Golpe Militar - 1964
O Golpe:
• Conjunto de eventos ocorridos em 31 de
março de 1964 no Brasil, que culminaram, no dia 1
de abril de 1964, com ...
Comandantes:
 Marechal Castelo Branco (1964-1967)
 Marechal Costa e Silva (1967-1969)
 Emílio Garrastazu Médici (1969-1...
Castelo Branco Costa e Silva
Médici Geisel Figueiredo
1) Castelo Branco (1964-1967)
• Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco
 Fortaleza (20 de setembro de 1897 -–- 18 de ...
Foto de dias antes do Golpe em 1º de Abril de 1964
Fonte: Mário Magalhães – Editora Abril
http://bravonline.abril.com.br/m...
• “Inaugurou” o regime militar no país – Nomeado pelo
Congresso
• Instaurou o AI 1 (Ato Institucional nº 1)
 Diminui o po...
• Expansão e fortalecimento do poder Executivo
• Interrompeu sua relação diplomática com Cuba, contando a partir
de então ...
• Em 1965 é decretado o AI-2 (Ato Institucional nº2)
 as eleições para presidente tornam-se indiretas e todos os partidos...
Nasceu em 03 de outubro de 1899, cidade de Taquaral, No Rio Grande do Sul . Estudou no colégio
Militar em Porto Alegre.
In...
Movimento de oposição
Nos dois primeiros anos de seu governo ficou marcado pelo crescimento da oposição:
Carlos Lacerda, f...
*Os estudantes ganharam força após a morte do estudante Edson Luís, que
foi morto em conflito com a polícia militar no Rio...
• Passeata dos Cem Mil
(Rio de Janeiro, 26 de junho de 1968)
30 de março de 1968
Capa do jornal Última Hora-
26 de junho de 1968,
• 13 de dezembro, do ato institucional nº 5 (AI-5), que ampliou os
poderes presidenciais, possibilitando:
*O fechamento do...
Primeira página da
edição de 14 de
dezembro de 1968
do jornal Última
Hora
Economia e administração do governo
*Na área econômica, o período foi de crescimento, conciliando expansão industrial,
fac...
Fim do governo
Após contrair um derrame cerebral em 1969, Arthur Costa e Silva foi
afastado do governo;
Seu vice, Pedro Al...
3) Emílio Garrastazu Médici(1969-1974)
“Homem da fronteira, creio em um mundo
sem fronteiras entre os homens”.
• Nasciment...
Principais inovações introduzidas foram:
 Mando presidencial de 5 anos
 Confirmação de todos os Atos Institucionais, só ...
Milagre Econômico
• No consumo entre as classes médias, aumentou a
compra de bens duráveis nas residências como o
televiso...
Futebol e propaganda política
• Além da tortura e da repressão, o governo Médici
usou a propaganda como arma política.
• O...
Slogan de propaganda para o governo de Médici
• Porém, em 1974, a seleção brasileira decepcionou os
torcedores, ao não conseguir repetir a conquista da Copa
anterior.
•...
4) Ernesto Beckmann Geisel (1974-1979)
• Nasceu em 03 de Agosto de
1907 em Bento Gonçalves-RS
Filho de imigrantes Alemãe...
Candidatura General Geisel
 1974: No dia 15 de Março, Geisel assumiu a
presidência sucedendo Garrastazu Médici.
 Brasil:...
Durante seu governo enfrenta a alta da inflação.
Foi o responsável pelo processo de REDEMOCRATIZAÇÃO
do país (tornar dem...
Caso do jornalista Herzog
• Em outubro de 1975 houve
uma morte que ficou famosa
na época da ditadura:
• Vladimir Herzog
(a...
Obras...
Foi um desenvolvimentista, responsável por
inaugurar as primeiras linhas de METRÔ (em São
Paulo e no Rio de Jane...
• Indicado por Geisel
• Delicada situação financeira: economia em
baixa
• Elevação dos índices de exportação e a
maior ind...
