SlideShare uma empresa Scribd logo
1
DÉCIMA SEXTA AULA DE GRAMÁTICA - INTERNET
Professora: Sandra Franco
COLOCAÇÃO PRONOMINAL
1. Colocação dos pronomes átonos.
2. Ocorrência de próclise, ênclise e mesóclise.
3. Colocação dos pronomes átonos nas locuções
verbais.
4. Exercícios.
_______________________________________________
1. Colocação dos pronomes átonos.
Antes de nós começarmos a estudar algumas diretrizes
gramaticais sobre a colocação dos pronomes oblíquos átonos
(ME - TE - SE - LHE - LHES - O - A - OS - AS - NOS – VOS),
faz-se necessário deixar claro que se trata de um assunto
controvertido na nossa língua. Estamos falando da colocação
desses pronomes em relação aos verbos: antes, no meio ou
depois deles. Essas três posições são nomeadas da seguinte
forma:
____________________________________________________
Próclise: o pronome é posto antes do verbo.
“Eu quero que você me aqueça neste inverno”
Mesóclise: o pronome é posto no meio do verbo.
Dar-te-ia tudo para que ficasses ao meu lado.
Ênclise: o pronome é posto depois do verbo.
Aqueça-me neste inverno.
_____________________________________________________
2
A própria Gramática orienta para que as regras sejam
usadas, seguindo-se o princípio da eufonia, quer dizer do som que
parecer mais “belo”; a construção que soar melhor aos ouvidos.
De fato, não é bem assim: usamos os pronomes oblíquos de
uma maneira, quando falamos, e eu diria que até na escrita em
geral; mas a Gramática orienta para outra, não exatamente a que
nos parece “soar” melhor. Esse problema já é antigo. Leia esse
poema de Oswald de Andrade, modernista da primeira metade do
século passado.
______________________________________________
Pronominais
Dê-me um cigarro
Diz a gramática
Do professor e do aluno
E do mulato sabido
Mas o bom negro e o bom branco
Da Nação brasileira
Dizem todos os dias
Deixa disso camarada
Me dá um cigarro.
Creio que você entendeu o “problema”... Nós temos a nossa
maneira de usar o pronome, que não é a mesma dos portugueses;
sonoridade do português brasileiro é diferente. Mesmo assim, para
o vestibular, e sempre que você fizer uso da norma culta, será
necessário observar algumas regras básicas. Vamos a elas:
2. Ocorrência de próclise, ênclise e mesóclise.
2.1 A próclise é obrigatória quando houver palavra atrativa
3
antes do verbo, desde que entre a palavra atrativa e o verbo não
haja pausa, marcada na escrita por sinal de pontuação.
Casos de Próclise
1. Palavras de sentido negativo (não, nunca,
ninguém, nada, jamais).
Ninguém me chamou...
2. Advérbios.
Ontem a avisaram sobre o ocorrido.
Ontem, avisaram-na sobre o ocorrido. Aqui se trabalha
3. Conjunções subordinativas e pronomes relativos.
Ele desejava que se entendessem.
4. Pronomes indefinidos, pronomes demonstrativos.
Todos se impressionaram com aqueles fatos.
5. Nas orações iniciadas por pronomes ou advérbios
interrogativos.
Quem te contou isso?
6. Nas orações iniciadas por palavras exclamativas.
Como me sinto feliz!
7. Nas orações que exprimem desejo (orações
optativas).
Deus te ajude!
8. Com verbo no gerúndio precedido da preposição
“em”.
4
Em se tratando de assuntos do coração, é melhor deixar de
lado a razão.
9. Nas orações sindéticas alternativas.
Ou se decidia pela compra ou desistia de vez.
_____________________________________________________
2.2 A mesóclise só ocorre se o verbo estiver no futuro do
presente ou no futuro de pretérito, sem que haja fator de próclise.
Os amigos encontrar-se-ão na festa.
Os amigos não se encontrarão na festa.
2.3 A ênclise pode ser considerada a colocação básica no
Brasil, pois segue a ordem direta dos elementos da oração:
sujeito, verbo e complemento.
Casos de Ênclise
a) Não se inicia frase com pronome oblíquo átono.
Devolveram-me os livros.
