DIRETRIZES DE POLÍTICAS PARA A APRENDIZAGEM MÓVEL

112 visualizações

Publicada em

As diretrizes foram desenvolvidas em consulta com especialistas em mais de 20 países, tendo ampla aplicação e podendo se ajustar a um vasto leque de instituições, incluindo pré-escolas, escolas fundamentais e médias, universidades, centros comunitários, e escolas técnicas e vocacionais.
Aqui apresento parte das diretrizes exibidos em arquivo de power point, produzido na aula de Informática Aplicada na Educação Infantil para podemos entender melhor as diretrizes, e permitir que vocês leitores conheçam as diretrizes. Este arquivo foi produzido por meu grupo: Edilene Lima, Natalie Jenifer e Suelen Dias

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
112
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

DIRETRIZES DE POLÍTICAS PARA A APRENDIZAGEM MÓVEL

  1. 1. Páginas 20 à 34 Edilene Lima Natalie Jenifer Suelen Dias
  2. 2. Hoje, com os aparelhos móveis é possível transferir a aprendizagem para diversos ambientes, que aumentam a compreensão do individuo. Por muito tempo considerou-se a educação formal aquela que consistia às quatro paredes da uma sala de aula. Apoiar a aprendizagem fora da sala de aula Os pioneiros dos aplicativos móveis desenvolveram modelos a fim de facilitar a aprendizagem em diversas disciplinas, como história e química.
  3. 3. Existem hoje vários aplicativos que proporcionam aos usuários passeios virtuais por cidades, indicando pontos arquitetônicos e fornecendo informações sobre seu projeto, sua construção e seu significado. Como exemplo: Os softwares que são disponíveis em tablets, ajudam estudantes de engenharia a “ver” a localização de apoios estruturais no interior de determinadas pontes, quando observadas de diferentes ângulos.
  4. 4. O acesso em nuvem, como computação e o arquivamento, simplificam a educação, fornecendo experiências de aprendizagem contínuas e atualizadas. Isso independentemente do aparelho usado para acessar tais conteúdos. Com estes recursos armazenados em servidores remotos, os estudantes tem acesso a materiais em uma ampla variedade de aparelhos (incluindo computadores de mesa, laptops, tablets e telefones celulares). Potencializar a aprendizagem sem solução de continuidade
  5. 5. Vantagens do computador fixo: Melhor para escrever documentos e realizar pesquisas extensas na internet. Vantagens do aparelho móvel: Pode melhor servir para dar entrada à coleta de informações fragmentadas e para anotar ideias exploratórias.
  6. 6. Existem softwares que sincronizam o trabalho em diferentes aparelhos, permitindo que um estudante possa continuar a desenvolver, em um aparelho móvel, um trabalho que começou em um computador fixo, e vice-versa. Garantindo assim a experiência de aprendizagem. Com o processo em "nuvem", hoje o aluno precisa apenas de uma conexão com a internet.
  7. 7. Os aparelhos móveis facilitam a aprendizagem, ao superar os limites entre a aprendizagem formal e a não formal. Com um aparelho móvel, qualquer estudante pode acessar facilmente materiais suplementares, com o intuito de esclarecer ideias introduzidas por um mediador na sala de aula. Criar uma ponte entre a aprendizagem formal e a não formal Como exemplo: Os aplicativos usados na aprendizagem de idiomas, permitem por meio de alto-falantes e microfones embutidos nos telefones celulares que falem e ouvem os alunos. Antes isso ocorria apenas com a presença do professor.
  8. 8. As tecnologias móveis ajudam a assegurar que as aprendizagens, dentro e fora da sala de aula, apoiem-se mutuamente.
  9. 9. Aparelhos móveis podem, assim, ajudar a assegurar a continuidade da educação durante tempos de crise. O conserto da infraestrutura móvel, depois de um desastre ou de um conflito, é mais fácil e rápido do que o de qualquer outra infraestrutura, como estradas e escolas. Minimizar a interrupção educacional em áreas de conflito e desastre Aliviar as interrupções educacionais em áreas de pós-conflito e pós-desastre acelera a recuperação e ajuda a reconstruir sociedades frágeis.
  10. 10. Aparelhos móveis podem melhorar dramaticamente a aprendizagem de estudantes com deficiências físicas. Deficiência auditiva : Os estudantes utilizam aparelhos móveis e Serviço de Mensagens Curtas (SMS) para ter acesso ao currículo e interagir com os colegas. Deficiência visual: um telefone celular equipado com uma câmera em um instrumento que lê textos em voz alta. Benefícios particulares da aprendizagem móvel
