SlideShare uma empresa Scribd logo
Imperialismo
 O Imperialismo, também chamado de
Neocolonialismo, foi um movimento de expansão
territorial, cultural e econômica de nações europeias
sobre outras, a partir do século XIX.
 A exploração das potências imperialistas está
relacionada com a Revolução Industrial. Isto porque o
crescimento do número de indústrias estimulou a busca
de matérias-primas, que estavam em falta na Europa.
 Além disso, fazia-se necessário a busca de novos
mercados consumidores, para escoar a produção das
fábricas, e dos capitais disponíveis. A mão-de-obra
também era mais barata do aquela encontrada na
Europa.
 Estes fatores, associados a outros, estimulou a corrida
com vista a dividir territórios, principalmente na África e
Ásia, que pudessem suprir estas necessidades
europeias.
 Os principais potências imperialistas foram: Inglaterra,
França, Bélgica, Alemanha, Itália, Rússia e Japão. A
participação destas potências ocorreu em graus e
Neocolonialismo X Colonialismo
 O Neocolonialismo foi uma nova forma de colonizar territórios,
diferente da expansão territorial que ocorreu durante o chamado
Colonialismo.
 Enquanto o Colonialismo ocorreu a partir do século XV – no
contexto do Mercantilismo –, o Neocolonialismo ocorreu a partir do
século XIX – no contexto da Revolução Industrial.
 O Colonialismo ocorreu sob patrocínio da burguesia comercial, que
buscava ouro e prata, principalmente na América.
 O Neocolonialismo, por sua vez, ocorreu sob patrocínio da
burguesia industrial, que buscava matérias-primas e mercados
consumidores, na África e na Ásia.
 Durante a corrida colonialista, justificava-se a dominação pela
expansão da fé cristã. Na corrida neocolonialista, o argumento
utilizado foi a chamada missão civilizadora.
Missão Civilizadora
 A forte industrialização, as conquistas econômicas e a organização
político-social na Europa, no decorrer do século XIX, levou os
europeus à crença de que haviam atingido o topo da civilização.
 Esta ideia está ligada a uma visão eurocêntrica de mundo, que
coloca a cultura europeia como superior às outras culturas ao redor
do planeta, “Os brancos civilizados estão levando o progresso para
os povos primitivos”.
 Alguns países imperialistas diziam que a conquista e exploração de
territórios na África e Ásia faziam parte de uma missão civilizadora,
ou seja, o “fardo do homem branco” era levar àquelas regiões a
cultura e progresso europeus.
 De certa forma, a missão civilizadora está vinculada à teoria do
Darwinismo Social, baseada nas ideias de Charles Darwin sobre a
evolução. Aplicada à sociedade, esta teoria dizia “Na luta pela
sobrevivência, as nações mais fortes sobrevivem e as mais fracas
devem sucumbir”
 Vale ressaltar que, no geral, o objetivo dos países imperialistas não
era civilizar, mas obter vantagens econômicas com a exploração dos
Imperialismo
Doutrina Monroe
 Diante dos interesses econômicos dos países imperialistas
europeus, os Estados Unidos temiam que houvesse uma
tentativa de recolonizar a América.
 Para evitar que isto ocorresse, foi criada a Doutrina Monroe pelo então
presidente James Monroe, em 1823. O slogan desta campanha era:
“América para os Americanos”.
 Assim, de acordo com esta doutrina, a Europa não deveria criar colônias no
continente americano. Por outro lado, os Estados Unidos não tentariam criar
colônias na África e Ásia.
 A Doutrina Monroe acabou, futuramente, influenciando na criação da política
do Big Stick, segundo a qual os Estados Unidos poderiam intervir nos
países americanos quando achassem necessário.
 Aparentemente, os Estados Unidos estavam fazendo frente à Europa para
defender nosso continente. No entanto, o que estava sendo defendido eram
os interesses norte-americanos.
Partilha da África
• A Partilha da África foi a divisão do continente africano entre os países
imperialistas. Esta divisão teve início na segunda metade do século XIX.
• Porém, foi na Conferência de Berlim, em 1884, que a delimitação das
fronteiras da África atingiu seu ponto máximo. Nela, foram decididas
normas a serem obedecidas pelos países imperialistas.
• A conferência não conseguiu conter as ambições
de alguns países. A disputa por territórios na
África foi um dos motivos da Primeira Guerra
Mundial, em 1914.
 Importante lembrar que a divisão do continente africano não
levou em consideração as diferenças culturais entre as tribos,
estimulando conflitos étnicos, políticos e religiosos que existem
até hoje.
 Tanto na África quanto na Ásia, a constante presença dos
europeus desencadeou diversas revoltas contra o imperialismo,
como a Guerra dos Bôeres, a Revolta dos Cipaios e a Guerra
do Ópio.
Ásia
 Oriente Médio disputado pela Inglaterra,
França e Rússia
◦ Enfraquecimento do Império Otomano
◦ Petróleo e passagem para o extremo
Oriente
 Índia controlada pela Inglaterra
◦ Apoio das elites locais
 Guerra do Ópio na China
 Tratado de Nanquim (1842) – Hong
Kong
 Divisão da China em esferas de
influência
 Inglaterra, França, Alemanha, Rússia,
 China (1)
assustada face
aos avanços dos
britânicos (2),
 alemães (3),
 russos (4),
 franceses (5) e,
inclusivamente, da
nova potência do
Oriente, o Japão
(6).
Imperialismo
• http://www.significados.com.br/imperialismo/
• http://www.historiadigital.org/resumos/resumo-imperialismo/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Imperialismo: Aula 01> África
Imperialismo:  Aula 01> ÁfricaImperialismo:  Aula 01> África
Imperialismo: Aula 01> África
carlosbidu
 
Imperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da Ásia
Imperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da ÁsiaImperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da Ásia
Imperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da Ásia
Portal do Vestibulando
 
Independência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholasIndependência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholas
Fatima Freitas
 
O fim da guerra fria
O fim da guerra friaO fim da guerra fria
O fim da guerra fria
Vagner Roberto
 
Séc xix o mundo em transformação - socialismo - liberalismo
Séc xix   o mundo em transformação - socialismo - liberalismoSéc xix   o mundo em transformação - socialismo - liberalismo
Séc xix o mundo em transformação - socialismo - liberalismo
Douglas Barraqui
 
Primeiro Reinado
Primeiro ReinadoPrimeiro Reinado
Primeiro Reinado
Claudenilson da Silva
 
Imperialismo e neocolonialismo
Imperialismo e neocolonialismoImperialismo e neocolonialismo
Imperialismo e neocolonialismo
Paulo Alexandre
 
Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)
Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)
Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)
isameucci
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução Chinesa
eiprofessor
 
Escravidão no brasil
Escravidão no brasilEscravidão no brasil
Escravidão no brasil
Luís Emílio Racional
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
eiprofessor
 
Revolucao russa
Revolucao russaRevolucao russa
Revolucao russa
Paulo Alexandre
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)
Vinicius Pereira
 
Revolução chinesa
Revolução chinesaRevolução chinesa
Revolução chinesa
Fatima Freitas
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
Priscila Azeredo
 
Imperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e NeocolonialismoImperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e Neocolonialismo
isameucci
 
Neocolonialismo geral2
Neocolonialismo geral2Neocolonialismo geral2
Neocolonialismo geral2
Kéliton Ferreira
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
Alan
 
Apresentação Revolução Russa
Apresentação Revolução RussaApresentação Revolução Russa
Apresentação Revolução Russa
marcosfm32
 

Mais procurados (20)

Imperialismo: Aula 01> África
Imperialismo:  Aula 01> ÁfricaImperialismo:  Aula 01> África
Imperialismo: Aula 01> África
 
Imperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da Ásia
Imperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da ÁsiaImperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da Ásia
Imperialismo - Neocolonialismo - Partilha da África e da Ásia
 
Independência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholasIndependência das colônias espanholas
Independência das colônias espanholas
 
O fim da guerra fria
O fim da guerra friaO fim da guerra fria
O fim da guerra fria
 
Séc xix o mundo em transformação - socialismo - liberalismo
Séc xix   o mundo em transformação - socialismo - liberalismoSéc xix   o mundo em transformação - socialismo - liberalismo
Séc xix o mundo em transformação - socialismo - liberalismo
 
