SlideShare uma empresa Scribd logo
Uso AbusivoUso Abusivo
dede
EsteróidesEsteróides
AnabolizantesAnabolizantes
Prof. Dr. José Walber Miranda Costa Cruz
UNIFIEO - USP
““Da pele para dentro começa a minha exclusiva jurisdição. EuDa pele para dentro começa a minha exclusiva jurisdição. Eu
elejo aquilo que pode ou não cruzar essa fronteira. Sou umelejo aquilo que pode ou não cruzar essa fronteira. Sou um
estado soberanoestado soberano e os limites da minha pele são muito maise os limites da minha pele são muito mais
sagrados que os confins de qualquer país”sagrados que os confins de qualquer país”
Anônimo comtemporâneo
CONCEITOS PRELIMINARES
Fármacos
- substâncias que produzem efeitos benéficos no organismo, diferentes
da ação dos alimentos
Remédio- substância ou medida utilizada para curar determinada enfermidade.
Tóxicos ou
Veneno
- substância química que ingerida ou aplicada externamente, e que
sendo absorvida, determina a morte do indivíduo ou coloca sua vida
em risco
Droga
- composto biologicamente ativo capaz de alterar uma função fisiológica
e pode estar presente em medicamentos, alimentos, bebidas,
substância de abuso, cosméticos, dentre outras.
- substância capaz de curar, prevenir ou diagnosticar uma enfermidade.Medicamento
• Este termo se refere a promoção do anabolismo (tecido muscular)
• Ocorre pela própria reação natural do corpo (atividade física,
nutrição e a suplementação adequada, ou pelo introdução de drogas
• AnabolismoAnabolismo ocorre retirando substâncias do sangue, que são
essenciais para o crescimento e reparo dos tecidos e usando-os para
estimular reações que produzem síntese dos mesmos. 
são hormôniossão hormônios responsáveis pela harmonia das
funções vitais do organismo e mimetizam os efeitos
anabólicos da testosteronatestosterona, tendo a propriedade de
ativar o metabolismo protéico, retendo o nitrogênio e
aumentando a atividade do RNA. 
ANABÓLICO
ESTERÓIDES
SÍNTESE E SECREÇÃO DOS CORTICOSTERÓIDES
córtex supra-
renal
HIPOTÁLAMO
ADH CRF
HIPÓFISE ANTERIOR
ACTH
exógeno ACTH

AÇÕES PERIFÉRICAS
(SAIS E ÁGUA)
AÇÕES PERIFÉRICAS
(METAB. E ANTIINFLAM.)
  

