SlideShare uma empresa Scribd logo

Sê o exemplo

A
ADPC109

Este documento discute a importância de ser um exemplo para outros cristãos através da palavra, do comportamento, do amor, do espírito, da fé e da pureza, como Paulo instruiu Timóteo. Ser um exemplo significa ser um modelo e padrão para os outros seguirem através de uma vida que honra a Deus em todas as áreas.

1 de 17
Baixar para ler offline
Sê o exemplo.( I Tm 4:12) ,[object Object]
“Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, na caridade, no espírito, na fé, na pureza.”,[object Object]
A palavra grega traduzida para "exemplo" é tupos, que significa "modelo", "imagem", "ideal" ou "padrão".,[object Object]
Paulo entendeu e, tinha tanta certeza de estar servindo e agradando a Deus que pediu aos seus discípulos para que o imitassem.(Ef 5.1) “Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados;”(I Co 11.1) “Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo”,[object Object]
Paulo estava dizendo a Timóteo para que fosse o modelo entre os irmãoda Igreja, entre as pessoas que conhecia a Palavra. Que o nosso desejo seja o de imitarmos a Deus, e fazer a diferença tanto para os de fora como para os de dentro da Igreja, que os nossos irmãos em Cristo nos vejam como padrão.,[object Object]
O que é ser padrão?Numa construção, para fazer as colunas corta-se os ferros na medida de 3 metros. Pega o metro, medi 3 metros e corta a barra de ferro.  Daí por diante não precisava mais medir 3 metros, pois, o primeiro ferro cortado se tornou “PADRÃO”, MODELO, REFERÊNCIA,para os demais.,[object Object]
Tornar-se o padrãodos fiéis étornar-se exemplo, referência, modelo ideal.,[object Object]
(SÊ O EXEMPLO DOS FIÉIS NA PALAVRA)(II Tm 2.15)“Procura apresentar a Deus como obreiro aprovado, que maneja bem a Palavra e não tem do que se envergonhar.”(I Pe 3:15) “antes, santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós,”,[object Object]
(SÊ O EXEMPLO DOS FIÉIS NO TRATO) (COMPORTAMENTO)(Tg3:13) “Quem dentre vós é sábio e inteligente? Mostre, pelo seu bom trato, as suas obras em mansidão de sabedoria.” Significa saber lidar com as pessoas de forma verdadeira, sem ofendê-las por pensar diferente, nem aceitar que conceitos contrários à Palavra sejam inseridos em sua vida. Por onde passarmos, nosso procedimento deve ser aprovado, a nossa forma de tratar as pessoas deve ser o modelo. ,[object Object]
(II Tm 2.15)“Procura apresentar a Deus como obreiro aprovado, que maneja bem a Palavra e não tem do que se envergonhar.” Há crentes que manejam bem a palavra, mas tem muito do que se envergonhar.Tem conhecimento. Mas não tem vida com Deus. Tem talento mas não tem unção.Pregar com eloqüência. Mas vivem uma mentira.Querem vivem do evangelho, e não para o evangelho.  ,[object Object]
O exemplo fala mais alto que as palavras(I Jo 2.6 ) “Aquele que diz que está nEle também deve andar como Ele andou...”(I Pe 2.21) “Porque para isto sois chamados, pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas,...”,[object Object]
(SÊ O EXEMPLO DOS FIÉIS NA CARIDADE (AMOR)É ter afeição, compaixão.(Rm12:9,10) “O amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem. Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros.” Através do amor atraímos vidas para Jesus.,[object Object]
(SÊ O EXEMPLO DOS FIÉIS NO ESPÍRITO)Fervoroso no Espírito (Rm12:11) “Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor;”,[object Object]
(SÊ O EXEMPLO DOS FIÉIS NA FÉ)(Jo 14:1) “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.”  Deus nos chamou para ter fé. Há filhos de Deus que quando estão enfrentando alguns problemas dizem que não têm fé para vencer. Isso é mentira do diabo. (Rm 12:3)“Porque, pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não saiba mais do que convém saber, mas que saiba com temperança, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.” Temos uma medida de fé para tudo, e essa medida de fé foi dada por Deus. ,[object Object]
(SÊ O EXEMPLO DOS FIÉIS NA PUREZA)Podemos ser exemplo de pureza, independente da vida que tivemos no passado, em Jesus é possível ser puro. ,[object Object]
O Deus que nos chamou é o mesmo que nos capacita. Paguemos o preço que for, mas sejamos exemplona palavra, no trato, no amor, na fé e na pureza.,[object Object]
Sê o exemplo

