SlideShare uma empresa Scribd logo
ADMINISTRAÇÃO  DE  PRODUÇÃO ALEX EDSON ARIELA LUIS FELIPE
LADRILHOS  HIDRÁULICOS
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],DADOS DE INFORMAÇÃO  DA NOSSA EMPRESA:
Etapa 1 - Atividade Orientada ,[object Object],[object Object]
Sobre a empresa ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Categoria do Sistema Produtivo ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Baixa concorrência Média concorrência Concorrentes Bom acesso as rodovias para escoamento da produção Acesso facilitado atendendo no prazo os pedidos de entrega. Clientes De boa demanda De ótima demanda Energia Pouca mão-de-obra  Em barata, em  abundância e altamente qualificada Mão-de-obra Dificuldade do atendimento e demora de entrega. Acesso rápido e simplificado aos principais fornecedores. Matéria prima Guaíba Pelotas Localização
Sobre o produto ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
A manutenção posterior requer apenas  água e sabão neutro  e, se preferir,  cera líquida  incolor a cada 15 dias. Manutenção Se precisar ser restaurado, a recuperação depende do estado da camada superficial, que contem as cores do desenho. Um  lixamento  remove a sujeira, enquanto a aplicação de  resina  reaviva os tons. Recuperação Um piso de ladrilhos hidráulicos  pode durar mais de cem anos , haja visto os casarões e as igrejas do século passado que até hoje preservam seus pisos e suas maravilhosas fachadas decoradas. Porém dependerá de que a instalação e manutenção sejam feitas de acordo com a orientação do fabricante. Durabilidade Sua principal característica é a  alta resistência  a zonas de trânsito intenso (TI), que avalia a característica anti-derrapante, o que o torna indicado para calçadas, passeios públicos, praças, garagens, estacionamentos, rampas para automóveis, ambientes internos, bordas de piscinas, etc., oferecendo segurança para as pessoas mesmo quando molhados. Confiabilidade É produzido em formato quadrado, de  20 x 20cm , com espessura variável de 18 a 20mm, variação característica de um produto artesanal. Aparência O desgaste das pisadas sobre a camada superficial do ladrilho funciona como um polimento natural, fechando os poros e  aumentando a resistência  das peças. Funcionalidade Ladrilhos Hidráulicos Características de Qualidade
Tipos
Modelos
Sobre o Processo Produtivo: ,[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
Ambientes ,[object Object]
 
 
 
OBRIGADO  PELA  ATENÇÃO!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tabela 5 - alvenaria estrutural
Tabela 5 - alvenaria estruturalTabela 5 - alvenaria estrutural
Tabela 5 - alvenaria estrutural
profNICODEMOS
 
01 cuidados preliminares
01 cuidados preliminares01 cuidados preliminares
01 cuidados preliminares
Arley Ferreira
 
Apresentação md
Apresentação mdApresentação md
Apresentação md
Thiago Ivo
 
IBRACON2008_0123
IBRACON2008_0123IBRACON2008_0123
IBRACON2008_0123
Carla Barroso, MSc, MBA
 
Apres. construção
Apres. construçãoApres. construção
Apres. construção
Monique Guerini
 
Palestra Drywall
Palestra DrywallPalestra Drywall
Palestra Drywall
Ludmila Souza
 
Marcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdf
Marcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdfMarcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdf
Marcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdf
diogenesfm
 
Compras e aquisições de materiais - aula 1
Compras e aquisições de materiais -  aula 1Compras e aquisições de materiais -  aula 1
Compras e aquisições de materiais - aula 1
Leandro Gustavo Fonseca Ferreira da Silva
 
PISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOS
PISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOSPISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOS
PISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOS
balestrini13
 
Presentation Rocher
 Presentation Rocher Presentation Rocher
Presentation Rocher
Daniella Prado
 
sistemas de vedação vertical
sistemas de vedação verticalsistemas de vedação vertical
sistemas de vedação vertical
Lucas Ferreira
 
LEA2.ppt
LEA2.pptLEA2.ppt
Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451
Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451
Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451
Flávio Radamarker, RDI
 
Trabalho de metodologia, original
Trabalho de metodologia, originalTrabalho de metodologia, original
Trabalho de metodologia, original
MOISES DE ARAUJO LOPES
 
