SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
A Crise do Capitalismo nos Anos 30 . . .
A crise do capitalismo: Superprodução Na década de 20, os EUA viveram um período de prosperidade económica para o qual contribuíram os seguintes factores: crescimento de novas indústrias como a automóvel, química…; aumento da produção devido à aplicação de novos métodos de produção e aos progressos técnicos; desenvolvimento da agricultura com a mecanização. Este crescimento económico provocou um excesso de optimismo nos investidores. Na Bolsa de Nova Iorque, os títulos eram vendidos a preços muito altos, todos arriscavam investir na bolsa. Algumas pessoas chegavam a pedir empréstimos para investir. Como resultado da grande procura de acções, a cotação das empresas subia sem, contudo, terem aumentado os seus lucros. Era assim uma prosperidade frágil, falsa. Entre 1924 e 1929 alguns sectores da indústria e da agricultura começaram a dar sinais de crise. A Mecanização e os novos métodos de produção levaram à saturação dos mercados e consequentemente a uma baixa dos preços = DEFLAÇÃO. A OFERTA tornou-se MAIOR do que a PROCURA = CRISE DE SUPERPRODUÇÃO
O crash e a depressão económica As acções não paravam de subir. Os especuladores recorriam ao crédito. Em Outubro de 1929 as acções começavam a descer. O pânico apoderou-se dos investidores que tentam vender a qualquer preço. Em 24 de Outubro de 1929, a chamada Quinta-feira               Negra, dá-se o Crash na Bolsa de Wall Street.Nesse dia numerosos accionistas tentaram vender as suas              acções, fazendo com que o seu valor baixasse abruptamente,               não havendo um único comprador. A Bolsa entra em ruptura. À falência dos accionistas seguiu-se a falência dos bancos, uma vez que os especuladores não tinham como pagar os empréstimos. A crise alastrou rapidamente levando à falência as empresas; Aumentou o desemprego, diminuiu o consumo… Entrou-se assim num ciclo de crise em que crise gera crise… As famílias que viviam bem, perderam os seus bens                        e viram-se em casa sem trabalho e sem meios de                                 subsistência; O desemprego levou a situações de fome.
O “ciclo vicioso” da crise Falência dos Bancos Fim do crédito Falência das empresas Desemprego Falência das empresas Diminuição do consumo Diminuição da procura
A crise do capitalismo: Superprodução A crise americana iniciada em 1929, teve uma dimensão mundial, com algumas excepções, como é o caso da URSS; Foi uma crise diferente das que até então ocorreram, porque se fez sentir em todos sectores da economia e porque foi devida à SUPERPRODUÇÃO. Não foi uma crise provocada pela subida de preços e pela quebra do poder de compra, como era habitual, mas ao contrário, ficou a dever-se à DEFLAÇÃO; Esta crise pôs em causa o capitalismo liberal, que assentava na ideia de que os problemas económicos se resolveriam por eles mesmos, isto é sem intervenção do estado e pôs em causa a crença na capacidade das economias fazerem crescer continuamente a produção.
Mundialização da crise A crise de 29 estendeu-se, primeiro à Europa e depois ao resto do mundo.  Como? Os EUA reduziram as suas importações da Europa, provocando a falência de muitas empresas; Retiraram os capitais que tinham aplicado em bancos e empresas estrangeiras. Resto do mundo: Como? A Europa e os EUA, em crise, deixam de comprar matérias-primas aos países e às colónias de África, da Ásia, da América Latina; (no Brasil provocou a ruína dos produtores de café que foi lançado ao mar ou aproveitado para combustível das locomotivas)
[object Object]
 não reembolso dos empréstimos feitos aos especuladores;
 levantamento maciço de capitais e de depósitos. CRASH DA BOLSA Levantamento de capitais investidos no estrangeiro Suspensão do crédito Falência dos bancos ao consumo às empresas diminuição do consumo Dificuldades financeiras com as empresas A crise generaliza-se na Europa, no resto do mundo capitalista e nas colónias. ,[object Object]
 baixa generalizada dos preçosParagem dos investimentos redução dos negócios e dos lucros das empresas desemprego Falência e contracção da produção Consequências do crash da bolsa
Os problemas sociais: desemprego A crise económica foi de imediato seguida por uma profunda crise social: despedimentos em massa; muita mão-de-obra disponível que se oferecia para trabalhar por baixos salários; as entidades empregadoras não conseguiam escoar a produção e, paradoxalmente, destroem os stocks para tentarem aumentar os preços de venda dos produtos; milhões de trabalhadores ficam sem emprego e na miséria, sem quaisquer subsídio; cresceu a mendicidade, a criminalidade, a prostituição, os suicídios e os antagonismos sociais; a falência dos bancos trouxe a ruína de milhões de pequenos investidores e reformados que ficaram sem as suas poupanças. Os vários sectores económicos e toda a população,           reclamam do estado uma urgente intervenção                  económica e social; Rapidamente, a crise económica e social se converte,              igualmente, numa crise política.
Actividades 1 – Refere os factores que conduziram à crise de superprodução nos finais da década de 20. 2 – Explica como se deu o crash na Bolsa de nova Iorque. 3 – Relaciona a crise na Bolsa de Nova Iorque com o desmoronamento da economia que se verificou a seguir. 4 – Caracteriza a situação social provocada pela crise económica. 5 – Justifica a mundialização da crise. 6 - Pensa:…”destroem os stocks para tentarem aumentar os preços de venda dos produtos” De que forma as políticas económicas actuais, nomeadamente na União Europeia, procuram evitar esta situação? 7 – Pensa e comenta: O capitalismo e o desenvolvimento económico dependem muito do recurso ao crédito. Seria impossível a criação de algumas empresas sem a ajuda do crédito bancário. Contudo, quando se abusa do recurso ao crédito, sobretudo para aplicar em actividades não lucrativas (férias, produtos de consumo diário…), as consequências são muitas vezes trágicas…

