SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
IHC
Parte 01
Conceitos Básicos e
Histórico
Interação
Homem
Computador
Significado de Interagir
 Interagir é...
 Relacionar-se
 Compartilhar
 Dialogar
 Afetar a condição de outro
 E com os computadores?
 Métodos e processos envolvidos no uso tecnologias
de informação e comunicação (TICs)
IHC – Eduardo Xavier
Interação ou Interface?
 IHC: Interação Homem Computador
 INTERFACE
 Termo pioneiro que estabelece o conceito de ponto
de interação entre um computador e outra entidade.
 INTERAÇÃO
 Enfoque mais amplo com novos campos de estudo
envolvendo a comunicação entre usuários e
computadores ou outros tipos de produtos.
IHC – Eduardo Xavier
Estudo da IHC
 Foco Principal
 Comunicações ou interações entre usuários e
computadores
 Responsabilidades:
 Projetar soluções de interação
 Avaliar soluções de interação
 Implementar sistemas computacionais interativos
para uso humano
 Estudar fenômenos relacionados a interação
IHC – Eduardo Xavier
Por que estudar IHC?
 Benefícios
 Melhoria das condições
de uso dos sistemas
computacionais
• GUIs, procedimentos, ...
 Novos dispositivos e
paradigmas
 Impactos sociais e
comerciais
• Mais acessibilidade
• Sobrevivência de produtos
no mercado
IHC – Eduardo Xavier
Evolução Histórica
IHC – Eduardo Xavier
Evolução Histórica (cont.)
IHC – Eduardo Xavier
Impactos
 A interface de um produto ou serviço pode
determinar seu sucesso ou fracasso
 Define a percepção da marca pelo público
 Sociedade
 Wikileaks
 Redes sociais: protestos em países árabes
 Solidariedade (Japão, Haiti,...)
 Mais acesso a conhecimentos (Confiabilidade?
Liberdade?)
 Votação eletrônica
 Projetos de inclusão social
IHC – Eduardo Xavier
Conhecimentos e Habilidades
IHC – Eduardo Xavier
TICs
 Já fazem parte do dia-a-dia
 Direta ou indiretamente
 Estabelecem/modificam relações
 Quem pode/deve fazer
 Como fazer
 Quando e onde fazer
 Por que fazer
 Exemplo: celulares
 Múltiplas funções
 Novas formas de acessibilidade
 Etiqueta de uso
IHC – Eduardo Xavier
Por que estudar IHC?
 Soluções de usabilidade são tão importantes
quanto soluções de processos de negócio
 Interfaces mal projetadas prejudicam o uso
 Alternativas para execução de tarefas
 Acessibilidade digital deixou de ser acessório de luxo
 Tecnologia deve ser um apoio, e não um obstáculo
 O que se busca?
 Produtividade
 Segurança
 Praticidade e conforto
 Estímulo
IHC – Eduardo Xavier
Criando Sistemas Interativos
IHC – Eduardo Xavier
Há diversos
pontos de
vista para a
interação
Fabricantes de
hardware e software
Desenvolvedores
de aplicações
Áreas de
suporte/manutenção
Organizações
Usuários
?
Objetos de Estudo em IHC
Objetos
de Estudo
Características
Humanas
Natureza da
Interação
Processo de
Desenvolvimento
Arquitetura de
Sistemas
Computacionais
Contexto de
Uso
IHC – Eduardo Xavier
Objetos de Estudo em IHC
 Natureza da Interação
 O que você sabe sobre seus usuários?
IHC – Eduardo Xavier
Investigar o que ocorre enquanto as
pessoas utilizam sistemas interativos
É possível descrever e explicar
É possível prever as consequências na
vida das pessoas
Objetos de Estudo em IHC
 Contexto de Uso
 O que você sabe sobre seus usuários?
IHC – Eduardo Xavier
Modo próprio de realizar
as atividades
Conhecimentos e
concepções próprios
Questões culturais e
sociais influenciam
Contexto de uso do
desenvolvedor geralmente
é diferente do contexto do
usuário
Objetos de Estudo em IHC
 Características Humanas
 O que você sabe sobre seus usuários?
IHC – Eduardo Xavier
• Seus usuários são capazes de
aprender uma nova forma de
interagir?
Interação com novos
artefatos requer
capacidade cognitiva
• Já possuem o conhecimento
necessário?
Tendência de utilizar
interações naturais
• Visão. Audição, Tato
• Capacidade de movimentação
do corpo
Características físicas dos
seres humanos
Objetos de Estudo em IHC
 Arquitetura de Sistemas Computacionais
IHC – Eduardo Xavier
Construir sistemas que favoreçam a experiência de uso
Dispositivos de entrada e saída
Técnicas de interação
Técnicas de diálogo
Técnicas de construção de interface
• Computação gráfica
• Inteligência artificial
Objetos de Estudo em IHC
 Processo de Desenvolvimento
IHC – Eduardo Xavier
Influencia a qualidade
do produto final
Avaliar casos de sucesso
e de insucesso
É importante conhecer
• Abordagens de design
• Métodos, técnicas e
ferramentas de construção
• Métodos, técnicas e
ferramentas de avaliação
Referências
 Links
 http://irlabr.wordpress.com/apostila-de-ihc/parte-1-
ihc-na-pratica/introducao-a-interacao-entre-homem-e-
computador-ihc/
 http://www.dimap.ufrn.br/~jair/ERBASE2010/ERBASE
2010-introducao.pdf
 http://www.youtube.com/watch?v=jpcZVOOtu_0&feat
ure=fvsr
IHC – Eduardo Xavier