Concreto celular
Concreto celularConcreto celular
Concreto celular
Ademir Gardacho
 
Cartilha revestimento
Cartilha revestimentoCartilha revestimento
Cartilha revestimento
ingenor
 
Compras e aquisições de materiais aula 2
Compras e aquisições de materiais   aula 2Compras e aquisições de materiais   aula 2
Compras e aquisições de materiais aula 2
Leandro Gustavo Fonseca Ferreira da Silva
 
Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009
Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009
Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009
SH Brasil
 
Portfólio de projetos rodrigo santos (1)
Portfólio de projetos rodrigo santos (1)Portfólio de projetos rodrigo santos (1)
Portfólio de projetos rodrigo santos (1)
Rodrigo Santos
 

Mais procurados (19)

Tabela 5 - alvenaria estrutural
Tabela 5 - alvenaria estruturalTabela 5 - alvenaria estrutural
Tabela 5 - alvenaria estrutural
 
01 cuidados preliminares
01 cuidados preliminares01 cuidados preliminares
01 cuidados preliminares
 
Apresentação md
Apresentação mdApresentação md
Apresentação md
 
IBRACON2008_0123
IBRACON2008_0123IBRACON2008_0123
IBRACON2008_0123
 
Apres. construção
Apres. construçãoApres. construção
Apres. construção
 
Palestra Drywall
Palestra DrywallPalestra Drywall
Palestra Drywall
 
Marcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdf
Marcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdfMarcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdf
Marcela, Rafael e Thais - Arquitetura residencial vertical.pdf
 
Compras e aquisições de materiais - aula 1
Compras e aquisições de materiais -  aula 1Compras e aquisições de materiais -  aula 1
Compras e aquisições de materiais - aula 1
 
PISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOS
PISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOSPISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOS
PISOS DE CONCRETO ARMADO, ADITIVOS E REVESTIMENTOS
 
Presentation Rocher
 Presentation Rocher Presentation Rocher
Presentation Rocher
 
sistemas de vedação vertical
sistemas de vedação verticalsistemas de vedação vertical
sistemas de vedação vertical
 
LEA2.ppt
LEA2.pptLEA2.ppt
LEA2.ppt
 
Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451
Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451
Visual sob seus pés. Artigo para Revista Dirigente Lojista da CNDL. Ed. 451
 
Trabalho de metodologia, original
Trabalho de metodologia, originalTrabalho de metodologia, original
Trabalho de metodologia, original
 
Concreto celular
Concreto celularConcreto celular
Concreto celular
 
Cartilha revestimento
Cartilha revestimentoCartilha revestimento
Cartilha revestimento
 
Compras e aquisições de materiais aula 2
Compras e aquisições de materiais   aula 2Compras e aquisições de materiais   aula 2
Compras e aquisições de materiais aula 2
 
Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009
Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009
Novas Tecnologias em Fôrmas e Escoramentos 2009
 
Portfólio de projetos rodrigo santos (1)
Portfólio de projetos rodrigo santos (1)Portfólio de projetos rodrigo santos (1)
Portfólio de projetos rodrigo santos (1)
 

Semelhante a Trabalho

Alvenaria - Curso de Engenharia civil
Alvenaria - Curso de Engenharia civilAlvenaria - Curso de Engenharia civil
Alvenaria - Curso de Engenharia civil
debvieir
 
Apresentação America do Sul - Piso Drenante MT
Apresentação America do Sul - Piso Drenante MTApresentação America do Sul - Piso Drenante MT
Apresentação America do Sul - Piso Drenante MT
Leandro Bosaipo
 
Precise Forms - Apresentação ao Brasil !
Precise Forms - Apresentação ao Brasil !Precise Forms - Apresentação ao Brasil !
Precise Forms - Apresentação ao Brasil !
RamonJCRibeiro
 
Cerâmica
CerâmicaCerâmica
Cerâmica
Bárbara Luiza
 
Cartilha solocimento
Cartilha solocimentoCartilha solocimento
Cartilha solocimento
Fabiano Nazario Santos
 
Papel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevados
Papel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevadosPapel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevados
Papel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevados
antoniocgnoatto
 
