SlideShare uma empresa Scribd logo
[STC_6]     25 de Fevereiro de 2010




Em STC_6, Modelos de Urbanismo e Mobilidade, deparei-me com temas que oiço nos
noticiários e nos programas govermentais.
Compreendi as noções dos processos de mudança na geografia das populações. Assim
sendo, os conceitos de :densidade populacional; as assimetrias populacionais em
Portugal e as areas urbanas, foram definidas, reconhecicidas e claramente identificadas.
Em cada um destes conceitos, todos os estudos foram apreendidos com o rigor, que um
assunto novo deve ser tratado. A densidade populacional resulta da relação entre o
número de habitantes e a superficie do territorio; a Area Urbana é a area de um municipio
caracterizada pela edificação contínua e dominante; os equipamentos sociais são
destinados ás funções urbanas, tais como: habitação, trabalho, circulação); as zonas de
expansao urbana sao zonas urbanas com menor densidade populacional (zonas de
comercio, industria); o planeamento urbano é um processo de organização e
requalificação do espaço urbano, com várias areas de especialidade (uso dos solos,
desenho urbano, desenvolvimento urbano, patrimonio natural); o PDM é um plano de
organização de ornamento que se divide em 4 partes – Espaço Urbano, Componentes
Ambiental Urbanos, Gestão Urbanística e Inventário Municipal do Património – estes
temas constituíram o meu interesse uma vez que são conceitos que ouvimos diariamente.
Em relação à segunda parte do módulo, os temas foram aliciantes, na medida em que
focalizei a minha atenção: desenvolvi através do estudo e do teste a minha capacidade de
entender como os temas estão inter ligados e constituem o desenvolvimento de outros
assuntos. Os processos de mudança na geografia das populações influencia o tema dos
principio associados à integração e bem-estar, assim como identifica e colabora com os
modelos de desenvolvimento ecológicos, manifestando-se com os estudos sobre os
factores de risco e protecção de cada sistema e que permite o assunto sobre as
transferências cognitivas, mobilidade individual entre diferentes comunidades.
O módulo STC_6 permitiu-me conhecer os temas pelos nomes originando e
desenvolvendo a minha cultura pessoal e enriquecendo-me ao nível do meu
conhecimento interior e exterior.

Sílvia Gomes Fernandes – TOE2-DL/FM-2009
[STC_6]   25 de Fevereiro de 2010




Sílvia Gomes Fernandes – TOE2-DL/FM-2009

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

STC 6
STC 6STC 6
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
Sizes & Patterns
 
Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7 Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7
Sizes & Patterns
 
CLC 5
CLC 5CLC 5
CP 4
CP 4CP 4
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_epptClc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
SILVIA G. FERNANDES
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
Sizes & Patterns
 
Processos Identitários
Processos IdentitáriosProcessos Identitários
Processos Identitários
arturferreira007
 
CLC 6
CLC 6CLC 6
STC 5
STC 5STC 5
Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
Sizes & Patterns
 
Resumo STC
Resumo STCResumo STC
Resumo STC
Luis Pedro
 
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
I.Braz Slideshares
 
Reflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no cursoReflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no curso
juliaoliveira1965
 
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
SILVIA G. FERNANDES
 
Reflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFEReflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFE
mega
 
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisS.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
I.Braz Slideshares
 
Trabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elvira
Trabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elviraTrabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elvira
Trabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elvira
Carmo Santos
 
Clc ng3 dr1
Clc ng3   dr1Clc ng3   dr1
Clc ng3 dr1
Helena Maria
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
joaokota
 

Mais procurados (20)

STC 6
STC 6STC 6
STC 6
 
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
 
Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7 Reflexão - STC-7
Reflexão - STC-7
 
CLC 5
CLC 5CLC 5
CLC 5
 
CP 4
CP 4CP 4
CP 4
 
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_epptClc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
 
Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5Reflexão - STC-5
Reflexão - STC-5
 
Processos Identitários
Processos IdentitáriosProcessos Identitários
Processos Identitários
 
