SlideShare uma empresa Scribd logo
DOCENTE: ENF. RAQUEL OLÍMPIO
DICENTES: LÍVIA, RISINETE, IASMIN
COELHO, MARIA APARECIDA, MARIA
DO SOCORRO, HILDEANE
O QUE SÃO AS LIMPEZAS HOSPITALAR?
A HIGIENIZAÇÃO HOSPITALAR CONSISTE
NO USO DE ALGUM EQUIPAMENTO OU
DETERMINADA SUBSTÂNCIA QUE
REDUZA CONSIDERAVELMENTE O NÍVEL
DE BACTÉRIAS NO AMBIENTE OU AS
ELIMINE POR COMPLETO. OS PRODUTOS
QUÍMICOS E O CALOR SÃO EXEMPLOS DE
ALTERNATIVAS UTILIZADAS PARA
HIGIENIZAR CLÍNICAS E HOSPITAIS.
A limpeza concorrente é uma higienização diária
em ambientes de assistência à saúde, que tem
como objetivo de reduzir os riscos de infecções a
pacientes. O procedimento pode ser realizado
duas vezes por dia ou sempre que houver
necessidade.
TÉCNICAS DE LIMPEZA
CONCORRENTE
01
A limpeza terminal é uma limpeza completa realizada
em instituições de saúde, que tem como objetivo
reduzir as sujeiras e os microrganismos para diminuir as
chances de contaminação e transmissão de doenças.
TÉCNICAS DE LIMPEZA TERMINAL
02
Limpeza especifica que também é chamada de
limpeza especial, representa um estágio muito
importante para a higiene hospitalar, onde
ocorre a desinfecção e esterilização constante
dos equipamentos e materiais que estão a uma
distância minima do leito de pacientes
debilitados ou infectados com bactérias. Esse
procedimento normalmente é realizado em
áreas denominadas “ críticas “.
TÉCNICAS DE LIMPEZA ESPECIAL
03
Na limpeza concorrente, para conforto,
segurança e higiene do ambiente, podem ser
encontradas as seguintes ações:
1. Limpeza de objetos das mesas de refeição e
cabeceira;
2.Higienização das mesas;
3.Limpeza do suporte de soro;
4.Limpeza de cadeiras e outros móveis;
5.Limpeza de travesseiro e colchão;
6.Limpeza do banheiros;
7.Limpeza de grades, painéis e escadas
TÉCNICAS DE LIMPEZA
CONCORRENTE
Sem dúvida, um dos pontos fortes da limpeza terminal é
a desinfecção realizada no local.
Desse modo, o serviço, que representa o processo de
destruição de microorganismo é essencial para manter o
ambiente mais seguro contra possíveis contaminações.
De acordo com especialistas neste tipo de limpeza, a dica
é seguir alguns princípios como:
• Limpar do mais limpo para o mais sujo;
• Realizar a higienização da esquerda para a direita;
• Limpar sempre de cima para baixo;
• Higienizar do mais distante para o mais próximo
TÉCNICAS DE LIMPEZA
TERMINAL
Sua limpeza geralmente é feita com água e sabão neutro
sendo que a umidade deve ser mínima para não
empenar a madeira ou enferrujar o metal. Equipe de
Limpeza Pode ser limpo com água e sabão; Enxaguar e
secar com pano; Não usar um polimento corrosivo; Passar
pano com álcool a 70%; Cuidado para não riscar.
TÉCNICAS DE LIMPEZA
ESPECÍFICA
Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx
Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx
Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx
Os colaboradores Processo de limpeza
diária de todas as áreas do hospital,
objetivando a manutenção do asseio, a
reposição dos materiais do consumo diário
(papel toalha, sabonete líquido, papel
higiênico e sanitos) das diversas áreas
hospitalares.
Assim, a responsabilidade na limpeza
hospitalar envolve uma higienização
correta, com os utensílios adequados e,
principalmente, periódica.
Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx
A higienização hospitalar é fundamental
para que pacientes e funcionários
trabalhem com saúde e qualidade. Isso
previne a contaminação por graves
doenças e infecções.
Os vírus e bactérias estão presentes no
ambiente. Desse modo, a limpeza correta e
a desinfecção, evitam a contaminação
cruzada.
– Use corretamente os produtos de limpeza. ...
– Troca constante de panos de limpeza. ...
– Atenção com cantos e arestas. ...
– Use luvas adequadamente. ...
– Áreas de alto toque merecem mais atenção.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx

AULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM E FARMÁCIA
AULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM  E FARMÁCIAAULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM  E FARMÁCIA
AULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM E FARMÁCIA
KarineRibeiro57
 
biosseg__aula_3.ppt
biosseg__aula_3.pptbiosseg__aula_3.ppt
biosseg__aula_3.ppt
Fernandaluckmann1
 
Procedimento Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR NOS FAZEMOS(11)98950 3543
Procedimento  Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR  NOS FAZEMOS(11)98950 3543Procedimento  Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR  NOS FAZEMOS(11)98950 3543
Procedimento Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR NOS FAZEMOS(11)98950 3543
TERCERIZADOS
 
Higienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentarHigienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentar
isabelmartires
 
Lavagens das mãos.pdf
Lavagens das mãos.pdfLavagens das mãos.pdf
Lavagens das mãos.pdf
MuryelleBatista1
 
250820171100491.pdf
250820171100491.pdf250820171100491.pdf
250820171100491.pdf
LucasBrambatti
 
Higienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentarHigienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentar
isabelmartires
 
Administração Hospitalar.pptx
Administração Hospitalar.pptxAdministração Hospitalar.pptx
Administração Hospitalar.pptx
AmarildoJosMorett
 
grupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdf
grupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdfgrupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdf
grupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdf
vanessa270433
 
Aula - Princípios básicos de higiene.pdf
Aula - Princípios básicos de higiene.pdfAula - Princípios básicos de higiene.pdf
Aula - Princípios básicos de higiene.pdf
ReneLeoneCarvalhodos
 
Manual limpeza
Manual limpezaManual limpeza
Manual limpeza
Antonio Luiz S. Isabel
 
Material base para_limpeza
Material base para_limpezaMaterial base para_limpeza
Material base para_limpeza
EDDDERRR FFF
 
Limpeza hospitalar
Limpeza hospitalarLimpeza hospitalar
Limpeza hospitalar
0100100100
 
Higiene e Profilaxia.pdf
Higiene e Profilaxia.pdfHigiene e Profilaxia.pdf
Higiene e Profilaxia.pdf
CarlaGeiza
 
AULA 05 ENF 04 (1).pptx
AULA 05 ENF 04 (1).pptxAULA 05 ENF 04 (1).pptx
AULA 05 ENF 04 (1).pptx
FabianaRomoGuimares
 
Aula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdf
Aula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdfAula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdf
Aula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdf
HerikaValenzuelaferr
 
higiene hospitalar.pptx
higiene hospitalar.pptxhigiene hospitalar.pptx
higiene hospitalar.pptx
enfermagemCncercente
 
ESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptx
ESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptxESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptx
ESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptx
ElissandraMalaquias
 
Higienização das instalações equipamentos e utensílios
Higienização das instalações equipamentos e utensíliosHigienização das instalações equipamentos e utensílios
Higienização das instalações equipamentos e utensílios
KetlenBatista
 
Introdução à higienização - definições, fatores e etapas.ppt
Introdução à higienização -  definições, fatores e etapas.pptIntrodução à higienização -  definições, fatores e etapas.ppt
Introdução à higienização - definições, fatores e etapas.ppt
GUILHERMEERNANDES1
 

Semelhante a Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx (20)

AULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM E FARMÁCIA
AULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM  E FARMÁCIAAULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM  E FARMÁCIA
AULA DE BISSEGURANÇA TURMA DE ENFERMAGEM E FARMÁCIA
 
biosseg__aula_3.ppt
biosseg__aula_3.pptbiosseg__aula_3.ppt
biosseg__aula_3.ppt
 
Procedimento Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR NOS FAZEMOS(11)98950 3543
Procedimento  Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR  NOS FAZEMOS(11)98950 3543Procedimento  Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR  NOS FAZEMOS(11)98950 3543
Procedimento Limpeza CONDOMINIOS HOSPITALAR NOS FAZEMOS(11)98950 3543
 
Higienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentarHigienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentar
 
Lavagens das mãos.pdf
Lavagens das mãos.pdfLavagens das mãos.pdf
Lavagens das mãos.pdf
 
250820171100491.pdf
250820171100491.pdf250820171100491.pdf
250820171100491.pdf
 
Higienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentarHigienização e limpeza na industria alimentar
Higienização e limpeza na industria alimentar
 
Administração Hospitalar.pptx
Administração Hospitalar.pptxAdministração Hospitalar.pptx
Administração Hospitalar.pptx
 
grupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdf
grupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdfgrupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdf
grupo-de-estudos-em-ccih-central-de-materiais-estereis-cme.pdf
 
Aula - Princípios básicos de higiene.pdf
Aula - Princípios básicos de higiene.pdfAula - Princípios básicos de higiene.pdf
Aula - Princípios básicos de higiene.pdf
 
Manual limpeza
Manual limpezaManual limpeza
Manual limpeza
 
Material base para_limpeza
Material base para_limpezaMaterial base para_limpeza
Material base para_limpeza
 
Limpeza hospitalar
Limpeza hospitalarLimpeza hospitalar
Limpeza hospitalar
 
Higiene e Profilaxia.pdf
Higiene e Profilaxia.pdfHigiene e Profilaxia.pdf
Higiene e Profilaxia.pdf
 
AULA 05 ENF 04 (1).pptx
AULA 05 ENF 04 (1).pptxAULA 05 ENF 04 (1).pptx
AULA 05 ENF 04 (1).pptx
 
Aula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdf
Aula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdfAula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdf
Aula 8 - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO OK.pdf
 
higiene hospitalar.pptx
higiene hospitalar.pptxhigiene hospitalar.pptx
higiene hospitalar.pptx
 
ESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptx
ESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptxESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptx
ESCOVAÇÃO CIRURGICA DAS MÃOS-convertido.pptx
 
Higienização das instalações equipamentos e utensílios
Higienização das instalações equipamentos e utensíliosHigienização das instalações equipamentos e utensílios
Higienização das instalações equipamentos e utensílios
 
Introdução à higienização - definições, fatores e etapas.ppt
Introdução à higienização -  definições, fatores e etapas.pptIntrodução à higienização -  definições, fatores e etapas.ppt
Introdução à higienização - definições, fatores e etapas.ppt
 

Mais de RaquelOlimpio1

Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...
Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...
Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdf
Aula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdfAula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdf
Aula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdf
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdf
Aula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdfAula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdf
Aula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdf
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdf
Aula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdfAula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdf
Aula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdf
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdf
Aula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdfAula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdf
Aula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdf
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdf
Aula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdfAula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdf
Aula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdf
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdf
Aula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdfAula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdf
Aula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdf
RaquelOlimpio1
 
Aula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdf
Aula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdfAula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdf
Aula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdf
RaquelOlimpio1
 
DIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptx
DIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptxDIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptx
DIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptx
RaquelOlimpio1
 
Normas e técnica de descontaminação pptx
Normas e técnica de descontaminação pptxNormas e técnica de descontaminação pptx
Normas e técnica de descontaminação pptx
RaquelOlimpio1
 
Apresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptx
Apresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptxApresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptx
Apresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptx
RaquelOlimpio1
 
aula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docx
aula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docxaula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docx
aula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docx
RaquelOlimpio1
 
Infecção hospitalar, apresentação de discentes .pptx
Infecção hospitalar, apresentação de discentes .pptxInfecção hospitalar, apresentação de discentes .pptx
Infecção hospitalar, apresentação de discentes .pptx
RaquelOlimpio1
 
power concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptx
power concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptxpower concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptx
power concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptx
RaquelOlimpio1
 
higienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdf
higienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdfhigienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdf
higienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdf
RaquelOlimpio1
 
limpeza concorrente e limpeza terminal.pdf
limpeza concorrente e limpeza terminal.pdflimpeza concorrente e limpeza terminal.pdf
limpeza concorrente e limpeza terminal.pdf
RaquelOlimpio1
 
