SlideShare uma empresa Scribd logo
H I P E R T E N S Ã O A R T E R I A L
HIPERTENSÃO
O QUE É HIPERTENSÃO?
• Hipertensão, usualmente chamada de pressão alta, é ter a
pressão arterial, sistematicamente, igual ou maior que 14 por
9. A pressão se eleva por vários motivos, mas principalmente
porque os vasos nos quais o sangue circula se contraem.
O QUE É HIPERTENSÃO?
• O coração e os vasos podem ser comparados a uma torneira
aberta ligada a vários esguichos. Se fecharmos a ponta dos
esguichos a pressão lá dentro aumenta. O mesmo ocorre
quando o coração bombeia o sangue. Se os vasos são
estreitados a pressão sobe.
TIPOS DE HIPERTENSÃO
• A hipertensão pode ser divida em três estágios, definidas
pelos níveis de pressão arterial. Esses números, somados a
condições relacionadas que o paciente venha a ter, como
diabetes ou histórico de AVC, determinam se o risco de morte
cardiovascular do paciente é leve moderado, alto ou muito
alto. Além disso quando mais alta a pressão arterial, maior a
chance de o paciente precisar usar medicamentos.
TIPOS DE HIPERTENSÃO
• Estágio I: Hipertensão acima de 140 por 90, abaixo que 160
por 100.
• Estágio II: Hipertensão acima de 160 por 100 e abaixo de 180
por 110.
• Estágio III: Hipertensão acima de 180 por110.
FATORES DE RISCO
• A hipertensão é herdada dos pais em 90 % dos casos, em uma
minoria, a hipertensão pode ser causada por uma doença
relacionada como distúrbios da tireoide ou em glândulas
endocrinológicas, como suprarrenal. Entretanto há vários
outros fatores que influenciam os níveis depressão arterial
entre eles:
FATORES DE RISCO
• Fumo
• Consumo de bebidas alcoólicas
• Obesidade
• Estresse
• Grande Consumo de Sal
• Níveis altos de colesterol
• Falta de atividade física
• Diabetes
• Sono inadequado
SINTOMAS
Os sintomas de hipertensão arterial são raros e,
normalmente, só surgem quando a pressão arterial está acima
de 140x90 mmHg, podendo provocar:
• Enjoos e tonturas;
• Dor de cabeça forte;
• Sangramentos pelo nariz;
• Zumbido nos ouvidos;
• Dificuldade para respirar;
• Cansaço excessivo;
• Visão embaçada;
• Dor no peito.
DIAGNÓSTICO
• O diagnostico da hipertensão É feito a partir da aferição da
pressão arterial e deve ser realizada em toda avaliação de
saúde, por medico de qualquer especialidade e demais
profissionais de saúde devidamente capacitados.
TRATAMENTO
• Nos casos de hipertensão leve, com a mínima entre 9 e 10,
tenta-se primeiro o tratamento não medicamentoso, que é
muito importante e envolve mudanças nos hábitos de vida. A
pessoa precisa praticar exercícios físicos, não exagerar no sal e
na bebida alcoólica, controlar o estresse e o peso, levar vida
saudável, enfim.
• Como existe nítida relação entre pressão alta e aumento do
peso corporal, perder 10% do peso corpóreo é uma forma
eficaz de reduzir os níveis da pressão. Por exemplo, a cada 1kg
de peso eliminado, a pressão do hipertenso cai de 1,3mmHg a
1,6mmHg em média.
TRATAMENTO
• Se o indivíduo tem a pressão discretamente aumentada e não
consegue controlá-la fazendo exercícios, reduzindo a ingestão
de bebidas alcoólicas e perdendo peso, ou se já tem os níveis
mínimos mais elevados (11 ou 12 de pressão mínima), é
necessário introduzir medicação para deixar os vasos mais
relaxados.
• Todos os remédios para hipertensão são vasodilatadores e
agem de diferentes maneiras. Os mais antigos, entre eles os
diuréticos, por exemplo, se no início fazem a pessoa perder
um pouquinho mais de sal e de água, também ajudam a
reduzir a reatividade dos vasos. Os mais modernos costumam
ser mais tolerados e provocam menos efeitos colaterais.
TRATAMENTO
• É sempre possível controlar a pressão arterial desde que haja
adesão ao tratamento. Para tanto, o paciente precisa fazer sua
parte: tomar os remédios corretamente e mudar os hábitos
de vida.
MEDICAMENTOS PARA HIPERTENSÃO
MEDICAMENTOS
• Aldactone
• Aradois
• Atenolol
• Atenolol + Clortalidona
• Atensina
• Besilato de Anlodipino
• Captopril
• Captopril + Hidroclorotiazida
MEDICAMENTOS
• Carvedilol
• Concor
• Diovan
• Diurix
• Doxazosina
• Enalapril
• Espironolacton
• Furosemida
• Hidroclorotiazida
MEDICAMENTOS PARA HIPERTENSÃO
Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais
indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a
duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do
seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso
do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo
mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a
prescrita, siga as instruções na bula.
COMPLICAÇÕES POSSÍVEIS
A hipertensão arterial
(pressão alta), por ser uma
doença muito comum na
população brasileira, é
considerada o principal fator
de risco para o
desenvolvimento de
complicações
cardiovasculares . Estas
complicações podem ocorrer
em diversos locais do
organismo como: Coração,
cérebro, rins, vasos e olhos.
PREVENÇÃO
• Pessoas em idade adulta meçam a pressão pelo menos uma
vez por ano como forma de acompanhamento (a medidas que
vamos envelhecendo a pressão vai aumentando). Além disso,
outros hábitos de vida saudáveis podem ser adotados para
prevenir a hipertensão:
• Evite ficar parado: caminhe mais, suba escadas em vez de
usar o elevador
• Diminua ou abandone o consumo de bebidas alcoólicas
• Tente levar os problemas do dia a dia de maneira mais
tranquila
PREVENÇÃO
• Mantenha o peso saudável: procure um profissional de saúde
e peça orientação quanto à sua alimentação
• Tenha uma alimentação saudável
• Diminua o sal da comida.
Hipertensão
GRUPO
Maria Aparecida Rangel