CLC 6
CLC 6CLC 6
CLC 6
 
STC 5
STC 5STC 5
STC 5
 
Reflexão - CP5
Reflexão - CP5Reflexão - CP5
Reflexão - CP5
 
Resumo STC
Resumo STCResumo STC
Resumo STC
 
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
S.T.C. 7 - Processos e métodos científicos – doc. 2
 
Reflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no cursoReflexão do percurso no curso
Reflexão do percurso no curso
 
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
Cp 5 ética_deontologia_reflexão_sílvia_f[1]
 
Reflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFEReflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFE
 
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguaisS.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
S.T.C. 7 - Todos diferentes/Todos iguais
 
Trabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elvira
Trabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elviraTrabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elvira
Trabalho sobre ruralidade e urbanidade carmo e elvira
 
Clc ng3 dr1
Clc ng3   dr1Clc ng3   dr1
Clc ng3 dr1
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
 

Semelhante a Stc 6 reflexão_silvia_fernandes

Debora de almeida
Debora de almeidaDebora de almeida
Debora de almeida
Carlos Elson Cunha
 
2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf
2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf
2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf
Elisa Dias
 
Elisa felca
Elisa felcaElisa felca
Elisa felca
Carlos Elson Cunha
 
Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...
Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...
Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...
Cleide Magáli dos Santos
 
Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...
Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...
Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...
Mestrado em Planeamento Regional e Urbano (UA)
 
Alvetti hummell-imaginarios-urbanos
Alvetti hummell-imaginarios-urbanosAlvetti hummell-imaginarios-urbanos
Alvetti hummell-imaginarios-urbanos
Safra Brasileira
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
Soraia Direitinho
 
Planificação de Área de Integração
Planificação de Área de Integração Planificação de Área de Integração
Planificação de Área de Integração
dianasofia123
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
cheila98
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
Catarina975
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
tininhasousa
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
Daniel_Castelo09
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
soraiaaleixo
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
Sofia Lopes
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
jessica2998
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
sandrabacky
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
GisleneCardoso98
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
MarianaCoelhoCosta
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
leandroscp
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
tatianaquintas17
 

Semelhante a Stc 6 reflexão_silvia_fernandes (20)

Debora de almeida
Debora de almeidaDebora de almeida
Debora de almeida
 
2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf
2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf
2001-A actualidade do DC como estratégia de intervenção social-ISPA.pdf
 
Elisa felca
Elisa felcaElisa felca
Elisa felca
 
Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...
Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...
Aula 3-Definindo intervenção (CEEPIS -Curso elaboração de projeto e intervenç...
 
Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...
Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...
Abstract book «Participation in planning and public policy» 23/24 Feb 2017 Un...
 
Alvetti hummell-imaginarios-urbanos
Alvetti hummell-imaginarios-urbanosAlvetti hummell-imaginarios-urbanos
Alvetti hummell-imaginarios-urbanos
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação de Área de Integração
Planificação de Área de Integração Planificação de Área de Integração
Planificação de Área de Integração
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 
Planificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º anoPlanificação ai 15.16 10º ano
Planificação ai 15.16 10º ano
 

Mais de SILVIA G. FERNANDES

Auto biografia
Auto biografiaAuto biografia
Auto biografia
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 11 pp_trabalho practico_12_março
Uc 11 pp_trabalho practico_12_marçoUc 11 pp_trabalho practico_12_março
Uc 11 pp_trabalho practico_12_março
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 31 projecto-cliente_uc_31
Uc 31 projecto-cliente_uc_31Uc 31 projecto-cliente_uc_31
Uc 31 projecto-cliente_uc_31
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6
Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6
Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 6 mecenato
Uc 6 mecenatoUc 6 mecenato
Uc 6 mecenato
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimário
Uc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimárioUc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimário
Uc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimário
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 4 work_planeamento_24_6[1]
Uc 4 work_planeamento_24_6[1]Uc 4 work_planeamento_24_6[1]
Uc 4 work_planeamento_24_6[1]
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 4 os wodaabe_finale
Uc 4 os wodaabe_finaleUc 4 os wodaabe_finale
Uc 4 os wodaabe_finale
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 1 esquema_planeamento_fundamental
Uc 1 esquema_planeamento_fundamentalUc 1 esquema_planeamento_fundamental
Uc 1 esquema_planeamento_fundamental
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 4 a tribo wodaabe[finale]
Uc 4 a tribo wodaabe[finale]Uc 4 a tribo wodaabe[finale]
Uc 4 a tribo wodaabe[finale]
SILVIA G. FERNANDES
 