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...
As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...
As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...Renato Oliveira
 
A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30Maria Barroso
 
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na EuropaA grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na EuropaBárbara Minhoto
 
3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo
3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo
3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismoNúria Inácio
 
Consequências da 2ª Guerra Mundial
Consequências da 2ª Guerra MundialConsequências da 2ª Guerra Mundial
Consequências da 2ª Guerra MundialSusana Simões
 
PP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na EuropaPP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na Europaisabel mgm
 
12º ano lh1 2ºt 2º p
12º ano lh1 2ºt 2º p12º ano lh1 2ºt 2º p
12º ano lh1 2ºt 2º pAna Cristina F
 
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militarVítor Santos
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929Rui Neto
 
Deslizamentos de terras e avalanches trabalho final
Deslizamentos de terras e avalanches   trabalho finalDeslizamentos de terras e avalanches   trabalho final
Deslizamentos de terras e avalanches trabalho final8_c_clube
 
A grande depressão e o seu impacto social resumo
A grande depressão e o seu impacto  social resumoA grande depressão e o seu impacto  social resumo
A grande depressão e o seu impacto social resumoEscoladocs
 
As transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra MundialAs transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra MundialTeresa Maia
 

Mais procurados (20)

Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
A crise de 1929
A crise de 1929A crise de 1929
A crise de 1929
 
As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...
As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...
As Novas Dinâmicas Espaciais: O Aumento das Interdependências entre Lugares e...
 