Primeiro Reinado
Primeiro ReinadoPrimeiro Reinado
Primeiro Reinado
 
Imperialismo e neocolonialismo
Imperialismo e neocolonialismoImperialismo e neocolonialismo
Imperialismo e neocolonialismo
 
Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)
Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)
Imperialismo e Neocolonialismo (parte1e2)
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução Chinesa
 
Escravidão no brasil
Escravidão no brasilEscravidão no brasil
Escravidão no brasil
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
 
Revolucao russa
Revolucao russaRevolucao russa
Revolucao russa
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)Primeira guerra mundial (1)
Primeira guerra mundial (1)
 
Revolução chinesa
Revolução chinesaRevolução chinesa
Revolução chinesa
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
 
Imperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e NeocolonialismoImperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e Neocolonialismo
 
Neocolonialismo geral2
Neocolonialismo geral2Neocolonialismo geral2
Neocolonialismo geral2
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
 
Apresentação Revolução Russa
Apresentação Revolução RussaApresentação Revolução Russa
Apresentação Revolução Russa
 

Destaque

Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
Profernanda
 
Bandeiras, Ouro
Bandeiras, OuroBandeiras, Ouro
Bandeiras, Ouro
Tatiana Vono
 
Olinda e recife
Olinda e recifeOlinda e recife
Olinda e recife
Valdir Fentes Firmino
 
Da república para o império roma antiga
Da república para o império   roma antigaDa república para o império   roma antiga
Da república para o império roma antiga
historiando
 
Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!
Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!
Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!
Joemille Leal
 
Koneski Bandeirantes e missionários
Koneski Bandeirantes e missionáriosKoneski Bandeirantes e missionários
Koneski Bandeirantes e missionários
Tavinho Koneski Westphal
 
Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!
Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!
Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!
Joemille Leal
 
Trabalho ..
Trabalho ..Trabalho ..
Trabalho ..
ronualdo
 
Guerra mascates
Guerra mascatesGuerra mascates
Guerra mascates
Chromus Master
 
Capitalismo e imperialismo
Capitalismo e imperialismoCapitalismo e imperialismo
Capitalismo e imperialismo
Eperanza Cimadevilla
 
Revoltas nativistas 97 2003
Revoltas nativistas 97 2003Revoltas nativistas 97 2003
Revoltas nativistas 97 2003
ProfessoraTalitaBarreto
 
Resumão de história
Resumão de históriaResumão de história
Resumão de história
Íris Ferreira
 
Colonizaçao e influencia grega no mediterraneo
Colonizaçao e influencia grega no mediterraneoColonizaçao e influencia grega no mediterraneo
Colonizaçao e influencia grega no mediterraneo
Tetyana Nascimento
 
A revolta de beckman(1685)
A revolta de beckman(1685)A revolta de beckman(1685)
A revolta de beckman(1685)
Educação
 
Expansão territorial da colônia
Expansão territorial da colôniaExpansão territorial da colônia
Expansão territorial da colônia
Elton Zanoni
 
Imperialismo do seculo XIX - Neocolonialismo
Imperialismo do seculo XIX - NeocolonialismoImperialismo do seculo XIX - Neocolonialismo
Imperialismo do seculo XIX - Neocolonialismo
Alexandre Protásio
 
Capítulo 6 a economia na américa portuguesa
Capítulo 6 a economia na américa portuguesaCapítulo 6 a economia na américa portuguesa
Capítulo 6 a economia na américa portuguesa
Vitor Ferreira
 
Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015
Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015
Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015
João Medeiros
 
Revoltas do Brasil Colônia
Revoltas do Brasil ColôniaRevoltas do Brasil Colônia
Revoltas do Brasil Colônia
Luizelene Moreira
 

Destaque (20)

Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Esquema 2 revolução industrial
Esquema 2   revolução industrialEsquema 2   revolução industrial
Esquema 2 revolução industrial
 
Bandeiras, Ouro
Bandeiras, OuroBandeiras, Ouro
Bandeiras, Ouro
 
Olinda e recife
Olinda e recifeOlinda e recife
Olinda e recife
 
Da república para o império roma antiga
Da república para o império   roma antigaDa república para o império   roma antiga
Da república para o império roma antiga
 
Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!
Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!
Revolta dos Beckman – 1684 – maranhão/Estude para o Enem!
 