sistema regina-
angiotensina
GLICO-
CORTICÓIDES
(ENDO E EXÓGENOS)
MINERALO-
CORTICÓIDES
(ENDO E EXÓGENOS)
Prof. Dr. Cruz, JWMC
BIOSSÍNTESE DOS ESTERÓIDES
Pregnenolona
HO
CH3
C=OP450scc
COLESTEROL
A B
C D
1
2
4
5
6
7
8
3
9
10
11
12
13
14 15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
17 a - (P45017a)
17 a - Hidroxipregnenolona
O
OH
=
CH3
C
OH
Prof. Dr. Cruz, JWMC
O
3 b - (HSD)
4 – Androstene-3,17-diona
H
=
O
H
H
=
Testosterona
H
O
H
H
=
H
O
(P450 11 b)
21
b
- (P450
21 )
H
O
H
H
O
Estradiol
MECANISMO DE AÇÃO DOS ESTERÓIDES
CBS
S
HSP70
HSP90
IP
SR
S
SR
S
SR
S
FUNÇÃO CELULAR ALTERADA
S
HSP70
HSP90
SR
IP
SRE SRE
GENE
RNAm
PROTEÍNA
±
Prof. Dr. Cruz, JWMC
O que são esteróides ou anabolizantes
como são mais conhecidos?
Eles ajudam no crescimento dos músculos (efeito
anabólico) e no desenvolvimento das características
sexuais masculinas como: pelos, barba, voz grossa etc.
(efeito androgênico).
São usados como medicamentos para tratamento de
pacientes que não produzem quantidade suficientes de
Testosterona. Os principais medicamentos esteróides
anabolizantes utilizados no Brasil são: Durasteton® , Deca-
Durabolin® , Androxon®.
são drogas fabricadas para substituírem o hormônio
masculino TestosteronaTestosterona( fabricado pelos testículos)
comprimidos,
cápsulas, ou
injeção intramuscular.
Como os anabolizantes são
utilizados?
•Os que utilizam essas drogas sem ser por problemas
médicos, fazem esse uso para melhorar o desempenho nos
esportes, aumentar a massa muscular e reduzir a gordura do
corpo.
Por que as pessoas usam os anabolizantes?
Os principais usuários dessas
drogas são os atletasatletas, porém o uso
também está espalhando-se entre os
não–atletasnão–atletas que buscam um corpo
"sarado" (forte, desenvolvido).
Quem são as pessoas que mais usam os
anabolizantes?
Os homenshomens são ainda os maiores usuáriosmaiores usuários,
mas esse uso vem crescendo entre as
mulheres.
O que os anabolizantes fazem no corpo a curto e longo prazo
Homens e adolescentes:Homens e adolescentes:
redução da produção de esperma
impotência
dificuldade ou dor em urinar
calvície e crescimento irreversível das mamas (ginecomastia).
Mulheres e adolescentes:Mulheres e adolescentes:
aparecimento de sinais masculinos como engrossamento
da voz
crescimento excessivo de pelos no corpo
perda de cabelo
diminuição dos seios e pelos faciais (barba).
Em pré-adolescentes e adolescentes de ambos os sexos:Em pré-adolescentes e adolescentes de ambos os sexos:
•finaliza, prematuramente, o crescimento deixando-os com estatura
baixa para o resto de suas vidas.
O que os anabolizantes fazem no corpo a curto e longo prazo
OBS.:
divisão de agulhas contaminadas com outros usuários (HIV, hepatite
B e C)
Em homens e mulheres de qualquer idade:Em homens e mulheres de qualquer idade:
•tumores (câncer) no fígado
•perturbação da coagulação do sangue
•alteração no colesterol, hipertensão, ataque cardíaco, acne,
•oleosidade do cabelo e aumento de agressividade.
Quais são os efeitos dos esteróides anabolizantes
sobre o comportamento e mente?
altas doses:
•aumentam a irritabilidade e agressividade (luta física)
•euforia, aumento da energia, alteração de humor,
distração, esquecimento e confusão.
Os anabolizantes afetam a escola ou
trabalho?
•Se o usuário chegar a desenvolver comportamentos
violentos e/ou problemas de esquecimento ou
confusão, fica difícil manter-se na escola ou no
trabalho.
• não são porta de entrada para uso de outras drogas
( Porém, os usuários chegam a utilizar de 10 a 100 vezes)
• misturam dois ou mais diferentes anabolizantes
• utilizam compostos veterinários.
• na tentativa prevenir o aparecimento de efeitos
indesejáveis (usam anti-hipertensivos)
Os anabolizantes levam ao uso de outras drogas?
•Sim, podem desenvolver dependência a essas drogas.
• Essa dependência pode ser percebida no usuário que
continua tomando anabolizantes mesmo depois das
conseqüências
•A abstinência acarretam muitos sintomas
desagradáveis.
As pessoas ficam dependentes dos
anabolizantes?
•Essas drogas são medicamentos, portanto, não são ilícitas no
Brasil.
•Para utilizá-las é necessário existir uma receita médica.
•O COI (Comitê Olímpico Internacional) proíbe o uso
O que acontece se uma pessoa for
surpreendida usando anabolizantes?
ANABOLIZANTES ESTERÓIDES USUAIS
Genérico
Androisoxazol
Androstanolona
Boldenona
Etilestrenol
Fluoximesterona
Mesterolona
Metenolona
Nandralona
Oxandrolona
Testosterona
Cristalaina
Comercial
Neopondren
Anabolex
Parenabol
Durabolin
Halostetin
Proviron
Primonabol
Deca-Durabolin
Anavar
Durateston
Formulação
Oral
Oral/Injetavel
Injetavel
Oral
Oral
Oral
Oral
Injetavel
Oral
Oral/Sublingual
Anabólico
+++++
+++++
+++++
+++
+++++
+++++
+++++
+++++
+++++
+++++
Hepatoxicidade
+++++
+++
+++
+++++
+++++
+++
+++
++++
+++++
+++
A interrupção leva a fadiga, perda de apetite, insônia,
redução do desejo sexual, e ainda uma grande vontade de
continuar usando anabolizantes.
As pessoas podem parar de usar os
anabolizantes?
•O sintoma mais perigoso que pode surgir quando da
parada dessas drogas é a depressãoé a depressão que em casos
extremos pode levar à tentativa de suicídio. Nesses casos é
necessária a ajuda de um profissional para parar de usar
anabolizantes.
Núcleo de Assessoria em Ações Preventivas
Prevenção, tratamento ambulatorial e
desintoxicação
Rua Doutor Costa Júnior, 546
São Paulo - SP
Telefone para contato: (0xx11) - 864 4213
Clínica Vila Serena
Mínimo de 30 dias de internação
Rua Marseille, 100
Bairro da Vila da Represa
São Paulo - SP
Telefone para contato: (0xx11) - 5520 9094
Hospital Água Funda
Desintoxicação e tratamento terapêutico
Avenida Miguel Estéfano, 3030
Bairro da Água Funda
São Paulo - SP
Telefone para contato:
(0xx11) - 5577 8355
Endereços Importantes
Obrigado!
walber@unifieo.br
walber@usp.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Prova bioquímica a3 2011 gabarito
Prova bioquímica a3 2011   gabaritoProva bioquímica a3 2011   gabarito
Prova bioquímica a3 2011 gabarito
Ana Claudia Rodrigues
 
