SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 29
Baixar para ler offline
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A primeira forma organizada de ocupação do território canadense foi feita pelos
franceses.
Na década de
1540, alguns
exploradores
franceses
descobriram que o
rio São Lourenço
era um acesso
natural ao interior
do Canadá a partir
do litoral, e esse
fato impulsionou
vigorosamente a
colonização de um
vasto território
que se estendia
até os Grandes
Lagos.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Depois de prolongada guerra com os indígenas, entre 1600 e 1630, os
franceses ocuparam definitivamente o Vale do Rio São Lourenço.
A região recebeu o nome de Nova
França.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Para efetivar a colonização, o governo francês distribuiu terras para aqueles que
quisessem morar na Nova França.
As terras foram entregues à famílias aristocratas e estas a arrendaram aos colonos.
Aristocracia: grupo social com grande
poder econômico e político
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Começaram então os plantios comunitários, cuja produção destinava-se
unicamente à subsistência dos próprios colonos.
Por isso o comércio da Nova França com a metrópole praticamente não
prosperou, situação que persistiu até o século XIX.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Começaram então os plantios comunitários, cuja produção destinava-se
unicamente à subsistência dos próprios colonos.
Por isso o comércio da Nova França com a metrópole praticamente não
prosperou, situação que persistiu até o século XIX.
Colônias de Povoamento: os colonizadores se
encaminharam para as colônias sem a intenção
de retornar para a Metrópole e, por isso,
planejaram a estrutura da colônia com o
objetivo de construir uma nação com bases
sólidas, pensando no futuro das futuras
gerações da mesma
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Já as terras colonizadas pelos ingleses, a noroeste, tinham uma forte função comercial.
Devido à necessidade de escoar a produção colonial para a metrópole, os ingleses
tentaram tomar dos franceses o controle do vale do rio São Lourenço, um caminho
natural que conduz as águas dos Grandes Lagos ao Atlântico.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Evidentemente, esse choque de interesses entre colonizadores ingleses e franceses
gerou, no século XVIII, grandes rivalidades entre as duas maiores potências europeias.
Crescente tensões surgiram, levando a disputas violentas por territórios coloniais na
América do Norte e também no Oriente.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Evidentemente, esse choque de interesses entre colonizadores ingleses e franceses
gerou, no século XVIII, grandes rivalidades entre as duas maiores potências europeias.
Crescente tensões surgiram, levando a disputas violentas por territórios coloniais na
América do Norte e também no Oriente.
Essa crise ajudou a criar a Guerra dos Sete
Anos (1756-1763). Mais numerosos e
melhor aparelhados, os ingleses venceram
os franceses.
Como resultado de sua derrota, a França
foi obrigada a ceder o Vale do Rio São
Lourenço para o governo britânico.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Portanto, no processo de colonização, franceses e ingleses formaram a base da
população canadense.
No país, há duas línguas oficiais, o inglês e o Francês.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Portanto, no processo de colonização, franceses e ingleses formaram a base da
população canadense.
No país, há duas línguas oficiais, o inglês e o Francês.
A população de origem britânica é maioria
no país (em torno de 44%). A de origem
francesa constitui cerca de 30%, os
descendentes da população nativa
(indígenas e inuítes) é constituída por cerca
de 4%. O restante é formado por
descendentes de outros europeus e
imigrantes asiáticos.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Nos últimos anos alguns problemas relacionados à população estão afligindo o país.
A redução do número de nascimentos tem elevado o percentual de idosos em relação
a população total.
A cada dia cresce o número de trabalhadores que se aposentam e que
precisam ser substituídos. A carência gerada por essas aposentadorias
tem sido suprida pela imigração.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o
idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o
idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje.
Devido às diferenças em relação ao restante do país, a província de Quebec está
constantemente envolvida em questões de emancipação, o que parece ser um eterno
