SlideShare uma empresa Scribd logo
Desenvolver a Consciência Fonológica
Consciência Fonológica
PROPOSTAS DE ACTIVIDADES
Actividades para verificarmos se a consciência
fonológica está desenvolvida:
 1º ano: Actividade de discriminação auditiva (sons onomatopeicos);
OBJECTIVO: Treinar a discriminação auditiva.
 2º ano: Perceber se, através da supressão de palavras, sílabas e de
reconstrução silábica, os alunos têm as estruturas sonoras da língua
consolidadas.
OBJECTIVO: Treinar a consciência fonológica, silábica e fonémica.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Actividades para 1º ano: Discriminação auditiva
 Apresentação de imagens em suporte papel.
 Contar uma breve história:
 Era uma vez uma abelha e uma cobra que viviam na floresta e que
tinham ido às compras. Todas as compras foram colocadas no mesmo
saco. Quando chegaram a casa tiveram que voltar a separá-las. Todas
as coisas compradas pela abelha tinha o som (onomatopeico) de ss e
compradas pela cobra, o som de z.
 Previamente à apresentação das personagens, foram dramatizados
pelos alunos alguns movimentos e sons relativos a cada animal.
 As “compras” (imagens) são distribuídas pelos alunos.
 Pronunciam a palavra que corresponde à imagem e de seguida
atribuem o som emitido (ao pronunciarem a palavra), ou à cobra ou à
abelha.
 E agora? Como é que elas vão identificar as suas compras?
 Tens que ajudá-las:
 Todas as coisas que têm o som zzz… zzz… zzz pertencem à abelha;
 E todas as coisas que têm o som ss… ss… ss pertencem à cobra.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Vamos ajudá-las?
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Actividades para 1º ano: Discriminação auditiva
 Desenvolver as capacidades de ouvir e discriminar sons
onomatopeicos.
 A actividade pode continuar com a entrega de várias imagens. Os
alunos têm de fazer a correspondência entre estas e os respectivos
animais ou objectos que fazem o mesmo som (ver o quadro da página
37 da brochura).
Imagem Som Gesto
[mmmmmmmmm]
Professora Marisa Costa
Dedo indicador encostado aos
lábios fechados (vaca).
Desenvolver a Consciência Fonológica
Actividade 2º ano:
Consciência Silábica e Fonémica
 Partindo, por exemplo da imagem do Rei do livro “A Fada Palavrinha e
o Gigante das bibliotecas”, os alunos criaram um texto colectivo.
 Escolheu-se uma frase do texto explorando-se:
• Os sons das palavras e das sílabas;
• Divisão silábica;
• Construção de novas palavras, partindo das sílabas apresentadas;
• Das restantes sílabas (onde não se conseguiu formar novas palavras)
os alunos acrescentaram novas sílabas.
A_____ go (amigo)
 Exemplo:
O Rei tinha como seu amigo favorito o livro.
O Rei ti co seu a fa o li
nha mo mi vo vro
go ri
to
Novas sílabas para construção de novas palavras.
A consciência fonológica implica pensar nos sons que compõem as palavras.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Consciência Silábica
• Dividir o nome próprio em pedacinhos;
• Dar palavras em pedacinhos e pedir à criança que a descubra;
• Descobrir o primeiro pedacinho de uma palavra;
• Descobrir, de entre um conjunto de palavras, as que começam como
RRRosa;
• Descobrir, de entre um conjunto de palavras, a intrusa relativamente
ao som inicial.
• Fazer corresponder a cada sílaba uma palma ou um sinal gráfico;
• Contar as sílabas com as batidas das palmas;
• Comparar a extensão das palavras com base na contagem das sílabas;
• Identificar a sílaba pela sua posição:
Primeira/segunda/terceira/última/do meio
NOTA: Estes exercícios podem realizar-se só no domínio da oralidade, com
ou sem imagem, com ou sem apoio escrito
 Juntar sílabas para formar palavras:
O professor pronuncia pausadamente e com pequenos intervalos as sílabas.
Ca + sa Começar com palavras mais
Ca + ne + ta curtas e progredir no sentido
Hi + po + pó + ta + mo da extensão sendo o aluno a dizer
as sequências de sílabas.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Consciência Intrassilábica
 Como ficam as palavras: sapato/palhaço/girafa… ao alterarmos a
posição das sílabas
 Substituir sílabas e descobrir que palavras se formam:
mala/fala/sala…
 Trocar a ordem das sílabas em palavras e descobrir que palavra
surge
 Identificar a sílaba igual em três palavras dadas (Ex:)
• Actor Cantor Pastor
• Fita Rita Chita
• Segredo medo dedo
 Preencher quadrículas de acordo com o número de sílabas das
palavras dadas.
 Como ficam as palavras: sapato/palhaço/girafa… ao alterarmos a
posição das sílabas
 Substituir sílabas e descobrir que palavras se formam:
mala/fala/sala…
 Trocar a ordem das sílabas em palavras e descobrir novas palavras.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Objectivo: Desenvolver a consciência fonológica ao nível do reconhecimento
de sons em diferentes posições silábicas.
Actividade: Os sons escondidos nas palavras
1. Instrução dada às crianças: vamos dar um salto quando ouvirmos o
som p (de seguida, o professor deve exemplificar com uma palavra).
Procedimento: O professor começa a ler o texto apresentado de seguida
até as crianças identificarem a primeira ocorrência do som.
Quando o som é identificado, a leitura é interrompida e as crianças, guiadas
pelo professor, repetem a sílaba e a palavra em que encontram o som.
O professor recomeça a leitura desde o início do texto e só volta a
interromper a leitura quando as crianças identificarem uma nova ocorrência
do som.
O pato correu sem parar e sem olhar até tropeçar. Pobre pato! Partiu a asa,
a pata, a ponta do bico e ficou três dias sem se levantar.
2. Instrução dada às crianças: vamos dar um salto quando ouvirmos o som l .
A Lúcia e a Lurdes levaram a lata de lentilhas que tinham comprado na loja.
A Elisa e a Alice falaram alegremente do acampamento de escuteiros no
Alentejo.
A Elisa e a Elsa compraram mel, leite, flocos de cereais e chocolate na loja
do Manuel Silva e da Florinda Alves.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Objectivo: Treinar a consciência fonológica ao nível de reconhecimento de
ditongos.
Actividade: Saco de rimas
