FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BACABAL-
FEBAC
2ª SEMANA DE GESTAÇÃO
ALUNOS:
FRANCILENE DE SOUSA
FRANCISCO VALDO
JOELMA LIMA
MAYR...
IMPLANTAÇÃO DO BLASTOCISTO
FORMAÇÃO DA CAVIDADE AMNIÓTICA
 Conforme o avanço da implantação do blastocisto, aparece uma
pequena cavidade na massa ce...
FORMAÇÃO DO DISCO EMBRIONÁRIO
As mudanças morfológicas no embrioblasto formam uma
placa bilaminar quase circular de célula...
DESENVOLVIMENTO DO SACO CORIÔNICO
 Formação de um pequeno saco vitelino primitivo;
 Surgimento das vilosidades coriônica...
DESENVOLVIMENTO DO SACO CORIÔNICO
Características típicas do final da 2ª semana
TÉRMINO DA IMPLANTAÇÃO
 As células sinciciotrofoblásticas deslocam as células endometriais na parte
central do sítio de i...
LOCAIS DE IMPLANTAÇÃO DO BLASTOCISTO
SÍTIOS DE IMPLANTAÇÃO EXTRA-UTERINA
OBRIGADO!
Seminário de embriologia
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Seminário de embriologia

408 visualizações

Publicada em

embriologia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
408
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário de embriologia

  1. 1. FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BACABAL- FEBAC 2ª SEMANA DE GESTAÇÃO ALUNOS: FRANCILENE DE SOUSA FRANCISCO VALDO JOELMA LIMA MAYRA CRISTINA MARIA VANIELE RAYR PEREIRA
  2. 2. IMPLANTAÇÃO DO BLASTOCISTO
  3. 3. FORMAÇÃO DA CAVIDADE AMNIÓTICA  Conforme o avanço da implantação do blastocisto, aparece uma pequena cavidade na massa celular interna, é o primórdio da cavidade amniótica.  As próprias células do embrioblastos vão secretar fluidos e esses fluidos vão empurrando essas células pra baixo, após este evento as células amniogênicas separam-se do embrioblasto e formam uma delgada camada ou membrana que vai recobrir internamente toda camada amniótica e no final do processo a cavidade estará totalmente formada.
  4. 4. FORMAÇÃO DO DISCO EMBRIONÁRIO As mudanças morfológicas no embrioblasto formam uma placa bilaminar quase circular de células achatadas. Duas camadas compõem este disco: - Epiblasto: é a camada mais espessa, composta, primordialmente, por células colunares altas e diretamente ligada à cavidade amniótica. Hipoblasto: é um composto de pequenas células cubóides.
  5. 5. DESENVOLVIMENTO DO SACO CORIÔNICO  Formação de um pequeno saco vitelino primitivo;  Surgimento das vilosidades coriônicas primárias;  São o primeiro estágio no desenvolvimento das vilosidades coriônicas da placenta;  Divisão do mesoderma extra-embrionário em duas partes: mesoderma somático extra-embrionário, que reveste o trofoblasto e cobre o âmnio; e mesoderma esplâncnico extra-embrionário, que envolve o saco vitelino;  O córion é formado pelo mesoderma somático extra- embrionário e as duas camadas de células de trofoblasto, e forma a parede do saco coriônico onde encontra-se o pedículo que suspende o embrião e os sacos vitelinos e amnióticos.
  6. 6. DESENVOLVIMENTO DO SACO CORIÔNICO Características típicas do final da 2ª semana
  7. 7. TÉRMINO DA IMPLANTAÇÃO  As células sinciciotrofoblásticas deslocam as células endometriais na parte central do sítio de implantação;  Os sinciciotrofoblastos produzem o hormônio gonadotrofina coriônica humana (hCG);  O hCG passa para o sangue materno através das lacunas do sinciciotrofoblasto e mantém a atividade hormonal do corpo lúteo no ovário durante a gravidez;  A secreção de estrogênio e progesterona pelo corpo lúteo mantêm a gravidez; No fim da segunda semana aumenta a produção de hCG pelos sinciciotrofoblastos.
  8. 8. LOCAIS DE IMPLANTAÇÃO DO BLASTOCISTO
  9. 9. SÍTIOS DE IMPLANTAÇÃO EXTRA-UTERINA
  10. 10. OBRIGADO!

×