Renascimento e Epopeia

15.577 visualizações

Publicada em

Sistematização do contexto literário d'Os Lusíadas de Camões.

Publicada em: Educação
0 comentários
15 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.577
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4.478
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
15
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Renascimento e Epopeia

  1. 1. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Introdução Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Camões, n’Os Lusíadas e Fernando Pessoa, na Mensagem , cantam, em perspectivas diferentes, Portugal e a sua história , realçando a expansão marítima e o alargamento da fé .
  2. 2. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Introdução Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 MENSAGEM Retrata Portugal em declínio e a necessitar de uma nova força anímica Os LUSÍADAS Celebra a acção grandiosa e heróica dos Portugueses e pressente a decadência do império 1572 - Renascimento 1934 - Modernismo
  3. 3. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Introdução Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Breve visão diacrónica da literatura portuguesa Literatura Medieval (Séc. XII a XV) 1º Período: dos Trovadores 2º Período: dos poetas Palacianos e Cronistas Literatura Clássica (Séc. XVI a XVIII) 1º Período: Renascimento . Humanismo. Classicismo - CAMÕES 2º Período: Barroco – P. António Vieira 3º Período: Neoclassicismo Literatura Moderna (Séc. XIX) 1º Período: Romantismo – Almeida Garrett 2º Período: Do realismo ao Simbolismo – Antero de Quental / Eça de Queirós / Cesário Verde… 3º Período: Modernismo - FERNANDO PESSOA , Mário de Sá-Carneiro, Almada Negreiros… Literatura Contemporânea (Séc. XX e XXI) Neo-Realismo – Eugénio de Andrade, Manuel Alegre, Sophia de Mello Breyner… Surrealismo – Alexandre O’Neill… Experimentalismo e poesia de 61 – Almeida Faria Concentrismo – António Ramos Rosa Existencialismo – Vergílio Ferreira ( A Aparição ) Realismo Histórico - Agustina Bessa Luís, JOSÉ SARAMAGO, LUÍS STAUTT MONTEIRO… Fonte usada e a consultar: http://www.portaldaliteratura.com/literatura.php
  4. 4. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Renascimento: Tempo e Arte de mudança . Movimento cultural que surgiu em Itália, no século XV, prolongando-se até ao século XVII, e que teve o seu apogeu entre 1495 e 1520. . Resultante de um conjunto de transformações sociais, culturais económicas, o este movimento surge em oposição à escolástica medieval, procurando uma nova maneira de olhar e estudar o mundo natural. . Em termos artísticos, o renascimento caracteriza-se por uma forte tendência naturalista . Os novos conhecimentos da anatomia, da fisiologia e da geometria são prontamente incorporados, possibilitando, por exemplo, a representação do volume no plano. . Caracterizado pela retoma dos valores da cultura greco-romana , visa a aceitação das formas artísticas greco-latinas e a assimilação do espírito que as anima - “Imitar os Clássicos, imitar a Natureza”: - procura-se a pureza formal , equilíbrio e o rigor / a mitologia passou a ser usado como tema, a par das cenas bíblicas, realçando-se a humanização das figuras / o retrato, normalmente enquadrado na natureza, e o nu são temas recorrentes.
  5. 5. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 "O homem é a medida de todas as coisas” Protágoras Humanismo : o entendimento do mundo passava a ser feito a partir da importância do ser humano, o trabalho, as guerras, as transformações, os amores, as contradições humanas tornaram-se objectos de preocupação, compreendidos como produto da acção do homem. Racionalismo - Experimentalismo : a convicção de que tudo pode ser explicado pela razão do homem e pela ciência, a recusa em acreditar em qualquer coisa que não tenha sido provada. Individualismo: emergência da burguesia e de novas relações de trabalho. A ideia de que cada um é responsável pela condução de sua vida, a possibilidade de fazer opções e de manifestar-se sobre diversos assuntos, tomando decisões. Hedonismo: visão do prazer e da felicidade como bens supremos. Heliocentrismo : Copérnico nega o centrismo da Terra. Expansionismo : movimento de expansão marítima que teve como ponto alto os Descobrimentos portugueses .
  6. 6. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Humanização das figuras / Perspectiva, luz e harmonia / Ideal de beleza / Simetria Danae , Antonio Allegri Madona no prado, Rafael O Nascimento de Vénus , Sandro Botticelli O homem vitruviano, Leonardo Da Vinci David, Michelangelo
  7. 7. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Portugal - estilo manuelino … entre o renascentista e o gótico…
  8. 8. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Visita pelo Museu Nacional de Arte Antiga - Percurso do Renascimento A virgem, o menino e os anjos , Alberti As tentações de Santo Antão , Jerónimo Bosch Paineis de São Vicente, Nuno Gonçalvez
  9. 9. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 O Renascimento em Portugal – A epopeia do valor português Garcia de Resende – Cancioneiro Geral (1516) Sá de Miranda – dolce stil nuovo (1526) Redescoberta da Poética de Aristóteles, uma obra que hierarquiza os géneros literários, considerando a epopeia e a tragédia , os géneros mais nobres . António Ferreira – A Tragédia Castro Luís de Camões – Os Lusíadas CONDIÇÕES : . As viagens marítimas /heroísmo dos navegadores Interesse nacional e universal (cf. texto de apoio: Manual Interacções 12ºano, p.101)
  10. 10. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Protagonista(s) Alta estirpe social Valor moral Estilo solene e grandioso Verso decassilábico Unidade de Acção Narração in medias res Intervenção do poeta Considerações Maravilhoso Episódios Extensão / enriquecem Acção Grandiosa e solene expressão do heroísmo EPOPEIA Narrativa em verso Virgílio / Homero
  11. 11. | Português – 12º ano | Os Lusíadas, de Camões e a Mensagem, de Fernando Pessoa | Renascimento Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra 20092010 Fontes Bibliográficas usadas e leituras recomendadas: http://www.notapositiva.com/trab_estudantes/trab_estudantes/portugues/portugues_trabalhos/lusiadasmensagem.htm http://oslusiadas.no.sapo.pt/indice.html http://faroldasletras.no.sapo.pt/indice_mensagem_pessoa.htm http://faroldasletras.no.sapo.pt/mensagem_textos_teoricos.htm http://www.exames.org/apontamentos/uploads/portugues-mensagem.doc http://www.prof2000.pt/users/hjco/mensagem/Pg000006.htm http://www.prof2000.pt/users/jsafonso/Port/Mensagem.htm http://www.mnarteantiga-ipmuseus.pt/ http://www.vertentes.na-internet.com/ Jacinto, Conceição e LANÇA, Gabriela, Análise das obras Os Lusíadas , Luis de Camões e Mensagem , Fernando Pessoa , Colecção estudar Português, Porto Editora, s/d. MOREIRA, Vasco e PIMENTA, Hilário, Preparação para o Exame nacional 2009, Português 12ºano , Porto Editora, 2009. AZÓIA, Fátima e SANTOS, Fátima, Manual Interacções 12ºano, Texto Editores, 2005: pp. 150-153 / pp.101;163. (Leitura obrigatória)

×