SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola Secundaria de Sampaio

                              Curso: EFA/TAE 1ºAno

                          Área de Formação Tecnológica
           UFCD – 3244 – Acompanhamento de crianças – técnicas de animação

                                      Reflexão
 Este módulo teve início no dia 21 de Setembro de 2010 com a formadora Graça
Pólvora.
 A apresentação foi muito engraçada, fizemos um desenho que eram as caras
divertidas, consistia em desenhar numa folha branca a cara das pessoas que se
encontravam dentro da sala, essa folha ia rodando por todas as colegas até que
ficávamos com uma cara divertida.
 A seguir falamos sobre as actividades a desenvolver na UFCD-3244, os objectivos do
animador, o seu papel, os diferentes tipos de animação, o seu perfil, a animação
individual, a animação em grupo e o papel da técnica de acção educativa .De seguida
fizemos uma ficha para saber quais as qualidades do animador, as suas competências
para o desenvolvimento das crianças e como lidar com as situações.
 Depois a formadora organizou grupos para trabalharmos sobre a importância do
brinquedo no desenvolvimento das criança, onde coube ao meu grupo fazer um
trabalho de brincadeiras e jogos tradicionais a realizar com crianças na creche e pré-
escolar. Pesquisámos algumas ideias na internet. As outras colegas trabalharam na
importância da animação artística. Fizemos alguns jogos dentro da sala de aula com a
formadora, como o “jogo da vizinha”, muito gratificantes para a minha área
profissional.
 A seguir chegou o dia “Das Bruxas” em que cada uma tinha que fazer um trabalho
feito da forma que quisesse, referente a esse dia. O meu trabalho foi feito com
cartolina, onde utilizei conchas para simbolizar os fantasmas, e fiz um castelo com
cartolina cinzenta. O fundo era rugoso para dar um ar aterrorizador e para finalizar o
trabalho fizemos a planificação, que consiste em dizer como o trabalho é feito, os
materiais que utilizamos, o local onde é trabalhado, o objectivo, e o procedimento.
A formadora também nos deu algumas propostas para contarmos às outras colegas
histórias dentro da sala de aula, como se fossem as nossas crianças dentro da creche
ou infantário, depois tivemos que fazer novamente a planificação.
 Para concluir o módulo a formadora deu-nos uma ficha sobre a importância da
cultura, a relação do animador, a animação através do brinquedo, os brinquedos
adequados às várias idades e as normas de segurança.
 Para finalizar fizemos uma ficha surpresa para ver se nos lembrávamos da matéria
que tinha sido dada, em que a formadora deu vários temas, onde escolhemos um, e
falámos sobre ele.
 Conclui que este módulo foi muito gratificante, no aspecto de aprender coisas novas
e que desconhecia.
                                                                           14/02/2011



 PS: Olá Ana. Ao fazer uma reflexão sobre algo tem como objectivo ser capaz de
transmitir, por escrito, as aprendizagens que fez, se teve dificuldade ou entusiasmo no
decorrer dessas mesmas aprendizagens ou tarefas. De facto, a Ana diz isto tudo, mas
vai explicando mais a tarefa e menos a intenção com que foi feita. Por exemplo, as
fichas que a formadora mandou fazer, não teriam como objectivo verificar se as
aprendizagens tinham sido conseguidas? Nesse caso não as refere. Refere sim que fez
determinada dinâmica e/ou actividade e qual o seu objectivo. Isto claro é apenas um
exemplo.
 Tente evitar, nas próximas reflexões, fazer um documento onde descreve as
actividades e o desenrolar do módulo e centre-se nas suas aprendizagens reflectindo
sobre elas.
 Pode considerar a sua reflexão terminada.
 Continuação de bom trabalho.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ana rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadora
Ana rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadoraAna rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadora
Ana rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadora
rasteiro
 
Reflexão - CLC7
Reflexão - CLC7 Reflexão - CLC7
Reflexão - CLC7
Sizes & Patterns
 
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandesClc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
SILVIA G. FERNANDES
 
Portfólio ricardo
Portfólio ricardoPortfólio ricardo
Portfólio ricardo
jricardoduartedoliveira
 