Movimento “Diretas Já”
• Início em 1983: determinava a eleição direta para
presidente.
 O povo foi para as ruas em vários...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Regime Militar Brasileiro - 1964

3.018 visualizações

Publicada em

Aula para o 3º ano do Ens. Médio

Publicada em: Educação
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.018
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
337
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Regime Militar Brasileiro - 1964

  1. 1. Golpe Militar - 1964
  2. 2. O Golpe: • Conjunto de eventos ocorridos em 31 de março de 1964 no Brasil, que culminaram, no dia 1 de abril de 1964, com um golpe de estado que encerrou o governo do presidente João Goulart (Jango). • O regime militar durou até 1985, quando Tancredo Neves foi eleito o primeiro presidente civil desde 1964.
  3. 3. Comandantes:  Marechal Castelo Branco (1964-1967)  Marechal Costa e Silva (1967-1969)  Emílio Garrastazu Médici (1969-1974)  General Geisel (1974-1979)  João Batista Figueiredo (1979-1985)
  4. 4. Castelo Branco Costa e Silva
  5. 5. Médici Geisel Figueiredo
  6. 6. 1) Castelo Branco (1964-1967) • Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco  Fortaleza (20 de setembro de 1897 -–- 18 de julho de 1967)  Morreu quando o avião do Exército em que viajava chocou-se no ar com um jato da FAB (Força Aérea Brasileira). • Iniciou sua carreira numa Escola Militar do Rio Grande do Sul e em 1918 na Escola Militar de Realengo. • Participou da Revolução de 1930. • Foi chefe de seção de operações da Força Expedicionária Brasileira (FEB) durante a Segunda Guerra Mundial, na Itália. • Em 1955: apoiou o movimento militar que garantiu a posse de JK
  7. 7. Foto de dias antes do Golpe em 1º de Abril de 1964 Fonte: Mário Magalhães – Editora Abril http://bravonline.abril.com.br/materia/autopsia-de-uma-conspiracao
  8. 8. • “Inaugurou” o regime militar no país – Nomeado pelo Congresso • Instaurou o AI 1 (Ato Institucional nº 1)  Diminui o poder dos cargos públicos  Poder para invalidar mandatos e suspender poderes políticos de qualquer indivíduo  Poderia impor retificações à Constituição • Foram aprisionados líderes sindicais, operários, religiosos, bem como estudantes, professores e militares acusados de agitação.  Governo interviu nas atividades dos sindicatos, na supressão das instituições estudantis, ocupando as universidades e decretando prisões, levando muita gente a optar pelo exílio. Governo Castelo Branco e o início do Regime Militar no Brasil:
  9. 9. • Expansão e fortalecimento do poder Executivo • Interrompeu sua relação diplomática com Cuba, contando a partir de então com amparo econômico, político e militar dos Estados Unidos.  Barrar o comunismo • Criação da SNI: Serviço Nacional de Informações • Criação do Banco Central, instituiu o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e o Instituto Nacional de Previdência Social (INPS)
  10. 10. • Em 1965 é decretado o AI-2 (Ato Institucional nº2)  as eleições para presidente tornam-se indiretas e todos os partidos políticos são suprimidos. Deste momento em diante só é permitida a existência de dois partidos políticos no país: Arena (situação) e MDB (oposição). • O AI-3 estabelece eleições indiretas também para governadores e prefeitos das capitais. • O AI-4 reabre o Congresso Nacional, fechado desde 1966, para a aprovação da nova Constituição. • O AI-5 foi instaurado no comando de Costa e Silva. • Castelo Branco morre quatro meses depois de deixar a presidência, em uma colisão aérea com um avião militar fora da rota.
