3º - Sintaxe visual

7.101 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
9 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.101
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
362
Comentários
0
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3º - Sintaxe visual

  1. 1. + Sintaxe Visual Alfabetismo Visual
  2. 2. + Composição n  O processo de composição é o passo mais crucial na solução dos problemas visuais; n  Os resultados das decisões compositivas determinam o objetivo e o significado da manifestação visual; n  Implica fortemente no que é recebido pelo espectador.
  3. 3. + Composição n  É nessa etapa que o comunicador visual exerce o mais forte controle sobre seu trabalho e tem a maior oportunidade de expressar o estado de espírito que a obra se destina a transmitir.
  4. 4. + Sintaxe Visual n  Não há regras absolutas: o que existe é um alto grau de compreensão do que vai acontecer em termos de significado, se fizermos determinadas ordenações das partes que nos permitam organizar e orquestrar os meios visuais.
  5. 5. + Sintaxe Visual n  Na criação de mensagens visuais, o significado não se encontra apenas nos efeitos cumulativos da disposição dos elementos básicos, mas também no mecanismo perceptivo universalmente compartilhado pelo organismo humano.
  6. 6. + Sintaxe Visual n  Criamos um design a partir de inúmeras cores e formas, texturas, tons e proporções relativas; relacionamos interativamente esses elementos; temos em vista um significado; n  O resultado é a composição, a intenção do artista, do fotógrafo ou do designer; n  Input.
  7. 7. + Sintaxe Visual n  Ver é outro passo distinto da comunicação visual; n  É o processo de absorver informação no interior do sistema nervoso através da visão; n  Esse processo e essa capacidade são compartilhados por todas as pessoas.
  8. 8. + Sintaxe Visual n  O resultado final é a verdadeira manifestação do artista; n  O significado depende da resposta do espectador, que também a modifica e interpreta através da rede de seus critérios subjetivos; n  Um só fator é moeda corrente entre o artista e o público: n  O aparato sensorial através do qual vemos.
  9. 9. + Equilíbrio n  É a referência visual mais forte e firme do homem, sua base consciente e inconsciente para fazer avaliações visuais; n  O constructo horizontal-vertical constitui a relação básica do homem com seu meio ambiente; n  É tão fundamental na natureza quanto no homem; n  É o estado oposto ao colapso
  10. 10. + Equilíbrio: Eixo sentido Eixo vertical Eixo horizontal
  11. 11. +
  12. 12. + Tensão
  13. 13. + Tensão n  Fator de desorientação; n  É o meio visual mais eficaz para criar um efeito em resposta ao objetivo da mensagem.
  14. 14. + Tensão Repouso Tensão
  15. 15. + Tensão
  16. 16. + Tensão n  Seu valor está no modo como reforça o significado, o propósito e a intenção; n  Como pode ser usado como base para a interpretação e a compreensão; n  A tensão, ou sua ausência, é o primeiro fator compositivo que pode ser usado sintaticamente na busca do alfabetismo visual; n  O olho busca o eixo sentido em qualquer fato visual, num processo interminável de estabelecimento do equilíbrio relativo.
  17. 17. +
  18. 18. + Nivelamento e Aguçamento n  Previsível vs. Surpresa.
  19. 19. + Nivelamento e Aguçamento
  20. 20. + Nivelamento e Aguçamento n  Há um terceiro estado da composição visual que não é nem o nivelado nem o aguçado; n  O olho precisa esforçar-se por analisar os componentes no que diz respeito a seu equilíbrio; n  A esse estado dá-se o nome de ambiguidade.
  21. 21. + Nivelamento e Aguçamento n  Ambiguidade.
  22. 22. + Nivelamento e Aguçamento n  A ambiguidade visual: n  Obscurece não apenas a intenção compositiva, mas também o significado; n  É totalmente indesejável; n  Frustra e confunde; n  Em termos ideais, as formas visuais não devem ser propositalmente obscuras; n  Devem harmonizar ou contrastar, atrair ou repelir, estabelecer relação ou entrar em conflito.
  23. 23. + Preferência pelo ângulo inferior esquerdo n  O olho favorece a zona inferior esquerda de qualquer campo visual. Padrão Primário
  24. 24. + Preferência pelo ângulo inferior esquerdo Padrão Secundário
  25. 25. + Preferência pelo ângulo inferior esquerdo n  Influenciado pelo modo ocidental de imprimir e pelo forte condicionamento decorrente do fato de aprendermos a ler da esquerda para a direita.
  26. 26. + Composição nivelada Composição visual de tensão máxima
  27. 27. + Preferência pelo ângulo inferior esquerdo
  28. 28. +
  29. 29. +
  30. 30. +
  31. 31. +
  32. 32. +
  33. 33. + Atração e Agrupamento Os dois pontos disputam a atenção em sua interação, criando manifestações comparativamente individuais devido à distância que os separa, e, em decorrência disso, dando a impressão de se repelirem mutuamente.
  34. 34. + Atração e Agrupamento Há uma interação imediata e mais intensa. Os pontos se harmonizam e, portanto, se atraem. Quanto maior for sua proximidade, maior será sua atração.
  35. 35. +
  36. 36. +
  37. 37. +
  38. 38. + Positivo e Negativo
  39. 39. + Positivo e Negativo O que domina o olhona experiência visual seria visto como elemento positivo, e como elemento negativoconsideraríamos tudo aquilo que seapresenta de maneira mais passiva.
  40. 40. + Positivo e Negativo
  41. 41. +
  42. 42. +
  43. 43. + Exercícios n  Em relação às imagens apresentadas: 1.  Faça uma lista, avaliando sua funcionalidade, sua beleza estética, sua simbologia, seu valor comunicativo (o que ele faz para expandir o conhecimento do leitor sobre si mesmo, seu meio ambiente, o mundo, o passado e o presente) e seu valor decorativo ou de entretenimento. 2.  Escreva o que você lhe aplicaria em termos da mensagem literal da imagem. 3.  Escreva um parágrafo que descreva completamente o efeito da pintura e o que poderia ser usado em substituição à mesma. 4.  Analise-os do ponto de vista da disposição compositiva básica.
  44. 44. +
  45. 45. Liberdade guiando o povo (Delacroix) +
  46. 46. A dama de Shallot (John William Waterhouse) +

×