SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Anos 20: Uma prosperidade enganadora
• Superprodução:
–Produção agrícola e industrial
cresce mais do que o consumo;
–Acumulação de “stoks”;
–Baixa de preços;
–Quebra de lucros para os
industriais e agricultores.
Anos 20: Uma prosperidade enganadora
• Fácil acesso ao crédito:
endividamento dos
empresários e das famílias;
• Investimento na Bolsa:
sobrevalorização das acções;
O “crash” da Bolsa de Nova Iorque
0
5
10
15
20
25
30
1925 1926 1927 1928 1929 1930 1931 1932 1933
Anos
Valoresmédiosmensaisdasacções(emdólares)
“Crash”
A “Quinta-feira Negra”
Cena de Wall Street na “Quinta-feira Negra”
A Grande Depressão
• Crise no sector bancário: ruína
dos accionistas e dificuldades
das empresas e agricultores.
• Encerramento de fábricas:
industriais têm dificuldade de
financiamento bancário para
comprar matérias-primas,
máquinas e pagar os salários.
A Grande Depressão
• Desemprego: faz diminuir o
consumo.
• Agricultura: deflação dos
preços e destruição da
produção.
O Desemprego nos EUA (1925–1933)
0
2
4
6
8
10
12
14
1925 1926 1927 1928 1929 1930 1931 1932
Anos
Desempregados(emmilhões)
“A produção das vides e das árvores deve ser destruída para que
se mantenham os preços. Isto é uma abominação que ultrapassa
todas as outras. Carregamentos de laranjas são lançados não
importa onde. As pessoas vêm de longe para as apanhar, mas
não lhes é permitido fazê-lo. […] Homens munidos de
mangueiras regam com petróleo os montes de laranjas […].
Queima-se café nas caldeiras. Queima-se milho para
aquecimento. Lançam-se batatas ao rio […]. Enterram-se porcos
acabados de matar […]. As crianças atingidas pela pelagra(1)
morrem porque cada laranja tem de dar lucro. E as autoridades
inscrevem na certidão de óbito: “morto por subnutrição”, e tudo
isto porque os alimentos apodrecem, tudo isto porque é preciso
deixá-los apodrecer.”
John Steinbeck, As Vinhas da Ira.
(1) Doença devida à carência de vitaminas.
“Os absurdos da crise”
O “círculo vicioso” da crise
Diminuição da
procura
In Maria Emília Dinis e outros, História Nove, História. 9.º ano / 3.º Ciclo do Ensino Básico, Lisboa Editora, Lisboa, 2004.
Falência das
empresas
Desemprego
Diminuição do
poder de
compra
A dimensão mundial da crise
• Factores de propagação da crise:
– EUA retiram os capitais investidos na Europa:
• dificuldades financeiras nas empresas europeias;
• Dificuldade de pagar as indemnizações.
– Contracção do comércio mundial:
• países dificultam as importações;
• dificuldade em escoar tanto os produtos
transformados como as matérias-primas.
Consequências sociais da crise
• Movimentação de populações em busca de
emprego
Família migrante
Consequências sociais da crise
• Miséria nas cidades e nos campos.
• Descontentamento e revolta entre as
populações.
Eu prometo
um “New
Deal”!
As promessas eleitorais
de Roosevelt, 1932
O “New Deal” de Roosevelt
INVESTIMENTOS DO ESTADO
AUMENTO DO RENDIMENTO DAS FAMÍLIAS
Medidas sociais (Subsídio de
desemprego, salário mínimo,
etc.)
Obras públicas
Mais emprego
Aumento da produção industrial
Compra de bens de consumo
Mais emprego
In Maria Emília Dinis e outros, História Nove, História. 9.º ano / 3.º Ciclo do Ensino Básico, Lisboa Editora, Lisboa, 2004.
O Intervencionismo na Europa
• Na França
–Coligação de partidos de esquerda
ganha as eleições de 1936 – Frente
Popular
–Intervenção do Estado:
• Aumentos salariais;
• Semana de 40 h de trabalho;
• 15 dias de férias pagas;
• Nacionalização dos caminhos-de-ferro e
das fábricas de armamento.
O Intervencionismo na Europa
• Na Inglaterra
–Crescimento do Partido Trabalhista
(apoiado pelos Sindicatos);
–Intervenção do Estado na economia:
• Apoio às empresas industriais;
• Medidas proteccionistas, como o apelo ao
“buy british”
O Intervencionismo na Europa
• Na Espanha
–Coligação de partidos de
esquerda ganha as eleições de
1936 – Frente Popular
–Guerra civil, como estudarás
mais à frente…
O Intervencionismo na Europa
• Na Alemanha
–Divulgação de ideias de extrema
direita
–Política nacionalista e racista,
como estudaremos mais à
frente…
Conceitos
Acção – Parte do capital de uma empresa. O valor de uma acção varia, em
princípio com os lucros ou prejuízos dessa sociedade. Através da
especulação em Bolsa esse valor pode, no entanto, subir ou baixar,
independentemente dos lucros da empresa.
“Crash” – Baixa generalizada e muito acentuada da cotação das acções, na
Bolsa.
“Stock” – Conjunto de mercadorias disponíveis para consumo.
Wall Street – Famosa rua de Nova Iorque, onde ficam situados os principais
Bancos e a Bolsa (a mais importante e movimentada de todo o mundo).
“New Deal” – Expressão americana utilizada, nos jogos de cartas, para
referir uma nova distribuição das cartas, isto é, o começo de um novo jogo.
Ao utilizar a expressão, Roosevelt pretendia dar a entender que se ia iniciar
um novo período da vida da América.
In Maria Emília Dinis e outros, História Nove, História. 9.º ano / 3.º Ciclo do Ensino Básico, Lisboa Editora, Lisboa, 2004.
DorotheaLange,RumoaLosAngeles,California.1937

