhante a Aula 12 Química Geral (20)

Aula 06 Química Geral
Aula 06 Química GeralAula 06 Química Geral
Aula 06 Química Geral
 
Aula 11 Química Geral
Aula 11 Química GeralAula 11 Química Geral
Aula 11 Química Geral
 
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
"Somos Físicos" Átomo, Molécula e Substância
 
Quimica basica estrutura
Quimica basica estruturaQuimica basica estrutura
Quimica basica estrutura
 
1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx
1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx
1ºano_Teoria Atômica de Dalton e Leis Ponderais.pptx
 
3ano 3bi química_pe1
3ano 3bi química_pe13ano 3bi química_pe1
3ano 3bi química_pe1
 
CVida 2016-2017 Estrutura atomica1.pdf
CVida 2016-2017  Estrutura atomica1.pdfCVida 2016-2017  Estrutura atomica1.pdf
CVida 2016-2017 Estrutura atomica1.pdf
 
El.quimicos.tp.form.quim
El.quimicos.tp.form.quimEl.quimicos.tp.form.quim
El.quimicos.tp.form.quim
 
Apostila quimica senai
Apostila quimica senaiApostila quimica senai
Apostila quimica senai
 
Biomoléculas parte 1
Biomoléculas parte 1Biomoléculas parte 1
Biomoléculas parte 1
 
www.AulasDeQuímicaApoio.com - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasDeQuímicaApoio.com  - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)www.AulasDeQuímicaApoio.com  - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasDeQuímicaApoio.com - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
 
Massa atômica, massa molecular, mol
Massa atômica, massa molecular, molMassa atômica, massa molecular, mol
Massa atômica, massa molecular, mol
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (Parte 1)
www.videoaulagratisapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (Parte 1)www.videoaulagratisapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (Parte 1)
www.videoaulagratisapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (Parte 1)
 
www.TutoresNaWebCom.Br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.TutoresNaWebCom.Br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)www.TutoresNaWebCom.Br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.TutoresNaWebCom.Br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
 
www.professoraparticularapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (pa...
www.professoraparticularapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (pa...www.professoraparticularapoio.com.br - Química -  Cálculo Estequiométrico (pa...
www.professoraparticularapoio.com.br - Química - Cálculo Estequiométrico (pa...
 
www.AulasParticularesApoio.Com - Química - Cálculo Estequimétrico
www.AulasParticularesApoio.Com  - Química -  Cálculo Estequimétrico www.AulasParticularesApoio.Com  - Química -  Cálculo Estequimétrico
www.AulasParticularesApoio.Com - Química - Cálculo Estequimétrico
 
Estratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matéria
Estratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matériaEstratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matéria
Estratégia didática para o ensino de MOL, quantidade de matéria
 
AULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptx
AULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptxAULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptx
AULA - ÁTOMOS MOLÉCULAS E ÍONS para química geral.pptx
 
Ficha de avaliação 1 correção
Ficha de avaliação 1 correçãoFicha de avaliação 1 correção
Ficha de avaliação 1 correção
 
Introducao quimica org
Introducao quimica orgIntroducao quimica org
Introducao quimica org
 

Mais de Tiago da Silva

Substâncias Químicas de Interesse Sucroalcooleiro
Substâncias Químicas de Interesse SucroalcooleiroSubstâncias Químicas de Interesse Sucroalcooleiro
Substâncias Químicas de Interesse SucroalcooleiroTiago da Silva
 
Aula 13 Química Geral
Aula 13 Química GeralAula 13 Química Geral
Aula 13 Química GeralTiago da Silva
 
3ª Lista de Exercícios
3ª Lista de Exercícios 3ª Lista de Exercícios
3ª Lista de Exercícios Tiago da Silva
 
2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia 2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia Tiago da Silva
 
2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios MicrobiologiaTiago da Silva
 
Aula 05 Microbiologia
Aula 05 Microbiologia Aula 05 Microbiologia
Aula 05 Microbiologia Tiago da Silva
 
Aula 04 Microbiologia
Aula 04 Microbiologia Aula 04 Microbiologia
Aula 04 Microbiologia Tiago da Silva
 
Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)
Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)
Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)Tiago da Silva
 
Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)
Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)
Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)Tiago da Silva
 
Aula 08 química geral
Aula 08 química geralAula 08 química geral
Aula 08 química geralTiago da Silva
 
Lista de Exercícios 04 Química Geral
Lista de Exercícios 04 Química GeralLista de Exercícios 04 Química Geral
Lista de Exercícios 04 Química GeralTiago da Silva
 
Aula 02 Química dos Processos
Aula 02 Química dos ProcessosAula 02 Química dos Processos
Aula 02 Química dos ProcessosTiago da Silva
 
Aula 05 Química Geral
Aula 05 Química GeralAula 05 Química Geral
Aula 05 Química GeralTiago da Silva
 