1. Instrução dada às crianças: Vamos encontrar palavras que rimam com
pai.
Procedimento: O professor tira de um saco cartões com palavras que lê de
seguida às crianças. Estas terão de dizer se as palavras rimam com pai.
Exemplo:
Ai rubi saí sai
Aí pá chá caí
(Ai, sai, cai)
2. Vamos encontrar palavras que rimam com carapau.
Calhau chapéu colorau pau pá lá peru pica-pau
bacalhau tabu
Nota: Este exercício é exclusivamente oral
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Descobrir palavras que começam pelo mesmo som que a palavra alvo, que se
encontra dentro do rectângulo.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Objectivo: Compreender que uma sequência de duas vogais na escrita pode
corresponder, na oralidade, a duas vogais (caso em que essas vogais
correspondem ao Núcleo de duas sílabas diferentes) ou a um ditongo, caso
em que os dois sons fazem parte da mesma sílaba.
Actividade: Encontra os ditongos!
1. Instrução dada aos alunos (oralmente): Vamos procurar os ditongos…
Procedimento: O professor dá a instrução aos alunos, apresentando de
seguida um exemplo: escreve no quadro as palavras ai e aí; de seguida, com
batimentos, marca as sílabas de cada uma das palavras e, assim, distingue o
ditongo da sequência de duas vogais. Sublinha apenas as letras a e i em ai.
De seguida, dá por escrito a lista de palavras seguinte e deixa-os trabalhar
individualmente.
rainha papéis pouco vai eu pais país pau
paul
pai depois moinho caracóis panela azeite raíz
saí sai consegui peixe
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Propostas de Actividades
Descobrindo sons e significados…
O que se pode fazer?
 Segmentar a frase em pedaços (palavras);
 Segmentar as palavras em pedacinhos (sílabas). (As palavras
devem ser de estrutura consoante/vogal);
 Distinguir uma das palavras e reflectir sobre o seu significado;
 Construir outras palavras a partir daquela (ex: bicadela-
bacatela; dedinho-pedacinho; ver-ter);
 Descobrir palavras que rimem com... ;
 Descobrir palavras que comecem com/por ... (podem usar-se
palavras novas, ou as que entram na formação das frases);
 Construir frases poéticas rimando com as palavras descobertas;
 Reunir o trabalho de todos (o professor pode escrever) e formar
uma poesia com significado.
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
• Nos 1ºs anos trabalhar a oralidade com jogos de palavras;
• Nos outros anos, fazer exercícios de substituição de letras;
• Trabalhar o significado e o significante (palavras sem significado na
Língua Portuguesa que nos levam a fixar-mo-nos só no som);
• Ex: Tabacaxi paraxi (!) 1 - Ler sem pontuação
Patapão tambão (?) 2 - Ler com diferentes tipos de emoção
Cataché pomtati (.) 3 - Ler com pontuação
Pimpambão catapão (!) 4 - Mudar a pontuação e ler outra vez
Construir com os alunos quadras do tipo e explorar (fazer a recolha dos
trabalhos).
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Área a trabalhar: Sensibilidade Fonológica
Correspondência fonémica entre duas palavras a partir da vogal da
sílaba tónica (Rima).
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Área a trabalhar: Consciência Silábica
• Formar uma palavra completa, partindo de sílabas isoladas
(Reconstrução silábica).
• Dividir palavras nas sílabas que as compõem e identificar o número
de sílabas de uma palavra (Segmentação e contagem silábicas).
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Consciência Silábica
Retirar, acrescentar ou trocar a ordem de sílabas numa palavra, originando
palavras novas (Manipulação silábica).
Produzir palavras a partir de uma determinada sílaba inicial (Evocação
silábica).
Consciência Fonémica
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Formar uma palavra completa, partindo de fonemas isolados (Reconstrução
fonémica).
Produzir palavras a partir de um determinado fonema inicial (Evocação
fonémica).
Dividir palavras nos fonemas que as compõem e identificar o número de
fonemas de uma palavra (Segmentação e contagem fonémicas).
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Consciência Fonémica
Retirar, acrescentar ou trocar a ordem de fonemas numa palavra, originando
palavras novas (Manipulação fonémica).
“(…) Chegou ao quarto, olhou-se ao espelho e viu que estava toda
despenteada: - “Ai, estou tão feia, maldito ramo!!! Vou mas é escovar os
meus CAMELOS que estão tão embaraçados!”.
Oh meninos, CAMELOS embaraçados?? O que é que a princesa queria
dizer?? CABELOS! Muito bem, ela trocou o som “M” pelo som “B” (…)”
“(…) Depois do jantar, atravessando juntos a UVA que não parava de cair,
voltaram ao castelo e a princesa despediu-se do seu amado príncipe.
Oh meninos, UVA a cair do céu?? Então, se pusermos o som “CH” no início da
palavra UVA, como é que fica?? CHUVA, muito bem!! (…)”
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
• A palavra é PINTO. Se trocarmos o fonema “P” pelo fonema “M” no
início da palavra, como é que fica? MINTO.”
• “A palavra é OLHO. Se acrescentarmos o fonema “M” no início da
palavra, como é que fica? MOLHO.
• A palavra é ANÃO. Se tirarmos o fonema “A” do início da palavra,
como é que fica? NÃO.”
Professora Marisa Costa
Desenvolver a Consciência Fonológica
Os professores devem:
• Promover e reforçar positivamente todas as iniciativas de
comunicação;
• Não utilizar uma linguagem simplificada (infantil) na comunicação com
a criança;
• Incentivar o uso da linguagem para diferentes funções: descrever
experiências, fazer perguntas, expressar sentimentos…;
• Incentivar os momentos partilhados de leitura e escrita;
• Fomentar jogos de palavras e de papéis, rimas e lengalengas;
• Propor às crianças que, de entre um conjunto de palavras ditas
oralmente, descubram quais delas têm uma determinada sílaba ou
fonema no início, no meio ou no fim da palavra.
Qualquer momento de interacção é um espaço de desenvolvimento da
consciência fonológica.
Usem a vossa criatividade! E…
Boas práticas na aplicação contínua e sistemática de actividades de
Consciência Fonológica (pelo menos 20 minutos diários!)
Professora Marisa Costa

