SlideShare uma empresa Scribd logo
Atmosfera
Atmosfera é a camada de ar que envolve o planeta.
Atmos = ar
Fera = camada
Tempo meteorológico – é o tempo atual ou a ser previsto
pelos meteorologistas com duração máxima de até 15 dias.
Clima – é o conjunto de estados atmosféricos que
caracterizam o meio ambiente de um determinado local. É
medido por um prazo de até mais ou menos 30 anos.
Camadas da Atmosfera
 Troposfera – Nível do solo até 15km.
A maioria dos fenômenos climáticos
atmosféricos ocorre nessa zona (chuvas, neve,
névoas, tempestades, granizo, furacões...).
Contém 90% dos gases atmosféricos, os
aviões circulam nessa camada.
Camadas da
Atmosfera
Troposfera
Fenômenos climáticos
Aviões
Estratosfera ou Ozonosfera –
15 km a 50km.
Composta de nitrogênio (78%) e oxigênio
(20%). Na parte inferior da estratosfera
encontra-se a camada de ozônio (15 a 30km),
onde a partícula de dióxido de carbono
(0,003%) reage com o íon oxigênio formando
o gás ozônio que absorve calor, e filtra os
raios ultravioleta.Camada onde circulam os
balões atmosféricos que reúnem dados dobre
o tempo até 50km.
Camadas da
Atmosfera
Troposfera
Fenômenos climáticos
Aviões
Estratosfera
Camada de ozônio
Balões atmosféricos
Mesosfera – 50 a 80km.
Camada com a menor temperatura atmosférica = - 93°C,
onde ocorre a Aurora Boreal.
Aurora Polar, Boreal (Hem. Norte), ou Austral (Hem Sul) –
é observada próximo a zonas polares (Norte da Finlândia,
Noruega, Alasca, Islândia e Norte da Escandinávia), mapa
nas épocas de março a abril e de setembro a ou setembro a
outubro.Ocorre em decorrência dos ventos solares
(carregados de partículas elétricas), que entram em contato
com o campo magnético terrestre. Normalmente, é de
coloração esverdeada, isso se deve aos átomos de oxigênio
das altas camadas atmosféricas que emitem luz verde ao
serem excitados pelos eletrodos em alta velocidade do raio
solar.
Observação
Esse fenômeno não está restrito só a
Terra, acontecendo em outros planetas
como Júpiter, Marte e Vênus
Camadas da
Atmosfera
Troposfera
Fenômenos climáticos
Aviões
Estratosfera
Camada de ozônio
Balões atmosféricos
Mesosfera
Menor temperatura = - 93°C
Aurora Boreal ou Austral
 Termosfera ou Ionosfera –
80 a 500km.
Composta na maior parte por moléculas de
nitrogênio até 200km; acima disso, o oxigênio é o
principal constituinte. Com a altitude, a temperatura
sobe para 1.650°C devido a absorção de radiação
(propagação de energia) dos raios solares.
Zona de rebatimento de ondas de rádio,
importantes para comunicação de longa distância.
Os ônibus espaciais circulam principalmente nessa
camada, mas podem chegar até 600km.
Camadas da
Atmosfera
Troposfera
Fenômenos climáticos
Aviões
Estratosfera
Camada de ozônio
Balões atmosféricos
Mesosfera
Menor Temperatura = - 93°C
Aurora Boreal ou Austral
Termosfera ou
Ionosfera
Absorção da radiação, T = 1.650°C
Rebatimento ondas de rádio
Ônibus espacial
 Exosfera – 500 a 2000km.
É a camada mais externa da atmosfera
terrestre. Composta principalmente de hélio e
hidrogênio.
Os satélites de comunicação e alguns
astronômicos (satélites artificiais que estudam os
corpos celestes, fluxo de partículas no espaço e
medem a atividade solar) orbitam , circulam a
Terra .
Principal camada de filtragem dos raios
ultravioleta.
Camadas da
Atmosfera
Troposfera
Fenômenos climáticos
Aviões
Estratosfera
Camada de ozônio
Balões atmosféricos
Mesosfera
Menor Temperatura = - 93°C
Aurora Boreal ou Austral
Termosfera ou
Ionosfera
Absorção da radiação, T = 1.650°C
Rebatimento ondas de rádio
Ônibus espacial
Exosfera
Mais externa
Satélites de comunicação e
astronômicos
Filtragem dos raios
Alguns conceitos e suas
causas
Efeito estufa – é um efeito natural que
ajuda a conservar a temperatura no planeta.
O sol emite radiação, ficando uma parte
retida na Troposfera (que absorve o calor), e
uma pequena parte é refletida para o
universo. Essa absorção da radiação, é que
atenua as diferenças entre a temperatura
máxima (durante o dia) e mínima (durante a
noite), e mantém a vida na Terra.
CAUSA
 Aquecimento Global – Intensificação das
emissões de carbono na Troposfera e
aumento da absorção da radiação solar, com
isso, há um aumento de temperatura.
Reforçando...
Até agora vimos o local onde acontece
o Efeito estufa, na camada Troposfera da
Atmosfera, seu conceito, um efeito natural
que conserva a temperatura, e iniciamos a
descoberta de como ele pode se
transformar no Aquecimento Global,
tornando-se um grande problema para o
meio natural e o ser humano, nos dias
atuais.
Processo inicial...
Há divergências teóricas em relação ao
ano em que começou o Aquecimento, o
que se sabe é que a partir da Revolução
Industrial (entre o final do séc XVIII e o
início do séc XIX), houve um aumento
significativo e gradativo que segue até os
dias atuais, das emissões de carbono
através das atividades humanas
(principalmente industriais).
Atividades humanas
poluidoras da Atmosfera
 Mineração – extração de minerais
Ex: carvão, bauxita, ferro, manganês e etc.
Atividades
poluidoras
Mineração
Carvão
bauxita
Indústrias – emissão de monóxido e dióxido de
carbono, hidrocarbonetos, material particulado
(fumos, poeiras e névoas), óxidos de enxofre,
nitrogênio e aldeídos.
Atividades
poluidoras
Mineração
Carvão
bauxita
Indústria
Monóxido e dióxido de carbono
hidrocarbonetos
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Aldeídos
 Geração de energia – material particulado,
monóxido de carbono, óxido de enxofre e
nitrogênio.
Atividades
poluidoras
Mineração
Carvão
bauxita
Indústria
