Tv na educação

525 visualizações

Publicada em

O uso da televisão na Educação

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Tv na educação

  1. 1. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES DE BACABAL DEPARTAMENTO DE LETRAS CURSO DE LETRAS ANA CARLA LOPES JARDENE CRISTINA LAGO O USO DA TELEVISÃO NA EDUCAÇÃO
  2. 2. Histórico da televisão:  Surgimento: 1935  A televisão no Brasil: 1950
  3. 3. A televisão invadiu as casas das pessoas através de programas de entretenimento, de notícias ou de divulgação, fazendo com que todos os hábitos familiares e sociais se alterassem por completo.
  4. 4. A televisão tem um mercado de milhares de milhões, pois atinge todos os públicos de todas as faixas etárias e extratos sociais. Seja para entreter, para educar ou para divulgar, este instrumento é um dos melhores meios de divulgação, sendo apenas ameaçado no início do séc. XXI pela Internet. Apesar do choque inicial, estes dois serviços conseguem complementar-se através da produção e divulgação de conteúdos.
  5. 5. SISTEMA ELETRÔNICO DE RECEPÇÃO DE IMAGENS E SOM. SOCIALMENTE, É A MAIOR COMPANHIA DE MUITA GENTE.
  6. 6. TELEVISÃO COMO ENTRETENIMENTO Já despertou o amor e o ódio de muitos educadores, psicólogos e sociólogos. É acusada de promover a violência e o consumismo.
  7. 7. Elvira Souza Lima, pesquisadora na área de neurociências aplicada à mídia, de São Paulo, explica que a linguagem que a TV usa, imagens em movimento, coloridas, trabalhadas com cortes e fusões e envolvidas em trilhas sonoras especialmente escolhidas mobiliza o sistema límbico, estrutura do cérebro responsável pelas emoções, o que leva a um estado de atenção concentrada.
  8. 8. LIGUEM A TV: VAMOS ESTUDAR! QUALQUER PROGRAMA DE TELEVISÃO PODE SER USADO NA SALA DE AULA PARA INTRODUZIR OU APROFUNDAR CONTEÚDOS E PARA DISCUTIR VALORES E COMPORTAMENTO "Tudo o que passa na televisão é educativo. Basta o professor fazer a intervenção certa e propiciar momentos de debate e reflexão", garante José Manuel Moran, professor das Faculdades Sumaré, em São Paulo, e pesquisador na área de tecnologias aplicadas à educação.
  9. 9. A TV EMBURRECE? “A televisão é e será aquilo que nós fizermos dela [...] aqui abrange todos os envolvidos no processo: produtores, consumidores, críticos, formadores e etc.” (MACHADO, 2001, p. 15- 16).
  10. 10. Dá para desprezar uma ferramenta pedagógica com essas características?  Desenvolve a imaginação dos jovens; As histórias que ela conta são tema de conversas e debates acalorados entre eles;  E tem mais: os alunos permanecem de olhos grudados nela em tempo igual ou superior ao que ficam na escola.
  11. 11. USAR A TV NA EDUCAÇÃO INFANTIL SEM PROPÓSITO, NÃO DÁ!
  12. 12. A TV deve servir para passar filmes e seriados que não estejam ao alcance da maioria e ser uma ferramenta de aprendizagem.
  13. 13. É muito importante que a escola viva o seu papel de transformadora exigindo que o professor seja alfabetizado midiaticamente.
  14. 14. Alguns pontos podem ser levados em conta:  O filme exibido às crianças é de qualidade?  Qual mediação será feita para que os pontos de interesse sejam bem explorados?  O tempo de exibição para atingir os resultados esperados está apropriado ou exagerado?  Qual o efeito educativo daquela atividade? E seu objetivo?
  15. 15. “O simples acesso à tecnologia, em si não é o aspecto mais importante, mas sim, a criação de novos ambientes de aprendizagem e de novas dinâmicas sociais a partir do uso dessas novas ferramentas”. (MORAES, 1997)