Ufcd-9634-Jovens.doc
Ufcd-9634-Jovens.docUfcd-9634-Jovens.doc
Ufcd-9634-Jovens.doc
SusanaCosta377145
 
Apoio à infância
Apoio à infânciaApoio à infância
Apoio à infância
MarianaAlves870526
 
Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7 Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7
Sizes & Patterns
 
Reflexão - CLCLEI
Reflexão - CLCLEIReflexão - CLCLEI
Reflexão - CLCLEI
Sizes & Patterns
 
Reflexão 3 3274 primeiros socorros novamente corrigida
Reflexão 3  3274 primeiros socorros novamente corrigidaReflexão 3  3274 primeiros socorros novamente corrigida
Reflexão 3 3274 primeiros socorros novamente corrigida
rasteiro
 
Reflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurançaReflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurança
Sizes & Patterns
 
ReflexãO Individual Ana Santos
ReflexãO Individual   Ana SantosReflexãO Individual   Ana Santos
ReflexãO Individual Ana Santos
AnaSAnaO
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
Sizes & Patterns
 
Reflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no cursoReflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no curso
juliaoliveira1965
 
Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
Sizes & Patterns
 
Reflexão final do módulo trabalho de recuperação
Reflexão final do módulo   trabalho de recuperaçãoReflexão final do módulo   trabalho de recuperação
Reflexão final do módulo trabalho de recuperação
apolonianunes
 
Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6
Sizes & Patterns
 
Reflexão Final
Reflexão FinalReflexão Final
Reflexão Final
Sílvia Baltazar
 
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
Sizes & Patterns
 
CP 4
CP 4CP 4
Portefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagemPortefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagem
Elisa Dias
 

Mais procurados (20)

Ana rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadora
Ana rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadoraAna rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadora
Ana rasteiro reflexão 3281 ana rasteiro corrigida pela mediadora
 
Reflexão - CLC7
Reflexão - CLC7 Reflexão - CLC7
Reflexão - CLC7
 
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandesClc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
 
Portfólio ricardo
Portfólio ricardoPortfólio ricardo
Portfólio ricardo
 
Ufcd-9634-Jovens.doc
Ufcd-9634-Jovens.docUfcd-9634-Jovens.doc
Ufcd-9634-Jovens.doc
 
Apoio à infância
Apoio à infânciaApoio à infância
Apoio à infância
 
Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7 Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7
 
Reflexão - CLCLEI
Reflexão - CLCLEIReflexão - CLCLEI
Reflexão - CLCLEI
 
Reflexão 3 3274 primeiros socorros novamente corrigida
Reflexão 3  3274 primeiros socorros novamente corrigidaReflexão 3  3274 primeiros socorros novamente corrigida
Reflexão 3 3274 primeiros socorros novamente corrigida
 
Reflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurançaReflexão - Ambiente e segurança
Reflexão - Ambiente e segurança
 
ReflexãO Individual Ana Santos
ReflexãO Individual   Ana SantosReflexãO Individual   Ana Santos
ReflexãO Individual Ana Santos
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
 
Reflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no cursoReflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no curso
 
Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
 
Reflexão final do módulo trabalho de recuperação
Reflexão final do módulo   trabalho de recuperaçãoReflexão final do módulo   trabalho de recuperação
Reflexão final do módulo trabalho de recuperação
 
Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6Reflexão - STC-6
Reflexão - STC-6
 
Reflexão Final
Reflexão FinalReflexão Final
Reflexão Final
 
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
 
CP 4
CP 4CP 4
CP 4
 
Portefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagemPortefolio reflexivo de_aprendizagem
Portefolio reflexivo de_aprendizagem
 

Semelhante a Ana rasteiro ft ufcd 3244_reflexão

Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...
Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...
Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...
Prefeitura Municipal de Sangão
 
Dinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicas
Dinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicasDinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicas
Dinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicas
Vinicius O Resiliente
 
Portfólio 10 - As botas de muitas léguas
Portfólio 10 - As botas de muitas léguasPortfólio 10 - As botas de muitas léguas
Portfólio 10 - As botas de muitas léguas
Maria Silvia Leite Zampieri
 
Projeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedade
Projeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedadeProjeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedade
Projeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedade
Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre
 
HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2
HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2 HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2
HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2
Marcia Facelli
 
Apresentação pnaic tangram e formas
Apresentação pnaic tangram e formas Apresentação pnaic tangram e formas
Apresentação pnaic tangram e formas
ntebrusque
 
Funcionamento Fund. I
Funcionamento Fund. IFuncionamento Fund. I
Funcionamento Fund. I
ieruibarbosa
 
Funcionamento Fund. I
Funcionamento Fund. IFuncionamento Fund. I
Funcionamento Fund. I
ieruibarbosa
 
ReflexãO CríTica Didatica Evt
ReflexãO CríTica Didatica EvtReflexãO CríTica Didatica Evt
ReflexãO CríTica Didatica Evt
Alfredo Lopes
 
Dinâmicas projeto auto estima
Dinâmicas projeto auto estimaDinâmicas projeto auto estima
Dinâmicas projeto auto estima
rosangelars
 
Brincadeiras
BrincadeirasBrincadeiras
Brincadeiras
educadores
 
Brincadeiras
BrincadeirasBrincadeiras
Brincadeiras
silsiane
 
Roteiro de reflexão - jogos
Roteiro de reflexão - jogosRoteiro de reflexão - jogos
Roteiro de reflexão - jogos
franciscaf
 
Dinamica 3
Dinamica 3Dinamica 3
Dinamica 3
Maria Carla
 
Brincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de AulaBrincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de Aula
Instituto SOS Professor
 
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certaPacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
Cida Nenê Leite
 
Slide do módulo – 3
Slide do módulo – 3 Slide do módulo – 3
Slide do módulo – 3
nilse_valentina
 
Dinamicas trabalho em equipe
Dinamicas trabalho em equipeDinamicas trabalho em equipe
Dinamicas trabalho em equipe
Giorgianna Correa Michaelsson
 
Diário de bordo
Diário de bordoDiário de bordo
Diário de bordo
Andressa Kaminski
 
Dinâmicas para professores
Dinâmicas para professoresDinâmicas para professores
Dinâmicas para professores
Elaine Mexko Sanches Silva
 

Semelhante a Ana rasteiro ft ufcd 3244_reflexão (20)

Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...
Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...
Dinamicas para-o-inicio-das-aulas-atividades-ludicas-esoterikha.com-redemotiv...
 
Dinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicas
Dinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicasDinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicas
Dinamicas para oi nicio das aulas atividades ludicas
 
Portfólio 10 - As botas de muitas léguas
Portfólio 10 - As botas de muitas léguasPortfólio 10 - As botas de muitas léguas
Portfólio 10 - As botas de muitas léguas
 
Projeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedade
Projeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedadeProjeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedade
Projeto quem sou_eu_esquema_corporal_sociedade
 
HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2
HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2 HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2
HISTÓRIA EM QUADRINHOS 2
 
Apresentação pnaic tangram e formas
Apresentação pnaic tangram e formas Apresentação pnaic tangram e formas
Apresentação pnaic tangram e formas
 
Funcionamento Fund. I
Funcionamento Fund. IFuncionamento Fund. I
Funcionamento Fund. I
 
Funcionamento Fund. I
Funcionamento Fund. IFuncionamento Fund. I
Funcionamento Fund. I
 
ReflexãO CríTica Didatica Evt
ReflexãO CríTica Didatica EvtReflexãO CríTica Didatica Evt
ReflexãO CríTica Didatica Evt
 
Dinâmicas projeto auto estima
Dinâmicas projeto auto estimaDinâmicas projeto auto estima
Dinâmicas projeto auto estima
 
Brincadeiras
BrincadeirasBrincadeiras
Brincadeiras
 
Brincadeiras
BrincadeirasBrincadeiras
Brincadeiras
 
Roteiro de reflexão - jogos
Roteiro de reflexão - jogosRoteiro de reflexão - jogos
Roteiro de reflexão - jogos
 
Dinamica 3
Dinamica 3Dinamica 3
Dinamica 3
 
Brincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de AulaBrincadeiras para Sala de Aula
Brincadeiras para Sala de Aula
 
