ESTRATÉGIA DE RECURSOS
                                                         HUMANOS




                              ...
Conteúdo 1: A concepção de estratégia: o
posicionamento estratégico do RH                       Aula 3

   Conteúdo 2: Apr...
ESTRATÉGIAS DE RH
                                        S
 Capital Humano                                           Evol...
QUIZ FTC
                   assistentes9.ead@gmail.com

                           Por que é importante
                  ...
Dicas para estimular um bom              Dicas para estimular um bom
        relacionamento interpessoal              rela...
RELACIONAMENTO HUMANO                            RELACIONAMENTO HUMANO
Indicadores de alta capacidade interpessoal
       ...
MULTIDIMENSÕES HUMANAS                     MULTIDIMENSÕES HUMANAS
                                              Multidimen...
MULTIDIMENSÕES HUMANAS                            COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL

                                            ...
COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL                     COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL
        Barreiras ou Ruídos da Comunicação      ...
COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL                          COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL
Barreiras de comunicação no âmbito organiza...
COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL                     COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA SUPERAR            M...
TEORIAS E ABORDAGENS HUMANÍSTICAS                 TEORIAS E ABORDAGENS HUMANÍSTICAS
TEORIA CLÁSSICA X TEORIA DAS RELAÇÕES ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9

9.962 visualizações

Publicada em

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.962
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
206
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9