problema para o país.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o
idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje.
Devido às diferenças em relação ao restante do país, a província de Quebec está
constantemente envolvida em questões de emancipação, o que parece ser um eterno
problema para o país.
Em 1980, foi realizado um plebiscito nessa província para que seus moradores
aprovassem a separação em relação ao Canadá. Entretanto a separação foi rejeitada
por 59,5% dos eleitores.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o
idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje.
Devido às diferenças em relação ao restante do país, a província de Quebec está
constantemente envolvida em questões de emancipação, o que parece ser um eterno
problema para o país.
Em 1980, foi realizado um plebiscito nessa província para que seus moradores
aprovassem a separação em relação ao Canadá. Entretanto a separação foi rejeitada
por 59,5% dos eleitores.
Desde então, quando o Partido de Quebec, que é separatista, sobe ao poder, a
questão da separação é a mais cogitada e debatida. Foi o que ocorreu em 1995,
quando houve um novo plebiscito e os separatistas perderam por uma diferença de
apenas 1%(50 mil votos).
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A província de Quebec responde por cerca de 1/5 de tudo que é produzido no país e
por ¼ da população, possuindo dessa forma, peso considerável na vida econômica e
política do Canadá.
Em 1985, manifestantes pró-separação reúnem-se para discutir suas posições. Apesar da grande prosperidade
econômica o Canadá ainda enfrenta tensões com o separatismo de Quebec.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A palavra autóctone, no Canadá, é empregada para designar os indígenas, os inuítes
(esquimós) e os mestiços que resultaram da mistura entre brancos e índios.
A população autóctone representa apenas 2% da população total do Canadá.
Houve de fato nesses últimos séculos um enorme genocídio (extermínio) dos
indígenas canadenses e também, em menor proporção dos inuítes, ou esquimós (que
habitam o norte do país, próximo a região Ártica)
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
A partir da metade do século XX, importantes recursos minerais (inclusive petróleo),
localizados em terras dessas minorias étnicas, começaram a ser explorados pelas
grandes empresas canadenses ou norte-americanas.
Com isso, esses povos (autóctones) perceberam a possibilidade de se fazerem
reconhecer no seio do país.
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Província semiautônoma de
NUNAVUT
Área tradicionalmente povoada
pelo povo inuíte (esquimós).
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
O que significa ser uma província SEMIAUTÔNOMA?
Significa que o governo canadense fez um tratado com o povo inuíte concedendo-lhe
autonomia total de exploração de 20% do território da província e de direito de 5%
dos lucros gerados pela exploração do restante do território. (Em troca, os inuítes desistiram
de ações legais sobre a posse do território que mantinham contra o governo canadense)
Província semiautônoma de
NUNAVUT
Área tradicionalmente povoada
pelo povo inuíte (esquimós).
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
FONTE:MUNDO ESTRANHO
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
ALMANAQUE ABRIL, 2014
CASTELLAR, Sônia; MAESTRO, Valter. Geografia, uma leitura do mundi. São Paulo: Quinteto Editorial, 2009.
GARCIA, Helio Carlos; GARAVELLO, Tito Marcio. O espaço geográfico da América, Oceania e regiões polares.
São Paulo: Scipione, 2009.
LUCCI, Elian Alabi; BRANCO, Anselmo Lazaro. Geografia: homem & espaço. São Paulo: Saraiva, 2010.
TAMDIJIAN, James Onnig, MENDES, Ivan Lazzari. Estudos de Geografia: o espaço do mundo I. São Paulo: FTD,
2008.
VESENTINI, José Willian; VLACH, Vânia. Geografia Crítica: Geografia do mundo industrializado. São Paulo:
Ática,2010.
Sites consultados:
http://www.windows2universe.org/earth/polar/inuit_image_gallery.html
http://www.canadainternational.gc.ca
http://blogdoklil.blogspot.com.br/2012/08/infografico-revista-mundo-estranho.html
http://revistaescola.abril.com.br
http://www.salesianoniteroi.com.br/SR/dest298/7E/trabalhos%20de%20colegio%20inuite%20como%20a%20polui%C3%A7
ao%20..._arquivos/image002.jpg
http://www.arquitetonico.ufsc.br/cidades-subterraneas
http://oitoronto.com.br/824/cidade-subterranea-canada-path/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Comércio mundial.
Comércio mundial.Comércio mundial.
Comércio mundial.Camila Brito
 
