SlideShare uma empresa Scribd logo
 
26Ao sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré, 27a uma virgem desposada com um homem chamado José, da casa de David; e o nome da virgem era Maria. 28Ao entrar em casa dela, o anjo disse-lhe: «Salve, ó cheia de graça, o Senhor está contigo.» (Lc 1,26-28)
Maria é uma mulher livre e confiante. Pronta a escutar palavras que ultrapassam de muito a sua compreensão. As palavras do Anjo, são palavras de Deus. Pede alguma explicação, mas não duvida.
As palavras do Anjo irão modificar radicalmente a sua vida. Sente a dificuldade, mas não recua. Diante das palavras do Anjo: «darás à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus» e «será chamado filho do Altíssimo», Ele respondeu «como é possível, não conheço homem»
Foi então que o Anjo revelou-lhe algo que ninguém entre as criatura humanas podia ouvir: «O Espírito Santo virá sobre ti e a força do Altíssimo estenderá sobre ti a sua sombra». Ela responde com um abandono total: «faça-se em mim segundo a tua palavra.»
A presença do Espírito Santo o é o segredo íntimo da vida de Maria. Por isso, o Anjo chamou-a «cheia de graça»
O seu «sim» não foi simplesmente um acordo inicial, mas um consentimento a obedecer a Deus sempre.  Por isso, Ela é, e será sempre, modelo de vida cristã.
Obedecendo ao Espírito Santo que n’Ela habitava, como num templo, tornou-se a primeira discípula de Jesus. Com o seu «sim» abandonou-se ao poder do Espírito Santo;  a sua vida foi um continuo esvaziar-se para cumprir a vontade divina. Foi caminhar na claridade da fé até entrar nas densas trevas da paixão dolorosa, aos pés da cruz.
Não há outro ser humano em que podemos ver o que significa receber o amor de Deus em plenitude como em Maria. Este Deus que tanto amou o mundo até dar-lhe o Seu Filho.
Maria conheceu a bênção de Deus: «todas as gerações a chamarão ditosa»; mas também conheceu a solidão e o abandono, seguindo as pegadas de Jesus.
Maria está sempre em relação com Deus. Olhando para ela, o cristianismo de todos os tempos, será sempre protegido. Com Ela a frente, o cristianismo, nunca poderá tornar-se uma filosofia, uma doutrina, um conjunto de ideias. Maria viveu a sua fé em relacionamento com o Pai, como filha predilecta; com o Filho, como Mãe amorosa; com o Espírito Santo, como esposa santa.
O seu relacionamento pessoal, íntimo com Deus, a sua completa obediência, a sua humildade e a sua fé firme, inabalável, dá-nos a conhecer o que é, de verdade, seguir a Jesus. Não é, de forma nenhuma agarrar-se a uma ideia, a um principio, mas sim caminhar com Deus.
É pôr-se ao serviço d’Aquele que tratou os homens como amigos e deu a vida por eles e convidou os seus discípulos a fazer o mesmo. Maria é Mãe. A sua vida foi, na forma mais singular, servir a Jesus.
A vocação de Maria é ser Mãe. Por Ele Jesus nasceu neste mundo, realizando o grande mistério da encarnação. Ela o fez nascer não só outrora, na pobre gruta de Belém, mas também hoje em todos aqueles que se deixam atingir pelo Amor de Deus.
Maria é de Jesus, totalmente de Jesus. Por isso é que a Igreja gosta chamá-La MÃE DE DEUS. Conhecer Maria é conhecer Aquela mulher que gerou a Deus no seu ceio virginal; é conhecer Aquela que gera Jesus em cada ser humano, como no dia de Pentecostes.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Como conduzir uma criança a jesus
Como conduzir uma criança a jesusComo conduzir uma criança a jesus
Como conduzir uma criança a jesus
Thaty Gama
 
Deus requer santificação aos cristãos 3
Deus requer santificação aos cristãos 3Deus requer santificação aos cristãos 3
Deus requer santificação aos cristãos 3
Silvio Dutra
 
