SlideShare uma empresa Scribd logo
Trabalho de economia Gelson nº 6  turma 11ºig
Défice Público 2011 O défice público ou défice orçamental do estado português no primeiro semestre de 2011 é de 6.687 milhões de euros. O défice público de Portugal previsto para 2011 é de 4,6%.O saldo da Administração Central (Estado e Serviços e Fundos Autónomos - institutos públicos, universidades, hospitais e da Segurança Social) foi negativo em 5.042 milhões de euros, uma melhoria de 1.791 milhões relativamente ao primeiro semestre de 2010.As medidas de austeridade preconizadas no Orçamento de Estado 2011 têm como objectivo assegurar a descida do défice para 4,6 por cento do PIB em 2011.As medidas de austeridade lançadas pelo Governo para 2011, que incluem cortes nos salários da função pública, aumento de impostos e redução de benefícios fiscais, vão ter um forte impacto sobre os consumidores que deverão diminuir os seus gastos e fazer o consumo privado recuar 0,9% em 2011, depois de um crescimento de 1,5% em 2010.A Comissão Europeia prevê um desequilíbrio das contas públicas de 8,5 por cento do PIB em 2010 e de 7,9 por cento em 2011. Já a Zona Euro irá registar um crescimento de 1,4%, em 2011.
Medida que troika impôs sobre Portugal Trabalho ,[object Object]
 Quanto aos patrões, vão descontar menos para a segurança social, uma vez que a taxa social única para as empresas vai ser reduzida.
De modo a que os aumentos dos salários sejam feitos em função da produtividade de cada empresa, todas as empresas com mais de 250 trabalhadores (em vez dos actuais 500) vão poder negociar directamente com as respectivas comissões de trabalhadores.
os bancos de horas vão poder ser negociados directamente na empresa, através de um acordo mútuo entre os empregadores e os trabalhadores.
No final deste ano, vai ser apresentada uma proposta com ajustes nas regras dos despedimentos por justa causa.
 Vai ser criado um apoio no desemprego para alguns grupos específicos de trabalhadores independentes, nomeadamente os "falsos" recibos verdes.,[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015
Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015
Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015UWU Solutions, Lda.
 
Orçamento previsto para 2012
Orçamento previsto para 2012Orçamento previsto para 2012
Orçamento previsto para 2012turma11ig2011
 
Maura 11ºtv
Maura 11ºtvMaura 11ºtv
Maura 11ºtvturam11tv
 
As medidas impostas pela troika
As medidas impostas pela troikaAs medidas impostas pela troika
As medidas impostas pela troikaturma11ig2011
 
Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?
Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?
Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?UWU Solutions, Lda.
 
Já conhece as novas regras do IRS para 2015?
Já conhece as novas regras do IRS para 2015?Já conhece as novas regras do IRS para 2015?
Já conhece as novas regras do IRS para 2015?UWU Solutions, Lda.
 
Valor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economia
Valor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economiaValor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economia
Valor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economiaturam11tv
 
A PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
A PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKIA PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
A PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKIBruno Fernandes Chimieski
 
Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)
Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)
Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)Ministério da Economia
 
Valor da divida pública portuguesa
Valor da divida pública portuguesaValor da divida pública portuguesa
Valor da divida pública portuguesaturma11ig2011
 
Valor da divida pública portuguesa edwind
Valor da divida pública portuguesa  edwindValor da divida pública portuguesa  edwind
Valor da divida pública portuguesa edwindturam11tv
 
PS SM - Informação nº. 2 (13-17)
PS SM - Informação nº. 2 (13-17)PS SM - Informação nº. 2 (13-17)
PS SM - Informação nº. 2 (13-17)Nuno Antão
 

Mais procurados (17)

Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015
Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015
Proposta de lei do Orçamento de Estado para 2015
 
Orçamento previsto para 2012
Orçamento previsto para 2012Orçamento previsto para 2012
Orçamento previsto para 2012
 
Maura 11ºtv
Maura 11ºtvMaura 11ºtv
Maura 11ºtv
 
As medidas impostas pela troika
As medidas impostas pela troikaAs medidas impostas pela troika
As medidas impostas pela troika
 
Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?
Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?
Sabe que despesas pode deduzir na sua próxima declaração de IRS - 2013?
 
Já conhece as novas regras do IRS para 2015?
Já conhece as novas regras do IRS para 2015?Já conhece as novas regras do IRS para 2015?
Já conhece as novas regras do IRS para 2015?
 
