SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Centro de Formação Profissional da indústria
                                                        Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios




       CLC7 – Fundamentos de cultura, língua e
                   comunicação
       Logo de retorno às aulas, seguidas de férias que serviram para relaxar a cabeça,
mas nem tanto pois tinha muita coisa para organizar e estudar, começamos pelo DR1 que
falava sobre autobiografias e biografias.
       Quando nos foi pedido que escolhêssemos uma personalidade que tivéssemos
como referência, eu nem hesitei e escolhi a Audrey Hepburn. Atriz, um ícone da sua
década, personalidade que até hoje muitos tentam seguir as suas pegadas. Depois de muitas
pesquisas, nenhuma polémica, vida dupla ou nada que insinuasse que fora das telas era
uma pessoa diferente da que passava para o público. Figura pública que sempre admirei e
até mesmo me espelhei muitas vezes, por ser uma pessoa tão íntegra, nunca envolvida em
escândalos e sempre muito preocupada com o bem do próximo. Portanto foi um trabalho
que tive imenso prazer em desenvolver. Até tinha algumas fotografias dela no meu
computador que uso como protetor de tela e serviram para o trabalho.
       A autobiografia, visto que é um trabalho bem pessoal, demorei um pouco mais para
fazer. Mas quando por fim comecei, também fiz com muito gosto pois tive a oportunidade
de relembrar coisas do passado que há muito não lembrava e dei muitas risadas com a
minha mãe ao fazer algumas perguntas. Relembrar da minha vida com ela foi muito
interessante, depois de tudo o que passamos nos últimos anos e as mudanças que minha
família sofreu, foi bom lembrar que nem tudo foi triste e que tivemos uma família
fantástica e pais que viveram por mim e pelos meus irmãos.
       No DR2 quando começamos a falar sobre ciência, tive pena que o trabalho não
pudesse ter muitas e muitas páginas. Falar sobre o trabalho do cientista, a importância, a
relevância dos seus trabalhos e suas descobertas. Pesquisas infindáveis, noites e vidas
focadas em temas, que muitas vezes somente depois de muitos anos e às vezes só mesmo
depois de mortos que são valorizados. O tema que escolhi, “antimatéria”, é um tema muito
fascinante que foi tema de debate em minha casa com o meu marido e meus filhos.
Estávamos a falar sobre isso e as crianças quiseram saber o que era, como meu filho de 6
anos diz que quer ser físico quântico, achou divertidíssimo o assunto!!! E depois demos




                                     Marianna Capuano
Centro de Formação Profissional da indústria
                                                            Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios


como exemplo o filme baseado no livro do Dan Brown, “Anjos e Demónios”. O filme gira
em torno de uma cápsula refrigerada que no fim explode na praça do Vaticano. E como
disse antes, o cientista que começou com este tema e as primeiras pesquisas, fê-lo em
1928. Até hoje um tema que é muito discutido, pois com uma só partícula de antimatéria
daria para fazer o propulsor de um foguete ir e voltar da Lua.




Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.




                                      Marianna Capuano

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Portefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagemPortefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagemElisa Dias
 
Ana maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadora
Ana maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadoraAna maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadora
Ana maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadorarasteiro
 
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesSILVIA G. FERNANDES
 
PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]
PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]
PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]J P
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5joaokota
 
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2I.Braz Slideshares
 
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisS.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisI.Braz Slideshares
 
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]SILVIA G. FERNANDES
 
Reflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurançaReflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurançaSizes & Patterns
 
1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)
1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)
1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)Helena Sabino Salvaterra
 

Mais procurados (20)

Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
 
Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7 Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7
 
STC 5
STC 5STC 5
STC 5
 
Portefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagemPortefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagem
 
Ana maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadora
Ana maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadoraAna maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadora
Ana maria rasteiro reflexão ft ufcd 3273 corrigida pela mediadora
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
 
Reflexão - CLCLEI
Reflexão - CLCLEIReflexão - CLCLEI
Reflexão - CLCLEI
 
Processos Identitários
Processos IdentitáriosProcessos Identitários
Processos Identitários
 
Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6
 
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
 
PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]
PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]
PRA - Portefólio Reflexivo Aprendizagens [RVCC]
 