América anglo saxônica
América anglo saxônicaAmérica anglo saxônica
América anglo saxônicaProfessor
 
Estado nação, território e poder
Estado nação, território e poderEstado nação, território e poder
Estado nação, território e poderVinicius Coelho
 
Europa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturaisEuropa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturaisProfessor
 
Formação Territorial Do Brasil
Formação Territorial Do BrasilFormação Territorial Do Brasil
Formação Territorial Do BrasilLuciano Pessanha
 
A Regionalização da América
A Regionalização da AméricaA Regionalização da América
A Regionalização da AméricaCadernizando
 
Slides estados unidos - potência econômica e militar
Slides   estados unidos - potência econômica e militarSlides   estados unidos - potência econômica e militar
Slides estados unidos - potência econômica e militarRenata Leão
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicosArtur Lara
 
África Colonização e Descolonização
África  Colonização e DescolonizaçãoÁfrica  Colonização e Descolonização
África Colonização e DescolonizaçãoRodrigo Baglini
 
Formação do território brasileiro!
Formação do território brasileiro!Formação do território brasileiro!
Formação do território brasileiro!Marcelo Caetano
 
A regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialA regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialUilson Pereira da Silva
 
Europa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto históricoEuropa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto históricoColégio Nova Geração COC
 
Industrialização e urbanização brasileira 7 ano
Industrialização e urbanização brasileira 7 anoIndustrialização e urbanização brasileira 7 ano
Industrialização e urbanização brasileira 7 anoEponina Alencar
 
Continente Asiático
Continente AsiáticoContinente Asiático
Continente AsiáticoCel Rufino
 

Mais procurados (20)

Comércio mundial.
Comércio mundial.Comércio mundial.
Comércio mundial.
 
América anglo saxônica
América anglo saxônicaAmérica anglo saxônica
América anglo saxônica
 
Estado nação, território e poder
Estado nação, território e poderEstado nação, território e poder
Estado nação, território e poder
 
Europa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturaisEuropa – aspectos naturais
Europa – aspectos naturais
 
Estados unidos da américa
Estados unidos da américaEstados unidos da américa
Estados unidos da américa
 
oriente medio
oriente mediooriente medio
oriente medio
 
China
ChinaChina
China
 
Formação Territorial Do Brasil
Formação Territorial Do BrasilFormação Territorial Do Brasil
Formação Territorial Do Brasil
 
A Regionalização da América
A Regionalização da AméricaA Regionalização da América
A Regionalização da América
 
Slides estados unidos - potência econômica e militar
Slides   estados unidos - potência econômica e militarSlides   estados unidos - potência econômica e militar
Slides estados unidos - potência econômica e militar
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
África Colonização e Descolonização
África  Colonização e DescolonizaçãoÁfrica  Colonização e Descolonização
África Colonização e Descolonização
 
Continente asiático
Continente asiáticoContinente asiático
Continente asiático
 
Formação do território brasileiro!
Formação do território brasileiro!Formação do território brasileiro!
Formação do território brasileiro!
 
A regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialA regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundial
 
Oriente Médio
Oriente MédioOriente Médio
Oriente Médio
 
Europa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto históricoEuropa economia, população e contexto histórico
Europa economia, população e contexto histórico
 
A população européia
A população européiaA população européia
A população européia
 
Industrialização e urbanização brasileira 7 ano
Industrialização e urbanização brasileira 7 anoIndustrialização e urbanização brasileira 7 ano
Industrialização e urbanização brasileira 7 ano
 
Continente Asiático
Continente AsiáticoContinente Asiático
Continente Asiático
 

Semelhante a Canadá formação

Formação da população e expansão eua
Formação da população e expansão euaFormação da população e expansão eua
Formação da população e expansão euaFernanda Lopes
 
áFrica formação das nações africanas
áFrica formação das nações africanasáFrica formação das nações africanas
áFrica formação das nações africanasFernanda Lopes
 
Apresentação de historia ii unidade
Apresentação de historia ii unidadeApresentação de historia ii unidade
Apresentação de historia ii unidadeUelder Santos
 
colonização da América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013
colonização da  América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013colonização da  América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013
colonização da América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013Uelder Santos
 
Anglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 coloniasAnglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 coloniasFernanda Lopes
 
Anglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 coloniasAnglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 coloniasFernanda Lopes
 
Relendo Macahé em Viagem à Terra do Brasil 1
Relendo Macahé em  Viagem à Terra do Brasil 1Relendo Macahé em  Viagem à Terra do Brasil 1
Relendo Macahé em Viagem à Terra do Brasil 1Marcelo Abreu Gomes
 
Região nordeste população e demografia
Região nordeste população e demografiaRegião nordeste população e demografia
Região nordeste população e demografia6i29ol
 
Colonização européia na américa
Colonização européia  na américaColonização européia  na américa
Colonização européia na américaWalter Frederico
 
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)Carlos Benjoino Bidu
 
Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...
Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...
Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...Marco Aurélio Gondim
 
Distribuição da População Mundial
Distribuição da População MundialDistribuição da População Mundial
Distribuição da População MundialDiogo Mateus
 
RELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASIL
RELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASILRELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASIL
RELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASILMarcelo Abreu Gomes
 
PPT - Expansão Territorial Brasileira
PPT - Expansão Territorial BrasileiraPPT - Expansão Territorial Brasileira
PPT - Expansão Territorial Brasileirajosafaslima
 

Semelhante a Canadá formação (20)

Formação da população e expansão eua
Formação da população e expansão euaFormação da população e expansão eua
Formação da população e expansão eua
 
áFrica formação das nações africanas
áFrica formação das nações africanasáFrica formação das nações africanas
áFrica formação das nações africanas
 
Apresentação de historia ii unidade
Apresentação de historia ii unidadeApresentação de historia ii unidade
Apresentação de historia ii unidade
 
colonização da América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013
colonização da  América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013colonização da  América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013
colonização da América do Norte-IFBA-alunos de química 1º ano-2013
 
Anglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 coloniasAnglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 colonias
 
Anglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 coloniasAnglo saxônica 13 colonias
Anglo saxônica 13 colonias
 
Canadá
CanadáCanadá
Canadá
 
Relendo Macahé em Viagem à Terra do Brasil 1
Relendo Macahé em  Viagem à Terra do Brasil 1Relendo Macahé em  Viagem à Terra do Brasil 1
Relendo Macahé em Viagem à Terra do Brasil 1
 
Região nordeste população e demografia
Região nordeste população e demografiaRegião nordeste população e demografia
Região nordeste população e demografia
 
Colonização européia na américa
Colonização européia  na américaColonização européia  na américa
Colonização européia na américa
 
Canadá
CanadáCanadá
Canadá
 
IMPERALISMO.pptx
IMPERALISMO.pptxIMPERALISMO.pptx
IMPERALISMO.pptx
 
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
 
Europa e Europeus - Latinos
Europa e Europeus - LatinosEuropa e Europeus - Latinos
Europa e Europeus - Latinos
 
Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...
Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...
Geografia do Mato Grosso do Sul - População indígena. Blog do Prof. Marco Aur...
 