Pedra artificial ceramica
Pedra artificial ceramicaPedra artificial ceramica
Pedra artificial ceramica
Elizabeth Lambrecht
 
Trabalho construção civil II
Trabalho construção civil IITrabalho construção civil II
Trabalho construção civil II
nandioka
 
Sistema de paredes de concreto
Sistema de paredes de concretoSistema de paredes de concreto
Sistema de paredes de concreto
Maiza Coelho
 
Apresentação: Telhas Granville
Apresentação: Telhas GranvilleApresentação: Telhas Granville
Apresentação: Telhas Granville
guisfranca
 
Dosagem do concreto_g2
Dosagem do concreto_g2Dosagem do concreto_g2
Dosagem do concreto_g2
Bosco oliveira
 
Informaçõ..
Informaçõ..Informaçõ..
Informaçõ..
Informaçõ..Informaçõ..
Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)Informaçõ.. (1)
Folder cimenticios-2012
Folder cimenticios-2012Folder cimenticios-2012
Folder cimenticios-2012
Hilrocha
 
Cartilha produção tijolo solo cimento
Cartilha produção tijolo solo cimentoCartilha produção tijolo solo cimento
Cartilha produção tijolo solo cimento
clauciofaria
 
2 apostila reparador
2 apostila reparador2 apostila reparador
2 apostila reparador
Ricardo Akerman
 
Planejamento de marketing estratégico um "case" de alta complexidade
Planejamento de marketing estratégico   um "case" de alta complexidadePlanejamento de marketing estratégico   um "case" de alta complexidade
Planejamento de marketing estratégico um "case" de alta complexidade
Cesar Pallares
 
Novidades do setor de revestimentos para 2015
Novidades do setor de revestimentos para 2015Novidades do setor de revestimentos para 2015
Novidades do setor de revestimentos para 2015
Rosilene Lopes Sampaio
 

Semelhante a Trabalho (20)

Alvenaria - Curso de Engenharia civil
Alvenaria - Curso de Engenharia civilAlvenaria - Curso de Engenharia civil
Alvenaria - Curso de Engenharia civil
 
Apresentação America do Sul - Piso Drenante MT
Apresentação America do Sul - Piso Drenante MTApresentação America do Sul - Piso Drenante MT
Apresentação America do Sul - Piso Drenante MT
 
Precise Forms - Apresentação ao Brasil !
Precise Forms - Apresentação ao Brasil !Precise Forms - Apresentação ao Brasil !
Precise Forms - Apresentação ao Brasil !
 
Cerâmica
CerâmicaCerâmica
Cerâmica
 
Cartilha solocimento
Cartilha solocimentoCartilha solocimento
Cartilha solocimento
 
Papel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevados
Papel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevadosPapel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevados
Papel-de-parede, revestimentos granílicos e pisos elevados
 
Pedra artificial ceramica
Pedra artificial ceramicaPedra artificial ceramica
Pedra artificial ceramica
 
Trabalho construção civil II
Trabalho construção civil IITrabalho construção civil II
Trabalho construção civil II
 
Sistema de paredes de concreto
Sistema de paredes de concretoSistema de paredes de concreto
Sistema de paredes de concreto
 
Apresentação: Telhas Granville
Apresentação: Telhas GranvilleApresentação: Telhas Granville
Apresentação: Telhas Granville
 
Dosagem do concreto_g2
Dosagem do concreto_g2Dosagem do concreto_g2
Dosagem do concreto_g2
 
Informaçõ..
Informaçõ..Informaçõ..
Informaçõ..
 
Informaçõ..
Informaçõ..Informaçõ..
Informaçõ..
 
Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)
 
Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)Informaçõ.. (1)
Informaçõ.. (1)
 
Folder cimenticios-2012
Folder cimenticios-2012Folder cimenticios-2012
Folder cimenticios-2012
 
Cartilha produção tijolo solo cimento
Cartilha produção tijolo solo cimentoCartilha produção tijolo solo cimento
Cartilha produção tijolo solo cimento
 
2 apostila reparador
2 apostila reparador2 apostila reparador
2 apostila reparador
 
Planejamento de marketing estratégico um "case" de alta complexidade
Planejamento de marketing estratégico   um "case" de alta complexidadePlanejamento de marketing estratégico   um "case" de alta complexidade
Planejamento de marketing estratégico um "case" de alta complexidade
 