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 2. Fatores Humanos em IHC
Aula 2. Fatores Humanos em IHCAula 2. Fatores Humanos em IHC
Aula 2. Fatores Humanos em IHC
Silvia Dotta
 
Aula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane Fidelix
Aula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane FidelixAula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane Fidelix
Aula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane Fidelix
Cris Fidelix
 
Aula Teste sobre IHC, usabilidade e affordance
Aula Teste sobre IHC, usabilidade e affordanceAula Teste sobre IHC, usabilidade e affordance
Aula Teste sobre IHC, usabilidade e affordance
Christopher Cerqueira
 
Slide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdf
Slide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdfSlide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdf
Slide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdf
KarinyRocha4
 

Mais procurados (20)

Interação Humano-Computador (IHC)
Interação Humano-Computador (IHC)Interação Humano-Computador (IHC)
Interação Humano-Computador (IHC)
 
Aula 2 - A área de IHC
Aula 2 - A área de IHCAula 2 - A área de IHC
Aula 2 - A área de IHC
 
Aula básica de internet
Aula básica de internetAula básica de internet
Aula básica de internet
 
Experiência do usuário
Experiência do usuárioExperiência do usuário
Experiência do usuário
 
Interface Humano-Computador (IHC)
Interface Humano-Computador (IHC)Interface Humano-Computador (IHC)
Interface Humano-Computador (IHC)
 
Ihc Aula7
Ihc Aula7Ihc Aula7
Ihc Aula7
 
Aula 6 - Design e Processo de Design de Interfaces de Usuário
Aula 6 - Design e Processo de Design de Interfaces de UsuárioAula 6 - Design e Processo de Design de Interfaces de Usuário
Aula 6 - Design e Processo de Design de Interfaces de Usuário
 
Interface Homem Computador - Janaira Franca
Interface Homem Computador - Janaira FrancaInterface Homem Computador - Janaira Franca
Interface Homem Computador - Janaira Franca
 
Aula 2. Fatores Humanos em IHC
Aula 2. Fatores Humanos em IHCAula 2. Fatores Humanos em IHC
Aula 2. Fatores Humanos em IHC
 
Interface Homem Computador - Aula02 - Principios de design em IHC
Interface Homem Computador - Aula02 - Principios de design em IHCInterface Homem Computador - Aula02 - Principios de design em IHC
Interface Homem Computador - Aula02 - Principios de design em IHC
 
Aula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane Fidelix
Aula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane FidelixAula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane Fidelix
Aula 01 - Conceitos de IHC - Prof.ª Cristiane Fidelix
 
UX UI para Programadores
UX UI para Programadores UX UI para Programadores
UX UI para Programadores
 
Interface Homem Computador - Aula01- Introdução a IHC
Interface Homem Computador - Aula01- Introdução a IHCInterface Homem Computador - Aula01- Introdução a IHC
Interface Homem Computador - Aula01- Introdução a IHC
 
Aula Teste sobre IHC, usabilidade e affordance
Aula Teste sobre IHC, usabilidade e affordanceAula Teste sobre IHC, usabilidade e affordance
Aula Teste sobre IHC, usabilidade e affordance
 
Apresentação Aula 01
Apresentação  Aula 01Apresentação  Aula 01
Apresentação Aula 01
 
Usabilidade IHC
Usabilidade IHCUsabilidade IHC
Usabilidade IHC
 
Ihc2016.2 aula 9 engenharia cognitiva e teoria da ação
Ihc2016.2 aula 9    engenharia cognitiva e teoria da açãoIhc2016.2 aula 9    engenharia cognitiva e teoria da ação
Ihc2016.2 aula 9 engenharia cognitiva e teoria da ação
 
Slide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdf
Slide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdfSlide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdf
Slide 02 - Inovação e Tecnologias habilitadoras.pdf
 