  11. 11. Nasceu em 03 de outubro de 1899, cidade de Taquaral, No Rio Grande do Sul . Estudou no colégio Militar em Porto Alegre. Integrou-se no Movimento Tenentista e participou da Revolução de 1930 e em 1932, aliou-se às forças que lutaram contra a Revolução Constitucionalista de São Paulo. Foi um dos principais articuladores do golpe de 1964 que depôs o presidente João Goulart. Foi Ministro de Guerra de Castelo Branco (1964-1966), candidatou-se a presidente juntamente com seu vice Pedro Aleixo. No dia 03 de outro de 1966, foi eleito pelo Congresso Nacional e em 15 de março de 1967 foi empossado à presidência. 2) Artur da Costa e Silva(1967 -1969)
  12. 12. Movimento de oposição Nos dois primeiros anos de seu governo ficou marcado pelo crescimento da oposição: Carlos Lacerda, formou a Frente Ampla, com o apoio Juscelino Kubitschek e João Goulart Objetivo: luta pela redemocratização, anistia, eleições diretas para presidente e uma nova constituinte; Em 1967, ficou marcado pelo crescimento dos protestos . As manifestações estudantis denunciavam através de protestos a falta de verbas para a educação e eram contra o profeto de privatização do ensino público.
  13. 13. *Os estudantes ganharam força após a morte do estudante Edson Luís, que foi morto em conflito com a polícia militar no Rio de Janeiro -28 de março de 1968; *Devido a morte do estudante, houve uma greve estudantil nacional, comícios e manifestações urbanas; *Passeata dos Cem Mil ocorrida no Rio de Janeiro- 26 de Junho de 1968 ; Ficou mais tenso ainda o governo de Costa e Silva, quando em abril ocorreu a proibição do partido Frente Ampla , tornando-se ilegal suas reuniões, manifestações e publicações pelo governo – 05 de abril de 1968;
  14. 14. • Passeata dos Cem Mil (Rio de Janeiro, 26 de junho de 1968)
  15. 15. 30 de março de 1968 Capa do jornal Última Hora- 26 de junho de 1968,
  16. 16. • 13 de dezembro, do ato institucional nº 5 (AI-5), que ampliou os poderes presidenciais, possibilitando: *O fechamento do Legislativo pelo presidente da República; *A suspensão dos direitos políticos e garantias constitucionais; *A intervenção federal em estados e municípios e a demissão e aposentadoria de funcionários públicos, entre outras medidas; *O fechamento do Congresso foi acompanhado pela cassação de diversos parlamentares.
  17. 17. Primeira página da edição de 14 de dezembro de 1968 do jornal Última Hora
  18. 18. Economia e administração do governo *Na área econômica, o período foi de crescimento, conciliando expansão industrial, facilidade de crédito, política salarial contencionista (controlada) e controle da inflação em torno de 23% ao ano. *No campo administrativo, o governo criou, em 1967, o Movimento Brasileiro de Alfabetização (Mobral); *Transformou o Serviço de Proteção ao Índio (SPI) em Fundação Nacional do Índio (Funai). *Foi criadas ainda a Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer) e a Companhia de Pesquisa e Recursos Minerais (CPRM).
  19. 19. Fim do governo Após contrair um derrame cerebral em 1969, Arthur Costa e Silva foi afastado do governo; Seu vice, Pedro Aleixo, chegou a ser cogitado a substituí-lo no governo, mas os militares decidiram organizar uma Junta Militar Governativa, que seria provisória, até que o próximo presidente, Emílio Médici, pudesse assumir.
  20. 20. 3) Emílio Garrastazu Médici(1969-1974) “Homem da fronteira, creio em um mundo sem fronteiras entre os homens”. • Nascimento: Bagé-RS, em 04/12/1905. • Profissão: Militar • Período do Governo: 30/10/1969 a 15/03/1974. • Idade ao assumir o governo: 64 anos • Tipo de Eleição: Indireta. • Votos recebidos: 239 • Posse: 30 de Outubro de 1969, em sessão conjunta do Congresso Nacional, presidida pelo Senador Gilberto Marinho. • Falecimento: Rio de Janeiro-RJ, em 09/10/1985.
