SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
Baixar para ler offline
ARTICULAÇÕES
Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior
ARTICULAÇÕES
 Articulação
 Local de conexão entre dois ossos (ou osso e
cartilagem) podem aparecer juntos
 Artrologia = estudo da articulações
 Funções das articulações
 Propiciar o movimento dos segmentos corporais
 Manter os ossos do esqueleto unidos
 Dissipar energia
 Estrutura relacionada ao movimento
CLASSIFICAÇÃO DAS ARTICULAÇÕES
 Em relação à ESTRUTURA: é baseada no tipo de
tecido conectivo que está em contato com o
osso independente de existir cavidade articular.
 Fibrosa
 Cartilaginosa
 Sinovial
 Em relação à FUNÇÃO: é baseada nos graus de
liberdade da articulação.
 Sinartrose (não móvel)
 Amfiartrose: (pouco móvel)
 Diartrose: (amplamente móvel)
ARTICULAÇÕES FIBROSAS
 Características
 Unidas por fibras de tecido conectivo fibroso
 Não possuem cavidade articular
 Pouquíssimo ou nenhum movimento
 Tipos:
 Suturas
 Sindesmoses
 Gomfoses
SUTURAS
 Tipos de Suturas
 Serralhida: Oposição de ossos interdigitais (Sutura Sagital)
 Chanfrada: Sobreposição de bordas em diagonal (Sutura
Squamosal)
 Plana: Reta, sem sobeposição (Sutura Intermaxilar)
 Periósteo de um osso é contínuo com o de outro osso.
 Nos adultos podem calcificar completamente: Sinostose.
 Fontanela: área membranosa na sutura entre dois
ossos. Permite a mudança na geometria da cabeça
durante o nascimento e um rápido crescimento de
cérebro depois do nascimento.
TIPOS DE SUTURAS
SINDESMOSES
 Dois ossos unidos por
um ligamento
 Membrana Interóssea
 Mais móvel que as
articulações fibrosas
 Exemplos: articulação
radioulnar e tibiofibular
GOMFOSES
 Altamente especializadas
 Ligamentos Periodontal :
fixam o dente no osso
 Inflamações
 Gingivites que evoluem para
doença Periodontal
CARTILAGINOSAS
 Ossos estão unidos por
tecido cartilaginoso
 Ausência de cavidade
articular
 Tipos
 Sincondroses: unidos
por cartilagem hialina
 sínfises: unidos por
fibrocartilagem
SINCONDROSES
 Unidos por cartilagem hialina
 Pouco ou nenhum movimento
 Algumas são temporárias e
substituídas por Sinostoses
 Algumas são permanentes
 Ex: articulação costocondral
 Exemplos: Placas Epifisárias, 1a
Esternocostal
SÍNFISES
 Fibrocartilagem une dois
ossos
 Ligeiramente móvel
 Exemplos: sínfise
pubiana; entre o
manúbrio e o corpo do
esterno; discos
intervertebrais.
SINOVIAIS
 Contém líquido sinovial na cavidade
articular chamada cavidade sinovial
 Possibilita movimentos muito amplos
(diartroses)
 Várias articulações do esqueleto
apendicular são sinoviais, o que atesta a
grande mobilidade deste quando
comparado com o esqueleto axial.
ESTRUTURA DA
ARTICULAÇÃO
SINOVIAL
 Cartilagem Articular:
 Cartilagem Hialina que reveste a epífese
 Absorver impactos compressivos
 Cavidade Articular (ou sinovial)
 Exclusiva para articulações sinoviais;
 A cavidade é um espaço adaptado para
conter uma pequena quantidade de fluído
articular.
 Cápsula Articular - possui 2 camadas:
 Cápsula Fibrosa – Densa e irregular
 Fortalece a articulação
 Membrana Sinovial – fornece liberdade de
movimentação.
 Função: produzir líquido sinovial
 Líquido Sinovial :
 Viscoso (semelhante a clara de ovo cru)
 É filtrado do sangue pelos capilares da
cápsula
 Contém moléculas de glicoproteinas
secretadas pelos fibroblastos
 Nervos na cápsula ajudam o cérebro a
reconhecer a posição das articulações
(propriocepção)
ARTICULAÇÃO SINOVIAL E ARTICULARES DISCOS
 Algumas articulações
sinoviais contém o disco
articular
 Ocorrem na articulação
temporomandibular e no
joelho.
 Ocorrem em articulações
cujas superfícies articulares
possuem formas diferentes.
BURSAS E BAINHAS DE TENDÕES
 Bursas e Bainhas de tendões não são
articulações sinoviais
 Cápsulas lufrificantes fechadas
 Reduzem o atrito entre dois elementos
 Bursa – trata-se de uma bolsa fibrosa alinhada
com a membrana sinovial
 Bainha de Tendão – Trata-se de uma bursa