  16. 16. COMO NÃO USAR A TELINHA EM AULA Usar como tapa-buraco quando falta professor ou acontece algum contratempo;  Passar vídeo que não tenha relação com o conteúdo;  Usar o recurso em todas as aulas e esquecer outras dinâmicas: o exagero diminui a eficiência e empobrece as atividades;  Criticar sistematicamente possíveis defeitos de informação ou estéticos: se eles existirem, desafie a turma a encontrá-los e a questioná-los; Assistir à televisão com os alunos sem discussão: qualquer assunto que venha da televisão deve ser integrado com o tema da aula.
  17. 17. EXPECTATIVA DO ALUNO EM RELAÇÃO A TV. “Vídeo significa matar aula" Hora de dormir! Hora de jogar no celular! “A oportunidade de terminar o meu trabalho.”
  18. 18. HISTÓRICO DA TELEVISÃO EDUCATIVA • A história das TVs educativas não está à margem da história da televisão como um todo. Os modelos das TVs foram consequência imediata do surgimento do novo meio de comunicação.
  19. 19. TV EDUCATIVA NO MUNDO  Os pioneiros do uso da televisão para fins educacionais foram os EUA em 1930.  Inicialmente a educação a distância foi utilizada como recurso para a superação de deficiências educacionais, para a qualificação profissional e aperfeiçoamento ou atualização de conhecimentos.
  20. 20. TV EDUCATIVA NO BRASIL No Brasil a primeira emissora educativa a entrar no ar foi a TV Universitária de Pernambuco, em 1967. Desde então até 1974 surgiram nove emissoras educativas, porém sem obedecer nenhum planejamento que decorresse de uma política governamental. Em 1972, o MEC criou o Programa Nacional de Teleducação – PRONTEL, com o objetivo de coordenar as atividades no país.
  21. 21. PROGRAMAS IMPLANTADOS Projeto SACI (Satélite avançado de Comunicações Interdisciplinares); Telecursos.
  22. 22. TELECURSOS Foi uma ideia de Roberto Marinho, que acreditava na televisão como um instrumento para levar educação a um número maior de brasileiros.  Em 1978 estreou o Telecurso 2º grau;  Em 1981, foi criado o Telecurso de 1º grau. As aulas eram assistidas em casa e os fascículos eram vendidos nas bancas. As pessoas podiam concluir o ensino Fundamental e Médio e o diploma era conseguido por meio de provas aplicadas pelo governo.
  23. 23. Em 1995, foi lançado o Telecurso 2000, onde foram criadas as salas de aula, em que o professor (mediador) faz uso de equipamentos como TV, DVD, mapas, livros, dicionários e outros materiais didáticos.
  24. 24. Em 2008, o programa passou por um processo de reciclagem, com isso foi criado o novo Telecurso, com a atualização dos conteúdos disponíveis.
  25. 25. CANAIS QUE EXIBEM O TELECURSO ATUALMENTE: • TV Globo • Canal Futura • TV Cultura • TV Brasil • Entrando no site: http://www.telecurso.org.br/na-tv/, você pode olhar os horários que são oferecidas as aulas em cada canal.
  26. 26. TV Escola Fundada em 1995, com a proposta de proporcionar ao educador conhecimentos para serem utilizados em sala de aula. Programação: Exibe 24 horas diárias de séries e programas educativos, que estão divididos em cinco faixas temáticas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Salto para o Futuro e Escola Aberta; três programas de cursos de língua estrangeira: inglês, espanhol e francês.
  27. 27. TV Cultura Fundada em 1960 pelos Diários Associados e reinaugurada em 15 de junho de 1969 pela Fundação Padre Anchieta, apresenta programas educativos que são transmitidos para todo o Brasil.
  28. 28. “OS VÍDEOS FACILITAM A MOTIVAÇÃO, O INTERESSE POR ASSUNTOS NOVOS, SÃO DINÂMICOS, CONTAM HISTÓRIA E IMPACTAM” José Manoel Moran
  29. 29. REFERÊNCIAS: • NAPOLITANO, Marcos. Como usar a televisão na sala de aula. 2ª ed. São Paulo: Editora Contexto, 2003. • MACHADO, Arlindo . A arte do video . 3.ed . São Paulo: Brasiliense, 1995. 255p. • MORAN, José Manuel et al. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 6. ed. Campinas: Papirus, 2000.
  30. 30. OBRIGADA PELA PRESENÇA

×