  21. 21. Principais inovações introduzidas foram:  Mando presidencial de 5 anos  Confirmação de todos os Atos Institucionais, só suspensos por decretos presidenciais  Eleições indiretas para governador no ano de 1974  Pena de morte para os casos de guerra revolucionaria  Número de deputados calculado de acordo com o número de eleitores e não mais pelo total da população
  22. 22. Milagre Econômico • No consumo entre as classes médias, aumentou a compra de bens duráveis nas residências como o televisor em cores, inserido no Brasil em 1973, e a geladeira. O brasileiro também passou a andar mais de carro. • No setor de infraestrutura, o seu governo foi responsável para a construção da Usina Hidrelétrica de Itaipu
  23. 23. Futebol e propaganda política • Além da tortura e da repressão, o governo Médici usou a propaganda como arma política. • O presidente Médici era apresentado como um "homem do povo" e "apaixonado por futebol". • A vitória da seleção brasileira sobre a seleção italiana por 4 a 1, na final, foi bastante explorada pela propaganda do governo Médici em slogans do tipo "Ninguém segura este país" ou "Brasil; ame-o ou deixe-o".
  24. 24. Slogan de propaganda para o governo de Médici
  25. 25. • Porém, em 1974, a seleção brasileira decepcionou os torcedores, ao não conseguir repetir a conquista da Copa anterior. • Regime Militar  Queda da popularidade. • Inflação e Arrocho do Salário (quando o valor do salário não acompanha os reajustes da inflação)
  26. 26. 4) Ernesto Beckmann Geisel (1974-1979) • Nasceu em 03 de Agosto de 1907 em Bento Gonçalves-RS Filho de imigrantes Alemães  Estudou no Colégio Militar • De Porto Alegre • Tornou-se oficial formado pela Escola Militar de Realengo • Foi militar brasileiro por toda sua vida até ingressar na carreira política em 1964
  27. 27. Candidatura General Geisel  1974: No dia 15 de Março, Geisel assumiu a presidência sucedendo Garrastazu Médici.  Brasil: Período mais agudo da Ditadura Militar  Governo de Ernesto Geisel: Ficou caracterizado pela ABERTURA POLÍTICA (que promoveria certa amenização do rigor vigente na Ditadura Militar).
  28. 28. Durante seu governo enfrenta a alta da inflação. Foi o responsável pelo processo de REDEMOCRATIZAÇÃO do país (tornar democrático).  Projeto de abertura política: “Lento, gradual e seguro”.
  29. 29. Caso do jornalista Herzog • Em outubro de 1975 houve uma morte que ficou famosa na época da ditadura: • Vladimir Herzog (acusado de ter ligações com o partido comunista)  No dia seguinte de sua prisão, os militares anunciaram que ele havia cometido “suicídio”
  30. 30. Obras... Foi um desenvolvimentista, responsável por inaugurar as primeiras linhas de METRÔ (em São Paulo e no Rio de Janeiro) e por buscar novas fontes de energia, como o álcool. 1979: No dia 15 de Março, Geisel deixou a presidência e foi sucedido por João Figueiredo. 1985: Continuou influente no exército e apoiou Tancredo Neves nas eleições. Faleceu em 12 de setembro de 1996, vítima de câncer. Término do mandato:
  31. 31. • Indicado por Geisel • Delicada situação financeira: economia em baixa • Elevação dos índices de exportação e a maior independência do mercado interno, especialmente em relação ao petróleo, fizeram com que a condição externa do Brasil atingisse relativo equilíbrio. • Acabou o sistema bipartidário (Arena e MDP) • Declaração de anistia dos militares 5) João Figueiredo (1979-1985)
  32. 32. Movimento “Diretas Já” • Início em 1983: determinava a eleição direta para presidente.  O povo foi para as ruas em vários lugares do Brasil para exibir seu apoio.

×