Os componentes do hardware do computador
Os componentes do hardware do computadorOs componentes do hardware do computador
Os componentes do hardware do computador
 
Introdução - Arquitetura e Organização de Computadores
Introdução - Arquitetura e Organização de ComputadoresIntrodução - Arquitetura e Organização de Computadores
Introdução - Arquitetura e Organização de Computadores
 

Semelhante a Ihc 01-conceitos básicos

Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)
Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)
Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)
Impacta Eventos
 
Design Centrado Usuario
Design Centrado UsuarioDesign Centrado Usuario
Design Centrado Usuario
Erico Fileno
 

Semelhante a Ihc 01-conceitos básicos (20)

Palestra - Design de interação
Palestra - Design de interaçãoPalestra - Design de interação
Palestra - Design de interação
 
Interação Humano Computador 1
Interação Humano Computador 1Interação Humano Computador 1
Interação Humano Computador 1
 
Palestra "Usabilidade: conceito, aplicações e testes" de Renato Rosa
Palestra "Usabilidade: conceito, aplicações e testes" de Renato RosaPalestra "Usabilidade: conceito, aplicações e testes" de Renato Rosa
Palestra "Usabilidade: conceito, aplicações e testes" de Renato Rosa
 
Aula 02 - Design - Primeira Parte INTERFACE E EXPERIENCIA DE USUARIO
Aula 02 - Design - Primeira Parte INTERFACE E EXPERIENCIA DE USUARIOAula 02 - Design - Primeira Parte INTERFACE E EXPERIENCIA DE USUARIO
Aula 02 - Design - Primeira Parte INTERFACE E EXPERIENCIA DE USUARIO
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
IHC e Tecnologias Assistivas
IHC e Tecnologias AssistivasIHC e Tecnologias Assistivas
IHC e Tecnologias Assistivas
 
Da IHC ao UX: Uma história de ressignificação para o mercado / Webinar BR-CH...
Da IHC ao UX: Uma história de ressignificação  para o mercado / Webinar BR-CH...Da IHC ao UX: Uma história de ressignificação  para o mercado / Webinar BR-CH...
Da IHC ao UX: Uma história de ressignificação para o mercado / Webinar BR-CH...
 
PACT: um framework para o design de sistemas interativos
PACT: um framework para o design de sistemas interativosPACT: um framework para o design de sistemas interativos
PACT: um framework para o design de sistemas interativos
 
Aula - Interfaces e Estilos de Interação
Aula - Interfaces e Estilos de InteraçãoAula - Interfaces e Estilos de Interação
Aula - Interfaces e Estilos de Interação
 
Novas formas de interação Homem-máquina
Novas formas de interação Homem-máquinaNovas formas de interação Homem-máquina
Novas formas de interação Homem-máquina
 
Design Sistemas Centrado Usuario
Design Sistemas Centrado UsuarioDesign Sistemas Centrado Usuario
Design Sistemas Centrado Usuario
 
Princípios de Design de Interação
Princípios de Design de InteraçãoPrincípios de Design de Interação
Princípios de Design de Interação
 
IHC Parte1
IHC Parte1IHC Parte1
IHC Parte1
 
Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)
Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)
Palestra Experiência do Usuário no contexto do negócio (UX Expert)
 
Design Centrado Usuario
Design Centrado UsuarioDesign Centrado Usuario
Design Centrado Usuario
 
Seminario
SeminarioSeminario
Seminario
 
Ergodesing e arquitetura de Informação
Ergodesing e arquitetura de InformaçãoErgodesing e arquitetura de Informação
Ergodesing e arquitetura de Informação
 
Os desafios do Arquiteto de Informação como UX Expert: Criatividade e Inovação.
Os desafios do Arquiteto de Informação como UX Expert: Criatividade e Inovação.Os desafios do Arquiteto de Informação como UX Expert: Criatividade e Inovação.
Os desafios do Arquiteto de Informação como UX Expert: Criatividade e Inovação.
 
Interface Homem Computador - IHC
Interface Homem Computador - IHCInterface Homem Computador - IHC
Interface Homem Computador - IHC
 
Design de Interação 2008
Design de Interação 2008Design de Interação 2008
Design de Interação 2008
 