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Revolução soviética
Revolução soviéticaRevolução soviética
Revolução soviéticaCarlos Vieira
 
A revolução francesa
A revolução francesaA revolução francesa
A revolução francesacattonia
 
A europa e o mundo no limiar do séc. xx
A europa e o mundo no limiar do séc. xxA europa e o mundo no limiar do séc. xx
A europa e o mundo no limiar do séc. xxLucilia Fonseca
 
25 - Comércio à escala mundial
25 - Comércio à escala mundial25 - Comércio à escala mundial
25 - Comércio à escala mundialCarla Freitas
 
Portugal do seculo_xviii_ao_seculo_xix
Portugal do seculo_xviii_ao_seculo_xixPortugal do seculo_xviii_ao_seculo_xix
Portugal do seculo_xviii_ao_seculo_xixcattonia
 
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militarVítor Santos
 
A grande depressão
A grande depressãoA grande depressão
A grande depressãocattonia
 
As Invasões Francesas
As Invasões FrancesasAs Invasões Francesas
As Invasões FrancesasJorge Almeida
 
As consequências da 1ª guerra mundial
As consequências da 1ª guerra mundialAs consequências da 1ª guerra mundial
As consequências da 1ª guerra mundialSusana Simões
 
A revolução americana
A revolução americanaA revolução americana
A revolução americanacattonia
 
Colonialismo E Imperialismo
Colonialismo E ImperialismoColonialismo E Imperialismo
Colonialismo E ImperialismoCarlos Vieira
 
Hegemonia inglesa
Hegemonia inglesaHegemonia inglesa
Hegemonia inglesacattonia
 
A Revolução Americana
A Revolução Americana   A Revolução Americana
A Revolução Americana Susana Simões
 
C3 portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)
C3   portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)C3   portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)
C3 portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)Carlos Vaz
 
A Era Estalinista
A Era EstalinistaA Era Estalinista
A Era EstalinistaRainha Maga
 
Guerra Do óPio Por Cadorim
Guerra Do óPio   Por CadorimGuerra Do óPio   Por Cadorim
Guerra Do óPio Por CadorimGui Cadorim
 

Mais procurados (20)

Revolução soviética
Revolução soviéticaRevolução soviética
Revolução soviética
 
A revolução francesa
A revolução francesaA revolução francesa
A revolução francesa
 
A europa e o mundo no limiar do séc. xx
A europa e o mundo no limiar do séc. xxA europa e o mundo no limiar do séc. xx
A europa e o mundo no limiar do séc. xx
 
25 - Comércio à escala mundial
25 - Comércio à escala mundial25 - Comércio à escala mundial
25 - Comércio à escala mundial
 