A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30A Grande Depressao dos anos 30
A Grande Depressao dos anos 30
 
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na EuropaA grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
A grande crise do capitalismo nos anos 30 e Regimes ditatoriais na Europa
 
Cronologia prec
Cronologia precCronologia prec
Cronologia prec
 
3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo
3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo
3 A revolução russa de 1917 e a implantação do marxismo-leninismo
 
Geografia guerra fria
Geografia   guerra friaGeografia   guerra fria
Geografia guerra fria
 
Consequências da 2ª Guerra Mundial
Consequências da 2ª Guerra MundialConsequências da 2ª Guerra Mundial
Consequências da 2ª Guerra Mundial
 
PP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na EuropaPP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na Europa
 
12º ano lh1 2ºt 2º p
12º ano lh1 2ºt 2º p12º ano lh1 2ºt 2º p
12º ano lh1 2ºt 2º p
 
Resumo crise de 1929
Resumo crise de 1929Resumo crise de 1929
Resumo crise de 1929
 
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
 
O governo de washington luís
O governo de washington luísO governo de washington luís
O governo de washington luís
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
A Grande DepressãO
A Grande DepressãOA Grande DepressãO
A Grande DepressãO
 
Deslizamentos de terras e avalanches trabalho final
Deslizamentos de terras e avalanches   trabalho finalDeslizamentos de terras e avalanches   trabalho final
Deslizamentos de terras e avalanches trabalho final
 
A grande depressão e o seu impacto social resumo
A grande depressão e o seu impacto  social resumoA grande depressão e o seu impacto  social resumo
A grande depressão e o seu impacto social resumo
 
O fim da monarquia em portugal
O fim da monarquia em portugalO fim da monarquia em portugal
O fim da monarquia em portugal
 
As transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra MundialAs transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra Mundial
 

Destaque (20)

Vaticano
VaticanoVaticano
Vaticano
 
Migrações
MigraçõesMigrações
Migrações
 
Como fazer um power-point?
Como fazer um power-point?Como fazer um power-point?
Como fazer um power-point?
 
Revolução republicana
Revolução republicanaRevolução republicana
Revolução republicana
 
Fascismos
FascismosFascismos
Fascismos
 
1 século 5 temas
1 século 5 temas1 século 5 temas
1 século 5 temas
 
Conselhos PPT
Conselhos PPTConselhos PPT
Conselhos PPT
 
Rapariga Com Brinco
Rapariga Com BrincoRapariga Com Brinco
Rapariga Com Brinco
 
História
HistóriaHistória
História
 
Guião 1 9º ano
Guião 1   9º anoGuião 1   9º ano
Guião 1 9º ano
 
9º guião 3
9º guião 39º guião 3
9º guião 3
 
Como apresentar um trabalho
Como apresentar um trabalhoComo apresentar um trabalho
Como apresentar um trabalho
 
Romanização
RomanizaçãoRomanização
Romanização
 
Ficha De Trabalho Depressao
Ficha De Trabalho DepressaoFicha De Trabalho Depressao
Ficha De Trabalho Depressao
 
Questionario. teorias sociais
Questionario. teorias sociaisQuestionario. teorias sociais
Questionario. teorias sociais
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Era uma vez na américa
Era uma vez na américaEra uma vez na américa
Era uma vez na américa
 
30 anos de governos civis no Brasil
30 anos de governos civis no Brasil30 anos de governos civis no Brasil
30 anos de governos civis no Brasil
 
A Crisede1929 Coseq
A Crisede1929 CoseqA Crisede1929 Coseq
A Crisede1929 Coseq
 
Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Caderno Diário Crise Anos 30 1314Caderno Diário Crise Anos 30 1314
Caderno Diário Crise Anos 30 1314
 

Semelhante a Crise 1

Crise de 29
Crise de 29Crise de 29
Crise de 29CSD
 
A crise de 29
A crise de 29A crise de 29
A crise de 29simaodmn
 
Crise de 1929.pptx
 Crise de 1929.pptx Crise de 1929.pptx
Crise de 1929.pptxAndrea Silva
 
Os anos 1920 e a grande depressão
Os anos 1920 e a grande depressãoOs anos 1920 e a grande depressão
Os anos 1920 e a grande depressãoFernando Fagundes
 
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptxacrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptxmarcinho3
 
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptxacrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptxmarcinho3
 
Crise de 1929 - A Grande Depressão
Crise de 1929 - A Grande Depressão Crise de 1929 - A Grande Depressão
Crise de 1929 - A Grande Depressão MatheusVieira57409
 