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula Diabetes
Aula  DiabetesAula  Diabetes
Aula Diabetes
Professor Robson
 
Doenças Cardiovasculares
Doenças Cardiovasculares Doenças Cardiovasculares
Doenças Cardiovasculares
Gabriela Bruno
 
Hipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmicaHipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmica
j2012p
 
Hipertensão arterial powerpoint
Hipertensão arterial   powerpoint Hipertensão arterial   powerpoint
Hipertensão arterial powerpoint
AnaRitaPinheiro
 
Hipertensão Arterial
Hipertensão ArterialHipertensão Arterial
Hipertensão Arterial
Walquiria Dutra
 
HiperDia
HiperDia HiperDia
HiperDia
joselene beatriz
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Sinais Vitais
Sinais VitaisSinais Vitais
Sinais Vitais
Tamyres Magalhães
 
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e DoençaAula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
Ghiordanno Bruno
 
Sinais vitais
Sinais vitaisSinais vitais
Sinais vitais
Marcos Antonio
 
Aula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosAula primeiros socorros
Aula primeiros socorros
Gizele Lima
 
Punção venosa.
Punção venosa.Punção venosa.
Punção venosa.
Centro Universitário Ages
 
Hipertensão - Professor Robson
Hipertensão - Professor RobsonHipertensão - Professor Robson
Hipertensão - Professor Robson
Professor Robson
 
Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)
Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)
Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)
resenfe2013
 
Aula Hipertensão Arterial Paab VI
Aula Hipertensão Arterial Paab VIAula Hipertensão Arterial Paab VI
Aula Hipertensão Arterial Paab VI
Professor Robson
 
Modelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagemModelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagem
Raíssa Soeiro
 
Idoso
IdosoIdoso
Diabetes mellitus
Diabetes mellitusDiabetes mellitus
Diabetes mellitus
Fernanda Marinho
 
Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus
Hipertensão Arterial e Diabetes MellitusHipertensão Arterial e Diabetes Mellitus
Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus
Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG)
 