Ihc 01-conceitos básicos

  • 1. IHC Parte 01 Conceitos Básicos e Histórico Interação Homem Computador
  • 2. Significado de Interagir  Interagir é...  Relacionar-se  Compartilhar  Dialogar  Afetar a condição de outro  E com os computadores?  Métodos e processos envolvidos no uso tecnologias de informação e comunicação (TICs) IHC – Eduardo Xavier
  • 3. Interação ou Interface?  IHC: Interação Homem Computador  INTERFACE  Termo pioneiro que estabelece o conceito de ponto de interação entre um computador e outra entidade.  INTERAÇÃO  Enfoque mais amplo com novos campos de estudo envolvendo a comunicação entre usuários e computadores ou outros tipos de produtos. IHC – Eduardo Xavier
  • 4. Estudo da IHC  Foco Principal  Comunicações ou interações entre usuários e computadores  Responsabilidades:  Projetar soluções de interação  Avaliar soluções de interação  Implementar sistemas computacionais interativos para uso humano  Estudar fenômenos relacionados a interação IHC – Eduardo Xavier
  • 5. Por que estudar IHC?  Benefícios  Melhoria das condições de uso dos sistemas computacionais • GUIs, procedimentos, ...  Novos dispositivos e paradigmas  Impactos sociais e comerciais • Mais acessibilidade • Sobrevivência de produtos no mercado IHC – Eduardo Xavier
  • 8. Impactos  A interface de um produto ou serviço pode determinar seu sucesso ou fracasso  Define a percepção da marca pelo público  Sociedade  Wikileaks  Redes sociais: protestos em países árabes  Solidariedade (Japão, Haiti,...)  Mais acesso a conhecimentos (Confiabilidade? Liberdade?)  Votação eletrônica  Projetos de inclusão social IHC – Eduardo Xavier
  • 9. Conhecimentos e Habilidades IHC – Eduardo Xavier
  • 10. TICs  Já fazem parte do dia-a-dia  Direta ou indiretamente  Estabelecem/modificam relações  Quem pode/deve fazer  Como fazer  Quando e onde fazer  Por que fazer  Exemplo: celulares  Múltiplas funções  Novas formas de acessibilidade  Etiqueta de uso IHC – Eduardo Xavier
  • 11. Por que estudar IHC?  Soluções de usabilidade são tão importantes quanto soluções de processos de negócio  Interfaces mal projetadas prejudicam o uso  Alternativas para execução de tarefas  Acessibilidade digital deixou de ser acessório de luxo  Tecnologia deve ser um apoio, e não um obstáculo  O que se busca?  Produtividade  Segurança  Praticidade e conforto  Estímulo IHC – Eduardo Xavier
  • 12. Criando Sistemas Interativos IHC – Eduardo Xavier Há diversos pontos de vista para a interação Fabricantes de hardware e software Desenvolvedores de aplicações Áreas de suporte/manutenção Organizações Usuários ?
  • 13. Objetos de Estudo em IHC Objetos de Estudo Características Humanas Natureza da Interação Processo de Desenvolvimento Arquitetura de Sistemas Computacionais Contexto de Uso IHC – Eduardo Xavier
  • 14. Objetos de Estudo em IHC  Natureza da Interação  O que você sabe sobre seus usuários? IHC – Eduardo Xavier Investigar o que ocorre enquanto as pessoas utilizam sistemas interativos É possível descrever e explicar É possível prever as consequências na vida das pessoas
  • 15. Objetos de Estudo em IHC  Contexto de Uso  O que você sabe sobre seus usuários? IHC – Eduardo Xavier Modo próprio de realizar as atividades Conhecimentos e concepções próprios Questões culturais e sociais influenciam Contexto de uso do desenvolvedor geralmente é diferente do contexto do usuário
  • 16. Objetos de Estudo em IHC  Características Humanas  O que você sabe sobre seus usuários? IHC – Eduardo Xavier • Seus usuários são capazes de aprender uma nova forma de interagir? Interação com novos artefatos requer capacidade cognitiva • Já possuem o conhecimento necessário? Tendência de utilizar interações naturais • Visão. Audição, Tato • Capacidade de movimentação do corpo Características físicas dos seres humanos
  • 17. Objetos de Estudo em IHC  Arquitetura de Sistemas Computacionais IHC – Eduardo Xavier Construir sistemas que favoreçam a experiência de uso Dispositivos de entrada e saída Técnicas de interação Técnicas de diálogo Técnicas de construção de interface • Computação gráfica • Inteligência artificial
  • 18. Objetos de Estudo em IHC  Processo de Desenvolvimento IHC – Eduardo Xavier Influencia a qualidade do produto final Avaliar casos de sucesso e de insucesso É importante conhecer • Abordagens de design • Métodos, técnicas e ferramentas de construção • Métodos, técnicas e ferramentas de avaliação
  • 19. Referências  Links  http://irlabr.wordpress.com/apostila-de-ihc/parte-1- ihc-na-pratica/introducao-a-interacao-entre-homem-e- computador-ihc/  http://www.dimap.ufrn.br/~jair/ERBASE2010/ERBASE 2010-introducao.pdf  http://www.youtube.com/watch?v=jpcZVOOtu_0&feat ure=fvsr IHC – Eduardo Xavier