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sequência didática -_gênero_convite
Sequência didática -_gênero_conviteSequência didática -_gênero_convite
Sequência didática -_gênero_convite
Angela Silva
 
Sequência didática meio ambiente nível i
Sequência didática meio ambiente  nível iSequência didática meio ambiente  nível i
Sequência didática meio ambiente nível i
josivaldopassos
 
Quadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º anoQuadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º ano
Jozi Mares
 
Sequência didática a casinha da vovó
Sequência didática a casinha da vovóSequência didática a casinha da vovó
Sequência didática a casinha da vovó
Andreá Perez Leinat
 
Matemática 1º ano
Matemática 1º anoMatemática 1º ano
Matemática 1º ano
GERALDOGOMESDEBARROS
 
Plano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoPlano de aula 1º ano
Plano de aula 1º ano
Marione Haack
 
Planejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docx
Planejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docxPlanejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docx
Planejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docx
Josenito Silva Santana
 
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoSequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Shirley Lauria
 
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiroComo fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Carilusa Branchi
 
Português 1º ano
Português 1º anoPortuguês 1º ano
Português 1º ano
GERALDOGOMESDEBARROS
 
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Alexsandro Menezes da Silva
 
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAJOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
Fabiana Lopes
 
Avaliação Port 1º ano 2º Bimestre
Avaliação Port 1º ano 2º BimestreAvaliação Port 1º ano 2º Bimestre
Avaliação Port 1º ano 2º Bimestre
Susana Felix
 
Plano aula matematica
Plano aula matematicaPlano aula matematica
Plano aula matematica
ivanetesantos
 
Avaliação ciencias
Avaliação ciencias Avaliação ciencias
Avaliação ciencias
Isa ...
 
Sequência didática o circo
Sequência didática o circoSequência didática o circo
Sequência didática o circo
Luana Maria Ferreira Fernandes
 
Instrumento de avaliação
Instrumento de avaliaçãoInstrumento de avaliação
Instrumento de avaliação
angelafreire
 
Proposta curricular para o 3º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 3º ano do ensino fundamentalProposta curricular para o 3º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 3º ano do ensino fundamental
Rosemary Batista
 
Dicas de jogos para alfabetizar
Dicas de jogos para alfabetizarDicas de jogos para alfabetizar
Dicas de jogos para alfabetizar
AnaPaula1967
 
Maternal plano anual
Maternal plano anualMaternal plano anual
Maternal plano anual
SimoneHelenDrumond
 

Mais procurados (20)

Sequência didática -_gênero_convite
Sequência didática -_gênero_conviteSequência didática -_gênero_convite
Sequência didática -_gênero_convite
 