alongada que envolve o tendão.
ARTICULAÇÃO SINOVIAL: REDUZINDO O ATRITO
FATORES QUE INFLUENCIAM A
ESTABILIDADE ARTICULAR
 Superfícies Articulares – raramente desempenham
papel importante na estabilidade articular
 O cotovelo, joelho e coxofemural propiciam estabilidade
articular
 Ligamentos – quantos mais ligamentos passarem por
uma articulação mais forte esta será.
 Tônus Muscular – é o mais importante fator da
estabilidade articular
 Mantem os tendões tensionados
MOVIMENTOS E ARTICULAÇÕES
SINOVIAIS
 Monoaxial: ocorre ao redor de um eixo.
 Biaxial: ocorre ao redor de dois eixos com
ângulos adequados entre eles.
 Multiaxial: ocorrem ao redor de vários eixos.
TIPOS DE ARTICULAÇÕES SINOVIAIS:
ARTICULAÇÕES PLANAS
 Planas ou de Deslizamento
 Monaxial. Superfícies planas
deslizantes;
 As vezes consideradas como
amfiartroses
 Exemplos: intervertebral,
intercarpal, intertarsal,
acromioclavicular, carpometacarpal,
tarsometatarsal,
ARTICULAÇÕES DOBRADIÇA E PIVOT
 Dobradiça
 Monaxial
 Cilindro convexo em um eixo
articulado com superfície côncava
 Exemplo: cotovelo, tornozelo,
interfalangeal
 Pivot
 Monaxial. Rotação ao redor de um
eixo único.
 Osso Cilíndrico que se rotaciona ao
redor de seu eixo longitudinal.
 Exemplo: articulação atlantoaxial,
proximal radioulnar
Sela
• Cada superfície articular
possui formato de sela;
• Exemplo: Articulação
Trapeziometacarpal na base
do polegar.
Articulações Sinoviais:
BOLA - SOQUETE E ELIPSOIDAL
 Bola e Soquete
 Cabeça esférica se encaixa em uma
superfície côncava
 Multiaxial
 Exemplos: ombro e quadril
 Condilóide (elipsóide)
 Convexa e oval entre dois ossos
 Atlantooccipital (C1-C2)
 Metacarpofalangeal
JOELHO
 A mais complexa Diartrose
 patellofemoral = articulação deslizante
 tibiofemoral = deslizamento com leve
rotação e deslizamento em flexão
 Anteriormente a cápsula articular
consiste na patela e extensões do
tendão do quadríceps femural.
 Cápsula reforçada pelos ligamentos
extracapsular e intracapsular.
JOELHO (CONT.)
 Ligamentos Cruzados: localizados
entre a eminência intercondilar da
tíbia e a fossa do fêmur
 Ligamento Cruzado Anterior (ACL). Limita
o deslocamento anterior da tíbia
 Ligamento Cruzado Posterior (PCL). Limita
o deslocamento posterior da tíbia
 Ligamentos Colateral e Popliteal:
juntamente com os tendões da coxa
fortalecem a articulação
 Bursa: pode resultar em lento
acúmulo de líquido na articulação
(água no joelho).
JOELHO – VISTA ANTERIOR E POSTERIOR
 Ligamentos Cruzados Anterior e Lateral limitam o
deslizamento anterior e posterior.
 Ligamentos Medial e Lateral colateral limitam a rotação do
joelho em extensão.
JOELHO – VISTA SUPERIOR
 Meniscos Medial e Lateral absorvem impactos e moldam a
articulação
LESÕES NO JOELHO
 Lesões no futebol:
Normalmente rompe o
ligamento tibial colateral;
o ligamento cruzado
anterior e danifica o
menisco medial;
 Bursite (inflamação das
bursas)
CONDIÇÕES DEGENERATIVAS E INFLAMATÓRIAS
 Artrite– se refere a mais de 100 tipos de desordens
articulares
 Osteoartrite – tipo mais comum– artrite de desgaste.
 Artrite Reumatóide– desordem inflamatória crônica
 Artrite Gota – ácido úrico acumulado (dor)
 Doença de Lyme – doença inflamatória que resulta
em dor articular.
EFEITOS DO ENVELHECIMENTO NAS ARTICULAÇÕES
 Reparação tecidual lenta; número de vasos
sanguíneos diminui;
 Cartilagem Articular perdem funções e se torna mais
rígida;
 Produção de líquido sinovial diminui;
 Ligamentos e tendões ficam menores e menos
flexíveis diminuindo a amplitude do movimento;
 Músculos que passam pela articulação ficam mais
fracos;
 Diminuição da atividade física acarreta perda da
flexibilidade.
POSTAR NO BLOG
 Procure um artigo científico sobre artrite
reumatoide e qualidade de vida e poste um link
para o mesmo no BLOG.
 Faça esta busca no site PERIODICOS DA CAPES
disponível em:
www.periodicos.capes.gov.br/
8-30
Pax Domini sit semper vobiscvm!
8-31

