SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
TERRA - UM PLANETA COM VIDA
• A localização da Terra…
Como surgiu a vida na Terra?
• O que faz da Terra um planeta com vida?
A localização da Terra...
Universo
Galáxia
Sistema Solar
Terra
UNIVERSO
• Ou Cosmos.
• É tudo o que existe.
• É um conjunto de
milhares de milhões
de galáxias.
• Pensa-se que é
infinito.
GALÁXIAS
• Conjunto de milhares
de estrelas, outros
corpos celestes,
poeiras e gases.
• Podem ter várias
formas.
Galáxia irregular
Galáxia em espiral
SISTEMA SOLAR
• Conjunto de corpos celestes formado por uma estrela
central, o Sol e todos os corpos que se movem em
órbita à sua volta.
TERRA
•É o terceiro planeta do
Sistema Solar.
•Encontra-se a cerca de
150 milhões de
quilómetros do Sol.
•A luz solar demora cerca
de 8 minutos a chegar à
sua superfície.
TERRA
•Tem um diâmetro de
12 756 quilómetros.
•Demora 24 horas para
efectuar uma rotação em
torno de si própria.
•Demora 365 dias para
completar a sua órbita
em volta do Sol.
Bem vindos ao planeta Terra,
um local belo e raro, de céu azul,
oceanos de água líquida,
florestas calmas e prados
agradáveis, um mundo
fervilhante de vida.
Carl Sagan (1934-1996)
O que faz da Terra um planeta com vida?
A sua distância ao sol...
A sua massa...
A água …
…
A sua distância ao sol...
A distância da Terra ao Sol
(149,6 milhões de Km)...
...contribui para que a temperatura
à superfície da Terra seja amena
15ºC.
A sua massa...
A massa do planeta
Terra (6x1024
Kg)
É responsável pela
existência de uma
força da gravidade
Esta força da gravidade permitiu
a formação e a conservação da
ATMOSFERA
Importância da atmosfera
Possui gases
necessários à
vida
Reduz o
impacto dos
meteoritos
Possui a
camada de
ozono
Efeito de estufa
Gases necessários à vida:
Oxigénio
Dióxido de carbono
Água
Ozono
Azoto
Camada de ozono:
Protege-nos dos raios
ultravioletas.
Protecção contra meteoritos
Os meteoritos desintegram-se devido às altíssimas
temperaturas a que estão sujeitos quando
atravessam a atmosfera.
Efeito estufa
...contribui para que a temperatura à
superfície da Terra seja amena 15ºC.
Certos gases, como o dióxido de
carbono, criam uma espécie de
“telhado”, como o de uma estufa, sobre
a Terra, deixando a luz do Sol entrar e
não deixando o calor sair.
Se não existisse efeito de estufa, a
temperatura da superfície terrestre seria,
em média, cerca de 34ºC mais fria do que
é hoje.
A água…
A temperatura moderada do
planeta Terra permitiu a
formação e a manutenção de
água no estado líquido.
Importância da água no estado líquido
Foi na água que
surgiram os primeiros
seres vivos.
Todos os seres vivos
são compostos por
água.
… outros aspectos que contribuem para que exista vida na Terra.
• O facto do planeta Terra se encontrar “perto”
de um planeta gigante (Júpiter) diminui em
cerca de 10 000 o número de meteoritos que
cai na sua superfície.
• A existência de uma crusta sólida e dinâmica
contribui para a estabilidade térmica
necessária á vida.
Quando surgiu a vida na Terra?
A vida na terra
terá começado
há cerca de 3800
milhões de
anos...
Como surgiu a vida na Terra?
Poderá ter sido assim...
•Prof. Teresa
Como
consequência da
actividade
vulcânica os rios de
lava banharam a
superfície
terrestre.
A vida na Terra poderá ter surgido assim...
Formou-se uma
atmosfera que
resultou do
aprisionamento
de gases
provenientes da
actividade
vulcânica.
A vida na Terra poderá ter surgido assim...
O planeta
arrefeceu.
A existência de
chuvas contínuas
permitiu a
formação dos
oceanos
primitivos.
A vida na Terra poderá ter surgido assim...
Começou a
aparecer
matéria orgânica
nos
oceanos.
A vida na Terra poderá ter surgido assim...
Apareceram as
primeiras formas
de vida nos
oceanos.
A vida na Terra poderá ter surgido assim...
O ozono formado a
partir do oxigénio
libertado pelos
primeiros seres
formou a camada de
ozono.
Os seres vivos invadem
os continentes.
A vida na Terra poderá ter surgido assim...
A sonda Pioneer 10:
• foi lançada em Março de 1972;
• foi o primeiro emissário da Terra para o espaço;
• foi a primeira a chegar aos confins do Sistema
Solar;
• A bordo encontra-se uma placa em ouro que
descreve a aparência do Homem, a localização
da Terra…
A sonda Pioneer 10:
• mais de 30 anos depois de ter sido lançada, enviou o
seu último sinal para a Terra, recebido a 22 de Janeiro
de 2003
Assim, para já, a Terra é o
único planeta onde
podemos encontrar vida tal
como a conhecemos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Deriva continental e tectónica de placas
Deriva continental e tectónica de placasDeriva continental e tectónica de placas
Deriva continental e tectónica de placasCláudia Moura
 