Deus requer santificação aos cristãos 48
Deus requer santificação aos cristãos 48Deus requer santificação aos cristãos 48
Deus requer santificação aos cristãos 48
Silvio Dutra
 
03 ApresentaçãO De Jesus
03 ApresentaçãO De Jesus03 ApresentaçãO De Jesus
03 ApresentaçãO De Jesus
Leone Orlando
 
Xxxxxxxxxx 01
Xxxxxxxxxx 01Xxxxxxxxxx 01
Xxxxxxxxxx 01
Miguel Aguilera
 
P1209 trindade
P1209 trindadeP1209 trindade
P1209 trindade
José Luiz Silva Pinto
 
Slide 03
Slide   03Slide   03
Plante, que a colheita deus garante
Plante, que a colheita deus garantePlante, que a colheita deus garante
Plante, que a colheita deus garante
Thatiane Machado da Silva
 
Santidade
SantidadeSantidade
Santidade
Márcio Melânia
 
Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)
Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)
Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)
Rômulo Martins
 
A FIDELIDADE DE DEUS
A FIDELIDADE DE DEUSA FIDELIDADE DE DEUS
A FIDELIDADE DE DEUS
CEILANDIA
 
O Que É Vida Eterna
O Que É Vida EternaO Que É Vida Eterna
O Que É Vida Eterna
Silvio Dutra
 
Porta fidei 0612
Porta fidei 0612Porta fidei 0612
Porta fidei 0612
Aluizia Mendes
 
Liçao 11 adotados por deus
Liçao 11 adotados por deusLiçao 11 adotados por deus
Liçao 11 adotados por deus
Hamilton Souza
 
Deus requer santificação aos cristãos 10
Deus requer santificação aos cristãos 10Deus requer santificação aos cristãos 10
Deus requer santificação aos cristãos 10
Silvio Dutra
 
Princípios de liderança bíblica em elias 5
Princípios de liderança bíblica em elias   5Princípios de liderança bíblica em elias   5
Princípios de liderança bíblica em elias 5
Vilmar Nascimento
 
Aula 7 8.2
Aula 7 8.2Aula 7 8.2
Aula 7 8.2
Paulo Mattos
 
7 mordomia
7   mordomia7   mordomia
Decida Hoje
Decida HojeDecida Hoje
Maravilhosa graça
Maravilhosa graçaMaravilhosa graça
Maravilhosa graça
mariaelevive
 

Mais procurados (20)

Como conduzir uma criança a jesus
Como conduzir uma criança a jesusComo conduzir uma criança a jesus
Como conduzir uma criança a jesus
 
Deus requer santificação aos cristãos 3
Deus requer santificação aos cristãos 3Deus requer santificação aos cristãos 3
Deus requer santificação aos cristãos 3
 
Deus requer santificação aos cristãos 48
Deus requer santificação aos cristãos 48Deus requer santificação aos cristãos 48
Deus requer santificação aos cristãos 48
 
03 ApresentaçãO De Jesus
03 ApresentaçãO De Jesus03 ApresentaçãO De Jesus
03 ApresentaçãO De Jesus
 
Xxxxxxxxxx 01
Xxxxxxxxxx 01Xxxxxxxxxx 01
Xxxxxxxxxx 01
 
P1209 trindade
P1209 trindadeP1209 trindade
P1209 trindade
 
Slide 03
Slide   03Slide   03
Slide 03
 
Plante, que a colheita deus garante
Plante, que a colheita deus garantePlante, que a colheita deus garante
Plante, que a colheita deus garante
 
Santidade
SantidadeSantidade
Santidade
 
Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)
Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)
Os estágios na vida do cristão parte 02 (05 08 2012)
 
A FIDELIDADE DE DEUS
A FIDELIDADE DE DEUSA FIDELIDADE DE DEUS
A FIDELIDADE DE DEUS
 
O Que É Vida Eterna
O Que É Vida EternaO Que É Vida Eterna
O Que É Vida Eterna
 
Porta fidei 0612
Porta fidei 0612Porta fidei 0612
Porta fidei 0612
 
Liçao 11 adotados por deus
Liçao 11 adotados por deusLiçao 11 adotados por deus
Liçao 11 adotados por deus
 