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

1ª sistema muscular
1ª sistema muscular1ª sistema muscular
1ª sistema muscular
Filipe Matos
 
472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf
472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf
472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf
RodrigoAugustoDalia
 
Slides osteomioarticular
Slides osteomioarticularSlides osteomioarticular
Slides osteomioarticular
Ana Lucia Costa
 
Introdução ao estudo da anatomia
Introdução ao estudo da anatomiaIntrodução ao estudo da anatomia
Introdução ao estudo da anatomia
Rodrigo Bruno
 
Fisiologia Humana 7 - Sistema Respiratório
Fisiologia Humana 7 - Sistema RespiratórioFisiologia Humana 7 - Sistema Respiratório
Fisiologia Humana 7 - Sistema Respiratório
Herbert Santana
 

Mais procurados (20)

04 Sistema Muscular
04   Sistema Muscular04   Sistema Muscular
04 Sistema Muscular
 
Aula 04 anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Aula 04   anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..Aula 04   anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Aula 04 anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
 
Aula 03 radiologia - anatomia do esqueleto apendicular - radio e ulna
Aula 03   radiologia - anatomia do esqueleto apendicular - radio e ulnaAula 03   radiologia - anatomia do esqueleto apendicular - radio e ulna
Aula 03 radiologia - anatomia do esqueleto apendicular - radio e ulna
 
1ª sistema muscular
1ª sistema muscular1ª sistema muscular
1ª sistema muscular
 
Musculos do tórax
Musculos do tóraxMusculos do tórax
Musculos do tórax
 
Músculos dos membros inferiores
Músculos dos membros inferioresMúsculos dos membros inferiores
Músculos dos membros inferiores
 
Anatomia do membro inferior
Anatomia do membro inferiorAnatomia do membro inferior
Anatomia do membro inferior
 
Aula de Revisão - Neuroanatomia
Aula de Revisão - NeuroanatomiaAula de Revisão - Neuroanatomia
Aula de Revisão - Neuroanatomia
 
Biomecanica do pé e tornozelo
Biomecanica do pé e tornozeloBiomecanica do pé e tornozelo
Biomecanica do pé e tornozelo
 
Aula 002 ArticulaçõEs
Aula 002   ArticulaçõEsAula 002   ArticulaçõEs
Aula 002 ArticulaçõEs
 
472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf
472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf
472964955 tabela-musculos-origem-insercao-acao-pdf
 
Anatomia Coluna Vertebral
Anatomia Coluna VertebralAnatomia Coluna Vertebral
Anatomia Coluna Vertebral
 
Slides osteomioarticular
Slides osteomioarticularSlides osteomioarticular
Slides osteomioarticular
 