Crise Do Capitalismo
Crise Do CapitalismoCrise Do Capitalismo
Crise Do CapitalismoCarlos Vieira
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929viviancostta
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929viviancostta
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929viviancostta
 
Grande depressao de 1929
Grande depressao de 1929Grande depressao de 1929
Grande depressao de 1929Yuri Silver
 
A grande depressão
A grande depressãoA grande depressão
A grande depressãocattonia
 
A crise de 1929 e o new deal 2017
A crise de 1929 e o new deal   2017A crise de 1929 e o new deal   2017
A crise de 1929 e o new deal 2017Nelia Salles Nantes
 
A crise mundial de 1929
A crise mundial de 1929A crise mundial de 1929
A crise mundial de 1929ginifeliciano
 
Crisede1929 141214091313-conversion-gate02
Crisede1929 141214091313-conversion-gate02Crisede1929 141214091313-conversion-gate02
Crisede1929 141214091313-conversion-gate02AlessandroTeixeira23
 

Semelhante a Crise 1 (20)

Crise de 29
Crise de 29Crise de 29
Crise de 29
 
Crise 29
Crise 29Crise 29
Crise 29
 
A crise de 29
A crise de 29A crise de 29
A crise de 29
 
Crise de 1929.pptx
 Crise de 1929.pptx Crise de 1929.pptx
Crise de 1929.pptx
 
Os anos 1920 e a grande depressão
Os anos 1920 e a grande depressãoOs anos 1920 e a grande depressão
Os anos 1920 e a grande depressão
 
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptxacrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
 
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptxacrise   de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
acrise de 1929 E A ATUAÇÃO DO ESTADO.pptx
 
Crise de 1929 - A Grande Depressão
Crise de 1929 - A Grande Depressão Crise de 1929 - A Grande Depressão
Crise de 1929 - A Grande Depressão
 
Crise Do Capitalismo
Crise Do CapitalismoCrise Do Capitalismo
Crise Do Capitalismo
 
CRISE DE 1929
CRISE DE 1929CRISE DE 1929
CRISE DE 1929
 
Depressão economica ou grande depressão
Depressão economica ou grande depressãoDepressão economica ou grande depressão
Depressão economica ou grande depressão
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929
 
Slide crise de 1929
Slide crise de 1929Slide crise de 1929
Slide crise de 1929
 
Grande depressao de 1929
Grande depressao de 1929Grande depressao de 1929
Grande depressao de 1929
 
A grande depressão
A grande depressãoA grande depressão
A grande depressão
 
A crise de 1929 e o new deal 2017
A crise de 1929 e o new deal   2017A crise de 1929 e o new deal   2017
A crise de 1929 e o new deal 2017
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
A crise mundial de 1929
A crise mundial de 1929A crise mundial de 1929
A crise mundial de 1929
 
Crisede1929 141214091313-conversion-gate02
Crisede1929 141214091313-conversion-gate02Crisede1929 141214091313-conversion-gate02
Crisede1929 141214091313-conversion-gate02
 

Mais de Educador Lamarão

Mais de Educador Lamarão (6)

Teorias sociais do século xix
Teorias  sociais do século xixTeorias  sociais do século xix
Teorias sociais do século xix
 
Jango e ditadura
Jango e ditaduraJango e ditadura
Jango e ditadura
 
O início do segundo reinado
O início do segundo reinadoO início do segundo reinado
O início do segundo reinado
 
Slide - Aula descoberta do ouro
Slide - Aula descoberta do ouroSlide - Aula descoberta do ouro
Slide - Aula descoberta do ouro
 
Crise 2
Crise 2Crise 2
Crise 2
 
Slide revoluçao industrial - 1a fase
Slide revoluçao industrial - 1a faseSlide revoluçao industrial - 1a fase
Slide revoluçao industrial - 1a fase
 

Último

Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persafelipescherner
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Mary Alvarenga
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaIlda Bicacro
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxsfwsoficial
 