As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)Ewerton Marinho
 
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)Nefer19
 
Origem e formação da terra
Origem e formação da terraOrigem e formação da terra
Origem e formação da terrakarolpoa
 
A Terra e o Universo
A Terra e o UniversoA Terra e o Universo
A Terra e o Universodantasrdl
 
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarAula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarLeonardo Kaplan
 
Formação dos continentes
Formação dos continentesFormação dos continentes
Formação dos continentesNaira Delazari
 
Aula 20 formação sistema solar
Aula 20   formação sistema solarAula 20   formação sistema solar
Aula 20 formação sistema solarLiliane Morgado
 
O universo e o Sistema Solar
O universo e o Sistema SolarO universo e o Sistema Solar
O universo e o Sistema SolarFURG
 
Cap.4 - As eras geológicas
Cap.4 - As eras geológicasCap.4 - As eras geológicas
Cap.4 - As eras geológicasprofacacio
 
I.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoI.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoRebeca Vale
 

Mais procurados (20)

6 ano atmosfera
6 ano atmosfera6 ano atmosfera
6 ano atmosfera
 
O universo
O universoO universo
O universo
 
Deriva continental e tectónica de placas
Deriva continental e tectónica de placasDeriva continental e tectónica de placas
Deriva continental e tectónica de placas
 
As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)As rochas (Ciências 6º ano)
As rochas (Ciências 6º ano)
 
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)Tectonismo e Vulcanismo -  6º Ano (2018)
Tectonismo e Vulcanismo - 6º Ano (2018)
 
Origem e formação da terra
Origem e formação da terraOrigem e formação da terra
Origem e formação da terra
 
A Terra e o Universo
A Terra e o UniversoA Terra e o Universo
A Terra e o Universo
 
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarAula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
 
Eras geológicas
Eras geológicasEras geológicas
Eras geológicas
 
Formação dos continentes
Formação dos continentesFormação dos continentes
Formação dos continentes
 
Clima e tempo
Clima e tempoClima e tempo
Clima e tempo
 
TERRA - Estrutura Geologica
TERRA - Estrutura GeologicaTERRA - Estrutura Geologica
TERRA - Estrutura Geologica
 
Aula 20 formação sistema solar
Aula 20   formação sistema solarAula 20   formação sistema solar
Aula 20 formação sistema solar
 
O universo e o Sistema Solar
O universo e o Sistema SolarO universo e o Sistema Solar
O universo e o Sistema Solar
 
Estrutura interna da terra
Estrutura interna da terraEstrutura interna da terra
Estrutura interna da terra
 
Tectonica Placas
Tectonica PlacasTectonica Placas
Tectonica Placas
 
Cap.4 - As eras geológicas
Cap.4 - As eras geológicasCap.4 - As eras geológicas
Cap.4 - As eras geológicas
 
I.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoI.1 A origem do universo
I.1 A origem do universo
 
A estrutura da terra 6o ano
A estrutura da terra 6o anoA estrutura da terra 6o ano
A estrutura da terra 6o ano
 
Movimentos da terra
Movimentos da terraMovimentos da terra
Movimentos da terra
 

Destaque

1.2 diversidade dos animais - locomoção - ficha informativa
1.2   diversidade dos animais - locomoção -  ficha informativa1.2   diversidade dos animais - locomoção -  ficha informativa
1.2 diversidade dos animais - locomoção - ficha informativamarcommendes
 