b) Com o verbo no infinitivo impessoal.
Era necessário envolver-nos com o projeto.
_____________________________________________________
Muito bem: o que ocorrerá se você tiver dois verbos
formando a oração? Caso apareça uma locução verbal, você terá
de analisar se há elementos para que ocorra próclise, ênclise ou
mesóclise e quais os verbos principais dessa locução. Por vezes,
5
haverá duas opções, observe. Relembrando: locução verbal é a
reunião de dois ou mais verbos para exprimir uma só ação. O
primeiro verbo é chamado auxiliar; o último é o principal e está
sempre no infinitivo, no gerúndio ou no particípio.
__________________________________________________
3. Colocação dos pronomes oblíquos nas locuções
verbais
3.1 Verbo auxiliar + verbo principal infinitivo ou gerúndio.
a) Sem fator de próclise
Quero-lhe falar algumas coisas.
Quero falar-lhe algumas coisas.
Atenção: a tendência no Brasil é a de se colocar o pronome no
meio dos verbos, mas sem hífen. Neste caso, passa-se a ter o
pronome proclítico ao principal, que não é a forma indicada pelas
regras gramaticais.
b) Com fator de próclise
Não lhe quero falar algumas coisas.
Não quero falar-lhe algumas coisas.
3.2 Verbo auxiliar + verbo principal particípio
a) Sem fator de próclise
Tinha-lhe contado a verdade.
b) Com fator de próclise
Não lhe tinha contado a verdade.
6
Observe que se o verbo auxiliar estiver no futuro do indicativo,
ocorrerá mesóclise.
Ter-me-iam entregado os convites.
Atenção: não se pode ligar pronome oblíquo a verbos no
particípio.
_______________________________________________________
3.3. Verbo auxiliar + verbo principal no infinitivo com
preposição
Começou a se preparar para o exame.
Começou a preparar-se para o exame.
Exercícios
1) Quanto à colocação pronominal:
I)Eu nunca direi-lhe o que nos aconteceu.
II)Quem convidou-o para a festa ?
III)Não tenho certeza se as cumprimentei.
IV)Pedir-lhe-ei um favor.
a)Todas as frases estão corretas
b)estão corretas as frases I e II
c)estão corretas as frases III e IV
d) somente a frase III está correta
e)todas as frases estão incorretas
2) (Santa Casa) Há um erro de colocação pronominal em:
a) "Sempre a quis como namorada."
b) "Os soldados não lhe obedeceram as ordens."
c) "Todos me disseram o mesmo."
7
d) "Recusei a idéia que apresentaram-me."
e) "Quando a cumprimentaram, ela desmaiou."
3) (Música-Santos) Assinale a única alternativa incorreta quanto à
colocação pronominal:
a) Agora, ajeite-se como quiser.
b) Agora convenci-me da verdade.
c) Se se pode ir, vai-se.
d) Quanta honra nos dá sua visita!
e) Quanta honra encontrá-la.
4) (Fund. Carlos chagas) Quem.........estragado que
.......de.......... Assinale a alternativa que completa
adequadamente as lacunas:
a) o trouxe- encarregue-se- consertá-lo
b) o trouxe- se encarregue- consertá-lo
c) trouxe-o- se encarregue- o consertar
d) trouxe-o- se encarregue- consertá-lo
e) trouxe-o- encarregue-se- o consertar.
5) (Santa Casa) Os técnicos...........bem para os jogos, mas,
..........contra nova derrota, pediam que treinasse ainda mais.
Assinale a alternativa que completa as lacunas, segundo a norma
culta:
a) o haviam preparado- se tentando precaver
b) haviam preparado-o - se tentando precaver
c) haviam preparado-o - tentando precaver-se
d) haviam-no preparado - se tentando precaver
e) haviam-no preparado - tentando precaver-se
6))(Fac.Brás Cubas) Apontar a sentença que deverá ser corrigida:
8
a) Poderá resolver-se o caso imediatamente.
b) Sabes o que se deverá dizer ao professor?
c) Poder-se-á resolver o caso imediatamente.
d) Sabe o que deverá dizer-se ao professor?
e) Poderá-se resolver o caso imediatamente.
_____________________________________________________
GABARITO
1. b
2. d
3. b
4. b
5. e
6. e