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdfAntonio Barros
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxpatriciapedroso82
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoVALMIRARIBEIRO1
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfandreaLisboa7
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 

Crise 1

  • 1. A Crise do Capitalismo nos Anos 30 . . .
  • 2. A crise do capitalismo: Superprodução Na década de 20, os EUA viveram um período de prosperidade económica para o qual contribuíram os seguintes factores: crescimento de novas indústrias como a automóvel, química…; aumento da produção devido à aplicação de novos métodos de produção e aos progressos técnicos; desenvolvimento da agricultura com a mecanização. Este crescimento económico provocou um excesso de optimismo nos investidores. Na Bolsa de Nova Iorque, os títulos eram vendidos a preços muito altos, todos arriscavam investir na bolsa. Algumas pessoas chegavam a pedir empréstimos para investir. Como resultado da grande procura de acções, a cotação das empresas subia sem, contudo, terem aumentado os seus lucros. Era assim uma prosperidade frágil, falsa. Entre 1924 e 1929 alguns sectores da indústria e da agricultura começaram a dar sinais de crise. A Mecanização e os novos métodos de produção levaram à saturação dos mercados e consequentemente a uma baixa dos preços = DEFLAÇÃO. A OFERTA tornou-se MAIOR do que a PROCURA = CRISE DE SUPERPRODUÇÃO
  • 3. O crash e a depressão económica As acções não paravam de subir. Os especuladores recorriam ao crédito. Em Outubro de 1929 as acções começavam a descer. O pânico apoderou-se dos investidores que tentam vender a qualquer preço. Em 24 de Outubro de 1929, a chamada Quinta-feira Negra, dá-se o Crash na Bolsa de Wall Street.Nesse dia numerosos accionistas tentaram vender as suas acções, fazendo com que o seu valor baixasse abruptamente, não havendo um único comprador. A Bolsa entra em ruptura. À falência dos accionistas seguiu-se a falência dos bancos, uma vez que os especuladores não tinham como pagar os empréstimos. A crise alastrou rapidamente levando à falência as empresas; Aumentou o desemprego, diminuiu o consumo… Entrou-se assim num ciclo de crise em que crise gera crise… As famílias que viviam bem, perderam os seus bens e viram-se em casa sem trabalho e sem meios de subsistência; O desemprego levou a situações de fome.
  • 4. O “ciclo vicioso” da crise Falência dos Bancos Fim do crédito Falência das empresas Desemprego Falência das empresas Diminuição do consumo Diminuição da procura
  • 5. A crise do capitalismo: Superprodução A crise americana iniciada em 1929, teve uma dimensão mundial, com algumas excepções, como é o caso da URSS; Foi uma crise diferente das que até então ocorreram, porque se fez sentir em todos sectores da economia e porque foi devida à SUPERPRODUÇÃO. Não foi uma crise provocada pela subida de preços e pela quebra do poder de compra, como era habitual, mas ao contrário, ficou a dever-se à DEFLAÇÃO; Esta crise pôs em causa o capitalismo liberal, que assentava na ideia de que os problemas económicos se resolveriam por eles mesmos, isto é sem intervenção do estado e pôs em causa a crença na capacidade das economias fazerem crescer continuamente a produção.
  • 6. Mundialização da crise A crise de 29 estendeu-se, primeiro à Europa e depois ao resto do mundo. Como? Os EUA reduziram as suas importações da Europa, provocando a falência de muitas empresas; Retiraram os capitais que tinham aplicado em bancos e empresas estrangeiras. Resto do mundo: Como? A Europa e os EUA, em crise, deixam de comprar matérias-primas aos países e às colónias de África, da Ásia, da América Latina; (no Brasil provocou a ruína dos produtores de café que foi lançado ao mar ou aproveitado para combustível das locomotivas)
  • 7.
  • 8. não reembolso dos empréstimos feitos aos especuladores;
  • 9.