Uc 1 planeamento_fundamental_2_silviaf
Uc 1 planeamento_fundamental_2_silviafUc 1 planeamento_fundamental_2_silviaf
Uc 1 planeamento_fundamental_2_silviaf
SILVIA G. FERNANDES
 
Stc 6 são joão das lampas
Stc 6 são joão das lampasStc 6 são joão das lampas
Stc 6 são joão das lampas
SILVIA G. FERNANDES
 
Stc 5 pp_final
Stc 5 pp_finalStc 5 pp_final
Stc 5 pp_final
SILVIA G. FERNANDES
 
Stc 5 benchmarking
Stc 5 benchmarkingStc 5 benchmarking
Stc 5 benchmarking
SILVIA G. FERNANDES
 
Cp 5 deontologia_26_5
Cp 5 deontologia_26_5Cp 5 deontologia_26_5
Cp 5 deontologia_26_5
SILVIA G. FERNANDES
 
Cp 4 dr_2_funções dos códigos de conduta
Cp 4 dr_2_funções dos códigos de condutaCp 4 dr_2_funções dos códigos de conduta
Cp 4 dr_2_funções dos códigos de conduta
SILVIA G. FERNANDES
 
Clc 6 10_12
Clc 6 10_12Clc 6 10_12
Clc 6 10_12
SILVIA G. FERNANDES
 
Clc 5 tipos de texto
Clc 5 tipos de textoClc 5 tipos de texto
Clc 5 tipos de texto
SILVIA G. FERNANDES
 
Clc 5 tecnologias de informação e comunicação
Clc 5 tecnologias de informação e comunicaçãoClc 5 tecnologias de informação e comunicação
Clc 5 tecnologias de informação e comunicação
SILVIA G. FERNANDES
 

Mais de SILVIA G. FERNANDES (20)

Auto biografia
Auto biografiaAuto biografia
Auto biografia
 
Uc 11 pp_trabalho practico_12_março
Uc 11 pp_trabalho practico_12_marçoUc 11 pp_trabalho practico_12_março
Uc 11 pp_trabalho practico_12_março
 
Uc 31 projecto-cliente_uc_31
Uc 31 projecto-cliente_uc_31Uc 31 projecto-cliente_uc_31
Uc 31 projecto-cliente_uc_31
 
Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6
Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6
Uc 5 planeamento_geral_seminário_30_6
 
Uc 6 mecenato
Uc 6 mecenatoUc 6 mecenato
Uc 6 mecenato
 
Uc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimário
Uc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimárioUc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimário
Uc 5 cronograma geral da agenda de eventos 2009_semimário
 
Uc 4 work_planeamento_24_6[1]
Uc 4 work_planeamento_24_6[1]Uc 4 work_planeamento_24_6[1]
Uc 4 work_planeamento_24_6[1]
 
Uc 4 wodaabe photos
Uc 4 wodaabe photosUc 4 wodaabe photos
Uc 4 wodaabe photos
 
Uc 4 os wodaabe_finale
Uc 4 os wodaabe_finaleUc 4 os wodaabe_finale
Uc 4 os wodaabe_finale
 
Uc 1 esquema_planeamento_fundamental
Uc 1 esquema_planeamento_fundamentalUc 1 esquema_planeamento_fundamental
Uc 1 esquema_planeamento_fundamental
 