5 a importância da água-ar
5 a importância da água-ar5 a importância da água-ar
5 a importância da água-armarcommendes
 
Teste microc, celula, class 5º 12 13
Teste microc, celula, class  5º 12 13Teste microc, celula, class  5º 12 13
Teste microc, celula, class 5º 12 13marcommendes
 
Ficha avaliação(exemplo)
Ficha avaliação(exemplo)Ficha avaliação(exemplo)
Ficha avaliação(exemplo)marcommendes
 
Teste reprodução animal
Teste reprodução animalTeste reprodução animal
Teste reprodução animalmarcommendes
 
Diversidade nos animais
Diversidade nos animaisDiversidade nos animais
Diversidade nos animaismarcommendes
 
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoResumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoAcima da Média
 
LocomoçãO Na áGua
LocomoçãO Na áGuaLocomoçãO Na áGua
LocomoçãO Na áGuaTânia Reis
 
LocomoçãO No Ar
LocomoçãO No ArLocomoçãO No Ar
LocomoçãO No ArTânia Reis
 
InfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas Plantas
InfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas PlantasInfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas Plantas
InfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas Plantasvisiense
 

Destaque (20)

1.2 diversidade dos animais - locomoção - ficha informativa
1.2   diversidade dos animais - locomoção -  ficha informativa1.2   diversidade dos animais - locomoção -  ficha informativa
1.2 diversidade dos animais - locomoção - ficha informativa
 
5 a importância da água-ar
5 a importância da água-ar5 a importância da água-ar
5 a importância da água-ar
 
Teste microc, celula, class 5º 12 13
Teste microc, celula, class  5º 12 13Teste microc, celula, class  5º 12 13
Teste microc, celula, class 5º 12 13
 
Ficha avaliação(exemplo)
Ficha avaliação(exemplo)Ficha avaliação(exemplo)
Ficha avaliação(exemplo)
 
Teste plantas
Teste plantasTeste plantas
Teste plantas
 
Teste reprodução animal
Teste reprodução animalTeste reprodução animal
Teste reprodução animal
 
Microscópio
MicroscópioMicroscópio
Microscópio
 
Raiz e caule
Raiz e cauleRaiz e caule
Raiz e caule
 
Forma Do Corpo
Forma Do CorpoForma Do Corpo
Forma Do Corpo
 
Onde existe vida2
Onde existe vida2Onde existe vida2
Onde existe vida2
 
Diversidade nos animais
Diversidade nos animaisDiversidade nos animais
Diversidade nos animais
 
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoResumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
 
Diversidade dos animais
Diversidade dos animaisDiversidade dos animais
Diversidade dos animais
 
Alimentacao
AlimentacaoAlimentacao
Alimentacao
 
Ficha habitat
Ficha habitatFicha habitat
Ficha habitat
 
Flor
FlorFlor
Flor
 
LocomoçãO Na áGua
LocomoçãO Na áGuaLocomoçãO Na áGua
LocomoçãO Na áGua
 
LocomoçãO No Ar
LocomoçãO No ArLocomoçãO No Ar
LocomoçãO No Ar
 
A raiz
A raizA raiz
A raiz
 
InfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas Plantas
InfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas PlantasInfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas Plantas
InfluêNcia Dos Factores Do Meio Nas Plantas
 

Semelhante a Atmosfera, litosfera, hidrosfera

Terra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vidaTerra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vidaLeonardo Alves
 
Terra planeta-com-vida
Terra planeta-com-vidaTerra planeta-com-vida
Terra planeta-com-vidaMaria30031999
 
Terra planeta com vida_7º
Terra planeta com vida_7ºTerra planeta com vida_7º
Terra planeta com vida_7ºTeresa Monteiro
 
Terra Planeta Com Vida Tc 0910
Terra Planeta Com Vida Tc 0910Terra Planeta Com Vida Tc 0910
Terra Planeta Com Vida Tc 0910Teresa Monteiro
 
Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]
Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]
Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]stique
 
O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]
O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]
O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]stique
 
Terra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vidaTerra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vidaCatir
 
A formação da terra
A formação da terraA formação da terra
A formação da terraProfessor
 
aformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptx
aformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptxaformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptx
aformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptxssuser60b183
 
