Mapa conceital montesquieu

2.493 visualizações

Publicada em

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.493
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
157
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mapa conceital montesquieu

  1. 1. O grande teórico dos três poderes
  2. 2.  Montesquieu foi um importante filósofo iluminista. Ele não se preocupou com a origem da política, mas procurou compreender como funcionam os governos. Em sua obra o Espírito das Leis, o barão teorizou acerca do poder do soberano e da importância do contexto histórico para a formação dos governos.
  3. 3. Governa para si Sua vontade é a lei O poder é centralizado Despotismo em uma pessoa Seu governo se fundamenta no medo Súditos o temem, obedecem por medo de severas punições
  4. 4.  Segundo Montesquieu a própria natureza do governo despótico é corrupta. Para ele o despotismo devora a si mesmo; o medo é a própria corrupção, alguém com capacidade de impor mais medo provavelmente destrói o déspota.
  5. 5. Obedece as leis das quais o país se originou O poder é Seu fundamento é a dado ao rei Monarquia honra Para manter-se no poder o rei deve ter uma atitude soberana, honrada e justa
  6. 6.  Montesquieu considera que a corrupção na monarquia ocorre quando o rei começa a legislar por si e ignora as leis (despotismo); quando a honra torna-se elogio sem fundamento, mera aparência; quando o rei glorifica apenas que o ajuda, não quem realmente protege o reinado.
  7. 7. Governo do povo É regida pela Se fundamenta na República democracia virtude Somente pessoas íntegras são aptas a governar
  8. 8.  De acordo com Montesquieu a democracia se corrompe quando não há respeito pelas autoridades; quando o governo compra o povo com elogios e dinheiro para que possam esconder seu egoísmo;quando o luxo é o ideal do povo; quando o povo não é educado para a política.
  9. 9.  Há, em cada Estado, três espécies de poderes: o poder legislativo, o poder executivo das coisas que dependem dos direitos das gentes e o executivo das coisas que dependem do direito civil […]. Chamaremos este último de direito de julgar e, o outro, simplesmente o poder executivo do Estado.  (Montesquieu, 1979, p.148-149)
  10. 10.  Tudo estaria perdido se o mesmo homem ou mesmo corpo dos principais, ou dos nobres, ou do povo exercesse esses três poderes: o de fazer as leis, o de executar as resoluções públicas e o de julgar crimes ou as divergências dos indivíduos.  (Montesquieu, 1979, p. 149)

×