10 ferramentas para
usar no dia a dia do
seu negócio
Breve histórico
• O Movimento Empreenda é uma iniciativa da Editora Globo para encorajar
e incentivar empreendedores
• Est...
O que são as ferramentas?
• São conceitos clássicos e modernos de áreas como Administração,
Marketing, Estratégia, Gestão ...
Effectuation para não empreendedores
• Para quem? Pessoas que querem criar um negócio próprio, mas que
por algum receio ai...
Effectuation para não empreendedores
Mapa da empatia
• Para quem? Para todos que trabalham com o desenvolvimento de
novos produtos e serviços
• Serve para? Def...
Mapa da empatia
Análise SWOT
• Para quem? Para negócios de todos os tamanhos
• Serve para? Analisar pontos fortes e fracos, além das oport...
Análise SWOT
Matriz de portfólio de produtos (BCG)
• Para quem? Para negócios de todos os tamanhos
• Serve para? Analisar a carteira de...
Matriz de portfólio de produtos (BCG)
5W2H – Plano de ação para empreendedores
• Para quem? Ferramenta bem prática para todos que precisam colocar um
plano em a...
5W2H – Plano de ação para empreendedores
Definição de metas
• Para quem? Empresas pequenas
• Serve para? Estabelecer metas para o negócio
• É útil porque simplific...
Definição de metas
Planilha de projeção de vendas
• Para quem? Todos os empreendedores
• Serve para? Planejar e estimar suas vendas pelo perí...
Planilha de projeção de vendas
Fluxo de caixa básico
• Para quem? Para empreendedores que não têm muito conhecimento
de contabilidade
• Serve para? Estim...
Fluxo de caixa básico
Precificação baseada em valor
• Para quem? Negócios que oferecem produtos e serviços inovadores
ou diferenciados
• Serve p...
Precificação baseada em valor
Avaliação de sócios em 4D
• Para quem? Sócios de empresas que ainda têm relações informais, mas que querem
crescimento con...
Avaliação de sócios em 4D
Cuidado:
empreendedorismo vicia! :)
renataleal@gmail.com
movimentoempreenda@edglobo.com.br
www.movimentoempreenda.com.br
Palestra - Ferramentas do Movimento Empreenda para o dia a dia dos negócios - Virada Empreendedora - Por Renata Leal
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Palestra - Ferramentas do Movimento Empreenda para o dia a dia dos negócios - Virada Empreendedora - Por Renata Leal

189 visualizações

Publicada em

Palestra - Ferramentas do Movimento Empreenda para o dia a dia dos negócios - Virada Empreendedora - Por Renata Leal na Arena Sua Empresa Vai Virar

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
189
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Palestra - Ferramentas do Movimento Empreenda para o dia a dia dos negócios - Virada Empreendedora - Por Renata Leal