Aula 01 Química dos Processos
Aula 01 Química dos ProcessosAula 01 Química dos Processos
Aula 01 Química dos ProcessosTiago da Silva
 
Equações Importantes Química Geral
Equações Importantes Química GeralEquações Importantes Química Geral
Equações Importantes Química GeralTiago da Silva
 
Lista de Exercícios 03 Química Geral
Lista de Exercícios 03 Química GeralLista de Exercícios 03 Química Geral
Lista de Exercícios 03 Química GeralTiago da Silva
 
Lista de exercícios2 algarismos
Lista de exercícios2   algarismosLista de exercícios2   algarismos
Lista de exercícios2 algarismosTiago da Silva
 
Lista de Exercício 01 Química Geral
Lista de Exercício 01 Química GeralLista de Exercício 01 Química Geral
Lista de Exercício 01 Química GeralTiago da Silva
 
Aula 01 Química Geral
Aula 01 Química GeralAula 01 Química Geral
Aula 01 Química GeralTiago da Silva
 

Mais de Tiago da Silva (20)

Substâncias Químicas de Interesse Sucroalcooleiro
Substâncias Químicas de Interesse SucroalcooleiroSubstâncias Químicas de Interesse Sucroalcooleiro
Substâncias Químicas de Interesse Sucroalcooleiro
 
Aula 13 Química Geral
Aula 13 Química GeralAula 13 Química Geral
Aula 13 Química Geral
 
3ª Lista de Exercícios
3ª Lista de Exercícios 3ª Lista de Exercícios
3ª Lista de Exercícios
 
2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia 2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia
 
2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia2ª Lista de Exercícios Microbiologia
2ª Lista de Exercícios Microbiologia
 
Aula 05 Microbiologia
Aula 05 Microbiologia Aula 05 Microbiologia
Aula 05 Microbiologia
 
Aula 04 Microbiologia
Aula 04 Microbiologia Aula 04 Microbiologia
Aula 04 Microbiologia
 
Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)
Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)
Aula 10 Química Geral (Teoria dos Orbitais Moleculares)
 
Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)
Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)
Aula 09 Química Geral (Ligações Químicas)
 
Aula 08 química geral
Aula 08 química geralAula 08 química geral
Aula 08 química geral
 
Lista de Exercícios 04 Química Geral
Lista de Exercícios 04 Química GeralLista de Exercícios 04 Química Geral
Lista de Exercícios 04 Química Geral
 
Aula 02 Química dos Processos
Aula 02 Química dos ProcessosAula 02 Química dos Processos
Aula 02 Química dos Processos
 
Aula 05 Química Geral
Aula 05 Química GeralAula 05 Química Geral
Aula 05 Química Geral
 
Aula 5 lig
Aula 5 ligAula 5 lig
Aula 5 lig
 
Aula 01 Química dos Processos
Aula 01 Química dos ProcessosAula 01 Química dos Processos
Aula 01 Química dos Processos
 
Equações Importantes Química Geral
Equações Importantes Química GeralEquações Importantes Química Geral
Equações Importantes Química Geral
 
Lista de Exercícios 03 Química Geral
Lista de Exercícios 03 Química GeralLista de Exercícios 03 Química Geral
Lista de Exercícios 03 Química Geral
 
Lista de exercícios2 algarismos
Lista de exercícios2   algarismosLista de exercícios2   algarismos
Lista de exercícios2 algarismos
 
Lista de Exercício 01 Química Geral
Lista de Exercício 01 Química GeralLista de Exercício 01 Química Geral
Lista de Exercício 01 Química Geral
 
Aula 01 Química Geral
Aula 01 Química GeralAula 01 Química Geral
Aula 01 Química Geral
 