Deus requer santificação aos cristãos 10
Deus requer santificação aos cristãos 10Deus requer santificação aos cristãos 10
Deus requer santificação aos cristãos 10
 
Princípios de liderança bíblica em elias 5
Princípios de liderança bíblica em elias   5Princípios de liderança bíblica em elias   5
Princípios de liderança bíblica em elias 5
 
Aula 7 8.2
Aula 7 8.2Aula 7 8.2
Aula 7 8.2
 
7 mordomia
7   mordomia7   mordomia
7 mordomia
 
Decida Hoje
Decida HojeDecida Hoje
Decida Hoje
 
Maravilhosa graça
Maravilhosa graçaMaravilhosa graça
Maravilhosa graça
 

Semelhante a 01 Dizer Sim A Deus

01-dizer-sim-a-deus.ppt
01-dizer-sim-a-deus.ppt01-dizer-sim-a-deus.ppt
01-dizer-sim-a-deus.ppt
WendelFialho
 
02 A VisitaçãO
02 A VisitaçãO02 A VisitaçãO
02 A VisitaçãO
Leone Orlando
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...
ParoquiaDeSaoPedro
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada Conceição
Nilson Almeida
 
MVEB: estudo3 Maria de Nazaré
MVEB: estudo3 Maria de NazaréMVEB: estudo3 Maria de Nazaré
MVEB: estudo3 Maria de Nazaré
barducostefane
 
10 encontro maria-2015
10 encontro   maria-201510 encontro   maria-2015
10 encontro maria-2015
Catequese Anjos dos Céus
 
Maria, mãe do verbo encarnado
Maria, mãe do verbo encarnadoMaria, mãe do verbo encarnado
Maria, mãe do verbo encarnado
Liana Plentz
 
Estudo sobre Maria
Estudo sobre MariaEstudo sobre Maria
Estudo sobre Maria
marquione ban
 
GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015
GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015
GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015
Gerson G. Ramos
 
O momento mariano
O momento marianoO momento mariano
O momento mariano
febri samar
 
Sim de_Maria
Sim de_MariaSim de_Maria
Sim de_Maria
pr_afsalbergaria
 
Sim de_maria
Sim de_mariaSim de_maria
Sim de_maria
pr_afsalbergaria
 
Grandes virtudes de maria
Grandes virtudes de mariaGrandes virtudes de maria
Grandes virtudes de maria
Paulo Nascimento
 
Huberto rohden nosso mestre
Huberto rohden   nosso mestreHuberto rohden   nosso mestre
Huberto rohden nosso mestre
Universalismo Cultura
 
Novena 1 a 4
Novena 1 a 4Novena 1 a 4
Novena 1 a 4
Renata R. Lucas
 
Preparação para a vinda do Senhor - livro
Preparação para a vinda do Senhor  - livroPreparação para a vinda do Senhor  - livro
Preparação para a vinda do Senhor - livro
Silvio Dutra
 
Preparação para a vinda do senhor
Preparação para a vinda do senhorPreparação para a vinda do senhor
Preparação para a vinda do senhor
Silvio Dutra
 
Mulheres que seguiram Jesus.pptx
Mulheres que seguiram Jesus.pptxMulheres que seguiram Jesus.pptx
Mulheres que seguiram Jesus.pptx
M.R.L
 
Creio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor
Creio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso SenhorCreio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor
Creio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor
JMVSobreiro
 
Vivendo como jesus viveu
Vivendo como jesus viveuVivendo como jesus viveu
Vivendo como jesus viveu
jb1955
 

Semelhante a 01 Dizer Sim A Deus (20)

01-dizer-sim-a-deus.ppt
01-dizer-sim-a-deus.ppt01-dizer-sim-a-deus.ppt
01-dizer-sim-a-deus.ppt
 