Introdução ao estudo da anatomia
Introdução ao estudo da anatomiaIntrodução ao estudo da anatomia
Introdução ao estudo da anatomia
 
Fisiologia Humana 7 - Sistema Respiratório
Fisiologia Humana 7 - Sistema RespiratórioFisiologia Humana 7 - Sistema Respiratório
Fisiologia Humana 7 - Sistema Respiratório
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
 
Aula de Anatomia - Musculos;
Aula de Anatomia - Musculos;Aula de Anatomia - Musculos;
Aula de Anatomia - Musculos;
 
Coluna vertebral cinesiologia
Coluna vertebral cinesiologiaColuna vertebral cinesiologia
Coluna vertebral cinesiologia
 
A Fisiologia Do Sistema RespiratóRio
A Fisiologia Do Sistema RespiratóRioA Fisiologia Do Sistema RespiratóRio
A Fisiologia Do Sistema RespiratóRio
 
Sistema Esquelético
Sistema EsqueléticoSistema Esquelético
Sistema Esquelético
 

Destaque

Articulações e seus movimentos
Articulações e seus movimentosArticulações e seus movimentos
Articulações e seus movimentos
Jose Roberto Coccki
 
Cinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombro
Cinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombroCinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombro
Cinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombro
Raphael Menezes
 
Esqueletos, músculos e articulações
Esqueletos, músculos e articulaçõesEsqueletos, músculos e articulações
Esqueletos, músculos e articulações
Joel Ferreira
 
Apostila cinesiologia e biomecânica
Apostila cinesiologia e biomecânicaApostila cinesiologia e biomecânica
Apostila cinesiologia e biomecânica
Marcus Prof
 
Cinesiologia e biomecanica do cotovelo
Cinesiologia e biomecanica do cotoveloCinesiologia e biomecanica do cotovelo
Cinesiologia e biomecanica do cotovelo
Claudio Pereira
 
Cinesiologia alavancas
Cinesiologia   alavancasCinesiologia   alavancas
Cinesiologia alavancas
Wando Pagani
 
Conceitos e-definicoes
Conceitos e-definicoesConceitos e-definicoes
Conceitos e-definicoes
Danilo Joenck
 
Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]
Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]
Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]
Natha Fisioterapia
 
Articulaçoes
ArticulaçoesArticulaçoes
Articulaçoes
raf11
 
Trabalho de cinesiologia ombros i
Trabalho de cinesiologia  ombros iTrabalho de cinesiologia  ombros i
Trabalho de cinesiologia ombros i
Marcos Aurélio
 

Destaque (20)

Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
 
Articulações e seus movimentos
Articulações e seus movimentosArticulações e seus movimentos
Articulações e seus movimentos
 
Cinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombro
Cinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombroCinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombro
Cinesiologia e biomecânica do complexo articular do ombro
 
Apostila cinesiologia
Apostila   cinesiologiaApostila   cinesiologia
Apostila cinesiologia
 
Apostila Sistema Articular - Junturas
Apostila  Sistema Articular - JunturasApostila  Sistema Articular - Junturas
Apostila Sistema Articular - Junturas
 
Esqueletos, músculos e articulações
Esqueletos, músculos e articulaçõesEsqueletos, músculos e articulações
Esqueletos, músculos e articulações
 
Apostila cinesiologia e biomecânica
Apostila cinesiologia e biomecânicaApostila cinesiologia e biomecânica
Apostila cinesiologia e biomecânica
 
Cinesiologia e biomecanica do cotovelo
Cinesiologia e biomecanica do cotoveloCinesiologia e biomecanica do cotovelo
Cinesiologia e biomecanica do cotovelo
 
Sistema esqueletico.ppt
Sistema esqueletico.pptSistema esqueletico.ppt
Sistema esqueletico.ppt
 
Cinesiologia alavancas
Cinesiologia   alavancasCinesiologia   alavancas
Cinesiologia alavancas
 
O corpo humano
O corpo humanoO corpo humano
O corpo humano
 
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
 
Conceitos e-definicoes
Conceitos e-definicoesConceitos e-definicoes
Conceitos e-definicoes
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
 
Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]
Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]
Biomecanica dos sistema articular [modo de compatibilidade]
 
Articulacoes
Articulacoes Articulacoes
Articulacoes
 
Aula 03 sistema articular ok
Aula 03   sistema articular okAula 03   sistema articular ok
Aula 03 sistema articular ok
 
Articulaçoes
ArticulaçoesArticulaçoes
Articulaçoes
 
Trabalho de cinesiologia ombros i
Trabalho de cinesiologia  ombros iTrabalho de cinesiologia  ombros i
Trabalho de cinesiologia ombros i
 
Anatomia crânio
Anatomia crânioAnatomia crânio
Anatomia crânio
 

Semelhante a Articulacoes cinesiologia

Articulações
ArticulaçõesArticulações
Articulações
rody84
 
Sistema Articular
Sistema ArticularSistema Articular
Sistema Articular
VitoriaBarreto7
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturasSistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
rfmbrandao
 
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).pptANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
RAFAELVALENZUELA44
 

Semelhante a Articulacoes cinesiologia (20)

Articulacoes
ArticulacoesArticulacoes
Articulacoes
 
Articulações
ArticulaçõesArticulações
Articulações
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
 
Artrologia.pptx
Artrologia.pptxArtrologia.pptx
Artrologia.pptx
 
Articulacoes
ArticulacoesArticulacoes
Articulacoes
 
Aula Articulações.ppt
Aula Articulações.pptAula Articulações.ppt
Aula Articulações.ppt
 
Articulações
ArticulaçõesArticulações
Articulações
 
Sistema Articular
Sistema ArticularSistema Articular
Sistema Articular
 
Artrologia 2017
Artrologia  2017Artrologia  2017
Artrologia 2017
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturasSistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf
Sistema articular aula 4 (1).pdfSistema articular aula 4 (1).pdf
Sistema articular aula 4 (1).pdf
 
Aparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
Aparelho Locomotor Sistema Articular.pptAparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
Aparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
 
ARTROLOGIA.ppt
ARTROLOGIA.pptARTROLOGIA.ppt
ARTROLOGIA.ppt
 
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).pptANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
 
Revisão Anatomia....................pptx
Revisão Anatomia....................pptxRevisão Anatomia....................pptx
Revisão Anatomia....................pptx
 
Sistema articular.pptx
Sistema articular.pptxSistema articular.pptx
Sistema articular.pptx
 
O corpo humano apretaçao
O corpo humano apretaçaoO corpo humano apretaçao
O corpo humano apretaçao
 
ANATOMIA APLICADA A ESTÉTICA.pptx
ANATOMIA APLICADA A ESTÉTICA.pptxANATOMIA APLICADA A ESTÉTICA.pptx
ANATOMIA APLICADA A ESTÉTICA.pptx
 
Articulacoes
ArticulacoesArticulacoes
Articulacoes
 

Último

Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
profbrunogeo95
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
azulassessoria9
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 

Último (20)