Sequência didática meio ambiente nível i
Sequência didática meio ambiente  nível iSequência didática meio ambiente  nível i
Sequência didática meio ambiente nível i
 
Quadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º anoQuadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º ano
 
Sequência didática a casinha da vovó
Sequência didática a casinha da vovóSequência didática a casinha da vovó
Sequência didática a casinha da vovó
 
Matemática 1º ano
Matemática 1º anoMatemática 1º ano
Matemática 1º ano
 
Plano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoPlano de aula 1º ano
Plano de aula 1º ano
 
Planejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docx
Planejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docxPlanejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docx
Planejamento ii bimestre do 6º ano a e b.docx
 
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoSequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
 
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiroComo fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
 
Português 1º ano
Português 1º anoPortuguês 1º ano
Português 1º ano
 
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
Hipóteses de Escrita: como fazer a sondagem inicial
 
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAJOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
 
Avaliação Port 1º ano 2º Bimestre
Avaliação Port 1º ano 2º BimestreAvaliação Port 1º ano 2º Bimestre
Avaliação Port 1º ano 2º Bimestre
 
Plano aula matematica
Plano aula matematicaPlano aula matematica
Plano aula matematica
 
Avaliação ciencias
Avaliação ciencias Avaliação ciencias
Avaliação ciencias
 
Sequência didática o circo
Sequência didática o circoSequência didática o circo
Sequência didática o circo
 
Instrumento de avaliação
Instrumento de avaliaçãoInstrumento de avaliação
Instrumento de avaliação
 
Proposta curricular para o 3º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 3º ano do ensino fundamentalProposta curricular para o 3º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 3º ano do ensino fundamental
 
Dicas de jogos para alfabetizar
Dicas de jogos para alfabetizarDicas de jogos para alfabetizar
Dicas de jogos para alfabetizar
 
Maternal plano anual
Maternal plano anualMaternal plano anual
Maternal plano anual
 

Semelhante a Actividades de consciência fonológica

Apres Consciência Fonológica.pptx
Apres Consciência Fonológica.pptxApres Consciência Fonológica.pptx
Apres Consciência Fonológica.pptx
AlcioneCosta12
 
Oficina consciência fonológica (apostila)
Oficina  consciência fonológica (apostila)Oficina  consciência fonológica (apostila)
Oficina consciência fonológica (apostila)
Edeil Reis do Espírito Santo
 
Oficina consciência fonológica (apostila)
Oficina  consciência fonológica (apostila)Oficina  consciência fonológica (apostila)
Oficina consciência fonológica (apostila)
Edeil Reis do Espírito Santo
 
Hipóteses da Psicogêse da Língua Escríta
Hipóteses da Psicogêse da Língua EscrítaHipóteses da Psicogêse da Língua Escríta
Hipóteses da Psicogêse da Língua Escríta
Anne Cunha Silveira
 
Socialização de prática cre orla blog
Socialização de prática   cre orla blogSocialização de prática   cre orla blog
Socialização de prática cre orla blog
Marisa Seara
 
Para PNAIC-Sequencia didática -1
Para PNAIC-Sequencia didática -1Para PNAIC-Sequencia didática -1
Para PNAIC-Sequencia didática -1
Graça Sousa
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
profeannecunha
 
Sequencia didatica baixo_desempenho
Sequencia didatica baixo_desempenhoSequencia didatica baixo_desempenho
Sequencia didatica baixo_desempenho
Dilma Maria Lucena Álvares
 
Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013
Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013
Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013
silviacerqueira1
 
Atividades sequenciadas
Atividades sequenciadas Atividades sequenciadas
Atividades sequenciadas
Vanderlita Gomes B Marquetti
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
moborba
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
moborba
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
moborba
 
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Graça Sousa
 
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Graça Sousa
 
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrandoAtividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Vanderlita Gomes B Marquetti
 
Metodo das-onomatopeias-1
Metodo das-onomatopeias-1Metodo das-onomatopeias-1
Metodo das-onomatopeias-1
SimoneCorreaMiranda
 
Método Fônico Funciona?
Método Fônico Funciona?Método Fônico Funciona?
Método Fônico Funciona?
Leitor Adiantado
 
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
Graça Sousa
 
RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014
RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014
RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014
Claudio Pessoa
 

Semelhante a Actividades de consciência fonológica (20)

Apres Consciência Fonológica.pptx
Apres Consciência Fonológica.pptxApres Consciência Fonológica.pptx
Apres Consciência Fonológica.pptx
 
Oficina consciência fonológica (apostila)
Oficina  consciência fonológica (apostila)Oficina  consciência fonológica (apostila)
Oficina consciência fonológica (apostila)
 
Oficina consciência fonológica (apostila)
Oficina  consciência fonológica (apostila)Oficina  consciência fonológica (apostila)
Oficina consciência fonológica (apostila)
 
Hipóteses da Psicogêse da Língua Escríta
Hipóteses da Psicogêse da Língua EscrítaHipóteses da Psicogêse da Língua Escríta
Hipóteses da Psicogêse da Língua Escríta
 
Socialização de prática cre orla blog
Socialização de prática   cre orla blogSocialização de prática   cre orla blog
Socialização de prática cre orla blog
 