Koneski Bandeirantes e missionários
Koneski Bandeirantes e missionáriosKoneski Bandeirantes e missionários
Koneski Bandeirantes e missionários
 
Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!
Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!
Guerra dos mascates – 1710 – pernambuco/Estude para o Enem!
 
Trabalho ..
Trabalho ..Trabalho ..
Trabalho ..
 
Guerra mascates
Guerra mascatesGuerra mascates
Guerra mascates
 
Capitalismo e imperialismo
Capitalismo e imperialismoCapitalismo e imperialismo
Capitalismo e imperialismo
 
Revoltas nativistas 97 2003
Revoltas nativistas 97 2003Revoltas nativistas 97 2003
Revoltas nativistas 97 2003
 
Resumão de história
Resumão de históriaResumão de história
Resumão de história
 
Colonizaçao e influencia grega no mediterraneo
Colonizaçao e influencia grega no mediterraneoColonizaçao e influencia grega no mediterraneo
Colonizaçao e influencia grega no mediterraneo
 
A revolta de beckman(1685)
A revolta de beckman(1685)A revolta de beckman(1685)
A revolta de beckman(1685)
 
Expansão territorial da colônia
Expansão territorial da colôniaExpansão territorial da colônia
Expansão territorial da colônia
 
Imperialismo do seculo XIX - Neocolonialismo
Imperialismo do seculo XIX - NeocolonialismoImperialismo do seculo XIX - Neocolonialismo
Imperialismo do seculo XIX - Neocolonialismo
 
Capítulo 6 a economia na américa portuguesa
Capítulo 6 a economia na américa portuguesaCapítulo 6 a economia na américa portuguesa
Capítulo 6 a economia na américa portuguesa
 
Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015
Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015
Brasil: Revoltas, Lutas e Conquistas - Prof. Medeiros 2015
 
Revoltas do Brasil Colônia
Revoltas do Brasil ColôniaRevoltas do Brasil Colônia
Revoltas do Brasil Colônia
 

Semelhante a Imperialismo

Neocolonialismo e a opressão cultural (2)
Neocolonialismo e a opressão cultural (2)Neocolonialismo e a opressão cultural (2)
Neocolonialismo e a opressão cultural (2)
Andre Lucas
 
Imperialismo 2023.pptx
Imperialismo 2023.pptxImperialismo 2023.pptx
Imperialismo 2023.pptx
DomingasMariaRomao
 
Aula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo defAula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo def
CarlosNazar1
 
História e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africana
História e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africanaHistória e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africana
História e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africana
Mario Filho
 
As viagens de exploração
As viagens de exploraçãoAs viagens de exploração
As viagens de exploração
Daniel Machavela
 
As viagens de exploração
As viagens de exploraçãoAs viagens de exploração
As viagens de exploração
Daniel Machavela
 
Neocolonialismo
NeocolonialismoNeocolonialismo
Neocolonialismo
Ronaldocalho
 
Imperialismo e Colonialismo
Imperialismo e ColonialismoImperialismo e Colonialismo
Imperialismo e Colonialismo
ricardup
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
profnelton
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
Nelia Salles Nantes
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
Nelia Salles Nantes
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
Nelia Salles Nantes
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
Nelia Salles Nantes
 
Imperialismo Módulo
Imperialismo Módulo Imperialismo Módulo
Imperialismo Módulo
CarlosNazar1
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
historiando
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
Nelia Salles Nantes
 
O imperialismo 2
O imperialismo 2O imperialismo 2
O imperialismo 2
Nelia Salles Nantes
 
slide com exercicio partilha da africa e asia.pdf
slide com exercicio partilha da africa e asia.pdfslide com exercicio partilha da africa e asia.pdf
slide com exercicio partilha da africa e asia.pdf
Cristiane Pantoja
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
profnelton
 
Aula sobre imperialismo
Aula sobre imperialismoAula sobre imperialismo
Aula sobre imperialismo
CarlosNazar1
 

Semelhante a Imperialismo (20)

Neocolonialismo e a opressão cultural (2)
Neocolonialismo e a opressão cultural (2)Neocolonialismo e a opressão cultural (2)
Neocolonialismo e a opressão cultural (2)
 
