Seminário de ECO
Direitos Humanos
Sinopse e detalhes
Durante a Segunda Guerra Mundial na Itália, o judeu Guido (Roberto
Benigni) e seu filho Giosué são lev...
Processo de desenvolvimento
dos direitos humanos
A 2ª Guerra Mundial
 Holocausto
 Bombardeamento Atômico
 O estopim para originar-se a ONU
No Brasil
Durante a segunda guerra mundial o governo brasileiro viveu a
instalação de um regime ditatorial;
 A situação d...
ONU - Organizações das Nações Unidas.
Declaração Universal dos Direitos Humanos
Artigo I
Todos os seres humanos nascem liv...
Artigo XVIII
Todo ser humano tem direito à liberdade de
pensamento, consciência e religião; este
direito inclui a liberdad...
LEIS QUE GARANTEM DIREITOS HUMANOS NO BRASIL
Direito a Alimentação: Lei Nº 11346, de 15 de setembro de 2006.
Cria o Sistem...
Direitos dos Segmentos Sociais:
Negros e Minorias Étnicas:
 Lei Nº 7.716, de 05 de janeiro de 1989 – Lei CAÓ. Essa lei é ...
Reflexão do filme
A vida é Bela trata-se de uma comédia, e justamente por
este motivo, ele desperta fúria e comoção;
A i...
Conclusão
Bibliografia
 Leis federais do Brasil:
http://www.mpto.mp.br/intranet/caopdh/Outros/Leis%20que%20garante
m%20os%20Direito...
Trabalho de ética   direitos humanos 03
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho de ética direitos humanos 03

311 visualizações

Publicada em

Trabalho de Ética - Direitos Humanos; Etec Sapopemba

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Trabalho de ética direitos humanos 03

  1. 1. Seminário de ECO Direitos Humanos
  2. 2. Sinopse e detalhes Durante a Segunda Guerra Mundial na Itália, o judeu Guido (Roberto Benigni) e seu filho Giosué são levados para um campo de concentração nazista. Afastado da mulher, ele tem que usar sua imaginação para fazer o menino acreditar que estão participando de uma grande brincadeira, com o intuito de protegê-lo do terror e da violência que os cercam.  Guido Orefice Dora Giosuè Orefice tio de Guido Dr. Lessing Bartolomeo Ferruccio Papini
  3. 3. Processo de desenvolvimento dos direitos humanos
  4. 4. A 2ª Guerra Mundial  Holocausto  Bombardeamento Atômico  O estopim para originar-se a ONU
  5. 5. No Brasil Durante a segunda guerra mundial o governo brasileiro viveu a instalação de um regime ditatorial;  A situação do Brasil se mostrava completamente indefinida;  Porem, no fim Getulio se aliou aos eua, e depois mais tarde foi gerando protestos contra as forças nazistas;  O brasil criou a ONESCO, inspirada nos conceitos da ONU desde sua criação;  Na época de ditadura no brasil, foi quando se desrespeitou mais os direitos humanos aqui;  ·Mas “A Constituição de 1988 fixou os direitos humanos como um dos princípios que devem reger as relações internacionais do Brasil” (artigo 4º, inciso II).
  6. 6. ONU - Organizações das Nações Unidas. Declaração Universal dos Direitos Humanos Artigo I Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos. São dotados de razão e consciência e devem agir em relação uns aos outros com espírito de fraternidade. Artigo III Todo ser humano tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal. Artigo IV Ninguém será mantido em escravidão ou servidão; a escravidão e o tráfico de escravos serão proibidos em todas as suas formas.
  7. 7. Artigo XVIII Todo ser humano tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, em público ou em particular. Artigo XXIII 1. Todo ser humano tem direito ao trabalho, à livre escolha de emprego, a condições justas e favoráveis de trabalho e à proteção contra o desemprego. 2. Todo ser humano, sem qualquer distinção, tem direito a igual remuneração por igual trabalho. 3. Todo ser humano que trabalha tem direito a uma remuneração justa e satisfatória, que lhe assegure, assim como à sua família, uma existência compatível com a dignidade humana e a que se acrescentarão, se necessário, outros meios de proteção social.
  8. 8. LEIS QUE GARANTEM DIREITOS HUMANOS NO BRASIL Direito a Alimentação: Lei Nº 11346, de 15 de setembro de 2006. Cria o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional - SISAN Direitos e Garantias Individuais: Tortura: o Lei Nº 9.455, de 07 de abril de 1997. Define crimes de tortura e outras providências. Abuso de Autoridade: o Lei Nº 4.898, de 09 de dezembro de 1965. Regula o Direito de Representação e o processo de Responsabilidade Administrativa Civil e Penal, nos casos de abusos de autoridade. o Lei Nº 5.553, de 06 de dezembro de 1968. Dispõe sobre a apresentação e uso de documentos de identificação. Violência Arbitrária: o Lei Nº 7.209 de 11 de julho de 1984, altera o dispositivos do Decreto o Lei Nº 2.848 de 07 de dezembro de 1940 – Código Penal e dá outras providências. Liberdade Religiosa: Constituição Federal de 1988 – o Art. 5º, inciso Vl - “é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias.
  9. 9. Direitos dos Segmentos Sociais: Negros e Minorias Étnicas:  Lei Nº 7.716, de 05 de janeiro de 1989 – Lei CAÓ. Essa lei é a principal arma do cidadão(ã) , na luta pela punição dos crimes decorrentes do racismo, preconceito e discriminação racial em nosso país. Para sua aplicabilidade é necessário o seu total reconhecimento, para podermos agir conscientemente contra os males citados. É importante saber que a referida lei acima citada foi corrigida pela lei N].9.459 de 13/05/1997, que modificou os artigos 1º e 20º da lei acima citada, revogou o artigo 1º da lei Nº.8.081 e a Lei Nº. 8.082 de 03/06/1994. Introduziu o Artigo 140 do Código Penal.  O parágrafo terceiro, tipificando a injúria com utilização de elementos relacionados a raça, cor, etnia, religião ou origem, e determinando as penas de todos os crimes referidos. Decreto Nº 6.040 de 07 de fevereiro de 2007. Institui a política Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais.
  10. 10. Reflexão do filme A vida é Bela trata-se de uma comédia, e justamente por este motivo, ele desperta fúria e comoção; A intolerância é algo extremamente retratado no filme; Superioridade das pessoas que se denominam a raça ariana com relação aos que consideravam inferiores; Aproximação com a realidade; direitos humanos desprezados; Algumas partes, como cenas divertidas, nos faziam relaxar perante a triste realidade do filme.
  11. 11. Conclusão
  12. 12. Bibliografia  Leis federais do Brasil: http://www.mpto.mp.br/intranet/caopdh/Outros/Leis%20que%20garante m%20os%20Direitos%20Humanos%20no%20Brasil.pdf  Leis da ONU- Direitos Humanos: http://www.dudh.org.br/wp-content/uploads/2014/12/dudh.pdf  Reflexão do filme: http://www.simplescoisasdavida.com/a-vida-e-bela/  Ditadura no Brasil: www.unicef.org/brazil/pt/resources_10133.htm http://www.brasilescola.com/historiab/brasil-segunda-guerra.htm  Análise do Filme: http://cinemarcocriticas.blogspot.com.br/2011/04/vida-e-bela.html  Sinopse do filme: https://pt.wikipedia.org/wiki/A_Vida_%C3%89_Bela

×