Aula 2 saúde e doença
Aula 2   saúde e doençaAula 2   saúde e doença
Aula 2 saúde e doença
Jesiele Spindler
 

Mais procurados (20)

Aula Diabetes
Aula  DiabetesAula  Diabetes
Aula Diabetes
 
Doenças Cardiovasculares
Doenças Cardiovasculares Doenças Cardiovasculares
Doenças Cardiovasculares
 
Hipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmicaHipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmica
 
Hipertensão arterial powerpoint
Hipertensão arterial   powerpoint Hipertensão arterial   powerpoint
Hipertensão arterial powerpoint
 
Hipertensão Arterial
Hipertensão ArterialHipertensão Arterial
Hipertensão Arterial
 
HiperDia
HiperDia HiperDia
HiperDia
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Diabetes
 
Sinais Vitais
Sinais VitaisSinais Vitais
Sinais Vitais
 
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e DoençaAula 01 - O Processo Saúde e Doença
Aula 01 - O Processo Saúde e Doença
 
Sinais vitais
Sinais vitaisSinais vitais
Sinais vitais
 
Aula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosAula primeiros socorros
Aula primeiros socorros
 
Punção venosa.
Punção venosa.Punção venosa.
Punção venosa.
 
Hipertensão - Professor Robson
Hipertensão - Professor RobsonHipertensão - Professor Robson
Hipertensão - Professor Robson
 
Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)
Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)
Diagnósticos de Enfermagem: Uso das Taxonomias (NANDA, NIC, NOC e CIPE)
 
Aula Hipertensão Arterial Paab VI
Aula Hipertensão Arterial Paab VIAula Hipertensão Arterial Paab VI
Aula Hipertensão Arterial Paab VI
 
Modelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagemModelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagem
 
Idoso
IdosoIdoso
Idoso
 
Diabetes mellitus
Diabetes mellitusDiabetes mellitus
Diabetes mellitus
 
Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus
Hipertensão Arterial e Diabetes MellitusHipertensão Arterial e Diabetes Mellitus
Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus
 
Aula 2 saúde e doença
Aula 2   saúde e doençaAula 2   saúde e doença
Aula 2 saúde e doença
 

Semelhante a Hipertensão

TRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptx
TRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptxTRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptx
TRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptx
Jarley Oliveira
 
CP-015 - Cartilha da Hipertensão
CP-015 - Cartilha da HipertensãoCP-015 - Cartilha da Hipertensão
CP-015 - Cartilha da Hipertensão
ISI Engenharia
 
Hipertensão
HipertensãoHipertensão
Hipertensão
Andreia Soares
 
Apresentação1.pptx
Apresentação1.pptxApresentação1.pptx
Apresentação1.pptx
André Guedes
 
Cartilha hipertensao sbhas
Cartilha hipertensao sbhasCartilha hipertensao sbhas
Cartilha hipertensao sbhas
ilanaseixasladeia
 
Apresentação hipertensão
Apresentação hipertensãoApresentação hipertensão
Apresentação hipertensão
Laboratório Sérgio Franco
 
Apresentação hipertensão
Apresentação hipertensãoApresentação hipertensão
Apresentação hipertensão
Sérgio Franco - CDPI
 
O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?
O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?
O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?
Clínica Lares
 
Hipertensão
HipertensãoHipertensão
Hipertensão
henrique42952a
 
HipertensãO
HipertensãOHipertensãO
HipertensãO
Marco Enomoto
 
PALESTRA.pptx
PALESTRA.pptxPALESTRA.pptx
PALESTRA.pptx
NayanneSousa8
 
Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...
Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...
Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...
Lana Delly Nascimento
 
Hipertensao arterial
Hipertensao arterialHipertensao arterial
Hipertensao arterial
Ellen Santos
 
Hipertensão arterial ou pressão alta
Hipertensão arterial ou pressão altaHipertensão arterial ou pressão alta
Hipertensão arterial ou pressão alta
karol_ribeiro
 
Hipertensão Arterial manual completo
Hipertensão Arterial manual completoHipertensão Arterial manual completo
Hipertensão Arterial manual completo
Tookmed
 