Condiçoes da terra p
Condiçoes da terra pCondiçoes da terra p
Condiçoes da terra pTânia Reis
 
Condições da Terra que permitem a existência de vida
Condições da Terra que permitem a existência de vidaCondições da Terra que permitem a existência de vida
Condições da Terra que permitem a existência de vidaTânia Reis
 
Aformaodaterra 110321121503-phpapp01
Aformaodaterra 110321121503-phpapp01Aformaodaterra 110321121503-phpapp01
Aformaodaterra 110321121503-phpapp01luiz moraais
 
Condições vida na terra - Ciências Naturais 7º ano
Condições vida na terra - Ciências Naturais 7º anoCondições vida na terra - Ciências Naturais 7º ano
Condições vida na terra - Ciências Naturais 7º anoConstantinoMenino2
 
Geografia natureza e riscos ambientais
Geografia   natureza e riscos ambientaisGeografia   natureza e riscos ambientais
Geografia natureza e riscos ambientaisgeografiafelipe
 
Geografia natureza e riscos ambientais
Geografia   natureza e riscos ambientaisGeografia   natureza e riscos ambientais
Geografia natureza e riscos ambientaisgeografiafelipe
 

Semelhante a Atmosfera, litosfera, hidrosfera (20)

Terra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vidaTerra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vida
 
Terra planeta-com-vida
Terra planeta-com-vidaTerra planeta-com-vida
Terra planeta-com-vida
 
Terra planeta com vida_7º
Terra planeta com vida_7ºTerra planeta com vida_7º
Terra planeta com vida_7º
 
Terra Planeta Com Vida Tc 0910
Terra Planeta Com Vida Tc 0910Terra Planeta Com Vida Tc 0910
Terra Planeta Com Vida Tc 0910
 
Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]
Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]
Como surgiu a vida na terra [modo de compatibilidade]
 
O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]
O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]
O que faz da terra um planeta com vida [modo de compatibilidade]
 
Terra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vidaTerra - um planeta com vida
Terra - um planeta com vida
 
Terra um planeta com vida
Terra um planeta com vidaTerra um planeta com vida
Terra um planeta com vida
 
A formação da terra
A formação da terraA formação da terra
A formação da terra
 
A Formação da Terra
A Formação da TerraA Formação da Terra
A Formação da Terra
 
aformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptx
aformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptxaformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptx
aformaodaterra-110321121503-phpapp01.pptx
 
Condiçoes da terra p
Condiçoes da terra pCondiçoes da terra p
Condiçoes da terra p
 
Estrutura geológica da terra
Estrutura geológica da terraEstrutura geológica da terra
Estrutura geológica da terra
 
Condições da Terra que permitem a existência de vida
Condições da Terra que permitem a existência de vidaCondições da Terra que permitem a existência de vida
Condições da Terra que permitem a existência de vida
 
Aformaodaterra 110321121503-phpapp01
Aformaodaterra 110321121503-phpapp01Aformaodaterra 110321121503-phpapp01
Aformaodaterra 110321121503-phpapp01
 
Oba 2014 aula 5_ terra
Oba 2014 aula 5_ terraOba 2014 aula 5_ terra
Oba 2014 aula 5_ terra
 
Condições vida na terra - Ciências Naturais 7º ano
Condições vida na terra - Ciências Naturais 7º anoCondições vida na terra - Ciências Naturais 7º ano
Condições vida na terra - Ciências Naturais 7º ano
 
Geografia natureza e riscos ambientais
Geografia   natureza e riscos ambientaisGeografia   natureza e riscos ambientais
Geografia natureza e riscos ambientais
 
Geografia natureza e riscos ambientais
Geografia   natureza e riscos ambientaisGeografia   natureza e riscos ambientais
Geografia natureza e riscos ambientais
 
universo
universouniverso
universo
 

Mais de marcommendes

Exemplo testemat5º 2ºp
Exemplo testemat5º  2ºpExemplo testemat5º  2ºp
Exemplo testemat5º 2ºpmarcommendes
 
Exame mat6º revisões; preparação
Exame mat6º revisões; preparaçãoExame mat6º revisões; preparação
Exame mat6º revisões; preparaçãomarcommendes
 
âNgulos mat5º revisões
âNgulos mat5º revisõesâNgulos mat5º revisões
âNgulos mat5º revisõesmarcommendes
 