Aula 02 conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemas
Aula 02   conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemasAula 02   conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemas
Aula 02 conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemas
Hamilton Nobrega
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Cláudia Moura
 
Exames de Laboratório
Exames de LaboratórioExames de Laboratório
Exames de Laboratório
Sheyla Amorim
 
Menopausa e Climatério
Menopausa e Climatério Menopausa e Climatério
Menopausa e Climatério
Laís Lucas
 
64012393 urinalise-questoes-gab
64012393 urinalise-questoes-gab64012393 urinalise-questoes-gab
64012393 urinalise-questoes-gab
Marcia Rodrigues
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
César Milani
 
Propriedades da Matéria - Química
Propriedades da Matéria - QuímicaPropriedades da Matéria - Química
Propriedades da Matéria - Química
Governo do Estado do Rio Grande do Sul
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
ROSILEIDE
 
Contraceptivos
ContraceptivosContraceptivos
Contraceptivos
Leonardo Souza
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
Rafael Rodrigues
 
Cancer
CancerCancer
Sistema urinário - Anatomia humana
Sistema urinário - Anatomia humanaSistema urinário - Anatomia humana
Sistema urinário - Anatomia humana
Marília Gomes
 
1ª aula amostras biológicas
1ª aula   amostras biológicas1ª aula   amostras biológicas
1ª aula amostras biológicas
Lilian Keila Alves
 
Exames laboratoriais
Exames laboratoriaisExames laboratoriais
Exames laboratoriais
resenfe2013
 
Patologias do sistema urinário
Patologias do sistema urinárioPatologias do sistema urinário
Patologias do sistema urinário
Roberta Araujo
 
Sistema Digestivo
Sistema DigestivoSistema Digestivo
Sistema Digestivo
Gabriela Bruno
 
Estudo das Enzimas Cardíacas
Estudo das Enzimas CardíacasEstudo das Enzimas Cardíacas
Estudo das Enzimas Cardíacas
profsempre
 
Introdução a química
Introdução a químicaIntrodução a química
Introdução a química
Portal do Vestibulando
 
Aula Insuficiência Renal Crônica
Aula Insuficiência Renal CrônicaAula Insuficiência Renal Crônica
Aula Insuficiência Renal Crônica
Jucie Vasconcelos
 