02 A VisitaçãO
02 A VisitaçãO02 A VisitaçãO
02 A VisitaçãO
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Maio d...
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada Conceição
 
MVEB: estudo3 Maria de Nazaré
MVEB: estudo3 Maria de NazaréMVEB: estudo3 Maria de Nazaré
MVEB: estudo3 Maria de Nazaré
 
10 encontro maria-2015
10 encontro   maria-201510 encontro   maria-2015
10 encontro maria-2015
 
Maria, mãe do verbo encarnado
Maria, mãe do verbo encarnadoMaria, mãe do verbo encarnado
Maria, mãe do verbo encarnado
 
Estudo sobre Maria
Estudo sobre MariaEstudo sobre Maria
Estudo sobre Maria
 
GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015
GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015
GGR_As mulheres no ministério de Jesus_622015
 
O momento mariano
O momento marianoO momento mariano
O momento mariano
 
Sim de_Maria
Sim de_MariaSim de_Maria
Sim de_Maria
 
Sim de_maria
Sim de_mariaSim de_maria
Sim de_maria
 
Grandes virtudes de maria
Grandes virtudes de mariaGrandes virtudes de maria
Grandes virtudes de maria
 
Huberto rohden nosso mestre
Huberto rohden   nosso mestreHuberto rohden   nosso mestre
Huberto rohden nosso mestre
 
Novena 1 a 4
Novena 1 a 4Novena 1 a 4
Novena 1 a 4
 
Preparação para a vinda do Senhor - livro
Preparação para a vinda do Senhor  - livroPreparação para a vinda do Senhor  - livro
Preparação para a vinda do Senhor - livro
 
Preparação para a vinda do senhor
Preparação para a vinda do senhorPreparação para a vinda do senhor
Preparação para a vinda do senhor
 
Mulheres que seguiram Jesus.pptx
Mulheres que seguiram Jesus.pptxMulheres que seguiram Jesus.pptx
Mulheres que seguiram Jesus.pptx
 
Creio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor
Creio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso SenhorCreio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor
Creio em Jesus Cristo, Seu único Filho, nosso Senhor
 
Vivendo como jesus viveu
Vivendo como jesus viveuVivendo como jesus viveu
Vivendo como jesus viveu
 

Mais de Leone Orlando

04 Messianismo Apocaliptico
04   Messianismo Apocaliptico04   Messianismo Apocaliptico
04 Messianismo Apocaliptico
Leone Orlando
 
03 Messianismo Profetico
03   Messianismo Profetico03   Messianismo Profetico
03 Messianismo Profetico
Leone Orlando
 
02 Messianismo Davidico
02   Messianismo Davidico02   Messianismo Davidico
02 Messianismo Davidico
Leone Orlando
 
01 Pre Messianismo
01   Pre Messianismo01   Pre Messianismo
01 Pre Messianismo
Leone Orlando
 
7 Lc 24 Reunidos Com Jesus
7  Lc 24 Reunidos Com Jesus7  Lc 24 Reunidos Com Jesus
7 Lc 24 Reunidos Com Jesus
Leone Orlando
 
6 Lc 24 A MissãO
6  Lc 24 A MissãO6  Lc 24 A MissãO
6 Lc 24 A MissãO
Leone Orlando
 
5 Lc 24 O Convite
5  Lc 24 O Convite5  Lc 24 O Convite
5 Lc 24 O Convite
Leone Orlando
 
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
4  Lc 24 Uma PrençA Amiga4  Lc 24 Uma PrençA Amiga
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
Leone Orlando
 
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
4  Lc 24 Uma PrençA Amiga4  Lc 24 Uma PrençA Amiga
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
Leone Orlando
 
3 Lc Apelo à Solidariedade
3  Lc Apelo à Solidariedade3  Lc Apelo à Solidariedade
3 Lc Apelo à Solidariedade
Leone Orlando
 
1 Lc 24 A Perda Da EsperançA
1  Lc 24 A Perda Da EsperançA1  Lc 24 A Perda Da EsperançA
1 Lc 24 A Perda Da EsperançA
Leone Orlando
 