Para PNAIC-Sequencia didática -1
Para PNAIC-Sequencia didática -1Para PNAIC-Sequencia didática -1
Para PNAIC-Sequencia didática -1
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
 
Sequencia didatica baixo_desempenho
Sequencia didatica baixo_desempenhoSequencia didatica baixo_desempenho
Sequencia didatica baixo_desempenho
 
Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013
Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013
Planejamento semanal 29-04 a 03-05-2013
 
Atividades sequenciadas
Atividades sequenciadas Atividades sequenciadas
Atividades sequenciadas
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
 
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
Atividadessequenciadasiencontro2013 130711171714-phpapp02
 
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
 
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
Atividades sequenciadas - 1º encontro 2013
 
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrandoAtividades sequenciadas para alfabetizar letrando
Atividades sequenciadas para alfabetizar letrando
 
Metodo das-onomatopeias-1
Metodo das-onomatopeias-1Metodo das-onomatopeias-1
Metodo das-onomatopeias-1
 
Método Fônico Funciona?
Método Fônico Funciona?Método Fônico Funciona?
Método Fônico Funciona?
 
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
50 Dicas de Jogos para Alfabetizar
 
RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014
RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014
RELATO DE EXPERIÊNCIA DO MUNICÍPIO DE SÃO TOMÉ NO SEMINÁRIO FINAL DO PNAIC 2014
 

Mais de Ana Paula Santos

Vol.2 dislexia exercícios
Vol.2 dislexia exercíciosVol.2 dislexia exercícios
Vol.2 dislexia exercícios
Ana Paula Santos
 
Horas cartazes
Horas cartazesHoras cartazes
Horas cartazes
Ana Paula Santos
 
Exercícios para desenvolver a consciência fonológica
Exercícios para desenvolver a consciência fonológicaExercícios para desenvolver a consciência fonológica
Exercícios para desenvolver a consciência fonológica
Ana Paula Santos
 
Transição para a vida Pós Escolar
Transição para a vida Pós EscolarTransição para a vida Pós Escolar
Transição para a vida Pós Escolar
Ana Paula Santos
 
Guias de Déficit de Atenção
Guias de Déficit de AtençãoGuias de Déficit de Atenção
Guias de Déficit de Atenção
Ana Paula Santos
 
Memoria Visual - Os frutos
Memoria Visual - Os frutosMemoria Visual - Os frutos
Memoria Visual - Os frutos
Ana Paula Santos
 
Ficheiro de leitura funcional
Ficheiro de leitura funcional Ficheiro de leitura funcional
Ficheiro de leitura funcional
Ana Paula Santos
 
Correspondência profissões
Correspondência profissões Correspondência profissões
Correspondência profissões
Ana Paula Santos
 
Dia do Pai-Imagems e poemas
Dia do Pai-Imagems e poemasDia do Pai-Imagems e poemas
Dia do Pai-Imagems e poemas
Ana Paula Santos
 
Livrinho para o pai
Livrinho para o paiLivrinho para o pai
Livrinho para o pai
Ana Paula Santos
 
Brochura ensino escrita-dimensao_textual
Brochura ensino escrita-dimensao_textualBrochura ensino escrita-dimensao_textual
Brochura ensino escrita-dimensao_textual
Ana Paula Santos
 
Livro O coelhinho que não era da Páscoa
Livro O coelhinho que não era  da Páscoa Livro O coelhinho que não era  da Páscoa
Livro O coelhinho que não era da Páscoa
Ana Paula Santos
 
Fichas-de-ortografia-4-ano
 Fichas-de-ortografia-4-ano Fichas-de-ortografia-4-ano
Fichas-de-ortografia-4-ano
Ana Paula Santos
 
Checklist de avaliação da consciência linguística
Checklist de avaliação da consciência linguísticaChecklist de avaliação da consciência linguística
Checklist de avaliação da consciência linguística
Ana Paula Santos
 
20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah
20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah
20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah
Ana Paula Santos
 
Associação lógica
Associação lógica Associação lógica
Associação lógica
Ana Paula Santos
 
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2
Ana Paula Santos
 
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1
Ana Paula Santos
 
Texto " A amizade"
Texto " A amizade"Texto " A amizade"
Texto " A amizade"
Ana Paula Santos
 
Palabras que-me-descrevem
Palabras que-me-descrevemPalabras que-me-descrevem
Palabras que-me-descrevem
Ana Paula Santos
 

Mais de Ana Paula Santos (20)

Vol.2 dislexia exercícios
Vol.2 dislexia exercíciosVol.2 dislexia exercícios
Vol.2 dislexia exercícios
 
Horas cartazes
Horas cartazesHoras cartazes
Horas cartazes
 
Exercícios para desenvolver a consciência fonológica
Exercícios para desenvolver a consciência fonológicaExercícios para desenvolver a consciência fonológica
Exercícios para desenvolver a consciência fonológica
 
Transição para a vida Pós Escolar
Transição para a vida Pós EscolarTransição para a vida Pós Escolar
Transição para a vida Pós Escolar
 