Trabalho hipertensão
Trabalho hipertensãoTrabalho hipertensão
Trabalho hipertensão
Jefferson Pacheco
 
Jean o que é hipertensão
Jean o que é hipertensãoJean o que é hipertensão
Jean o que é hipertensão
Jean Moreira
 
Hipertensao Arterial.ppt
Hipertensao Arterial.pptHipertensao Arterial.ppt
Hipertensao Arterial.ppt
leidianerodrigues35
 
Hipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmica Hipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmica
Laboratório Sérgio Franco
 
Hipertensão Arterial Sistêmica
Hipertensão Arterial SistêmicaHipertensão Arterial Sistêmica
Hipertensão Arterial Sistêmica
Denise Selegato
 

Semelhante a Hipertensão (20)

TRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptx
TRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptxTRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptx
TRABALHO DE hytalo hipertenso e diabetes.pptx
 
CP-015 - Cartilha da Hipertensão
CP-015 - Cartilha da HipertensãoCP-015 - Cartilha da Hipertensão
CP-015 - Cartilha da Hipertensão
 
Hipertensão
HipertensãoHipertensão
Hipertensão
 
Apresentação1.pptx
Apresentação1.pptxApresentação1.pptx
Apresentação1.pptx
 
Cartilha hipertensao sbhas
Cartilha hipertensao sbhasCartilha hipertensao sbhas
Cartilha hipertensao sbhas
 
Apresentação hipertensão
Apresentação hipertensãoApresentação hipertensão
Apresentação hipertensão
 
Apresentação hipertensão
Apresentação hipertensãoApresentação hipertensão
Apresentação hipertensão
 
O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?
O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?
O QUE É PRESSÃO ARTERIAL?
 
Hipertensão
HipertensãoHipertensão
Hipertensão
 
HipertensãO
HipertensãOHipertensãO
HipertensãO
 
PALESTRA.pptx
PALESTRA.pptxPALESTRA.pptx
PALESTRA.pptx
 
Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...
Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...
Hipertensão-caso clínico,conceito, estrutura anatômica afetada,etiologia,acha...
 
Hipertensao arterial
Hipertensao arterialHipertensao arterial
Hipertensao arterial
 
Hipertensão arterial ou pressão alta
Hipertensão arterial ou pressão altaHipertensão arterial ou pressão alta
Hipertensão arterial ou pressão alta
 
Hipertensão Arterial manual completo
Hipertensão Arterial manual completoHipertensão Arterial manual completo
Hipertensão Arterial manual completo
 
Trabalho hipertensão
Trabalho hipertensãoTrabalho hipertensão
Trabalho hipertensão
 
Jean o que é hipertensão
Jean o que é hipertensãoJean o que é hipertensão
Jean o que é hipertensão
 
Hipertensao Arterial.ppt
Hipertensao Arterial.pptHipertensao Arterial.ppt
Hipertensao Arterial.ppt
 
Hipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmica Hipertensão arterial sistêmica
Hipertensão arterial sistêmica
 
Hipertensão Arterial Sistêmica
Hipertensão Arterial SistêmicaHipertensão Arterial Sistêmica
Hipertensão Arterial Sistêmica
 

Mais de Nome Sobrenome

Globalização e desemprego
Globalização e desempregoGlobalização e desemprego
Globalização e desemprego
Nome Sobrenome
 
Doenças transmitidas por alimentos
Doenças transmitidas por alimentosDoenças transmitidas por alimentos
Doenças transmitidas por alimentos
Nome Sobrenome
 
Tecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a Incêndios
Tecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a IncêndiosTecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a Incêndios
Tecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a Incêndios
Nome Sobrenome
 
Glúten: Slide informativo
Glúten: Slide informativoGlúten: Slide informativo
Glúten: Slide informativo
Nome Sobrenome
 
Questionário de Informática básica
Questionário de Informática básicaQuestionário de Informática básica
Questionário de Informática básica
Nome Sobrenome
 
Paródia Redes de Computadores
Paródia Redes de ComputadoresParódia Redes de Computadores
Paródia Redes de Computadores
Nome Sobrenome
 