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
Péricles Penuel
 
Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)
Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)
Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)
Atividades Diversas Cláudia
 
SLIDES – PARÓDIA.
SLIDES – PARÓDIA.SLIDES – PARÓDIA.
SLIDES – PARÓDIA.
Tissiane Gomes
 
Estrutura e formação da palavra 6 e 7 ano
Estrutura e formação da palavra 6 e 7 anoEstrutura e formação da palavra 6 e 7 ano
Estrutura e formação da palavra 6 e 7 ano
Nivea Neves
 
A Poesia Visual
A  Poesia  VisualA  Poesia  Visual
A Poesia Visual
tita
 
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuaisConto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Maurício Francisco Dos Santos
 
Vozes verbais
Vozes verbaisVozes verbais
Vozes verbais
Fábio Guimarães
 
Grade de correção da redação
Grade de correção da redaçãoGrade de correção da redação
Grade de correção da redação
Any Santos
 
Verbos
VerbosVerbos
Verbos
whybells
 
Aposto e Vocativo
Aposto e VocativoAposto e Vocativo
Aposto e Vocativo
Thiago Rodrigues
 
Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano ...
   Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano     ...   Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano     ...
Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano ...
Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino
 
Poema visual 8º ano
Poema visual 8º anoPoema visual 8º ano
Poema visual 8º ano
Maurício Marques
 
Gabaritooo 8 ano
Gabaritooo 8 anoGabaritooo 8 ano
Gabaritooo 8 ano
Luciane Xavier
 
Estrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason Lima
Estrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason LimaEstrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason Lima
Estrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason Lima
jasonrplima
 
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
Habilidades bncc  6ano ao 9anoHabilidades bncc  6ano ao 9ano
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
Mauro Cesar Silva
 
Trovadorismo I
Trovadorismo ITrovadorismo I
Trovadorismo I
Cláudia Heloísa
 
Tipos de variação linguística
Tipos de variação linguísticaTipos de variação linguística
Tipos de variação linguística
Nivea Neves
 
Atrás trás e traz
Atrás trás e trazAtrás trás e traz
Atrás trás e traz
Sônia Marques
 
Desinências verbais
Desinências verbaisDesinências verbais
Desinências verbais
Adolfo Hickmann
 
Variedades linguísticas
Variedades linguísticasVariedades linguísticas
Variedades linguísticas
Cláudia Heloísa
 

Mais procurados (20)

Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
 
Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)
Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)
Colora a imagem e faça uma produção de texto sobre a diversidade cultural (1)
 
SLIDES – PARÓDIA.
SLIDES – PARÓDIA.SLIDES – PARÓDIA.
SLIDES – PARÓDIA.
 
Estrutura e formação da palavra 6 e 7 ano
Estrutura e formação da palavra 6 e 7 anoEstrutura e formação da palavra 6 e 7 ano
Estrutura e formação da palavra 6 e 7 ano
 
A Poesia Visual
A  Poesia  VisualA  Poesia  Visual
A Poesia Visual
 
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuaisConto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
 
Vozes verbais
Vozes verbaisVozes verbais
Vozes verbais
 
Grade de correção da redação
Grade de correção da redaçãoGrade de correção da redação
Grade de correção da redação
 
Verbos
VerbosVerbos
Verbos
 
Aposto e Vocativo
Aposto e VocativoAposto e Vocativo
Aposto e Vocativo
 
Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano ...
   Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano     ...   Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano     ...
Atividade de português: Orações coordenadas sindéticas – 8º ou 9º ano ...
 
Poema visual 8º ano
Poema visual 8º anoPoema visual 8º ano
Poema visual 8º ano
 
Gabaritooo 8 ano
Gabaritooo 8 anoGabaritooo 8 ano
Gabaritooo 8 ano
 
Estrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason Lima
Estrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason LimaEstrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason Lima
Estrutura verbal - exercícios com gabarito - Tales - Professor Jason Lima
 
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
Habilidades bncc  6ano ao 9anoHabilidades bncc  6ano ao 9ano
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
 
Trovadorismo I
Trovadorismo ITrovadorismo I
Trovadorismo I
 
Tipos de variação linguística
Tipos de variação linguísticaTipos de variação linguística
Tipos de variação linguística
 
Atrás trás e traz
Atrás trás e trazAtrás trás e traz
Atrás trás e traz
 
Desinências verbais
Desinências verbaisDesinências verbais
Desinências verbais
 
Variedades linguísticas
Variedades linguísticasVariedades linguísticas
Variedades linguísticas
 

Semelhante a Gramática aula 16 - colocação pronominal

Gramática aula 16 - colocação pronominal
Gramática   aula 16 - colocação pronominalGramática   aula 16 - colocação pronominal
Gramática aula 16 - colocação pronominal
mfmpafatima
 
Língua Portuguesa para Concursos
Língua Portuguesa para ConcursosLíngua Portuguesa para Concursos
Língua Portuguesa para Concursos
Editora Juspodivm
 
Apostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeliApostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeli
Ana Paula Machado
 