Novidades do setor de revestimentos para 2015
Novidades do setor de revestimentos para 2015Novidades do setor de revestimentos para 2015
Novidades do setor de revestimentos para 2015
 

Mais de Ariela

Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9
Ariela
 
Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9
Ariela
 
Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9
Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9
Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9
Ariela
 
Estratégias rh
Estratégias rhEstratégias rh
Estratégias rh
Ariela
 
Apresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxa
Apresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxaApresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxa
Apresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxa
Ariela
 
Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9
Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9
Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9
Ariela
 
Karl marx abordagens socioantropologicas nas organizações
Karl marx    abordagens socioantropologicas nas organizaçõesKarl marx    abordagens socioantropologicas nas organizações
Karl marx abordagens socioantropologicas nas organizações
Ariela
 
Tecnologia da informação e organização teoria da administração iii
Tecnologia da informação e organização   teoria da administração iiiTecnologia da informação e organização   teoria da administração iii
Tecnologia da informação e organização teoria da administração iii
Ariela
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
Ariela
 

Mais de Ariela (9)

Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_03_estratégias_de_rh_adm_c9
 
Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9
Slides da aula_02_estratégias_de_rh_adm_c9
 
Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9
Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9
Slides da aula_01_estratégias_de_rh_adm_circ.9
 
Estratégias rh
Estratégias rhEstratégias rh
Estratégias rh
 
Apresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxa
Apresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxaApresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxa
Apresenta%80%a0%a6%e7%e3o de taxa
 
Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9
Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9
Slides de aula_04__esratégias_de_rh_adm_c9
 
Karl marx abordagens socioantropologicas nas organizações
Karl marx    abordagens socioantropologicas nas organizaçõesKarl marx    abordagens socioantropologicas nas organizações
Karl marx abordagens socioantropologicas nas organizações
 
Tecnologia da informação e organização teoria da administração iii
Tecnologia da informação e organização   teoria da administração iiiTecnologia da informação e organização   teoria da administração iii
Tecnologia da informação e organização teoria da administração iii
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 

Trabalho

  • 1. ADMINISTRAÇÃO DE PRODUÇÃO ALEX EDSON ARIELA LUIS FELIPE
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10. Baixa concorrência Média concorrência Concorrentes Bom acesso as rodovias para escoamento da produção Acesso facilitado atendendo no prazo os pedidos de entrega. Clientes De boa demanda De ótima demanda Energia Pouca mão-de-obra Em barata, em abundância e altamente qualificada Mão-de-obra Dificuldade do atendimento e demora de entrega. Acesso rápido e simplificado aos principais fornecedores. Matéria prima Guaíba Pelotas Localização
  • 11.
  • 12.
  • 13. A manutenção posterior requer apenas água e sabão neutro e, se preferir, cera líquida incolor a cada 15 dias. Manutenção Se precisar ser restaurado, a recuperação depende do estado da camada superficial, que contem as cores do desenho. Um lixamento remove a sujeira, enquanto a aplicação de resina reaviva os tons. Recuperação Um piso de ladrilhos hidráulicos pode durar mais de cem anos , haja visto os casarões e as igrejas do século passado que até hoje preservam seus pisos e suas maravilhosas fachadas decoradas. Porém dependerá de que a instalação e manutenção sejam feitas de acordo com a orientação do fabricante. Durabilidade Sua principal característica é a alta resistência a zonas de trânsito intenso (TI), que avalia a característica anti-derrapante, o que o torna indicado para calçadas, passeios públicos, praças, garagens, estacionamentos, rampas para automóveis, ambientes internos, bordas de piscinas, etc., oferecendo segurança para as pessoas mesmo quando molhados. Confiabilidade É produzido em formato quadrado, de 20 x 20cm , com espessura variável de 18 a 20mm, variação característica de um produto artesanal. Aparência O desgaste das pisadas sobre a camada superficial do ladrilho funciona como um polimento natural, fechando os poros e aumentando a resistência das peças. Funcionalidade Ladrilhos Hidráulicos Características de Qualidade
  • 14. Tipos
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.  
  • 20.  
  • 21.  
  • 22. OBRIGADO PELA ATENÇÃO!