ME e Angelina - aula anotações de enfermagem.ppt
ME e Angelina - aula anotações de enfermagem.pptME e Angelina - aula anotações de enfermagem.ppt
ME e Angelina - aula anotações de enfermagem.ppt
RaquelOlimpio1
 
processodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdf
processodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdfprocessodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdf
processodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdf
RaquelOlimpio1
 
planejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdf
planejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdfplanejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdf
planejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdf
RaquelOlimpio1
 
Doenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptx
Doenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptxDoenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptx
Doenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptx
RaquelOlimpio1
 

Mais de RaquelOlimpio1 (20)

Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...
Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...
Aula Unidade 2 - Métodos Técnicas Ferramentas de Investigação Eventos Adverso...
 
Aula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdf
Aula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdfAula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdf
Aula Unidades 3 - Erros de Medicacao.pdf
 
Aula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdf
Aula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdfAula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdf
Aula Unidade 1 - Mecanismos de Identificação de Pacientes Serviços de Saude.pdf
 
Aula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdf
Aula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdfAula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdf
Aula Unidade 1 - Prevencao de Lesão por Pressao.pdf
 
Aula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdf
Aula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdfAula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdf
Aula Unidade 4 - Processamento de Produtos para Saúde.pdf
 
Aula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdf
Aula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdfAula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdf
Aula Unidade 3 - Cirurgias Seguras Serv de Saúde.pdf
 
Aula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdf
Aula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdfAula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdf
Aula Unidade 2 - Higiene das Mãos em Serviços de Saúde.pdf
 
Aula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdf
Aula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdfAula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdf
Aula Unidade 1 - Vigilância_notificação_ monitoramento e investigação.pdf
 
DIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptx
DIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptxDIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptx
DIA DOS POVOS INDÍGENAS trabalho desenvolvido por acadêmicas.pptx
 
Normas e técnica de descontaminação pptx
Normas e técnica de descontaminação pptxNormas e técnica de descontaminação pptx
Normas e técnica de descontaminação pptx
 
Apresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptx
Apresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptxApresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptx
Apresentação, normas e técnicas em segurança de acidente de trabalho.pptx
 
aula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docx
aula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docxaula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docx
aula-processo-saude-doencapronta-141106122406-conversion-gate02.docx
 
Infecção hospitalar, apresentação de discentes .pptx
Infecção hospitalar, apresentação de discentes .pptxInfecção hospitalar, apresentação de discentes .pptx
Infecção hospitalar, apresentação de discentes .pptx
 
power concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptx
power concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptxpower concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptx
power concorrente e terminal-higiene-230308141449-37a4b77c (2).pptx
 
higienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdf
higienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdfhigienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdf
higienemental5anosrgio-131023050654-phpapp01.pdf
 
limpeza concorrente e limpeza terminal.pdf
limpeza concorrente e limpeza terminal.pdflimpeza concorrente e limpeza terminal.pdf
limpeza concorrente e limpeza terminal.pdf
 
ME e Angelina - aula anotações de enfermagem.ppt
ME e Angelina - aula anotações de enfermagem.pptME e Angelina - aula anotações de enfermagem.ppt
ME e Angelina - aula anotações de enfermagem.ppt
 
processodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdf
processodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdfprocessodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdf
processodeesterilizaodemateriaismdicoshospitalares-240313195632-86dbc181.pdf
 
planejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdf
planejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdfplanejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdf
planejamentodeenfermagem-230512114338-1c0bb895 (1).pdf
 
Doenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptx
Doenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptxDoenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptx
Doenças transmitidas pela falta de tratamento da água.pptx
 

Último

Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
EsterGabriiela1
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 

Último (20)

Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 

Biossegurança_20240506_120054_00000.pptx

  • 1. DOCENTE: ENF. RAQUEL OLÍMPIO DICENTES: LÍVIA, RISINETE, IASMIN COELHO, MARIA APARECIDA, MARIA DO SOCORRO, HILDEANE
  • 2. O QUE SÃO AS LIMPEZAS HOSPITALAR? A HIGIENIZAÇÃO HOSPITALAR CONSISTE NO USO DE ALGUM EQUIPAMENTO OU DETERMINADA SUBSTÂNCIA QUE REDUZA CONSIDERAVELMENTE O NÍVEL DE BACTÉRIAS NO AMBIENTE OU AS ELIMINE POR COMPLETO. OS PRODUTOS QUÍMICOS E O CALOR SÃO EXEMPLOS DE ALTERNATIVAS UTILIZADAS PARA HIGIENIZAR CLÍNICAS E HOSPITAIS.
  • 3. A limpeza concorrente é uma higienização diária em ambientes de assistência à saúde, que tem como objetivo de reduzir os riscos de infecções a pacientes. O procedimento pode ser realizado duas vezes por dia ou sempre que houver necessidade. TÉCNICAS DE LIMPEZA CONCORRENTE 01 A limpeza terminal é uma limpeza completa realizada em instituições de saúde, que tem como objetivo reduzir as sujeiras e os microrganismos para diminuir as chances de contaminação e transmissão de doenças. TÉCNICAS DE LIMPEZA TERMINAL 02
  • 4. Limpeza especifica que também é chamada de limpeza especial, representa um estágio muito importante para a higiene hospitalar, onde ocorre a desinfecção e esterilização constante dos equipamentos e materiais que estão a uma distância minima do leito de pacientes debilitados ou infectados com bactérias. Esse procedimento normalmente é realizado em áreas denominadas “ críticas “. TÉCNICAS DE LIMPEZA ESPECIAL 03
  • 5. Na limpeza concorrente, para conforto, segurança e higiene do ambiente, podem ser encontradas as seguintes ações: 1. Limpeza de objetos das mesas de refeição e cabeceira; 2.Higienização das mesas; 3.Limpeza do suporte de soro; 4.Limpeza de cadeiras e outros móveis; 5.Limpeza de travesseiro e colchão; 6.Limpeza do banheiros; 7.Limpeza de grades, painéis e escadas TÉCNICAS DE LIMPEZA CONCORRENTE
  • 6. Sem dúvida, um dos pontos fortes da limpeza terminal é a desinfecção realizada no local. Desse modo, o serviço, que representa o processo de destruição de microorganismo é essencial para manter o ambiente mais seguro contra possíveis contaminações. De acordo com especialistas neste tipo de limpeza, a dica é seguir alguns princípios como: • Limpar do mais limpo para o mais sujo; • Realizar a higienização da esquerda para a direita; • Limpar sempre de cima para baixo; • Higienizar do mais distante para o mais próximo TÉCNICAS DE LIMPEZA TERMINAL
  • 7. Sua limpeza geralmente é feita com água e sabão neutro sendo que a umidade deve ser mínima para não empenar a madeira ou enferrujar o metal. Equipe de Limpeza Pode ser limpo com água e sabão; Enxaguar e secar com pano; Não usar um polimento corrosivo; Passar pano com álcool a 70%; Cuidado para não riscar. TÉCNICAS DE LIMPEZA ESPECÍFICA
  • 11. Os colaboradores Processo de limpeza diária de todas as áreas do hospital, objetivando a manutenção do asseio, a reposição dos materiais do consumo diário (papel toalha, sabonete líquido, papel higiênico e sanitos) das diversas áreas hospitalares. Assim, a responsabilidade na limpeza hospitalar envolve uma higienização correta, com os utensílios adequados e, principalmente, periódica.
  • 13. A higienização hospitalar é fundamental para que pacientes e funcionários trabalhem com saúde e qualidade. Isso previne a contaminação por graves doenças e infecções. Os vírus e bactérias estão presentes no ambiente. Desse modo, a limpeza correta e a desinfecção, evitam a contaminação cruzada.
  • 14. – Use corretamente os produtos de limpeza. ... – Troca constante de panos de limpeza. ... – Atenção com cantos e arestas. ... – Use luvas adequadamente. ... – Áreas de alto toque merecem mais atenção.