CLC 6
CLC 6CLC 6
CLC 6
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
 
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
 
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisS.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
 
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
 
Resumo STC
Resumo STCResumo STC
Resumo STC
 
Reflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurançaReflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurança
 
CLC 6
CLC 6CLC 6
CLC 6
 
1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)
1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)
1237823952 portefolio reflexivo_de_aprendizagem_(pra)
 

Destaque

CLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e Comunicação
CLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e ComunicaçãoCLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e Comunicação
CLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e ComunicaçãoSILVIA G. FERNANDES
 
Guião stc7 e clc7 dr3(proposta)
Guião stc7 e  clc7 dr3(proposta)Guião stc7 e  clc7 dr3(proposta)
Guião stc7 e clc7 dr3(proposta)Belmira Lourenço
 
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJoMudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJomega
 
áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1
áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1
áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1mega
 
RefelexãO Dr3 Saberes Fundamentais
RefelexãO Dr3 Saberes FundamentaisRefelexãO Dr3 Saberes Fundamentais
RefelexãO Dr3 Saberes Fundamentaismega
 
Dr1 STC Saberes Fundamentais Marco
Dr1 STC Saberes Fundamentais MarcoDr1 STC Saberes Fundamentais Marco
Dr1 STC Saberes Fundamentais Marcomega
 
ReflexãO Clc Dr2
ReflexãO  Clc Dr2ReflexãO  Clc Dr2
ReflexãO Clc Dr2mega
 
C.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casa
C.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casaC.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casa
C.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casaI.Braz Slideshares
 
Dna1 SAB FUND- Dr2
Dna1 SAB FUND- Dr2Dna1 SAB FUND- Dr2
Dna1 SAB FUND- Dr2mega
 
ReflexãO Dna Clc
ReflexãO Dna ClcReflexãO Dna Clc
ReflexãO Dna Clcmega
 
Ciência e controvérsias públicas
Ciência e controvérsias públicasCiência e controvérsias públicas
Ciência e controvérsias públicasJose Coelho
 
Ficha de trabalho clc dr2
Ficha de trabalho clc   dr2Ficha de trabalho clc   dr2
Ficha de trabalho clc dr2Helena Maria
 

Destaque (20)

Saberes fundamentais clc
Saberes fundamentais clcSaberes fundamentais clc
Saberes fundamentais clc
 
CLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e Comunicação
CLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e ComunicaçãoCLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e Comunicação
CLC_7- Fundamentos da Cultura, Língua e Comunicação
 
Referencial de CLC
Referencial de CLCReferencial de CLC
Referencial de CLC
 
Programa Clc
Programa ClcPrograma Clc
Programa Clc
 
Guião stc7 e clc7 dr3(proposta)
Guião stc7 e  clc7 dr3(proposta)Guião stc7 e  clc7 dr3(proposta)
Guião stc7 e clc7 dr3(proposta)
 
Ng7 Dr2
Ng7 Dr2Ng7 Dr2
Ng7 Dr2
 
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJoMudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
Mudam Se Os Tempos Dr4 Marco AraúJo
 
Ng7 1
Ng7 1Ng7 1
Ng7 1
 
áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1
áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1
áRea De CompetêNciaclc Fafe saberes fundementais Dr 1
 
RefelexãO Dr3 Saberes Fundamentais
RefelexãO Dr3 Saberes FundamentaisRefelexãO Dr3 Saberes Fundamentais
RefelexãO Dr3 Saberes Fundamentais
 
Dr1 STC Saberes Fundamentais Marco
Dr1 STC Saberes Fundamentais MarcoDr1 STC Saberes Fundamentais Marco
Dr1 STC Saberes Fundamentais Marco
 
ReflexãO Clc Dr2
ReflexãO  Clc Dr2ReflexãO  Clc Dr2
ReflexãO Clc Dr2
 
C.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casa
C.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casaC.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casa
C.L.C.7 - Valores da família - A verdadeira felicidade está na própria casa
 