As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 

Articulacoes cinesiologia

  • 1. ARTICULAÇÕES Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior
  • 2. ARTICULAÇÕES  Articulação  Local de conexão entre dois ossos (ou osso e cartilagem) podem aparecer juntos  Artrologia = estudo da articulações  Funções das articulações  Propiciar o movimento dos segmentos corporais  Manter os ossos do esqueleto unidos  Dissipar energia  Estrutura relacionada ao movimento
  • 3. CLASSIFICAÇÃO DAS ARTICULAÇÕES  Em relação à ESTRUTURA: é baseada no tipo de tecido conectivo que está em contato com o osso independente de existir cavidade articular.  Fibrosa  Cartilaginosa  Sinovial  Em relação à FUNÇÃO: é baseada nos graus de liberdade da articulação.  Sinartrose (não móvel)  Amfiartrose: (pouco móvel)  Diartrose: (amplamente móvel)
  • 4. ARTICULAÇÕES FIBROSAS  Características  Unidas por fibras de tecido conectivo fibroso  Não possuem cavidade articular  Pouquíssimo ou nenhum movimento  Tipos:  Suturas  Sindesmoses  Gomfoses
  • 5. SUTURAS  Tipos de Suturas  Serralhida: Oposição de ossos interdigitais (Sutura Sagital)  Chanfrada: Sobreposição de bordas em diagonal (Sutura Squamosal)  Plana: Reta, sem sobeposição (Sutura Intermaxilar)  Periósteo de um osso é contínuo com o de outro osso.  Nos adultos podem calcificar completamente: Sinostose.  Fontanela: área membranosa na sutura entre dois ossos. Permite a mudança na geometria da cabeça durante o nascimento e um rápido crescimento de cérebro depois do nascimento.
  • 7. SINDESMOSES  Dois ossos unidos por um ligamento  Membrana Interóssea  Mais móvel que as articulações fibrosas  Exemplos: articulação radioulnar e tibiofibular
  • 8. GOMFOSES  Altamente especializadas  Ligamentos Periodontal : fixam o dente no osso  Inflamações  Gingivites que evoluem para doença Periodontal
  • 9. CARTILAGINOSAS  Ossos estão unidos por tecido cartilaginoso  Ausência de cavidade articular  Tipos  Sincondroses: unidos por cartilagem hialina  sínfises: unidos por fibrocartilagem
  • 10. SINCONDROSES  Unidos por cartilagem hialina  Pouco ou nenhum movimento  Algumas são temporárias e substituídas por Sinostoses  Algumas são permanentes  Ex: articulação costocondral  Exemplos: Placas Epifisárias, 1a Esternocostal
  • 11. SÍNFISES  Fibrocartilagem une dois ossos  Ligeiramente móvel  Exemplos: sínfise pubiana; entre o manúbrio e o corpo do esterno; discos intervertebrais.
  • 12. SINOVIAIS  Contém líquido sinovial na cavidade articular chamada cavidade sinovial  Possibilita movimentos muito amplos (diartroses)  Várias articulações do esqueleto apendicular são sinoviais, o que atesta a grande mobilidade deste quando comparado com o esqueleto axial.
  • 13. ESTRUTURA DA ARTICULAÇÃO SINOVIAL  Cartilagem Articular:  Cartilagem Hialina que reveste a epífese  Absorver impactos compressivos  Cavidade Articular (ou sinovial)  Exclusiva para articulações sinoviais;  A cavidade é um espaço adaptado para conter uma pequena quantidade de fluído articular.  Cápsula Articular - possui 2 camadas:  Cápsula Fibrosa – Densa e irregular  Fortalece a articulação  Membrana Sinovial – fornece liberdade de movimentação.  Função: produzir líquido sinovial  Líquido Sinovial :  Viscoso (semelhante a clara de ovo cru)  É filtrado do sangue pelos capilares da cápsula  Contém moléculas de glicoproteinas secretadas pelos fibroblastos  Nervos na cápsula ajudam o cérebro a reconhecer a posição das articulações (propriocepção)
  • 14. ARTICULAÇÃO SINOVIAL E ARTICULARES DISCOS  Algumas articulações sinoviais contém o disco articular  Ocorrem na articulação temporomandibular e no joelho.  Ocorrem em articulações cujas superfícies articulares possuem formas diferentes.
  • 15. BURSAS E BAINHAS DE TENDÕES  Bursas e Bainhas de tendões não são articulações sinoviais  Cápsulas lufrificantes fechadas  Reduzem o atrito entre dois elementos  Bursa – trata-se de uma bolsa fibrosa alinhada com a membrana sinovial  Bainha de Tendão – Trata-se de uma bursa alongada que envolve o tendão.