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
Leone Orlando
 
4 Lc 15 O CoraçãO De Deus
4   Lc 15 O CoraçãO De Deus4   Lc 15 O CoraçãO De Deus
4 Lc 15 O CoraçãO De Deus
Leone Orlando
 
3 Lc 15 O Pai
3   Lc 15 O Pai3   Lc 15 O Pai
3 Lc 15 O Pai
Leone Orlando
 
2 Lc 15 Os Dois Filhos
2   Lc 15 Os Dois Filhos2   Lc 15 Os Dois Filhos
2 Lc 15 Os Dois Filhos
Leone Orlando
 
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
1   Lc 15 A Parabola Do Pai1   Lc 15 A Parabola Do Pai
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
Leone Orlando
 
Abrir O CoraçãO A Deus
Abrir O CoraçãO A DeusAbrir O CoraçãO A Deus
Abrir O CoraçãO A Deus
Leone Orlando
 
Receber O Dom De Deus
Receber O Dom De DeusReceber O Dom De Deus
Receber O Dom De Deus
Leone Orlando
 
A Samaritana
A SamaritanaA Samaritana
A Samaritana
Leone Orlando
 
Vinde E Vede
Vinde E VedeVinde E Vede
Vinde E Vede
Leone Orlando
 

Mais de Leone Orlando (20)

04 Messianismo Apocaliptico
04   Messianismo Apocaliptico04   Messianismo Apocaliptico
04 Messianismo Apocaliptico
 
03 Messianismo Profetico
03   Messianismo Profetico03   Messianismo Profetico
03 Messianismo Profetico
 
02 Messianismo Davidico
02   Messianismo Davidico02   Messianismo Davidico
02 Messianismo Davidico
 
01 Pre Messianismo
01   Pre Messianismo01   Pre Messianismo
01 Pre Messianismo
 
7 Lc 24 Reunidos Com Jesus
7  Lc 24 Reunidos Com Jesus7  Lc 24 Reunidos Com Jesus
7 Lc 24 Reunidos Com Jesus
 
6 Lc 24 A MissãO
6  Lc 24 A MissãO6  Lc 24 A MissãO
6 Lc 24 A MissãO
 
5 Lc 24 O Convite
5  Lc 24 O Convite5  Lc 24 O Convite
5 Lc 24 O Convite
 
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
4  Lc 24 Uma PrençA Amiga4  Lc 24 Uma PrençA Amiga
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
 
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
4  Lc 24 Uma PrençA Amiga4  Lc 24 Uma PrençA Amiga
4 Lc 24 Uma PrençA Amiga
 
3 Lc Apelo à Solidariedade
3  Lc Apelo à Solidariedade3  Lc Apelo à Solidariedade
3 Lc Apelo à Solidariedade
 
1 Lc 24 A Perda Da EsperançA
1  Lc 24 A Perda Da EsperançA1  Lc 24 A Perda Da EsperançA
1 Lc 24 A Perda Da EsperançA
 
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO2  Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
2 Lc 24 Ressentimento Ou GratidãO
 
4 Lc 15 O CoraçãO De Deus
4   Lc 15 O CoraçãO De Deus4   Lc 15 O CoraçãO De Deus
4 Lc 15 O CoraçãO De Deus
 
3 Lc 15 O Pai
3   Lc 15 O Pai3   Lc 15 O Pai
3 Lc 15 O Pai
 
2 Lc 15 Os Dois Filhos
2   Lc 15 Os Dois Filhos2   Lc 15 Os Dois Filhos
2 Lc 15 Os Dois Filhos
 
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
1   Lc 15 A Parabola Do Pai1   Lc 15 A Parabola Do Pai
1 Lc 15 A Parabola Do Pai
 
Abrir O CoraçãO A Deus
Abrir O CoraçãO A DeusAbrir O CoraçãO A Deus
Abrir O CoraçãO A Deus
 
Receber O Dom De Deus
Receber O Dom De DeusReceber O Dom De Deus
Receber O Dom De Deus
 