2ºteste mat5º exemplo
2ºteste mat5º exemplo2ºteste mat5º exemplo
2ºteste mat5º exemplomarcommendes
 
Mat5º teste exemplo frações
Mat5º teste exemplo fraçõesMat5º teste exemplo frações
Mat5º teste exemplo fraçõesmarcommendes
 
Ficha revisões frações mat5º
Ficha revisões frações mat5ºFicha revisões frações mat5º
Ficha revisões frações mat5ºmarcommendes
 
Tipos de frações e números mistos
Tipos de frações e números mistosTipos de frações e números mistos
Tipos de frações e números mistosmarcommendes
 
Arredondamentos mat5º
Arredondamentos mat5ºArredondamentos mat5º
Arredondamentos mat5ºmarcommendes
 
Teste mat5º nº(s) naturais2
Teste mat5º nº(s) naturais2Teste mat5º nº(s) naturais2
Teste mat5º nº(s) naturais2marcommendes
 
Teste mat5º nº(s) naturais
Teste mat5º nº(s) naturaisTeste mat5º nº(s) naturais
Teste mat5º nº(s) naturaismarcommendes
 
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratóriomarcommendes
 
Construção triângulos
Construção triângulosConstrução triângulos
Construção triângulosmarcommendes
 
Triângulos 5ºmat
Triângulos 5ºmatTriângulos 5ºmat
Triângulos 5ºmatmarcommendes
 
Teste números naturais
Teste   números naturaisTeste   números naturais
Teste números naturaismarcommendes
 
Teste solidos e fig plano
Teste solidos e fig planoTeste solidos e fig plano
Teste solidos e fig planomarcommendes
 
Potência de um número
Potência de um númeroPotência de um número
Potência de um númeromarcommendes
 

Mais de marcommendes (19)

Exemplo testemat5º 2ºp
Exemplo testemat5º  2ºpExemplo testemat5º  2ºp
Exemplo testemat5º 2ºp
 
Exame mat6º revisões; preparação
Exame mat6º revisões; preparaçãoExame mat6º revisões; preparação
Exame mat6º revisões; preparação
 
âNgulos mat5º revisões
âNgulos mat5º revisõesâNgulos mat5º revisões
âNgulos mat5º revisões
 
2ºteste mat5º exemplo
2ºteste mat5º exemplo2ºteste mat5º exemplo
2ºteste mat5º exemplo
 
Mat5º teste exemplo frações
Mat5º teste exemplo fraçõesMat5º teste exemplo frações
Mat5º teste exemplo frações
 
Ficha revisões frações mat5º
Ficha revisões frações mat5ºFicha revisões frações mat5º
Ficha revisões frações mat5º
 
Tipos de frações e números mistos
Tipos de frações e números mistosTipos de frações e números mistos
Tipos de frações e números mistos
 
Arredondamentos mat5º
Arredondamentos mat5ºArredondamentos mat5º
Arredondamentos mat5º
 
Teste mat5º nº(s) naturais2
Teste mat5º nº(s) naturais2Teste mat5º nº(s) naturais2
Teste mat5º nº(s) naturais2
 
Mat fichaaval
Mat fichaavalMat fichaaval
Mat fichaaval
 
Teste mat5º nº(s) naturais
Teste mat5º nº(s) naturaisTeste mat5º nº(s) naturais
Teste mat5º nº(s) naturais
 
Teste plantas 6º
Teste plantas 6ºTeste plantas 6º
Teste plantas 6º
 
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório2ºteste  1ºp sist.digestivo e respiratório
2ºteste 1ºp sist.digestivo e respiratório
 
Teste ângulos
Teste ângulosTeste ângulos
Teste ângulos
 
Construção triângulos
Construção triângulosConstrução triângulos
Construção triângulos
 
Triângulos 5ºmat
Triângulos 5ºmatTriângulos 5ºmat
Triângulos 5ºmat
 
Teste números naturais
Teste   números naturaisTeste   números naturais
Teste números naturais
 
Teste solidos e fig plano
Teste solidos e fig planoTeste solidos e fig plano
Teste solidos e fig plano
 
Potência de um número
Potência de um númeroPotência de um número
Potência de um número
 

Último

Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Centro Jacques Delors
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdfAutonoma
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSPedro Luis Moraes
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreLeandroLima265595
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdfAutonoma
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...
O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...
O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...azulassessoria9
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................mariagrave
 