Mais procurados (20)

Prova bioquímica a3 2011 gabarito
Prova bioquímica a3 2011   gabaritoProva bioquímica a3 2011   gabarito
Prova bioquímica a3 2011 gabarito
 
Aula 02 conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemas
Aula 02   conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemasAula 02   conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemas
Aula 02 conceito e caracterização das células, tecidos, órgãos e sistemas
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Exames de Laboratório
Exames de LaboratórioExames de Laboratório
Exames de Laboratório
 
Menopausa e Climatério
Menopausa e Climatério Menopausa e Climatério
Menopausa e Climatério
 
64012393 urinalise-questoes-gab
64012393 urinalise-questoes-gab64012393 urinalise-questoes-gab
64012393 urinalise-questoes-gab
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
Propriedades da Matéria - Química
Propriedades da Matéria - QuímicaPropriedades da Matéria - Química
Propriedades da Matéria - Química
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
 
Contraceptivos
ContraceptivosContraceptivos
Contraceptivos
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
Cancer
CancerCancer
Cancer
 
Sistema urinário - Anatomia humana
Sistema urinário - Anatomia humanaSistema urinário - Anatomia humana
Sistema urinário - Anatomia humana
 
1ª aula amostras biológicas
1ª aula   amostras biológicas1ª aula   amostras biológicas
1ª aula amostras biológicas
 
Exames laboratoriais
Exames laboratoriaisExames laboratoriais
Exames laboratoriais
 
Patologias do sistema urinário
Patologias do sistema urinárioPatologias do sistema urinário
Patologias do sistema urinário
 
Sistema Digestivo
Sistema DigestivoSistema Digestivo
Sistema Digestivo
 
Estudo das Enzimas Cardíacas
Estudo das Enzimas CardíacasEstudo das Enzimas Cardíacas
Estudo das Enzimas Cardíacas
 
Introdução a química
Introdução a químicaIntrodução a química
Introdução a química
 
Aula Insuficiência Renal Crônica
Aula Insuficiência Renal CrônicaAula Insuficiência Renal Crônica
Aula Insuficiência Renal Crônica
 

Destaque

Anabolizantes
Anabolizantes Anabolizantes
Anabolizantes
joell07
 
Anabolizantes - Cuidado
Anabolizantes - CuidadoAnabolizantes - Cuidado
Anabolizantes - Cuidado
Tiba4P
 
Esteróides anabolizantes 1ºs anos
Esteróides anabolizantes 1ºs anosEsteróides anabolizantes 1ºs anos
Esteróides anabolizantes 1ºs anos
aluisiobraga
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
Saskia Raeska
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
iecarloschagas
 
Anabolizantes
Anabolizantes Anabolizantes
Anabolizantes
Neena Gomes
 
Esteroides anabolizantes Bruna e Rendrek
Esteroides anabolizantes Bruna e RendrekEsteroides anabolizantes Bruna e Rendrek
Esteroides anabolizantes Bruna e Rendrek
Bruna Marin
 
Andressa e Marcelly 901
Andressa e Marcelly 901Andressa e Marcelly 901
Janeiro 2010 pétalas de palavras
Janeiro 2010 pétalas de palavrasJaneiro 2010 pétalas de palavras
Janeiro 2010 pétalas de palavras
Irina Cardoso
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
profmarildapb
 
Curso esteroides anabólicos
Curso esteroides anabólicosCurso esteroides anabólicos
Curso esteroides anabólicos
washington carlos vieira
 
Doping no Esporte
Doping no EsporteDoping no Esporte
Doping no Esporte
aluisiobraga
 
O guia completo do suplemento copia
O guia completo do suplemento   copiaO guia completo do suplemento   copia
O guia completo do suplemento copia
Lucas Fonseca
 
100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade
100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade
100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade
Ademir Da Costa Costa
 
Reciclagem slideshare302
Reciclagem slideshare302Reciclagem slideshare302
Reciclagem slideshare302
sibfreguesia
 
REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...
REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...
REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...
Van Der Häägen Brazil
 
CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...
CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...
CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...
Van Der Häägen Brazil
 
Dicas anti aging
Dicas anti agingDicas anti aging
Dicas anti aging
monicavitolo
 
Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e Naftaleno
Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e NaftalenoHidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e Naftaleno
Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e Naftaleno
Carmen Theodoro Mendes
 
Hormonio do crescimen to final
Hormonio do crescimen to finalHormonio do crescimen to final
Hormonio do crescimen to final
Clínica Higashi
 

Destaque (20)

Anabolizantes
Anabolizantes Anabolizantes
Anabolizantes
 
Anabolizantes - Cuidado
Anabolizantes - CuidadoAnabolizantes - Cuidado
Anabolizantes - Cuidado
 
Esteróides anabolizantes 1ºs anos
Esteróides anabolizantes 1ºs anosEsteróides anabolizantes 1ºs anos
Esteróides anabolizantes 1ºs anos
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
 
Anabolizantes
Anabolizantes Anabolizantes
Anabolizantes
 
Esteroides anabolizantes Bruna e Rendrek
Esteroides anabolizantes Bruna e RendrekEsteroides anabolizantes Bruna e Rendrek
Esteroides anabolizantes Bruna e Rendrek
 
Andressa e Marcelly 901
Andressa e Marcelly 901Andressa e Marcelly 901
Andressa e Marcelly 901
 
Janeiro 2010 pétalas de palavras
Janeiro 2010 pétalas de palavrasJaneiro 2010 pétalas de palavras
Janeiro 2010 pétalas de palavras
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
 
Curso esteroides anabólicos
Curso esteroides anabólicosCurso esteroides anabólicos
Curso esteroides anabólicos
 
Doping no Esporte
Doping no EsporteDoping no Esporte
Doping no Esporte
 
O guia completo do suplemento copia
O guia completo do suplemento   copiaO guia completo do suplemento   copia
O guia completo do suplemento copia
 
100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade
100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade
100 latinhas mint to be personalizadas para maternidade
 
Reciclagem slideshare302
Reciclagem slideshare302Reciclagem slideshare302
Reciclagem slideshare302
 
REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...
REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...
REPOSIÇÃO DO GH-HORMÔNIO DE CRESCIMENTO EM INDIVÍDUOS CRIANÇAS E ADULTOS COM ...
 
CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...
CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...
CRESCER DESENVOLVER INFANTO-JUVENIL DM1 SOFRE INFLUÊNCIA DEFICIÊNCIA INSULINA...
 
Dicas anti aging
Dicas anti agingDicas anti aging
Dicas anti aging
 
Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e Naftaleno
Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e NaftalenoHidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e Naftaleno
Hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, Antraceno e Naftaleno
 
Hormonio do crescimen to final
Hormonio do crescimen to finalHormonio do crescimen to final
Hormonio do crescimen to final
 

Semelhante a Anabolizantes (1)

Anabolizantes.ppt
Anabolizantes.pptAnabolizantes.ppt
Anabolizantes.ppt
JooBatistaFerreiraCo
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
Ramom Rodrigues
 
Capa
CapaCapa
Anabolic Steroids - Impact on Male Fertility
Anabolic Steroids - Impact on Male FertilityAnabolic Steroids - Impact on Male Fertility
Anabolic Steroids - Impact on Male Fertility
Guilherme Leme de Souza
 
Trabalho de biologia 2º verde
Trabalho de biologia 2º verdeTrabalho de biologia 2º verde
Trabalho de biologia 2º verde
danielskillet
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
JEFFERSON LUCAS
 
Anabolizante x saúde
Anabolizante x saúdeAnabolizante x saúde
Anabolizante x saúde
JADSONPIPO
 
Esteroidesanabolizantes
EsteroidesanabolizantesEsteroidesanabolizantes
Esteroidesanabolizantes
Reniton Oliveira Santos
 
Câncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdfCâncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdf
JohnSilva87104
 
Câncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdfCâncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdf
John Madson Silva
 
Ppt cancer de prostata
Ppt cancer de prostataPpt cancer de prostata
Ppt cancer de prostata
Kamilla Morganna
 