  1. 1. ESTRATÉGIA DE RECURSOS HUMANOS Bloco Temático 1 PROFESSORES Aula 1 As pessoas e as organizações Tema 1 Relacionamento Interpessoal nas organizações Andréia Lopes Tatiana Vidal Robinson Fernandes Conteúdo 1: Seres Humanos e relações Aula 2 interpessoais Tema 2 Conteúdo 2: As dimensões humanas Conteúdo 3: A comunicação: instrumento essencial nas relações organizacionais Conteúdo 4: Teorias e abordagens Ambiente Organizacional humanísticas
  2. 2. Conteúdo 1: A concepção de estratégia: o posicionamento estratégico do RH Aula 3 Conteúdo 2: Aprendizagem organizacional: Bloco Temático 2 conceitos e abordagens Os profissionais e o mercado de trabalho Conteúdo 3: Sociologia do trabalho Tema 3 Conteúdo 4: Governança Corporativa e A formação profissional Universidade Corporativa Conteúdo 1: Gestão de mudanças Aula 4 Conteúdo 2: Competências e habilidades individuais e organizacionais Conteúdo 3: Capital Intelectual e Capital Espiritual Tema 4 O profissional e o Conteúdo 4: Gestão da diversidade mercado de trabalho Conteúdo 1: Coaching e Mentoring Conteúdo 2: Administração de Carreira Pessoas Organizações Conteúdo 3: Avaliação 360º: conceitos e aplicabilidade Relação de mútua dependência Conteúdo 4: Balanced Score Card e Gestão de Pessoas
  3. 3. ESTRATÉGIAS DE RH S Capital Humano Evolução da área de RH E Recurso Humano R Relações Industriais; E Administração de Pessoal; Funcionários S Administração de Recursos Humanos; Pessoal H Capital Intelectual Gestão de Pessoas. U Empregados M A Trabalhadores N Operários O S ESTRATÉGIAS DE RH ESTRATÉGIAS DE RH Gerenciar as Pessoas Estratégias de Gestão de Pessoas Motivação; Benefícios; X Remuneração; Qualidade de vida; Clima Organizacional; Crescimento Profissional. Gerenciar com as Pessoas RELACIONAMENTO HUMANO RELACIONAMENTO HUMANO Todos os problemas de uma organização, onde Relacionar-se com as pessoas seria a quer que ocorram, constituem fundamentalmente coisa mais tranqüila do mundo! problemas de relações humanas. ...se não fossem as pessoas. Mary Parker Follet Suely Cobucci
  4. 4. QUIZ FTC assistentes9.ead@gmail.com Por que é importante compreender como se estabelecem as relações interpessoais no ambiente de trabalho? RELACIONAMENTO HUMANO RELACIONAMENTO HUMANO Intrapessoal Relacionamento Intrapessoal Ocorre quando o ser humano se relaciona consigo mesmo. Relacionamento Interpessoal Ocorre quando o ser humano se relaciona com outros seres humanos. Interpessoal RELACIONAMENTO HUMANO RELACIONAMENTO HUMANO Relacionamento Intrapessoal As habilidades do relacionamento interpessoal O auto conhecimento e o conhecimento do outro são componentes essenciais na compreensão de como a pessoa atua no trabalho, dificultando ou facilitando as relações. Dentre as dificuldades mais observadas, destacam-se: falta de objetivos pessoais, dificuldade em priorizar, dificuldade em ouvir. O olhar atento O falar autêntico Saber ouvir Bom Sucesso,1997, p.38
  5. 5. Dicas para estimular um bom Dicas para estimular um bom relacionamento interpessoal relacionamento interpessoal Saber ouvir e transmitir a Facilitar o feedback; mensagem; Vivenciar crises e limitações pessoais; Desenvolver um espírito de Desenvolver uma gestão mais participativa; cooperação e trabalho em equipe; Realizar pesquisas periódicas de clima organizacional; Elogiar sempre que possível; Dicas para estimular um bom RELACIONAMENTO HUMANO relacionamento interpessoal Relações harmônicas Saber adotar atitude Pró ativa; Simbiose Capacidade para gerar sinergia; Saber relacionar-se com a diversidade. Relações desarmônicas Comensalismo Parasitismo RELACIONAMENTO HUMANO RELACIONAMENTO HUMANO Relações harmônicas Relações desarmônicas Simbiose: É a melhor das relações, Comensalismo: uma das partes é beneficiada, ambas as partes são beneficiadas. enquanto que para a outra isso é indiferente; Parasitismo: uma das partes é beneficiada e a outra é prejudicada.
  6. 6. RELACIONAMENTO HUMANO RELACIONAMENTO HUMANO Indicadores de alta capacidade interpessoal Indicadores de alta capacidade interpessoal Equipes emocionalmente saudáveis; Produtividade satisfatória; Ambiente com visão de Comunicação fluente; futuro e propenso ao sucesso; Ambiente solidário e de companheirismo; Elevada disposição e motivação das equipes. RELACIONAMENTO HUMANO RELACIONAMENTO HUMANO Indicadores de baixa capacidade interpessoal Indicadores de baixa capacidade interpessoal Redução na produtividade; Turnouver; Ambiente tenso e desmotivante; Frustração; Ambiente propenso a polêmica e depressão; Absenteísmo; Sobrecarga e confusão de papéis. Disputas e brigas; Aumento de atendimentos no serviço médico; Solidão, isolamentos e inconstância de humor; MATÉRIA DE HOJE: RELACIONAMENTO NO TRABALHO
  7. 7. MULTIDIMENSÕES HUMANAS MULTIDIMENSÕES HUMANAS Multidimensões humanas Mente Social Psicológica Crítica Biológica Espírito Corpo MULTIDIMENSÕES HUMANAS MULTIDIMENSÕES HUMANAS DIMENSÃO SOCIAL Consiste no processo de interação do ser humano com o ambiente que o rodeia enquanto ser DIMENSÃO CRÍTICA social. Consiste na interpretação da realidade a partir da intervenção crítica do ser humano diante dos acontecimentos do mundo. MULTIDIMENSÕES HUMANAS MULTIDIMENSÕES HUMANAS DIMENSÃO BIOLÓGICA Consiste na percepção do ser humano em relação à sua constituição biológica e todas as reações DIMENSÃO INTERATIVA decorrentes da vivência humana. Consiste no processo de interação contínua do ser humano enquanto importante elemento no processo de comunicação.
