SlideShare uma empresa Scribd logo
3 – Permutação Simples          Permutação Simples de n elementos distintos é qualquer grupo ordenado desses n elementos.         Para o cálculo do número de permutações simples, usamos: Pn = n!, ou seja, Pn = n.(n – 1).(n – 2)...1            Portanto, o número de permutações simples de n elementos distintos é igual a n fatorial. Pn = n!
        Exemplo: Vamos calcular o número de anagramas da palavra LÁPIS, lembrando que um anagrama é  uma palavra formada com as mesmas letras da palavra dada, podendo ter ou não sentido na linguagem usual . Como a palavra lápis possui 5 letras, bastar calcular: P5 = 5! = 5.4.3.2.1 = 120.
Exercício 1)Considere a palavra DILEMA e determinar: a)O número total de anagramas 6 5 4 3 1 = 720 anagramas 2 b)O número de anagramas que começam com a letra D. 3 2 1 4 5 1 = 120 anagramas
c)O número de anagramas que começam com a letra D e terminam com a letra A. 4 1 1 3 1 2 = 24 anagramas d)O número de anagramas que começam com vogal. 3 3 5 2 1 4 = 360  anagramas
4 – Arranjo Simples        Chama-se arranjo simples todos os agrupamentos simples de p elementos que podem formar com n elementos distintos, sendo p ≤ n cada um desses agrupamentos se difere de outro pela ordem ou natureza de seus elementos.         A notação para o número de arranjo simples de n elementos tomados p a p. Fórmula do Arranjo Simples
Exemplos: 1-Uma escola possui 18 professores. Entre eles, serão escolhidos: um diretor, um vice - diretor e um coordenador pedagógico. Quantos são as possibilidades de escolha.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Que un labe en vba
Que un labe en vbaQue un labe en vba
Que un labe en vba
jesig
 
Slideshow test
Slideshow testSlideshow test
Slideshow test
mcloul25
 
Factores para crear objetos de aprendizaje
Factores para crear objetos de aprendizajeFactores para crear objetos de aprendizaje
Factores para crear objetos de aprendizaje
famabe20
 
UK-SQL
UK-SQLUK-SQL
UK-SQL
uksql
 
Karta pracy nr 2 ang
Karta pracy nr 2 angKarta pracy nr 2 ang
Karta pracy nr 2 ang
mastx
 
Epaper edisi 12 september 2012 riaupos
Epaper   edisi 12 september 2012   riauposEpaper   edisi 12 september 2012   riaupos
Epaper edisi 12 september 2012 riaupos
gastrexpoll
 
Para além da emissão sonora: as interações no podcasting
Para além da emissão sonora: as interações no podcastingPara além da emissão sonora: as interações no podcasting
Para além da emissão sonora: as interações no podcasting
Alex Primo
 
Bioelements
BioelementsBioelements
Bioelements
adaura
 
2johnstone rhapsody concertante - solo violin
2johnstone   rhapsody concertante - solo violin2johnstone   rhapsody concertante - solo violin
2johnstone rhapsody concertante - solo violin
Diego Herrera
 

Destaque (20)

Ejercicio sencillos en c
Ejercicio sencillos en cEjercicio sencillos en c
Ejercicio sencillos en c
 
Ilkhaber
IlkhaberIlkhaber
Ilkhaber
 
Dólar de plata
Dólar de plataDólar de plata
Dólar de plata
 
Portada geografia
Portada geografiaPortada geografia
Portada geografia
 
Que un labe en vba
Que un labe en vbaQue un labe en vba
Que un labe en vba
 
Naseeeem
NaseeeemNaseeeem
Naseeeem
 
Slideshow test
Slideshow testSlideshow test
Slideshow test
 
Factores para crear objetos de aprendizaje
Factores para crear objetos de aprendizajeFactores para crear objetos de aprendizaje
Factores para crear objetos de aprendizaje
 
UK-SQL
UK-SQLUK-SQL
UK-SQL
 
Karta pracy nr 2 ang
Karta pracy nr 2 angKarta pracy nr 2 ang
Karta pracy nr 2 ang
 
Epaper edisi 12 september 2012 riaupos
Epaper   edisi 12 september 2012   riauposEpaper   edisi 12 september 2012   riaupos
Epaper edisi 12 september 2012 riaupos
 
!!!zzz itttest1
!!!zzz itttest1!!!zzz itttest1
!!!zzz itttest1
 
Cristina gonzalez
Cristina gonzalezCristina gonzalez
Cristina gonzalez
 
Curso hebreo
Curso hebreoCurso hebreo
Curso hebreo
 
Para além da emissão sonora: as interações no podcasting
Para além da emissão sonora: as interações no podcastingPara além da emissão sonora: as interações no podcasting
Para além da emissão sonora: as interações no podcasting
 
Bioelements
BioelementsBioelements
Bioelements
 
Egipto para c. f.
Egipto  para c. f.Egipto  para c. f.
Egipto para c. f.
 