Distribuição da População Mundial
Distribuição da População MundialDistribuição da População Mundial
Distribuição da População Mundial
 
Resumos hist
Resumos histResumos hist
Resumos hist
 
RELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASIL
RELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASILRELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASIL
RELENDO MACAHÉ - VIAGEM À TERRA DO BRASIL
 
PPT - Expansão Territorial Brasileira
PPT - Expansão Territorial BrasileiraPPT - Expansão Territorial Brasileira
PPT - Expansão Territorial Brasileira
 
COLONIZAÇÃO INGLESA.pptx
COLONIZAÇÃO INGLESA.pptxCOLONIZAÇÃO INGLESA.pptx
COLONIZAÇÃO INGLESA.pptx
 

Mais de Fernanda Lopes

Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020Fernanda Lopes
 
Cap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundoCap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundoFernanda Lopes
 
Piores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da históriaPiores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da históriaFernanda Lopes
 
Blocos econômicos primeiro ano
Blocos econômicos  primeiro anoBlocos econômicos  primeiro ano
Blocos econômicos primeiro anoFernanda Lopes
 
Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1Fernanda Lopes
 
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sulCap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sulFernanda Lopes
 
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_neCap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_neFernanda Lopes
 
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazôniaCap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazôniaFernanda Lopes
 
Cap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialistaCap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialistaFernanda Lopes
 
Cap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentradaCap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentradaFernanda Lopes
 
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallllCap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallllFernanda Lopes
 
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilllCap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilllFernanda Lopes
 
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águasQuestões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águasFernanda Lopes
 

Mais de Fernanda Lopes (20)

Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
Cap 1 primeiro ano aula 2-principais conceitos-2020
 
Cap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundoCap 1 da europa para o mundo
Cap 1 da europa para o mundo
 
Mariana tragédia
Mariana tragédiaMariana tragédia
Mariana tragédia
 
Piores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da históriaPiores acidentes nucleares da história
Piores acidentes nucleares da história
 
Fontes de energia
Fontes de energiaFontes de energia
Fontes de energia
 
China conteúdo
China conteúdoChina conteúdo
China conteúdo
 
Blocos econômicos primeiro ano
Blocos econômicos  primeiro anoBlocos econômicos  primeiro ano
Blocos econômicos primeiro ano
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Questão palestina
Questão palestinaQuestão palestina
Questão palestina
 
Conflitos mundiais 2
Conflitos mundiais 2Conflitos mundiais 2
Conflitos mundiais 2
 
Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1Cap 14 conflitos mundiais 1
Cap 14 conflitos mundiais 1
 
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sulCap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
Cap 14 c regiões geoeconômicas_centro sul
 
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_neCap 14 b regiões geoeconômicas_ne
Cap 14 b regiões geoeconômicas_ne
 
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazôniaCap 14 regiões geoeconômicas amazônia
Cap 14 regiões geoeconômicas amazônia
 
Cap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialistaCap 13 mundo ex socialista
Cap 13 mundo ex socialista
 
Rússia país
Rússia paísRússia país
Rússia país
 
Cap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentradaCap 13 b a região concentrada
Cap 13 b a região concentrada
 
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallllCap 12 desenvolvimento mundiallll
Cap 12 desenvolvimento mundiallll
 
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilllCap 12 organização politico administrativa do brasilll
Cap 12 organização politico administrativa do brasilll
 
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águasQuestões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
Questões ambientais buraco ozônio e poluição das águas
 