Gramática aula 15 - concordância nominal ii
Gramática   aula 15 - concordância nominal iiGramática   aula 15 - concordância nominal ii
Gramática aula 15 - concordância nominal ii
mfmpafatima
 
SLIDE5.pdf
SLIDE5.pdfSLIDE5.pdf
SLIDE5.pdf
aidagarcia67
 
01.Pronomes clíticos em LP.pptx
01.Pronomes clíticos em LP.pptx01.Pronomes clíticos em LP.pptx
01.Pronomes clíticos em LP.pptx
yussiriabdul
 
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
CrisCriss6
 
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
Colégio Waldorf Micael
 
Apostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeliApostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeli
sandra oliveira
 
Apostila bnb2014 portugues_zambeli
Apostila bnb2014 portugues_zambeliApostila bnb2014 portugues_zambeli
Apostila bnb2014 portugues_zambeli
Eliene Meira
 
Exercícios colocação pronominal
Exercícios colocação pronominalExercícios colocação pronominal
Exercícios colocação pronominal
Prof Palmito Rocha
 
Colocação pronominal
Colocação pronominalColocação pronominal
Colocação pronominal
Gedalias .
 
Pronomes pessoais em adjacência verbal
Pronomes pessoais em adjacência verbalPronomes pessoais em adjacência verbal
Pronomes pessoais em adjacência verbal
Maria Gomes
 
Gramática - Predicação Verbal e Complementos Verbais
Gramática - Predicação Verbal e Complementos VerbaisGramática - Predicação Verbal e Complementos Verbais
Gramática - Predicação Verbal e Complementos Verbais
Carson Souza
 
Pronome 7o ano 1 o bimestre
Pronome 7o ano 1 o bimestrePronome 7o ano 1 o bimestre
Pronome 7o ano 1 o bimestre
Marcia Facelli
 
Colocação pronominal
Colocação pronominalColocação pronominal
Colocação pronominal
Rosiane Fernandes
 
Concordância (tudo)
Concordância (tudo)Concordância (tudo)
Concordância (tudo)
professorakathia
 
Bndes apostila português - prof. carlos zambelli
Bndes   apostila português - prof. carlos zambelliBndes   apostila português - prof. carlos zambelli
Bndes apostila português - prof. carlos zambelli
William Soph
 
Casa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeliCasa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeli
marcosdcl
 
Casa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeliCasa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeli
Vanessa Mello
 

Semelhante a Gramática aula 16 - colocação pronominal (20)

Gramática aula 16 - colocação pronominal
Gramática   aula 16 - colocação pronominalGramática   aula 16 - colocação pronominal
Gramática aula 16 - colocação pronominal
 
Língua Portuguesa para Concursos
Língua Portuguesa para ConcursosLíngua Portuguesa para Concursos
Língua Portuguesa para Concursos
 
Apostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeliApostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeli
 
Gramática aula 15 - concordância nominal ii
Gramática   aula 15 - concordância nominal iiGramática   aula 15 - concordância nominal ii
Gramática aula 15 - concordância nominal ii
 
SLIDE5.pdf
SLIDE5.pdfSLIDE5.pdf
SLIDE5.pdf
 
01.Pronomes clíticos em LP.pptx
01.Pronomes clíticos em LP.pptx01.Pronomes clíticos em LP.pptx
01.Pronomes clíticos em LP.pptx
 
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
 
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
2-¦M-PORTUGUèS-ativ.-5-Classes-gramaticais.pdf
 
Apostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeliApostila mpe-carlos-zambeli
Apostila mpe-carlos-zambeli
 
Apostila bnb2014 portugues_zambeli
Apostila bnb2014 portugues_zambeliApostila bnb2014 portugues_zambeli
Apostila bnb2014 portugues_zambeli
 
Exercícios colocação pronominal
Exercícios colocação pronominalExercícios colocação pronominal
Exercícios colocação pronominal
 
Colocação pronominal
Colocação pronominalColocação pronominal
Colocação pronominal
 
Pronomes pessoais em adjacência verbal
Pronomes pessoais em adjacência verbalPronomes pessoais em adjacência verbal
Pronomes pessoais em adjacência verbal
 
Gramática - Predicação Verbal e Complementos Verbais
Gramática - Predicação Verbal e Complementos VerbaisGramática - Predicação Verbal e Complementos Verbais
Gramática - Predicação Verbal e Complementos Verbais
 
Pronome 7o ano 1 o bimestre
Pronome 7o ano 1 o bimestrePronome 7o ano 1 o bimestre
Pronome 7o ano 1 o bimestre
 