  • 17. FATORES QUE INFLUENCIAM A ESTABILIDADE ARTICULAR  Superfícies Articulares – raramente desempenham papel importante na estabilidade articular  O cotovelo, joelho e coxofemural propiciam estabilidade articular  Ligamentos – quantos mais ligamentos passarem por uma articulação mais forte esta será.  Tônus Muscular – é o mais importante fator da estabilidade articular  Mantem os tendões tensionados
  • 18. MOVIMENTOS E ARTICULAÇÕES SINOVIAIS  Monoaxial: ocorre ao redor de um eixo.  Biaxial: ocorre ao redor de dois eixos com ângulos adequados entre eles.  Multiaxial: ocorrem ao redor de vários eixos.
  • 19. TIPOS DE ARTICULAÇÕES SINOVIAIS: ARTICULAÇÕES PLANAS  Planas ou de Deslizamento  Monaxial. Superfícies planas deslizantes;  As vezes consideradas como amfiartroses  Exemplos: intervertebral, intercarpal, intertarsal, acromioclavicular, carpometacarpal, tarsometatarsal,
  • 20. ARTICULAÇÕES DOBRADIÇA E PIVOT  Dobradiça  Monaxial  Cilindro convexo em um eixo articulado com superfície côncava  Exemplo: cotovelo, tornozelo, interfalangeal  Pivot  Monaxial. Rotação ao redor de um eixo único.  Osso Cilíndrico que se rotaciona ao redor de seu eixo longitudinal.  Exemplo: articulação atlantoaxial, proximal radioulnar
  • 21. Sela • Cada superfície articular possui formato de sela; • Exemplo: Articulação Trapeziometacarpal na base do polegar. Articulações Sinoviais:
  • 22. BOLA - SOQUETE E ELIPSOIDAL  Bola e Soquete  Cabeça esférica se encaixa em uma superfície côncava  Multiaxial  Exemplos: ombro e quadril  Condilóide (elipsóide)  Convexa e oval entre dois ossos  Atlantooccipital (C1-C2)  Metacarpofalangeal
  • 23. JOELHO  A mais complexa Diartrose  patellofemoral = articulação deslizante  tibiofemoral = deslizamento com leve rotação e deslizamento em flexão  Anteriormente a cápsula articular consiste na patela e extensões do tendão do quadríceps femural.  Cápsula reforçada pelos ligamentos extracapsular e intracapsular.
  • 24. JOELHO (CONT.)  Ligamentos Cruzados: localizados entre a eminência intercondilar da tíbia e a fossa do fêmur  Ligamento Cruzado Anterior (ACL). Limita o deslocamento anterior da tíbia  Ligamento Cruzado Posterior (PCL). Limita o deslocamento posterior da tíbia  Ligamentos Colateral e Popliteal: juntamente com os tendões da coxa fortalecem a articulação  Bursa: pode resultar em lento acúmulo de líquido na articulação (água no joelho).
  • 25. JOELHO – VISTA ANTERIOR E POSTERIOR  Ligamentos Cruzados Anterior e Lateral limitam o deslizamento anterior e posterior.  Ligamentos Medial e Lateral colateral limitam a rotação do joelho em extensão.
  • 26. JOELHO – VISTA SUPERIOR  Meniscos Medial e Lateral absorvem impactos e moldam a articulação
  • 27. LESÕES NO JOELHO  Lesões no futebol: Normalmente rompe o ligamento tibial colateral; o ligamento cruzado anterior e danifica o menisco medial;  Bursite (inflamação das bursas)
  • 28. CONDIÇÕES DEGENERATIVAS E INFLAMATÓRIAS  Artrite– se refere a mais de 100 tipos de desordens articulares  Osteoartrite – tipo mais comum– artrite de desgaste.  Artrite Reumatóide– desordem inflamatória crônica  Artrite Gota – ácido úrico acumulado (dor)  Doença de Lyme – doença inflamatória que resulta em dor articular.
  • 29. EFEITOS DO ENVELHECIMENTO NAS ARTICULAÇÕES  Reparação tecidual lenta; número de vasos sanguíneos diminui;  Cartilagem Articular perdem funções e se torna mais rígida;  Produção de líquido sinovial diminui;  Ligamentos e tendões ficam menores e menos flexíveis diminuindo a amplitude do movimento;  Músculos que passam pela articulação ficam mais fracos;  Diminuição da atividade física acarreta perda da flexibilidade.
  • 30. POSTAR NO BLOG  Procure um artigo científico sobre artrite reumatoide e qualidade de vida e poste um link para o mesmo no BLOG.  Faça esta busca no site PERIODICOS DA CAPES disponível em: www.periodicos.capes.gov.br/ 8-30
  • 31. Pax Domini sit semper vobiscvm! 8-31