Trabalho de ed.fis
Trabalho de ed.fisTrabalho de ed.fis
Trabalho de ed.fis
César Augusto Vilela
 
MECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXI
MECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXIMECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXI
MECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXI
Clínica Higashi
 
3 plano de aula muscular .mona
3 plano de aula muscular .mona3 plano de aula muscular .mona
3 plano de aula muscular .mona
familiaestagio
 
3o ano.aps 20. obesidade 23.08.2007
3o ano.aps 20. obesidade 23.08.20073o ano.aps 20. obesidade 23.08.2007
3o ano.aps 20. obesidade 23.08.2007
clitorrj
 
Trabalho sobre drogas
Trabalho sobre drogasTrabalho sobre drogas
Trabalho sobre drogas
Alexander Jr
 
Testoviron enantato-bula-em-pdf
Testoviron enantato-bula-em-pdfTestoviron enantato-bula-em-pdf
Testoviron enantato-bula-em-pdf
Basefitness
 
INTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdf
INTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdfINTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdf
INTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdf
Raquel Souza
 
ApresentaçãO ClimatéRio Menopausa
ApresentaçãO ClimatéRio  MenopausaApresentaçãO ClimatéRio  Menopausa
ApresentaçãO ClimatéRio Menopausa
vi_uema
 

Semelhante a Anabolizantes (1) (20)

Anabolizantes.ppt
Anabolizantes.pptAnabolizantes.ppt
Anabolizantes.ppt
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
 
Anabolizantes
AnabolizantesAnabolizantes
Anabolizantes
 
Capa
CapaCapa
Capa
 
Anabolic Steroids - Impact on Male Fertility
Anabolic Steroids - Impact on Male FertilityAnabolic Steroids - Impact on Male Fertility
Anabolic Steroids - Impact on Male Fertility
 
Trabalho de biologia 2º verde
Trabalho de biologia 2º verdeTrabalho de biologia 2º verde
Trabalho de biologia 2º verde
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
Anabolizante x saúde
Anabolizante x saúdeAnabolizante x saúde
Anabolizante x saúde
 
Esteroidesanabolizantes
EsteroidesanabolizantesEsteroidesanabolizantes
Esteroidesanabolizantes
 
Câncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdfCâncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdf
 
Câncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdfCâncer de prostata.pdf
Câncer de prostata.pdf
 
Ppt cancer de prostata
Ppt cancer de prostataPpt cancer de prostata
Ppt cancer de prostata
 
Trabalho de ed.fis
Trabalho de ed.fisTrabalho de ed.fis
Trabalho de ed.fis
 
MECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXI
MECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXIMECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXI
MECICINA ANTI AGING-CIÊNCIA DO SÉCULO XXI
 
3 plano de aula muscular .mona
3 plano de aula muscular .mona3 plano de aula muscular .mona
3 plano de aula muscular .mona
 
3o ano.aps 20. obesidade 23.08.2007
3o ano.aps 20. obesidade 23.08.20073o ano.aps 20. obesidade 23.08.2007
3o ano.aps 20. obesidade 23.08.2007
 
Trabalho sobre drogas
Trabalho sobre drogasTrabalho sobre drogas
Trabalho sobre drogas
 
Testoviron enantato-bula-em-pdf
Testoviron enantato-bula-em-pdfTestoviron enantato-bula-em-pdf
Testoviron enantato-bula-em-pdf
 
INTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdf
INTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdfINTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdf
INTRODUCAO A FARMACOLOGIA ENFERMAGEM.pdf
 
ApresentaçãO ClimatéRio Menopausa
ApresentaçãO ClimatéRio  MenopausaApresentaçãO ClimatéRio  Menopausa
ApresentaçãO ClimatéRio Menopausa
 

Último

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
luggio9854
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Festa dos Finalistas .
Festa dos Finalistas                    .Festa dos Finalistas                    .
Festa dos Finalistas .
 