Valor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economia
Valor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economiaValor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economia
Valor da dívida pública portuguesa famata 11º tv economia
 
A PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
A PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKIA PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
A PEC 241 em detalhes! | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
 
Percurso politico
Percurso politicoPercurso politico
Percurso politico
 
Politica
PoliticaPolitica
Politica
 
Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)
Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)
Apresentação – Os 7 mitos sobre a PEC do Teto (08/11/2016)
 
Valor da divida pública portuguesa
Valor da divida pública portuguesaValor da divida pública portuguesa
Valor da divida pública portuguesa
 
Valor da divida pública portuguesa edwind
Valor da divida pública portuguesa  edwindValor da divida pública portuguesa  edwind
Valor da divida pública portuguesa edwind
 
Proposta de Reforma do Modelo Brasileiro de Tributação de Bens e Serviços
Proposta de Reforma do Modelo Brasileiro de Tributação de Bens e ServiçosProposta de Reforma do Modelo Brasileiro de Tributação de Bens e Serviços
Proposta de Reforma do Modelo Brasileiro de Tributação de Bens e Serviços
 
PS SM - Informação nº. 2 (13-17)
PS SM - Informação nº. 2 (13-17)PS SM - Informação nº. 2 (13-17)
PS SM - Informação nº. 2 (13-17)
 
Governo e bancos contra o povo
Governo e bancos contra o povoGoverno e bancos contra o povo
Governo e bancos contra o povo
 
EC n. 95: Impactos e viabilidade
EC n. 95: Impactos e viabilidade EC n. 95: Impactos e viabilidade
EC n. 95: Impactos e viabilidade
 

Destaque

Economia de portugal na atualidade
Economia de portugal na atualidadeEconomia de portugal na atualidade
Economia de portugal na atualidadeTiago Filipe
 
Modulo 8-a-economia-em-portugal
Modulo 8-a-economia-em-portugalModulo 8-a-economia-em-portugal
Modulo 8-a-economia-em-portugalLeonor Alves
 
Relações económicas com resto do mundo.
Relações económicas com resto do mundo.Relações económicas com resto do mundo.
Relações económicas com resto do mundo.Susana Santos
 
Relações económicas com o exterior
Relações económicas com o exteriorRelações económicas com o exterior
Relações económicas com o exteriorNuno Sousa
 
Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)
Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)
Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)fqwefqwefwef
 
Estrutura da população activa
Estrutura da população activaEstrutura da população activa
Estrutura da população activaPedro Tomé
 
Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)
Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)
Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)Raffaella Ergün
 
PIB (producto interno bruto)
PIB (producto interno bruto)PIB (producto interno bruto)
PIB (producto interno bruto)cjamado
 
Investimento estrangeiro em portugal entre o mito e a propaganda - 3ª parte
Investimento estrangeiro em portugal   entre o mito e a propaganda - 3ª parteInvestimento estrangeiro em portugal   entre o mito e a propaganda - 3ª parte
Investimento estrangeiro em portugal entre o mito e a propaganda - 3ª parteGRAZIA TANTA
 
Portugal detalhes - Exportação e Investimento
Portugal detalhes - Exportação e InvestimentoPortugal detalhes - Exportação e Investimento
Portugal detalhes - Exportação e InvestimentoExport Hub
 
Informações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a dividaInformações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a dividagigacom
 
Avaliação modulo 5 11ºtv
Avaliação modulo 5   11ºtvAvaliação modulo 5   11ºtv
Avaliação modulo 5 11ºtvLeonor Alves
 
A crise portuguesa em 10 minutos
A crise portuguesa em 10 minutos A crise portuguesa em 10 minutos
A crise portuguesa em 10 minutos Daniel Claro
 
Crise Financeira em Portugal
Crise Financeira em PortugalCrise Financeira em Portugal
Crise Financeira em PortugalMarta Mota
 

Destaque (20)

Economia de portugal na atualidade
Economia de portugal na atualidadeEconomia de portugal na atualidade
Economia de portugal na atualidade
 
Modulo 8-a-economia-em-portugal
Modulo 8-a-economia-em-portugalModulo 8-a-economia-em-portugal
Modulo 8-a-economia-em-portugal
 
Economia de portugal
Economia de portugalEconomia de portugal
Economia de portugal
 
Economia
Economia Economia
Economia
 
Relações económicas com resto do mundo.
Relações económicas com resto do mundo.Relações económicas com resto do mundo.
Relações económicas com resto do mundo.
 