Imperialismo 2023.pptx
Imperialismo 2023.pptxImperialismo 2023.pptx
Imperialismo 2023.pptx
 
Aula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo defAula sobre imperialismo def
Aula sobre imperialismo def
 
História e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africana
História e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africanaHistória e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africana
História e Cultura Africana - Aula 3 - A descolonização africana
 
As viagens de exploração
As viagens de exploraçãoAs viagens de exploração
As viagens de exploração
 
As viagens de exploração
As viagens de exploraçãoAs viagens de exploração
As viagens de exploração
 
Neocolonialismo
NeocolonialismoNeocolonialismo
Neocolonialismo
 
Imperialismo e Colonialismo
Imperialismo e ColonialismoImperialismo e Colonialismo
Imperialismo e Colonialismo
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
 
Imperialismo Módulo
Imperialismo Módulo Imperialismo Módulo
Imperialismo Módulo
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
 
O imperialismo definições
O imperialismo   definiçõesO imperialismo   definições
O imperialismo definições
 
O imperialismo 2
O imperialismo 2O imperialismo 2
O imperialismo 2
 
slide com exercicio partilha da africa e asia.pdf
slide com exercicio partilha da africa e asia.pdfslide com exercicio partilha da africa e asia.pdf
slide com exercicio partilha da africa e asia.pdf
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Aula sobre imperialismo
Aula sobre imperialismoAula sobre imperialismo
Aula sobre imperialismo
 

Mais de Alexia 14

Apec
ApecApec
Apec
Alexia 14
 
Aspectos culturais das regiões brasileiras
Aspectos culturais das regiões brasileirasAspectos culturais das regiões brasileiras
Aspectos culturais das regiões brasileiras
Alexia 14
 
Alguns elementos químicos da tabela periódica
Alguns elementos químicos da tabela periódicaAlguns elementos químicos da tabela periódica
Alguns elementos químicos da tabela periódica
Alexia 14
 
Climas do brasil
Climas do brasilClimas do brasil
Climas do brasil
Alexia 14
 
Movimento GLS
Movimento GLSMovimento GLS
Movimento GLS
Alexia 14
 
Bloco Econômico (APEC)
Bloco Econômico (APEC)Bloco Econômico (APEC)
Bloco Econômico (APEC)
Alexia 14
 

Mais de Alexia 14 (6)

Apec
ApecApec
Apec
 
Aspectos culturais das regiões brasileiras
Aspectos culturais das regiões brasileirasAspectos culturais das regiões brasileiras
Aspectos culturais das regiões brasileiras
 
Alguns elementos químicos da tabela periódica
Alguns elementos químicos da tabela periódicaAlguns elementos químicos da tabela periódica
Alguns elementos químicos da tabela periódica
 
Climas do brasil
Climas do brasilClimas do brasil
Climas do brasil
 
Movimento GLS
Movimento GLSMovimento GLS
Movimento GLS
 
Bloco Econômico (APEC)
Bloco Econômico (APEC)Bloco Econômico (APEC)
Bloco Econômico (APEC)
 

Último

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 

Último (20)