Anabolizantes (1)

  • 2. ““Da pele para dentro começa a minha exclusiva jurisdição. EuDa pele para dentro começa a minha exclusiva jurisdição. Eu elejo aquilo que pode ou não cruzar essa fronteira. Sou umelejo aquilo que pode ou não cruzar essa fronteira. Sou um estado soberanoestado soberano e os limites da minha pele são muito maise os limites da minha pele são muito mais sagrados que os confins de qualquer país”sagrados que os confins de qualquer país” Anônimo comtemporâneo
  • 3. CONCEITOS PRELIMINARES Fármacos - substâncias que produzem efeitos benéficos no organismo, diferentes da ação dos alimentos Remédio- substância ou medida utilizada para curar determinada enfermidade. Tóxicos ou Veneno - substância química que ingerida ou aplicada externamente, e que sendo absorvida, determina a morte do indivíduo ou coloca sua vida em risco Droga - composto biologicamente ativo capaz de alterar uma função fisiológica e pode estar presente em medicamentos, alimentos, bebidas, substância de abuso, cosméticos, dentre outras. - substância capaz de curar, prevenir ou diagnosticar uma enfermidade.Medicamento
  • 4. • Este termo se refere a promoção do anabolismo (tecido muscular) • Ocorre pela própria reação natural do corpo (atividade física, nutrição e a suplementação adequada, ou pelo introdução de drogas • AnabolismoAnabolismo ocorre retirando substâncias do sangue, que são essenciais para o crescimento e reparo dos tecidos e usando-os para estimular reações que produzem síntese dos mesmos.  são hormôniossão hormônios responsáveis pela harmonia das funções vitais do organismo e mimetizam os efeitos anabólicos da testosteronatestosterona, tendo a propriedade de ativar o metabolismo protéico, retendo o nitrogênio e aumentando a atividade do RNA.  ANABÓLICO ESTERÓIDES
  • 5. SÍNTESE E SECREÇÃO DOS CORTICOSTERÓIDES córtex supra- renal HIPOTÁLAMO ADH CRF HIPÓFISE ANTERIOR ACTH exógeno ACTH  AÇÕES PERIFÉRICAS (SAIS E ÁGUA) AÇÕES PERIFÉRICAS (METAB. E ANTIINFLAM.)     sistema regina- angiotensina GLICO- CORTICÓIDES (ENDO E EXÓGENOS) MINERALO- CORTICÓIDES (ENDO E EXÓGENOS) Prof. Dr. Cruz, JWMC
  • 6. BIOSSÍNTESE DOS ESTERÓIDES Pregnenolona HO CH3 C=OP450scc COLESTEROL A B C D 1 2 4 5 6 7 8 3 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 17 a - (P45017a) 17 a - Hidroxipregnenolona O OH = CH3 C OH Prof. Dr. Cruz, JWMC O 3 b - (HSD) 4 – Androstene-3,17-diona H = O H H = Testosterona H O H H = H O (P450 11 b) 21 b - (P450 21 ) H O H H O Estradiol
  • 7. MECANISMO DE AÇÃO DOS ESTERÓIDES CBS S HSP70 HSP90 IP SR S SR S SR S FUNÇÃO CELULAR ALTERADA S HSP70 HSP90 SR IP SRE SRE GENE RNAm PROTEÍNA ± Prof. Dr. Cruz, JWMC
  • 8. O que são esteróides ou anabolizantes como são mais conhecidos? Eles ajudam no crescimento dos músculos (efeito anabólico) e no desenvolvimento das características sexuais masculinas como: pelos, barba, voz grossa etc. (efeito androgênico). São usados como medicamentos para tratamento de pacientes que não produzem quantidade suficientes de Testosterona. Os principais medicamentos esteróides anabolizantes utilizados no Brasil são: Durasteton® , Deca- Durabolin® , Androxon®. são drogas fabricadas para substituírem o hormônio masculino TestosteronaTestosterona( fabricado pelos testículos)
  • 10. •Os que utilizam essas drogas sem ser por problemas médicos, fazem esse uso para melhorar o desempenho nos esportes, aumentar a massa muscular e reduzir a gordura do corpo. Por que as pessoas usam os anabolizantes?
