Preconceito Linguístico

1.766 visualizações

Publicada em

Preconceito Linguístico: o que é, e como se faz.
Marcos Bagno

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.766
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
34
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • OBSERVAÇÃO: Deseja uma imagem diferente neste slide? Selecionea imagem e apague-a. Agora, clique no ícone Imagens no espaço reservado para inserir sua própria imagem.
  • Preconceito Linguístico

    1. 1. PRECONCEITO LINGUÍSTICO O que é, como se faz.
    2. 2. MITO Nº 1 “O português do Brasil apresenta uma unidade surpreendente”
    3. 3. MITO Nº 2 “Brasileiro não sabe português / Só em Portugal se fala bem português”
    4. 4. “Abc do Sertão” ( Luiz Gonzaga )  Lá no meu sertão pros caboclo lê Têm que aprender um outro ABC O jota é ji, o éle é lê O ésse é si, mas o érre Tem nome de rê Até o ypsilon lá é pssilone O eme é mê, O ene é nê O efe é fê, o gê chama-se guê Na escola é engraçado ouvir-se tanto "ê" A, bê, cê, dê, Fê, guê, lê, mê, Nê, pê, quê, rê, Tê, vê e zê.
    5. 5. MITO Nº 3 “Português é muito difícil”
    6. 6. “Preconceito Linguístico” ( Isabela Moraes )  Faço a crença pelo meu velório a reza Que enterraram as palavras portuguesas Sob um véu de vãs postiças palavras Foi criado nosso novo dicionário Onde banca-se o papel de missionário O próprio vocabulário de muletas O próprio vocabulário  Livre dos livros os equívocos As gargalhadas da gramática O preconceito linguístico Palavras marginalizadas  O preto o pobre e o racismo O preconceito por nada Sexo é assunto proibido A não ser fora de casa  Desligue a tevê vá ler um livro O mito é a verdade inventada Não crer no que vê é mais difícil Que ler pra aprender coisas errada  Proteja-se sempre do vício De acreditar em tudo que se espalha Existem milhares de artifícios No vasto precipício se fala No vasto precipício[...]
    7. 7. REFERENCIA: BAGNO, Marcos. Preconceito linguístico: o que é, como se faz. São Paulo: edições Loyola, 1999.

    ×