Monóxido e dióxido de carbono
hidrocarbonetos
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Aldeídos
Geração de
energia
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Monóxido de carbono
 Transporte – material particulado, monóxido e dióxido de carbono,
óxido de enxofre, nitrogênio e aldeídos (diesel)
Atividades
poluidoras
Mineração
Carvão
bauxita
Indústria
Monóxido e dióxido de carbono
hidrocarbonetos
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Aldeídos
Geração de
energia
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Monóxido de carbono
Transporte
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Aldeídos
Monóxido e dióxido de carbono
 Agricultura – aerossóis (defensivos
agrícolas)
 Comércio e serviço – névoas (torres de
resfriamento), odores (lixo urbano,
agentes biológicos (poluição de interiores)
Atividades
poluidoras
Mineração
Carvão
bauxita
Indústria Monóxido e dióxido de carbono
hidrocarbonetos
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Aldeídos
Geração de
energia
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Monóxido de carbono
Transporte
Material particulado
Óxidos de enxofre e nitrogênio
Aldeídos
Monóxido e dióxido de carbono
Agricultura Aerossóis
Comércio e serviços
Névoas
Odores
Agentes biológico
Para exercitar:
Quais são os principais poluentes
atmosféricos?
Resposta
O principal poluente atmosférico produzido pelo
homem (o dióxido de carbono e o vapor d'água são
elementos constitutivos do ar) é o dióxido sulfúrico,
formado pela oxidação do enxofre no carvão e no
petróleo, como ocorre nas fundições e nas refinarias.
Lançado no ar, ele dá origem a perigosos elementos
de ácido sulfúrico.
O monóxido de carbono é produzido sobretudo
pelos automóveis, pela indústria siderúrgica e pelas
refinarias de petróleo. Outros poluentes atmosféricos
são: hidrocarbonetos, aldeídos, óxidos de ferro,
chumbo e derivados, silicatos, flúor entre outros.
Consequências
 Negativas
1.Derretimento das calotas polares,
submersão de cidades litorâneas;
2.Aumento de áreas desérticas,
desequilíbrio dos ecossistemas;
3.Aumento da intensidade dos eventos
climáticos;
4. Mudança da temperatura dos mares –
alteração da biodiversidade
5. Diminuição da diversidade de espécies;
6. Ondas de calor.
consequências
negativas Derretimento das calotas polares
Aumento de áreas desérticas
Aumento da intensidade dos eventos climáticos
Mudança da temperatura dos mares
Diminuição da diversidade de espécies
Ondas de calor
 “Positivas”
1.Aumento da produção;
2.Biomassa produzida é de baixa
qualidade.
consequências
negativas Derretimento das calotas polares
Aumento de áreas desérticas
Positivas
Aumento da produção
Aumento da intensidade dos eventos climáticos
Biomassa de baixa
qualidade
Mudança da temperatura dos mares
Diminuição da diversidade de espécies
Ondas de calor
Exercício
1. A qualidade do meio ambiente é um dos fatores que
interferem na saúde e, portanto, no bem-estar da
humanidade. A poluição, por exemplo, deteriora o
ambiente, alterando o ar, a água e o solo. Hoje, nos
grandes centros urbanos os principais responsáveis pelos
elevados índices de poluição atmosférica são:
a) as fábricas e os transportes metroviários.
b) a indústria e os veículos automotores.
c) os veículos automotores e o comércio.
d) o turismo e os resíduos sólidos.
e) os veículos automotores e o gado.
Resposta
1. A qualidade do meio ambiente é um dos fatores que
interferem na saúde e, portanto, no bem-estar da humanidade.
A poluição, por exemplo, deteriora o ambiente, alterando o ar,
a água e o solo. Hoje, nos grandes centros urbanos os
principais responsáveis pelos elevados índices de poluição
atmosférica são:
a) as fábricas e os transportes metroviários.
b) a indústria e os veículos automotores.
c) os veículos automotores e o comércio.
d) o turismo e os resíduos sólidos.
e) os veículos automotores e o gado.
Exercícios
2. Nos últimos 50 anos, as temperaturas de inverno na
península antártica subiram quase 6 oC. Ao contrário do
esperado, o aquecimento tem aumentado a precipitação de
neve. Isso ocorre porque o gelo marinho, que forma um manto
impermeável sobre o oceano, está derretendo devido à
elevação de temperatura, o que permite que mais umidade
escape para a atmosfera. Essa umidade cai na forma de neve.
Logo depois de chegar a essa região, certa espécie de
pingüins precisa de solos nus para construir seus ninhos de
pedregulhos. Se a neve não derrete a tempo, eles põem seus
ovos sobre ela. Quando a neve finalmente derrete, os ovos se
encharcam de água e goram.
A A partir do texto acima, analise as seguintes afirmativas e
assinale a correta:
I – O aumento da temperatura global interfere no ciclo da
água na península antártica.
II – O aquecimento global pode interferir no ciclo de vida de
espécies típicas de região de clima polar.
III – A existência de água em estado sólido constitui fator
crucial para a manutenção da vida em alguns biomas.
a) apenas em I.
b) apenas em II.
c) apenas em I e II.
d) apenas em II e III.
e) em I, II e III.
2
A partir do texto acima, analise as seguintes afirmativas e
assinale a correta:
I – O aumento da temperatura global interfere no ciclo da água
na península antártica.
II – O aquecimento global pode interferir no ciclo de vida de
espécies típicas de região de clima polar.
III – A existência de água em estado sólido constitui fator
crucial para a manutenção da vida em alguns biomas.
a) apenas em I.
b) apenas em II.
c) apenas em I e II.
d) apenas em II e III.
e) em I, II e III.
Resposta