Campos tropicais
Campos tropicaisCampos tropicais
Campos tropicais
Nome Sobrenome
 
Região sul do Brasil
Região sul do BrasilRegião sul do Brasil
Região sul do Brasil
Nome Sobrenome
 
Incontinência Urinária e Fecal
Incontinência Urinária e FecalIncontinência Urinária e Fecal
Incontinência Urinária e Fecal
Nome Sobrenome
 
Desejando a palavra de deus
Desejando a palavra de deusDesejando a palavra de deus
Desejando a palavra de deus
Nome Sobrenome
 
Causas e consequências de quedas de idosos
Causas e consequências de  quedas de idososCausas e consequências de  quedas de idosos
Causas e consequências de quedas de idosos
Nome Sobrenome
 

Mais de Nome Sobrenome (11)

Globalização e desemprego
Globalização e desempregoGlobalização e desemprego
Globalização e desemprego
 
Doenças transmitidas por alimentos
Doenças transmitidas por alimentosDoenças transmitidas por alimentos
Doenças transmitidas por alimentos
 
Tecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a Incêndios
Tecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a IncêndiosTecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a Incêndios
Tecnologia Brasileira Reduz Tempo em Combate a Incêndios
 
Glúten: Slide informativo
Glúten: Slide informativoGlúten: Slide informativo
Glúten: Slide informativo
 
Questionário de Informática básica
Questionário de Informática básicaQuestionário de Informática básica
Questionário de Informática básica
 
Paródia Redes de Computadores
Paródia Redes de ComputadoresParódia Redes de Computadores
Paródia Redes de Computadores
 
Campos tropicais
Campos tropicaisCampos tropicais
Campos tropicais
 
Região sul do Brasil
Região sul do BrasilRegião sul do Brasil
Região sul do Brasil
 
Incontinência Urinária e Fecal
Incontinência Urinária e FecalIncontinência Urinária e Fecal
Incontinência Urinária e Fecal
 
Desejando a palavra de deus
Desejando a palavra de deusDesejando a palavra de deus
Desejando a palavra de deus
 
Causas e consequências de quedas de idosos
Causas e consequências de  quedas de idososCausas e consequências de  quedas de idosos
Causas e consequências de quedas de idosos
 