Canadá formação

  • 1. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 2. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A primeira forma organizada de ocupação do território canadense foi feita pelos franceses. Na década de 1540, alguns exploradores franceses descobriram que o rio São Lourenço era um acesso natural ao interior do Canadá a partir do litoral, e esse fato impulsionou vigorosamente a colonização de um vasto território que se estendia até os Grandes Lagos.
  • 3. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Depois de prolongada guerra com os indígenas, entre 1600 e 1630, os franceses ocuparam definitivamente o Vale do Rio São Lourenço. A região recebeu o nome de Nova França.
  • 4. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Para efetivar a colonização, o governo francês distribuiu terras para aqueles que quisessem morar na Nova França. As terras foram entregues à famílias aristocratas e estas a arrendaram aos colonos. Aristocracia: grupo social com grande poder econômico e político
  • 5. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Começaram então os plantios comunitários, cuja produção destinava-se unicamente à subsistência dos próprios colonos. Por isso o comércio da Nova França com a metrópole praticamente não prosperou, situação que persistiu até o século XIX.
  • 6. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Começaram então os plantios comunitários, cuja produção destinava-se unicamente à subsistência dos próprios colonos. Por isso o comércio da Nova França com a metrópole praticamente não prosperou, situação que persistiu até o século XIX. Colônias de Povoamento: os colonizadores se encaminharam para as colônias sem a intenção de retornar para a Metrópole e, por isso, planejaram a estrutura da colônia com o objetivo de construir uma nação com bases sólidas, pensando no futuro das futuras gerações da mesma
  • 7. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Já as terras colonizadas pelos ingleses, a noroeste, tinham uma forte função comercial. Devido à necessidade de escoar a produção colonial para a metrópole, os ingleses tentaram tomar dos franceses o controle do vale do rio São Lourenço, um caminho natural que conduz as águas dos Grandes Lagos ao Atlântico.
  • 8. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Evidentemente, esse choque de interesses entre colonizadores ingleses e franceses gerou, no século XVIII, grandes rivalidades entre as duas maiores potências europeias. Crescente tensões surgiram, levando a disputas violentas por territórios coloniais na América do Norte e também no Oriente.
  • 9. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Evidentemente, esse choque de interesses entre colonizadores ingleses e franceses gerou, no século XVIII, grandes rivalidades entre as duas maiores potências europeias. Crescente tensões surgiram, levando a disputas violentas por territórios coloniais na América do Norte e também no Oriente. Essa crise ajudou a criar a Guerra dos Sete Anos (1756-1763). Mais numerosos e melhor aparelhados, os ingleses venceram os franceses. Como resultado de sua derrota, a França foi obrigada a ceder o Vale do Rio São Lourenço para o governo britânico.
  • 10. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Portanto, no processo de colonização, franceses e ingleses formaram a base da população canadense. No país, há duas línguas oficiais, o inglês e o Francês.
  • 11. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Portanto, no processo de colonização, franceses e ingleses formaram a base da população canadense. No país, há duas línguas oficiais, o inglês e o Francês. A população de origem britânica é maioria no país (em torno de 44%). A de origem francesa constitui cerca de 30%, os descendentes da população nativa (indígenas e inuítes) é constituída por cerca de 4%. O restante é formado por descendentes de outros europeus e imigrantes asiáticos.
  • 12. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 13. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Nos últimos anos alguns problemas relacionados à população estão afligindo o país. A redução do número de nascimentos tem elevado o percentual de idosos em relação a população total. A cada dia cresce o número de trabalhadores que se aposentam e que precisam ser substituídos. A carência gerada por essas aposentadorias tem sido suprida pela imigração.
  • 14. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje.
  • 15. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje. Devido às diferenças em relação ao restante do país, a província de Quebec está constantemente envolvida em questões de emancipação, o que parece ser um eterno problema para o país.