Guias de Déficit de Atenção
Guias de Déficit de AtençãoGuias de Déficit de Atenção
Guias de Déficit de Atenção
 
Memoria Visual - Os frutos
Memoria Visual - Os frutosMemoria Visual - Os frutos
Memoria Visual - Os frutos
 
Ficheiro de leitura funcional
Ficheiro de leitura funcional Ficheiro de leitura funcional
Ficheiro de leitura funcional
 
Correspondência profissões
Correspondência profissões Correspondência profissões
Correspondência profissões
 
Dia do Pai-Imagems e poemas
Dia do Pai-Imagems e poemasDia do Pai-Imagems e poemas
Dia do Pai-Imagems e poemas
 
Livrinho para o pai
Livrinho para o paiLivrinho para o pai
Livrinho para o pai
 
Brochura ensino escrita-dimensao_textual
Brochura ensino escrita-dimensao_textualBrochura ensino escrita-dimensao_textual
Brochura ensino escrita-dimensao_textual
 
Livro O coelhinho que não era da Páscoa
Livro O coelhinho que não era  da Páscoa Livro O coelhinho que não era  da Páscoa
Livro O coelhinho que não era da Páscoa
 
Fichas-de-ortografia-4-ano
 Fichas-de-ortografia-4-ano Fichas-de-ortografia-4-ano
Fichas-de-ortografia-4-ano
 
Checklist de avaliação da consciência linguística
Checklist de avaliação da consciência linguísticaChecklist de avaliação da consciência linguística
Checklist de avaliação da consciência linguística
 
20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah
20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah
20 estratégias escolares para crianças com déficit de atenção ou tdah
 
Associação lógica
Associação lógica Associação lógica
Associação lógica
 
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 2
 
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1
Percepção Discriminação- Aprendizagem da Leitura e Escrita 1
 
Texto " A amizade"
Texto " A amizade"Texto " A amizade"
Texto " A amizade"
 
Palabras que-me-descrevem
Palabras que-me-descrevemPalabras que-me-descrevem
Palabras que-me-descrevem
 