Economia
EconomiaEconomia
Economia
 
Relações económicas com o exterior
Relações económicas com o exteriorRelações económicas com o exterior
Relações económicas com o exterior
 
Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)
Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)
Guião do trabalho de pesquisa (módulo 8)
 
PIB
PIBPIB
PIB
 
Estrutura da população activa
Estrutura da população activaEstrutura da população activa
Estrutura da população activa
 
Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)
Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)
Resumos Economia A 11º ano (2ª parte)
 
PIB
PIBPIB
PIB
 
PIB (producto interno bruto)
PIB (producto interno bruto)PIB (producto interno bruto)
PIB (producto interno bruto)
 
Investimento estrangeiro em portugal entre o mito e a propaganda - 3ª parte
Investimento estrangeiro em portugal   entre o mito e a propaganda - 3ª parteInvestimento estrangeiro em portugal   entre o mito e a propaganda - 3ª parte
Investimento estrangeiro em portugal entre o mito e a propaganda - 3ª parte
 
Portugal detalhes - Exportação e Investimento
Portugal detalhes - Exportação e InvestimentoPortugal detalhes - Exportação e Investimento
Portugal detalhes - Exportação e Investimento
 
Informações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a dividaInformações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a divida
 
Avaliação modulo 5 11ºtv
Avaliação modulo 5   11ºtvAvaliação modulo 5   11ºtv
Avaliação modulo 5 11ºtv
 
A crise portuguesa em 10 minutos
A crise portuguesa em 10 minutos A crise portuguesa em 10 minutos
A crise portuguesa em 10 minutos
 
 
Crise Financeira em Portugal
Crise Financeira em PortugalCrise Financeira em Portugal
Crise Financeira em Portugal
 

Semelhante a Trabalho de economia

Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)turam11tv
 
Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)turam11tv
 
Informações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a dividaInformações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a dividagigacom
 
MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...
MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...
MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...Sinapsa
 
Guia Essencial do IRS: Edição 2016
Guia Essencial do IRS: Edição 2016Guia Essencial do IRS: Edição 2016
Guia Essencial do IRS: Edição 2016ComparaJá.pt
 
Medidas impostas pela troika
Medidas impostas pela troikaMedidas impostas pela troika
Medidas impostas pela troikagigacom
 
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações Fiscais
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações FiscaisProposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações Fiscais
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações FiscaisUWU Solutions, Lda.
 
Crise em potugal
Crise em potugalCrise em potugal
Crise em potugalturma11ig
 
Crise em potugal
Crise em potugalCrise em potugal
Crise em potugalturma11ig
 
Crise em potugal
Crise em potugalCrise em potugal
Crise em potugalturma11ig
 
Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011
Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011
Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011Expresso
 
Comunicado Conselho Nacional PSD
Comunicado Conselho Nacional PSDComunicado Conselho Nacional PSD
Comunicado Conselho Nacional PSDjotiroso
 
Comunicado conselho nacional
Comunicado conselho nacionalComunicado conselho nacional
Comunicado conselho nacionaljotiroso
 

Semelhante a Trabalho de economia (20)

Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)
 
Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)Economia(eunice 14 11-2011)
Economia(eunice 14 11-2011)
 
Orçamento de estado 2014
Orçamento de estado 2014Orçamento de estado 2014
Orçamento de estado 2014
 
Informações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a dividaInformações sobre o défice orçamental e a divida
Informações sobre o défice orçamental e a divida
 
MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...
MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...
MAIS AUSTERIDADE ANUNCIADA AUMENTAM AS DESIGUALDADES ENTRE O TRABALHO E O CAP...
 
Guia Essencial do IRS: Edição 2016
Guia Essencial do IRS: Edição 2016Guia Essencial do IRS: Edição 2016
Guia Essencial do IRS: Edição 2016
 
Edilosn m
Edilosn mEdilosn m
Edilosn m
 
Edilosn m
Edilosn mEdilosn m
Edilosn m
 
Edilosn m
Edilosn mEdilosn m
Edilosn m
 
Medidas impostas pela troika
Medidas impostas pela troikaMedidas impostas pela troika
Medidas impostas pela troika
 
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações Fiscais
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações FiscaisProposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações Fiscais
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2015 - Alterações Fiscais
 
Crise em potugal
Crise em potugalCrise em potugal
Crise em potugal
 
Crise em potugal
Crise em potugalCrise em potugal
Crise em potugal
 
Crise em potugal
Crise em potugalCrise em potugal
Crise em potugal
 
Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011
Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011
Versão de Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011
 
O ine
O ineO ine
O ine
 
Comunicado Conselho Nacional PSD
Comunicado Conselho Nacional PSDComunicado Conselho Nacional PSD
Comunicado Conselho Nacional PSD
 
Comunicado conselho nacional
Comunicado conselho nacionalComunicado conselho nacional
Comunicado conselho nacional
 
Análise do Orçamento do Estado 2017
Análise do Orçamento do Estado 2017  Análise do Orçamento do Estado 2017
Análise do Orçamento do Estado 2017
 
RPBA - Novo Imposto Sucessório?
RPBA - Novo Imposto Sucessório?RPBA - Novo Imposto Sucessório?
RPBA - Novo Imposto Sucessório?
 