A Samaritana
A SamaritanaA Samaritana
A Samaritana
 
Vinde E Vede
Vinde E VedeVinde E Vede
Vinde E Vede
 

Último

Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 

Último (16)

Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 

01 Dizer Sim A Deus

  • 1.  
  • 2. 26Ao sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré, 27a uma virgem desposada com um homem chamado José, da casa de David; e o nome da virgem era Maria. 28Ao entrar em casa dela, o anjo disse-lhe: «Salve, ó cheia de graça, o Senhor está contigo.» (Lc 1,26-28)
  • 3. Maria é uma mulher livre e confiante. Pronta a escutar palavras que ultrapassam de muito a sua compreensão. As palavras do Anjo, são palavras de Deus. Pede alguma explicação, mas não duvida.
  • 4. As palavras do Anjo irão modificar radicalmente a sua vida. Sente a dificuldade, mas não recua. Diante das palavras do Anjo: «darás à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus» e «será chamado filho do Altíssimo», Ele respondeu «como é possível, não conheço homem»
  • 5. Foi então que o Anjo revelou-lhe algo que ninguém entre as criatura humanas podia ouvir: «O Espírito Santo virá sobre ti e a força do Altíssimo estenderá sobre ti a sua sombra». Ela responde com um abandono total: «faça-se em mim segundo a tua palavra.»
  • 6. A presença do Espírito Santo o é o segredo íntimo da vida de Maria. Por isso, o Anjo chamou-a «cheia de graça»
  • 7. O seu «sim» não foi simplesmente um acordo inicial, mas um consentimento a obedecer a Deus sempre. Por isso, Ela é, e será sempre, modelo de vida cristã.
  • 8. Obedecendo ao Espírito Santo que n’Ela habitava, como num templo, tornou-se a primeira discípula de Jesus. Com o seu «sim» abandonou-se ao poder do Espírito Santo; a sua vida foi um continuo esvaziar-se para cumprir a vontade divina. Foi caminhar na claridade da fé até entrar nas densas trevas da paixão dolorosa, aos pés da cruz.
  • 9. Não há outro ser humano em que podemos ver o que significa receber o amor de Deus em plenitude como em Maria. Este Deus que tanto amou o mundo até dar-lhe o Seu Filho.
  • 10. Maria conheceu a bênção de Deus: «todas as gerações a chamarão ditosa»; mas também conheceu a solidão e o abandono, seguindo as pegadas de Jesus.
  • 11. Maria está sempre em relação com Deus. Olhando para ela, o cristianismo de todos os tempos, será sempre protegido. Com Ela a frente, o cristianismo, nunca poderá tornar-se uma filosofia, uma doutrina, um conjunto de ideias. Maria viveu a sua fé em relacionamento com o Pai, como filha predilecta; com o Filho, como Mãe amorosa; com o Espírito Santo, como esposa santa.
  • 12. O seu relacionamento pessoal, íntimo com Deus, a sua completa obediência, a sua humildade e a sua fé firme, inabalável, dá-nos a conhecer o que é, de verdade, seguir a Jesus. Não é, de forma nenhuma agarrar-se a uma ideia, a um principio, mas sim caminhar com Deus.
  • 13. É pôr-se ao serviço d’Aquele que tratou os homens como amigos e deu a vida por eles e convidou os seus discípulos a fazer o mesmo. Maria é Mãe. A sua vida foi, na forma mais singular, servir a Jesus.
  • 14. A vocação de Maria é ser Mãe. Por Ele Jesus nasceu neste mundo, realizando o grande mistério da encarnação. Ela o fez nascer não só outrora, na pobre gruta de Belém, mas também hoje em todos aqueles que se deixam atingir pelo Amor de Deus.
  • 15. Maria é de Jesus, totalmente de Jesus. Por isso é que a Igreja gosta chamá-La MÃE DE DEUS. Conhecer Maria é conhecer Aquela mulher que gerou a Deus no seu ceio virginal; é conhecer Aquela que gera Jesus em cada ser humano, como no dia de Pentecostes.