Revolução americana
Revolução americanaRevolução americana
Revolução americana
 
Portugal do seculo_xviii_ao_seculo_xix
Portugal do seculo_xviii_ao_seculo_xixPortugal do seculo_xviii_ao_seculo_xix
Portugal do seculo_xviii_ao_seculo_xix
 
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
 
A grande depressão
A grande depressãoA grande depressão
A grande depressão
 
Grande depressão
Grande depressãoGrande depressão
Grande depressão
 
As Invasões Francesas
As Invasões FrancesasAs Invasões Francesas
As Invasões Francesas
 
As consequências da 1ª guerra mundial
As consequências da 1ª guerra mundialAs consequências da 1ª guerra mundial
As consequências da 1ª guerra mundial
 
A revolução americana
A revolução americanaA revolução americana
A revolução americana
 
1ª RepúBlica
1ª RepúBlica1ª RepúBlica
1ª RepúBlica
 
Colonialismo E Imperialismo
Colonialismo E ImperialismoColonialismo E Imperialismo
Colonialismo E Imperialismo
 
Hegemonia inglesa
Hegemonia inglesaHegemonia inglesa
Hegemonia inglesa
 
A Revolução Americana
A Revolução Americana   A Revolução Americana
A Revolução Americana
 
Tratado de versalhes
Tratado de versalhesTratado de versalhes
Tratado de versalhes
 
C3 portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)
C3   portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)C3   portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)
C3 portugal na segunda metade do século xix (1ª parte)
 
A Era Estalinista
A Era EstalinistaA Era Estalinista
A Era Estalinista
 
Guerra Do óPio Por Cadorim
Guerra Do óPio   Por CadorimGuerra Do óPio   Por Cadorim
Guerra Do óPio Por Cadorim
 

Destaque

10 1 crise_ditaduras e democracias na década de 30
10 1 crise_ditaduras e democracias na década de 3010 1 crise_ditaduras e democracias na década de 30
10 1 crise_ditaduras e democracias na década de 30Vítor Santos
 
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na EuropaA grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na EuropaBárbara Minhoto
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziRui Neto
 
PP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na EuropaPP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na Europaisabel mgm
 
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerraVítor Santos
 
10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução
10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução
10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstruçãoVítor Santos
 
Portugal: da 1º republica a ditadura militar
Portugal: da 1º republica a ditadura militarPortugal: da 1º republica a ditadura militar
Portugal: da 1º republica a ditadura militarJoao Bernardo Santos
 
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogueVítor Santos
 
Historia a-12-ano-resumo
Historia a-12-ano-resumoHistoria a-12-ano-resumo
Historia a-12-ano-resumoEscoladocs
 
Portugal Estado Novo
Portugal   Estado NovoPortugal   Estado Novo
Portugal Estado NovoCarlos Vieira
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929Rui Neto
 
Resumos história (2º teste)
Resumos história (2º teste)Resumos história (2º teste)
Resumos história (2º teste)Ana Beatriz Neiva
 
Princípios do nazismo
Princípios do nazismoPrincípios do nazismo
Princípios do nazismoSusana Simões
 

Destaque (20)

10 1 crise_ditaduras e democracias na década de 30
10 1 crise_ditaduras e democracias na década de 3010 1 crise_ditaduras e democracias na década de 30
10 1 crise_ditaduras e democracias na década de 30
 
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na EuropaA grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e Nazi
 
PP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na EuropaPP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na Europa
 
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
9 ano 9_2_as transformações do após-guerra
 
10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução
10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução
10 2 a _2_guerra_mundial_violência_reconstrução
 
O Estado Novo
O Estado NovoO Estado Novo
O Estado Novo
 
Portugal: da 1º republica a ditadura militar
Portugal: da 1º republica a ditadura militarPortugal: da 1º republica a ditadura militar
Portugal: da 1º republica a ditadura militar
 
Exercícios 9º ano
Exercícios 9º anoExercícios 9º ano
Exercícios 9º ano
 
A Crise De 1929
A Crise De 1929A Crise De 1929
A Crise De 1929
 
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
9 ano 9_1_ apogeu e declinio da influencia europeia_blogue
 
Historia a-12-ano-resumo
Historia a-12-ano-resumoHistoria a-12-ano-resumo
Historia a-12-ano-resumo
 