Amor Verdadero = Verdadera Libertad
Amor Verdadero = Verdadera LibertadAmor Verdadero = Verdadera Libertad
Amor Verdadero = Verdadera Libertad
 
1° giornata coppa
1° giornata coppa1° giornata coppa
1° giornata coppa
 
2johnstone rhapsody concertante - solo violin
2johnstone   rhapsody concertante - solo violin2johnstone   rhapsody concertante - solo violin
2johnstone rhapsody concertante - solo violin
 

Semelhante a Análise combinatória 2

Análise combinatória
Análise combinatóriaAnálise combinatória
Análise combinatória
Gisele Rocha
 
Aula 4 - Resumo de Análise Combinatória
Aula 4 - Resumo de Análise CombinatóriaAula 4 - Resumo de Análise Combinatória
Aula 4 - Resumo de Análise Combinatória
wab030
 
Raciocinio logico aula 2
Raciocinio logico aula 2Raciocinio logico aula 2
Raciocinio logico aula 2
Nilberte
 
Aula 5 analise combinatoria
Aula 5   analise combinatoriaAula 5   analise combinatoria
Aula 5 analise combinatoria
wab030
 
Raciocínio Lógico completa
Raciocínio Lógico completaRaciocínio Lógico completa
Raciocínio Lógico completa
Jeferson S. J.
 
Seminario de nivaldo
Seminario de nivaldoSeminario de nivaldo
Seminario de nivaldo
camargocarol
 
Apostila 003 analise combinatoria
Apostila  003 analise combinatoriaApostila  003 analise combinatoria
Apostila 003 analise combinatoria
con_seguir
 
05 anlise combinatria
05 anlise combinatria05 anlise combinatria
05 anlise combinatria
resolvidos
 

Semelhante a Análise combinatória 2 (20)

AnáLise CombinatóRia
AnáLise CombinatóRiaAnáLise CombinatóRia
AnáLise CombinatóRia
 
www.AulasDeMatematicaApoio.com.br - Matemática - Análise Combinatória
 www.AulasDeMatematicaApoio.com.br -  Matemática - Análise Combinatória www.AulasDeMatematicaApoio.com.br -  Matemática - Análise Combinatória
www.AulasDeMatematicaApoio.com.br - Matemática - Análise Combinatória
 
Análise combinatória
Análise combinatóriaAnálise combinatória
Análise combinatória
 
Aula 4 - Resumo de Análise Combinatória
Aula 4 - Resumo de Análise CombinatóriaAula 4 - Resumo de Análise Combinatória
Aula 4 - Resumo de Análise Combinatória
 
Raciocinio logico aula 2
Raciocinio logico aula 2Raciocinio logico aula 2
Raciocinio logico aula 2
 
Aula 5 analise combinatoria
Aula 5   analise combinatoriaAula 5   analise combinatoria
Aula 5 analise combinatoria
 
Raciocínio Lógico completa
Raciocínio Lógico completaRaciocínio Lógico completa
Raciocínio Lógico completa
 
Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...
Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...
Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...
 
Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...
Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...
Matemática - Análise Combinatória - Com Exercícios Resolvidos - www.CentroApo...
 
Matemática - Exercícios Resolvidos - Análise Combinatória
Matemática - Exercícios Resolvidos - Análise CombinatóriaMatemática - Exercícios Resolvidos - Análise Combinatória
Matemática - Exercícios Resolvidos - Análise Combinatória
 
Seminario de nivaldo
Seminario de nivaldoSeminario de nivaldo
Seminario de nivaldo
 
Análise combinatória
Análise  combinatóriaAnálise  combinatória
Análise combinatória
 
Apostila análise combinatória
Apostila   análise combinatóriaApostila   análise combinatória
Apostila análise combinatória
 
Apostila análise combinatória
Apostila   análise combinatóriaApostila   análise combinatória
Apostila análise combinatória
 