Último

CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxEduardaMedeiros18
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaIlda Bicacro
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....LuizHenriquedeAlmeid6
 
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan AhlbergO carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan AhlbergBrenda Fritz
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...LuizHenriquedeAlmeid6
 
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaaCarolineFrancielle
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfrarakey779
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroBrenda Fritz
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfLeandroTelesRocha2
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assisbrunocali007
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaLuanaAlves940822
 
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfRespostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfssuser06ee57
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfssuserbb4ac2
 
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdfLabor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdfemeio123
 

Último (20)

CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan AhlbergO carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfRespostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdfLabor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
 

Trabalho de economia

  • 1. Trabalho de economia Gelson nº 6 turma 11ºig
  • 2. Défice Público 2011 O défice público ou défice orçamental do estado português no primeiro semestre de 2011 é de 6.687 milhões de euros. O défice público de Portugal previsto para 2011 é de 4,6%.O saldo da Administração Central (Estado e Serviços e Fundos Autónomos - institutos públicos, universidades, hospitais e da Segurança Social) foi negativo em 5.042 milhões de euros, uma melhoria de 1.791 milhões relativamente ao primeiro semestre de 2010.As medidas de austeridade preconizadas no Orçamento de Estado 2011 têm como objectivo assegurar a descida do défice para 4,6 por cento do PIB em 2011.As medidas de austeridade lançadas pelo Governo para 2011, que incluem cortes nos salários da função pública, aumento de impostos e redução de benefícios fiscais, vão ter um forte impacto sobre os consumidores que deverão diminuir os seus gastos e fazer o consumo privado recuar 0,9% em 2011, depois de um crescimento de 1,5% em 2010.A Comissão Europeia prevê um desequilíbrio das contas públicas de 8,5 por cento do PIB em 2010 e de 7,9 por cento em 2011. Já a Zona Euro irá registar um crescimento de 1,4%, em 2011.
  • 3.
  • 4. Quanto aos patrões, vão descontar menos para a segurança social, uma vez que a taxa social única para as empresas vai ser reduzida.
  • 5. De modo a que os aumentos dos salários sejam feitos em função da produtividade de cada empresa, todas as empresas com mais de 250 trabalhadores (em vez dos actuais 500) vão poder negociar directamente com as respectivas comissões de trabalhadores.
  • 6. os bancos de horas vão poder ser negociados directamente na empresa, através de um acordo mútuo entre os empregadores e os trabalhadores.
  • 7. No final deste ano, vai ser apresentada uma proposta com ajustes nas regras dos despedimentos por justa causa.
  • 8.
  • 9. Medida que troika impôs sobre Portugal Habitação Além da retirada gradual da dedução das despesas com a casa no IRS, o acordo entre o Governo e a troika prevê a subida do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e a redução das isenções deste imposto. Contudo, o Imposto Municipal Sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT), pago aquando da compra da casa, deverá descer. Estas medidas têm como objectivo desincentivar a compra de casa, incentivar o arrendamento e, consequentemente, diminuir o recurso ao crédito à habitação e o endividamento das famílias portuguesas.
  • 10. Medida que troika impôs sobre Portugal Impostos O tabaco e os veículos vão ser alvo de novos aumentos de impostos. Vão ser revistas as excepções existentes ao nível dos impostos automóveis, como as taxas reduzidas do Imposto sobre Veículos (ISV). O agravamento destes impostos vai garantir ao Estado, em 2012, mais 250 milhões de euros. Outro imposto que deve sofrer aumentos é o IVA da factura da electricidade. Actualmente é de 6%, mas pode aumentar para 13% ou até mesmo passar para 23%.
  • 11. orçamento 2012 O Orçamento de Estado (OE) para 2012 apresenta fortes medidas de contenção orçamental como o corte no subsídio de férias e de natal para funcionários públicos e pensionistas com salários acima de 1000 euros, ajustamento do calendário de pontes e feriados e aumento de meia hora no horário de trabalho no sector privado. Segundo a proposta de Orçamento de Estado de 2012, a dedução em sede de IRS para despesas com pensões de alimentos continua a ser de 20% mas sobre um valor mensal máximo equivalente a um IAS por mês, por beneficiário, ou seja, a 419,22€ por filho. Se por hipótese a pensão de alimentos for de 600€ por mês, só serão considerados para a efeito de apuramento do valor a abater à coleta 419,22€ o que, na prática, se traduz, numa abatimento teórico máximo por mês, 83,84€/mês, ou seja, 1006€/ano.