Ditaduras
DitadurasDitaduras
Ditaduras
 
O Nazismo
O NazismoO Nazismo
O Nazismo
 
Portugal Estado Novo
Portugal   Estado NovoPortugal   Estado Novo
Portugal Estado Novo
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
Resumos história (2º teste)
Resumos história (2º teste)Resumos história (2º teste)
Resumos história (2º teste)
 
A crise dos anos 30
A crise dos anos 30A crise dos anos 30
A crise dos anos 30
 
Princípios do nazismo
Princípios do nazismoPrincípios do nazismo
Princípios do nazismo
 
A Crise De 1929
A Crise De 1929A Crise De 1929
A Crise De 1929
 

Semelhante a CRISES, DITADURAS E DEMOCRACIA NA DÉCADA DE 30

Semelhante a CRISES, DITADURAS E DEMOCRACIA NA DÉCADA DE 30 (20)

A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30
 
Crise 1929-1229128886287390-3
Crise 1929-1229128886287390-3Crise 1929-1229128886287390-3
Crise 1929-1229128886287390-3
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929
 
crise de 1929.pdfaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
crise de 1929.pdfaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaacrise de 1929.pdfaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
crise de 1929.pdfaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
 
Crise 1929-1229128886287390-3
Crise 1929-1229128886287390-3Crise 1929-1229128886287390-3
Crise 1929-1229128886287390-3
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial Crise de 1929 oficial
Crise de 1929 oficial
 
Crise 1929 aula
Crise 1929 aulaCrise 1929 aula
Crise 1929 aula
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
A crise de 1929. 02ppt
A crise de 1929. 02pptA crise de 1929. 02ppt
A crise de 1929. 02ppt
 
Grande depressão
Grande depressãoGrande depressão
Grande depressão
 
46 a crise dos anos 30
46   a crise dos anos 3046   a crise dos anos 30
46 a crise dos anos 30
 
Crise de 1929 - A Grande Depressão
Crise de 1929 - A Grande Depressão Crise de 1929 - A Grande Depressão
Crise de 1929 - A Grande Depressão
 
Crise 29
Crise 29Crise 29
Crise 29
 
www.AulasParticulares.Info - História – Crise do Capitalismo
www.AulasParticulares.Info - História – Crise do Capitalismowww.AulasParticulares.Info - História – Crise do Capitalismo
www.AulasParticulares.Info - História – Crise do Capitalismo
 
Crise 1
Crise 1Crise 1
Crise 1
 
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
 
CRISE DE 1929
CRISE DE 1929CRISE DE 1929
CRISE DE 1929
 

Último

Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfManuais Formação
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoVitor Vieira Vasconcelos
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docxSílvia Carneiro
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasBibliotecaViatodos
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguaKelly Mendes
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 

Último (20)

Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - GeoprocessamentoDados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
Dados espaciais em R - 2023 - UFABC - Geoprocessamento
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 