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Atmosfera 2011
Atmosfera 2011Atmosfera 2011
Atmosfera 2011
ISJ
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
quimpreto
 
Alterações na atmosfera e suas implicações
Alterações na atmosfera e suas implicaçõesAlterações na atmosfera e suas implicações
Alterações na atmosfera e suas implicações
guest3eaec9
 
Atmosfera
Atmosfera Atmosfera
Atmosfera
Marta Costa
 
Trabalho Pedro
Trabalho PedroTrabalho Pedro
Trabalho Pedro
vidasegura
 
Atmosfera - Biologia
Atmosfera - BiologiaAtmosfera - Biologia
Atmosfera - Biologia
12anogolega
 
Apresenta..[1]
Apresenta..[1]Apresenta..[1]
Apresenta..[1]
quimpreto
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
Alice Branco
 
Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...
Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...
Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...
Marcelo Gomes
 
Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
kyzinha
 
Aula14 poluicaodoar
Aula14 poluicaodoarAula14 poluicaodoar
Aula14 poluicaodoar
Rogerio Frade da Silva Souza
 
A Atmosfera Terrestre
A Atmosfera TerrestreA Atmosfera Terrestre
A Atmosfera Terrestre
dulcemarr
 
Atmosfera terrestre
Atmosfera terrestreAtmosfera terrestre
Atmosfera terrestre
ANA LUCIA FARIAS
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
Sandra Alves
 
Poluição do ar agravamento do efeito de estufa
Poluição do ar   agravamento do efeito de estufaPoluição do ar   agravamento do efeito de estufa
Poluição do ar agravamento do efeito de estufa
agrafador
 
Alterações na atmosfera
Alterações na atmosferaAlterações na atmosfera
Alterações na atmosfera
Mayjö .
 