  1. 1. 10 ferramentas para usar no dia a dia do seu negócio
  2. 2. Breve histórico • O Movimento Empreenda é uma iniciativa da Editora Globo para encorajar e incentivar empreendedores • Está começando o quarto ciclo • Mais de 50 reportagens por ciclo publicadas em 11 revistas • Minidocumentários e 30 vídeos didáticos temáticos com empreendedores de sucesso • 12 eventos regionais em três anos: São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte, Curitiba e Florianópolis • Duas edições do projeto Encontre um Anjo – 1178 inscrições em 2014 • Prêmio Empreendedor de Sucesso – PEGN • Aplicativo para smartphones e tablets (iOS e Android) • 55 ferramentas!!
  3. 3. O que são as ferramentas? • São conceitos clássicos e modernos de áreas como Administração, Marketing, Estratégia, Gestão de Pessoas adaptados pelo professor Marcelo Nakagawa para micro, pequenas e médias empresas • Estão divididas em seis áreas: • Estratégia e gestão • Marketing e vendas • Finanças • Operações e tecnologia • Pessoas • Legal e tributário • São gratuitas!  • Estão sendo usadas em universidades, faculdades, cursos etc.
  4. 4. Effectuation para não empreendedores • Para quem? Pessoas que querem criar um negócio próprio, mas que por algum receio ainda não se tornaram empreendedores • Serve para? Orientar nas etapas de geração de ideias de negócios, implementação e crescimento inicial • É útil porque pode ser usado por qualquer pessoa, independentemente do seu conhecimento e de recursos • Foco em criar um negócio ou desenvolver um novo produto ou serviço • Ferramenta dividida em seis etapas. Depois de dominar todos os passos, os grandes empreendedores usam o Effectuation para pensar em novos mercados, novos produtos e inovações
  5. 5. Effectuation para não empreendedores
  6. 6. Mapa da empatia • Para quem? Para todos que trabalham com o desenvolvimento de novos produtos e serviços • Serve para? Definir o perfil de um cliente ou usuário, saber do que ele precisa, o que quer e o que espera de um produto • É útil porque é um mapa visual para orientar discussões sobre a criação de novos produtos a partir da perspectiva do cliente • É importante convidar pessoas que conheçam o potencial cliente, mas não o cliente em si • O mapa da empatia é feito tanto com as informações concretas de que o grupo dispõe (dados, estatísticas etc) quanto pelas percepções (sensações, impressões)
  7. 7. Mapa da empatia
  8. 8. Análise SWOT • Para quem? Para negócios de todos os tamanhos • Serve para? Analisar pontos fortes e fracos, além das oportunidades e as ameaças ao negócio. É um clássico! • É útil porque ajuda o empreendedor a analisar a empresa de uma forma simples e objetiva. Swot é essencial para manter o radar sempre ligado e deve ser feito com frequência • Pode ser usada também para uma análise de perfil • O mais difícil é saber o que é real e o que é uma opinião. É importante validar com pessoas que conhecem bem o empreendedor e o negócio • Oportunidade para conhecer bem os concorrentes, saber o que eles fazem bem e em que o seu negócio é melhor que o deles
  9. 9. Análise SWOT
  10. 10. Matriz de portfólio de produtos (BCG) • Para quem? Para negócios de todos os tamanhos • Serve para? Analisar a carteira de produtos e/ou serviços oferecidos, tanto para melhorar a oferta quanto para priorizar o que é mais rentável ou tem mais potencial • É útil porque permite acompanhar o desempenho de cada produto e decidir as atitudes a tomar em relação a cada um • No modelo original: crescimento x participação de mercado • BCG funciona como uma vacina para ter uma carteira saudável • O melhor é ter uma carteira de produtos diversificada, mas evitando os abacaxis
  11. 11. Matriz de portfólio de produtos (BCG)
  12. 12. 5W2H – Plano de ação para empreendedores • Para quem? Ferramenta bem prática para todos que precisam colocar um plano em ação • Serve para? Tomar decisões, implementar as decisões estratégicas e/ou validar as hipóteses que serão testadas • É útil porque permite que o empreendedor defina as medidas a tomar depois de executar outras ferramentas, como Análise SWOT e Matriz BCG • O que (What) deve ser feito? • Por que (Why) deve ser implementado? • Quem (Who) é o responsável pela ação? • Onde (Where) deve ser executado? • Quando (When) deve ser implementado? • Como (How) deve ser conduzido? • Quanto (How much) vai custar a implementação?
  13. 13. 5W2H – Plano de ação para empreendedores
  14. 14. Definição de metas • Para quem? Empresas pequenas • Serve para? Estabelecer metas para o negócio • É útil porque simplifica ferramentas complexas de metas • Conceitos de objetivo (anseios), indicador (métrica para medir o objetivo) e meta (valor a atingir) • É importante definir poucas metas, mas que sejam as mais relevantes • Teste SMART (Específica, mensurável, alcançável, relevante e com tempo definido) • Plano de ação • Metas exigem disciplina!
  15. 15. Definição de metas
  16. 16. Planilha de projeção de vendas • Para quem? Todos os empreendedores • Serve para? Planejar e estimar suas vendas pelo período de um ano • É útil porque permite estimar o impacto da sazonalidade no negócio e refletir sobre a curva de aprendizagem. Planilha pronta, prática. • Todo negócio tem uma curva de aprendizagem (é normal não começar com 100% da capacidade) • Empreendedores são otimistas por natureza. A planilha permite ser mais realista • Ao identificar a sazonalidade do negócio, especialmente para o varejo, o empreendedor consegue se planejar melhor
  17. 17. Planilha de projeção de vendas
  18. 18. Fluxo de caixa básico • Para quem? Para empreendedores que não têm muito conhecimento de contabilidade • Serve para? Estimar entradas e saídas a analisar o ponto de equilíbrio do fluxo líquido positivo • É útil porque permite estimar custos, despesas, impostos etc • Fique sempre de olho no seu caixa! • Se você não tem conhecimento sobre o assunto, recorra a um especialista • Ao fazer projeções no cenário atual, procure deixar o excesso de otimismo de lado e seja realista • Separe pessoa física e pessoa jurídica!
  19. 19. Fluxo de caixa básico
  20. 20. Precificação baseada em valor • Para quem? Negócios que oferecem produtos e serviços inovadores ou diferenciados • Serve para? Auxiliar a definir um preço ideal, considerando não só os custos de produção, mas também o valor percebido pelo consumidor • É útil porque o empreendedor consegue perceber formas de aumentar o valor agregado do seu produto ou serviço • Esta estratégia usa as cores das faixas do judô para aumentar o “nível de dificuldade” ao fixar o preço do produto • Determinar o custo > preço baseado em custo > preço baseado em concorrência > preço baseado em valor • 4Ps do Marketing: Produto, Preço, Praça, Promoção
  21. 21. Precificação baseada em valor
  22. 22. Avaliação de sócios em 4D • Para quem? Sócios de empresas que ainda têm relações informais, mas que querem crescimento contínuo, rápido e sustentável • Serve para? Avaliar o desempenho passado e as futuras contribuições de cada um • É útil porque ajuda a alinhar expectativas, percepções e o compromisso de cada sócio com o negócio • 4D: • 1) Aumentar entradas de caixa de curto prazo • 2) Reduzir saídas de caixa de curto prazo • 3) Aumentar a competitividade da empresa no médio prazo • 4) Melhorar o significado da sua existência no longo prazo • Ferramenta para usar a cada 6 meses ou 1 ano • 5 etapas: Autoavaliação, Avaliação dos outros sócios, Discussão dos resultados, Análise SWOT de cada sócio, Plano de ação de cada sócio • Quase uma DR entre sócios! Desafio: ter maturidade para pensar no que é melhor para o negócio • Fundamental: alguém que venda bem e alguém que entregue bem o que foi vendido!
  23. 23. Avaliação de sócios em 4D
  24. 24. Cuidado: empreendedorismo vicia! :) renataleal@gmail.com movimentoempreenda@edglobo.com.br www.movimentoempreenda.com.br

×