CRISES, DITADURAS E DEMOCRACIA NA DÉCADA DE 30

  • 1.
  • 2. Anos 20: Uma prosperidade enganadora • Superprodução: –Produção agrícola e industrial cresce mais do que o consumo; –Acumulação de “stoks”; –Baixa de preços; –Quebra de lucros para os industriais e agricultores.
  • 3. Anos 20: Uma prosperidade enganadora • Fácil acesso ao crédito: endividamento dos empresários e das famílias; • Investimento na Bolsa: sobrevalorização das acções;
  • 4. O “crash” da Bolsa de Nova Iorque 0 5 10 15 20 25 30 1925 1926 1927 1928 1929 1930 1931 1932 1933 Anos Valoresmédiosmensaisdasacções(emdólares) “Crash”
  • 5. A “Quinta-feira Negra” Cena de Wall Street na “Quinta-feira Negra”
  • 6. A Grande Depressão • Crise no sector bancário: ruína dos accionistas e dificuldades das empresas e agricultores. • Encerramento de fábricas: industriais têm dificuldade de financiamento bancário para comprar matérias-primas, máquinas e pagar os salários.
  • 7. A Grande Depressão • Desemprego: faz diminuir o consumo. • Agricultura: deflação dos preços e destruição da produção.
  • 8. O Desemprego nos EUA (1925–1933) 0 2 4 6 8 10 12 14 1925 1926 1927 1928 1929 1930 1931 1932 Anos Desempregados(emmilhões)
  • 9. “A produção das vides e das árvores deve ser destruída para que se mantenham os preços. Isto é uma abominação que ultrapassa todas as outras. Carregamentos de laranjas são lançados não importa onde. As pessoas vêm de longe para as apanhar, mas não lhes é permitido fazê-lo. […] Homens munidos de mangueiras regam com petróleo os montes de laranjas […]. Queima-se café nas caldeiras. Queima-se milho para aquecimento. Lançam-se batatas ao rio […]. Enterram-se porcos acabados de matar […]. As crianças atingidas pela pelagra(1) morrem porque cada laranja tem de dar lucro. E as autoridades inscrevem na certidão de óbito: “morto por subnutrição”, e tudo isto porque os alimentos apodrecem, tudo isto porque é preciso deixá-los apodrecer.” John Steinbeck, As Vinhas da Ira. (1) Doença devida à carência de vitaminas. “Os absurdos da crise”
  • 10. O “círculo vicioso” da crise Diminuição da procura In Maria Emília Dinis e outros, História Nove, História. 9.º ano / 3.º Ciclo do Ensino Básico, Lisboa Editora, Lisboa, 2004. Falência das empresas Desemprego Diminuição do poder de compra
  • 11. A dimensão mundial da crise • Factores de propagação da crise: – EUA retiram os capitais investidos na Europa: • dificuldades financeiras nas empresas europeias; • Dificuldade de pagar as indemnizações. – Contracção do comércio mundial: • países dificultam as importações; • dificuldade em escoar tanto os produtos transformados como as matérias-primas.
  • 12. Consequências sociais da crise • Movimentação de populações em busca de emprego Família migrante
  • 13. Consequências sociais da crise • Miséria nas cidades e nos campos. • Descontentamento e revolta entre as populações.
  • 14. Eu prometo um “New Deal”! As promessas eleitorais de Roosevelt, 1932
  • 15. O “New Deal” de Roosevelt INVESTIMENTOS DO ESTADO AUMENTO DO RENDIMENTO DAS FAMÍLIAS Medidas sociais (Subsídio de desemprego, salário mínimo, etc.) Obras públicas Mais emprego Aumento da produção industrial Compra de bens de consumo Mais emprego In Maria Emília Dinis e outros, História Nove, História. 9.º ano / 3.º Ciclo do Ensino Básico, Lisboa Editora, Lisboa, 2004.
  • 16. O Intervencionismo na Europa • Na França –Coligação de partidos de esquerda ganha as eleições de 1936 – Frente Popular –Intervenção do Estado: • Aumentos salariais; • Semana de 40 h de trabalho; • 15 dias de férias pagas; • Nacionalização dos caminhos-de-ferro e das fábricas de armamento.
  • 17. O Intervencionismo na Europa • Na Inglaterra –Crescimento do Partido Trabalhista (apoiado pelos Sindicatos); –Intervenção do Estado na economia: • Apoio às empresas industriais; • Medidas proteccionistas, como o apelo ao “buy british”
  • 18. O Intervencionismo na Europa • Na Espanha –Coligação de partidos de esquerda ganha as eleições de 1936 – Frente Popular –Guerra civil, como estudarás mais à frente…
  • 19. O Intervencionismo na Europa • Na Alemanha –Divulgação de ideias de extrema direita –Política nacionalista e racista, como estudaremos mais à frente…
  • 20. Conceitos Acção – Parte do capital de uma empresa. O valor de uma acção varia, em princípio com os lucros ou prejuízos dessa sociedade. Através da especulação em Bolsa esse valor pode, no entanto, subir ou baixar, independentemente dos lucros da empresa. “Crash” – Baixa generalizada e muito acentuada da cotação das acções, na Bolsa. “Stock” – Conjunto de mercadorias disponíveis para consumo. Wall Street – Famosa rua de Nova Iorque, onde ficam situados os principais Bancos e a Bolsa (a mais importante e movimentada de todo o mundo). “New Deal” – Expressão americana utilizada, nos jogos de cartas, para referir uma nova distribuição das cartas, isto é, o começo de um novo jogo. Ao utilizar a expressão, Roosevelt pretendia dar a entender que se ia iniciar um novo período da vida da América. In Maria Emília Dinis e outros, História Nove, História. 9.º ano / 3.º Ciclo do Ensino Básico, Lisboa Editora, Lisboa, 2004.