6 ano atmosfera
6 ano atmosfera6 ano atmosfera
6 ano atmosfera
crisbassanimedeiros
 
Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera causas e ...
Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera   causas e ...Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera   causas e ...
Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera causas e ...
zeopas
 
Os Gases vestigiais da Atmosfera
Os Gases vestigiais da AtmosferaOs Gases vestigiais da Atmosfera
Os Gases vestigiais da Atmosfera
guest6226ea1
 
MudançA Global
MudançA GlobalMudançA Global
MudançA Global
Inês Gonçalves
 

Mais procurados (20)

Atmosfera 2011
Atmosfera 2011Atmosfera 2011
Atmosfera 2011
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
 
Alterações na atmosfera e suas implicações
Alterações na atmosfera e suas implicaçõesAlterações na atmosfera e suas implicações
Alterações na atmosfera e suas implicações
 
Atmosfera
Atmosfera Atmosfera
Atmosfera
 
Trabalho Pedro
Trabalho PedroTrabalho Pedro
Trabalho Pedro
 
Atmosfera - Biologia
Atmosfera - BiologiaAtmosfera - Biologia
Atmosfera - Biologia
 
Apresenta..[1]
Apresenta..[1]Apresenta..[1]
Apresenta..[1]
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
 
Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...
Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...
Projeto emissão de metano em banhado subtropical pgbac (final) cleber e marce...
 
Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
 
Aula14 poluicaodoar
Aula14 poluicaodoarAula14 poluicaodoar
Aula14 poluicaodoar
 
A Atmosfera Terrestre
A Atmosfera TerrestreA Atmosfera Terrestre
A Atmosfera Terrestre
 
Atmosfera terrestre
Atmosfera terrestreAtmosfera terrestre
Atmosfera terrestre
 
Atmosfera
AtmosferaAtmosfera
Atmosfera
 
Poluição do ar agravamento do efeito de estufa
Poluição do ar   agravamento do efeito de estufaPoluição do ar   agravamento do efeito de estufa
Poluição do ar agravamento do efeito de estufa
 
Alterações na atmosfera
Alterações na atmosferaAlterações na atmosfera
Alterações na atmosfera
 
6 ano atmosfera
6 ano atmosfera6 ano atmosfera
6 ano atmosfera
 
Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera causas e ...
Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera   causas e ...Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera   causas e ...
Alteração da concentração dos componentes vestigiais da atmosfera causas e ...
 
Os Gases vestigiais da Atmosfera
Os Gases vestigiais da AtmosferaOs Gases vestigiais da Atmosfera
Os Gases vestigiais da Atmosfera
 
MudançA Global
MudançA GlobalMudançA Global
MudançA Global
 

Semelhante a www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global

a importancia do ar para os seres vivos.pptx
a importancia do ar para os seres vivos.pptxa importancia do ar para os seres vivos.pptx
a importancia do ar para os seres vivos.pptx
MariaCandidaSantos1
 
www.AulasParticulares.Info - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
www.AulasParticulares.Info - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Globalwww.AulasParticulares.Info - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Global
www.AulasParticulares.Info - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
AulasParticularesInfo
 
www.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
www.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Globalwww.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Global
www.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
Tuotes Escolares
 
www.aulaparticularonline.net.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento G...
www.aulaparticularonline.net.br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento G...www.aulaparticularonline.net.br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento G...
www.aulaparticularonline.net.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento G...
Lucia Silveira
 
www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento ...
www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento ...www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento ...
www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento ...
Manuela Mendes
 
51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica
51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica
51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica
Leonor Vaz Pereira
 
A camada de ozono
A camada de ozonoA camada de ozono
A camada de ozono
fmaugusto
 
Problemas Atmosféricos e Geopolítica da Água
Problemas Atmosféricos e Geopolítica da ÁguaProblemas Atmosféricos e Geopolítica da Água
Problemas Atmosféricos e Geopolítica da Água
Rogério Bartilotti
 
Ciências naturais: Efeito estufa
Ciências naturais: Efeito estufaCiências naturais: Efeito estufa
Ciências naturais: Efeito estufa
Mariana Silva
 
Fisica nosso mundo
Fisica nosso mundoFisica nosso mundo
Fisica nosso mundo
Antonio Carneiro
 
Fisica Nosso Mundo
Fisica Nosso MundoFisica Nosso Mundo
Fisica Nosso Mundo
Carlos Castro
 
Fisica Nosso Mundo
Fisica Nosso MundoFisica Nosso Mundo
Fisica Nosso Mundo
guestbf5561
 
A Fisica em nosso mundo
A Fisica em nosso mundoA Fisica em nosso mundo
A Fisica em nosso mundo
Editora Moderna
 
Fisica nosso mundo
Fisica nosso mundoFisica nosso mundo
Fisica nosso mundo
Editora Moderna
 
Atmosfera, o ar que respiramos(1)
Atmosfera, o ar que respiramos(1)Atmosfera, o ar que respiramos(1)
Atmosfera, o ar que respiramos(1)
12anogolega
 
Quimica Atmosfera
Quimica AtmosferaQuimica Atmosfera
Quimica Atmosfera
Raquel Gastao Daniel
 
Power Point Pinto
Power  Point  PintoPower  Point  Pinto
Power Point Pinto
elvira.sequeira
 
A poluição na atmosfera
A poluição na atmosferaA poluição na atmosfera
A poluição na atmosfera
Sandra Alves
 
Poluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.pptPoluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.ppt
IsabelMaria77
 
Poluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.pptPoluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.ppt
IsabelMaria77
 

Semelhante a www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global (20)

a importancia do ar para os seres vivos.pptx
a importancia do ar para os seres vivos.pptxa importancia do ar para os seres vivos.pptx
a importancia do ar para os seres vivos.pptx
 
www.AulasParticulares.Info - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
www.AulasParticulares.Info - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Globalwww.AulasParticulares.Info - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Global
www.AulasParticulares.Info - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
 
www.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
www.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Globalwww.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento Global
www.TutoresEscolares.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global
 
www.aulaparticularonline.net.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento G...
www.aulaparticularonline.net.br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento G...www.aulaparticularonline.net.br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento G...
www.aulaparticularonline.net.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento G...
 
www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento ...
www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento ...www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia -  Efeito Estufa  e Aquecimento ...
www.TutoresReforcoEscolar.Com.Br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento ...
 
51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica
51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica
51.2.poluição e degradação de recursos2013.pol atmosférica
 
A camada de ozono
A camada de ozonoA camada de ozono
A camada de ozono
 
Problemas Atmosféricos e Geopolítica da Água
Problemas Atmosféricos e Geopolítica da ÁguaProblemas Atmosféricos e Geopolítica da Água
Problemas Atmosféricos e Geopolítica da Água
 
Ciências naturais: Efeito estufa
Ciências naturais: Efeito estufaCiências naturais: Efeito estufa
Ciências naturais: Efeito estufa
 
Fisica nosso mundo
Fisica nosso mundoFisica nosso mundo
Fisica nosso mundo
 
Fisica Nosso Mundo
Fisica Nosso MundoFisica Nosso Mundo
Fisica Nosso Mundo
 
Fisica Nosso Mundo
Fisica Nosso MundoFisica Nosso Mundo
Fisica Nosso Mundo
 
A Fisica em nosso mundo
A Fisica em nosso mundoA Fisica em nosso mundo
A Fisica em nosso mundo
 
Fisica nosso mundo
Fisica nosso mundoFisica nosso mundo
Fisica nosso mundo
 
Atmosfera, o ar que respiramos(1)
Atmosfera, o ar que respiramos(1)Atmosfera, o ar que respiramos(1)
Atmosfera, o ar que respiramos(1)
 
Quimica Atmosfera
Quimica AtmosferaQuimica Atmosfera
Quimica Atmosfera
 
Power Point Pinto
Power  Point  PintoPower  Point  Pinto
Power Point Pinto
 
A poluição na atmosfera
A poluição na atmosferaA poluição na atmosfera
A poluição na atmosfera
 
Poluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.pptPoluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.ppt
 
Poluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.pptPoluicao_atmosferica.ppt
Poluicao_atmosferica.ppt
 

Mais de AulasEnsinoMedio

www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...
www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...
www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricaswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricas
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newton
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newtonwww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newton
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newton
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetria
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetriawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetria
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetria
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Trabalho e Energia Mecânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Trabalho e Energia Mecânicawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Trabalho e Energia Mecânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Trabalho e Energia Mecânica
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Dinâmica e Movimento
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Dinâmica e Movimentowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Dinâmica e Movimento
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Dinâmica e Movimento
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Colisão
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Colisãowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Colisão
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Colisão
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia – Origem da Vida
www.AulasEnsinoMedio.com.br -  Biologia – Origem da Vidawww.AulasEnsinoMedio.com.br -  Biologia – Origem da Vida
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia – Origem da Vida
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genética
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genéticawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genética
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genética
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Evolução
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Evoluçãowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Evolução
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Evolução
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Teia Alimentar e Cadeia Alimentar
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Teia Alimentar e Cadeia Alimentarwww.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Teia Alimentar e Cadeia Alimentar
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Teia Alimentar e Cadeia Alimentar
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Química Orgânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Química Orgânicawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Química Orgânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Química Orgânica
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Sujeito e Vozes do Verbo
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Sujeito e Vozes do Verbowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Sujeito e Vozes do Verbo
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Sujeito e Vozes do Verbo
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Novo Acordo Ortográfico
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Novo Acordo Ortográficowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Novo Acordo Ortográfico
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Novo Acordo Ortográfico
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Contos e Crônicas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Contos e Crônicaswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Contos e Crônicas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Contos e Crônicas
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Probabilidade
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Probabilidadewww.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Probabilidade
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Probabilidade
AulasEnsinoMedio
 
Ciclo trigonométrico e razões trigonométricas
Ciclo trigonométrico e razões trigonométricasCiclo trigonométrico e razões trigonométricas
Ciclo trigonométrico e razões trigonométricas
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Prismas e Cilindros
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Prismas e Cilindroswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Prismas e Cilindros
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Prismas e Cilindros
AulasEnsinoMedio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Números Complexos
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Números Complexoswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Números Complexos
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Números Complexos
AulasEnsinoMedio
 