Dna1 SAB FUND- Dr2
Dna1 SAB FUND- Dr2Dna1 SAB FUND- Dr2
Dna1 SAB FUND- Dr2
 
Ng7 2
Ng7   2Ng7   2
Ng7 2
 
ReflexãO Dna Clc
ReflexãO Dna ClcReflexãO Dna Clc
ReflexãO Dna Clc
 
STC7
STC7STC7
STC7
 
Ng7 3
Ng7  3Ng7  3
Ng7 3
 
Ciência e controvérsias públicas
Ciência e controvérsias públicasCiência e controvérsias públicas
Ciência e controvérsias públicas
 
Ficha de trabalho clc dr2
Ficha de trabalho clc   dr2Ficha de trabalho clc   dr2
Ficha de trabalho clc dr2
 

Semelhante a Reflexão - CLC7

466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf
466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf
466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdfKeliane Oliveira
 
LP_CIE_3série_Gab.pdf
LP_CIE_3série_Gab.pdfLP_CIE_3série_Gab.pdf
LP_CIE_3série_Gab.pdfProfJC3
 
Uma breve historia do tempo stephen hawking
Uma breve historia do tempo   stephen hawkingUma breve historia do tempo   stephen hawking
Uma breve historia do tempo stephen hawkingsandratvalentim
 
Situação de aprendizagem
Situação de aprendizagemSituação de aprendizagem
Situação de aprendizagemdarleterocha
 
DNA - O Segredo da Vida - James D. Watson
DNA - O Segredo da Vida - James D. WatsonDNA - O Segredo da Vida - James D. Watson
DNA - O Segredo da Vida - James D. WatsonLeciOne
 
simulado de português D6 D7 D8.pptx
simulado de português D6 D7 D8.pptxsimulado de português D6 D7 D8.pptx
simulado de português D6 D7 D8.pptxElionayAraujo
 
Redação e edição em revista abertura
Redação e edição em revista aberturaRedação e edição em revista abertura
Redação e edição em revista aberturaMob Cranb
 
Uso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas Estrangeiras
Uso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas EstrangeirasUso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas Estrangeiras
Uso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas Estrangeirastacarambi
 
Capra a teia da vida
Capra   a teia da vidaCapra   a teia da vida
Capra a teia da vidaEliana Reis
 
Escola Municipal de Ensino Fundamental.docx
Escola Municipal de Ensino Fundamental.docxEscola Municipal de Ensino Fundamental.docx
Escola Municipal de Ensino Fundamental.docxEricaCostaViquetiGam1
 
Projeto brinquedos e brincadeiras
Projeto brinquedos e brincadeirasProjeto brinquedos e brincadeiras
Projeto brinquedos e brincadeirasDaila Riva Brocker
 
Artigo ivan isquierdo como faço ciência.doc
Artigo ivan isquierdo   como faço ciência.docArtigo ivan isquierdo   como faço ciência.doc
Artigo ivan isquierdo como faço ciência.docGleydson Silva
 
Narrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulosNarrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulosSusana Felix
 
Situação de aprendizagem rô
Situação de aprendizagem rôSituação de aprendizagem rô
Situação de aprendizagem rôRosângela Faria
 

Semelhante a Reflexão - CLC7 (20)

466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf
466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf
466d8f59-9648-44c5-a004-98fc35edd723.pdf
 
Um psicólogo vira gari
Um psicólogo vira gariUm psicólogo vira gari
Um psicólogo vira gari
 
LP_CIE_3série_Gab.pdf
LP_CIE_3série_Gab.pdfLP_CIE_3série_Gab.pdf
LP_CIE_3série_Gab.pdf
 
Uma breve historia do tempo stephen hawking
Uma breve historia do tempo   stephen hawkingUma breve historia do tempo   stephen hawking
Uma breve historia do tempo stephen hawking
 
Situação de aprendizagem
Situação de aprendizagemSituação de aprendizagem
Situação de aprendizagem
 
Redação slide ENEM UFSM revisado 2012
Redação  slide ENEM UFSM revisado 2012Redação  slide ENEM UFSM revisado 2012
Redação slide ENEM UFSM revisado 2012
 