Colocação pronominal
Colocação pronominalColocação pronominal
Colocação pronominal
 
Concordância (tudo)
Concordância (tudo)Concordância (tudo)
Concordância (tudo)
 
Bndes apostila português - prof. carlos zambelli
Bndes   apostila português - prof. carlos zambelliBndes   apostila português - prof. carlos zambelli
Bndes apostila português - prof. carlos zambelli
 
Casa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeliCasa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeli
 
Casa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeliCasa bndes-portugues-zambeli
Casa bndes-portugues-zambeli
 

Último

Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
FLAVIOROBERTOGOUVEA
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
Vanessa F. Rezende
 
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da químicaTEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
VictorEmanoel37
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 

Último (20)

Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
 
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da químicaTEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 

Gramática aula 16 - colocação pronominal

  • 1. 1 DÉCIMA SEXTA AULA DE GRAMÁTICA - INTERNET Professora: Sandra Franco COLOCAÇÃO PRONOMINAL 1. Colocação dos pronomes átonos. 2. Ocorrência de próclise, ênclise e mesóclise. 3. Colocação dos pronomes átonos nas locuções verbais. 4. Exercícios. _______________________________________________ 1. Colocação dos pronomes átonos. Antes de nós começarmos a estudar algumas diretrizes gramaticais sobre a colocação dos pronomes oblíquos átonos (ME - TE - SE - LHE - LHES - O - A - OS - AS - NOS – VOS), faz-se necessário deixar claro que se trata de um assunto controvertido na nossa língua. Estamos falando da colocação desses pronomes em relação aos verbos: antes, no meio ou depois deles. Essas três posições são nomeadas da seguinte forma: ____________________________________________________ Próclise: o pronome é posto antes do verbo. “Eu quero que você me aqueça neste inverno” Mesóclise: o pronome é posto no meio do verbo. Dar-te-ia tudo para que ficasses ao meu lado. Ênclise: o pronome é posto depois do verbo. Aqueça-me neste inverno. _____________________________________________________
  • 2. 2 A própria Gramática orienta para que as regras sejam usadas, seguindo-se o princípio da eufonia, quer dizer do som que parecer mais “belo”; a construção que soar melhor aos ouvidos. De fato, não é bem assim: usamos os pronomes oblíquos de uma maneira, quando falamos, e eu diria que até na escrita em geral; mas a Gramática orienta para outra, não exatamente a que nos parece “soar” melhor. Esse problema já é antigo. Leia esse poema de Oswald de Andrade, modernista da primeira metade do século passado. ______________________________________________ Pronominais Dê-me um cigarro Diz a gramática Do professor e do aluno E do mulato sabido Mas o bom negro e o bom branco Da Nação brasileira Dizem todos os dias Deixa disso camarada Me dá um cigarro. Creio que você entendeu o “problema”... Nós temos a nossa maneira de usar o pronome, que não é a mesma dos portugueses; sonoridade do português brasileiro é diferente. Mesmo assim, para o vestibular, e sempre que você fizer uso da norma culta, será necessário observar algumas regras básicas. Vamos a elas: 2. Ocorrência de próclise, ênclise e mesóclise. 2.1 A próclise é obrigatória quando houver palavra atrativa
  • 3. 3 antes do verbo, desde que entre a palavra atrativa e o verbo não haja pausa, marcada na escrita por sinal de pontuação. Casos de Próclise 1. Palavras de sentido negativo (não, nunca, ninguém, nada, jamais). Ninguém me chamou... 2. Advérbios. Ontem a avisaram sobre o ocorrido. Ontem, avisaram-na sobre o ocorrido. Aqui se trabalha 3. Conjunções subordinativas e pronomes relativos. Ele desejava que se entendessem. 4. Pronomes indefinidos, pronomes demonstrativos. Todos se impressionaram com aqueles fatos. 5. Nas orações iniciadas por pronomes ou advérbios interrogativos. Quem te contou isso? 6. Nas orações iniciadas por palavras exclamativas. Como me sinto feliz! 7. Nas orações que exprimem desejo (orações optativas). Deus te ajude! 8. Com verbo no gerúndio precedido da preposição “em”.