Mais de AulasEnsinoMedio (20)

www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...
www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...
www.AulasEnsinoMedio.com.br- Física - Exercícios Reslvidos de Equilíbrio de u...
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricaswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Lentes Esféricas
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newton
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newtonwww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newton
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercícios resolvidos de Leis de Newton
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetria
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetriawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetria
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Exercício calorimetria
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Trabalho e Energia Mecânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Trabalho e Energia Mecânicawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Trabalho e Energia Mecânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Trabalho e Energia Mecânica
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Dinâmica e Movimento
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Dinâmica e Movimentowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Dinâmica e Movimento
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Dinâmica e Movimento
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Colisão
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Colisãowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Física -  Colisão
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Física - Colisão
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia – Origem da Vida
www.AulasEnsinoMedio.com.br -  Biologia – Origem da Vidawww.AulasEnsinoMedio.com.br -  Biologia – Origem da Vida
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia – Origem da Vida
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genética
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genéticawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genética
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Genética
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Evolução
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Evoluçãowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Evolução
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Evolução
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Teia Alimentar e Cadeia Alimentar
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Teia Alimentar e Cadeia Alimentarwww.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Teia Alimentar e Cadeia Alimentar
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Biologia - Teia Alimentar e Cadeia Alimentar
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Química Orgânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Química Orgânicawww.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Química Orgânica
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Química Orgânica
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química -  Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Química - Cálculo Estequimétrico (Parte 1)
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Sujeito e Vozes do Verbo
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Sujeito e Vozes do Verbowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Sujeito e Vozes do Verbo
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Sujeito e Vozes do Verbo
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Novo Acordo Ortográfico
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Novo Acordo Ortográficowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Novo Acordo Ortográfico
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Novo Acordo Ortográfico
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Contos e Crônicas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Contos e Crônicaswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Português -  Contos e Crônicas
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Português - Contos e Crônicas
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Probabilidade
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Probabilidadewww.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Probabilidade
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Probabilidade
 
Ciclo trigonométrico e razões trigonométricas
Ciclo trigonométrico e razões trigonométricasCiclo trigonométrico e razões trigonométricas
Ciclo trigonométrico e razões trigonométricas
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Prismas e Cilindros
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Prismas e Cilindroswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Prismas e Cilindros
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Prismas e Cilindros
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Números Complexos
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Números Complexoswww.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática -  Números Complexos
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Matemática - Números Complexos
 

Último

Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
ILDISONRAFAELBARBOSA
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
Giovana Gomes da Silva
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
jbellas2
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdfCaderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
carlaslr1
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Mary Alvarenga
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
AdrianoMontagna1
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 

Último (20)

Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdfCaderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 

www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Efeito Estufa e Aquecimento Global