Uc 4 a tribo wodaabe[finale]
Uc 4 a tribo wodaabe[finale]Uc 4 a tribo wodaabe[finale]
Uc 4 a tribo wodaabe[finale]
 
Uc 1 planeamento_fundamental_2_silviaf
Uc 1 planeamento_fundamental_2_silviafUc 1 planeamento_fundamental_2_silviaf
Uc 1 planeamento_fundamental_2_silviaf
 
Stc 6 são joão das lampas
Stc 6 são joão das lampasStc 6 são joão das lampas
Stc 6 são joão das lampas
 
Stc 5 pp_final
Stc 5 pp_finalStc 5 pp_final
Stc 5 pp_final
 
Stc 5 benchmarking
Stc 5 benchmarkingStc 5 benchmarking
Stc 5 benchmarking
 
Cp 5 deontologia_26_5
Cp 5 deontologia_26_5Cp 5 deontologia_26_5
Cp 5 deontologia_26_5
 
Cp 4 dr_2_funções dos códigos de conduta
Cp 4 dr_2_funções dos códigos de condutaCp 4 dr_2_funções dos códigos de conduta
Cp 4 dr_2_funções dos códigos de conduta
 
Clc 6 10_12
Clc 6 10_12Clc 6 10_12
Clc 6 10_12
 
Clc 5 tipos de texto
Clc 5 tipos de textoClc 5 tipos de texto
Clc 5 tipos de texto
 
Clc 5 tecnologias de informação e comunicação
Clc 5 tecnologias de informação e comunicaçãoClc 5 tecnologias de informação e comunicação
Clc 5 tecnologias de informação e comunicação
 

Último

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 

Último (20)

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 

Stc 6 reflexão_silvia_fernandes

  • 1. [STC_6] 25 de Fevereiro de 2010 Em STC_6, Modelos de Urbanismo e Mobilidade, deparei-me com temas que oiço nos noticiários e nos programas govermentais. Compreendi as noções dos processos de mudança na geografia das populações. Assim sendo, os conceitos de :densidade populacional; as assimetrias populacionais em Portugal e as areas urbanas, foram definidas, reconhecicidas e claramente identificadas. Em cada um destes conceitos, todos os estudos foram apreendidos com o rigor, que um assunto novo deve ser tratado. A densidade populacional resulta da relação entre o número de habitantes e a superficie do territorio; a Area Urbana é a area de um municipio caracterizada pela edificação contínua e dominante; os equipamentos sociais são destinados ás funções urbanas, tais como: habitação, trabalho, circulação); as zonas de expansao urbana sao zonas urbanas com menor densidade populacional (zonas de comercio, industria); o planeamento urbano é um processo de organização e requalificação do espaço urbano, com várias areas de especialidade (uso dos solos, desenho urbano, desenvolvimento urbano, patrimonio natural); o PDM é um plano de organização de ornamento que se divide em 4 partes – Espaço Urbano, Componentes Ambiental Urbanos, Gestão Urbanística e Inventário Municipal do Património – estes temas constituíram o meu interesse uma vez que são conceitos que ouvimos diariamente. Em relação à segunda parte do módulo, os temas foram aliciantes, na medida em que focalizei a minha atenção: desenvolvi através do estudo e do teste a minha capacidade de entender como os temas estão inter ligados e constituem o desenvolvimento de outros assuntos. Os processos de mudança na geografia das populações influencia o tema dos principio associados à integração e bem-estar, assim como identifica e colabora com os modelos de desenvolvimento ecológicos, manifestando-se com os estudos sobre os factores de risco e protecção de cada sistema e que permite o assunto sobre as transferências cognitivas, mobilidade individual entre diferentes comunidades. O módulo STC_6 permitiu-me conhecer os temas pelos nomes originando e desenvolvendo a minha cultura pessoal e enriquecendo-me ao nível do meu conhecimento interior e exterior. Sílvia Gomes Fernandes – TOE2-DL/FM-2009
  • 2. [STC_6] 25 de Fevereiro de 2010 Sílvia Gomes Fernandes – TOE2-DL/FM-2009