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanoCATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanomarla71199
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaREGIANELAURALOUREIRO1
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 

Último (20)

Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
 
O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...
O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...
O desenvolvimento é um conceito mais amplo, pode ter um contexto biológico ou...
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanoCATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 

Atmosfera, litosfera, hidrosfera

  • 1. TERRA - UM PLANETA COM VIDA • A localização da Terra… Como surgiu a vida na Terra? • O que faz da Terra um planeta com vida?
  • 2. A localização da Terra... Universo Galáxia Sistema Solar Terra
  • 3. UNIVERSO • Ou Cosmos. • É tudo o que existe. • É um conjunto de milhares de milhões de galáxias. • Pensa-se que é infinito.
  • 4. GALÁXIAS • Conjunto de milhares de estrelas, outros corpos celestes, poeiras e gases. • Podem ter várias formas. Galáxia irregular Galáxia em espiral
  • 5. SISTEMA SOLAR • Conjunto de corpos celestes formado por uma estrela central, o Sol e todos os corpos que se movem em órbita à sua volta.
  • 6. TERRA •É o terceiro planeta do Sistema Solar. •Encontra-se a cerca de 150 milhões de quilómetros do Sol. •A luz solar demora cerca de 8 minutos a chegar à sua superfície.
  • 7. TERRA •Tem um diâmetro de 12 756 quilómetros. •Demora 24 horas para efectuar uma rotação em torno de si própria. •Demora 365 dias para completar a sua órbita em volta do Sol.
  • 8. Bem vindos ao planeta Terra, um local belo e raro, de céu azul, oceanos de água líquida, florestas calmas e prados agradáveis, um mundo fervilhante de vida. Carl Sagan (1934-1996)
  • 9. O que faz da Terra um planeta com vida? A sua distância ao sol... A sua massa... A água … …
  • 10. A sua distância ao sol... A distância da Terra ao Sol (149,6 milhões de Km)... ...contribui para que a temperatura à superfície da Terra seja amena 15ºC.
  • 11. A sua massa... A massa do planeta Terra (6x1024 Kg) É responsável pela existência de uma força da gravidade
  • 12. Esta força da gravidade permitiu a formação e a conservação da ATMOSFERA
  • 13. Importância da atmosfera Possui gases necessários à vida Reduz o impacto dos meteoritos Possui a camada de ozono Efeito de estufa
  • 14. Gases necessários à vida: Oxigénio Dióxido de carbono Água Ozono Azoto
  • 15. Camada de ozono: Protege-nos dos raios ultravioletas.
  • 16. Protecção contra meteoritos Os meteoritos desintegram-se devido às altíssimas temperaturas a que estão sujeitos quando atravessam a atmosfera.
  • 17. Efeito estufa ...contribui para que a temperatura à superfície da Terra seja amena 15ºC. Certos gases, como o dióxido de carbono, criam uma espécie de “telhado”, como o de uma estufa, sobre a Terra, deixando a luz do Sol entrar e não deixando o calor sair. Se não existisse efeito de estufa, a temperatura da superfície terrestre seria, em média, cerca de 34ºC mais fria do que é hoje.
  • 18. A água… A temperatura moderada do planeta Terra permitiu a formação e a manutenção de água no estado líquido.
  • 19. Importância da água no estado líquido Foi na água que surgiram os primeiros seres vivos. Todos os seres vivos são compostos por água.
  • 20. … outros aspectos que contribuem para que exista vida na Terra. • O facto do planeta Terra se encontrar “perto” de um planeta gigante (Júpiter) diminui em cerca de 10 000 o número de meteoritos que cai na sua superfície. • A existência de uma crusta sólida e dinâmica contribui para a estabilidade térmica necessária á vida.
  • 21. Quando surgiu a vida na Terra? A vida na terra terá começado há cerca de 3800 milhões de anos...
  • 22. Como surgiu a vida na Terra? Poderá ter sido assim... •Prof. Teresa
  • 23. Como consequência da actividade vulcânica os rios de lava banharam a superfície terrestre. A vida na Terra poderá ter surgido assim...
  • 24. Formou-se uma atmosfera que resultou do aprisionamento de gases provenientes da actividade vulcânica. A vida na Terra poderá ter surgido assim...
  • 25. O planeta arrefeceu. A existência de chuvas contínuas permitiu a formação dos oceanos primitivos. A vida na Terra poderá ter surgido assim...
  • 26. Começou a aparecer matéria orgânica nos oceanos. A vida na Terra poderá ter surgido assim...
  • 27. Apareceram as primeiras formas de vida nos oceanos. A vida na Terra poderá ter surgido assim...
  • 28. O ozono formado a partir do oxigénio libertado pelos primeiros seres formou a camada de ozono. Os seres vivos invadem os continentes. A vida na Terra poderá ter surgido assim...
  • 29.
  • 30. A sonda Pioneer 10: • foi lançada em Março de 1972; • foi o primeiro emissário da Terra para o espaço; • foi a primeira a chegar aos confins do Sistema Solar; • A bordo encontra-se uma placa em ouro que descreve a aparência do Homem, a localização da Terra…
  • 31. A sonda Pioneer 10: • mais de 30 anos depois de ter sido lançada, enviou o seu último sinal para a Terra, recebido a 22 de Janeiro de 2003
  • 32. Assim, para já, a Terra é o único planeta onde podemos encontrar vida tal como a conhecemos.