  • 1.
  • 2. Atmosfera Atmosfera é a camada de ar que envolve o planeta. Atmos = ar Fera = camada Tempo meteorológico – é o tempo atual ou a ser previsto pelos meteorologistas com duração máxima de até 15 dias. Clima – é o conjunto de estados atmosféricos que caracterizam o meio ambiente de um determinado local. É medido por um prazo de até mais ou menos 30 anos.
  • 3. Camadas da Atmosfera  Troposfera – Nível do solo até 15km. A maioria dos fenômenos climáticos atmosféricos ocorre nessa zona (chuvas, neve, névoas, tempestades, granizo, furacões...). Contém 90% dos gases atmosféricos, os aviões circulam nessa camada.
  • 5. Estratosfera ou Ozonosfera – 15 km a 50km. Composta de nitrogênio (78%) e oxigênio (20%). Na parte inferior da estratosfera encontra-se a camada de ozônio (15 a 30km), onde a partícula de dióxido de carbono (0,003%) reage com o íon oxigênio formando o gás ozônio que absorve calor, e filtra os raios ultravioleta.Camada onde circulam os balões atmosféricos que reúnem dados dobre o tempo até 50km.
  • 7. Mesosfera – 50 a 80km. Camada com a menor temperatura atmosférica = - 93°C, onde ocorre a Aurora Boreal. Aurora Polar, Boreal (Hem. Norte), ou Austral (Hem Sul) – é observada próximo a zonas polares (Norte da Finlândia, Noruega, Alasca, Islândia e Norte da Escandinávia), mapa nas épocas de março a abril e de setembro a ou setembro a outubro.Ocorre em decorrência dos ventos solares (carregados de partículas elétricas), que entram em contato com o campo magnético terrestre. Normalmente, é de coloração esverdeada, isso se deve aos átomos de oxigênio das altas camadas atmosféricas que emitem luz verde ao serem excitados pelos eletrodos em alta velocidade do raio solar.
  • 8. Observação Esse fenômeno não está restrito só a Terra, acontecendo em outros planetas como Júpiter, Marte e Vênus
  • 9. Camadas da Atmosfera Troposfera Fenômenos climáticos Aviões Estratosfera Camada de ozônio Balões atmosféricos Mesosfera Menor temperatura = - 93°C Aurora Boreal ou Austral
  • 10.  Termosfera ou Ionosfera – 80 a 500km. Composta na maior parte por moléculas de nitrogênio até 200km; acima disso, o oxigênio é o principal constituinte. Com a altitude, a temperatura sobe para 1.650°C devido a absorção de radiação (propagação de energia) dos raios solares. Zona de rebatimento de ondas de rádio, importantes para comunicação de longa distância. Os ônibus espaciais circulam principalmente nessa camada, mas podem chegar até 600km.
  • 11. Camadas da Atmosfera Troposfera Fenômenos climáticos Aviões Estratosfera Camada de ozônio Balões atmosféricos Mesosfera Menor Temperatura = - 93°C Aurora Boreal ou Austral Termosfera ou Ionosfera Absorção da radiação, T = 1.650°C Rebatimento ondas de rádio Ônibus espacial
  • 12.  Exosfera – 500 a 2000km. É a camada mais externa da atmosfera terrestre. Composta principalmente de hélio e hidrogênio. Os satélites de comunicação e alguns astronômicos (satélites artificiais que estudam os corpos celestes, fluxo de partículas no espaço e medem a atividade solar) orbitam , circulam a Terra . Principal camada de filtragem dos raios ultravioleta.
  • 13. Camadas da Atmosfera Troposfera Fenômenos climáticos Aviões Estratosfera Camada de ozônio Balões atmosféricos Mesosfera Menor Temperatura = - 93°C Aurora Boreal ou Austral Termosfera ou Ionosfera Absorção da radiação, T = 1.650°C Rebatimento ondas de rádio Ônibus espacial Exosfera Mais externa Satélites de comunicação e astronômicos Filtragem dos raios
  • 14.
  • 15. Alguns conceitos e suas causas Efeito estufa – é um efeito natural que ajuda a conservar a temperatura no planeta. O sol emite radiação, ficando uma parte retida na Troposfera (que absorve o calor), e uma pequena parte é refletida para o universo. Essa absorção da radiação, é que atenua as diferenças entre a temperatura máxima (durante o dia) e mínima (durante a noite), e mantém a vida na Terra.
  • 16.
  • 17. CAUSA  Aquecimento Global – Intensificação das emissões de carbono na Troposfera e aumento da absorção da radiação solar, com isso, há um aumento de temperatura.
  • 18. Reforçando... Até agora vimos o local onde acontece o Efeito estufa, na camada Troposfera da Atmosfera, seu conceito, um efeito natural que conserva a temperatura, e iniciamos a descoberta de como ele pode se transformar no Aquecimento Global, tornando-se um grande problema para o meio natural e o ser humano, nos dias atuais.
  • 19. Processo inicial... Há divergências teóricas em relação ao ano em que começou o Aquecimento, o que se sabe é que a partir da Revolução Industrial (entre o final do séc XVIII e o início do séc XIX), houve um aumento significativo e gradativo que segue até os dias atuais, das emissões de carbono através das atividades humanas (principalmente industriais).
  • 20. Atividades humanas poluidoras da Atmosfera  Mineração – extração de minerais Ex: carvão, bauxita, ferro, manganês e etc.
  • 22. Indústrias – emissão de monóxido e dióxido de carbono, hidrocarbonetos, material particulado (fumos, poeiras e névoas), óxidos de enxofre, nitrogênio e aldeídos.
  • 23. Atividades poluidoras Mineração Carvão bauxita Indústria Monóxido e dióxido de carbono hidrocarbonetos Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Aldeídos
  • 24.  Geração de energia – material particulado, monóxido de carbono, óxido de enxofre e nitrogênio.
  • 25. Atividades poluidoras Mineração Carvão bauxita Indústria Monóxido e dióxido de carbono hidrocarbonetos Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Aldeídos Geração de energia Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Monóxido de carbono