Hipertensão

  • 1. H I P E R T E N S Ã O A R T E R I A L HIPERTENSÃO
  • 2. O QUE É HIPERTENSÃO? • Hipertensão, usualmente chamada de pressão alta, é ter a pressão arterial, sistematicamente, igual ou maior que 14 por 9. A pressão se eleva por vários motivos, mas principalmente porque os vasos nos quais o sangue circula se contraem.
  • 3. O QUE É HIPERTENSÃO? • O coração e os vasos podem ser comparados a uma torneira aberta ligada a vários esguichos. Se fecharmos a ponta dos esguichos a pressão lá dentro aumenta. O mesmo ocorre quando o coração bombeia o sangue. Se os vasos são estreitados a pressão sobe.
  • 4. TIPOS DE HIPERTENSÃO • A hipertensão pode ser divida em três estágios, definidas pelos níveis de pressão arterial. Esses números, somados a condições relacionadas que o paciente venha a ter, como diabetes ou histórico de AVC, determinam se o risco de morte cardiovascular do paciente é leve moderado, alto ou muito alto. Além disso quando mais alta a pressão arterial, maior a chance de o paciente precisar usar medicamentos.
  • 5. TIPOS DE HIPERTENSÃO • Estágio I: Hipertensão acima de 140 por 90, abaixo que 160 por 100. • Estágio II: Hipertensão acima de 160 por 100 e abaixo de 180 por 110. • Estágio III: Hipertensão acima de 180 por110.
  • 6. FATORES DE RISCO • A hipertensão é herdada dos pais em 90 % dos casos, em uma minoria, a hipertensão pode ser causada por uma doença relacionada como distúrbios da tireoide ou em glândulas endocrinológicas, como suprarrenal. Entretanto há vários outros fatores que influenciam os níveis depressão arterial entre eles:
  • 7. FATORES DE RISCO • Fumo • Consumo de bebidas alcoólicas • Obesidade • Estresse • Grande Consumo de Sal • Níveis altos de colesterol • Falta de atividade física • Diabetes • Sono inadequado
  • 8. SINTOMAS Os sintomas de hipertensão arterial são raros e, normalmente, só surgem quando a pressão arterial está acima de 140x90 mmHg, podendo provocar: • Enjoos e tonturas; • Dor de cabeça forte; • Sangramentos pelo nariz; • Zumbido nos ouvidos; • Dificuldade para respirar; • Cansaço excessivo; • Visão embaçada; • Dor no peito.
  • 9. DIAGNÓSTICO • O diagnostico da hipertensão É feito a partir da aferição da pressão arterial e deve ser realizada em toda avaliação de saúde, por medico de qualquer especialidade e demais profissionais de saúde devidamente capacitados.
  • 10. TRATAMENTO • Nos casos de hipertensão leve, com a mínima entre 9 e 10, tenta-se primeiro o tratamento não medicamentoso, que é muito importante e envolve mudanças nos hábitos de vida. A pessoa precisa praticar exercícios físicos, não exagerar no sal e na bebida alcoólica, controlar o estresse e o peso, levar vida saudável, enfim. • Como existe nítida relação entre pressão alta e aumento do peso corporal, perder 10% do peso corpóreo é uma forma eficaz de reduzir os níveis da pressão. Por exemplo, a cada 1kg de peso eliminado, a pressão do hipertenso cai de 1,3mmHg a 1,6mmHg em média.
  • 11. TRATAMENTO • Se o indivíduo tem a pressão discretamente aumentada e não consegue controlá-la fazendo exercícios, reduzindo a ingestão de bebidas alcoólicas e perdendo peso, ou se já tem os níveis mínimos mais elevados (11 ou 12 de pressão mínima), é necessário introduzir medicação para deixar os vasos mais relaxados. • Todos os remédios para hipertensão são vasodilatadores e agem de diferentes maneiras. Os mais antigos, entre eles os diuréticos, por exemplo, se no início fazem a pessoa perder um pouquinho mais de sal e de água, também ajudam a reduzir a reatividade dos vasos. Os mais modernos costumam ser mais tolerados e provocam menos efeitos colaterais.
  • 12. TRATAMENTO • É sempre possível controlar a pressão arterial desde que haja adesão ao tratamento. Para tanto, o paciente precisa fazer sua parte: tomar os remédios corretamente e mudar os hábitos de vida.
  • 13. MEDICAMENTOS PARA HIPERTENSÃO MEDICAMENTOS • Aldactone • Aradois • Atenolol • Atenolol + Clortalidona • Atensina • Besilato de Anlodipino • Captopril • Captopril + Hidroclorotiazida MEDICAMENTOS • Carvedilol • Concor • Diovan • Diurix • Doxazosina • Enalapril • Espironolacton • Furosemida • Hidroclorotiazida
  • 14. MEDICAMENTOS PARA HIPERTENSÃO Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.
  • 15. COMPLICAÇÕES POSSÍVEIS A hipertensão arterial (pressão alta), por ser uma doença muito comum na população brasileira, é considerada o principal fator de risco para o desenvolvimento de complicações cardiovasculares . Estas complicações podem ocorrer em diversos locais do organismo como: Coração, cérebro, rins, vasos e olhos.
  • 16. PREVENÇÃO • Pessoas em idade adulta meçam a pressão pelo menos uma vez por ano como forma de acompanhamento (a medidas que vamos envelhecendo a pressão vai aumentando). Além disso, outros hábitos de vida saudáveis podem ser adotados para prevenir a hipertensão: • Evite ficar parado: caminhe mais, suba escadas em vez de usar o elevador • Diminua ou abandone o consumo de bebidas alcoólicas • Tente levar os problemas do dia a dia de maneira mais tranquila
  • 17. PREVENÇÃO • Mantenha o peso saudável: procure um profissional de saúde e peça orientação quanto à sua alimentação • Tenha uma alimentação saudável • Diminua o sal da comida.