Aula 12 Química Geral

  • 1. 13/05/2012 Universidade Federal da Paraíba Centro de Ciências Exatas e da Natureza Departamento de Química Pesos Atômicos ou massas atômicas Disciplina: Química Geral Os átomos tem massa extremamente pequenas. A massa do átomo mais pesado conhecido é da ordem de 4 x 10-22g. Ao invés de grama (massas muito pequenas) usa-se a unidade Conceitos Importantes de massa atômica (u) Curso: QGFQI Uma u é igual a 1,66054 x 10-24 g. Professora: Liliana Lira Pontes Próton = 1,0073 u Nêutron =1,0087 u Semestre 2012.1 Elétron= 5,486 x 10 -4 u Pesos Atômicos ou massas atômicas Pesos Atômicos ou massas atômicas Cientistas do Século XIX já tinham consciência que os átomos Hoje é possível determinar com alta precisão as massas de diferentes elementos tinham diferentes massas. individuais dos átomos. Ex: 100,0g de água contém 11,1g de hidrogênio e 88,9g de oxigênio. Átomo de 1H tem massa 1,6735x10-24 g e o átomo de 16O tem massa 2,6560 x 10-23g. Logo, H2O 88,9/11,1 = 8 vezes mais oxigênio por massa que hidrogênio. 1 u = 1,66054 x 10-24 g e 1g = 6,02214 x 1023 u Se a água tem 2 átomos de hidrogênio para cada átomo de oxigênio, então um átomo de oxigênio deve ter 2x 8 = 16 vezes 1H = 1,0078 u e 16O = 15,9949u mais massa que o hidrogênio ( massa atômica 16). 1
  • 2. 13/05/2012 Massa atômica média Massa atômica média Elementos encontrados na natureza como mistura de isótopos. (0,9893) (12u) + (0,0107) (13,00335u) = 12,01u para o Carbono Massa atômica média = massa dos isótopos e suas abundâncias relativas. A massa atômica média é também chamada de Peso Atômico. EX: O carbono, encontrado na natureza, por exemplo, é composto de 98,93% de 12C e 1,07% de 13C. As massas desses núcleos 12 u e 13,00335 u, respectivamente. Calculamos a massa atômica média a partir da abundancia de cada isótopo e a massa daquele isótopo. Molécula Reunião de dois ou mais átomos ligados firmemente entre si. Muitos elementos na natureza são encontrados na forma de molécula (mais de dois átomos do mesmo tipo estão ligados entre Moléculas e compostos si). moleculares Ex: o Oxigênio, encontrado normalmente no ar, é composto de moléculas que contém dois átomos de oxigênio O2 (outra forma molecular) A molécula constituída de dois átomos é chamada molécula diatômica (H2, F2, Cl2) Compostos constituídos de moléculas são chamados compostos moleculares e contém mais de um tipo de átomo. 2
  • 3. 13/05/2012 Íons e Compostos Iônicos Íons são formados quando um ou mais elétrons se transferem de um átomo neutro para o outro. A composição de cada molécula é dada por sua fórmula química . Compostos Iônicos Nomenclatura de Compostos Inorgânicos São em geral combinações de metais e não-metais. Ex: NaCl O ato de dar nome as substâncias é chamado nomenclatura química ( nomem - nomes e calare - chamar). A regra para nomenclatura baseiam-se na divisão das substâncias em diferentes categorias (orgânicos e Inorgânicos). Os demais Carbono + H, O, N, S Compostos moleculares são quase sempre constituídos somente de não-metais. 3
  • 4. 13/05/2012 Nomenclatura de Compostos Inorgânicos (b) Cátions formados por átomos não metálicos têm nomes terminados e - ônio Íons positivos (cátions) NH4+ íon amônio H3O+ íon hidrônio Íon + nome do metal Na + Zn 2+ Al 3+ 1+ (a) Metal forma cátions com cargas diferentes, a carga positiva indicada pelo número romano Fe2+ íon ferro (II)/ Fe3+ íon ferro (III) 2+ Metais de transição Íon ferroso Íon férrico 3+ Íons monoatômicos Os prefixos são usados quando uma série de oxiânions de um Nomenclatura de Compostos Inorgânicos elemento se amplia para quatro membros, como os halogênios. Íons Negativos (ânions) O prefixo per – indica um átomo de O a mais que o oxiânion (a)Ânions monoatômicos (um átomo) têm nomes formados pela terminado em -ato. substituição da terminação do nome do elemento por – eto. O prefixo hipo – indica um átomo de O a menos que o oxiânion H- íon hidreto O2- íon óxido*(OH- íon hidróxido) N3- íon nitreto terminado em - ito. (b) Ânions poliatômicos (muitos átomos) contendo oxigênio (oxiânions) têm seus nomes terminados em –ato ou – ito. NO3- íon nitrato SO42- íon sulfato NO2- íon nitrito SO32- íon sulfito 4
  • 5. 13/05/2012 Nomenclatura de Compostos Inorgânicos 1- Os nomes dos compostos iônicos consistem do nome do ânion seguido a preposição ‘de’ e do nome do cátion: CaCl2 – cloreto de cálcio Al(NO3)3 – nitrato de alumínio 2- Cu(ClO4)2 – perclorato de cobre (II) 3- Íon fosfato 5
  • 6. 13/05/2012 Fórmula mínima para um composto iônico Se as cargas no cátion e no ânion são iguais, o índice inferior em cada um deles será conhecer as cargas dos íons; 1 Compostos químicos são sempre eletricamente neutro; Se as cargas não são iguais, a carga do íon (sem sinal) se transformará no índice inferior Os íons em um composto iônico em geral do outro íon. ocorrem em uma proporção: total de cargas positivas = negativas; Composto iônico formado por Mg (Mg2+) e N(N3-) = EX: NaCl Existe um íon Na+ para cada Cl- , BaCl2 Mg3N2. um Ba2+ para dois Cl- 6