  • 11. Os principais usuários dessas drogas são os atletasatletas, porém o uso também está espalhando-se entre os não–atletasnão–atletas que buscam um corpo "sarado" (forte, desenvolvido). Quem são as pessoas que mais usam os anabolizantes? Os homenshomens são ainda os maiores usuáriosmaiores usuários, mas esse uso vem crescendo entre as mulheres.
  • 12. O que os anabolizantes fazem no corpo a curto e longo prazo Homens e adolescentes:Homens e adolescentes: redução da produção de esperma impotência dificuldade ou dor em urinar calvície e crescimento irreversível das mamas (ginecomastia). Mulheres e adolescentes:Mulheres e adolescentes: aparecimento de sinais masculinos como engrossamento da voz crescimento excessivo de pelos no corpo perda de cabelo diminuição dos seios e pelos faciais (barba).
  • 13. Em pré-adolescentes e adolescentes de ambos os sexos:Em pré-adolescentes e adolescentes de ambos os sexos: •finaliza, prematuramente, o crescimento deixando-os com estatura baixa para o resto de suas vidas. O que os anabolizantes fazem no corpo a curto e longo prazo OBS.: divisão de agulhas contaminadas com outros usuários (HIV, hepatite B e C) Em homens e mulheres de qualquer idade:Em homens e mulheres de qualquer idade: •tumores (câncer) no fígado •perturbação da coagulação do sangue •alteração no colesterol, hipertensão, ataque cardíaco, acne, •oleosidade do cabelo e aumento de agressividade.
  • 14. Quais são os efeitos dos esteróides anabolizantes sobre o comportamento e mente? altas doses: •aumentam a irritabilidade e agressividade (luta física) •euforia, aumento da energia, alteração de humor, distração, esquecimento e confusão.
  • 15. Os anabolizantes afetam a escola ou trabalho? •Se o usuário chegar a desenvolver comportamentos violentos e/ou problemas de esquecimento ou confusão, fica difícil manter-se na escola ou no trabalho.
  • 16. • não são porta de entrada para uso de outras drogas ( Porém, os usuários chegam a utilizar de 10 a 100 vezes) • misturam dois ou mais diferentes anabolizantes • utilizam compostos veterinários. • na tentativa prevenir o aparecimento de efeitos indesejáveis (usam anti-hipertensivos) Os anabolizantes levam ao uso de outras drogas?
  • 17. •Sim, podem desenvolver dependência a essas drogas. • Essa dependência pode ser percebida no usuário que continua tomando anabolizantes mesmo depois das conseqüências •A abstinência acarretam muitos sintomas desagradáveis. As pessoas ficam dependentes dos anabolizantes?
  • 18. •Essas drogas são medicamentos, portanto, não são ilícitas no Brasil. •Para utilizá-las é necessário existir uma receita médica. •O COI (Comitê Olímpico Internacional) proíbe o uso O que acontece se uma pessoa for surpreendida usando anabolizantes?
  • 20. A interrupção leva a fadiga, perda de apetite, insônia, redução do desejo sexual, e ainda uma grande vontade de continuar usando anabolizantes. As pessoas podem parar de usar os anabolizantes? •O sintoma mais perigoso que pode surgir quando da parada dessas drogas é a depressãoé a depressão que em casos extremos pode levar à tentativa de suicídio. Nesses casos é necessária a ajuda de um profissional para parar de usar anabolizantes.
  • 21. Núcleo de Assessoria em Ações Preventivas Prevenção, tratamento ambulatorial e desintoxicação Rua Doutor Costa Júnior, 546 São Paulo - SP Telefone para contato: (0xx11) - 864 4213 Clínica Vila Serena Mínimo de 30 dias de internação Rua Marseille, 100 Bairro da Vila da Represa São Paulo - SP Telefone para contato: (0xx11) - 5520 9094 Hospital Água Funda Desintoxicação e tratamento terapêutico Avenida Miguel Estéfano, 3030 Bairro da Água Funda São Paulo - SP Telefone para contato: (0xx11) - 5577 8355 Endereços Importantes