DNA - O Segredo da Vida - James D. Watson
DNA - O Segredo da Vida - James D. WatsonDNA - O Segredo da Vida - James D. Watson
DNA - O Segredo da Vida - James D. Watson
 
simulado de português D6 D7 D8.pptx
simulado de português D6 D7 D8.pptxsimulado de português D6 D7 D8.pptx
simulado de português D6 D7 D8.pptx
 
Redação e edição em revista abertura
Redação e edição em revista aberturaRedação e edição em revista abertura
Redação e edição em revista abertura
 
Uso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas Estrangeiras
Uso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas EstrangeirasUso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas Estrangeiras
Uso Da Tecnologia No Ensino De LíNguas Estrangeiras
 
Redação slide ENEM, UFSM
Redação  slide ENEM, UFSMRedação  slide ENEM, UFSM
Redação slide ENEM, UFSM
 
Capra a teia da vida
Capra   a teia da vidaCapra   a teia da vida
Capra a teia da vida
 
Autobiografia
AutobiografiaAutobiografia
Autobiografia
 
Escola Municipal de Ensino Fundamental.docx
Escola Municipal de Ensino Fundamental.docxEscola Municipal de Ensino Fundamental.docx
Escola Municipal de Ensino Fundamental.docx
 
Simulado spaece 2012 portugues
Simulado spaece   2012  portuguesSimulado spaece   2012  portugues
Simulado spaece 2012 portugues
 
Projeto brinquedos e brincadeiras
Projeto brinquedos e brincadeirasProjeto brinquedos e brincadeiras
Projeto brinquedos e brincadeiras
 
Artigo ivan isquierdo como faço ciência.doc
Artigo ivan isquierdo   como faço ciência.docArtigo ivan isquierdo   como faço ciência.doc
Artigo ivan isquierdo como faço ciência.doc
 
Informativo2
Informativo2Informativo2
Informativo2
 
Narrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulosNarrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulos
 
Situação de aprendizagem rô
Situação de aprendizagem rôSituação de aprendizagem rô
Situação de aprendizagem rô
 

Mais de Sizes & Patterns

Reflexão - Tecnologia da confecção
Reflexão - Tecnologia da confecçãoReflexão - Tecnologia da confecção
Reflexão - Tecnologia da confecçãoSizes & Patterns
 
Reflexão - Iniciação à costura industrial
Reflexão - Iniciação à costura industrial Reflexão - Iniciação à costura industrial
Reflexão - Iniciação à costura industrial Sizes & Patterns
 
Reflexão - Costura industrial
Reflexão - Costura industrial Reflexão - Costura industrial
Reflexão - Costura industrial Sizes & Patterns
 
Reflexão - Princípios básicos de qualidade
Reflexão - Princípios básicos de qualidade Reflexão - Princípios básicos de qualidade
Reflexão - Princípios básicos de qualidade Sizes & Patterns
 
Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos
Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos
Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos Sizes & Patterns
 
Reflexão - Croquis técnicos
Reflexão - Croquis técnicosReflexão - Croquis técnicos
Reflexão - Croquis técnicosSizes & Patterns
 
Reflexão - Estágio Katty Xiomara
Reflexão - Estágio Katty Xiomara Reflexão - Estágio Katty Xiomara
Reflexão - Estágio Katty Xiomara Sizes & Patterns
 
Reflexão – Introdução à história da moda
 Reflexão – Introdução à história da moda  Reflexão – Introdução à história da moda
Reflexão – Introdução à história da moda Sizes & Patterns
 
Reflexão - Princípios básicos do corte
Reflexão - Princípios básicos do corteReflexão - Princípios básicos do corte
Reflexão - Princípios básicos do corteSizes & Patterns
 

Mais de Sizes & Patterns (12)

Reflexão - Tecnologia da confecção
Reflexão - Tecnologia da confecçãoReflexão - Tecnologia da confecção
Reflexão - Tecnologia da confecção
 
Reflexão - Iniciação à costura industrial
Reflexão - Iniciação à costura industrial Reflexão - Iniciação à costura industrial
Reflexão - Iniciação à costura industrial
 
Reflexão - Costura industrial
Reflexão - Costura industrial Reflexão - Costura industrial
Reflexão - Costura industrial
 