  • 16. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje. Devido às diferenças em relação ao restante do país, a província de Quebec está constantemente envolvida em questões de emancipação, o que parece ser um eterno problema para o país. Em 1980, foi realizado um plebiscito nessa província para que seus moradores aprovassem a separação em relação ao Canadá. Entretanto a separação foi rejeitada por 59,5% dos eleitores.
  • 17. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Na província de Quebec, predominou a colonização francesa, que determinou o idioma, a cultura e as tradições que a população preserva até hoje. Devido às diferenças em relação ao restante do país, a província de Quebec está constantemente envolvida em questões de emancipação, o que parece ser um eterno problema para o país. Em 1980, foi realizado um plebiscito nessa província para que seus moradores aprovassem a separação em relação ao Canadá. Entretanto a separação foi rejeitada por 59,5% dos eleitores. Desde então, quando o Partido de Quebec, que é separatista, sobe ao poder, a questão da separação é a mais cogitada e debatida. Foi o que ocorreu em 1995, quando houve um novo plebiscito e os separatistas perderam por uma diferença de apenas 1%(50 mil votos).
  • 18. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A província de Quebec responde por cerca de 1/5 de tudo que é produzido no país e por ¼ da população, possuindo dessa forma, peso considerável na vida econômica e política do Canadá. Em 1985, manifestantes pró-separação reúnem-se para discutir suas posições. Apesar da grande prosperidade econômica o Canadá ainda enfrenta tensões com o separatismo de Quebec.
  • 19. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A palavra autóctone, no Canadá, é empregada para designar os indígenas, os inuítes (esquimós) e os mestiços que resultaram da mistura entre brancos e índios. A população autóctone representa apenas 2% da população total do Canadá. Houve de fato nesses últimos séculos um enorme genocídio (extermínio) dos indígenas canadenses e também, em menor proporção dos inuítes, ou esquimós (que habitam o norte do país, próximo a região Ártica)
  • 20. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia A partir da metade do século XX, importantes recursos minerais (inclusive petróleo), localizados em terras dessas minorias étnicas, começaram a ser explorados pelas grandes empresas canadenses ou norte-americanas. Com isso, esses povos (autóctones) perceberam a possibilidade de se fazerem reconhecer no seio do país.
  • 21. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia Província semiautônoma de NUNAVUT Área tradicionalmente povoada pelo povo inuíte (esquimós).
  • 22. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia O que significa ser uma província SEMIAUTÔNOMA? Significa que o governo canadense fez um tratado com o povo inuíte concedendo-lhe autonomia total de exploração de 20% do território da província e de direito de 5% dos lucros gerados pela exploração do restante do território. (Em troca, os inuítes desistiram de ações legais sobre a posse do território que mantinham contra o governo canadense) Província semiautônoma de NUNAVUT Área tradicionalmente povoada pelo povo inuíte (esquimós).
  • 23. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 24. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia FONTE:MUNDO ESTRANHO
  • 25. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 26. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 27. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 28. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia
  • 29. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA BRUM LOPES - Geografia ALMANAQUE ABRIL, 2014 CASTELLAR, Sônia; MAESTRO, Valter. Geografia, uma leitura do mundi. São Paulo: Quinteto Editorial, 2009. GARCIA, Helio Carlos; GARAVELLO, Tito Marcio. O espaço geográfico da América, Oceania e regiões polares. São Paulo: Scipione, 2009. LUCCI, Elian Alabi; BRANCO, Anselmo Lazaro. Geografia: homem & espaço. São Paulo: Saraiva, 2010. TAMDIJIAN, James Onnig, MENDES, Ivan Lazzari. Estudos de Geografia: o espaço do mundo I. São Paulo: FTD, 2008. VESENTINI, José Willian; VLACH, Vânia. Geografia Crítica: Geografia do mundo industrializado. São Paulo: Ática,2010. Sites consultados: http://www.windows2universe.org/earth/polar/inuit_image_gallery.html http://www.canadainternational.gc.ca http://blogdoklil.blogspot.com.br/2012/08/infografico-revista-mundo-estranho.html http://revistaescola.abril.com.br http://www.salesianoniteroi.com.br/SR/dest298/7E/trabalhos%20de%20colegio%20inuite%20como%20a%20polui%C3%A7 ao%20..._arquivos/image002.jpg http://www.arquitetonico.ufsc.br/cidades-subterraneas http://oitoronto.com.br/824/cidade-subterranea-canada-path/