Síndrome de edwards

4.213 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.213
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
132
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Síndrome de edwards

  1. 1. SÍNDROME DE EDWARDS Prof: Jesse Budin
  2. 2. Síndrome de Edwards O primeiro caso de Síndrome de Edwards ou Trissomia 18 foi descrito por John Edwards no ano de 1960..
  3. 3. A incidência estimada entre 1/3500 a 1/7000 e, tem maior predominância no sexo feminino. Síndrome de Edwards
  4. 4. A probabilidade de sobrevivência é muito baixa, visto que 95% dos embriões portadores de SE resultem em abortos espontâneos durante a gravidez, nascendo apenas 5%. Síndrome de Edwards
  5. 5. Mas, já foram registrados casos raros de adolescentes com 15 anos. Sabe-se que é mais comum no sexo feminino e, como em todas as outras trissomias a idade materna avançada (<40anos). Síndrome de Edwards
  6. 6. As principais características dessa síndrome são: Microcefalia (tamanho da cabeça é menor do que o tamanho típico para a idade); Micrognatia (maxilar inferior anormalmente pequeno); Onfalocelo (malformação congênita da parede abdominal); Atraso de crescimento;
  7. 7. As principais características dessa síndrome são: Boca pequena; Pescoço normalmente muito curto; Pés arqueados; Mãos fortemente fechadas; Estatura baixa; Grande distância intermamilar (mamilos afastados).
  8. 8. Quando algumas das anomalias afetam o movimento, fisioterapia e atividades coordenativas podem ajudar a melhorar a condição física. Síndrome de Edwards
  9. 9. Atividades Físicas São atividades psicomotoras, pois a síndrome atinge e muito a coordenação e a parte cognitiva.

×