SlideShare uma empresa Scribd logo
A MATEMÁTICA E SEU SENTIDO NO MUNDO
Claudio Buffara – Rio de Janeiro
“Nunca usarei essa fórmula no meu dia a dia”, é uma objeção que muitos
professores de Matemática já ouviram no trabalho. Devemos nos perguntar o
porquê, já arriscando que talvez o método de ensino tenha algo a dizer. De
fato, não são raros os docentes que tornam, em sua exposição, a matemática
um corpo estranho no mundo, como se fosse uma ciência de alguma forma
isolada, fechada em seus próprios teoremas. É tempo de incentivar outros
olhares. É hora de lembrar que a matemática nada mais é que uma linguagem
nascida da sociedade que dela nunca se afastou.
Para tanto, convém demonstrar como a matemática é capaz de transformar o
mundo. Utilizaremos exemplos práticos de como o desenvolvimento dessa
ciência mudou nossa vida. O computador que você usa para nos ler, por
exemplo, não teria sido produzido sem a lógica binária. Ou pelo menos não
teria essa forma. Os telefones precisaram esperar o estudo estatísticos de
sinais e os algoritmos de digitalização e compreensão de dados. Se for um
leitor atento, à essa altura você já sabe onde quero chegar: sem matemática,
não existiria internet, não existiria Facebook, não existiriam memes...parece
horrível, não é?
Em escala social, seria interessante lembrar que a linguagem matemática
ordena a produção de mercadorias em escala global. Agradeça a ela suas
encomendas da China, de Nova Iorque, do Paraguai. Você, caro leitor
resistente, poderia lembrar que essa produção ajuda a destruir a natureza.
Mas aí a culpa não é da matemática, mas do uso que homens e mulheres
fazem dela. Podemos sempre fazer melhor!
Entender essa ciência dessa forma torna seu aprendizado mais interessante. É
uma nova experiência observar quadros renascentistas – aqueles de Leonardo
Da Vinci, Michelangelo, Rafael Sanzio e as outras tartarugas ninjas... –
buscando ali as referências matemáticas. Eles seriam impossíveis sem um
conhecimento apurado da geometria, disciplina que todos esses mestres
estudaram a fundo. Portanto, fica a lição: mesmo se sua inclinação for pouco
científica e, no fundo, tudo que você queira seja vender sua arte na praia,
estude matemática!
Para finalizar, gostaria de falar diretamente aos professores. Busquem
demonstrar como nosso saber é a base para a construção do mundo em que
vivemos. Não é necessariamente o caso de endeusar o mundo – que, sabemos,
tem lá seus problemas –, mas de valorizar a Matemática como instrumento
potente de transformação social. Se procedermos assim, talvez a objeção que
abriu esse texto se torne cada vez mais rara em nossas salas de aula.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A MATEMÁTICA E SEU SENTIDO NO MUNDO

Matemática, Monstros e Significados
Matemática, Monstros e SignificadosMatemática, Monstros e Significados
Matemática, Monstros e Significados
Andréa Thees
 
A Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetização
A Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetizaçãoA Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetização
A Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetização
Fabiana Esteves
 
Matematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacao
MatematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacaoMatematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacao
Matematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacao
Rute Pereira
 
Dia nacional da matemática 2014 sugestões para 2014
Dia nacional da matemática 2014   sugestões para 2014Dia nacional da matemática 2014   sugestões para 2014
Dia nacional da matemática 2014 sugestões para 2014
Dani Pimenta
 
Stephen kanitz
Stephen kanitzStephen kanitz
Stephen kanitz
thiagolopeslima2009
 
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)
Jhosyrene Oliveira
 
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01
Jhosyrene Oliveira
 
O uso do data show
O uso do data showO uso do data show
O uso do data show
Raimundo Reis de Almeida
 
Tecnologia digital
Tecnologia digitalTecnologia digital
Tecnologia digital
Professor Gilson Nunes
 
Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...
Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...
Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...
Antonio Claudio Lage Buffara
 
A leitura e a contemporaneidade
A leitura e a contemporaneidadeA leitura e a contemporaneidade
A leitura e a contemporaneidade
Laelson José Dos Santos
 
Aqui!!! Slide Show 3
Aqui!!! Slide Show 3Aqui!!! Slide Show 3
Aqui!!! Slide Show 3
edsonn
 
Aula 1 - Ensinoaprendizagem de matemática
Aula 1 - Ensinoaprendizagem de matemáticaAula 1 - Ensinoaprendizagem de matemática
Aula 1 - Ensinoaprendizagem de matemática
Andréa Thees
 
Dos naturais aos racionais. texto
Dos naturais aos racionais. textoDos naturais aos racionais. texto
Dos naturais aos racionais. texto
CidaLoth
 