  • 4. 4 Em se tratando de assuntos do coração, é melhor deixar de lado a razão. 9. Nas orações sindéticas alternativas. Ou se decidia pela compra ou desistia de vez. _____________________________________________________ 2.2 A mesóclise só ocorre se o verbo estiver no futuro do presente ou no futuro de pretérito, sem que haja fator de próclise. Os amigos encontrar-se-ão na festa. Os amigos não se encontrarão na festa. 2.3 A ênclise pode ser considerada a colocação básica no Brasil, pois segue a ordem direta dos elementos da oração: sujeito, verbo e complemento. Casos de Ênclise a) Não se inicia frase com pronome oblíquo átono. Devolveram-me os livros. b) Com o verbo no infinitivo impessoal. Era necessário envolver-nos com o projeto. _____________________________________________________ Muito bem: o que ocorrerá se você tiver dois verbos formando a oração? Caso apareça uma locução verbal, você terá de analisar se há elementos para que ocorra próclise, ênclise ou mesóclise e quais os verbos principais dessa locução. Por vezes,
  • 5. 5 haverá duas opções, observe. Relembrando: locução verbal é a reunião de dois ou mais verbos para exprimir uma só ação. O primeiro verbo é chamado auxiliar; o último é o principal e está sempre no infinitivo, no gerúndio ou no particípio. __________________________________________________ 3. Colocação dos pronomes oblíquos nas locuções verbais 3.1 Verbo auxiliar + verbo principal infinitivo ou gerúndio. a) Sem fator de próclise Quero-lhe falar algumas coisas. Quero falar-lhe algumas coisas. Atenção: a tendência no Brasil é a de se colocar o pronome no meio dos verbos, mas sem hífen. Neste caso, passa-se a ter o pronome proclítico ao principal, que não é a forma indicada pelas regras gramaticais. b) Com fator de próclise Não lhe quero falar algumas coisas. Não quero falar-lhe algumas coisas. 3.2 Verbo auxiliar + verbo principal particípio a) Sem fator de próclise Tinha-lhe contado a verdade. b) Com fator de próclise Não lhe tinha contado a verdade.
  • 6. 6 Observe que se o verbo auxiliar estiver no futuro do indicativo, ocorrerá mesóclise. Ter-me-iam entregado os convites. Atenção: não se pode ligar pronome oblíquo a verbos no particípio. _______________________________________________________ 3.3. Verbo auxiliar + verbo principal no infinitivo com preposição Começou a se preparar para o exame. Começou a preparar-se para o exame. Exercícios 1) Quanto à colocação pronominal: I)Eu nunca direi-lhe o que nos aconteceu. II)Quem convidou-o para a festa ? III)Não tenho certeza se as cumprimentei. IV)Pedir-lhe-ei um favor. a)Todas as frases estão corretas b)estão corretas as frases I e II c)estão corretas as frases III e IV d) somente a frase III está correta e)todas as frases estão incorretas 2) (Santa Casa) Há um erro de colocação pronominal em: a) "Sempre a quis como namorada." b) "Os soldados não lhe obedeceram as ordens." c) "Todos me disseram o mesmo."
  • 7. 7 d) "Recusei a idéia que apresentaram-me." e) "Quando a cumprimentaram, ela desmaiou." 3) (Música-Santos) Assinale a única alternativa incorreta quanto à colocação pronominal: a) Agora, ajeite-se como quiser. b) Agora convenci-me da verdade. c) Se se pode ir, vai-se. d) Quanta honra nos dá sua visita! e) Quanta honra encontrá-la. 4) (Fund. Carlos chagas) Quem.........estragado que .......de.......... Assinale a alternativa que completa adequadamente as lacunas: a) o trouxe- encarregue-se- consertá-lo b) o trouxe- se encarregue- consertá-lo c) trouxe-o- se encarregue- o consertar d) trouxe-o- se encarregue- consertá-lo e) trouxe-o- encarregue-se- o consertar. 5) (Santa Casa) Os técnicos...........bem para os jogos, mas, ..........contra nova derrota, pediam que treinasse ainda mais. Assinale a alternativa que completa as lacunas, segundo a norma culta: a) o haviam preparado- se tentando precaver b) haviam preparado-o - se tentando precaver c) haviam preparado-o - tentando precaver-se d) haviam-no preparado - se tentando precaver e) haviam-no preparado - tentando precaver-se 6))(Fac.Brás Cubas) Apontar a sentença que deverá ser corrigida:
  • 8. 8 a) Poderá resolver-se o caso imediatamente. b) Sabes o que se deverá dizer ao professor? c) Poder-se-á resolver o caso imediatamente. d) Sabe o que deverá dizer-se ao professor? e) Poderá-se resolver o caso imediatamente. _____________________________________________________ GABARITO 1. b 2. d 3. b 4. b 5. e 6. e