  • 10. baixa generalizada dos preçosParagem dos investimentos redução dos negócios e dos lucros das empresas desemprego Falência e contracção da produção Consequências do crash da bolsa
  • 11. Os problemas sociais: desemprego A crise económica foi de imediato seguida por uma profunda crise social: despedimentos em massa; muita mão-de-obra disponível que se oferecia para trabalhar por baixos salários; as entidades empregadoras não conseguiam escoar a produção e, paradoxalmente, destroem os stocks para tentarem aumentar os preços de venda dos produtos; milhões de trabalhadores ficam sem emprego e na miséria, sem quaisquer subsídio; cresceu a mendicidade, a criminalidade, a prostituição, os suicídios e os antagonismos sociais; a falência dos bancos trouxe a ruína de milhões de pequenos investidores e reformados que ficaram sem as suas poupanças. Os vários sectores económicos e toda a população, reclamam do estado uma urgente intervenção económica e social; Rapidamente, a crise económica e social se converte, igualmente, numa crise política.
  • 12. Actividades 1 – Refere os factores que conduziram à crise de superprodução nos finais da década de 20. 2 – Explica como se deu o crash na Bolsa de nova Iorque. 3 – Relaciona a crise na Bolsa de Nova Iorque com o desmoronamento da economia que se verificou a seguir. 4 – Caracteriza a situação social provocada pela crise económica. 5 – Justifica a mundialização da crise. 6 - Pensa:…”destroem os stocks para tentarem aumentar os preços de venda dos produtos” De que forma as políticas económicas actuais, nomeadamente na União Europeia, procuram evitar esta situação? 7 – Pensa e comenta: O capitalismo e o desenvolvimento económico dependem muito do recurso ao crédito. Seria impossível a criação de algumas empresas sem a ajuda do crédito bancário. Contudo, quando se abusa do recurso ao crédito, sobretudo para aplicar em actividades não lucrativas (férias, produtos de consumo diário…), as consequências são muitas vezes trágicas…
  • 13. A intervenção do estado na economia: New Deal A gravidade da crise levou os estados a intervir na economia. As primeiras medidas foram a redução das importações e o fomento das exportações. Nos EUA foi posto em prática, por Franklin Roosevelt, uma política de combate à crise, a New Deal: Defendia a intervenção do estado na economia, tentando aumentar o consumo e dinamizar a economia. Para tal tentou diminuir o desemprego e aumentar o poder de compra. Como? Na indústria: limitou os níveis de produção, fixou preços mínimos para os produtos, baixou as taxas de juro do crédito bancário e diminuiu os impostos; Combate ao desemprego: desenvolveu um programa de obras públicas, barragens, estradas, edifícios públicos, etc; desta forma criavam-se novos postos de trabalho e relançavam-se as empresas; Domínio social: foi fixado o salário mínimo, 40h de trabalho semanal, criado o subsídio de desemprego, de doença, de invalidez e a reforma na velhice.
  • 14. Resultados da New Deal A aplicação das medidas teve como consequência: Aumento do emprego; Aumento do poder de compra; Retoma do consumo. A crise era um “ciclo vicioso negativo” a New Deal transformou-se num “ciclo de prosperidade”. Com o aumento da procura, deu-se um aumento da produção, as fábricas voltaram a trabalhar e a contratar novos trabalhadores. Na Europa A Grã-Bretanha e a França aplicaram medidas semelhantes às dos EUA, com igual sucesso. Na Itália, Alemanha e Portugal, estas medidas não surtiram efeito. Os governos foram considerados incapazes de resolver a situação e, consequentemente, o poder foi tomado por DITADORES.
  • 15. Actividades 1 – Identifica o presidente americano que desenvolveu o New Deal. 2 – Refere as principais medidas do New Deal. 3 – Indica as medidas tomadas nos EUA para fazer face ao problema do desemprego. 4 – Explica o ciclo de prosperidade iniciado com a aplicação da New Deal. 5 – Avalia o resultado das medidas tomadas pelos principais países europeus para recuperar da crise. Doc. elaborado pela prof. Margarida Moreira