Anagramas
AnagramasAnagramas
Anagramas
 
www.AulasDeMatematicanoRJ.Com.Br - Matemática - Análise Combinatória
 www.AulasDeMatematicanoRJ.Com.Br  - Matemática -  Análise Combinatória www.AulasDeMatematicanoRJ.Com.Br  - Matemática -  Análise Combinatória
www.AulasDeMatematicanoRJ.Com.Br - Matemática - Análise Combinatória
 
Plano de Aula P.A. CAp
Plano de Aula P.A. CApPlano de Aula P.A. CAp
Plano de Aula P.A. CAp
 
Apostila 003 analise combinatoria
Apostila  003 analise combinatoriaApostila  003 analise combinatoria
Apostila 003 analise combinatoria
 
05 anlise combinatria
05 anlise combinatria05 anlise combinatria
05 anlise combinatria
 
Alunos aula pa
Alunos aula paAlunos aula pa
Alunos aula pa
 

Mais de jwfb

2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas
jwfb
 
Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2
jwfb
 
Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1
jwfb
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureo
jwfb
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureo
jwfb
 
Energia cinética
Energia cinéticaEnergia cinética
Energia cinética
jwfb
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
jwfb
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
jwfb
 
Arquivo 77
Arquivo 77Arquivo 77
Arquivo 77
jwfb
 
Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1
jwfb
 
Obmep2010n1 final
Obmep2010n1 finalObmep2010n1 final
Obmep2010n1 final
jwfb
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematica
jwfb
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematica
jwfb
 
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
jwfb
 
Funçoes2
Funçoes2Funçoes2
Funçoes2
jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
jwfb
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
jwfb
 

Mais de jwfb (20)

2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas2 razões trigonométricas
2 razões trigonométricas
 
Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2Prova ps 2011_2
Prova ps 2011_2
 
Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1Prova ps 2011_1
Prova ps 2011_1
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureo
 
11 aureo
11 aureo11 aureo
11 aureo
 
Energia cinética
Energia cinéticaEnergia cinética
Energia cinética
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
 
Arquivo 77
Arquivo 77Arquivo 77
Arquivo 77
 
Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1Sol 1afase2010 n1
Sol 1afase2010 n1
 
Obmep2010n1 final
Obmep2010n1 finalObmep2010n1 final
Obmep2010n1 final
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematica
 
Enem2009 matematica
Enem2009 matematicaEnem2009 matematica
Enem2009 matematica
 
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
Programa%20de%20 matematica%20pss 2009[1]
 
Funçoes2
Funçoes2Funçoes2
Funçoes2
 
Arquivo 60
Arquivo 60Arquivo 60
Arquivo 60
 
Arquivo 60
Arquivo 60Arquivo 60
Arquivo 60
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 
Análise combinatória 2
Análise combinatória 2Análise combinatória 2
Análise combinatória 2
 

Análise combinatória 2

  • 1. 3 – Permutação Simples Permutação Simples de n elementos distintos é qualquer grupo ordenado desses n elementos. Para o cálculo do número de permutações simples, usamos: Pn = n!, ou seja, Pn = n.(n – 1).(n – 2)...1 Portanto, o número de permutações simples de n elementos distintos é igual a n fatorial. Pn = n!
  • 2. Exemplo: Vamos calcular o número de anagramas da palavra LÁPIS, lembrando que um anagrama é uma palavra formada com as mesmas letras da palavra dada, podendo ter ou não sentido na linguagem usual . Como a palavra lápis possui 5 letras, bastar calcular: P5 = 5! = 5.4.3.2.1 = 120.
  • 3. Exercício 1)Considere a palavra DILEMA e determinar: a)O número total de anagramas 6 5 4 3 1 = 720 anagramas 2 b)O número de anagramas que começam com a letra D. 3 2 1 4 5 1 = 120 anagramas
  • 4. c)O número de anagramas que começam com a letra D e terminam com a letra A. 4 1 1 3 1 2 = 24 anagramas d)O número de anagramas que começam com vogal. 3 3 5 2 1 4 = 360 anagramas
  • 5. 4 – Arranjo Simples Chama-se arranjo simples todos os agrupamentos simples de p elementos que podem formar com n elementos distintos, sendo p ≤ n cada um desses agrupamentos se difere de outro pela ordem ou natureza de seus elementos. A notação para o número de arranjo simples de n elementos tomados p a p. Fórmula do Arranjo Simples
  • 6. Exemplos: 1-Uma escola possui 18 professores. Entre eles, serão escolhidos: um diretor, um vice - diretor e um coordenador pedagógico. Quantos são as possibilidades de escolha.