Reservatórios de Petróelo

893 visualizações

Publicada em

Aula ministrada no curso técnico em petróleo e gás - disciplina de tecnologia do petróleo e gás

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
893
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reservatórios de Petróelo

  1. 1. Reservatórios de Petróleo
  2. 2. Introdução  Engenharia de reservatórios se preocupa basicamente com a retirada dos fluidos no interior das rochas, de modo que eles possam ser conduzidos até a superfície.
  3. 3. Introdução  A engenharia de reservatórios estuda: Caracterização das jazidas Propriedades das rochas Propriedades dos fluidos contidos nas rochas A maneira como os fluidos interagem entre si As leis físicas que regem o movimento dos fluidos no seu interior, com o objetivo de maximizar a produção de hidrocarbonetos com o menor custo possível.
  4. 4. Introdução
  5. 5. Tipos de Reservatórios  Reservatórios de óleo  Quando a temperatura do reservatório é menor que a temperatura crítica do fluido contido no mesmo.  Reservatórios de Gás  Jazida de petróleo que contém uma mistura de hidrocarbonetos que se encontra no estado gasoso, nas condições do reservatório. São classificados em reservatórios de gás úmido, reservatórios de gás seco e reservatórios de gás retrógrado (reservatório de gás condensado).
  6. 6. Fluidos produzidos
  7. 7. Fluidos produzidos  As vazões são sempre expressas nas condições de superfície, como por exemplo, metro cúbico por dia (m³/dia) ou barril por dia (bbl/dia).  As condições de superfície são também chamadas de "condições padrão" ou "condições standart".
  8. 8. Produção de óleo  Óleo é a parte dos hidrocarbonetos que permanece no estado líquido quando a mistura é levada a superfície.  Quando a vazão de óleo é expressa em 100 m³/dia, por exemplo, diz-se que da vazão total que está saindo do poço, 100 m³ permanece no estado líquido.
  9. 9. Produção de gás Provém de 3 fontes: Gás livre Gases dissolvidos na fase óleo, que quando estão nas condições de superfície, se vaporizam. Gases dissolvidos na água presente no reservatório. Normalmente essa parcela é desprezada nos cálculos de engenharia de reservatório.
  10. 10. Produção de água  A quantidade de água produzida depende das condições em que ela se apresenta no meio poroso.  Ainda, a água produzida pode ser proveniente de aquíferos.
  11. 11. Parâmetros de produção  RGO - Razão gás-óleo  É a relação entre a vazão de gás e a vazão de óleo, ambas medidas nas condições de superfície. Uma alta RGO indica que o reservatório está depletado, ou que a quantidade de componentes voláteis na mistura é muito alta.  RAO - Razão água-óleo  É a relação entre a vazão de água e a vazão de óleo, ambas medidas nas condições de superfície.  BSW - Basic Sediments and Water  É o quociente entre a vazão de água mais os sedimentos que estão sendo produzidos e a vazão total de líquidos e sedimentos.
  12. 12. Histórico de produção  Registro das pressões, vazões e das relações RGO, RAO e BSW feito ao longo da vída útil de um reservatório. Também fazem parte desse histórico os volumes das produções acumuladas de cada fluido.
  13. 13. Propriedades de uma rocha reservatório  Porosidade  Saturação  Molhabilidade  Pressão capilar  Permeabilidade  Permeabilidade realtiva

×