  • 26.  Transporte – material particulado, monóxido e dióxido de carbono, óxido de enxofre, nitrogênio e aldeídos (diesel)
  • 27. Atividades poluidoras Mineração Carvão bauxita Indústria Monóxido e dióxido de carbono hidrocarbonetos Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Aldeídos Geração de energia Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Monóxido de carbono Transporte Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Aldeídos Monóxido e dióxido de carbono
  • 28.  Agricultura – aerossóis (defensivos agrícolas)  Comércio e serviço – névoas (torres de resfriamento), odores (lixo urbano, agentes biológicos (poluição de interiores)
  • 29. Atividades poluidoras Mineração Carvão bauxita Indústria Monóxido e dióxido de carbono hidrocarbonetos Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Aldeídos Geração de energia Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Monóxido de carbono Transporte Material particulado Óxidos de enxofre e nitrogênio Aldeídos Monóxido e dióxido de carbono Agricultura Aerossóis Comércio e serviços Névoas Odores Agentes biológico
  • 30. Para exercitar: Quais são os principais poluentes atmosféricos?
  • 31. Resposta O principal poluente atmosférico produzido pelo homem (o dióxido de carbono e o vapor d'água são elementos constitutivos do ar) é o dióxido sulfúrico, formado pela oxidação do enxofre no carvão e no petróleo, como ocorre nas fundições e nas refinarias. Lançado no ar, ele dá origem a perigosos elementos de ácido sulfúrico. O monóxido de carbono é produzido sobretudo pelos automóveis, pela indústria siderúrgica e pelas refinarias de petróleo. Outros poluentes atmosféricos são: hidrocarbonetos, aldeídos, óxidos de ferro, chumbo e derivados, silicatos, flúor entre outros.
  • 32. Consequências  Negativas 1.Derretimento das calotas polares, submersão de cidades litorâneas; 2.Aumento de áreas desérticas, desequilíbrio dos ecossistemas; 3.Aumento da intensidade dos eventos climáticos;
  • 33. 4. Mudança da temperatura dos mares – alteração da biodiversidade 5. Diminuição da diversidade de espécies; 6. Ondas de calor.
  • 34. consequências negativas Derretimento das calotas polares Aumento de áreas desérticas Aumento da intensidade dos eventos climáticos Mudança da temperatura dos mares Diminuição da diversidade de espécies Ondas de calor
  • 35.  “Positivas” 1.Aumento da produção; 2.Biomassa produzida é de baixa qualidade.
  • 36. consequências negativas Derretimento das calotas polares Aumento de áreas desérticas Positivas Aumento da produção Aumento da intensidade dos eventos climáticos Biomassa de baixa qualidade Mudança da temperatura dos mares Diminuição da diversidade de espécies Ondas de calor
  • 37. Exercício 1. A qualidade do meio ambiente é um dos fatores que interferem na saúde e, portanto, no bem-estar da humanidade. A poluição, por exemplo, deteriora o ambiente, alterando o ar, a água e o solo. Hoje, nos grandes centros urbanos os principais responsáveis pelos elevados índices de poluição atmosférica são: a) as fábricas e os transportes metroviários. b) a indústria e os veículos automotores. c) os veículos automotores e o comércio. d) o turismo e os resíduos sólidos. e) os veículos automotores e o gado.
  • 38. Resposta 1. A qualidade do meio ambiente é um dos fatores que interferem na saúde e, portanto, no bem-estar da humanidade. A poluição, por exemplo, deteriora o ambiente, alterando o ar, a água e o solo. Hoje, nos grandes centros urbanos os principais responsáveis pelos elevados índices de poluição atmosférica são: a) as fábricas e os transportes metroviários. b) a indústria e os veículos automotores. c) os veículos automotores e o comércio. d) o turismo e os resíduos sólidos. e) os veículos automotores e o gado.
  • 39. Exercícios 2. Nos últimos 50 anos, as temperaturas de inverno na península antártica subiram quase 6 oC. Ao contrário do esperado, o aquecimento tem aumentado a precipitação de neve. Isso ocorre porque o gelo marinho, que forma um manto impermeável sobre o oceano, está derretendo devido à elevação de temperatura, o que permite que mais umidade escape para a atmosfera. Essa umidade cai na forma de neve. Logo depois de chegar a essa região, certa espécie de pingüins precisa de solos nus para construir seus ninhos de pedregulhos. Se a neve não derrete a tempo, eles põem seus ovos sobre ela. Quando a neve finalmente derrete, os ovos se encharcam de água e goram.
  • 40. A A partir do texto acima, analise as seguintes afirmativas e assinale a correta: I – O aumento da temperatura global interfere no ciclo da água na península antártica. II – O aquecimento global pode interferir no ciclo de vida de espécies típicas de região de clima polar. III – A existência de água em estado sólido constitui fator crucial para a manutenção da vida em alguns biomas. a) apenas em I. b) apenas em II. c) apenas em I e II. d) apenas em II e III. e) em I, II e III. 2
  • 41. A partir do texto acima, analise as seguintes afirmativas e assinale a correta: I – O aumento da temperatura global interfere no ciclo da água na península antártica. II – O aquecimento global pode interferir no ciclo de vida de espécies típicas de região de clima polar. III – A existência de água em estado sólido constitui fator crucial para a manutenção da vida em alguns biomas. a) apenas em I. b) apenas em II. c) apenas em I e II. d) apenas em II e III. e) em I, II e III. Resposta