Entendendo a Composicao do Salario

1.894 visualizações

Publicada em

É necessário que o profissional do Departamento Pessoal conheça os elementos básicos da composição de salário, tento no que se refere ao recebimento, quanto aos descontos.

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.894
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
118
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Entendendo a Composicao do Salario

  1. 1. ENTENDENDO A COMPOSIÇÃO DO SALÁRIO
  2. 2. SALÁRIO É o conjunto de vantagens habitualmente atribuídas aos empregados, em contrapartida aos serviços prestados ao empregador, em quantia suficiente para satisfazer as necessidades próprios e da família.
  3. 3. CURIOSIDADE O termo vem do latim salarium argentum, “pagamento em sal” forma primária de pagamentos oferecidos aos soldados do Império Romano.
  4. 4. SALÁRIO NOMINAL X REAL Salário Nominal: É o salário medido em quantidade de moeda, no padrão monetário vigente. Salário Real: É o salário medido em termos de poder de compra do salário nominal em determinados períodos.
  5. 5. TIPOS DE SALÁRIO • • • • • • • • Salário Mínimo Salário Profissional Piso Salarial Salário in Natura Salário Fixo Salário Variável Salário Misto Pró-labore Salário Mínimo R$ 678,00
  6. 6. COMPOSIÇÃO DO SALÁRIO PROVENTOS Insalubridade Periculosidade Adicional Noturno Hora Extra Comissões etc. DESCONTOS INSS Faltas Adiantamento Vale-Transporte IRPF etc.
  7. 7. INSALUBRIDADE Adicional pago aos funcionários que exercem trabalho em condições que podem causar danos à saúde. • Risco Mínimo = 10% do salário mínimo • Risco Médio = 20% do salário mínimo • Risco Máximo = 40% do salário mínimo
  8. 8. PERICULOSIDADE Quando o trabalhador realiza trabalhos em condições de riscos acentuados, ou contato com inflamáveis ou explosivos, ele recebe um adicional de 30% sobre o seu salário efetivo.
  9. 9. ADICIONAL NOTURNO Quando o trabalhador exercer atividade em um determinado período noturno, as horas trabalhadas terão um acréscimo de no mínimo 20%. Das 22hs às 5hs para atividades civis, equivalendo a hora noturna a 52 minutos e 30 segundos da hora normal.
  10. 10. HORA EXTRA São aquelas horas trabalhadas além da jornada contratual de cada empregado. O valor da hora extra é de uma hora normal acrescido de, no mínimo, 50%.
  11. 11. INSS Salário de contribuição R$ Alíquota para fins de recolhimento ao INSS Até 1.247,70 8% de 1.247,71 até 2.079,50 9% de 2.079,51 até 4.159,00 11% Acima de 4.159,00 R$ 457,49 (Fixo)
  12. 12. FALTAS E ATRASOS Caso o empregado faltar ao trabalho e não justificar, ele receberá o seu salário de uma forma proporcional aos dias trabalhados. O salário é dividido pelos dias do mês e multiplicado pelos dias não trabalhados.
  13. 13. ADIANTAMENTO Também conhecido como “vale”. Corresponde a uma parte salarial do empregado que é pago antecipadamente no decorrer do mês. O valor deverá ser descontado no ato do recebimento. O adiantamento será de até 40% do salário.
  14. 14. VALE-TRANSPORTE É um direito do trabalhador desde que comprovadamente ele utilize veículos coletivos para deslocar-se de sua residência para o trabalho e vice-versa. É descontado em folha de pagamento, 6% de seu salário limitado ao valor do valetransporte.
  15. 15. ATÉ A PRÓXIMA AULA!!!

×