Último

Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 

Actividades de consciência fonológica

  • 1. Desenvolver a Consciência Fonológica Consciência Fonológica PROPOSTAS DE ACTIVIDADES Actividades para verificarmos se a consciência fonológica está desenvolvida:  1º ano: Actividade de discriminação auditiva (sons onomatopeicos); OBJECTIVO: Treinar a discriminação auditiva.  2º ano: Perceber se, através da supressão de palavras, sílabas e de reconstrução silábica, os alunos têm as estruturas sonoras da língua consolidadas. OBJECTIVO: Treinar a consciência fonológica, silábica e fonémica. Professora Marisa Costa
  • 2. Desenvolver a Consciência Fonológica Actividades para 1º ano: Discriminação auditiva  Apresentação de imagens em suporte papel.  Contar uma breve história:  Era uma vez uma abelha e uma cobra que viviam na floresta e que tinham ido às compras. Todas as compras foram colocadas no mesmo saco. Quando chegaram a casa tiveram que voltar a separá-las. Todas as coisas compradas pela abelha tinha o som (onomatopeico) de ss e compradas pela cobra, o som de z.  Previamente à apresentação das personagens, foram dramatizados pelos alunos alguns movimentos e sons relativos a cada animal.  As “compras” (imagens) são distribuídas pelos alunos.  Pronunciam a palavra que corresponde à imagem e de seguida atribuem o som emitido (ao pronunciarem a palavra), ou à cobra ou à abelha.  E agora? Como é que elas vão identificar as suas compras?  Tens que ajudá-las:  Todas as coisas que têm o som zzz… zzz… zzz pertencem à abelha;  E todas as coisas que têm o som ss… ss… ss pertencem à cobra. Professora Marisa Costa
  • 3. Desenvolver a Consciência Fonológica Professora Marisa Costa
  • 4. Desenvolver a Consciência Fonológica Vamos ajudá-las? Professora Marisa Costa
  • 5. Desenvolver a Consciência Fonológica Actividades para 1º ano: Discriminação auditiva  Desenvolver as capacidades de ouvir e discriminar sons onomatopeicos.  A actividade pode continuar com a entrega de várias imagens. Os alunos têm de fazer a correspondência entre estas e os respectivos animais ou objectos que fazem o mesmo som (ver o quadro da página 37 da brochura). Imagem Som Gesto [mmmmmmmmm] Professora Marisa Costa Dedo indicador encostado aos lábios fechados (vaca).
  • 6. Desenvolver a Consciência Fonológica Actividade 2º ano: Consciência Silábica e Fonémica  Partindo, por exemplo da imagem do Rei do livro “A Fada Palavrinha e o Gigante das bibliotecas”, os alunos criaram um texto colectivo.  Escolheu-se uma frase do texto explorando-se: • Os sons das palavras e das sílabas; • Divisão silábica; • Construção de novas palavras, partindo das sílabas apresentadas; • Das restantes sílabas (onde não se conseguiu formar novas palavras) os alunos acrescentaram novas sílabas. A_____ go (amigo)  Exemplo: O Rei tinha como seu amigo favorito o livro. O Rei ti co seu a fa o li nha mo mi vo vro go ri to Novas sílabas para construção de novas palavras. A consciência fonológica implica pensar nos sons que compõem as palavras. Professora Marisa Costa
  • 7. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Consciência Silábica • Dividir o nome próprio em pedacinhos; • Dar palavras em pedacinhos e pedir à criança que a descubra; • Descobrir o primeiro pedacinho de uma palavra; • Descobrir, de entre um conjunto de palavras, as que começam como RRRosa; • Descobrir, de entre um conjunto de palavras, a intrusa relativamente ao som inicial. • Fazer corresponder a cada sílaba uma palma ou um sinal gráfico; • Contar as sílabas com as batidas das palmas; • Comparar a extensão das palavras com base na contagem das sílabas; • Identificar a sílaba pela sua posição: Primeira/segunda/terceira/última/do meio NOTA: Estes exercícios podem realizar-se só no domínio da oralidade, com ou sem imagem, com ou sem apoio escrito  Juntar sílabas para formar palavras: O professor pronuncia pausadamente e com pequenos intervalos as sílabas. Ca + sa Começar com palavras mais Ca + ne + ta curtas e progredir no sentido Hi + po + pó + ta + mo da extensão sendo o aluno a dizer as sequências de sílabas. Professora Marisa Costa
  • 8. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Consciência Intrassilábica  Como ficam as palavras: sapato/palhaço/girafa… ao alterarmos a posição das sílabas  Substituir sílabas e descobrir que palavras se formam: mala/fala/sala…  Trocar a ordem das sílabas em palavras e descobrir que palavra surge  Identificar a sílaba igual em três palavras dadas (Ex:) • Actor Cantor Pastor • Fita Rita Chita • Segredo medo dedo  Preencher quadrículas de acordo com o número de sílabas das palavras dadas.  Como ficam as palavras: sapato/palhaço/girafa… ao alterarmos a posição das sílabas  Substituir sílabas e descobrir que palavras se formam: mala/fala/sala…  Trocar a ordem das sílabas em palavras e descobrir novas palavras. Professora Marisa Costa
  • 9. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Objectivo: Desenvolver a consciência fonológica ao nível do reconhecimento de sons em diferentes posições silábicas. Actividade: Os sons escondidos nas palavras 1. Instrução dada às crianças: vamos dar um salto quando ouvirmos o som p (de seguida, o professor deve exemplificar com uma palavra). Procedimento: O professor começa a ler o texto apresentado de seguida até as crianças identificarem a primeira ocorrência do som. Quando o som é identificado, a leitura é interrompida e as crianças, guiadas pelo professor, repetem a sílaba e a palavra em que encontram o som. O professor recomeça a leitura desde o início do texto e só volta a interromper a leitura quando as crianças identificarem uma nova ocorrência do som. O pato correu sem parar e sem olhar até tropeçar. Pobre pato! Partiu a asa, a pata, a ponta do bico e ficou três dias sem se levantar. 2. Instrução dada às crianças: vamos dar um salto quando ouvirmos o som l . A Lúcia e a Lurdes levaram a lata de lentilhas que tinham comprado na loja. A Elisa e a Alice falaram alegremente do acampamento de escuteiros no Alentejo. A Elisa e a Elsa compraram mel, leite, flocos de cereais e chocolate na loja do Manuel Silva e da Florinda Alves. Professora Marisa Costa