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 

Imperialismo

  • 2.  O Imperialismo, também chamado de Neocolonialismo, foi um movimento de expansão territorial, cultural e econômica de nações europeias sobre outras, a partir do século XIX.  A exploração das potências imperialistas está relacionada com a Revolução Industrial. Isto porque o crescimento do número de indústrias estimulou a busca de matérias-primas, que estavam em falta na Europa.  Além disso, fazia-se necessário a busca de novos mercados consumidores, para escoar a produção das fábricas, e dos capitais disponíveis. A mão-de-obra também era mais barata do aquela encontrada na Europa.  Estes fatores, associados a outros, estimulou a corrida com vista a dividir territórios, principalmente na África e Ásia, que pudessem suprir estas necessidades europeias.  Os principais potências imperialistas foram: Inglaterra, França, Bélgica, Alemanha, Itália, Rússia e Japão. A participação destas potências ocorreu em graus e
  • 3. Neocolonialismo X Colonialismo  O Neocolonialismo foi uma nova forma de colonizar territórios, diferente da expansão territorial que ocorreu durante o chamado Colonialismo.  Enquanto o Colonialismo ocorreu a partir do século XV – no contexto do Mercantilismo –, o Neocolonialismo ocorreu a partir do século XIX – no contexto da Revolução Industrial.  O Colonialismo ocorreu sob patrocínio da burguesia comercial, que buscava ouro e prata, principalmente na América.  O Neocolonialismo, por sua vez, ocorreu sob patrocínio da burguesia industrial, que buscava matérias-primas e mercados consumidores, na África e na Ásia.  Durante a corrida colonialista, justificava-se a dominação pela expansão da fé cristã. Na corrida neocolonialista, o argumento utilizado foi a chamada missão civilizadora.
  • 4. Missão Civilizadora  A forte industrialização, as conquistas econômicas e a organização político-social na Europa, no decorrer do século XIX, levou os europeus à crença de que haviam atingido o topo da civilização.  Esta ideia está ligada a uma visão eurocêntrica de mundo, que coloca a cultura europeia como superior às outras culturas ao redor do planeta, “Os brancos civilizados estão levando o progresso para os povos primitivos”.  Alguns países imperialistas diziam que a conquista e exploração de territórios na África e Ásia faziam parte de uma missão civilizadora, ou seja, o “fardo do homem branco” era levar àquelas regiões a cultura e progresso europeus.  De certa forma, a missão civilizadora está vinculada à teoria do Darwinismo Social, baseada nas ideias de Charles Darwin sobre a evolução. Aplicada à sociedade, esta teoria dizia “Na luta pela sobrevivência, as nações mais fortes sobrevivem e as mais fracas devem sucumbir”  Vale ressaltar que, no geral, o objetivo dos países imperialistas não era civilizar, mas obter vantagens econômicas com a exploração dos
  • 6. Doutrina Monroe  Diante dos interesses econômicos dos países imperialistas europeus, os Estados Unidos temiam que houvesse uma tentativa de recolonizar a América.  Para evitar que isto ocorresse, foi criada a Doutrina Monroe pelo então presidente James Monroe, em 1823. O slogan desta campanha era: “América para os Americanos”.  Assim, de acordo com esta doutrina, a Europa não deveria criar colônias no continente americano. Por outro lado, os Estados Unidos não tentariam criar colônias na África e Ásia.  A Doutrina Monroe acabou, futuramente, influenciando na criação da política do Big Stick, segundo a qual os Estados Unidos poderiam intervir nos países americanos quando achassem necessário.  Aparentemente, os Estados Unidos estavam fazendo frente à Europa para defender nosso continente. No entanto, o que estava sendo defendido eram os interesses norte-americanos.
  • 7. Partilha da África • A Partilha da África foi a divisão do continente africano entre os países imperialistas. Esta divisão teve início na segunda metade do século XIX. • Porém, foi na Conferência de Berlim, em 1884, que a delimitação das fronteiras da África atingiu seu ponto máximo. Nela, foram decididas normas a serem obedecidas pelos países imperialistas. • A conferência não conseguiu conter as ambições de alguns países. A disputa por territórios na África foi um dos motivos da Primeira Guerra Mundial, em 1914.
  • 8.  Importante lembrar que a divisão do continente africano não levou em consideração as diferenças culturais entre as tribos, estimulando conflitos étnicos, políticos e religiosos que existem até hoje.  Tanto na África quanto na Ásia, a constante presença dos europeus desencadeou diversas revoltas contra o imperialismo, como a Guerra dos Bôeres, a Revolta dos Cipaios e a Guerra do Ópio.
  • 9. Ásia  Oriente Médio disputado pela Inglaterra, França e Rússia ◦ Enfraquecimento do Império Otomano ◦ Petróleo e passagem para o extremo Oriente  Índia controlada pela Inglaterra ◦ Apoio das elites locais  Guerra do Ópio na China  Tratado de Nanquim (1842) – Hong Kong  Divisão da China em esferas de influência  Inglaterra, França, Alemanha, Rússia,
  • 10.  China (1) assustada face aos avanços dos britânicos (2),  alemães (3),  russos (4),  franceses (5) e, inclusivamente, da nova potência do Oriente, o Japão (6).