  11. 11. Dislexo: textos podem ser reformatados em aparelhos digitais com pequenas telas, para melhorar a velocidade e a compreensão da leitura
  12. 12. Projetos existentes na Ásia, na África e na América do Norte usam telefones celulares para racionalizar e simplificar a comunicação entre professores que ensinam disciplinas similares, ou entre grupos de estudantes. Esses projetos contribuem para incutir nos estudantes um senso de profissionalismo e camaradagem. Mensagens enviadas por aparelhos móveis são mais rápidas, confiáveis, eficientes , baratas e facilitam a troca de informações além da maior probabilidade de alcance do público-alvo Melhorar a comunicação e a administração
  13. 13. Em muitos países, a comunicação entre escolas e órgãos gestores municipais, estaduais e nacionais é lenta e não confiável. Selta, a provincia argentina criou o Projeto Gema (Gestão para a Melhoria das Aprendizagens), com a cooperação do UNICEF visando melhorar os resultados da aprendizagem, desenvolvendo capacidades de gestão baseadas em evidências, nas escolas e nos níveis administrativos. Um dos seus componentes centrais é um sistema que investiga dados escolares por meio de uma série de mensagens automáticas SMS Estudo de caso Essa e outras iniciativas semelhantes melhoraram a tomada de decisões, ao disponibilizar aos gestores educacionais dados de melhor qualidade, nos momentos oportunos e com boa relação custo-eficiência.
  14. 14. As tecnologias móveis são um bom recurso se comparada aos livros didáticos, embora esse projeto seja caro em termos absolutos, ele deve ser comparado aos custos de compra, aquisição, distribuição e atualização dos mesmos. Se faz necessário comparar e contrastar a funcionalidade e as limitações de tablets em relação aos livros. Aparelhos móveis podem melhorar a relação custo-eficiência, ao oferecer ricos conjuntos de recursos a preços cada vez mais baixos. Iniciativas que transformam aparelhos móveis em ferramentas para a aprendizagem, e, ao mesmo tempo, asseguram equidade de oportunidades para estudantes e geralmente fornecem soluções a preços razoáveis para os desafios educacionais. Melhorar a relação custo-eficiência
  15. 15. Para concretizar os benefícios específicos da aprendizagem móvel, a UNESCO recomenda que os formuladores de políticas desenvolvam as ações descritas a seguir: Benefícios particulares da aprendizagem móvel
  16. 16. Examinar os potenciais e os desafios educacionais específicos oferecidos pelas tecnologias móveis e, quando apropriado, incorporá-los nas políticas amplas de TIC na educação. Evitar proibições plenas do uso de aparelhos móveis. Essas proibições são instrumentos grosseiros que geralmente obstruem as oportunidades educacionais e inibem a inovação do ensino e da aprendizagem, a não ser que sejam implementadas por motivos bem fundamentados. Criar ou atualizar as políticas referentes à aprendizagem móvel • Fornecer orientação sobre como novos investimentos em tecnologia podem funcionar em conjunto com os investimentos e as iniciativas educacionais existentes.
  17. 17. O investimento governamental na formação de professores é mais importante que o investimento na própria tecnologia. Sem essa formação os professores frequentemente utilizam a tecnologia para “fazer coisas velhas de formas novas”, ao invés de transformar e melhorar abordagens de ensino e aprendizagem. avançar a aprendizagem por meio de tecnologias móveis
  18. 18. Priorizar o desenvolvimento profissional dos professores. O sucesso da aprendizagem móvel depende da capacidade dos professores para aumentar as vantagens educacionais dos aparelhos móveis. Fornecer treinamentos técnico e pedagógico necessários aos professores, introduzindo soluções e oportunidades de aprendizagem móvel. Embora muitos professores saibam usar aparelhos móveis, muitos não o sabem, e, à medida que se tornam mais versáteis e complexos, os aparelhos tendem a se tornar ainda mais difíceis de usar. Para que isso aconteça recomenda-se:
  19. 19. Estimular os institutos de formação de professores a incorporar a aprendizagem móvel em seus programas e currículos. Fornecer oportunidades para que educadores compartilhem estratégias para a integração efetiva de tecnologias em instituições com recursos e necessidades semelhantes.

×