Recomendados

Vencendo as obras da carne - Pecados relacionais
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionaisVencendo as obras da carne - Pecados relacionais
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionaisMichel Plattiny
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadeIBMemorialJC
 
Dízimos, Ofertas e Primícias
Dízimos, Ofertas e PrimíciasDízimos, Ofertas e Primícias
Dízimos, Ofertas e PrimíciasKaryn Martins
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos serEid Marques
 
Uma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaUma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaMoisés Sampaio
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoJoselito Machado
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoErberson Pinheiro
 
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)Daniel Junior
 
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David MerkhO Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David MerkhLuan Almeida
 
O fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristãoO fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristãoEduardo Sousa Gomes
 
Lição 18 Apostasia da Fé
Lição 18   Apostasia da FéLição 18   Apostasia da Fé
Lição 18 Apostasia da FéWander Sousa
 
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito   02 - amor, aleria. pazO fruto do espírito   02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. pazCleudson Corrêa
 
A pessoa do espirito santo
A pessoa do espirito santoA pessoa do espirito santo
A pessoa do espirito santoWebExecutivo1
 
A Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter CristãoA Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter CristãoMárcio Martins
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósÉder Tomé
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoJosue Lima
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneMárcio Martins
 
Batismo no espírito santo
Batismo no espírito santoBatismo no espírito santo
Batismo no espírito santoEmpreededor
 

Mais procurados (20)

As 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma famíliaAs 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma família
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do Espírito
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
 
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
 
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David MerkhO Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
O Propósito de Deus para a Família - Pr. David Merkh
 
O fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristãoO fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristão
 
Lição 18 Apostasia da Fé
Lição 18   Apostasia da FéLição 18   Apostasia da Fé
Lição 18 Apostasia da Fé
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águas
 
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito   02 - amor, aleria. pazO fruto do espírito   02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
 
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deusComo ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
Como ser-um-jovem-segundo-o-coração-de-deus
 
A pessoa do espirito santo
A pessoa do espirito santoA pessoa do espirito santo
A pessoa do espirito santo
 
A Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter CristãoA Formação do Caráter Cristão
A Formação do Caráter Cristão
 
Conflitos no Lar
Conflitos no LarConflitos no Lar
Conflitos no Lar
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
 
O pecado de Davi
O pecado de DaviO pecado de Davi
O pecado de Davi
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
Uma Palavra de Encorajamento em Dias de Crise
Uma Palavra de Encorajamento em Dias de CriseUma Palavra de Encorajamento em Dias de Crise
Uma Palavra de Encorajamento em Dias de Crise
 
O valor do perdão
O valor do perdãoO valor do perdão
O valor do perdão
 
Batismo no espírito santo
Batismo no espírito santoBatismo no espírito santo
Batismo no espírito santo
 

Destaque

A mente de cristo slides
A mente de cristo slidesA mente de cristo slides
A mente de cristo slidesDanilo Lemos
 
Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?Leandro Sales
 
“Devemos Ter a Mente de Cristo”
“Devemos Ter a Mente de Cristo”“Devemos Ter a Mente de Cristo”
“Devemos Ter a Mente de Cristo”JUERP
 
Marcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deusMarcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deusRaquel Tessari
 

Destaque (6)

A mente de cristo slides
A mente de cristo slidesA mente de cristo slides
A mente de cristo slides
 
Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?
 