Notas do Editor

  1. Após a sua formação, a Terra permaneceu em estado de fusão, durante várias centenas de milhões de anos. A pouco e pouco, foi esfriando, diminuindo 1000 vezes de volume. Os materiais em fusão começaram a solidificar à superfície, formando as rochas primitivas, e constitui-se a crosta terrestre. Como consequência da intensa actividade vulcânica, os oceanos de magma banham a superfície terrestre.
  2. A energia solar proporciona luz e calor ao planeta. A Terra (como aliás os demais planetas), aquando da sua formação, “agarrou” e “arrastou” consigo os gases que a rodeavam e que vieram a constituir a sua atmosfera primitiva. Ao arrefecer, a Terra foi libertando gases vulcânicos, e talvez, vapor de água, que juntando-se aos gases já existentes em volta do globo terrestre, deram origem a uma atmosfera “jovem”. A atmosfera seria, então constituída por gases como amoníaco (NH3), Metano (CH4) Monóxido de carbono (CO). Não havia oxigénio nem ozono livres. As fortes radiações solares (especialmente as radiações ultravioleta) varriam a superfície da Terra.
  3. De repente, teve início algo semelhante a uma tremenda e infindável tempestade e começaram a cair chuvas torrenciais, durante milhares de anos. Cerca de 70% do planeta ficou coberto por água, constituindo os mares primitivos. As condições particulares, em termos de distância ao Sol, nomeadamente, terão permitido à Terra manter essa água.
  4. Há várias teorias sobre a origem da vida na Terra e o mais certo é que a vida tenha surgido pela combinação de fenómenos previstos por diferentes teorias. Uma das hipóteses sugere que, em consequência da acção exercida pelas radiações ultravioleta e pelas descargas eléctricas sobre os componentes da atmosfera, se terão formado compostos mais complexos, as chamadas moléculas orgânicas que se acumularam nas águas dos oceanos primitivos.
  5. As moléculas orgânicas foram arrastadas e concentraram-se nos oceanos primitivos, onde terão começado a reagir umas com as outras. Num certo momento, algumas dessas moléculas terão permanecido ligadas, definindo um limite, uma espécie de membrana, funcionando como fronteira, dentro da qual as reacções entre as outras moléculas iam decorrendo. Apareceram assim as primeiras formas de vida nos oceanos. Liberta-se oxigénio para a atmosfera que resultou, maioritariamente, da actividade fotossintética. Lentamente, a atmosfera foi-se transformando e o metano e o amoníaco foram desaparecendo, e o oxigénio foi-se libertando para atmosfera. Também faziam parte desta atmosfera primitiva o dióxido de carbono, o azoto e o vapor de água. Mas como a atmosfera continuava a não proteger a terra das fortes radiações solares, a vida mantinha-se limitada às águas do oceano.
  6. Bombardeado pelas radiações solares parte do oxigénio começou a transformar-se em ozono. Este gás passou a constituir uma camada que ainda hoje protege a Terra das radiações mais fortes e destrutivas. Fora das águas a vida começa a ser possível. Certos seres vivos invadem a “terra seca”; primeiro as plantas, depois os animais.