  8. 8. MULTIDIMENSÕES HUMANAS COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Saber ouvir é o fator mais importante Dimensão Biológica para o sucesso na comunicação e, ao mesmo tempo, um dos aspectos mais Dimensão Dimensão negligenciados no seu processo. De Indivíduo modo geral, as pessoas e empresas se Social Interativa ocupam mais em “falar”, em expressar Dimensão suas opiniões e ditar regras, do que ouvir Crítica e estabelecer uma dinâmica de diálogo [...] Organização Matos, 2006 COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Comunicação significa a troca de A Comunicação informações entre indivíduos tornando Organizacional é considerada comum uma mensagem. como um processo dinâmico Chiavenato, 2000 por meio do qual as organizações se relacionam com o meio ambiente e seus departamentos se conectam entre si. Goldhaber apud Kunsch, 1997 COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Elementos que integram o processo de comunicação Uma mensagem pode ser transmitida das Emissor seguintes formas: Código Receptor ou Verbal Destinatário Contexto a) Verbal oral Simbólica Mensagem Feedback b) Verbal escrita Não verbal Canal Ruído
  9. 9. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Barreiras ou Ruídos da Comunicação Classificação das Barreiras gerais São os problemas que interferem no processo de Mecânicas ou Físicas; transmissão da mensagem, prejudicando-a seu entendimento por Fisiológicas; completo. Semânticas; Psicológicas. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Barreiras de natureza Barreiras de natureza Fisiológicas Mecânicas ou Físicas Dizem respeito aos problemas genéticos ou de Aparelhos de transmissão mal formação dos órgãos vitais da fala. (antenas e rádios); Barulho excessivo; Ambientes tumultuados; Equipamentos inadequados. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Barreiras de natureza Psicológicas: Barreiras de natureza Semânticas São as que decorrem do uso inadequado de uma São os preconceitos e estereótipos que linguagem não comum ao receptor ou aos grupos. fazem com que a comunicação fique prejudicada.
  10. 10. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Barreiras de comunicação no âmbito organizacional Barreiras Pessoais Pessoais; As pessoas podem facilitar ou Excesso de informações; dificultar o processo de Administrativas/burocráticas; comunicação. Tudo irá depender da personalidade Comunicações incompletas e parciais. de cada um, do estado de espírito, das emoções e sentimentos, dos valores dentre outros elementos que compõem a natureza humana. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Excesso de informações Sobrecarga e a diversidade de informações; Barreiras Administrativas/burocráticas Propagação de papéis administrativos e Decorrem das diversas formas como as institucionais; organizações atuam e processam suas Excesso de reuniões desnecessárias e pouco informações. proveitosas; Pouca objetividade e ausência de prioridades. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Comunicações incompletas e parciais FATORES QUE CONTRIBUEM PARA SUPERAR AS BARREIRAS/RUÍDOS À COMUNICAÇÃO Correspondem às informações fragmentadas, sonegadas, distorcidas, Auto-estima; ambíguas ou sujeitas a dúvidas. Capacidade de escutar ativamente, o que implica em: a)Permitir a fala do outro sem interrupções; b)Colocar-se em empatia com o outro; c)Centrar-se no que é dito; d)Eliminar juízos imediatos; e)Gerir as emoções.
  11. 11. COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL FATORES QUE CONTRIBUEM PARA SUPERAR MECANISMOS UTILIZADOS PELAS EMPRESAS AS BARREIRAS/RUÍDOS À COMUNICAÇÃO PARA DISSEMINAR INFORMAÇÕES Capacidade de dar Feedback: is Periódicos informativos Mura a)Manter a informação de retorno; b)Manter a ligação/reforçar o comunicação. Intranet Usar um vocabulário adequado; Reun Pronunciar corretamente as palavras; iõ perió es dicas Gesticular de forma adequada. MATÉRIA DE HOJE: FOFOCA NO TRABALHO TEORIAS E ABORDAGENS HUMANÍSTICAS TEORIAS E ABORDAGENS HUMANÍSTICAS Experiência de Hawthorne Teoria das Relações Humanas Nível de produção resultante Escola das de integração social Relações Humanas Comportamento Elton Mayo social dos empregados Experiências de Ênfase nos aspectos Hawthorne emocionais Grupos informais
  12. 12. TEORIAS E ABORDAGENS HUMANÍSTICAS TEORIAS E ABORDAGENS HUMANÍSTICAS TEORIA CLÁSSICA X TEORIA DAS RELAÇÕES TEORIA CLÁSSICA X TEORIA DAS RELAÇÕES HUMANAS HUMANAS Organização como Organização como grupo Linhas claras de Autonomia do máquina de pessoas autoridade colaborador Ênfase nas tarefas Ênfase nas pessoas Acentuada divisão do Ênfase nas relações Autoridade centralizada Delegação de autoridade trabalho humanas Sistemas de engenharia Sistemas de psicologia Confiança nas regras e Confiança nas pessoas Especialização e nos regulamentos Confiança e abertura competência técnica CHIAVENATO, Idalberto. Administração de Pergunta para Recursos Humanos: fundamentos o Fórum Quais fatores básicos. 7ª ed. São Paulo: Manole, 2009. dificultam um bom MASCARENHAS, André Ofenhejm. Gestão relacionamento Estratégica de Pessoas: evolução, teoria e interpessoal no crítica. São Paulo: Cengage Learning, 2008. ambiente de MATOS, Gustavo Gomes de. A Cultura do trabalho? Diálogo: uma estratégia de comunicação nas empresas. Rio de Janeiro: Elsevier, 2006. “O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher.” Cora Coralina

×