Reflexão - Princípios básicos de qualidade
Reflexão - Princípios básicos de qualidade Reflexão - Princípios básicos de qualidade
Reflexão - Princípios básicos de qualidade
 
Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos
Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos
Reflexão - Identificação e realização dossier de tecidos
 
Reflexão - CLCLEC
Reflexão - CLCLECReflexão - CLCLEC
Reflexão - CLCLEC
 
Reflexão - Croquis técnicos
Reflexão - Croquis técnicosReflexão - Croquis técnicos
Reflexão - Croquis técnicos
 
Reflexão - Petratex
Reflexão - Petratex Reflexão - Petratex
Reflexão - Petratex
 
Reflexão - Estágio Katty Xiomara
Reflexão - Estágio Katty Xiomara Reflexão - Estágio Katty Xiomara
Reflexão - Estágio Katty Xiomara
 
Reflexão - CAD
Reflexão - CADReflexão - CAD
Reflexão - CAD
 
Reflexão – Introdução à história da moda
 Reflexão – Introdução à história da moda  Reflexão – Introdução à história da moda
Reflexão – Introdução à história da moda
 
Reflexão - Princípios básicos do corte
Reflexão - Princípios básicos do corteReflexão - Princípios básicos do corte
Reflexão - Princípios básicos do corte
 

Reflexão - CLC7

  • 1. Centro de Formação Profissional da indústria Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios CLC7 – Fundamentos de cultura, língua e comunicação Logo de retorno às aulas, seguidas de férias que serviram para relaxar a cabeça, mas nem tanto pois tinha muita coisa para organizar e estudar, começamos pelo DR1 que falava sobre autobiografias e biografias. Quando nos foi pedido que escolhêssemos uma personalidade que tivéssemos como referência, eu nem hesitei e escolhi a Audrey Hepburn. Atriz, um ícone da sua década, personalidade que até hoje muitos tentam seguir as suas pegadas. Depois de muitas pesquisas, nenhuma polémica, vida dupla ou nada que insinuasse que fora das telas era uma pessoa diferente da que passava para o público. Figura pública que sempre admirei e até mesmo me espelhei muitas vezes, por ser uma pessoa tão íntegra, nunca envolvida em escândalos e sempre muito preocupada com o bem do próximo. Portanto foi um trabalho que tive imenso prazer em desenvolver. Até tinha algumas fotografias dela no meu computador que uso como protetor de tela e serviram para o trabalho. A autobiografia, visto que é um trabalho bem pessoal, demorei um pouco mais para fazer. Mas quando por fim comecei, também fiz com muito gosto pois tive a oportunidade de relembrar coisas do passado que há muito não lembrava e dei muitas risadas com a minha mãe ao fazer algumas perguntas. Relembrar da minha vida com ela foi muito interessante, depois de tudo o que passamos nos últimos anos e as mudanças que minha família sofreu, foi bom lembrar que nem tudo foi triste e que tivemos uma família fantástica e pais que viveram por mim e pelos meus irmãos. No DR2 quando começamos a falar sobre ciência, tive pena que o trabalho não pudesse ter muitas e muitas páginas. Falar sobre o trabalho do cientista, a importância, a relevância dos seus trabalhos e suas descobertas. Pesquisas infindáveis, noites e vidas focadas em temas, que muitas vezes somente depois de muitos anos e às vezes só mesmo depois de mortos que são valorizados. O tema que escolhi, “antimatéria”, é um tema muito fascinante que foi tema de debate em minha casa com o meu marido e meus filhos. Estávamos a falar sobre isso e as crianças quiseram saber o que era, como meu filho de 6 anos diz que quer ser físico quântico, achou divertidíssimo o assunto!!! E depois demos Marianna Capuano
  • 2. Centro de Formação Profissional da indústria Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios como exemplo o filme baseado no livro do Dan Brown, “Anjos e Demónios”. O filme gira em torno de uma cápsula refrigerada que no fim explode na praça do Vaticano. E como disse antes, o cientista que começou com este tema e as primeiras pesquisas, fê-lo em 1928. Até hoje um tema que é muito discutido, pois com uma só partícula de antimatéria daria para fazer o propulsor de um foguete ir e voltar da Lua. Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince. Marianna Capuano