  • 10. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Objectivo: Treinar a consciência fonológica ao nível de reconhecimento de ditongos. Actividade: Saco de rimas 1. Instrução dada às crianças: Vamos encontrar palavras que rimam com pai. Procedimento: O professor tira de um saco cartões com palavras que lê de seguida às crianças. Estas terão de dizer se as palavras rimam com pai. Exemplo: Ai rubi saí sai Aí pá chá caí (Ai, sai, cai) 2. Vamos encontrar palavras que rimam com carapau. Calhau chapéu colorau pau pá lá peru pica-pau bacalhau tabu Nota: Este exercício é exclusivamente oral Professora Marisa Costa
  • 11. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Descobrir palavras que começam pelo mesmo som que a palavra alvo, que se encontra dentro do rectângulo. Professora Marisa Costa
  • 12. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Objectivo: Compreender que uma sequência de duas vogais na escrita pode corresponder, na oralidade, a duas vogais (caso em que essas vogais correspondem ao Núcleo de duas sílabas diferentes) ou a um ditongo, caso em que os dois sons fazem parte da mesma sílaba. Actividade: Encontra os ditongos! 1. Instrução dada aos alunos (oralmente): Vamos procurar os ditongos… Procedimento: O professor dá a instrução aos alunos, apresentando de seguida um exemplo: escreve no quadro as palavras ai e aí; de seguida, com batimentos, marca as sílabas de cada uma das palavras e, assim, distingue o ditongo da sequência de duas vogais. Sublinha apenas as letras a e i em ai. De seguida, dá por escrito a lista de palavras seguinte e deixa-os trabalhar individualmente. rainha papéis pouco vai eu pais país pau paul pai depois moinho caracóis panela azeite raíz saí sai consegui peixe Professora Marisa Costa
  • 13. Desenvolver a Consciência Fonológica Propostas de Actividades Descobrindo sons e significados… O que se pode fazer?  Segmentar a frase em pedaços (palavras);  Segmentar as palavras em pedacinhos (sílabas). (As palavras devem ser de estrutura consoante/vogal);  Distinguir uma das palavras e reflectir sobre o seu significado;  Construir outras palavras a partir daquela (ex: bicadela- bacatela; dedinho-pedacinho; ver-ter);  Descobrir palavras que rimem com... ;  Descobrir palavras que comecem com/por ... (podem usar-se palavras novas, ou as que entram na formação das frases);  Construir frases poéticas rimando com as palavras descobertas;  Reunir o trabalho de todos (o professor pode escrever) e formar uma poesia com significado. Professora Marisa Costa
  • 14. Desenvolver a Consciência Fonológica • Nos 1ºs anos trabalhar a oralidade com jogos de palavras; • Nos outros anos, fazer exercícios de substituição de letras; • Trabalhar o significado e o significante (palavras sem significado na Língua Portuguesa que nos levam a fixar-mo-nos só no som); • Ex: Tabacaxi paraxi (!) 1 - Ler sem pontuação Patapão tambão (?) 2 - Ler com diferentes tipos de emoção Cataché pomtati (.) 3 - Ler com pontuação Pimpambão catapão (!) 4 - Mudar a pontuação e ler outra vez Construir com os alunos quadras do tipo e explorar (fazer a recolha dos trabalhos). Professora Marisa Costa
  • 15. Desenvolver a Consciência Fonológica Área a trabalhar: Sensibilidade Fonológica Correspondência fonémica entre duas palavras a partir da vogal da sílaba tónica (Rima). Professora Marisa Costa
  • 16. Desenvolver a Consciência Fonológica Área a trabalhar: Consciência Silábica • Formar uma palavra completa, partindo de sílabas isoladas (Reconstrução silábica). • Dividir palavras nas sílabas que as compõem e identificar o número de sílabas de uma palavra (Segmentação e contagem silábicas). Professora Marisa Costa
  • 17. Desenvolver a Consciência Fonológica Consciência Silábica Retirar, acrescentar ou trocar a ordem de sílabas numa palavra, originando palavras novas (Manipulação silábica). Produzir palavras a partir de uma determinada sílaba inicial (Evocação silábica). Consciência Fonémica Professora Marisa Costa
  • 18. Desenvolver a Consciência Fonológica Formar uma palavra completa, partindo de fonemas isolados (Reconstrução fonémica). Produzir palavras a partir de um determinado fonema inicial (Evocação fonémica). Dividir palavras nos fonemas que as compõem e identificar o número de fonemas de uma palavra (Segmentação e contagem fonémicas). Professora Marisa Costa
  • 19. Desenvolver a Consciência Fonológica Consciência Fonémica Retirar, acrescentar ou trocar a ordem de fonemas numa palavra, originando palavras novas (Manipulação fonémica). “(…) Chegou ao quarto, olhou-se ao espelho e viu que estava toda despenteada: - “Ai, estou tão feia, maldito ramo!!! Vou mas é escovar os meus CAMELOS que estão tão embaraçados!”. Oh meninos, CAMELOS embaraçados?? O que é que a princesa queria dizer?? CABELOS! Muito bem, ela trocou o som “M” pelo som “B” (…)” “(…) Depois do jantar, atravessando juntos a UVA que não parava de cair, voltaram ao castelo e a princesa despediu-se do seu amado príncipe. Oh meninos, UVA a cair do céu?? Então, se pusermos o som “CH” no início da palavra UVA, como é que fica?? CHUVA, muito bem!! (…)” Professora Marisa Costa
  • 20. Desenvolver a Consciência Fonológica • A palavra é PINTO. Se trocarmos o fonema “P” pelo fonema “M” no início da palavra, como é que fica? MINTO.” • “A palavra é OLHO. Se acrescentarmos o fonema “M” no início da palavra, como é que fica? MOLHO. • A palavra é ANÃO. Se tirarmos o fonema “A” do início da palavra, como é que fica? NÃO.” Professora Marisa Costa
  • 21. Desenvolver a Consciência Fonológica Os professores devem: • Promover e reforçar positivamente todas as iniciativas de comunicação; • Não utilizar uma linguagem simplificada (infantil) na comunicação com a criança; • Incentivar o uso da linguagem para diferentes funções: descrever experiências, fazer perguntas, expressar sentimentos…; • Incentivar os momentos partilhados de leitura e escrita; • Fomentar jogos de palavras e de papéis, rimas e lengalengas; • Propor às crianças que, de entre um conjunto de palavras ditas oralmente, descubram quais delas têm uma determinada sílaba ou fonema no início, no meio ou no fim da palavra. Qualquer momento de interacção é um espaço de desenvolvimento da consciência fonológica. Usem a vossa criatividade! E… Boas práticas na aplicação contínua e sistemática de actividades de Consciência Fonológica (pelo menos 20 minutos diários!) Professora Marisa Costa