Monografia Edinalva Matemática 2011
Monografia Edinalva Matemática 2011Monografia Edinalva Matemática 2011
Monografia Edinalva Matemática 2011
Biblioteca Campus VII
 
Porquê aprender matemática
Porquê aprender matemáticaPorquê aprender matemática
Porquê aprender matemática
CarmenCaetano
 
Porquê aprender matemática
Porquê aprender matemáticaPorquê aprender matemática
Porquê aprender matemática
CarmenCaetano
 
Atividade3pedroivogaudenciodeoliveira
Atividade3pedroivogaudenciodeoliveiraAtividade3pedroivogaudenciodeoliveira
Atividade3pedroivogaudenciodeoliveira
pedro oliveira
 
Monografia Maria da Conceição Matemática 2006
Monografia Maria da Conceição Matemática 2006Monografia Maria da Conceição Matemática 2006
Monografia Maria da Conceição Matemática 2006
Biblioteca Campus VII
 
Encceja matematica ens_medio
Encceja matematica ens_medioEncceja matematica ens_medio
Encceja matematica ens_medio
Aldair Almeida
 

Semelhante a A MATEMÁTICA E SEU SENTIDO NO MUNDO (20)

Matemática, Monstros e Significados
Matemática, Monstros e SignificadosMatemática, Monstros e Significados
Matemática, Monstros e Significados
 
A Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetização
A Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetizaçãoA Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetização
A Matemática e a relação com outros campos do saber no ciclo de alfabetização
 
Matematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacao
MatematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacaoMatematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacao
Matematicaearelacaocomosoutroscamposdosabernociclodaalfabetizacao
 
Dia nacional da matemática 2014 sugestões para 2014
Dia nacional da matemática 2014   sugestões para 2014Dia nacional da matemática 2014   sugestões para 2014
Dia nacional da matemática 2014 sugestões para 2014
 
Stephen kanitz
Stephen kanitzStephen kanitz
Stephen kanitz
 
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01 (1)
 
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01
Slidecuriosidades1 091104171430-phpapp01
 
O uso do data show
O uso do data showO uso do data show
O uso do data show
 
Tecnologia digital
Tecnologia digitalTecnologia digital
Tecnologia digital
 
Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...
Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...
Padrões, Conjecturas e Demonstrações na Matemática Escolar - Antônio Cláudio ...
 
A leitura e a contemporaneidade
A leitura e a contemporaneidadeA leitura e a contemporaneidade
A leitura e a contemporaneidade
 
Aqui!!! Slide Show 3
Aqui!!! Slide Show 3Aqui!!! Slide Show 3
Aqui!!! Slide Show 3
 
Aula 1 - Ensinoaprendizagem de matemática
Aula 1 - Ensinoaprendizagem de matemáticaAula 1 - Ensinoaprendizagem de matemática
Aula 1 - Ensinoaprendizagem de matemática
 
Dos naturais aos racionais. texto
Dos naturais aos racionais. textoDos naturais aos racionais. texto
Dos naturais aos racionais. texto
 
Monografia Edinalva Matemática 2011
Monografia Edinalva Matemática 2011Monografia Edinalva Matemática 2011
Monografia Edinalva Matemática 2011
 
Porquê aprender matemática
Porquê aprender matemáticaPorquê aprender matemática
Porquê aprender matemática
 
Porquê aprender matemática
Porquê aprender matemáticaPorquê aprender matemática
Porquê aprender matemática
 
Atividade3pedroivogaudenciodeoliveira
Atividade3pedroivogaudenciodeoliveiraAtividade3pedroivogaudenciodeoliveira
Atividade3pedroivogaudenciodeoliveira
 
Monografia Maria da Conceição Matemática 2006
Monografia Maria da Conceição Matemática 2006Monografia Maria da Conceição Matemática 2006
Monografia Maria da Conceição Matemática 2006
 
Encceja matematica ens_medio
Encceja matematica ens_medioEncceja matematica ens_medio
Encceja matematica ens_medio
 

Mais de Antonio Claudio Lage Buffara

ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOG
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOGANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOG
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOG
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADEANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADE
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOSANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOS
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTEANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTE
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROSANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROS
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - ORTOGONAIS?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO  - ORTOGONAIS?ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO  - ORTOGONAIS?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - ORTOGONAIS?
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADO
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADOANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADO
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADO
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIAL
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIALANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIAL
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIAL
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOSANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOS
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PAANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PA
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.A
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.AANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.A
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.A
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCAR
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCARANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCAR
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCAR
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICAANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICA
Antonio Claudio Lage Buffara
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIAANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIA
Antonio Claudio Lage Buffara
 

Mais de Antonio Claudio Lage Buffara (20)

ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - TÉCNICAS CRIATIVAS DE MEDIÇÕES: RESOLVENDO PRO...
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOG
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOGANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOG
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - APROXIMAÇÃO DE LOG
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - O USO DE QUEBRA-CABEÇAS NO DESENVOLVIMENTO LÓG...
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADEANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROBABILIDADE
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - JOGO DO CÂMBIO: UMA PROPOSTA PARA EDUCAÇÃO INF...
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOSANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - AUTO-ESPAÇOS
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - APRENDENDO A ESTUDAR: ERROS COMUNS E SUAS POSS...
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTEANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTE
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - ENEM 2018: POSSÍVEIS NOTAS DE CORTE
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROSANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC- RIO - ESFERAS E TETRAEDROS
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - ORTOGONAIS?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO  - ORTOGONAIS?ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO  - ORTOGONAIS?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - ORTOGONAIS?
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADO
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADOANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADO
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - PROPOSIÇÕES: UM EXERCÍCIO COMENTADO
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA - DESAFIO MATEMÁTICO: QUANTO É 2 + 5 X 3 + 4 ?
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIAL
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIALANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIAL
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA VETORIAL
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOSANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOS
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO EM - UMA SOBRE COMPLEXOS
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PAANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PRIMOS E PA
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO AXIOMAS PARA RESOLUÇÃ...
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.A
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.AANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.A
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO PROBLEMA SIMPLES DE P.A
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCAR
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCARANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCAR
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - DÚVIDA EPCAR
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICAANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - PROGRESSÃO ARITMÉTICA
 
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIAANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIA
ANTONIO CLAUDIO LAGE BUFFARA RESPONDE: QUESTÕES PUC-RIO - CONGRUÊNCIA
 

Último

Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
AdrianoMontagna1
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
Giovana Gomes da Silva
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Danielle Fernandes Amaro dos Santos
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 

Último (20)

Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 

A MATEMÁTICA E SEU SENTIDO NO MUNDO

  • 1. A MATEMÁTICA E SEU SENTIDO NO MUNDO Claudio Buffara – Rio de Janeiro
  • 2. “Nunca usarei essa fórmula no meu dia a dia”, é uma objeção que muitos professores de Matemática já ouviram no trabalho. Devemos nos perguntar o porquê, já arriscando que talvez o método de ensino tenha algo a dizer. De fato, não são raros os docentes que tornam, em sua exposição, a matemática um corpo estranho no mundo, como se fosse uma ciência de alguma forma isolada, fechada em seus próprios teoremas. É tempo de incentivar outros olhares. É hora de lembrar que a matemática nada mais é que uma linguagem nascida da sociedade que dela nunca se afastou.
  • 3. Para tanto, convém demonstrar como a matemática é capaz de transformar o mundo. Utilizaremos exemplos práticos de como o desenvolvimento dessa ciência mudou nossa vida. O computador que você usa para nos ler, por exemplo, não teria sido produzido sem a lógica binária. Ou pelo menos não teria essa forma. Os telefones precisaram esperar o estudo estatísticos de sinais e os algoritmos de digitalização e compreensão de dados. Se for um leitor atento, à essa altura você já sabe onde quero chegar: sem matemática, não existiria internet, não existiria Facebook, não existiriam memes...parece horrível, não é?
  • 4. Em escala social, seria interessante lembrar que a linguagem matemática ordena a produção de mercadorias em escala global. Agradeça a ela suas encomendas da China, de Nova Iorque, do Paraguai. Você, caro leitor resistente, poderia lembrar que essa produção ajuda a destruir a natureza. Mas aí a culpa não é da matemática, mas do uso que homens e mulheres fazem dela. Podemos sempre fazer melhor!
  • 5. Entender essa ciência dessa forma torna seu aprendizado mais interessante. É uma nova experiência observar quadros renascentistas – aqueles de Leonardo Da Vinci, Michelangelo, Rafael Sanzio e as outras tartarugas ninjas... – buscando ali as referências matemáticas. Eles seriam impossíveis sem um conhecimento apurado da geometria, disciplina que todos esses mestres estudaram a fundo. Portanto, fica a lição: mesmo se sua inclinação for pouco científica e, no fundo, tudo que você queira seja vender sua arte na praia, estude matemática!
  • 6. Para finalizar, gostaria de falar diretamente aos professores. Busquem demonstrar como nosso saber é a base para a construção do mundo em que vivemos. Não é necessariamente o caso de endeusar o mundo – que, sabemos, tem lá seus problemas –, mas de valorizar a Matemática como instrumento potente de transformação social. Se procedermos assim, talvez a objeção que abriu esse texto se torne cada vez mais rara em nossas salas de aula.