“Devemos Ter a Mente de Cristo”
“Devemos Ter a Mente de Cristo”“Devemos Ter a Mente de Cristo”
“Devemos Ter a Mente de Cristo”
 
Marcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deusMarcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deus
 
Os três campos de batalha parte 1 - a mente
Os três campos de batalha   parte 1 - a menteOs três campos de batalha   parte 1 - a mente
Os três campos de batalha parte 1 - a mente
 
LIÇÃO 08 - SALVAÇÃO E LIVRE-ARBÍTRIO
LIÇÃO 08 - SALVAÇÃO E LIVRE-ARBÍTRIOLIÇÃO 08 - SALVAÇÃO E LIVRE-ARBÍTRIO
LIÇÃO 08 - SALVAÇÃO E LIVRE-ARBÍTRIO
 

Semelhante a Sê o exemplo

1608-2mentedecristo@1_slides.pdf
1608-2mentedecristo@1_slides.pdf1608-2mentedecristo@1_slides.pdf
1608-2mentedecristo@1_slides.pdfluizandrade652015
 
51. devemos amar uns aos outros
51. devemos amar uns aos outros51. devemos amar uns aos outros
51. devemos amar uns aos outrospohlos
 
Pais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituaisPais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituaisPaulo Da Rocha
 
Jormi Jornal Missionário n° 88
Jormi   Jornal Missionário n° 88Jormi   Jornal Missionário n° 88
Jormi Jornal Missionário n° 88Almir Rodrigues
 
Amulher que teme ao senhor
Amulher que teme ao senhorAmulher que teme ao senhor
Amulher que teme ao senhorGraça Silva
 
Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014Gerson G. Ramos
 
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGRO aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGRGerson G. Ramos
 
Amando a correção
Amando a correçãoAmando a correção
Amando a correçãoKleber Maia
 
42. a oração
42. a oração42. a oração
42. a oraçãopohlos
 
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem CristãoEstudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem CristãoEscola do Caráter
 
16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalhopohlos
 
Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013
Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013
Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013Gerson G. Ramos
 
2. learning to love one another be unified & accepting of one another
2. learning to love one another   be unified & accepting of one another2. learning to love one another   be unified & accepting of one another
2. learning to love one another be unified & accepting of one anotherCarlos Oliveira
 
LBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃO
LBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃOLBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃO
LBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃONatalino das Neves Neves
 
1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx
1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx
1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docxRaphaelSanches9
 
EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12EBJ IPBCP
 
A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis!
A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis! A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis!
A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis! Dennis Edwards
 

Semelhante a Sê o exemplo (20)

Jovens do Senhor
Jovens do SenhorJovens do Senhor
Jovens do Senhor
 
A Nova Vida em Cristo
A Nova Vida em CristoA Nova Vida em Cristo
A Nova Vida em Cristo
 
1608-2mentedecristo@1_slides.pdf
1608-2mentedecristo@1_slides.pdf1608-2mentedecristo@1_slides.pdf
1608-2mentedecristo@1_slides.pdf
 
51. devemos amar uns aos outros
51. devemos amar uns aos outros51. devemos amar uns aos outros
51. devemos amar uns aos outros
 
Pais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituaisPais e filhos_espirituais
Pais e filhos_espirituais
 
Jormi Jornal Missionário n° 88
Jormi   Jornal Missionário n° 88Jormi   Jornal Missionário n° 88
Jormi Jornal Missionário n° 88
 
Amulher que teme ao senhor
Amulher que teme ao senhorAmulher que teme ao senhor
Amulher que teme ao senhor
 
Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014
 
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGRO aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
 
Amando a correção
Amando a correçãoAmando a correção
Amando a correção
 
42. a oração
42. a oração42. a oração
42. a oração
 
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem CristãoEstudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
 
16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho16. como aceita nosso trabalho
16. como aceita nosso trabalho
 
Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013
Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013
Resumo_Reavivamento: nossa grande necessidade_132013
 
2. learning to love one another be unified & accepting of one another
2. learning to love one another   be unified & accepting of one another2. learning to love one another   be unified & accepting of one another
2. learning to love one another be unified & accepting of one another
 
LBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃO
LBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃOLBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃO
LBJ LIÇÃO 9 - CORAGEM EM MEIO À PERSEGUIÇÃO
 
1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx
1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx
1 TIMÓTEO 3 - PRECISAMOS DE - BOA - DIACONIA.docx
 
EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12
 
O amor que corrige
O amor que corrigeO amor que corrige
O amor que corrige
 
A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis!
A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis! A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis!
A Guerra Espiritual:Como Superar Nestes Tempos Difíceis!
 

Mais de ADPC109

Os pacificadores
Os pacificadoresOs pacificadores
Os pacificadoresADPC109
 
Adoração
AdoraçãoAdoração
AdoraçãoADPC109
 
Ensino bíblico sobre o jejum
Ensino bíblico sobre o jejumEnsino bíblico sobre o jejum
Ensino bíblico sobre o jejumADPC109
 
Submissão
Submissão Submissão
Submissão ADPC109
 
Como Levar a Arca de Deus
Como Levar a Arca de DeusComo Levar a Arca de Deus
Como Levar a Arca de DeusADPC109
 

Mais de ADPC109 (6)

Os pacificadores
Os pacificadoresOs pacificadores
Os pacificadores
 
Adoração
AdoraçãoAdoração
Adoração
 
FéFé
 
Ensino bíblico sobre o jejum
Ensino bíblico sobre o jejumEnsino bíblico sobre o jejum
Ensino bíblico sobre o jejum
 
Submissão
Submissão Submissão
Submissão
 
Como Levar a Arca de Deus
Como Levar a Arca de DeusComo Levar a Arca de Deus
Como Levar a Arca de Deus
 

Último

ATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docxATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docxATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docxjosecarlos413721
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx2m Assessoria
 
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docxMAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx2m Assessoria
 
Curso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como Código
Curso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como CódigoCurso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como Código
Curso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como CódigoGuilhermeJorgeAragod
 
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxMAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docxATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docxATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx2m Assessoria
 
Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.
Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.
Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.Daniel Mendes
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docxATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docxATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docxATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docx
ATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docxATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docx
ATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docxjosecarlos413721
 
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docxATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docxjosecarlos413721
 
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docxMAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docxjosecarlos413721
 
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docxMAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx2m Assessoria
 

Último (20)

ATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docxATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1- INFORMÁTICA INDUSTRIAL - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docxATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - MATEMÁTICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
 
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docxMAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx
 
Curso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como Código
Curso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como CódigoCurso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como Código
Curso de Verão - Aula 03 - Introdução ao CI-CD e Infraestrutura como Código
 
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxMAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
MAPA - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docxATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
ATIVIDADE 1- LÓGICA PARA COMPUTAÇÃO - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docxATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE - 512024.docx
 
Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.
Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.
Power BI: A ferramenta da Microsoft que vem ganhando o mercado.
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES  - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - FUNDAMENTOS E ARQUITETURA DE COMPUTADORES - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docxATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docx
ATIVIDADE 1- MICROPROCESSADORES E MICROCONTROLADORES - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docxATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TEORIA DAS ESTRUTURAS I - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docxATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - DESENHO TÉCNICO - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docx
ATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docxATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docx
ATIVIDADE 1 - MODELAGEM DE SOFTWARE – 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - PESQUISA OPERACIONAL - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docxATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - TI - BOAS PRÁTICAS DE GOVERNANÇA EM TI - 512024.docx
 
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docxMAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
MAPA - INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 51-2024.docx
 
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docxMAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA  - 512024.docx
MAPA -INTRODUÇÃO À ENGENHARIA - 512024.docx
 
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
 

Sê o exemplo

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.