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certaPacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
 
Slide do módulo – 3
Slide do módulo – 3 Slide do módulo – 3
Slide do módulo – 3
 
Dinamicas trabalho em equipe
Dinamicas trabalho em equipeDinamicas trabalho em equipe
Dinamicas trabalho em equipe
 
Diário de bordo
Diário de bordoDiário de bordo
Diário de bordo
 
Dinâmicas para professores
Dinâmicas para professoresDinâmicas para professores
Dinâmicas para professores
 

Ana rasteiro ft ufcd 3244_reflexão

  • 1. Escola Secundaria de Sampaio Curso: EFA/TAE 1ºAno Área de Formação Tecnológica UFCD – 3244 – Acompanhamento de crianças – técnicas de animação Reflexão Este módulo teve início no dia 21 de Setembro de 2010 com a formadora Graça Pólvora. A apresentação foi muito engraçada, fizemos um desenho que eram as caras divertidas, consistia em desenhar numa folha branca a cara das pessoas que se encontravam dentro da sala, essa folha ia rodando por todas as colegas até que ficávamos com uma cara divertida. A seguir falamos sobre as actividades a desenvolver na UFCD-3244, os objectivos do animador, o seu papel, os diferentes tipos de animação, o seu perfil, a animação individual, a animação em grupo e o papel da técnica de acção educativa .De seguida fizemos uma ficha para saber quais as qualidades do animador, as suas competências para o desenvolvimento das crianças e como lidar com as situações. Depois a formadora organizou grupos para trabalharmos sobre a importância do brinquedo no desenvolvimento das criança, onde coube ao meu grupo fazer um trabalho de brincadeiras e jogos tradicionais a realizar com crianças na creche e pré- escolar. Pesquisámos algumas ideias na internet. As outras colegas trabalharam na importância da animação artística. Fizemos alguns jogos dentro da sala de aula com a formadora, como o “jogo da vizinha”, muito gratificantes para a minha área profissional. A seguir chegou o dia “Das Bruxas” em que cada uma tinha que fazer um trabalho feito da forma que quisesse, referente a esse dia. O meu trabalho foi feito com cartolina, onde utilizei conchas para simbolizar os fantasmas, e fiz um castelo com cartolina cinzenta. O fundo era rugoso para dar um ar aterrorizador e para finalizar o trabalho fizemos a planificação, que consiste em dizer como o trabalho é feito, os materiais que utilizamos, o local onde é trabalhado, o objectivo, e o procedimento.
  • 2. A formadora também nos deu algumas propostas para contarmos às outras colegas histórias dentro da sala de aula, como se fossem as nossas crianças dentro da creche ou infantário, depois tivemos que fazer novamente a planificação. Para concluir o módulo a formadora deu-nos uma ficha sobre a importância da cultura, a relação do animador, a animação através do brinquedo, os brinquedos adequados às várias idades e as normas de segurança. Para finalizar fizemos uma ficha surpresa para ver se nos lembrávamos da matéria que tinha sido dada, em que a formadora deu vários temas, onde escolhemos um, e falámos sobre ele. Conclui que este módulo foi muito gratificante, no aspecto de aprender coisas novas e que desconhecia. 14/02/2011 PS: Olá Ana. Ao fazer uma reflexão sobre algo tem como objectivo ser capaz de transmitir, por escrito, as aprendizagens que fez, se teve dificuldade ou entusiasmo no decorrer dessas mesmas aprendizagens ou tarefas. De facto, a Ana diz isto tudo, mas vai explicando mais a tarefa e menos a intenção com que foi feita. Por exemplo, as fichas que a formadora mandou fazer, não teriam como objectivo verificar se as aprendizagens tinham sido conseguidas? Nesse caso não as refere. Refere sim que fez determinada dinâmica e/ou actividade e qual o seu objectivo. Isto claro é apenas um exemplo. Tente evitar, nas próximas reflexões, fazer um documento onde descreve as actividades e o desenrolar do módulo e centre-se nas suas aprendizagens reflectindo sobre elas. Pode considerar a sua reflexão terminada. Continuação de bom trabalho.